Página 1 dos resultados de 4360 itens digitais encontrados em 0.010 segundos

Alunos de escolas especiais : trajetórias na rede municipal de ensino de Porto Alegre

Silva Junior, Edson Mendes da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.16%
A presente pesquisa teve como objetivo analisar as trajetórias escolares de alunos de escolas especiais, buscando a compreensão acerca do atual papel desempenhado por essas instituições na escolarização de alunos com deficiência e de como têm ocorrido às relações entre o ensino comum e aquele exclusivamente especializado. A investigação foi desenvolvida com base na trajetória escolar de alunos de quatro escolas especiais da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre, em consonância com os pressupostos de uma pesquisa qualitativa, tendo com campo de teorização os estudos relativos à educação especial, à inclusão escolar e ao pensamento sistêmico. Investiu-se no levantamento de dados quantitativos e qualitativos para a compreensão dos processos investigados. No tocante ao levantamento dos dados quantitativos, foram selecionadas e analisadas 427 pastas escolares, referentes ao número total de alunos matriculados, em 2012, nas escolas especiais dessa rede. Essa análise documental teve como objetivo a elaboração de categorias analíticas que identificassem o fluxo que caracterizava a vida escolar do aluno e a possível identificação no tocante aos deslocamentos institucionais entre o ensino comum e as escolas especiais. No que concerne aos aspectos qualitativos da investigação científica...

Do especial ao inclusivo? : um estudo da proposta de inclusão escolar da rede estadual de Goias, no municipio de Goiania

Dulce Barros de Almeida
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 14/07/2003 PT
Relevância na Pesquisa
46.3%
No presente trabalho, buscamos compreender a implantação e a operacionalização da Proposta de Inclusão Escolar da Rede Estadual de Educação de Goiás, em seus pressupostos teóricos e práticos. Essa ação ocorreu no município de Goiânia e essa Proposta é proveniente da Superintendência de Ensino Especial – SUEE e é por ela gerenciada. Trata-se de um órgão pertencente à estrutura da Secretaria Estadual de Educação – SEE. Para tanto, revimos a trajetória histórica da educação especial na rede estadual a partir da década de 1970 e observamos, descrevemos e analisamos como esta Proposta realiza-se nas salas de aula das escolas inclusivas, por meio das práticas de ensino desenvolvidas. Participaram deste estudo 40 salas de aula de 16 escolas do ensino regular denominadas Escolas Inclusivas de Referência e os órgãos da Secretaria Estadual de Educação diretamente envolvidos na implementação da Proposta, a saber: Superintendência de Ensino Especial, Superintendência de Ensino Fundamental, Setores de Apoio à Inclusão, Conselho Estadual de Educação e Subsecretaria Metropolitana de Educação. Realizamos uma investigação qualitativa de abordagem descritivo-reflexiva. Como instrumentos de coleta de dados utilizamos...

Inclusão escolar : das intenções a pratica : um estudo da implantação da Proposta de Ensino Especial da Rede Municipal de Natal/RN

Maria Antonieta Brito de Castro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em /08/1997 PT
Relevância na Pesquisa
56.32%
Esta pesquisa investiga o processo de implantação da "Proposta de Ensino Especial" da Rede Municipal de Ensino de NatalJRN, a qual, a partir de 1994, visa a inclusão do aluno com deficiência na escola regular.O problema de nossa pesquisa está centrado nas condições de atuação da professora na implementação da Proposta. Nosso objetivo consiste, pois, em discutir o percurso, e os percalços, que conduzem das intenções à prática escolar da "Proposta de Ensino Especial". Na pesquisa de campo realizada em cinco escolas municipais de Natal, entre dezembro de 1995 e março de 1996, entrevistamos educadores das escolas e técnicos da Subcoordenadoria de Orientação Pedagógica e Educacional (SOPE) , quando levantamos informações acerca do processo de inclusão do aluno com deficiência nas salas de aula. Verificamos, com base na análise dos dados, que a Proposta se constitui num avanço no meio educacional de Natal. Todavia, a sua implantação e expansão estão evidenciando a gravidade da situação das escolas da rede de ensino municipal, face às dificuldades encontradas pelos educadores na operacionalização da Proposta, especialmente quanto à falta de capacitação docente e acompanhamento por parte da SOPE. Constatamos...

