Página 1 dos resultados de 493 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Avaliação dos efeitos de dentifrícios contendo clorexidina sobre o desenvolvimento de placa dentária, gengivite, cálculo e manchamento extrínseco do esmalte dentário em pacientes sob tratamento ortodôntico

Bardal, Priscila Ariede Petinuci
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/04/2005 PT
Relevância na Pesquisa
67.12%
Foram analisados os efeitos de formulações de dentifrícios contendo clorexidina (adicionadas ou não de flúor) na redução de placa dentária, gengivite e sangramento gengival em pacientes sob tratamento ortodôntico. Analisou-se ainda a ocorrência de um efeito colateral da clorexidina - o manchamento extrínseco do esmalte dentário - e a prevalência de cálculo dentário. Um total de 83 pacientes (13 a 32 anos de idade) participaram desse estudo clínico randomizado. Os participantes utilizaram por 3 meses os respectivos dentifrícios de acordo com seu grupo: grupo A - Sorriso Fresh Red Mint®, 1100 ppm F (NaF) – Kolynos do Brasil Ltda; grupo B - dentifrício experimental com 1100 ppm F (NaF) e clorexidina 0,95% (digluconato de clorexidina) - FGM®, Joinville e grupo C - dentifrício experimental com clorexidina 0,95% (digluconato de clorexidina) - FGM®, Joinville. Foram realizados exames baseline, após 6 e 12 semanas para verificação dos índices de placa, gengival e sangramento. O manchamento extrínseco do esmalte e a presença de cálculo dentário também foram observados. Os dentifrícios com clorexidina (adicionados ou não de flúor) foram estatisticamente mais eficazes que o dentifrício controle no que se refere às reduções dos Índices Gengival e de Sangramento. O benefício máximo foi verificado nos grupos B e C...

Avaliação in vitro das alterações superficiais do esmalte dentário de dentes permanentes submetidos à ação de bebidas energéticas; In vitro evaluation of changes on enamel surface of permanent teeth submitted to energy drinks action

Matumoto, Marise Sano Suga
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 11/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
57.13%
O consumo crescente de refrigerantes e sucos de frutas e seu possível efeito danoso sobre as estruturas dentais têm despertado grande interesse na Odontologia contemporânea. Dentre os principais efeitos ocasionados pela ação freqüente destas bebidas carbonatadas sobre o esmalte dentário pode-se citar as erosões. O objetivo deste estudo foi verificar o potencial erosivo dos energéticos comercializados no mercado nacional quanto ao seu pH e capacidade tampão e analisar quantitativamente as alterações promovidas na superfície do esmalte dentário de dentes permanentes. Para avaliação do pH e capacidade tampão foram selecionadas 10 marcas comerciais. Foram testadas 2 amostras distintas de 30 ml de cada energético e as leituras feitas em duplicata, com auxílio de pHmetro, para obtenção de uma média. Na avaliação da capacidade tampão foram adicionadas alíquotas de 50 l de NaOH em 30 ml da solução até que fosse atingido o pH 7,0. Para avaliação das alterações superficiais do esmalte foram utilizados 40 prémolares superiores. Estabeleceu-se 3 grupos experimentais [Controle (água destilada), Red Bull® e Red Bull Light®] com 6 espécimes cada, que foram submetidos a 2 desafios diários por imersão por 5 minutos...

Deposição de chumbo no esmalte dentário bovino durante o processo de formação de cárie in vitro; Lead deposition in bovine enamel during a pH-cycling regimen simulating the caries process

