Página 1 dos resultados de 843 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Energias renováveis para águas quentes sanitárias

Rodrigues, Patrícia Sofia Silva
Fonte: Universidade da Madeira Publicador: Universidade da Madeira
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /09/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.79%
Este trabalho tem como principais objetivos identificar alguns problemas ambientais, perceber as potencialidades das energias renováveis e as diversas maneiras de aproveitamento solar, estabelecer uma comparação entre o Decreto-Lei n.º 80/2006, que deixou de vigorar, e o Decreto-Lei n.º 118/2013, que veio substituí-lo e dimensionar um sistema solar térmico simples com pré-fabricados de pavimento com função de coletor, recentemente criado e desenvolvido. O conhecimento das técnicas do aproveitamento solar, tanto ao nível do aproveitamento ativo como passivo, aplicadas aos edifícios, são suficientes para uma diminuição significativa na fatura energética dos edifícios, responsáveis pelo consumo de 40% da energia final. No tratamento e análise dos decretos, foi possível estudar um caso de estudo, deste modo estabelecendo mais eficazmente as diferenças entre estes. Para tal foram comparados os valores das soluções adotadas no edifício com os valores limites regulamentares pelo Decreto-Lei com os valores dispostos no Decreto-Lei n.º 118/2013, procedendo a cálculos sempre que necessários. As maiores diferenças sentidas foram ao nível do cálculo das necessidades nominais anuais de energia. No caso de estudo...

Energias renováveis nos edifícios de Museus : contribuição para a preservação ambiental

Mendes, Manuel Furtado
Fonte: Universidade Autónoma de Madrid Publicador: Universidade Autónoma de Madrid
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
67.02%
Trata-se de um artigo na área da Museologia, onde relacionamos a responsabilidade social dos Museus com a aplicação das energias renováveis aos seus edifícios, quer existentes ou a construir de raiz. Apresentamos as energias renováveis cuja tecnologia de captação e produção estão tecnologicamente desenvolvidas e prontas a serem utilizadas, dando relevo àquelas que mais se adequem na aplicação direta aos edifícios de Museus, de modo a contribuir-se por esta via para a sustentabilidade e preservação ambiental. É feita referência a alguns casos práticos onde as energias renováveis tenham sido aplicadas com sucesso.

Energias renováveis e novas tecnologias : sustentabilidade energética nos museus

Ferreira, Francisco Faria
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
67.22%
O presente estudo faz parte do programa de curso do terceiro ciclo de Museologia da Universidade Lusófona. O tema seleccionado para desenvolver foi “Energias renováveis e novas tecnologias. Sustentabilidade energética nos Museus”. Fruto da consciência que a todos nós presentemente não nos deve ser alheia, da importância das energias, sua sustentabilidade, salvaguarda das condições ambientais e da biodiversidade, surgiu com clareza a escolha do tema “Energias renováveis” acrescentando desde logo uma ferramenta essencial, “novas tecnologias”, para se alcançarem os objectivos propostos. Dada a abrangência do tema e a sua inserção na problemática da Museologia fez-se uma abordagem generalizada sobre a origem histórica dos museus, o seu estado de arte e a sua relação com as energias. E ainda antes de entrarmos no estudo principal da tese “ Energias renováveis e novas tecnologias” para os museus, achou-se por bem investigar as condições que devem existir no interior dos mesmos, a influência que lhe advém do exterior e a relação funcional dos seus serviços. Posteriormente abordaram-se de forma muito sintética as condições de alguns museus visitados na óptica das energias e tecnologias. As matérias principais do tema ”Energias renováveis e novas tecnologias” foram desenvolvidas de uma forma transversal...

O uso de energias renováveis em edifícios de museus

Mendes, Manuel Cardoso Furtado
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
66.79%
O uso de energias renováveis em edifícios de museus.; Orientação : Mário Moutinho

Medidas reguladoras, normas e legislação portuguesa aplicável às energias renováveis e sugestões