Ensino colaborativo : clima de partilha

Frade, Carla Manuela Lemos Silva
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 13/10/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.31%
O Presente estudo analisa o modelo de ensino colaborativo praticado nas escolas do 1ºciclo do Agrupamento de Escolas de Pevidém, no Concelho de Guimarães no ano lectivo 2010/2011. A educação inclusiva é hoje muito falada e o atendimento a crianças com necessidades educativas especiais é uma realidade. Para que a escola seja efectivamente inclusiva passa por desenvolver as estratégias e a qualidade do apoio educativo em educação especial. Este apoio só será de qualidade se articulado com o ensino regular. A acção simultânea entre os dois docentes na sala de aula, é essencial para que a escola seja verdadeiramente inclusiva. O objectivo principal desta investigação é o de caracterizar o modelo colaborativo entre docente de educação especial e docente do ensino regular, no atendimento a crianças com necessidades educativas especiais. Numa primeira fase, é feita uma análise conceptual sobre o conceito de educação especial, escola inclusiva e ensino colaborativo. A metodologia de investigação utilizada é de natureza qualitativa, e a amostragem é de conveniência, com 19 professores do ensino regular e 5 do ensino especial. Os resultados obtidos demonstram que é grande a motivação para a docência e que existe colaboração em muitos aspectos neste modelo...

As TIC na educação de alunos com necessidades educativas especiais: proposta de um programa de formação para o ensino básico

Ribeiro, Jaime Emanuel Moreira
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
46.14%
Este trabalho visa investigar e desenhar uma proposta de um programa de formação contínua focalizado na utilização das TIC na Educação de Alunos com NEE, dirigido a Docentes de Educação Especial e a Coordenadores PTE, considerando que estes dois grupos profissionais podem desempenhar um papel preponderante na promoção de uma escola verdadeiramente inclusiva da qual a utilização de tecnologias com populações especiais é uma adjuvante. A facilitação do Acesso e Participação por meio das tecnologias carece de profissionais capacitados e cientes do potencial destas tecnologias, pelo que a formação obtida é um fator decisivo no balancear entre necessidades e competências. Para tal, e no enquadramento teórico, procurámos contextualizar o modo como se processa a educação dos alunos com Necessidades Educativas Especiais e todas as determinantes neste processo. A identificação do estado da arte da utilização das TIC na educação de todos os alunos é igualmente abordada de modo a estabelecer relações da sua utilização com os alunos que se desviam dos padrões usuais de Aprendizagem. Procurámos, igualmente, discriminar de que modo se processa a formação de professores no contexto nacional e qual o seu impacto para o estabelecimento de uma escola inclusiva. Do ponto de vista metodológico...

O processo ensino-aprendizagem: relatório de estágio

Guerreiro, Rui Miguel Marques
Fonte: Escola Superior de Música de Lisboa Publicador: Escola Superior de Música de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /08/2014 POR
Relevância na Pesquisa
46.18%
I - Inserido no Concelho de Odivelas, cuja realidade e contexto sócio cultural realçam a problemática da diversidade cultural, colocando ao professor dúvidas e dificuldades emrelação às suas práticas educativas, o Conservatório de Música D. Dinis é a escola na qual leciono desde 1993. É também local de reflexão permanente quanto aos critérios e condições que devem nortear a prática pedagógica contemporânea na área da música, cujo objetivo assenta na formação integral do aluno através da utilização de estratégias de ensino que o responsabilizem na própria aprendizagem. Considerando estes desafios, o seguinte trabalho será realizado no contexto da minha classe de violino e incidirá sobre três alunos em particular, que frequentam os seguintes graus, a saber: 1 - Iniciação (1º ciclo do ensino básico); 2 - 2º grau (2º ciclo do ensino básico); 3 - 5º grau (3º ciclo do ensino básico). Apesar de acreditar nas suas capacidades de aprendizagem e ter um cuidado especial sobre as minhas ações e os efeitos destas na aprendizagem académica e social dos meus alunos, os resultados finais são reveladores da importância da motivação, do apoio parental e da responsabilidade dos alunos na obtenção do seu próprio sucesso escolar.; II - A presente investigação tem por objetivo principal refletir sobre a problemática do processo ensino-aprendizagem do violino a crianças cegas. Destinada sobretudo a professores interessados em desenvolver esta atividade musical com este grupo de crianças...