Molina, Gabriela Ferian
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/04/2012 PT
Relevância na Pesquisa
57.22%
Assim como o flúor, o chumbo se acumula sobre a superfície do esmalte de dentes não irrompidos , o que ainda não se sabe, é se durante o processo de formação da cárie dentária, ele também pode se acumular sobre o esmalte dentário. Este estudo avalia a distribuição espacial do chumbo em blocos dentários bovino submetidos a um regime de ciclagem de pH simulando o processo de desenvolvimento da cárie dentária. Os blocos de esmalte dentário foram submetidos a oito ciclos de desmineralização e remineralização, sendo que, na solução correspondente ao grupo experimental 1 (E1), foram adicionados 30 μg/l de acetato de chumbo e na solução correspondente ao grupo experimental 2 (E2), foram adicionados 300 μg/l de acetato de chumbo, enquanto que, na solução correspondente ao grupo controle (C) o chumbo não foi adicionado. Após os ciclos de desmineralização e remineralização, foram confeccionadas, a partir dos blocos dentários, fatias de 100 μm de espessura. Essas fatias foram analisadas por microscopia de luz polarizada para observar a extensão da lesão cariosa formada e também foram levadas para análise através da microfluorescência de raio-x por luz Sincrotron. As lesões de cárie foram observadas ao longo de toda a superfície do esmalte apresentando uma extensão de aproximadamente 120 μm. Foi observado no esmalte...

Avaliação de formulações dentifrícias com concentração reduzida de fluoreto associada ao trimetafosfato de sódio na desmineralização in vitro do esmalte dentário

Missel, Emilene Macário Coimbra
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 73 f. : il. + 1 CD-ROM
POR
Relevância na Pesquisa
67.08%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Ciência Odontólogica - FOA; Apesar da adição de fluoreto (F) ao dentifrício ter promovido uma diminuição na incidência da cárie dentária, a sua ampla utilização foi acompanhada por um aumento na prevalência da fluorose dentária. A proposta deste trabalho foi avaliar a capacidade de formulações dentifrícias com concentração reduzida (250 μg/g) de F associada ao trimetafosfato de sódio (TMP) para inibir a desmineralização in vitro do esmalte dentário. Blocos de esmalte bovino foram selecionados e divididos em 8 grupos experimentais de 12 espécimes e submetidos durante 7 dias, a 5 ciclagens de pH. Os tratamentos foram realizados 2x/dia com suspensão de dentifrício com 0, 250, 500 e 1100 μg F/g; os dentifrícios com 250 μg F/g apresentaram concentrações de TMP entre 0 e 3,0%. Após as ciclagens determinou-se a dureza de superfície (SHf), perda integrada de dureza (ΔKHN) e conteúdo de F, cálcio (Ca) e fósforo (P) presente no esmalte. Os resultados foram submetidos à análise de variância seguido pelo teste de comparação múltipla de Bonferroni (p˂0,05). O perfil da área de desmineralização mostrou uma lesão de subsuperfície para todos os grupos...

Ação de géis fluoretados, suplementados ou não com hexametafosfato de sódio, no processo de erosão do esmalte dentário: estudo in situ

Conceição, Juliana Mendonça da
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 66 f. : il. + 1 CD_ROM
POR
Relevância na Pesquisa
67.05%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Ciência Odontólogica - FOA; Há evidência de que a suplementação de soluções de bochecho, dentifrícios e vernizes fluoretados com hexametafosfato de sódio (HMP) resulta em um menor desgaste do esmalte dental após um desafio erosivo. Uma vez que a associação entre flúor (F) e HMP ainda não foi testada em géis, o objetivo do presente estudo foi avaliar a ação de géis fluoretados, suplementados ou não com HMP, na erosão do esmalte dentário, associada ou não a abrasão in situ. Voluntários adultos jovens saudáveis (n=12) foram aleatoriamente divididos em 4 grupos, de acordo com os seguintes géis: Placebo (sem F ou HMP), NaF 1%, NaF 2% e NaF 1% + HMP 9%. Os voluntários fizeram uso de dispositivos palatinos contendo 4 discos de esmalte bovino, selecionados após polimento e análise de dureza de superfície. Os discos foram tratados uma única vez com os respectivos géis antes de cada período experimental, os quais tiveram duração de 5 dias, com intervalo de 7 dias entre cada período, seguindo um protocolo duplo-cego e cruzado. O desafio erosivo (ERO) foi realizado nos 4 discos de esmalte, por imersão ex vivo do dispositivo palatino em ácido cítrico pH 3...

