Página 1 dos resultados de 4 itens digitais encontrados em 0.133 segundos

Pesquisa acadêmica em contabilidade gerencial no Brasil: análise e reflexões sobre teorias, metodologias e paradigmas; Management accounting research in Brazil: analyses and reflections on theory, methodology and paradigms

NASCIMENTO, Artur Roberto do; JUNQUEIRA, Emanuel; MARTINS, Gilberto de Andrade
Fonte: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração Publicador: Associação Nacional dos Programas de Pós-graduação em Administração
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
95.9%
O trabalho teve por objetivo identificar e analisar as características epistemológicas da produção acadêmica da pesquisa em contabilidade gerencial no Brasil. Realizou-se uma pesquisa empírico-analítica com técnicas de análise bibliométrica e de conteúdo dos trabalhos do Congresso da Associação Nacional do Programas de Pós-Graduação em Ciências Contábeis [ANPCONT] de 2007 e 2008, Congressos de Contabilidade e Controladoria da Universidade de São Paulo [USP] e Encontros Nacionais da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração [ANPAD] dos anos de 2005 a 2008, perfazendo um total de 287 trabalhos. Os resultados indicam: (a) baixa utilização de referências que abordem as teorias da contabilidade gerencial, baixa incidência de referências a artigos publicados em periódicos internacionais e alta idade média dos trabalhos citados, 10 anos; (b) as estratégias de pesquisa se concentram em pesquisas de campo (38%), levantamentos descritivos (16%), ou trabalhos documentais (9%), sem geração de teorias substantivas ou trabalhos de natureza explicativa; (c) em relação às teorias, observa-se que 83% dos trabalhos se baseiam somente em conceitos contábeis ou legislação, enquanto 17% utilizam teorias da economia...

Análise epistemológica das pesquisas em contabilidade publicadas em periódicos nacionais

Gomes, Gilvania de Sousa
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
35.75%
Este estudo teve a finalidade de realizar uma análise epistemológica das publicações brasileiras em periódicos nacionais reconhecidos pela CAPES, durante os anos de 2007 a 2011, com base em uma amostra de 198 artigos provenientes de onze periódicos. Para tanto, utilizou-se o espaço metodológico quadripolar proposto, inicialmente, por Bruyne, Herman e Schoutheete (1982), aplicado a estudos na área de Administração por Martins (1994) e, em seguida, utilizado por Theóphilo (2000), Theóphilo (2004) e Botelho (2012) na área contábil. Tal metodologia de análise abrange os Pólos Epistemológico, Teórico, Metodológico e Técnico. Análises de conteúdo foram realizadas a fim de compor um banco de dados com informações sobre os textos lidos. Dentre os resultados, destaca-se o predomínio de pesquisas do tipo Teórico-empíricas (51%), estando os assuntos mais abordados concentrados nas áreas temáticas de Contabilidade para Usuários Externos (36%), Controladoria e Contabilidade Gerencial (19%), e Ensino e Pesquisa em Contabilidade (19%). No Polo Epistemológico, verifica-se a ocorrência da ruptura entre o objeto científico e o objeto do senso comum, em 73% das pesquisas; a problemática está claramente explicitada em 69% dos trabalhos e os princípios da elaboração do objeto científico foram respeitados...

The water metabolism of socio-ecosystems. Epistemology, methods and applications

Madrid-López, Cristina
Fonte: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //2014 ENG
Relevância na Pesquisa
25.64%
La línea de investigación presentada en esta tesis representa un primer acercamiento entre los estudios sobre Hidrología y Metabolismo Social. La línea nace de la observación de que el agua es evitada en los estudios que tratan el metabolismo y de que la ciencia del agua –si bien reconoce la necesidad de evolucionar hacia la interdisciplinariedad- todavía no ha conseguido conectar los análisis enfocados en la sociedad y en los ecosistemas. La contribución que se hace en este trabajo es precisamente la definición de un marco analítico –el Metabolismo Hídrico de los Socio-ecosistemas- donde se puede establecer esta conexión y que está formado por una propuesta conceptual y un set de herramientas metodológicas. El documento se divide en tres partes donde se discuten las novedades epistemológicas, metodológicas y formales del marco. La Parte I cubre las reflexiones epistemológicas relacionadas con el marco analítico. Éstas comienzan en el Capítulo 1 con la explicación de los restos a los que la ciencia del agua se enfrenta y que están relacionados con la necesidad de encontrar marcos analíticos que puedan proporcionar inputs relevantes para la gestión integrada de los recursos hídricos (GIRH). Al igual que para el caso de otros recursos...

A representação das palavras contabilidade, custos e investimento para os universitários e profissionais da área econômica/financeira

Panhoca, Luiz; Accioly Jr, Horácio; Nakagawa, Masayuki; Silva, Olga Maria Panhoca da
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2004 POR
Relevância na Pesquisa
25.8%
Considera-se que os profissionais da área da Contabilidade e áreas afins devam compreender os termos empregados na área contábil como requisito necessário para o exercício profissional. Pretendeu-se verificar a visão dos estudantes da área e suas representações dos termos contabilidade, custos e investimento. A perspectiva teórico-metodológica, orientadora desta pesquisa, é a Teoria das Representações Sociais, podendo ser entendida como assertivas do senso comum que se elaboram coletivamente nas interações sociais, sujeito-sujeito e sujeito-grupo para dar conta da realidade. Foram coletados 566 depoimentos em diversas regiões do Brasil. Como resultado, verificou-se que não existe consenso na representação social dos termos estudados e se destacaram quatro classes de pensamento. Pode ser observado que os alunos de Contabilidade formavam um bloco que se polarizava à representação dos alunos de Administração e Marketing. Também se posicionam, distintamente, os alunos de primeiros e segundos anos de graduação em relação aos alunos de terceiros e quartos anos. Constatou-se que não existe consenso para os termos investigados. Esta análise tende a mostrar que o primeiro grupo demonstra relacionar os termos à gestão...