Moreira, M. Fernanda T.; Martins, Júlio S.; Afonso, João L.
Fonte: APDEE. Associação Portuguesa para a Promoção e Desenvolvimento da Engenharia Electrotécnica Publicador: APDEE. Associação Portuguesa para a Promoção e Desenvolvimento da Engenharia Electrotécnica
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em 06/05/2004 POR
Relevância na Pesquisa
66.79%
Este artigo apresenta e explica, de forma breve, a legislação portuguesa aplicável às energias renováveis e os mecanismos de apoio para investimento e aquisição de equipamentos no território lusitano. Apresenta também sugestões para incentivar pequenos e médios consumidores, públicos e privados, a instalar nas suas propriedades pequenos parques para produção de energia eléctrica a partir de fontes de energia renovável, nomeadamente eólica e solar. Estes parques deveriam cumprir os requisitos relativos à produção de “energia reactiva”, e além disso deveriam assegurar níveis adequados de qualidade de energia eléctrica.; Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) - POCTI/ESE/48242/2002.

As energias renováveis aliadas à construção sustentável

Costa, João Rui Terra Pinheiro Nunes da
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.94%
O objectivo fundamental desta tese visa aprofundar o conhecimento no domínio das tecnologias energéticas, gestão e desenvolvimento sustentável, com vista à racionalização e utilização eficiente de energia em edifícios. A recente regulamentação no domínio da térmica de edifícios veio conferir grande importância à integração e utilização de sistemas baseados em energias renováveis, o que poderá melhorar a qualidade de vida nos edifícios através de uma utilização mais racional de energia. Neste contexto, foi feita, numa primeira fase, uma análise ao comportamento térmico de um edifício para três zonas em Portugal com características climáticas distintas para, a partir dai, tentar perceber as principais diferenças relativamente às exigências do regulamento em vigor com a disparidade dos consumos energéticos nessas regiões. Por se ter constatado essas diferenças, procurou-se reduzir significativamente o gasto de energia para a climatização do edifício, procedendo-se a alterações ao nível das características do edifício, designadamente ao nível da envolvente opaca do edifício e vãos envidraçados. Outro tema abordado refere-se à problemática da sustentabilidade no ramo da energia, consumo e fontes renováveis: uma primeira parte...

Energias renováveis em Portugal : situação actual

Lopes, Betina da Silva
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
67.16%
A garantia de um futuro para o planeta Terra passa pelo desenvolvimento das Energias Renováveis. A consciencialização deste facto por parte das entidades governamentais levou nos últimos anos, e sobretudo após a assinatura do Protocolo de Quioto em 1997, à definição de diversas medidas socio-económicas promotoras das energias “amigas do ambiente”. A convicção de que o desenvolvimento das energias renováveis implica, para além da inovação a nível da investigação e da tecnologia, a sua valorização por parte do cidadão comum baseada na consciencialização das suas vantagens assim como no conhecimento das principais medidas desenvolvidas para a sua promoção, constitui o fio condutor deste trabalho. Assim procedeu- se a um levantamento exaustivo dos esforços realizados a nível comunitário e sobretudo nacional, designadamente principais estratégias, legislação e respectiva regulamentação, projectos implementados, assim como os principais resultados obtidos. Toda a informação obtida foi reunida e organizada de modo a poder ser divulgada de uma forma contextualizada e integrada. Desta forma o trabalho foi desenvolvido essencialmente em duas partes, a primeira de consulta de bibliografia internacional, comunitária e nacional e a segunda...

Factores de sustentabilidade em energias renováveis

Silva, Micael Alexandre Caetano da
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.79%
Há cerca de vinte anos o Mundo despertou para a resolução do equilíbrio ambiental e da sustentabilidade como uma questão global, deixando de ser um problema de cada País para passar a ser um problema da Humanidade. As sucessivas reuniões que têm sido realizadas desde a conferência mundial sobre o meio ambiente, em 1992, preconizam metas para que se mantenha o desenvolvimento e que seja garantida a sustentabilidade do planeta. O aquecimento global provocado pelos intensos consumos energéticos do Homem, tem provocado várias disfunções ambientais, nomeadamente o fenómeno das alterações climáticas. Para este efeito têm sido desenvolvidas tecnologias e assumidos por muitos países acordos e protolocos para viabilizar o Desenvolvimento Sustentável. É neste sentido que a União Europeia tem fundamentado a sua política de desenvolvimento, tendo traçado objectivos e metas nos quais Portugal se insere. A presente tese aborda o estudo de caso do Concelho de Sines, que era há quarenta anos um concelho cuja actividade económica se concentrava no sector primário e algum turismo e que foi totalmente descaracterizado pela industrialização intensiva. É de realçar a motivação de inserção deste caso, pelo facto de ser o local que sofreu maiores alterações em Portugal no século XX. Além disso...