Avaliação in vitro da microdureza superficial do esmalte bovino exposto a soluções ácidas, após receber ou não, clareamento com peróxido de hidrogênio a 35%

Zanet, Caio Gorgulho
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 120 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
57.1%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Odontologia Restauradora - ICT; Erosão é a perda superficial do esmalte dentário causada por processos químicos que não envolvem bactérias. Alguns fatores intrínsecos e extrínsecos como a presença de substâncias ácidas na cavidade bucal, promovem uma redução do pH do meio, aumentando a erosão ácida. Assim, o objetivo deste estudo foi avaliar a microdureza do esmalte de dentes bovinos clareados e não clareados com peróxido de hidrogênio a 35 %, após a ação de: refrigerante a base de cola, suco artificial em pó contendo citrato de sódio e ácido clorídrico. Os corpos de prova foram divididos em dois grupos, onde 45 amostras de um dos grupos receberam a ação do agente clareador uma vez por semana durante duas semanas. Após este período, as amostras de cada grupo inicial foi dividido em 3 grupos com 15 amostras cada, as quais foram imersas nas soluções ácidas diariamente por 5 minutos e permanecendo 23 horas e 55 minutos em saliva artificial. O experimento foi realizado por 21 dias e as leituras de microdureza de cada corpo de prova foi realizada semanalmente. Os dados obtidos segundo as variáveis: tempo, substância ácida e condição do substrato (esmalte clareado ou não) foram submetidos aos testes estatísticos: Anova e Tukey. Concluiuse que todas as soluções ácidas testadas interferiram com a microdureza do esmalte. Dentes clareados foram os mais susceptíveis aos efeitos erosivos das soluções ácidas. O ácido clorídrico causou o maior dano ao esmalte dentário e o tempo de exposição do esmalte às soluções ácidas influiu diretamente na quantidade de desmineralização.; Acid erosion is the loss of enamel surface caused by chemical processes that do not involve bacteria. Some intrinsic and extrinsic factors...

Efeito da amoxicilina e do fluoreto no desenvolvimento do esmalte dentário de ratos

Souza, Juliana Feltrin
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 109 f. : il. color. + anexo
POR
Relevância na Pesquisa
67.05%
Pós-graduação em Ciências Odontológicas - FOAR; Background: Amoxicillin use in early childhood has been associated with molarincisor hypomineralization. Moreover, it has been supposed an association between amoxicillin and fluoride on enamel defects. Aim. This study aimed to evaluate in vivo the effect of amoxicillin and amoxicillin associated with fluoride on the enamel development of rat tooth. Materials and Methods: The research was divided into three studies. Chapter 1 – Fifteen pregnant Holtzman rats (Rattus norvegicus albinus) were divided randomly into three groups to receive saline (SG), 100 mg/kg/day amoxicillin (A100G), or 500 mg/kg/day amoxicillin (A500G), intragastrically, from days 13 to 22 of pregnancy. Twelve offsprings per group got the same dose until day 12. After 7 and 12 days, the specimens were fixed and embedded in paraffin. In the HEstained sections, the thickness of enamel matrix of upper molar germs was evaluated. Moreover, detection of amelogenin on day 7 and matrix metalloproteinase 20 (MMP - 20) on day 12 by immunohistochemistry were carried out. Chapter 2 - Fifteen rats (Rattus norvegicus, Albinus,Holtzman) were randomly divided into three groups to receive saline (SG), 100 mg/kg/day amoxicillin (A100G)...

