Página 1 dos resultados de 26 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

An??lise da produ????o cient??fica sobre avalia????o do Programa da Sa??de da Fam??lia Brasileiro

C??, Nadine Fernandes Crato
Fonte: Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
35.99%
O objetivo da presente disserta????o foi analisar a produ????o cient??fica sobre avalia????o do Programa Sa??de da Fam??lia (PSF) Brasileiro a partir da revis??o da literatura nacional. Para atingir este objetivo, foi realizado um levantamento de material bibliogr??fico publicado sobre o tema atrav??s de uma pesquisa bibliogr??fica de car??ter explorat??rio descritivo para identificar as caracter??sticas e os modelos de avalia????o empregados pelos estudos de avalia????o do Programa Sa??de da Fam??lia no Brasil, indexados em bases de dados bibliogr??ficos nacionais. Foram consultadas as seguintes fontes de informa????o: o portal do Centro Latino-Americano e do Caribe de Informa????o em Ci??ncias da Sa??de (BIREME), que possibilita a busca, num ??nico local, acesso ?? Biblioteca Virtual de Sa??de (BVS), ?? base de dados Literatura Latino Americana em Ci??ncias da Sa??de (LILACS), ?? Scientific Electronic Library Online (SciELO), ?? base de dados Medline, ?? Literatura sobre Cidades/Munic??pios Saud??veis (CidSa??de) e ?? base Literatura em Engenharia Sanit??ria e Ci??ncias do Ambiente (REPIDISCA); tamb??m foram consultadas Biblioteca Digital de Teses e Disserta????es (BDTD), desenvolvida pelo Instituto Brasileiro de Informa????o Cient??fica e Tecnol??gica (IBICT). Os resultados mostram que no per??odo de 1994 a 2011 foram defendidas 248 disserta????es e 79 teses e foram publicados 180 artigos cient??ficos sobre o tema; observou-se que houve um aumento significativo de produ????o sobre o tema entre os anos de 2006 e 2008...

An??lise de perigos e pontos cr??ticos de controle na produ????o de refei????es industriais

Pereira, Let??cia Reis
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
26.28%
Disserta????o(mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa de P??s-Gradua????o em Engenharia e Ci??ncia de Alimentos, Escola de Qu??mica e Alimentos, 2007.; O objetivo deste trabalho foi avaliar e caracterizar o programa APPCC na produ????o de refei????es industriais conforme crit??rios, baseados no Codex Alimetarius, de maneira a identificar os Pontos Cr??ticos de Controle - PCC, limites cr??ticos associados aos perigos, monitoramento das opera????es, ado????o de medidas corretivas e registro das informa????es, al??m de realizar an??lises microbiol??gicas das superf??cies operacionais padronizadas e m??os dos manipuladores. Como instrumento de avalia????o. Foi utilizada a t??cnica de ???swab test??? para analises das superf??cies operacionais onde as refei????es foram processadas e das m??os dos manipuladores. Os PCC obtidos como resultados da avalia????o inclu??ram os seguintes procedimentos: recebimento das mat??rias-primas, resfriamento de hortifrutigranjeiros, descongelamento de produtos c??rneos, coc????o, distribui????o e transporte dos alimentos. Os perigos foram relacionados ?? sa??de p??blica com limites cr??ticos baseados na Resolu????o da Diretoria Colegiada n ?? 216, de 15 de setembro de 2004, adotada pela Ag??ncia Nacional de Vigil??ncia Sanit??ria ??? ANVISA (BRASIL...

Prospec??o de bact?rias com potencial aplica??o na biorremedia??o de efluentes industriais contendo ars?nio

Guedes, Keicilane Aparecida
Fonte: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.08%
O Ars?nio (As) est? naturalmente presente no ambiente terrestre associado a minerais sulfetados em rochas e sedimentos. Devido a oxida??es qu?micas e biol?gicas e principalmente a atividades ligadas ? minera??o e metalurgia, o As ? mobilizado de dep?sitos naturais tornando-se um importante contaminante ambiental. Em baix?ssimas concentra??es, esse metal?ide ? t?xico para diversos seres vivos. V?rios estudos t?m sido realizados a fim de remediar tais impactos imobilizando este elemento. Dentre as metodologias propostas podemos citar com destaque a utiliza??o de micro-organismos na remo??o de metais de efluentes e corpos d??gua contaminados. Bact?rias podem remover metais de uma solu??o por diferentes mecanismos, tais como aqueles que envolvem a acumula??o extracelular/precipita??o, a adsor??o i?nica na superf?cie celular ou complexa??o, e a acumula??o intracelular ou bioacumula??o. A remo??o de metais dos ambientes aqu?ticos tamb?m pode ocorrer pela a??o de metab?litos produzidos pelas bact?rias presentes como, por exemplo, pelo H2S produzido pelo grupo das Bact?rias Redutoras de Sulfato (BRS). Estes micro-organismos s?o peculiares por, atrav?s da redu??o qu?mica do sulfato, produzir sulfeto que, por sua vez, ? capaz de precipitar metais...

