Página 1 dos resultados de 731 itens digitais encontrados em 0.091 segundos

Bipolar affective disorder: medication adherence and satisfaction with treatment and guidance by the health team in a mental health service; El trastorno afectivo bipolar: adhesión al medicamento y satisfacción con el tratamiento y orientaciones del equipo de salud de un núcleo de salud mental; Transtorno afetivo bipolar: adesão ao medicamento e satisfação com o tratamento e orientações da equipe de saúde de um núcleo de saúde mental

MIASSO, Adriana Inocenti; MONTESCHI, Maristela; GIACCHERO, Kelly Graziani
Fonte: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo Publicador: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
115.9%
Bipolar Affective Disorder (BAD) is a chronic disease and requires medication treatment. This study verified the adherence of people with BAD to medication and compared, among adherent and non-adherent patients, satisfaction with the health team and treatment. Twenty-one patients with BAD receiving care in a mental health unit participated in the study. The Morisky-Green test and another instrument elaborated by the researchers were used for interviews. Data were analyzed with qualitative and quantitative approaches. Results showed that the majority of patients did not adhere to the medication treatment due to "non-intentional behavior" (negligence or forgetfulness). The majority reports satisfaction with information received regarding the medication and its effectiveness, though there were reports of collateral effects, doubts and lack of motivation to keep up the treatment. This research shows the need for strategies directed at promoting adherence to medication therapy in patients with BAD.; El trastorno afectivo bipolar (TAB) es crónico y requiere tratamiento medicamentoso para su control. Este estudio verificó la adhesión de personas con TAB a la medicación y comparó, entre adherentes y no adherentes, la satisfación en cuanto al equipo de salud y al tratamiento. Participaron del estudio 21 pacientes con TAB atendidos en un Núcleo de Salud Mental. Fue realizada una entrevista con aplicación de la prueba de Morisky-Gren y de un instrumento elaborado por las investigadoras. Los datos fueron analizados con un abordaje cualitativo y cuantitativo. Los resultados mostraron que la mayor parte de los pacientes no adhiere al tratamiento medicamentoso por "comportamiento no intencional". La mayoría de ellos afirma tener satisfación con la efectividad del medicamento y con las informaciones recibidas sobre este...

Os desafios da integralidade em um Centro de Atenção Psicossocial e a produção de projetos terapêuticos; The challenges of comprehensive care in a Psychosocial Care Center and the development of therapeutic projects; Los desafíos de la integralidad en Centro de Atención Psicosocial y la producción de proyectos terapéuticos

MORORÓ, Martha Emanuela Martins Lutti; COLVERO, Luciana de Almeida; MACHADO, Ana Lúcia
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
115.83%
Este estudo tem por objeto a produção dos projetos terapêuticos realizados pela equipe de um Centro de Atenção Psicossocial - CAPS III. Considera o processo de criação e expansão do Sistema Único de Saúde - SUS e da Reforma Psiquiátrica do país. Nesse contexto, os trabalhadores têm o desafio de produzir um cuidado a partir de um projeto terapêutico individual que considere as necessidades das pessoas e seu contexto de vida real. O objetivo do estudo foi analisar e descrever as potencialidades e dificuldades da equipe na construção dos projetos terapêuticos tendo como base o método cartográfico e a técnica do grupo focal, do qual participaram trabalhadores de um CAPS III do município de Diadema - SP. Na análise realizada a partir dos dados provenientes das discussões nos grupos focais, identificamos, sobretudo, a cisão entre a equipe noturna e a diurna e a falta de espaços sistemáticos de conversa para elaboração e discussão dos projetos terapêuticos.; The object of this study is the development of therapeutic projects by the team working in a Psychosocial Care Center (CAPS III). It takes into consideration the creation and expansion process of the Brazilian public health system (SUS) and Psychiatric Reform. In this context...

