Página 1 dos resultados de 531 itens digitais encontrados em 0.062 segundos

Ensino de português: a caixa-preta da gramática pedagógica; Portuguese teaching: the black box of the pedagogical grammar

Dias, Glauci Helena Móra
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/06/2009 PT
Relevância na Pesquisa
86.21%
À luz da concepção bakhtiniana de linguagem e do pressuposto de que ensinar a língua não é ensinar gramática normativa, o trabalho tem por objetivo analisar uma gramática considerada como modelo da indústria cultural, a Gramática da Língua Portuguesa, de Pasquale e Ulisses. Este exame parte de quatro eixos de investigação, a saber: concepções teóricas, abordagem didático-metodológica, enfoque relacional e dimensão mercadológica. Levando em conta a relevância dos estudos sobre os livros didáticos no ensino de língua materna, a pesquisa objetiva contribuir para os debates educacionais e para a revisão das concepções de ensino de língua portuguesa, com fundamentação na lingüística moderna e nos postulados de Giroux, Bakhtin, Bourdieu, Freire, Eco e Bonazzi, Nozella e Olson. A pesquisa visa também compreender a organização da mencionada gramática pedagógica, tanto no que diz respeito à proposta, ao objeto e ao referencial de ensino de português, bem como a tendências e significados assumidos por seus autores. Para tanto, examinam-se as concepções de linguagem e suas implicações, as exigências mercadológicas da indústria cultural e os atuais dilemas da formação do professor no Brasil. Desta forma...

No meio do caminho tinha uma pedra - ensino de gramática: reflexões a partir de paralelo entre as diretrizes oficiais e a prática da sala de aula na rede pública de ensino do Estado de São Paulo; No meio do caminho tinha uma pedra lenseignement de grammaire: comparaison entre lorientation des documents oficiels et la pratique pedagogique des professeurs des écoles publiques de lEstado de São Paulo

Rodrigues, Roseli Hilsdorf Dias
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/07/2011 PT
Relevância na Pesquisa
106.15%
Este trabalho parte da concepção de linguagem como forma de interação e entende o ensino de gramática como o estudo que leva o aluno à percepção dos efeitos de sentido resultantes das construções linguísticas escolhidas numa situação enunciativa, com base no conceito de enunciação de Bakhtin. Além de refletir sobre a língua portuguesa e seu ensino, este trabalho objetiva verificar as diretrizes dos vários documentos oficiais, desde 1986 até o presente momento (tanto do Estado de São Paulo, quanto do governo federal) e estabelecer paralelos entre eles, considerando os princípios que compõem a base teórica subjacente a cada um deles e os diferentes contextos históricos e sociais em que foram publicados. Quanto à metodologia utilizada, foram feitas pesquisas bibliográficas, bem como pesquisas primárias, em forma de entrevistas, sobre da nova Proposta Curricular (SÃO PAULO, 2008) e do Caderno do Professor (SÃO PAULO, 2009), com dez professores de língua portuguesa do ensino médio, que atuam em escolas de uma cidade do Vale do Paraíba paulista, na rede oficial de ensino do Estado de São Paulo. Verificaram-se, por meio da análise das respostas, os seguintes aspectos: i) uso do material; ii) sua utilidade; iii) modo de trabalhar gramática com apoio nesse material; iv) posição do professor em relação às diretrizes oficiais e...

Atraves do ensino da gramatica

Graziela Lucci de Angelo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 07/12/1990 PT
Relevância na Pesquisa
86.11%
O objetivo deste trabalho é verificar qual é a concepção de gramática vigente no ensino de língua portuguesa de 1o. grau e apontar alguns motivos que têm feito a escola assumir tal concepção. São analisados e comparados dados de três elementos relacionados ao ambiente escolar: o aluno (de 5a. a 8a. séries do 1o. grau).o professor de língua portuguesa (1o. e 3o. graus) o material didático (de 5a. a 8a. séries do 1o. grau). As informaçôes referentes aos alunos e professores são obtidas através da aplicação de questionários específicos aos três grupos de informantes. Não há preocupação de analisar estatisticamente os dados mas. "ouvir" o que os informantes tem a dizer sobre o ensino de gramática. Alguns trabalhos sobre o ensino gramatical são também examinados com o propósito de verificar a influência da escrita acadêmica sobre a prática de professores e alunos...Observação: O resumo, na íntegra poderá ser visualizado no texto completo da tese digital; Not informed