Estudo da conceitua??o e implementa??o de vias sanit?rias em Bel?m: o caso da bacia de drenagem Estrada Nova

LIMA, Henrique Nazareno Santos
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
76.67%
Busca aperfei?oar um conceito utilizado na engenharia sanit?ria aplicado a princ?pios de projetos de vias marginais de canais, pequenas vielas de dificil acesso e vias que conduzem coletores troncais do sistema de esgoto sanit?rio chamado de via sanit?ria. Utiliza um estudo de caso na cidade de Bel?m: a bacia da Estrada Nova, caracterizando seu funcionamento e relacionando-os com a situa??o urban?stica dos bairros contidos no territ?rio da bacia, a partir da legisla??o de uso e controle da ocupa??o urbana. Como resultado, o trabalho apresenta elementos para uma reconceitua??o de via sanit?ria que incorpora a situa??o urban?stica e cuidados necess?rios para que projetos de drenagem se tornem integrados ao funcionamento urban?stico da cidade.; ABSTRACT: This dissertation aims at giving a more specific account of the term sanitary road utilised in sanitary enginnering. It applies principles used in the projects of canal marginal roads, narrow short streets and trunk roads. The study is based on the case of Estrada Nova basin located in the city of Belem. After a characterisation of its fuctioning, its relationships with the urbanistc control is explored in order to be more compatible with land use control. The result of the study presents elements for the a reconsideration fo the definition wihch incorporates the urbanistic situation and needs for drainage projects to be more integrated with the urbanistic functioning of the city.

Avalia??o do custo de constru??o em fun??o do tra?ado da rede coletora de esgoto sanit?rio

FERREIRA, R?mulo Henrique Alvarada
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.46%
Um dos principais entraves para expans?o do Sistema de Esgotamento Sanit?rio no pa?s ? o alto custo da implanta??o da rede coletora de esgoto, uma vez que est? relacionada diretamente com a profundidade. Considerando este problema, o presente trabalho apresenta dois diferentes estudos de tra?ados de rede coletora do tipo separador absoluto para o munic?pio de Santa Cruz do Arari ? Maraj? ? Par?, a fim de encontrar a menor profundidade e consequentemente o melhor custo. Primeiramente, foram elaborados dois tra?ados de rede coletora de esgoto na ?rea com maior concentra??o populacional sendo dimensionado conforme as normas t?cnicas existentes. A partir dos levantamentos quantitativos de cada tra?ado, foram realizadas planilhas or?ament?rias com a possibilidade de comparar entre si o menor custo de rede. Embora houvesse pequena diferen?a de comprimento entre os dois tra?ados, o item que mais pesou foi ? profundidade ao longo da rede. No trecho de chegada da Esta??o Elevat?ria de Esgoto, a profundidade teve 4,90 m e 4,77m, para o Tra?ado N? 1 e para o Tra?ado N? 2, respectivamente. Logo, o que melhor apresentou o custo total foi o Tra?ado N? 2, com valor total de R$ 913.867,54 versus R$ 1.021.818,11 do Tra?ado N? 1, representado uma economia de R$ 107.950...