A política de educação especial no estado de Sergipe (1979-2001)

Matos,Nelson Dagoberto de
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2007 PT
Relevância na Pesquisa
46.15%
O estudo teve como objetivo realizar uma avaliação da política de educação, no Estado de Sergipe, destinadas às pessoas com deficiências, no período entre 1979 até o ano de 2001. A fonte de informação central da estrutura administrativa de Governo, foi a Secretaria de Estado da Educação, e outras instituições cujo acervo documental tivesse relação com os indicadores sociais definidos para o estudo (1-Planos, programas e projetos de governo; 2-Expansão da rede física; 3-Evolução do número de matrículas; 4-Estrutura organizacional; 5-Recursos humanos, e; 6-Legislação). Foram identificados 136 diferentes documentos distribuídos pelas fontes de informação selecionadas. Os resultados indicaram que houve implementação progressiva de programas e projetos educacionais, com a intervenção de organismos internacionais; progressiva produção de normas e leis, de conseqüências práticas restritas; alterações organizacionais do Estado, envolvendo a Secretaria de Educação e criação de órgãos voltados para pessoas portadoras de deficiência; evolução contínua da rede física; expansão do índice de matrícula, acentuando-se no nível ensino pré-escolar e pouco significativo no ensino de 2º grau e na educação especial. Com relação à política de educação especial nas gestões analisadas nos últimos 22 anos...

A fonoaudiologia na relação entre escolas regulares de ensino fundamental e escolas de educação especial no processo de inclusão

Ramos,Alice de Souza; Alves,Luciana Mendonça
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
46.24%
A presente pesquisa teve como objetivo conhecer como ocorre o processo de inclusão de crianças com necessidades especiais no Ensino Fundamental, como acontece a comunicação entre escolas de educação especial e regular, bem como a atuação dos inúmeros profissionais envolvidos, enfocando o papel do fonoaudiólogo. Como metodologia, realizou-se um delineamento descritivo e analítico, por meio de inquérito, aplicados em seis Escolas de Educação Especial e seis Escolas de Ensino Regular da Rede Pública Municipal de Belo Horizonte. Participaram do estudo 6 coordenadores e 42 professores de escola regular, nove coordenadores e 61 professores de escola especial, totalizando 118 sujeitos pesquisados. Os questionários abordaram aspectos relacionados à gestão da escola, à formação docente, ao perfil dos alunos, profissionais atuantes no processo educacional, além de formas de contato entre instituições de serviço de Saúde e Educação. Na análise dos resultados, dentre outras questões, foi observada grande demanda para serviço fonoaudiológico, ainda pouco presente na área educacional. A comunicação entre os dois tipos de escola não acontece em todas as instituições pesquisadas. Ambas possuem conhecimento restrito da fonoaudiologia...

Avaliação de políticas públicas: a inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais no Ensino Fundamental das cidades-pólo do Estado de São Paulo