A atividade inferencial como estratégia de leitura a partir do ensino da gramática

Lacerda, Keyla Gonçalves de Lima
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
86.19%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, 2011.; Esta pesquisa qualitativa, com característica etnográfica colaborativa, volta-se para a observação do processo ensino-aprendizagem de leitura, abordando a atividade inferencial como estratégia de leitura a partir do ensino da gramática. Em uma perspectiva enunciativa, uma vez que o sentido não está apenas no texto, mas se constrói a partir dele no curso de uma interação, a pesquisa se propõe estudar as inferências como estratégias cognitivas por meio das quais o ouvinte ou leitor, partindo da informação veiculada pelo texto e levando em conta o contexto (em sentido amplo), formula novas representações mentais e/ou estabelece uma ponte entre segmentos textuais, ou entre informação explícita e informação não explicitada no texto. Este estudo visa também à reflexão de práticas pedagógicas em relação ao ensino da gramática como suporte para o desenvolvimento de habilidades leitoras, além de analisar resultados dos alunos em itens de compreensão textual em avaliações externas à escola, como o SIADE – Sistema de Avaliação do Desempenho das Instituições Educacionais do Sistema de Ensino do Distrito Federal. A pesquisa de campo se realizou em uma escola classe pública do Distrito Federal em que se fez observação participante e entrevista semiestruturada. O resultado deste trabalho levou ao entendimento de que o baixo desempenho demonstrado pelos alunos nas provas de leitura das avaliações em larga escala é influenciado por fatores socioeduacacionais e pelas concepções de texto...

O lugar da gramática no ensino de línguas : a prática de uma professora em uma escola de idiomas

Sateles, Letícia Maria Damaceno
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
86.17%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada, 2012.; Este trabalho investiga, com base na análise das aulas de inglês de uma professora em uma escola de idiomas do Brasil, o lugar da gramática no ensino de línguas e, a partir disso, deseja situá-la em uma das duas grandes abordagens de ensino: a Abordagem Gramatical e a Abordagem Comunicativa. Isto significa averiguar qual tem sido a função da instrução gramatical para a aquisição/aprendizagem da língua e de que forma tem acontecido tal instrução. Para o desenvolvimento desta pesquisa, temos como orientação as seguintes perguntas: 1) Qual concepção de língua e gramática subjaz a prática da professora pesquisada? e 2) Qual é o lugar do ensino de gramática nas aulas da professora pesquisada? Para responder a essas perguntas decidimo-nos por uma pesquisa qualitativa de base etnográfico-interpretativista, a qual aconteceu em uma escola de línguas do estado de Goiás e teve como participante uma professora. Os instrumentos de coleta dos registros utilizados foram: um questionário; uma entrevista semiestruturada; a observação e gravação em áudio de 10 aulas; e notas de campo. O procedimento de análise dos dados usado foi a triangulação. Os resultados da investigação revelam que a professora pesquisada segue uma Abordagem Gramatical de ensino...

Modos individuais e coletivos de produzir a inovação no ensino de gramática em sala de aula

Aparício,Ana Sílvia Moço
Fonte: Faculdade de Letras - Universidade Federal de Minas Gerais Publicador: Faculdade de Letras - Universidade Federal de Minas Gerais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 PT
Relevância na Pesquisa
96.02%
Neste artigo, apresentamos como a inovação é produzida em aulas de gramática de sete professores da rede pública estadual da região noroeste do estado de São Paulo que estão buscando transformar sua prática de ensino de língua portuguesa. Mobilizando referenciais teóricos de diferentes disciplinas, na tentativa de não reduzir e não fragmentar nosso objeto de investigação e utilizando a metodologia qualitativo-interpretativista de natureza etnográfica, para a geração e análise dos dados, constatamos que, embora os diferentes modos de inovação produzidos nas aulas analisadas sejam constituídos por uma interrelação de atividades e práticas múltiplas e heterogêneas, os professores que estão tentando inovar sua prática produzem algumas respostas comuns às demandas de inovação.