Articulação das ações e interação dos Agentes Comunitários de Saúde na equipe de Saúde da Família; Cooperative interventions and the Interaction of Community Health agents within the family health team; Articulación de acciones e interacción de los Agentes Comunitarios de Salud en el equipo de Salud de la Familia

Sakata, Karen Namie; Mishima, Silvana Martins
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
115.92%
O estudo de abordagem qualitativa teve como objetivo compreender as relações sociais entre o Agente Comunitário de Saúde (ACS) e a equipe de Saúde da Família (SF), nesse sentido, destaca-se a articulação das ações e a interação entre trabalhadores. Foram realizadas 23 observações participantes e 11 entrevistas semiestruturadas com uma equipe de SF em um município do interior de São Paulo, Brasil. Identificou-se que o ACS, como elo, desenvolve ações operacionais para agilizar o trabalho da equipe. Como laços de ligação, desempenham ações articuladas ao trabalho da equipe, interagindo com os trabalhadores, construindo planos assistenciais em comum, aproximando equipe e comunidade, adequando ações de cuidado às necessidades das pessoas. Na prática comunicativa, ao falarem de si, falam da própria comunidade, pois é seu representante e porta-voz na equipe. Concluiu-se que o Agente Comunitário de Saúde pode ser um trabalhador estratégico se suas ações compreenderem uma dimensão mais política e social do trabalho em saúde.

Trabalho em equipe de enfermagem: interação, conflito e ação interprofissional em hospital especializado; Teamwork in the nursing area: interaction, conflict and interprofessional practice in a specialized hospital

Souza, Geisa Colebrusco de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
116.01%
O trabalho em equipe de saúde e enfermagem tem sido apontado como um importante aspecto da organização dos serviços para alcançar a produção do cuidado integral. Assim, o estudo tem como objetivo identificar e analisar as concepções dos profissionais de enfermagem sobre o trabalho em equipe de enfermagem bem como as concepções sobre a prática do cuidado integral e da integralidade à saúde. A pesquisa, de abordagem qualitativa, foi realizada num hospital especializado em oncologia em duas unidades, ambulatório de especialidades e clínica cirúrgica. Foram entrevistadas 21 profissionais, enfermeiras e técnicas de enfermagem e no tratamento do material empírico, utilizou-se a técnica de análise de conteúdo. Os resultados mostram que a concepção de trabalho em equipe de enfermagem é majoritariamente, ação interprofissional e que as entrevistadas elegem como elementos necessários para o trabalho em equipe a comunicação, confiança, vínculo, respeito mútuo, reconhecimento do trabalho do outro e colaboração. Identifica-se a presença de conflitos na equipe de enfermagem que ocorrem predominantemente entre enfermeiras e técnicas de enfermagem e obstaculizam o trabalho em equipe. Os conflitos em sua maioria são decorrentes da ausência de reconhecimento das contribuições das técnicas de enfermagem por parte das enfermeiras e da ausência de colaboração e compartilhamento do plano de cuidados entre as distintas categorias. Quanto às concepções sobre o cuidado integral de enfermagem as entrevistadas o referem como alternativo ao modelo de organização funcional...

A prática de cuidar do ser enfermeiro sob o olhar da equipe de saúde

Castanha,Maria de Loudes; Zagonel,Ivete Palmira Sanson
Fonte: Associação Brasileira de Enfermagem Publicador: Associação Brasileira de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2005 PT
Relevância na Pesquisa
115.8%
Estudo que objetiva compreender a percepção da equipe de saúde sobre a (in)visibilidade da prática de cuidar do ser enfermeiro em unidades críticas pediátricas, à luz da Teoria Humanista de Paterson e Zderad. Trata-se de pesquisa qualitativa, fenomenológica, que utiliza a entrevista semi-estruturada para coleta dos depoimentos e se desenvolveu nas unidades críticas pediátricas de um hospital de Curitiba. Os sujeitos foram enfermeiros, médicos, psicólogos, fisioterapeutas, técnicos e auxiliares de enfermagem e auxiliares de higienização. Da análise, que seguiu os passos propostos por Giorgi, emergiram seis categorias, sendo três relacionadas ao enfermeiro e três à equipe multiprofissional. Com base nos relatos, delineia um modelo conceitual sobre a percepção da (in)visibilidade da prática de cuidar e aponta caminhos para a visibilidade do ser enfermeiro.