Marins,Simone Cristina Fanhani; Matsukura,Thelma Simões
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2009 PT
Relevância na Pesquisa
46.28%
Esta pesquisa fundamenta-se nas diretrizes políticas para a educação inclusiva no Brasil e suas estratégias de implementação que propõem, além da garantia do acesso, permanência e qualidade da educação para os alunos com necessidades especiais no ensino regular. A literatura nacional reporta inúmeros estudos sobre as questões legais e as diretrizes políticas. Não obstante, indica-se que pouco se conhece sobre as práticas em perspectivas locais, observando-se a possibilidade de um descompasso entre as práticas e as políticas públicas em educação especial. O governo federal apoiou-se nas ações de 144 cidades-pólo, visando a interação entre a gestão e as práticas educacionais desenvolvidas nas escolas dos municípios. O objetivo desta pesquisa é identificar, de acordo com a percepção dos gestores da área da Educação Especial de cidades-pólo do estado de São Paulo, quais as ações foram implementadas a partir das diretrizes nacionais para a educação inclusiva na rede regular - Ensino Fundamental. Participaram do estudo seis Secretarias Municipais de Educação - Educação Especial. O instrumento de coleta de dados foi um questionário com questões abertas e fechadas. Os resultados demonstram que na esfera municipal há o conhecimento da legislação acerca das diretrizes nacionais...

A inclusão nas escolas de 1º ciclo de ensino básico de Lisboa: algumas considerações

Dorziat,Ana
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2009 PT
Relevância na Pesquisa
56.28%
A inclusão nas escolas regulares de pessoas consideradas com necessidades educativas especiais tem sido contemplada nas políticas educacionais de vários países. Os estudos mostram que, no Brasil, as iniciativas acontecem de forma lenta e gradual, devido às mais variadas questões, como a ausência de condições físicas, materiais e humanas das escolas e a indefinição do papel da educação especial nesse processo. A partir dessa problemática, buscamos conhecer outra realidade - a portuguesa -, na expectativa de contribuir com reflexões mais amplas sobre o tema. Assim, desenvolvemos uma investigação, visando a analisar a materialidade das políticas de inclusão em algumas escolas públicas de 1º Ciclo do Ensino Básico da cidade de Lisboa/Portugal, a partir de informações prestadas pelos gestores, coordenadores e professores de ensino especial. Os dados mostraram que as escolas inclusivas de Lisboa, embora contem com a presença de professores de ensino especial em seus quadros, ainda não possuem, em termos físico e material, as condições ideais e, sobretudo, carecem de uma visão de educação e de inclusão mais ampla, que permita revisitar antigos conceitos, presentes na educação especial. No entanto, se, por um lado...

As características dos alunos são determinantes para o adoecimento de professores: um estudo comparativo sobre a incidência de Burnout em professores do ensino regular e especial

Silva,Nilson Rogério da; Almeida,Maria Amélia
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.2%
O exercício da docência é permeado por condições de trabalho adversas, baixos salários, insuficiência de recursos materiais e didáticos, salas numerosas, tensão no relacionamento com os alunos, carga horária de trabalho excessiva, inexpressiva participação no planejamento da instituição e nas políticas institucionais e falta de segurança no ambiente escolar. O presente estudo teve por objetivo comparar a presença de indicadores de burnout em três grupos de professores que atuam no primeiro ciclo do Ensino Fundamental: a) 20 no ensino regular, em turmas sem a inserção de alunos com necessidades educacionais especiais - RSI; b) 20 no ensino regular, em turmas com a inserção de alunos com necessidades educacionais especiais - RCI; c) 20 em salas de recursos - SR. Para a coleta, foi utilizado o Maslach Burnout Inventory -MBI. Na análise de dados, empregou-se o SPSS, versão 13.0, e o Teste de Kruskal-Wallis para comparação dos grupos. Os resultados, que foram organizados em forma de Figuras e Tabelas, revelam que, de maneira geral, os grupos apresentaram relativa similaridade. Entretanto, algumas diferenças foram encontradas. O grupo de professores SR obteve os melhores resultados na avaliação das três escalas do burnout...