Descobertas linguísticas para pesquisadores e aprendizes: a Linguística de Corpus e o ensino de gramática

Dutra,Deise Prina; Silero,Rejane Protzner
Fonte: Faculdade de Letras - Universidade Federal de Minas Gerais Publicador: Faculdade de Letras - Universidade Federal de Minas Gerais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 PT
Relevância na Pesquisa
106.06%
Este artigo discute a ocorrência de agrupamentos com a palavra for em textos argumentativos produzidos por aprendizes brasileiros de inglês de nível universitário e sugere atividades pedagógicas de descoberta de padrões linguísticos. Utilizamos ferramentas da Linguística de Corpus (LC) para análise e sugestões de ensino de gramática. Este artigo baseia-se em dados do Corpus de Aprendizes Brasileiros do Inglês (CABrI) em comparação com outros corpora. Os resultados, que revelam o uso adequado ou não adequado de agrupamentos com verbo + for e substantivo + for, são seguidos de atividades que visam à integração da gramática com o léxico e a uma conscientização dos aprendizes sobre a frequência do uso de certos agrupamentos linguísticos.

O ensino de gramática na contemporaneidade: delimitando e atravessando as fronteiras na formação inicial de professores de língua portuguesa

Silva,Kleber Aparecido da; Pilati,Eloisa; Dias,Juliana de Freitas
Fonte: Faculdade de Letras - Universidade Federal de Minas Gerais Publicador: Faculdade de Letras - Universidade Federal de Minas Gerais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 PT
Relevância na Pesquisa
116.16%
Partindo dos avanços obtidos nas pesquisas desenvolvidas no bojo da Linguística Aplicada e das novas perspectivas apresentadas neste campo de investigação, o presente artigo traz uma proposta de ensino cujo maior objetivo é o superar uma concepção tradicional de língua e de ensino de língua ir ao encontro de uma concepção de linguagem capaz de subsidiar não só novas metodologias, mas, principalmente, capaz de remodelar o próprio conteúdo ensinado. Para tanto, são feitas reflexões sobre o ensino de gramática, tendo como pano de fundo as diretrizes curriculares dos cursos de Letras, discussões sobre o ensino de gramática presentes nos cursos de formação de professores de línguas, tais como os PCN (1998), e propostas de autores, como Possenti (1996), Neves (2002), Lobato (2003) e Vieira e Brandão (2007). Por fim, são apresentados possíveis parâmetros para a constituição de novas práticas pedagógicas para o ensino de gramática e para a formação inicial do professor de língua portuguesa, com base nas perspectivas inatista e crítica da linguagem.

Entre ensino de gramática e análise lingüística : um estudo sobre mudanças em currículos e livros didáticos

da Silva, Alexsandro; Gomes de Morais, Artur (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
116.25%
Este estudo buscou investigar o tratamento dado ao ensino de gramática ou à análise lingüística , em currículos e livros didáticos da área de Língua Portuguesa, analisando mudanças, sobretudo didáticas, em relação ao antigo ensino da gramática escolar. Para isso, consideramos aspectos de dois modelos teóricos acerca da construção dos saberes escolares a transposição didática e a história das disciplinas escolares , assim como concepções teóricas sobre ensino de gramática ou análise lingüística na escola. Examinamos, a partir da análise de conteúdo temática categorial, os seguintes documentos e manuais didáticos: Parâmetros Curriculares Nacionais (1º e 2º e 3º e 4º ciclos), currículos do estado de Pernambuco (1ª a 4ª e 5ª a 8ª séries) e da cidade do Recife (1ª a 8ª séries); Guia de Livros Didáticos do Programa Nacional do Livro Didático - PNLD (1997-2007); três coleções de livros didáticos de 1ª a 4ª séries (aprovadas no PNLD 2007 e mais solicitadas pelas escolas públicas de Pernambuco). Os resultados demonstraram que, se alguns dos textos do saber usavam uma nova terminologia para o eixo didático designado como gramática , outros mantinham esta denominação. Quando conceituavam gramática ou análise lingüística ...