Birrefringencia da matriz organica do esmalte dentario

Alexandre Ribeiro do Espirito Santo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/02/2005 PT
Relevância na Pesquisa
67.12%
A formação do esmalte dentário é um processo biológico complexo, sendo dependente do estabelecimento de uma matriz orgânica bem estruturada. Evidências recentes indicam que os componentes desta matriz formam uma organização supramolecular, cuja significância biológica não é claramente entendida. Este fato é devido em parte a dificuldades em observações morfológicas diretas da matriz orgânica do esmalte estruturada. A detecção de propriedades anisotrópicas de estruturas biológicas tem sido extensivamente utilizada para o estudo de organizações supramoleculares em cortes histológicos comuns. O objetivo deste trabalho foi estudar a birrefringência da matriz orgânica do esmalte durante o desenvolvimento de dentes incisivos e molares de ratos. A amostra constituiu de dentes incisivos superiores e hemimandíbulas de ratos Wistar machos, pesando aproximadamente 300g. Foi realizada perfusão dos animais com paraformaldeído 2% e glutaraldeído 0,5% em solução tampão fosfato 0,2M, pH 7,2. Neste mesmo fixador, as amostras foram então imersas por 16h. A descalcificação foi procedida por imersão dos incisivos superiores e das hemimandíbulas em mistura de ácido nítrico 5% e formaldeído 10% durante 6h e 24h...

Avaliação in vitro do pH de um gel clareador de consultório sobre a superfície de esmalte dentário bovino em diferentes tempos após a ativação

Rampelotto, Guilherme Figueira
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 27 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
67.18%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências da Saúde. Odontologia.; O objetivo deste estudo in vitro foi avaliar a variação do pH de um gel clareador de consultório (Total Blanc Office H35) com alta concentração de peróxido de hidrogênio sobre a superfície de esmalte dentário bovino, em diferentes tempos após a ativação. O gel clareador foi dividido de acordo com seu tipo de aplicação em dois grupos: G1 (n=5): isolado (peróxido de hidrogênio + espessante), e G2 (n=5): sobre a superfície de esmalte. A mensuração do pH foi determinada utilizando-se o pHmetro digital PHS-3B, sendo realizada em um tubo tipo falcon contendo 4 ml do gel clareador (quantidade suficiente para cobrir todo o bulbo do eletrodo), nos tempos inicial (t = 0 min) e final (t = 45 min). Logo após a manipulação, a média obtida foi de: G1: 7,17 e G2: 7,29; e após 45 minutos: G1: 5,99 e G2: 6,02. Os dados foram submetidos ao teste paramétrico T (p<0,0001) apresentando diferenças estatisticamente significativas. Os valores de pH diminuíram ao longo do tempo em ambos os grupos. O contato com a superfície de esmalte não foi capaz de alterar o pH do agente clareador. O gel clareador Total Blanc Office H35 apresentou valores de pH ácidos após 45 minutos (pH ~6)...

Alterações do esmalte dentário em crianças nascidas prematuras e/ou baixo peso: revisão de literatura

Franceschi, Laís Bison
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Relevância na Pesquisa
66.89%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Curso de Odontologia.; O objetivo deste estudo de revisão foi verificar a associação e a prevalência dos defeitos de desenvolvimento do esmalte dentário (DDE) em crianças nascidas prematuras e/ou com baixo peso. Também procurou-se observar a relação entre DDE e a doença cárie dental. Diversos autores conduziram estudos sobre os DDE indicando sua alta prevalência, sendo que esta variou de 20% a 96%, e a prevalência mais baixa, foi encontrada em crianças de muito baixo peso. Os DDE trazem como conseqüência a constituição de um dente mais poroso e mais suscetível a retenção de placa bacteriana, o que associado a uma dieta cariogênica e má higiene bucal, pode colocar as crianças prematuras, com baixo peso ou prematuras de baixo peso em um grupo de risco para desenvolvimento da cárie dental. Entretanto, a associação entre DDE nestas crianças com a doença cárie dental ainda não foi completamente elucidada.