Qualidade de sementes de milho h??brido tratadas com inseticidas, armazenadas em duas condi????es de ambiente; Quality of hybrid maize seeds treated with agrochemical, stored in two ambient conditions

TONIN, Rosane F??tima Baldiga
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Agronomia; Programa de P??s-gradua????o em Ci??ncia e Tecnologia de Sementes; UFPel; BR Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Agronomia; Programa de P??s-gradua????o em Ci??ncia e Tecnologia de Sementes; UFPel; BR
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
35.99%
The treatment of seeds is a practice widely disseminated in the Brazilian agricultural areas, which, linked to other cultural practices, has contributed to the increase in productivity, costs reduction, final product improvement, reduction of damage to the environment and also offers a good protection for seeds, in the field level as well as in storage. The objective of this paper is to check the effect of the seed treatment of three maize hybrids on seedling emergence (stand), performance in storage, germination and seed vigor. The seeds were treated with three insecticides: Insecticide one (Thiametoxan - Cruiser 350 FS ?? ); Insecticide two (Neonicotin??ide) and Insecticide three [Neonicotin??ide+(Imidaclopride+Thiodicarbe)], with 60,000 seed per 120ml of insecticide. After being treated, the seeds were stored for a period of 270 days, in two environments. One with (10??C) temperature control and relative humidity (60%) and the other one under normal conditions of storage. During this period, 45 in 45 days evaluations were accomplished, through germination and vigor tests. In addition to germination and cooling tests, sanitation analysis, seedling emergency and seed inoculation was carried out. The results obtained allow concluding that the maintenance of quality seeds of hybrid maize...

Boletim eletr??nico de bibliografias especializadas: meio ambiente e sustentabilidade

Escola Nacional de Administra????o P??blica (Brasil). Biblioteca Graciliano Ramos
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: Boletim
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
35.99%
A 3a edi????o de 2013 do Boletim Eletr??nico de Bibliografias Especializadas re??ne publica????es do acervo da Biblioteca Graciliano Ramos com a tem??tica Meio Ambiente e Sustentabilidade, por ocasi??o do Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado anualmente em 5 de junho. A data busca chamar a aten????o e a a????o pol??tica de povos e pa??ses a fim de aumentar a conscientiza????o e a preserva????o ambiental. A divulga????o das publica????es a seguir - que tratam de ecologia, saneamento b??sico, polui????o, desenvolvimento sustent??vel, economia verde, gest??o ambiental, entre outros - tem como expectativa apoiar a forma????o e a capacita????o de servidores p??blicos, bem como a aplica????o desse conhecimento em pol??ticas p??blicas, em benef??cio da popula????o; N??mero de p??ginas: 15 p.; Meio ambiente. Recursos Naturais. Desenvolvimento Sustent??vel

Reflex??es para Ibero-Am??rica: avalia????o de programas sociais

Franzese, Cibele; Anjos, Claudia; Ferraz, David; Abr??cio, Fernando Luiz; Cheli, Gabriela N.; Melo, Geysa Maria Bacelar Pontes; Vaistman, Jeni; Nehm??, J??nia Laoerira Dutra; Santoni, Lauseani; Silva, Matilde Gago da; Rubio, Monica; Yanes, Pablo; Nahas, S
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: Peri??dico/Revista/Caderno
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT; IDIOMA::ESPANHOL:ESPA??OL:ES
Relevância na Pesquisa
35.99%
A ENAP Escola Nacional de Administra????o P??blica, com o apoio do Minist??rio do Planejamento, Or??amento e Gest??o, da Ag??ncia Brasileira de Coopera????o do Minist??rio das Rela????es Exteriores, do Centro Latino-americano de Administra????o para o Desenvolvimento (Clad) e da Caixa Econ??mica Federal, construiu uma s??rie de atividades de aprendizagem direcionadas a dirigentes e t??cnicos que atuam nas ??reas de planejamento estrat??gico e avalia????o de programas. Esses eventos de aprendizagem permitiram uma intensa troca de experi??ncias entre os 60 dirigentes e t??cnicos representantes de organismos governamentais de 16 pa??ses ibero-americanos ??? Argentina, Bol??via, Brasil, Chile, Col??mbia, Costa Rica, El Salvador, Guatemala, M??xico, Panam??, Paraguai, Peru, Portugal, Rep??blica Dominicana, Uruguai e Venezuela. A consolida????o desse per??odo de rica troca de experi??ncias est?? retratada nesta publica????o, que mostra o avan??o na constru????o de um conhecimento coletivo referente a desafios contempor??neos de nossos governos nas ??reas de planejamento e de avalia????o de programas sociais; N??mero de p??ginas: 168 p.; Pol??ticas P??blicas e Sociais; ISBN: 978-85-256-0064-6; Sum??rio: Apresenta????o Helena Kerr do Amaral Pref??cio Paulo Martino Jannuzzi Avalia????o de programas e transpar??nciada gest??o p??blica Jeni Vaitsman e R??mulo Paes-Sousa A combina????o entre federalismo e pol??ticas p??blicas no Brasil p??s-1988: os resultados nas ??reas de sa??de...