Concepções de linguagem e ensino de língua portuguesa: um olhar sobre o trabalho com a análise linguística

Duarte, Álvaro Vinicius de Moraes Barbosa; Barbosa, Maria Lúcia Ferreira de Figueirêdo (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
96.05%
A presente pesquisa teve como objetivo analisar as relações que se estabelecem entre as concepções de linguagem do professor de Língua Portuguesa e sua prática de ensino de análise linguística. Para atingirmos tal objetivo, buscamos analisar as concepções de linguagem e a prática de ensino de análise linguística presentes nos materiais didáticos utilizados durante o período de observação e dos documentos oficiais (Parâmetros para a Educação básica do estado de Pernambuco e diário de classe do professor) que prescrevem/orientam a prática de ensino do professor da Rede Estadual de Ensino; analisar as concepções de língua, gramática e ensino de língua do professor e o que ele conseguiu efetivar em relação à prática de análise linguística; e entender como o professor articula em seu fazer pedagógico, os “conhecimentos teóricos” e os conhecimentos dos “saberes em ação”, em relação á prática de análise linguística. Para a realização do presente trabalho, desenvolvemos uma pesquisa qualitativa, utilizando a metodologia do paradigma indiciário e três instrumentos de coleta de dados: análise documental, entrevista e observação. A fim de entenderemos as relações que se estabelecem entre concepções de linguagem e prática de análise linguística...

Ensino de gramática e análise linguística: mudanças e permanências nas práticas de ensino de língua portuguesa

Tenório, Fabiana Júlia de Araújo; Silva, Alexsandro da (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
106.2%
Este estudo buscou investigar as práticas de ensino de duas professoras de língua portuguesa, que lecionavam nos anos finais do ensino fundamental, na rede municipal de Pesqueira, Agreste pernambucano. Buscamos compreender os elementos das práticas dessas professoras que revelavam permanências do ensino tradicional de gramática e mudanças a partir de um trabalho com a análise linguística. Para isso, contemplamos discussões sobre mudanças no ensino de língua portuguesa e a prática de análise linguística, além de reflexões sobre os saberes docentes e o fazer dos professores no cotidiano da sala de aula. Para realizar a pesquisa, utilizamos dois procedimentos de coleta: observações participantes (15 aulas da professora A e 16 aulas da professora B) e entrevistas semiestruturadas, que foram realizadas em dois momentos distintos: concomitantemente às observações e ao término delas. A análise dos dados revelou alguns elementos das práticas que apontavam para um movimento entre permanências e mudanças no ensino da gramática. Na prática da professora A, quatro elementos se mostraram relevantes: a relação que ela mantinha com o livro didático adotado pela rede, que se estabelecia ora pela rejeição à abordagem transmissiva do livro...

Indícios sincrônicos de gramaticalização: o uso do verbo chegar em orações coordenadas e na perífrase verbal [chegar (e) + v2]: contribuições para o ensino de gramática.

Macedo, Auricélia de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
105.9%
Based on North American Functional Linguistic Theory, our proposal is to describe and analyze the use of verb CHEGAR in verbal periphrasis such as [CHEGAR (E) + V2], where CHEGAR does not demonstrate a significance linked to physical movement. In linguistic literature, such periphrasis has been attributed several functions, related to aspectualization, emphasis of negative segments, and construction of mental spaces, among others. This study considers that the function of verb CHEGAR in the periphrasis in question is to indicate a global aspect, emphasizing a range of semantic-pragmatic nuances such as the sudden, instantaneous, or even abrupt character of the events refered to by the principal verb of the construction (V2), and/or the taking of initiative (sudden) by the agent (in the syntactic role of periphrastic subject), and/or subjective evaluations which go from surprise to frustration. Our objectives are the following: i) to describe and analyze the semanticpragmatic, morphosyntactic and social relationships which characterize the use of CHEGAR in verbal periphrases like [CHEGAR (E) + V2] and in coordinated/juxtaposed speech in which CHEGAR is the principal verb of the first utterance and is an elocution verb and the principal verb of the second; ii) identify...