Saúde mental na atenção básica: prática da equipe de saúde da família

Correia,Valmir Rycheta; Barros,Sônia; Colvero,Luciana de Almeida
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
115.78%
A inclusão das ações de saúde mental no contexto do Sistema Único de Saúde (SUS) contribuiu para a consolidação da Reforma Psiquiátrica Brasileira bem como demanda a reorientação da prática das equipes de saúde da família junto aos usuários com necessidades do campo da saúde mental. Este estudo tem por objetivo identificar e analisar na produção científica as ações realizadas pelos profissionais da equipe de saúde da família na atenção à saúde mental. Mediante análise sistemática emergiram os seguintes temas: visita domiciliar ao doente mental e seus familiares; vínculo e acolhimento; encaminhamento; oficinas terapêuticas. Concluiu-se que as ações de saúde mental desenvolvidas na atenção básica não apresentam uniformidade em sua execução e ficam na dependência do profissional ou da decisão política do gestor indicando que os profissionais devem apropriar-se de novas práticas para desenvolverem uma assitência integral e, portanto, há necessidade de investimentos para qualificação dos profissionais.

A rede de relações e interações da equipe de saúde na atenção básica e implicações para a enfermagem

Lanzoni,Gabriela Marcellino de Melo; Meirelles,Betina Hörner Schlindwein
Fonte: Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo Publicador: Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2012 PT
Relevância na Pesquisa
115.93%
OBJETIVO: Caracterizar as redes de relações e interações na equipe de saúde na Atenção Básica e suas implicações para a enfermagem. MÉTODO: Revisão Integrativa da Literatura para a identificação de produções sobre redes de relações e interações entre os membros da equipe de saúde na Atenção Básica e suas implicações para a enfermagem, publicadas no período entre janeiro de 2001 e julho de 2008. A busca ocorreu nas bases da Biblioteca Virtual em Saúde e SCOPUS, contemplando um universo de 2.276 publicações, das quais foram selecionados 14 estudos completos, para análise aprofundada. RESULTADOS: A literatura evidenciou que a rede de relações e interações da equipe de saúde necessita de ações interdisciplinares e inter-setoriais para agregar ao serviço de saúde o cotidiano da comunidade, visando a uma aproximação maior com o usuário, bem como para fortalecer e qualificar a assistência à saúde. CONCLUSÃO: Destaca-se que a rede de relações e interações vem avançando as fronteiras da unidade de saúde para agregar ao Serviço, o cotidiano da comunidade e parcerias com outros segmentos e Setores da Sociedade, visando uma aproximação maior com o usuário e seu contexto, bem como fortalecer e qualificar a assistência à Saúde.

Análise de percepções e ações de cuidados bucais realizados por equipes de enfermagem em unidades de tratamento intensivo

Araújo,Rodolfo José Gomes de; Oliveira,Layla Cristine Gomes de; Hanna,Leila Maués Oliveira; Corrêa,Adriano Maia; Carvalho,Liliane Helena Vilar; Alvares,Nair Carolina Ferreira
Fonte: Associação de Medicina Intensiva Brasileira - AMIB Publicador: Associação de Medicina Intensiva Brasileira - AMIB
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2009 PT
Relevância na Pesquisa
125.8%
OBJETIVOS: Buscando estabelecer um perfil da percepção e realização dos cuidados em saúde bucal prestados a pacientes internados em unidades de tratamento intensivo por equipes de enfermagem, realizou-se um estudo com entrevistas orientadas por um questionário. MÉTODOS: A população de estudo foi constituída de profissionais de enfermagem divididos em três categorias de formação: enfermeiros, técnicos de enfermagem e auxiliares de enfermagem que atuam em instituições hospitalares públicas e particulares prestando serviços em unidades de tratamento intensivo na cidade de Belém - PA. RESULTADOS: A pesquisa desenvolvida neste trabalho retornou com resultados, os quais sugerem que os cuidados de higiene bucal realizados nos pacientes hospitalizados em unidades de terapia intensiva são escassos e inadequados, sendo necessárias modificações nos cuidados dispensados atualmente, especialmente no ambiente nosocômial da equipe de atenção ao paciente. CONCLUSÃO: A presença de cirurgião dentista, a difusão dos conhecimentos de odontologia preventiva e o uso de recursos específicos de higiene bucal são medidas sugeridas como tentativas de solucionar as dificuldades apresentadas na manutenção da saúde bucal e no tratamento das doenças bucais...

