Página 1 dos resultados de 368 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Histórias do passado contadas no presente

Tavares, Margarida Alexandra Fernandes
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
46.85%
Dissertação de Mestrado apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Psicologia Jurídica; As crianças representam um dos grupos mais vulneráveis da sociedade em todo o mundo. A família tem a responsabilidade de ser o primeiro e o mais importante agente no desenvolvimento pessoal e social do indivíduo. Porém quando essa responsabilidade falha, quando a família se mostra incapacitada para suprir as necessidades das crianças e quando esgotadas todas as formas não judiciais, cabe ao Estado e aos Tribunais intervirem no sentido de proteger e afastar qualquer tipo de perigo que se mostre ameaçador para o bem-estar físico e psíquico das crianças. Dada a escassez de estudos direcionados sobre a perspetiva da criança enquanto interveniente acerca do processo judicial de promoção e proteção tornou-se pertinente incidir sobre este aspeto. Assim sendo, esta investigação teve como principal objetivo avaliar a perceção de jovens adultos que já tenham tido acompanhamento dos serviços sociais, mais concretamente da Equipa Multidisciplinar de Assessoria aos Tribunais (doravante designadas de EMAT), quando eram ainda menores de idade, face à intervenção de que foram alvo. Dado o tipo de estudo foi utilizada uma metodologia qualitativa tendo a entrevista como técnica nuclear de recolha de informação. Foram realizadas 12 entrevistas semi diretivas a jovens adultos entre os 18 e os 23 anos que quando eram menores de idade beneficiaram de medidas de promoção e proteção em meio natural de vida e de colocação em instituição. Após o processo de análise categorial dos dados obtidos nas entrevistas...

Gestão dos fatores motivacionais intervenientes na satisfação-motivação dos profissionais da equipa multidisciplinar do Centro de Saúde de Bragança

Martins, Anabela Paula Seixas Gonçalves
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Tecnologia e Gestão Publicador: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Tecnologia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.87%
Orientada por Ana Maria Galvão; A satisfação dos profissionais, é uma área complexa e de difícil avaliação mas, ao mesmo tempo, incontornável. Como enfermeira, a exercer funções de gestão numa equipa multidisciplinar, desenvolvemos o interesse por este tema. O estudo, exploratório, descritivo e transversal, de natureza quantitativa tem como objectivos, avaliar a satisfação profissional dos profissionais num centro de saúde da Unidade Local de saúde do Nordeste e propor medidas que possam contribuir para a melhoria progressiva dos profissionais de saúde. A variável dependente é a satisfação profissional, tendo esta sido operacionalizada em sete dimensões: remuneração; condições de trabalho e saúde; segurança no emprego; relacionamento profissional/utente e equipa; autonomia/poder; status e prestígio; realização profissional, pessoal e desempenho organizacional O instrumento de colheita de dados foi um questionário, de Graça (1999), adaptado para a cultura portuguesa, nomeadamente para profissionais de saúde. Dos resultados, destaca-se que os inquiridos têm expectativas elevadas em relação a todas as dimensões do trabalho e que globalmente, estão bastante satisfeitos. As dimensões onde revelam maior satisfação pertencem às dimensões: Status e Prestígio...

As relações interprofissionais em equipas de saúde mental : aspectos sociológicos e organizacionais

Vicente, José António Duque.
Fonte: FEUC Publicador: FEUC
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.9%
A presente Investigação procurou identificar a situação actual das práticas organizacionais e a percepção que cada profissional de uma equipa multidisciplinar de saúde mental tem de si e do trabalho que desenvolve em parceria com os restantes elementos. Procurei investigar como é organizado o trabalho numa equipa multidisciplinar, quais os mecanismos que podem contribuir para melhorar as práticas conjuntas dos profissionais e que reflexos têm no seu desempenho. Foi através do recurso à observação directa e a entrevistas que tentei perceber os hábitos e as rotinas dos profissionais de uma equipa multidisciplinar do Serviço de Psiquiatria e Saúde Mental de um Hospital Distrital, conhecer as suas técnicas de trabalho e as relações estabelecidas entre todos os seus membros, que vão desde o Administrativo, Assistentes Operacionais, Médicos, Enfermeiros, Assistente Sociais e Psicólogos. O levantamento que fiz sobre a relação que existe entre estes vários profissionais é relevante para a compreensão de que as Equipas multidisciplinares são hoje um dispositivo de trabalho colectivo e um projecto de trabalho que permite a partilha entre várias disciplinas e a utilização de diferentes áreas do conhecimento com o objectivo de resolver os problemas de forma integrada. Partindo do pressuposto de que as mudanças se dão mais rápida e eficazmente quando todos os envolvidos no processo actuam de forma participativa...