Crenças de professores do município de Caicó RN sobre o ensino de gramática nos anos iniciais do nível fundamental

Soares, Suenyra Nóbrega
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem; Linguística Aplicada; Literatura Comparada
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
96.24%
Este trabalho tem como objetivo analisar as crenças de professores das séries iniciais do nível fundamental da cidade de Caicó-RN sobre o ensino de gramática. A partir da aplicação de um questionário, analisam-se as crenças manifestadas no discurso de 20 docentes da rede municipal de ensino do referido município. As questões formuladas visaram investigar as crenças dos informantes sobre o que é ensinar gramática e que dificuldades encontram para realizar o ensino dos conteúdos gramaticais, considerando aspectos teóricos e práticos, entre eles: a construção da concepção sobre ensino de gramática, a participação em projetos de formação continuada na especificidade de ensino de língua, a influência dessa formação sobre o seu fazer pedagógico, e a realização do planejamento de ensino de conteúdos gramaticais. Para fundamentar a reflexão, buscou-se apoio em autores como Abrahão; Barcelos (2006); Antunes (2009; 2007); Neves (2004a; 2004b; 2007; 2010) Silva (2004; 2007), Travaglia (2001; 2004); entre outros, a partir dos quais são abordados os conceitos de língua, linguagem e gramática, relacionando-os ao desenvolvimento da competência linguística/comunicativa no ensino de língua portuguesa. Os dados analisados revelam que a influência das crenças sobre o ensino de gramática no fazer pedagógico do professor se relaciona com sua formação acadêmica...

O ensino de gramática em língua estrangeira: concepções de uma professora e implicações em sua prática

Rodrigues, Ricardo Madureira
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
96.17%
Este estudo visa a investigar como as concepções de uma professora, a respeito do ensino de gramática, em língua estrangeira, se manifestam em sua prática, bem como analisar a interrelação entre tais manifestações e a sua prática de ensino. Dada a importância do nosso sistema de concepções na nossa prática docente, faz-se necessário analisar contribuições advindas tanto da teoria como de nossa experiência, na constituição de nossa postura profissional. A relevância desta pesquisa se relaciona à tentativa de mudança de paradigma no ensino de línguas, oriunda das contribuições da Lingüística Aplicada atual em oposição à prática legada pelo ensino tradicional. Apesar de avanços teóricos importantes, este estudo indica que o tema ainda levanta questionamentos que apontam para a falta de discussões mais explícitas, revelando uma lacuna entre a teoria e a prática, e vice-versa. Para este estudo, adotamos o paradigma de pesquisa interpretativa e qualitativa, de base etnográfica. Os principais instrumentos de pesquisa são a observação presencial de aulas, acompanhadas de filmagem, com suas respectivas transcrições, e uma entrevista gravada em áudio. Para a triangulação dos dados, utilizamos ainda notas de campo...

BETWEEN TRADITION AND INNOVATION: A STUDY REGARDING THE CHANGES IN THE TEACHING OF GRAMMAR FOUND IN THE PORTUGUESE LANGUAGE TEXTBOOK; ENTRE TRADITION ET INNOVATION: UNE ÉTUDE SUR DES CHANGEMENTS DANS L'ENSEIGNEMENT DE LA GRAMMAIRE DANS DES MANUELS DIDACTIQUES BRÉSILIENS DE LANGUE PORTUGAISE; Entre tradição e inovação: um estudo sobre mudanças no ensino de gramática em livros didáticos brasileiros de Língua Portuguesa