Estudo de caso sobre a inclusão de alunos com deficiência no Ensino Superior

Duarte,Emerson Rodrigues; Rafael,Carla Beatriz da Silva; Filgueiras,Juliana Fernandes; Neves,Clara Mockdece; Ferreira,Maria Elisa Caputo
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
46.22%
o objetivo do presente estudo foi levantar o número de alunos auto-declarados com deficiência em processo de inclusão no ensino superior nas instituições públicas e privadas de Juiz de Fora. Tal temática merece destaque vista as políticas implementadas pelo Governo Federal de acesso ao Ensino Superior, como o ProUni, o REUNI e o FIES a fim de ampliar o nível de escolarização da população. Assim, foram pesquisadas 11 Instituições de Ensino Superior de Juiz de Fora, sendo dez privadas e uma pública. Para tanto, foram entrevistados os coordenadores de cursos que contavam, no período da coleta de dados, com alunos auto-declarados com deficiência, regularmente matriculados e frequentando o curso. As entrevistas foram submetidas à análise de conteúdo. Foi possível perceber que existem, atualmente, 45 alunos com deficiência matriculados e frequentes em cursos de ensino superior da cidade. A rede privada representa 82,2% desse total e a rede pública federal, 17,8%. Portanto, é de grande relevância a concretização de estudos que visem ampliar as informações sobre a inclusão de pessoas com deficiência na rede de ensino brasileira. Isso possibilitará o entendimento do processo de dificuldades, luta e superação desses estudantes até a chegada ao Ensino Superior. Esta questão tem sido importante para dar assistência aos profissionais envolvidos na ação pelo direito das pessoas com deficiência e o acesso dos mesmos...

A inclusão do aluno surdo no ensino médio e ensino profissionalizante: um olhar para os discursos dos educadores

Mallmann,Fagner Michel; Conto,Juliana de; Bagarollo,Maria Fernanda; França,Denise Maria Vaz Romano
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.16%
O objetivo desse trabalho foi investigar, a partir do olhar da equipe educacional, as práticas pedagógicas no Ensino Médio e Ensino Profissionalizante quando tem em sala de aula alunos surdos. Foi realizada uma pesquisa de campo qualitativa e a coleta de informações ocorreu a partir de uma entrevista não estruturada com dois professores, dois pedagogos e um intérprete de Libras que atuam na educação de três alunos surdos do ensino regular. A pesquisa foi realizada em uma escola estadual, considerada referência para educação de surdos, de uma cidade de médio porte do interior do Paraná. O conjunto de dados foi dividido em eixos temáticos e analisados a partir do conteúdo. Os eixos temáticos norteadores da discussão são: aspectos positivos e negativos - inclusão do aluno surdo no ensino regular; metodologias de ensino usadas em sala de aula com o aluno surdo; o intérprete de Libras na escola regular. Conclui-se que a inclusão do aluno surdo está sendo realizada, mas que essa inclusão não está garantindo o acesso às aprendizagens, pois há dificuldades de comunicação entre professor e aluno surdo, falta de conhecimento sobre a surdez e adaptações metodológicas isoladas na sala de aula. Espera-se que esse estudo movimente discussões acerca da inclusão do aluno surdo no ensino regular...

Ensino da matemática a alunos com deficiência intelectual na educação de jovens e adultos

Brito,Jessica de; Campos,Juliane Aparecida de Paula Perez; Romanatto,Mauro Carlos
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.19%
A inclusão de jovens e adultos com deficiência intelectual na EJA representa tanto um avanço quanto um desafio frente ao processo ensino-aprendizagem; e, quando tratamos da adaptação curricular para o ensino de Matemática a este alunado, estamos diante da construção de novas possibilidades educacionais. Este estudo teve como objetivo conhecer as práticas do professor da EJA para o ensino de saberes matemáticos ao aluno jovem e adulto com deficiência intelectual, e intervir junto ao docente sobre possíveis estratégias que seriam então adotadas. Para isso, utilizou-se como referência metodológica a abordagem qualitativa com foco na pesquisa-intervenção. O estudo foi realizado em uma sala da EJA, na qual participaram uma professora e cinco estudantes, dois destes com deficiência intelectual. Foram realizadas observações em sala e intervenções mediante aplicação de atividades diferenciadas com foco no ensino desses saberes. Por intermédio dessa pesquisa, verificou-se que estratégias tais como jogos podem efetivamente auxiliar na aquisição de conceitos matemáticos. Assim, espera-se que este estudo desperte reflexões entre os pesquisadores dos campos da Educação Matemática e da Educação Especial e destaque...