Análise química e morfológica do esmalte dentário humano tratado com laser argônio durante a colagem ortodôntica

Guimarães,Glaucio Serra; Morais,Liliane Siqueira de; Elias,Carlos Nelson; Pérez,Carlos André de Castro; Bolognese,Ana Maria
Fonte: Dental Press International Publicador: Dental Press International
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
67.27%
INTRODUÇÃO: as principais utilizações do laser argônio na Ortodontia são a redução do tempo de polimerização durante a colagem ortodôntica e o aumento da resistência à cárie do esmalte dentário. OBJETIVO: o objetivo deste trabalho foi avaliar as alterações químicas e morfológicas do esmalte dentário humano tratado com laser argônio nos parâmetros da colagem ortodôntica. MÉTODOS: quinze primeiros pré-molares hígidos, extraídos por indicação ortodôntica, foram selecionados e seccionados no sentido do longo eixo em dois segmentos iguais. Uma metade de cada elemento dentário foi tratada e a outra permaneceu sem tratamento. Um total de 30 amostras foi analisado, criando o grupo laser (n = 15) e o grupo controle (n = 15). O tratamento foi feito com laser argônio com 250mW de potência por 5 segundos, com densidade de energia de 8J/cm². RESULTADOS: a análise de difração de raios X demonstrou duas fases em ambos os grupos, as fases apatita e monetita. A redução da fase monetita foi significativa após o tratamento com laser, sugerindo maior cristalinidade. A análise de Espectroscopia de Energia Dispersiva (EDS) indicou aumento na razão cálcio-fósforo no grupo laser, compatível com a diminuição da fase monetita. A morfologia superficial do esmalte dentário apresentou-se mais lisa após o tratamento com laser argônio. CONCLUSÕES: o aumento de cristalinidade e a lisura superficial do esmalte no grupo laser são fatores sugestivos de aumento de resistência à cárie no esmalte dentário.

Caracterização e aplicação da quitosana nosprocessos de des-remineralização do esmalte dentário

Montenegro Stamford Arnaud, Thatiana; Borges Diniz, Flamarion (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
67.24%
A doença cárie, embora já controlada pelo uso do flúor, ainda acomete uma parcela significativa da população mundial, em especial nos países menos desenvolvidos, o que têm impulsionado pesquisas sobre novos métodos preventivos. Vários estudos têm demonstrado que a quitosana, por ser um polímero biocompatível, biodegradável e por apresentar ação antibacteriana, pode ser usada como substância anticariogênica. Contudo, a efetividade da quitosana na inibição da perda mineral ainda não foi determinada. Assim, o objetivo desta pesquisa in vitro foi caracterizar e avaliar o efeito da quitosana nos processos de des-remineralização do esmalte dentário. A quitosana foi caracterizada físico-quimicamente e a sua capacidade de infiltração ao esmalte dentário foi observada através de Tomografia por Coerência Óptica (OCT). De acordo com os resultados, a quitosana utilizada apresentou: grau de desacetilação em torno de 65% e índice de cristalinidade próximo a 32%. A OCT mostrou que a quitosana aderiu à superfície do esmalte e penetrou parcialmente ao redor dos prismas. 36 espécimes foram submetidos à ciclagem de pH durante 5 dias para investigar o efeito da concentração de quitosana (1,25; 2,5 e 5,0 mg/mL) e do tempo de exposição da mesma ao esmalte dentário (30...

Defeitos do desenvolvimento do esmalte dentário em crianças nascidas com baixo peso

Antonieta Carneiro Leão, Maria; Israel Cabral de Lira, Pedro (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
67.32%
O peso ao nascer é um indicador do estado de saúde ao nascimento e um dos fatores de maior importância para a sobrevivência e qualidade de vida da criança. O recém-nascido de baixo peso está em grande risco de sofrer múltiplos problemas. Dentre esses agravos, parece haver associação do estado nutricional na fase pré-natal e infância com a formação do esmalte dentário. Alterações no período da odontogênese, iniciada em vida-uterina e prolongada de meses a anos até a completa calcificação dos dentes, podem tornar o esmalte dentário vulnerável, provocar defeitos, comprometer a sensibilidade, a estética, a oclusão e predispor à cárie dentária. O objetivo desta dissertação foi realizar uma revisão bibliográfica como base teórica para a elaboração do artigo original, que objetivou determinar a frequência dos defeitos do esmalte nas crianças nascidas com baixo peso, comparando com as nascidas de peso adequado, verificar as associações dos defeitos do esmalte com as variáveis socioeconômicas, demográficas, características da mãe, da criança e da assistência à saúde, além de observar as frequências dos tipos de defeitos do esmalte em associação com o baixo peso ao nascer. Foi elaborada uma busca direta nas bases de dados Lilacs...