Stress e burnout na equipa multidisciplinar cirúrgica

Rodrigues, Maria do Céu Assis
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
46.93%
Dissertação de Mestrado em Comunicação em Saúde apresentada à Universidade Aberta; Resumo - Este trabalho de Investigação surgiu no âmbito da Dissertação de Mestrado em Comunicação em Saúde, da Universidade Aberta. O ponto de partida para esta investigação consistiu em Conhecer quais são os Factores Indutores de Stresse para a Equipa Multidisciplinar Cirúrgica, no Bloco Operatório do Hospital Pulido Valente E.P.E.. De acordo com vários autores que defendem que as profissões de ajuda, onde se inserem os profissionais de saúde, são altamente susceptíveis à síndrome de exaustão, o denominado Burnout, surgiram os seguintes objectivos de investigação: Identificar os factores indutores de stresse para a equipa multidisciplinar; Identificar as estratégias de enfrentamento utilizadas pela equipa; Sabendo que o Bloco Operatório é um local altamente despersonalizante, que confere aos seus utilizadores diários stresse continuado, não só pela envolvente física, como pelas situações críticas que aí acontecem, foi interessante saber como os profissionais as enfrentam na sua actividade. Assim a questão de partida para este estudo é a seguinte: Quais são os factores indutores de stresse e estratégias de (coping) enfrentamento utilizadas pela equipa multidisciplinar...

Formação e construção de identidade(s) : um estudo de caso centrado numa equipa multidisciplinar

Silva, Ana Maria Costa e
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2005 POR
Relevância na Pesquisa
46.5%
Tese de Doutoramento em Educação - Área de Conhecimento Desenvolvimento Curricular.; Este trabalho assume como eixo central a relevância da formação na sociedade contemporânea. Dominados pela urgência da intervenção formativa que decorre dos apelos à ‘aprendizagem ao longo da vida’, as organizações e os indivíduos vêm-se confrontados com um modelo de ‘sujeito aprendente’, cuja incidência nos merece particular atenção. No trabalho que agora apresentamos incidimos num estudo de caso – uma equipa multidisciplinar da administração pública – no qual perscrutamos as lógicas subjacentes aos processos de formação, quer dos indivíduos e suas disposições, quer da organização e seus dispositivos, lógicas que se articulam com o trabalho e a profissão e dão conta de (pre)disposições diversificadas por parte dos indivíduos. O estudo que realizámos inscreve-se no paradigma de investigação qualitativa. Tendo sido mobilizadas um conjunto de técnicas e instrumentos no acesso à informação, privilegiámos as narrativas biográficas, centradas nas trajectórias de formação e profissionais, como especialmente pertinentes para o acesso aos significados relevantes do ponto de vista dos indivíduos e das suas experiências biográficas. A epistemologia interpretativa...

A conspiração do silêncio em cuidados paliativos : os actores, contextos e práticas na perspectiva da equipa multidisciplinar

Mendes, Tânia Sofia Reis
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
67.01%
A conspiração do silêncio é um processo de ocultação de informação ao doente. Acontece com frequência em cuidados paliativos, contexto sensível às questões da dor, do sofrimento e da morte. O presente estudo surgiu da necessidade de conhecer a vivência da conspiração do silêncio na perspectiva da equipa multidisciplinar em cuidados paliativos. Consideramos que esta investigação terá relevância para a melhoria da prestação de cuidados paliativos ao pretender conhecer um fenómeno que parece constituir um entrave à criação de condições de humanização, de tranquilidade e de comunicação aberta, características deste tipo de cuidados. Neste sentido, elegeu-se a Grounded Theory como referencial metodológico capaz de nos ajudar na concretização deste objectivo. Através da observação participante, da realização de entrevistas e Focus Group aos elementos da equipa multidisciplinar do Serviço de Cuidados Paliativos do Instituto Português de Oncologia do Porto, conseguimos compreender como é vivenciada a conspiração do silêncio neste contexto de cuidados, na perspectiva da equipa, quer para o doente, quer para a família, quer para si própria. Através da análise dos dados percebemos que o doente...