Orienta????es b??sicas para a gest??o consorciada de res??duos s??lidos

Schneider, Dan Moche; Ribeiro, Wladimir Antonio; Salomoni, Daniel; Oliveira, Nelcil??ndia Pereira de (Organizadora); Helou, Luciana Dinah Ribeiro (Organizadora); Antero, Samuel A. (Organizador)
Fonte: Editora IABS Publicador: Editora IABS
Tipo: Livro
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
46.16%
O s??timo volume da s??rie Inova????o na Gest??o P??blica apresenta orienta????es b??sicas para a gest??o consorciada de res??duos s??lidos. Este ???guia??? surgiu de uma a????o conjunta entre a coopera????o espanhola e o Projeto Brasil Munic??pios, realizada entre setembro de 2010 maio de 2011, com o intuito de apoiar a implementa????o de uma experi??ncia de cons??rcio p??blico na Regi??o Metropolitana da Grande Aracaju para a gest??o integrada dos res??duos s??lidos nos moldes da Lei de Cons??rcios (Lei 11.107/2005) e seu decreto regulamentador, bem como na Lei de Saneamento B??sico (Lei 11.445/2007) e em sintonia com a Pol??tica Nacional de Res??duos S??lidos. O cap??tulo 1 traz informa????es sobre a Pol??tica Nacional de Res??duos S??lidos (PNRS), a ado????o de solu????es intermunicipais para a destina????o final de rejeitos e sobre as novas responsabilidades dos munic??pios para gest??o e manejo de res??duo s??lidos previstas na PNRS. O segundo cap??tulo, por sua vez, discorre sobre o instituto do cons??rcio p??blico dando ??nfase ?? gest??o consorciada intermunicipal dos res??duos s??lidos. Por fim, o terceiro cap??tulo apresenta informa????es t??cnicas para apoiar esse arranjo institucional, como ??ndices de gera????o per capita de res??duos s??lidos domiciliares e p??blicos...

Desenvolvimento e implanta????o do sistema Sancad

Brasil. Minist??rio da Sa??de (MS). Funda????o Nacional de Sa??de (FUNASA). Coordena????o Regional do Paran??
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: Relato de Experi??ncia
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
46.25%
Recentemente, a expans??o do n??mero de munic??pios conveniados com a FNS fez aumentar a demanda por novos projetos de melhoria dos sistemas de ??gua e esgotos. Ao mesmo tempo, a FNS enfrentava car??ncia de pessoal t??cnico especializado, dificuldades de admiss??o de novos profissionais e limita????o de recursos para a contrata????o de projetos atrav??s de empresas privadas, inviabilizando o atendimento das demandas pela forma tradicional. Diante disso, servidores da FNS desenvolveram um software para projetos de redes de esgotos sanit??rios, utilizando os recursos modernos da computa????o gr??fica (CAD ??? Computer Aided Design). Acoplado ao CAD, prop??s-se a cria????o de um m??dulo de dimensionamento, resultando numa ferramenta completa de elabora????o de projetos, em ambiente computacional Windows, contemplando as v??rias etapas t??picas de um trabalho na ??rea, desde a digitaliza????o do levantamento topogr??fico, lan??amento da rede, c??lculos, planilhas, desenho e montagem final das pranchas geradas. Este sistema foi denominado Sancad. A utiliza????o do Sancad permitiu uma redu????o m??dia de 60 a 70% no tempo de elabora????o de projetos, significando uma forma de atender a um n??mero maior de demandas e de suprir a car??ncia de profissionais na FNS. Al??m disso...

M??dulo 1 - arcabou??o institucional e normativo: curso regras gerais para acesso aos recursos de saneamento

Martins, Raildy (conteudista, 2013)
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: M??dulo Completo
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
35.99%
Esse documento trata de Estado e presta????o de servi??os p??blicos; Instrumentos de elabora????o e organiza????o do Or??amento do Governo Federal; O acesso aos programas de investimento no ??mbito da Uni??o; Modalidades de repasse dos recursos federais; Acordos de Coopera????o T??cnica Internacional; Programa de Acelera????o do Crescimento; N??mero de p??ginas: 47 p.; Gest??o de Projetos. Gest??o de Programas

M??dulo 2 - acesso aos programas de investimento no ??mbito do Minist??rio das Cidades: curso regras gerais para acesso aos recursos de saneamento