Efetividade do clareamento dentário com peróxido de carbamida a 10% e avaliação dos efeitos adversos sobre o esmalte dentário

Medeiros, Maria Cristina dos Santos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
67.29%
The aim of the present study was to assess the effectiveness and adverse effects on dental enamel caused by nightguard vital bleaching with 10% carbamide peroxide. This was accomplished through the interaction of researchers from different areas such as dentistry, materials engineering and physics. Fifty volunteers took part in the doubleblind randomized controlled clinical trial. They were allocated to an experimental group that used Opalescence PF 10% (OPA) and a control group that used a placebo gel (PLA). Fragments of human dental enamel from the vestibular surface of healthy premolars, extracted for orthodontic reasons, were fixed to the vestibular surface of the first upper molars of the volunteers for in situ observation. Bleaching was performed at night for 21 days. The observation periods included Baseline (BL), T0 (21 days), T30 (30 days after treatment) and T180 (180 days after treatment, only for the OPA group). Tooth color was assessed by comparing it with the Vita® scale and by the degree of satisfaction expressed by the volunteer. We also assessed adverse clinical effects, dental sensitivity and gingival bleeding. The study of adverse effects on enamel was conducted in vivo and in situ, using the DIAGNOdent® laser fluorescence device to detect mineral loss. Scanning electron microscopy (SEM) was used to check for superficial morphological alterations...

Estudo in vitro da microabrasão de resinas compostas, amálgama, esmalte dentário humano e bovino

Nascimento, Fernando
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.97%
O objetivo deste estudo foi avaliar a resistência a microabrasão de resinas compostas, amálgama, esmalte dentário humano e bovino. Foi utilizado um microabrasômetro (Calowear Tester) cuja principal característica é avaliar o desgaste superficial dos materiais. Sendo o desgaste abrasivo um processo de riscamento múltiplo, a resistência ao desgaste pode estar intimamente relacionada à resistência ao risco. Assim, de posse das resistências a microabrasão foi possível compara-las as resistências ao desgaste dos minerais padrões da escala de dureza Mohs. Foram utilizadas sete resinas compostas universais (Charisma, Esthet X, Filtek Supreme, Filtek Z250, Herculite XRV, Tetric Ceram e Z100), duas resinas universais compactáveis (Filtek P60 e Surefil) e duas resinas laboratoriais (ArtGlass e Cristobal); um amálgama com alto teor de cobre (GS80); dez terceiros molares humanos e dez incisivos bovinos. Após o preparo das amostras, elas foram submetidas ao teste de microabrasão com aplicação de carga de 0,16 N tendo dispersão aquosa de alumina como abrasivo durante 1 minuto. Este processo gerou impressões que foram medidas utilizando-se um analisador de imagem acoplado a um banco metalográfico. De posse destas medidas foi aplicada a Análise de Variância para p< 0...

Efetividade do flúor e da escovação e eficácia dos materiais de colagem ionômero de vidro e resina composta na reversão das microporosidades criadas pelo condicionamento ácido no esmalte dentário

Praxedes Neto, Otávio José
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
67.15%
The objectives of this clinical study was to evaluate the use of the toothpaste with fluoride and without fluoride and the daily tooth brushing are effective in the reversion of the dental enamel conditioned by acid. Another objective of this clinical study was to evaluate if the positioning of orthodontic accessories with glass ionomer cement helps in the reversion of the dental enamel conditioned by acid, when compared to composed resin. One hundred and twenty teeth were selected with indication of extraction by orthodontic reasons. The 30 volunteers were divided, randomly, in two groups. A group used toothpaste without fluoride and the other with it. The teeth of the sample were shuffled, in each volunteer. The teeth were conditioned by the 37% orthophosphoric acid. One of the conditioned teeth stayed in the mouth and suffered action of the abrasion for the tooth brushing, in another teeth a stainless steel mesh protection was positioned with glass ionomer cement, in another tooth the screen was glued with composed resin, in a fourth tooth (the control) was only conditioned after the extractions, 60 days later. All the teeth were appraised through DIAGNOdent, MEVA and EDS. In the obtained data it was possible to observe that there were not statistic significant differences in any comparison...