Programa de atenção ao idoso: relato de um modelo assistencial

Berlezi,Evelise Moraes; Eickhoff,Heloisa Meincke; Oliveira,Karla Renata de; Dallepiane,Loiva Beatriz; Perlini,Nara Marilene Oliveira Girardon; Mafalda,Aline; Bueno,Cristiane
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
115.86%
Este artigo trata do relato de um projeto de extensão universitária que propõe um modelo de atenção ao idoso. O objetivo do programa é oferecer assistência a idosos de baixa renda residentes no município de Ijuí-RS, Brasil, em situação de fragilidade e com risco de médio a alto de internação ou reinternação hospitalar. São incluídas no projeto as demandas de idosos das Unidades Básicas de Saúde, do Hospital de Caridade de Ijuí, e as dos que buscam o projeto por via telefônica. A equipe interdisciplinar, composta de professores e acadêmicos dos cursos de enfermagem, farmácia, fisioterapia e nutrição, realizam a avaliação da condição de saúde do idoso através de instrumentos quantitativos, que categorizam os indivíduos em classes de risco e elegem a prioridade de atenção. Os idosos que integram o programa recebem atendimento ambulatorial ou no domicílio, dependendo das condições de acesso e capacidade funcional.

Relatos da equipe de saúde quanto às práticas educativas ao vitimado no trânsito durante a hospitalização/reabilitação num hospital de emergência

Vieira,Luiza Jane Eyre de Souza; Souza,Edinilsa Ramos de; Xavier,Érika Porto; Lira,Samira Valentim Gama; Ferreira,Renata Carneiro
Fonte: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública. Publicador: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
115.92%
O objetivo deste estudo foi analisar os relatos da equipe de saúde quanto às práticas educativas ao vitimado no trânsito durante a hospitalização/reabilitação, visando à minimização da instalação de sequelas traumato-ortopédicas. Este estudo foi realizado com 10 profissionais da equipe de saúde que trabalham em um hospital público de emergência em Fortaleza, Ceará, Brasil, em 2006. A entrevista semiestruturada foi a técnica utilizada para a coleta de dados, os quais foram submetidos à análise temática e discutidos à luz da Educação em Saúde e Promoção da Saúde. Para os participantes, a concepção sobre a prática educativa convergiu para o caráter preventivo, informacional e normativo; a equipe de saúde, apesar de não exercer o processo de assistência terapêutica integral e humanizada, alguns profissionais da equipe de saúde desenvolvem de forma tímida a prática educativa, desmitificando a Promoção da Saúde como foco da atenção primária. Desse modo, a reorientação da prática da equipe de saúde, com enfoque interdisciplinar à vítima de acidente de trânsito, pode ser um diferencial para minimizar a instalação de sequelas.

Planejamento da assistência de enfermagem ao paciente com câncer: reflexão teórica sobre as dimensões sociais

Silva,Rita de Cássia Velozo da; Cruz,Enêde Andrade da
Fonte: Universidade Federal do Rio de Janeiro Publicador: Universidade Federal do Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2011 PT
Relevância na Pesquisa
125.95%
Artigo de reflexão que enfoca as dimensões sociais envolvidas no planejamento da assistência de enfermagem ao paciente com câncer, utilizando como base conceitos da Teoria das Representações Sociais. O câncer traz uma série de implicações que interferem na saúde do indivíduo, gerando repercussões não só orgânicas, mas também afetivas, emocionais e sociais. Nessa perspectiva, as autoras buscam fornecer uma contribuição à categoria, no sentido de subsidiar discussões sobre o tema, visto que, ao planejar a assistência, a enfermeira determina prioridades, define intervenções, para organizar e orientar as ações assistenciais de sua equipe com vistas aos resultados pretendidos. Essa prática, embasada na assistência humanizada e no respeito ao outro, proporciona o fortalecimento do vínculo enfermeira-paciente-família. Os resultados apontam para a necessidade de ampliação dessas reflexões e para o reconhecimento das condições e processos de trabalho que exprimam e articulam a relação entre a objetividade da prática e a subjetividade dos profissionais envolvidos.

Inserção do nutricionista na equipe de atendimento ao paciente em reabilitação física e funcional

Oliveira,Tatiana Resende Prado Rangel de; Radicchi,Antônio Leite Alves
Fonte: Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2005 PT
Relevância na Pesquisa
125.94%
OBJETIVO: Compreender os motivos e o modo como se deu a entrada do nutricionista na equipe do Centro de Reabilitação CREAB, localizado em Belo Horizonte, MG. MÉTODOS: Trata-se de uma pesquisa qualitativa, que tem como desenho o estudo de caso. A pesquisa foi realizada por meio da combinação de instrumentos, como a observação participante, o levantamento de documentos institucionais e o relato oral de profissionais que compõem a equipe. RESULTADOS: Constatou-se que os profissionais desse centro acreditam que a assistência nutricional adequada pode prevenir ou limitar as complicações advindas das doenças músculo-esqueléticas, aliviar o desconforto dos pacientes e auxiliar no tratamento de reabilitação. CONCLUSÃO: A prática do nutricionista dentro dessa equipe abriu e consolidou um espaço para essa categoria profissional, não só na própria unidade, como em outros centros de reabilitação.