Discursos técnico-científicos sobre energias renováveis em Portugal

Delicado, Ana, 1973-; Truninger, Mónica; Horta, Ana; Figueiredo, Elisabete; Silva, Luís; Fonseca, Susana
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.93%
As energias renováveis têm sido apontadas como cruciais não só para a mitigação das alterações climáticas mas também como panaceia para a dependência dos combustíveis fósseis em países que não os produzem, como Portugal. As respostas sociais a estas tecnologias são um fator essencial para a sua difusão e sucesso. Porém, a macro-geração de energias renováveis, designadamente as centrais solares e eólicas, não produz apenas consensos, sendo igualmente alvo de crescentes controvérsias socio-técnicas, que tardaram mas chegaram a Portugal. Veja-se o caso de resistências à instalação de centrais eólicas por parte de grupos de conservação da natureza e de populações locais. Pretende-se então traçar uma imagem abrangente do debate em torno destas tecnologias, com base nas ações e discursos dos atores sociais envolvidos: políticos, decisores, empresas, ONG ambientais, outras organizações da sociedade civil, cientistas. Sob análise estarão os processos de desenvolvimento de políticas e incentivos, de planeamento e tomada de decisão sobre localizações específicas, de gestão de interesses e valores divergentes. Será prestada uma atenção particular ao recurso ao aconselhamento de peritos e ao uso de argumentação científica e ao tipo de participação dos cidadãos nos processos deliberativos. A metodologia escolhida para esta atividade é a análise documental e a entrevista a informantes privilegiados. Esta apresentação tem por base um projeto de investigação financiado pela FCT.

Energias renováveis e desenvolvimento local: a Central Fotovoltaica de Amareleja

Junqueira, Luís; Delicado, Ana, 1973-; Truninger, Mónica
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
67.06%
Ao longo da última década, as energias renováveis tornaram-se um dos principais objetivos estratégicos em Portugal e na Europa enquanto forma de reduzir a produção de energia com base em combustíveis fosseis e combater o aquecimento global e a dependência energética face ao exterior. A produção de energia a partir de fontes renováveis cresceu quase 20% entre 2000 e 2011, constituindo quase metade da atual produção energética, com particular destaque para a energia eólica, cuja produção aumentou 54 vezes desde 2000. Apesar de não ter acompanhado o aumento explosivo da produção eólica, o crescimento da energia solar não deixou de apresentar alguns marcos importantes, como a construção da central da amareleja, não tanto pela contribuição quantitativa para o mix energético mas por se apresentaram como alternativa à eólica para zona sul do país, menos ventosa mas com maior exposição solar. O processo que deu origem à central fotovoltaica da Amareleja é bastante particular em Portugal. Enquanto a construção dos grandes parque eólicos teve origem numa atribuição de licenças feita nível nacional que ficaram na posse de grande empresas do setor energético, a central da amareleja foi impulsionada (pelo menos na sua fase inicial) por uma dinâmica politica local centrada na ação da Câmara Municipal de Moura. Este trabalho tem por objetivo estudar a reação social e as consequências da instalação da central fotovoltaica da Amareleja com base num estudo de caso local...

O impacto das energias renováveis na economia dos países emergentes: o caso de Cabo Verde

Monteiro, Ana David
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
67.12%
Mestrado em Gestão de Empresas; A elevada dependência dos combustíveis fósseis é uma das principais dificuldades sentidas no actual sistema energético de Cabo Verde. O preço dos combustíveis constitui um peso significativo, representando cerca de 70%, da estrutura de custos do preço de energia eléctrica. Com este trabalho, pretende-se analisar o impacto das energias renováveis no sistema energético e na economia de Cabo Verde, destacando a sua contribuição para a formação do PIB, no Preço, na Balança de Pagamentos, no Emprego, e no Serviço da Dívida, e estabelecer uma comparação com as ilhas da Macaronésia, em particular a Região Autónoma dos Açores. Contribuindo assim, para a discussão que poderá demonstrar que o potencial de renováveis por explorar, trará benefícios económicos para o país, pois a expectativa é superar os 50% de taxa de penetração de Energias Renováveis na produção de electricidade em Cabo Verde até 2020. Prevê-se que o consumo de electricidade que em 2010 era de 335 MWh, duplique até o ano de 2020, atingindo os 670 GWh. Segundo estudos efectuados, o país possui um potencial estimado de 2.600 MW de Energias Renováveis, tendo sido analisados mais de 650 MW em projectos concretos com custos de produção possivelmente inferiores aos dos combustíveis fósseis. Cabo Verde goza de boas condições para o aproveitamento de Energias Renováveis...