Satisfação dos profissionais das ECCI

Serra, Isaura; Gemito, Maria Laurência
Fonte: Centro de Investigação em Ciências e Tecnologias da Saúde Publicador: Centro de Investigação em Ciências e Tecnologias da Saúde
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
36.42%
Decorrente do envelhecimento da população e do aumento da prevalência de pessoas com doenças crónicas e incapacitantes surgiram novas necessidades de saúde e sociais. A Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados constitui-se como um modelo organizacional de prestação de cuidados continuados de saúde e apoio social. A Equipa de Cuidados Continuados Integrados (ECCI) é uma equipa multidisciplinar (enfermeiros, médicos, psicólogos, assistente social, fisioterapeutas,…) presta cuidados domiciliários a pessoas em situação de dependência funcional, doença terminal ou em processo de convalescença. Desta forma importa avaliar o grau de satisfação dos profissionais de três ECCI. Recorreu-se a um estudo descritivo, com aplicação de um questionário (Manual de Gestão da Qualidade para os Cuidados Continuados Integrados, IPQ), à totalidade dos profissionais das três ECCI(30).

A tutoria em contexto de ensino não superior: proposta de acompanhamento socioeducativo em equipa multidisciplinar

Ribeiro, Esperança do Rosário Jales; Oliveira, Catarina; Pereira, Célia; Felgosa, Diana; Nunes, Viviane
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /06/2010 POR
Relevância na Pesquisa
66.79%
A Escola assume um papel cada vez mais significativo na vida dos jovens, propondo-se garantir uma educação integral a todos os que acolhe, independentemente da sua proveniência ou características. A necessidade imperiosa de responder aos desafios provocados pelas mudanças sociais “exige-lhe” uma desmedida ambição pedagógica; trata-se de chegar a todos, esbater desigualdades, contribuir para um processo de igualdade de oportunidades. Torna-se, pois, imprescindível dotar a escola de meios que possam servir tão grandes exigências, cada vez mais próximas do domínio da acção socioeducativa. A proposta de acompanhamento tutorial, que apresentamos, assenta neste propósito, enquadrando e reflectindo o papel fundamental da figura do Professor Tutor, cujas competências e perfil foram legislados desde o princípio da década de noventa. Uma das formas possíveis de perspectivar o papel do Professor Tutor passa por enquadrá-lo no que designamos de Equipa Multidisciplinar de Actuação Imediata (EMAI) constituída pelos seguintes técnicos: Psicólogo, Assistente Social e Educador Social, para além dos profissionais da estrutura da organização do sistema educativo (caso do director de turma). Depois de identificadas algumas das funções de cada elemento...

Intervenção precoce: estudo exploratório sobre a prática de uma equipa disciplinar

Costa, Vera Lúcia Sousa
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /07/2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.53%
Cada vez mais o processo de ensino-aprendizagem se revela orientado para a igualdade de oportunidades sejam elas, educativas ou sociais. Partindo deste pressuposto, podemos referir que o jardim-de-infância/escola não deve ter como objectivo exclusivo a transmissão de conteúdos, mas de igual modo, desenvolver competências de forma a preparar as crianças, para a sua vida em sociedade, ensinando-as a conviver, interagir e cooperar. O nosso estudo pretende incidir principalmente sobre a prática da uma equipa disciplinar de Intervenção Precoce (IP). A IP é uma área que ao longo de cinquenta anos progrediu positivamente, contudo é uma área recente dentro da Educação Especial, tendo sido alvo de investigação e investimento, nos últimos vinte anos. Deste modo, no nosso estudo participaram três Educadoras de Infância, que faziam parte da equipa de IP no Agrupamento D. António Ferreira Gomes, respondendo a um inquérito por entrevista. Através dos dados recolhidos no inquérito por entrevista, foi possível aferir as práticas usadas pelos profissionais, o tipo de apoio prestado, assim como, as actividades e estratégias que os Educadores de Infância exploram com as crianças e as famílias. Seguindo este ponto de vista...