SEDAÇÃO EM ODONTOPEDIATRIA: PERCEPÇÕES DE ACOMPANHANTES E EQUIPE PROFISSIONAL; Pediatric dental sedation: perceptions of children s accompanying adults and a sedation team

LIMA, Alessandra Rodrigues de Almeida
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Doutorado em Ciencias da Saude; Ciencias da Saude Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Doutorado em Ciencias da Saude; Ciencias da Saude
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
115.89%
The management of a child s behavior in a dental setting is routinely accomplished by a good communicative technique known as basic methods. Advanced me thods (protective stabilization, sedation, and general anesthesia) have been indicated for resistant children. When the basics methods are not enough to provide a safe and effective treatment, Brazilian dentists seem to prefer the protective stabilization to restrain a child. After the establishment of rules for nitrous oxide sedation in Brazil, a change in practice can be expected. In minimal and moderate sedation, patient can respond to every dental treatment s stimulus with cry and struggle. The purpose of this study was to known the perceptions of sedation by accompanying adults and a sedation team. This was a qualitative research, based on three in-depth interviews with two groups of accompanying adults groups and one group of a dental sedation team. Interviews were transcribed verbatim and independently analyzed by three investigators through the thematic content method. The first analysis explored the ACCOMPANYING ADULTS SATISFACTION; two categories emerged: the good side (conscious, safety, satisfaction, behavior management) and the bad side (suffering, adverse effects) of pediatric dental sedation. The second analysis regarding the MEANINGS OF SEDATIONFOR ACCOMPANYING ADULTS generated FOUR categories: Protective stabilization (to bind...

Apoio ao aleitamento materno pelos profissionais de saúde: revisão integrativa da literatura

Almeida,Jordana Moreira de; Luz,Sylvana de Araújo Barros; Ued,Fábio da Veiga
Fonte: Sociedade de Pediatria de São Paulo Publicador: Sociedade de Pediatria de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2015 PT
Relevância na Pesquisa
135.88%
ResumoObjetivo:Fazer uma revisão da literatura para avaliar a prática de profissionais de saúde na promoção e no apoio à amamentação.Fontes de dados:Foram identificados artigos nas bases de dados Scopus, PubMed, Medline, Lilacs, SciELO, Web of Science e Cumulative Index to Nursing and Allied Health Literature (Cinahl). Para a pesquisa usaram-se os descritores “aleitamento materno” (breast feeding), “papel profissional” (professional role) e “equipe de assistência ao paciente” (patient care team). A busca limitou-se aos artigos em português, espanhol e inglês e compreendeu os anos de publicação entre 1997 e 2013.Síntese dos dados:A pesquisa encontrou 1.396 estudos, dentre os quais foram selecionados 18 que contemplavam a pergunta norteadora. A pesquisa revelou que a amamentação é um desafio para o profissional de saúde, independentemente da área de atuação, uma vez que ele se depara com uma demanda para a qual não foi preparado e que exige sensibilidade e habilidade em seu trato. Os profissionais de saúde têm considerado a amamentação como um ato puramente instintivo e biológico. Além disso, nota-se que muitos têm domínio teórico do assunto, mas ausência do domínio prático.Conclusões:Os profissionais de saúde precisam ser mais bem capacitados para trabalhar com a promoção do aleitamento materno...

Tuberculose: tratamento supervisionado nas Coordenadorias de Saúde Norte, Oeste e Leste do Município de São Paulo; Tuberculosis: supervised treatment in North, West and East Health Departments of São paulo; Tuberculosis: tratamiento supervisionado en las Coordinaciones Norte, Oeste y Este de la Municipalidad de São Paulo