Síndrome de Burnout: estudo comparativo entre professores do ensino especial e do ensino regular

Braun,Ana Claudia; Carlotto,Mary Sandra
Fonte: Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional (ABRAPEE) Publicador: Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional (ABRAPEE)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
46.25%
O objetivo deste estudo foi verificar se existem diferenças nos índices das dimensões de SB, Perfil 1 e 2 entre professores de ensino especial e regular. A amostra constituiu-se de 160 professores, 80 de ensino especial e 80 de ensino regular. Os instrumentos utilizados foram um questionário elaborado para levantamento de dados demográficos e laborais e o Cuestionario para la Evaluacióndel Síndrome de Quemarse por elTrabajo - CESQT. Os resultados encontrados, por meio do teste t de student, evidenciaram que professores de ensino especial possuem média mais elevada na dimensão de Ilusão pelo Trabalho e professores de ensino regular, maiores índices médios de Perfil 1 e Perfil 2 de Burnout. Resultados apontam a necessidade de intervenções diferenciadas que considerem as peculiaridades funcionais dos grupos investigados.

"Síndrome de Burnout em professores de ensino especial"

Braun, Ana Claudia
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
56.41%
Esta dissertação é composta por dois artigos que investigam a Síndrome de Burnout (SB) em professores de ensino especial. O primeiro, “Síndrome de Burnout em professores de Ensino Especial”, teve como objetivo estudar a prevalência da Síndrome de Burnout e sua associação com variáveis sóciodemográficas, laborais e estratégias de coping ocupacional na população de professores de ensino especial, da região do Vale dos Sinos/RS. O segundo artigo, “Síndrome de Burnout: um estudo comparativo entre professores de ensino especial e regular”, teve como objetivo verificar se existem diferenças nos índices das dimensões da SB entre o ensino especial e o ensino regular. No primeiro artigo, participaram do estudo 88 professores que trabalham em escolas de ensino especial. Como instrumentos de pesquisa, utilizou-se um questionário para o levantamento de variáveis sociodemográficas e laborais, o Cuestionario para la Evaluación del Síndrome de Quermarse por el Trabajo (CESQT), para a avaliação da SB; e a Escala de Coping Ocupacional para avaliar as estratégias de coping ocupacional. Os resultados demonstraram associação positiva entre o número de horas de trabalho semanais na docência e a dimensão de Ilusão pelo Trabalho. O número de alunos atendidos associou-se negativamente à dimensão de Culpa. Em relação às estratégias de coping...

Uma escola inclusiva de referência no contexto da educação especial no estado de Goiás: um estudo de caso; An inclusive reference school in the context of inclusive special education of the regular educational system of Goiás: a case study

ALMEIDA, Gisella de Souza
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação; Ciências Humanas Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação; Ciências Humanas
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.14%
This study seeks to understand the process of implementation and results of the Inclusive Education Proposal into the mainstream education system of the Goiás State. The Superintendence of Special Education, which is a sector of the State Secretariat of Education, is responsible for this proposal. By using a case study, this study looks at the Inclusive School of Reference (Escola Inclusiva de Referência EIR) located in the capital of the state, that is, the Goiânia city. Since 1999, the State Government of Goiás, implemented the Educating for Diversity State Programme that aims to disseminate and implement the national guidelines for inclusion. The Inclusive School of Reference is a central organization in developing this policy. Considering this, this study reviews the development of special education policy in the state of Goiás from 1990 as well as it describes and analyses how the inclusive education proposal happens into the school and in its classrooms. Data has been gathered by using observation, formal and informal interviews, documental analysis and other information collected in the school. A qualitative descriptive and reflective analysis of the data has been carried out by adopting the theoretical and methodological framework of the Phenomenology...

Educar a sociedade para a educação especial: um olhar sobre a educação.