da Silva, Alexsandro; Universidade Federal de Pernambuco, Brasil; de Morais, Artur Gomes; Universidade Federal de Pernambuco, Brasil
Fonte: Instituto de Educação da Universidade do Minho Publicador: Instituto de Educação da Universidade do Minho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 03/10/2013 POR
Relevância na Pesquisa
86.16%
The purpose of this article is to investigate the treatment given to grammar teaching or to the linguistic analysis in three Brazilian collections of Portuguese textbooks approved by the 2007 National Textbook Program. The results point out that two of the analyzed collections used the term grammar and all of them tended to establish educational objectives related to themastery of the grammar or the language themselves. Regarding the contents, we verified that the traditional topics of school grammar shared the stage with other contents. As we analyzed the activities, we found, in two of the collections, few analytical activities when it came to the traditional contents. At the teaching of the word classes and spelling, we found two main innovations: the use of texts and the tendency to the non-presentation of ready information. At the exploration of the characteristics of textual genders, in addition to using pseudo-texts, the collections adopted, sometimes, a transmissive approach.KeywordsLinguistics analysis; Grammar teaching; Portuguese textbooks; L'objectif de cet article est enquêter le traitement donnée à l'«enseignement de la grammaire» ou à l'«analyse linguistique» dans trois collections brésiliennes de manuels didactiques de Langue Portugaise approuvés dans le Programme National du Manuel Didactique 2007. Les résultats ont montré que deux descollections analysées utilisaient le terme «grammaire» et toutes tendaient à établir des objectifs d'enseignement rapportés au domaine de la grammaire ou de la langue même. Concernant les contenus...

Gramática e sensibilização à diversidade linguística no 1º CEB

Ramos, Maria Irene de Sousa Campos
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
86.11%
O estudo que levámos a cabo insere-se na problemática da sensibilização à diversidade linguística e ensino da gramática no 1º CEB e teve como objetivo principal a construção de conhecimento na área da didática da gramática, nomeadamente nos planos morfológico e lexical, procurando também compreender de que forma atividades de desenvolvimento da consciência linguística em língua materna poderão, ou não, promover objetivos da sensibilização à diversidade linguística. De modo a dar resposta aos objetivos e questões definidos no nosso estudo, concebemos e implementámos um projeto de intervenção didática constituído por seis sessões de trabalho, nas quais abordámos conteúdos programáticos dos planos morfológico e lexical, nomeadamente os processos de formação de palavras por derivação e por composição (radicais eruditos), de acordo com as orientações programáticas emanadas do “Programa de Português do Ensino Básico”, seguindo uma abordagem aproximada ao “laboratório gramatical”. No tratamento dos conteúdos programáticos atrás mencionados, foram incluídas atividades de sensibilização à diversidade linguística, através do recurso a unidades linguísticas em diferentes línguas românicas. Neste estudo...

O ensino da gramática e o conflito com a produção textual

Ferreira, Geovana Sousa
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
86.21%
O ensino da Língua Portuguesa é mais que uma simples decodificação de normas gramaticais em casos particulares, já que o texto é uma ferramenta de interação e comunicação, que estabelece a manifestação verbal de ideias. Os objetivos da presente pesquisa são compreender como tem sido caracterizado o ensino de língua portuguesa em relação ao ensino de gramática e produção textual, discutir sobre os possíveis fatores que contribuem para má construção do texto, analisar a amplitude do ensino de gramática e do ensino de produção textual nas práticas pedagógicas dos professores de Língua Portuguesa; e apontar a importância da prática da escrita ao longo de toda a vida escolar dos alunos. A metodologia empregada foi à qualitativa. Adotamos como fundamentação teórica, os principais equívocos no ensino da língua portuguesa, apontados por Antunes (2003), os mitos que compõem um preconceito linguístico de Bagno (2003) e a proposta de uma revolução no ensino da língua portuguesa mostrando que ensinar língua é diferente de ensinar gramática de Possenti (1996). Um questionário foi aplicado contendo cinco questões de múltipla escolha e notas de observações das aulas práticas. Os dados foram coletados no 8° e 9º ano do Ensino Fundamental em uma escola pública de Santa Maria – DF. O resultado dos dados mostrou a importância da produção textual...