QUEIROZ, Elisangela Martins de; BERTOLOZZI, Maria Rita
Fonte: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
115.82%
O estudo objetivou analisar potencialidades e limites da estratégia do Tratamento Diretamente Supervisionado (DOTS), sob o ponto de vista de pacientes e trabalhadores de Unidades Básicas de Saúde das Coordenadorias Norte, Oeste e Leste, do Município de São Paulo. Os depoimentos foram coletados, após consentimento livre e esclarecido, e decodificados por meio de técnica de análise de discurso. Tomando-se como referencial teórico a Teoria da Determinação Social do Processo Saúde-Doença, de modo geral, identificou-se que o DOTS possibilita a criação de vínculo e que a adesão ao tratamento se associa à necessidade de volta ao trabalho. Os limites identificados foram: o não envolvimento dos profissionais no tratamento e a irregular distribuição de incentivos. Os achados revelam que a adesão ao tratamento transcende o âmbito biológico e individual, apontando-se como fundamental que os trabalhadores de saúde reconheçam os pacientes como portadores de necessidades, que não se restringem ao tratamento da tuberculose.; This study had as objective to analyze the strengths and weaknesses of the Directly Supervised Treatment strategy (DOTS) from the view of patients and workers from the North, West and East Health Departments of São Paulo. The analysis of the statements was based on the Social Determination Theory of the Health-Disease process. In general...

Programa de assistência à saúde do idoso em Manaus em nível ambulatorial: uma análise crítica de gestores; Elderly health care program in Manaus (Amazonas) in primary care clinic: the managers’ critical analysis

Silva, Maria da Consolação Queiroz da; Almeida, José Luis Telles de; Lopes Neto, David
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
115.81%
Com base nas políticas públicas de saúde de atenção ao idoso, preconizadas pelo Ministério da Saúde do Brasil, este artigo analisa o Programa de Atenção à Saúde do Idoso, em nível ambulatorial, através da visão dos gestores da Secretaria Municipal de Saúde em Manaus, Amazonas. A abordagem qualitativa possibilitou a manifestação quanto às ações e serviços oferecidos aos usuários idosos nas Unidades Básicas de Saúde, cujo exame analítico das informações foi procedida mediante a técnica de análise de conteúdo. Os gestores reconhecem que os usuários idosos recebem tratamento humanizado e têm prioridade no atendimento, todavia, ressentem-se de capacitação específica, de uma equipe multidisciplinar ampliada e infra-estrutura adequada.; Based on the Municipal Health Department of Manaus City in Amazonas manager’s point of view, this article analyses the elderly health attention program in the primary care clinic, according to the public health policies of the Brazil’s Health Ministry. The qualitative approach provided information about the activities and health public services gave to the elderly people in the primary health care unit. The analytical exam of the information was carried out by the content analysis methodology. The managers’ point of view is that the elderly people receive humanized care and have priority in the health care system...

Saúde mental na atenção básica: prática da equipe de saúde da família; Salud mental en atención básica: práctica del equipo de salud de la familia; Mental health in primary health care: practices of the family health team

Correia, Valmir Rycheta; Barros, Sônia; Colvero, Luciana de Almeida
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/12/2011 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
115.84%
The inclusion of mental health care actions in the context of the Brazilian Public Health System (SUS; Sistema Único de Saúde) contributes to the consolidation of the Brazilian Psychiatric reform and demands redirecting the practices of family health teams with users with mental health needs. The objective of this study is to identify and analyze the scientific production and actions developed by family health team professionals in mental health care. Systematic analysis originated the following themes: home visits to mentally ill patients and their relatives; attachment and welcoming; referrals; therapeutic workshops. In conclusion, the mental health actions developed in primary care are not performed consistently and depend on the professional or on the political decision of the administrator, which shows that professionals should use new practices to develop comprehensive care, and, therefore, there is a need to invest in improving the qualification of the professionals.; La inclusión de acciones de salud mental en el contexto del Sistema Único de Salud-SUS contribuyó a la consolidación de la Reforma Psiquiátrica Brasileña, así como a demanda y reorientación de la práctica de los equipos de salud de la familia junto a los pacientes del área de salud mental. Este estudio objetivó identificar y analizar en la producción científica las acciones realizadas por profesionales del equipo de salud de la familia en atención de salud mental. Mediante análisis sistemático emergieron los siguientes temas: visita domiciliaria al enfermo mental y familiares; vinculo y consideración; derivación; talleres terapéuticos. Se concluye que las acciones de salud mental desarrolladas en atención primaria no presentan uniformidad de ejecución y dependen del profesional o de la decisión política del gestor...