Análise Retrospectiva do Protocolo de Tratamento Utilizado na Consulta Multidisciplinar de Úlcera de Perna do Hospital dos Capuchos no Período entre 2002 e 1º Semestre 2006

Dias Coelho, J; Clerigué, A; Neves, J; Pereira Alves, C
Fonte: Sociedade Portuguesa de Cirurgia Publicador: Sociedade Portuguesa de Cirurgia
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
36.4%
As úlceras de perna constituem uma importante patologia causando uma diminuição da qualidade de vida, hospitalizações frequentes e aumento da mortalidade e morbilidade. Têm uma incidência de 1% na população adulta, sendo que esta incidência atinge níveis de 10% nos escalões etários superiores a 70 anos. Cerca de 95% das úlceras são venosas, arteriais, mistas ou diabéticas, sendo as mais frequentes as úlceras venosas (70 a 80%). Com o objectivo de optimizar o tratamento e acompanhamento dos doentes com esta patologia, foi criada em 2002 uma Consulta de Referência Multidisciplinar de Úlcera de Perna, no Hospital dos Capuchos. Simultaneamente foi estabelecido um protocolo de referenciação/ tratamento com os Centros de Saúde da Unidade B da Sub-região de Saúde de Lisboa. Neste protocolo o doente é observado no contexto de uma equipa multidisciplinar. Os autores fizeram um estudo retrospectivo dos doentes observados nesta consulta no período entre 2002 e 1º semestre de 2006. Foram observados e acompanhados 294 novos doentes, tendo 80% idade superior a 60 anos. Em relação à etiologia das úlceras, 51,3% (n=151) eram venosas, 35,4% (n=104) eram diabéticas e 6,8% (n=20) eram arteriais. A área média das úlceras foi 23...

A Medicina Física e de Reabilitação no Tratamento Multidisciplinar da Fibrose Quística

Francisco, R; Fonseca, F; Seixo, I; Pires, M
Fonte: Medicina Física e Reabilitação, Hospital Dona Estefânia, Centro Hospitalar Lisboa Central, EPE Publicador: Medicina Física e Reabilitação, Hospital Dona Estefânia, Centro Hospitalar Lisboa Central, EPE
Tipo: Outros
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.4%
A Fibrose Quística (FQ), é a doença hereditária mais comum na população caucasiana. Há uma grande variedade na apresentação e na gravidade clínicas. Os orgãos mais afectados são o pulmão e o pâncreas. Na maioria dos pacientes, a doença apresenta-se, na infância, como infecções recorrentes ou persistentes do tracto respiratório, malabsorção intestinal e má progressão ponderal. A maioria da morbilidade e mais de 90% da mortalidade correlaciona-se com doença pulmonar crónica e suas complicações. O papel da MFR no tratamento desta doença, está relacionado com a redução da obstrução das vias aéreas, melhorando a drenagem de secreções no sentido de melhorar a função pulmonar e tolerância ao exercício, manutenção/ melhoria da massa óssea, manutenção das amplitudes articulares e promoção do exercício aeróbio. A reabilitação respiratória, essencial no tratamento desta patologia, utiliza técnicas de limpeza das vias aéreas, de drenagem postural, drenagem autogénica, percussão torácica, pode auxiliar-se de dispositivos de pressão expiratória positiva. A utilização de técnicas com o objectivo de colheita de expectoração é de extrema importância, especialmente na criança mais pequena...