Ensino de gramática: reflexões sobre diretrizes oficiais; Grammar Teaching: Reflections on Official Guidelines

Rodrigues, Roseli Hilsdorf Dias
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
106.09%
No processo de aquisição da linguagem, junto com a língua, aprendemos a (con)viver. A concepção de linguagem como forma de interação humana também deveria fundamentar o ensino de língua na escola. Este trabalho parte da concepção sócio-histórica da linguagem para apresentar uma discussão teórica sobre o ensino de língua portuguesa como língua materna, centrando-se no ensino de gramática, com o objetivo de estabelecer paralelos entre documentos oficiais que vêm abordando esse tema nas últimas décadas. Além de refletir sobre a língua portuguesa e seu ensino, este trabalho objetiva verificar as diretrizes de três documentos oficiais – tanto do Estado de São Paulo quanto do Governo Federal –, desde 1986 até o presente momento, e estabelecer paralelos entre eles, considerando os princípios que compõem a base teórica subjacente a cada um. Foram feitas pesquisas bibliográficas e análises qualitativas. Como resultado, destaca-se a falta de continuidade entre as propostas voltadas à educação, como é o caso da nova Proposta curricular do Estado de São Paulo (2008), que contradiz os PCN (1998). Conclui-se que há a necessidade do estabelecimento de uma política pública de longo prazo que assegure a continuidade de diretrizes para o ensino de língua portuguesa.; In the process of language acquisition...

Variação linguística e ensino de gramática

Görski, Edair Maria; UFSC - Florianópolis - SC; Coelho, Izete Lehmkuhl; UFSC
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Lingüística da UFSC Publicador: Programa de Pós-Graduação em Lingüística da UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por pares"; Formato: application/pdf
Publicado em 12/02/2010 POR
Relevância na Pesquisa
106.05%
 http://dx.doi.org/10.5007/1984-8420.2009v10n1p73 O objetivo deste texto é fazer algumas reflexões, a partir de pressupostos sociolinguísticos, sobre certas questões que envolvem variação e mudança linguística, com implicações diretas no ensino da língua. Discutimos os seguintes tópicos: a língua como atividade social e as variedades linguísticas; a questão da norma, do valor social das formas variantes e do preconceito linguístico; e esboçamos algumas sugestões metodológicas para o ensino de gramática, considerando a diversidade linguística e o aprimoramento da competência comunicativa dos alunos. Esses tópicos são abordados tomando como pano de fundo um contraponto entre um ensino gramatical ‘tradicional’ e o papel social da escola, conforme proposto pelos Parâmetros Curriculares Nacionais de Língua Portuguesa.  

Entre tradição e inovação: um estudo sobre mudanças no ensino de gramática em livros didáticos brasileiros de Língua Portuguesa

Silva,Alexsandro da; Morais,Artur Gomes de
Fonte: Centro de Investigação em Educação. Instituto de Educação da Universidade do Minho Publicador: Centro de Investigação em Educação. Instituto de Educação da Universidade do Minho
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 PT
Relevância na Pesquisa
116.16%
O objetivo deste artigo é investigar o tratamento dado ao ensino de gramática ou à análise linguística em três coleções brasileiras de livros didáticos de Língua Portuguesa aprovadas no Programa Nacional do Livro Didático 2007. Os resultados evidenciaram que duas das coleções analisadas usavam o termo gramática e todas elas tendiam a estabelecer objetivos de ensino relacionados ao domínio da gramática ou da língua em si mesmas. Em relação aos conteúdos, constatamos que os tópicos tradicionais da gramática escolar dividiam a cena com outros conteúdos. Ao analisar as atividades, constatamos, em duas das coleções, poucas atividades de análise quando se tratavam dos conteúdos tradicionais. No ensino das classes de palavras e da ortografia, encontramos duas inovações principais: o uso de textos e a tendência à não-apresentação de informações prontas. Já na exploração de características dos gêneros textuais, além de usar pseudotextos, as coleções adotavam, às vezes, uma abordagem transmissiva.