Martins, Raildy (conteudista, 2013)
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: M??dulo Completo
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
35.99%
Esse documento trata de: o ??rg??o Minist??rio das Cidades; Estrutura Regimental do Minist??rio das Cidades; Pol??ticas P??blicas de responsabilidade do Minist??rio das Cidades; A SNSA: compet??ncias, estrutura e formas de atua????o; A SNSA e sua estrutura; Programas Governamentais; Acesso aos recursos no ??mbito do Minist??rio das Cidades; Peculiaridades quanto ao PAC; Sistemas de informa????es utilizados; N??mero de p??ginas: 30 p.; Gest??o de Projetos. Gest??o de Programas

M??dulo 3 - esfecificidades da pol??tica do saneamento b??sico: curso ger??ncia de projetos - teoria e pr??tica

Martins, Raildy (conteudista, 2013)
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: M??dulo Completo
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
36.16%
Esse documento trata de: compet??ncia do titular dos servi??os; composi????o dos Servi??os P??blicos de Saneamento B??sico; gest??o associada dos servi??os p??blicos de saneamento: a import??ncia dos cons??rcios p??blicos e dos conv??nios de coopera????o; Planejamento do Saneamento B??sico; atividades de regula????o, organiza????o, fiscaliza????o e presta????o dos servi??os; N??mero de p??ginas: 42 p.; Habita????o. Saneamento B??sico. Urbanismo

Regras gerais para acesso aos recursos de saneamento

Martins, Raildy (conteudista, 2013)
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: Curso Completo
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
35.99%
Esse documento trata de Arcabou??o institucional e normativo; O acesso aos programas de investimento no ??mbito do Minist??rio das Cidades; Especificidades da Pol??tica de Saneamento B??sico; N??mero de p??ginas: 119 p.; Habita????o. Saneamento B??sico. Urbanismo

M??dulo 1 - contexto normativo e institucional: curso mecanismos OGU PAC (transfer??ncias obrigat??rias)

Martins, Raildy (conteudista, 2013)
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: M??dulo Completo
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
35.99%
Esse documento trata de a????es de Saneamento no ??mbito do Programa de Acelera????o do Crescimento; a????es do PAC; Saneamento no ??mbito do Or??amento da Uni??o; N??mero de p??ginas: 44 p.; Habita????o. Saneamento B??sico. Urbanismo

M??dulo 2 - agentes envolvidos: curso mecanismos OGU PAC (transfer??ncias obrigat??rias)

Martins, Raildy (conteudista, 2013)
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: M??dulo Completo
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
35.99%
Esse documento trata de Planejamento, normatiza????o e operacionaliza????o das a????es do OGU - PAC no Minist??rio das Cidades; Procedimentos gerais de acesso aos programas e a????es do Minist??rio das Cidades; ??rg??os do Minist??rio das Cidades envolvidos nos processos de transfer??ncias de recursos de Saneamento B??sico; N??mero de p??ginas: 15 p.; Gest??o de Projetos. Gest??o de Programas

M??dulo 3 - regras espec??ficas do Minist??rio das Cidades: curso mecanismos OGU PAC (transfer??ncias obrigat??rias)

Martins, Raildy (conteudista, 2013)
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: M??dulo Completo
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
35.99%
Esse documento trata de Regras de sele????o de propostas no ??mbito do OGU - PAC no MCID; Regras T??cnicas dos Programas e A????es/Modalidades do MCID; N??mero de p??ginas: 17 p.; Habita????o. Saneamento B??sico. Urbanismo

Curso 2: mecanismos OGU-PAC (transfer??ncias obrigat??rias)

Martins, Raildy (conteudista, 2013)
Fonte: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: Curso Completo
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
46.11%
Esse documento trata de: as a????es de Saneamento no ??mbito do PAC; as a????es do PAC Saneamento no ??mbito do Or??amento da Uni??o; Agentes Envolvidos; Planejamento, normatiza????o e operacionaliza????o das a????es do OGU/PAC no Minist??rio das Cidades; Procedimentos gerais de acesso aos programas e a????es do Minist??rio das Cidades; ??rg??os do Minist??rio das Cidades envolvidos nos processos de transfer??ncias de recursos de Saneamento B??sico; ??rg??os de supervis??o, acompanhamento e monitoramento do PAC; Institui????o Operacionalizadora dos Programas e A????es do MCID; Proponente/Compromiss??rio; Interveniente Executor; Executor ou Fornecedor; Benefici??rios finais; ??rg??os de controle interno e externo; Agentes Envolvidos; Regras de sele????o de propostas no ??mbito do OGU/PAC no MCID; Regras T??cnicas dos Programas e A????es/Modalidades do MCID; Procedimentos de Contrata????o e Execu????o; Fase Preparat??ria (Sele????o); Fase da Contrata????o; Fase da Execu????o; Presta????o de Contas e Tomada de Contas Especial (TCE); N??mero de p??ginas: 100 p.; Habita????o. Saneamento B??sico. Urbanismo