A Medicina Física e de Reabilitação no Tratamento Multidisciplinar da Fibrose Quística

Francisco, R; Fonseca, F; Seixo, I; Pires, M
Fonte: Medicina Física e Reabilitação, Hospital Dona Estefânia, Centro Hospitalar Lisboa Central, EPE Publicador: Medicina Física e Reabilitação, Hospital Dona Estefânia, Centro Hospitalar Lisboa Central, EPE
Tipo: Outros
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.4%
A Fibrose Quística (FQ), é a doença hereditária mais comum na população caucasiana. Há uma grande variedade na apresentação e na gravidade clínicas. Os orgãos mais afectados são o pulmão e o pâncreas. Na maioria dos pacientes, a doença apresenta-se, na infância, como infecções recorrentes ou persistentes do tracto respiratório, malabsorção intestinal e má progressão ponderal. A maioria da morbilidade e mais de 90% da mortalidade correlaciona-se com doença pulmonar crónica e suas complicações. O papel da MFR no tratamento desta doença, está relacionado com a redução da obstrução das vias aéreas, melhorando a drenagem de secreções no sentido de melhorar a função pulmonar e tolerância ao exercício, manutenção/ melhoria da massa óssea, manutenção das amplitudes articulares e promoção do exercício aeróbio. A reabilitação respiratória, essencial no tratamento desta patologia, utiliza técnicas de limpeza das vias aéreas, de drenagem postural, drenagem autogénica, percussão torácica, pode auxiliar-se de dispositivos de pressão expiratória positiva. A utilização de técnicas com o objectivo de colheita de expectoração é de extrema importância, especialmente na criança mais pequena...

Competências interpessoais em saúde : comunicar para a qualidade, com o utente e em equipa multidisciplinar

Alves, Ana Isabel Amado
Fonte: Universidade Nova de Lisboa. Escola Nacional de Saúde Pública Publicador: Universidade Nova de Lisboa. Escola Nacional de Saúde Pública
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.42%
RESUMO - O processo de comunicação em saúde encontra-se relacionado com a melhoria dos resultados em saúde através da informação, com o objectivo de influenciar indivíduos e comunidades. Os profissionais de saúde, no contexto da prestação de cuidados, necessitam de deter determinadas competências interpessoais e de comunicação no sentido de promover a qualidade e segurança do doente, contribuindo para a diminuição do erro clínico através de uma comunicação eficaz em equipa. Estabelecer uma relação de empatia e confiança com o doente, saber escutar e compreender a sua perspectiva definem-se, entre outras, por capacidades essenciais a estes profissionais, a par de uma comunicação verbal e escrita clara e assertiva, cujo impacto se reflecte também na satisfação do utente. O ensino destas competências é fundamental para habilitar os profissionais a lidar com diversas situações, contribuindo para a excelência técnica e qualidade dos cuidados. A sua avaliação é essencialmente realizada durante a formação académica, a nível internacional, sobre o que a literatura descreve várias metodologias possíveis. O método utilizado com maior frequência consiste na observação directa da interacção entre o aluno e o doente...

A percepção dos profissionais de saúde sobre o trabalho em equipa no contexto do Hospital do Espírito Santo de Évora, E.P.E.; The perceptions of health professionals about the teamwork in the context of the Hospital do Espírito Santo of Évora, EPE

Grilo, Cristina Maria Cascão
Fonte: Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa Publicador: Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /11/2008 POR
Relevância na Pesquisa
36.65%
Mestrado em Intervenção Sócio-Organizacional na Saúde - Área de especialização: Políticas de Administração e Gestão de Serviços de Saúde; Cada vez mais o trabalho em equipa é incentivado em todas as áreas da actividade humana. São vários os autores que destacam as vantagens do trabalho em equipa sobre o trabalhar individual. Contudo apesar deste reconhecimento constata-se na prática muitas dificuldades em realizar o trabalho em equipa, isto porque em parte se deve às diferentes percepções do que seja uma equipa de trabalho. Este estudo visa abordar a questão do trabalho em equipa na área da saúde. Tem como objectivo principal conhecer a percepção dos profissionais relativamente ao trabalho em equipa em contexto hospitalar. Seguramente que a qualidade do trabalho de uma equipa depende sempre de uma abordagem multidisciplinar e cada vez mais da capacidade funcional dos membros que dela fazem parte, isto é, o trabalho em equipa é determinado pela comunicação, pela coordenação, pelo equilíbrio da contribuição dos membros, pelo suporte mútuo, pelo esforço e pela coesão da equipa.; ABSTRACT - Increasingly, the teamwork is encouraged in ali areas of human activity. There are several authors who emphasize úe advantages of working as a team instead of working as an individual. However...