Association of dental enamel lead levels with risk factors for environmental exposure; Associação de níveis de chumbo no esmalte dentário com fatores de risco para exposição ambiental; Asociación de niveles de plomo en el esmalte dental con factores de riesgo a la exposición ambiental

OLYMPIO, Kelly Polido Kaneshiro; NAOZUKA, Juliana; OLIVEIRA, Pedro Vitoriano; CARDOSO, Maria Regina Alves; BECHARA, Etelvino José Henriques; GÜNTHER, Wanda Maria Risso
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
67.37%
OBJECTIVE: To analyze household risk factors associated with high lead levels in surface dental enamel. METHODS: A cross-sectional study was conducted with 160 Brazilian adolescents aged 14-18 years living in poor neighborhoods in the city of Bauru, southeastern Brazil, from August to December 2008. Body lead concentrations were assessed in surface dental enamel acid-etch microbiopsies. Dental enamel lead levels were measured by graphite furnace atomic absorption spectrometry and phosphorus levels were measured by inductively coupled plasma optical emission spectrometry. The parents answered a questionnaire about their children's potential early (05 years old) exposure to well-known lead sources. Logistic regression was used to identify associations between dental enamel lead levels and each environmental risk factor studied. Social and familial covariables were included in the models. RESULTS: The results suggest that the adolescents studied were exposed to lead sources during their first years of life. Risk factors associated with high dental enamel lead levels were living in or close to a contaminated area (OR = 4.49; 95% CI: 1.69;11.97); and member of the household worked in the manufacturing of paints, paint pigments, ceramics or batteries (OR = 3.43; 95% CI: 1.31;9.00). Home-based use of lead-glazed ceramics...

Análise da incorporação de flúor no esmalte dentário 'in vivo' após o uso de dentifrícios com concentrações reduzidas de flúor e sua relação com a biodisponibilidade de flúor nestes dentifrícios em comparação com outros comercialmente disponíveis; Analysis of the fluoride uptake in dental enamel “in vivo” after the use of low fluoride concentrations dentifrices and its relation to bioavailability of fluoride in these dentifrices compared to others available commercially

Olympio, Kelly Polido Kaneshiro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/01/2005 PT
Relevância na Pesquisa
66.97%
Os objetivos deste estudo foram: avaliar a [F] incorporado ao esmalte dentário clinicamente hígido, após a utilização de dentifrícios com concentrações reduzidas de F; analisar a cinética do F dos dentifrícios fluoretados na saliva total e avaliar a biodisponibilidade do F destes dentifrícios com relação ao pH e sistema abrasivo. No 1º estudo, cruzado e duplo-cego, foram testados os seguintes dentifrícios: formulações experimentais de 1100, 550, 275 ppm F, NaF (pH 5,5), Crest® (1100 ppm F, NaF, pH 6,5 - controle positivo), Colgate Baby® (500 ppm F, NaF, pH 6,9) e um dentifrício sem F, pH 5,5 (controle negativo). Dezesseis voluntários (18 - 35 anos) escovaram seus dentes 3 vezes ao dia com os dentifrícios testados, durante 2 semanas com cada concentração. As etapas diferiram de acordo com o dentifrício utilizado e foram separadas por um intervalo de 1 semana. Biópsias foram realizadas, aplicando-se 5 µL de HCl 0,5 M, sobre a área delimitada na superfície do incisivo (5 s), seguida da neutralização da área por aplicação de 5 µL de NaOH 0,25 M, por 2 vezes. O 2º experimento constituiu-se de um estudo duplo-cego realizado em cinco etapas, nas quais 10 voluntários (18 - 35 anos) escovaram com os dentifrícios fluoretados descritos anteriormente. As cinco etapas foram separadas por intervalos de uma semana...