A proposta da educação permanente em saúde na atualização da equipe de saúde em diabetes mellitus; Una propuesta de educación permanente en salud en la actualización del equipo de salud en diabetes mellitus; A proposal of continuing health education to update health team professionals in diabetes mellitus

Rodrigues, Andreia Cristinha Seabra; Vieira, Gisele de Lacerda Chaves; Torres, Heloisa de Carvalho
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/06/2010 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
115.83%
O objetivo do estudo foi relatar a experiência da Educação Permanente em Saúde na atualização da equipe de saúde de uma Unidade Básica de Saúde para a atenção integral e humanizada às pessoas com diabetes tipo 2. A metodologia de escolha para a capacitação das equipes de saúde foi a Educação em Permanente em Saúde, por meio de oficinas educativas em diabetes com enfoque na problematização do processo educativo e profissional. Buscou-se, assim, construir um programa de educação em diabetes visando a modificar e a reori-entar a prática da equipe de saúde. A Educação Permanente contribuiu para a integração dos indivíduos, fortificou o comprometimento profissional e desenvolveu a consciência de grupo. A experiência de inserir o ensino no cotidiano das equipes de saúde favoreceu o progresso da integração entre universidade, serviço e comunidade, favorecendo o planejamento e organização do programa educativo, valorizando a interdisciplinaridade.; El objetivo del estudio fue relatar la experiencia de la Educación Permanente en Salud en las actualizaciones del equipo de salud de una Unidad Básica de Salud para la atención integral y humanizada a las personas con diabetes tipo 2. La metodología de elección para la capacitación de los equipos de salud fue la Educación Permanente en Salud...

Relatos da equipe de saúde quanto às práticas educativas ao vitimado no trânsito durante a hospitalização/reabilitação num hospital de emergência; Health care team's reports on educational practices for road traffic victims during hospitalization/rehabilitation in an emergency hospital

Vieira, Luiza Jane Eyre de Souza; Souza, Edinilsa Ramos de; Xavier, Érika Porto; Lira, Samira Valentim Gama; Ferreira, Renata Carneiro
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2010 POR
Relevância na Pesquisa
115.92%
O objetivo deste estudo foi analisar os relatos da equipe de saúde quanto às práticas educativas ao vitimado no trânsito durante a hospitalização/reabilitação, visando à minimização da instalação de sequelas traumato-ortopédicas. Este estudo foi realizado com 10 profissionais da equipe de saúde que trabalham em um hospital público de emergência em Fortaleza, Ceará, Brasil, em 2006. A entrevista semiestruturada foi a técnica utilizada para a coleta de dados, os quais foram submetidos à análise temática e discutidos à luz da Educação em Saúde e Promoção da Saúde. Para os participantes, a concepção sobre a prática educativa convergiu para o caráter preventivo, informacional e normativo; a equipe de saúde, apesar de não exercer o processo de assistência terapêutica integral e humanizada, alguns profissionais da equipe de saúde desenvolvem de forma tímida a prática educativa, desmitificando a Promoção da Saúde como foco da atenção primária. Desse modo, a reorientação da prática da equipe de saúde, com enfoque interdisciplinar à vítima de acidente de trânsito, pode ser um diferencial para minimizar a instalação de sequelas.; The paper aims at analyzing the health care team's reports on educational practices to road traffic victims during the period of hospitalization and rehabilitation...

COMUNICAÇÃO EFETIVA NO TRABALHO EM EQUIPE EM SAÚDE: UM DESAFIO PARA A SEGURANÇA DO PACIENTE

Nogueira, Jane Walkiria da Silva; Universidade de Brasília -Distrito Federal; Rodrigues, Maria Cristina Soares; Universidade de Brasília
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Ensaio teórico e reflexivo; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 23/09/2015 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
126.03%
Ensaio reflexivo que versa sobre a comunicação efetiva na perspectiva do trabalho da equipe interdisciplinar para a qualidade dos cuidados em saúde e a segurança do paciente. Na análise do objeto em tela, identificou-se que programas de treinamentos de habilidades de comunicação, simulações práticas e maneiras padronizadas para apresentar informações do paciente constituem formas efetivas para transpor barreiras à comunicação ineficaz. A adoção de estratégias para melhoria da comunicação da equipe representa desafio que requer mudança na cultura de segurança do paciente nas organizações de saúde.Descritores: Comunicação; Equipe de Assistência ao Paciente; Segurança do Paciente.