Partilha de Decisões em Cuidados de Saúde

Dias, Carlos Manuel de Melo
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em 26/01/1999 POR
Relevância na Pesquisa
36.48%
Os serviços de saúde reúnem uma vasta diversidade de profissionais com diferentes tipos de formação teórica e técnica, e com diferente posições hierárquicas formais e informais. O desafio de Projectar, Concretizar e Melhorar passa necessariamente pela partilha de decisões em cuidados de saúde, e é neste contexto que lançamos o repto dum modelo de trabalho em equipa com partilha de decisão. MODELO DE TRABALHO EM EQUIPA COM PARTILHA DE DECISÕES: 1º Apreciação da situação actual da pessoa doente; 2º Organização, Análise e Interpretação, em grupo de trabalho, dos dados recolhidos; 3º Estabelecimento dos objectivos a imediato, curto, médio e longo prazo; 4º Desenvolvimento de Plano de Tratamento capaz e adequado aos objectivos estabelecidos; 5º Tratamento, propriamente dito, do cliente; 6º Controlar o nível de funcionamento do tratamento implementado, e a qualidade de saúde e vida do cliente. A aplicação do modelo representado depende de toda a equipa multidisciplinar, sendo o seu impacto construtivo na qualidade da prestação de cuidados de saúde resultado da assunção, em conjunto, da responsabilidade de PARTILHAR.

Competência em cuidados paliativos

Rijo, Sara Filipa de Leão Bacelar
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /08/2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.61%
Os Cuidados Paliativos são cuidados totais e activos, prestados por profissionais com formação específica e treino adequado, exigindo preparação técnica, formação teórica e experiência prática efectiva. A formação diferenciada em Cuidados Paliativos é essencial e imprescindível para a organização e qualidade dos mesmos. No contexto do Mestrado em Cuidados Paliativos da Universidade Católica Portuguesa, vertente profissionalizante, foi realizado um estágio de 300 horas presenciais na Unidade de Cuidados Paliativos do Hospital da Luz e efectuado respectivo relatório. O objectivo geral do Estágio foi adquirir competência nas quatro áreas chave dos Cuidados Paliativos: Trabalho em Equipa, Controlo Sintomático, Comunicação Adequada e Apoio à Família. Como enfermeira com formação avançada em cuidados paliativos, desenvolvi competências através do treino, análise e reflexão, com o objectivo de alcançar resultados óptimos de assistência, realizando uma avaliação contínua, global e holística da saúde do doente e família, resolvendo problemas complexos baseando-me na evidência científica. No que diz respeito ao Trabalho de Equipa, o meu objectivo foi integrar a equipa interdisciplinar e apreender estratégias de trabalho em equipa; para tal...

Avaliação e a Qualidade das Práticas de Inclusão para Alunos com PEAPEA: Escala LAQI (Louisiana Autism Quality Indicators)

Sá, Olga Margarida Paulo de
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.59%
Dissertação apresentada à Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção de grau de mestre em Educação Especial, domínio Cognição e Multideficiência; A Escola é um espaço promotor de diversas aprendizagens, um espaço rico de partilha de vivências, de constructo do ser humano, enquanto individualidade própria, e enquanto ser social. O sistema educativo português consubstancia o acesso à Educação para todos, nomeadamente a alunos com Perturbação do Espectro do Autismo (PEA). Neste estudo, centramo-nos no tema da Avaliação das Práticas de Inclusão para alunos com PEA. Este divide-se em duas fases: uma primeira, que procura conhecer as práticas implementadas para a Inclusão de alunos com PEA e o processo e instrumentos de avaliação utilizados pela equipa multidisciplinar para melhorar a intervenção; e uma segunda fase, que consiste na sugestão de análise do instrumento de avaliação LAQI, para depois se verificar a sua utilidade e viabilidade no contexto português. De modo a orientar o estudo, elaboramos um conjunto de questões: i) primeira fase: que práticas educativas são desenvolvidas pelos profissionais que intervém com alunos com PEA?; que concepções e que processos de avaliação da qualidade das práticas para a Inclusão de alunos com PEA são implementados? ii) segunda fase: o instrumento de avaliação é útil na avaliação da qualidade de práticas de Inclusão para alunos com PEA?; a LAQI adequa-se ao contexto português...