Incorporação de flúor ao esmalte dentário após o uso de dentifrício fluoretado, precedido ou não por bochecho com solução de CaCl2; Fluoride uptake in dental enamel after using fluoridated dentifrice, preceded or not by a CaCl2 solution rinse

Úbeda, Liliane Torsani; Cardoso, Vanessa Eid da Silva; Buzalaf, Marília Afonso Rabelo
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2005 ENG
Relevância na Pesquisa
67.13%
INTRODUÇÃO: O uso de uma solução de cálcio previamente à escovação com dentifrício fluoretado, poderia favorecer a remineralização e a incorporação de flúor ao esmalte dentário. OBJETIVOS: Este estudo avaliou a concentração de flúor no esmalte dentário após o uso de dentifrício fluoretado, precedido ou não por bochecho com solução de CaCl2. MÉTODOS: Dez voluntários (18-30 anos) participaram deste estudo duplo cego e cruzado. Biópsias de esmalte e coletas de saliva de 3 min foram feitas no baseline e após a escovação com dentifrício (1,5g Crest®, 1000 ppm F, NaF), precedida por bochecho com 10mL de CaCl2 20mM, acetato 50mM, pH 7,2 ou água deionizada, durante 1 min, seguido de bochecho com 15mL de água deionizada por 5s. As biópsias foram feitas antes do bochecho e após 8-15 e 120 min. Amostras de saliva foram coletadas antes do bochecho e após 4, 15, 30, 60 e 120 min. A concentração de flúor nas biópsias de esmalte foi analisada com eletrodo para flúor (Orion 9409) e um microeletrodo calomelano de referência, enquanto a concentração de fósforo foi analisada por espectrometria. As amostras de saliva foram analisadas para flúor com o eletrodo (Orion 9609) pelo método direto. Os dados foram analisados por ANOVA e teste de Tukey (p; INTRODUCTION: The use of a calcium solution previously to brushing could favor the remineralization and the fluoride (F) uptake in dental enamel. OBJECTIVE: This study evaluated the F in dental enamel after using a F dentifrice...

Associação de níveis de chumbo no esmalte dentário com fatores de risco para exposição ambiental; Asociación de niveles de plomo en el esmalte dental con factores de riesgo a la exposición ambiental; Association of dental enamel lead levels with risk factors for environmental exposure

Olympio, Kelly Polido Kaneshiro; Naozuka, Juliana; Oliveira, Pedro Vitoriano; Cardoso, Maria Regina Alves; Bechara, Etelvino José Henriques; Günther, Wanda Maria Risso
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2010 ENG
Relevância na Pesquisa
67.37%
OBJETIVO: Analisar fatores de risco no ambiente domiciliar associados com altos níveis de chumbo no esmalte dentário superficial. MÉTODOS: Estudo transversal conduzido com 160 adolescentes brasileiros (14 a 18 anos), residentes em bairros pobres do município de Bauru, SP, de agosto a dezembro de 2008. A concentração de chumbo no esmalte dentário foi avaliada por microbiópsias ácidas do esmalte dentário superficial, quantificada por espectrometria de absorção atômica com forno de grafite e a concentração de fósforo foi medida por espectrometria de absorção óptica com plasma indutivamente acoplado. Os pais dos adolescentes responderam a questionário sobre possível exposição prévia (cinco primeiros anos de vida do adolescente) a chumbo decorrente de fontes de contaminação bem conhecidas. Usou-se regressão logística para identificar associações entre concentração de chumbo no esmalte e fatores de risco ambientais. Covariáveis familiares e sociais foram incluídas nos modelos. RESULTADOS: Os resultados sugerem que os jovens avaliados foram expostos a fontes de chumbo durante seus primeiros anos de vida. Os fatores de risco associados com o desfecho foram residir em área contaminada por chumbo ou nas suas proximidades (OR = 4...