A regula????o no setor de saneamento: compara????o entre Fran??a, Inglaterra e Brasil; La regulaci??n de los servicios p??blicos em la industria de saneamiento; The Regulation of Public Services in the Sanitation Industry

Correia, Marcelo Bruto da Costa
Fonte: Revista do Servi??o P??blico (RSP); Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP) Publicador: Revista do Servi??o P??blico (RSP); Escola Nacional de Administra????o P??blica (ENAP)
Tipo: Artigo de Revista Científica
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
35.99%
O artigo discute as caracter??sticas da regula????o dos servi??os p??blicos no setor de saneamento, apresentando comparativamente as formas de presta????o adotadas por Fran??a, Inglaterra e Brasil ??? e como esses pa??ses disciplinam a participa????o privada no setor. Enquanto a Fran??a segue um padr??o hist??rico de regula????o marcado pelo protagonismo das autoridades locais, utilizando contratos como instrumento por excel??ncia de disciplina dos servi??os, a Inglaterra introduziu, atrav??s de ambicioso processo de privatiza????o, marco regulat??rio em que ag??ncias do Governo Central s??o os atores principais. Ainda sem um modelo definido, o Brasil, atrav??s de inova????es legais, enfrenta os desafios de atrair investimentos privados para um setor sob a presen??a de conflitos federativos entre estados e munic??pios acerca da titularidade dos referidos servi??os p??blicos.; El art??culo analiza las caracter??sticas de la regulaci??n de los servicios p??blicos en la industria de saneamiento, presentando en comparaci??n formas de provisi??n aprobada por Francia, Inglaterra y Brasil ??? y la forma en que estos pa??ses disciplinan la participaci??n del sector privado. Mientras que Francia sigue una tendencia hist??rica de la regulaci??n marcada por el papel de las autoridades locales...

Identifica??o de cianof?ceas e estudo da toxicidade ?in vivo? de cianotoxinas nos pesque-pagues da regi?o dos Inconfidentes - MG

Pandolpho, Ludmila von Randow de Abreu Bastos
Fonte: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto. Publicador: Programa de P?s-Gradua??o em Engenharia Ambiental. PRO?GUA, Pr?-Reitoria de Pesquisa e P?s Gradua??o, Universidade Federal de Ouro Preto.
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.08%
Lagos de pesque-pagues s?o as novas alternativas para atividades de lazer. O seu sucesso ecn?mico, dependendo da qualidade de ?gia, que associada ? avalia??o de uma comunidade fitoplanct?nica permite estabelecer formas de gest?o com vista a prevenir potenciais danos ? sa?de. A intoxica??o humana por cianotaxinas da ?gua ? cient?fico comprovado pelo desastre ocorrido em um centro de di?lise em Caruaru, PE, Brasil, mas da consuma??o do peixe n?o est?o relacionados. No entanto, aniquila??o de peixe e a flora??o de cianof?ceas foram descritos, como no rio S?o Francisco, em 2007. Para estimar a ocorr?ncia de cianof?ceas em lagos de pesca recreativa na Regi?o de Inconfidentes, devido ? capacidade de produzir toxinas, que est? presente em algumas esp?cies. 88 amostras de ?gua foram coletadas de mar?o de 2008 at? janeiro de 2009 nos tanques de pesque-pague localizados em seis munic?pios da Regi?o de Inconfidentes, Minas Gerais, Brasil. Alguns par?metros f?sicos foram determinados em locus. As amostras foram coletadas em rede de malha de 20 ?m de fitopl?ncton e transportadas para o laborat?rio e examinados em microsc?pio ?ptico, em eseguida, foram colocados em meio de cultura ASM - 1 e BG 11 com nitrog?nio e sem nitrog?nio, e mantido em temperatura e luz controlada (25 +/- 2?C...