Vasconcelos, Teresa Alexandra Monteiro
Fonte: Universidade Portucalense Publicador: Universidade Portucalense
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
56.15%
O desenvolvimento de qualquer investigação pressupõe a existência de algo que nos inquieta e nos induz curiosidade e este trabalho não constitui uma exceção. Assim sendo, formulou-se o principal objetivo de estudo: Educar a sociedade para a educação especial: um olhar sobre a Surdez. Os objetivos específicos são: Identificar se quem comunica de forma diferente tem algum tipo de impacto numa sociedade maioritariamente ouvinte, Despertar a consciência para as diferentes formas de comunicação, Asserir (assegurar, contribuir) uma comunicação mais eficaz entre ouvintes e Surdos, Dar a conhecer à comunidade ouvinte a Língua Gestual Portuguesa, Promover a língua gestual portuguesa. Para tal utilizamos uma metodologia qualitativa de natureza exploratória e descritiva, com a aplicação de um questionário semiestruturado. As novas conceções de Surdez, trabalhadas pelos autores, dão realce às perspetivas oralistas e gestuais. O acesso à educação das crianças Surdas, ocorre com a criação de estruturas de ensino especial organizadas por tipos de deficiência. A ingressão destas crianças na escola do ensino regular é essencial para o seu desenvolvimento mais eficaz. Vivemos na era em que as culturas se fundem e convivem lado a lado...

Pedagogia social/educação especial: que administração?

Capelo, Maria Celeste Marcelino Tavares de Sá Pereira
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46.23%
A presente investigação é polivalente e complexa: engloba as áreas filosóficas, histórica, pedagógica, política, jurídico-penal e social/assistencial, no âmbito da História da Educação em Portugal. Ela visa estudar, relacionar e cor-relacionar num determinado período histórico a Educação Especial e a Educação Assistencial. Pretende-se que seja um estudo enquadrado pelas correntes filosóficas predominantes, sobretudo a filosofia positivista nos finais do Séc.XIX. Ao longo do trabalho pode observar-se a influência do pensamento de alguns autores como Ferreira Deusdado, Padre António Oliveira, Manuel de Lima Barreto, visconde de Alvarelos, Cavaleiro de Miranda, Moniz Barreto, Maria Montessori, Abbagnano, Manuel Ferreira Patrício, António Nóvoa, Marcel Postic, Rómulo de Carvalho, veríssimo Serrão e outros. Uns da época estudada, outros da nossa época. Pretendemos ver aqueles com os seus próprios olhos, mas também com os olhos destes. Procura-se investigar conteúdos de carácter social ligados á Educação Especial e Assistencial, com já se afirmou. Relata-se, como ilustração um caso notável de Pedagogia Social - a obra do Padre António de Oliveira e a Casa de Correcção de Caxias, hoje Instituto Padre António de Oliveira. São traçados alguns apontamentos sobre Escolas/Instituições de Ensino Especial...

Inclusão do ensino especial como direito fundamental

Castro, Glauciene Vasconcelos Lopes Ferreira de
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.22%
O tema ensino especial reveste-se de importância para os portadores de necessidades especiais que necessitam de atenção individualizada, além do que constitui um direito fundamental contido na constituição brasileira. São direitos constitucionais, entre outros, a cidadania, a dignidade da pessoa humana, além da promoção de todos, sem quaisquer distinções ou discriminações, por sua igualdade. A educação especial amparada na idéia de igualdade e dignidade da pessoa humana, protegida pela carta magna num contexto histórico, social, psicológico, cultural e sob uma perspectiva de direitos humanos, assegura tratamento especial aos mais necessitados, “preferencialmente” na rede regular de ensino, objetivando uma melhor qualidade de vida. A educação especial ou a inclusão, quando possível, trata-se de uma obrigação do Estado e da sociedade objetivando a minimização da discriminação dos portadores de necessidades especiais e a redução das desigualdades sociais. Os direitos fundamentais que garantem a igualdade dependem não somente do Estado, como um dever, mais também da sociedade para se atingir o bem comum. A realidade brasileira está muito longe de alcançar o fim do preconceito e das desigualdades de qualquer natureza diante do despreparo do Estado. Entretanto...