Análise multidisciplinar da atividade de um treinador de uma equipa de futebol no escalão de sub-19

Figueiredo, Pedro de Sousa
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa Publicador: Universidade Técnica de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
36.72%
Este relatório de estágio teve como objetivo contribuir para a compreensão da multiplicidade de tarefas que regem a atividade de um treinador de futebol. Baseado maioritariamente nos fundamentos teóricos da dinâmica ecológica, foi analisada a forma como as redes sociais permitem ou não identificar a consecução prática do modelo de jogo teórico em função de variáveis inerentes à competição, isto é, se o tipo de coordenação interpessoal e os padrões estabelecidos estão previstos no modelo teórico e de que forma são influenciados pelas variáveis tempo de jogo e resultado momentâneo. Os resultados demonstraram a forma como as variáveis inerentes ao jogo podem influenciar o comportamento micro, meso e macro de uma equipa. Em seguida foram realizadas duas investigações com o objetivo de examinar a intervenção do treinador em competição e em treino, mais concretamente, o tipo de instrução e feedback. Para o efeito foram utilizados instrumentos de categorização que permitissem encontrar um padrão de intervenção do treinador em treino e competição. Foi possível verificar de que forma o treinador ajusta o seu feedback em função das alterações próprias ao treino e competição. Ainda no contexto de treino...

Programa de intervenção multidisciplinar

Ventura, Tiago Pinheiro
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa Publicador: Universidade Técnica de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.61%
A obesidade tem vindo a constituir-se nas últimas décadas como uma doença que apresenta proporções epidémicas e afecta todas as idades, etnias, géneros e grupos socio-económicos. O excesso de adiposidade resulta do aumento da ingestão calórica e da inactividade física, o que leva a um balanço energético positivo. A literatura tem mostrado que o exercício físico contribui decisivamente não apenas para reduzir esta condição, mas também todos os custos relacionados com a saúde, permitindo uma melhor qualidade de vida a todos os indivíduos. O processo de estágio procurou proporcionar estes benefícios aos utentes do Estádio Universitário de Lisboa (EUL), sendo que o trabalho desenvolvido ao longo do estágio assentou em três tarefas: A tarefa de Avaliação e Prescrição de Exercício consistiu na avaliação física dos utentes e acompanhamento do seu processo de treino. A realização desta tarefa permitiu também uniformizar os meus procedimentos com os restantes profissionais da sala de exercício. A elaboração da Proposta de Implementação de um Novo Serviço foi desenvolvida com o objectivo de combater a obesidade. A proposta focou-se na criação de uma equipa multidisciplinar, aproveitando os serviços já existentes no EUL e adicionando outros...

O papel dos enfermeiros na equipa multidisciplinar em Cuidados de Saúde Primários: Revisão sistemática da literatura

Neves,Marília Maria Andrade Marques da Conceição e
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra - Unidade de Investigação em Ciências da Saúde - Enfermagem Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra - Unidade de Investigação em Ciências da Saúde - Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.68%
As tendências internacionais indicam uma mudança de paradigma nos Cuidados de Saúde Primários, com o desenvolvimento de equipas multidisciplinares que desafiam os enfermeiros a assumir novos papéis interventivos para além dos atributos socialmente aceites e esperados da sua prática. Com o objetivo de conhecer como é percebido o papel do enfermeiro na equipa multidisciplinar dos Cuidados de Saúde Primários realizou-se uma revisão sistemática da literatura, apurando-se 10 artigos, todos sobre estudos primários de natureza qualitativa, selecionados com base em critérios predefinidos, pesquisados na plataforma EBSCOhost, em bases bibliográficas eletrónicas com texto integral e publicados entre 2000-2010. Ressaltaram diversidade de perceções sobre o papel do enfermeiro: conhecimento superficial das suas competências pelos outros profissionais; percebido como facilitador no acesso aos cuidados pelos utentes; enfermeiros percecionam-se como elementos chave na comunicação interdisciplinar e reconhecem que o seu papel pode expandir-se na área preventiva, nos cuidados aos idosos e no contexto domiciliário. Conclui-se que é necessário ‘trabalhar’ para o trabalho em equipa e que há desafios a superar para uma participação mais efetiva dos enfermeiros na decisão...