Relatório de Estágio Curricular – BIGSOLAR - Energias Renováveis, Lda (Guarda)

Fonte, Rui
Fonte: Instituto Politécnico da Guarda Publicador: Instituto Politécnico da Guarda
Tipo: Relatório
POR
Relevância na Pesquisa
66.93%
O presente relatório tem como objectivo descrever e desenvolver os conhecimentos adquiridos durante o estágio curricular do Curso de Especialização Tecnológica em Energias Renováveis. Este estágio foi desenvolvido na empresa Bigsolar, situada na cidade da Guarda durante um mês e meio, com inicio no dia 18 de Julho e final no dia 10 de Setembro de 2011. Durante este estágio tive o privilégio de poder trabalhar com diversos tipos de Energias Renováveis, nomeadamente a Energia Solar. Trabalhei com painéis solares térmicos, para aquecimento de águas quentes sanitárias (AQS) e com sistemas fotovoltaicos, para a produção energia eléctrica. Este tipo de sistemas pode ser utilizado para consumo próprio de energia ou então, para a injectar directamente na rede eléctrica nacional. No que se refere a energia solar térmica desenvolveram-se as tarefas necessárias para a realização da montagem do sistema tais como: a abertura de roços, soldadura, curvar tubos de cobre, colocação dos forros de protecção dos tubos e ainda as uniões necessárias nos tubos e demais componentes e acessórios do sistema. Quanto à energia solar fotovoltaica realizaram-se as tarefas essenciais ao seu bom funcionamento como é o caso da abertura dos roços para a passagem dos cabos...

Relatório de Estágio Curricular – EGISAER, sistemas de aquecimento e energias renováveis, Lda (Guarda)

Gomes, Ricardo
Fonte: Instituto Politécnico da Guarda Publicador: Instituto Politécnico da Guarda
Tipo: Relatório
POR
Relevância na Pesquisa
66.93%
O presente relatório tem como principal objetivo a descrição do trabalho realizado e capacidades técnicas adquiridas na empresa EGISAER, no desempenho das funções de estagiário, no âmbito do curso de especialização tecnológica em energias renováveis. O trabalho realizado na empresa englobou várias áreas relativas a instalações de sistemas com recurso a energias renováveis, passo a citar as seguintes: Ø Instalação e manutenção de sistemas solares térmicos Ø Instalação de sistemas fotovoltaicos para microprodução Ø Instalação de sistemas de geotermia Ø Instalação de piso radiante Ø Instalação de recuperadores de calor

O perfil do consumidor verde e a sua intenção de uso de energias renováveis

Encarnação, Adriana Filipa Viegas da
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
67.18%
Mestrado em Marketing; Actualmente temas como o Ambientalismo têm vindo a assumir uma importância crescente, verificando-se também uma grande aposta na produção e consumo de Energias Renováveis em detrimento dos combustíveis fósseis. Esta investigação incide sobre o Marketing Verde, que pretende descrever as estratégias desenvolvidas pelos marketers para atingir o consumidor verde.O objectivo desta dissertação é identificar o perfil do consumidor verde e determinar o seu comportamento ecologicamente consciente, e analisar a relação entre o comportamento ecologicamente consciente e as variáveis conhecimento, atitude perante o uso, disponibilidade de pagar mais e intenção de uso de Energias Renováveis. A nível académico, este estudo irá contribuir para melhor caracterizar o consumidor verde, e compreender melhor qual a percepção dos consumidores ecologicamente conscientes portugueses acerca do possível uso de energias renováveis. A nível empresarial, irá permitir desenvolver novas estratégias de marketing mais criativas de modo a atingir este novo segmento e mostrar que ao utilizar energias renováveis estarão a poupar o ambiente, deixando para segundo plano as questões monetárias. Os resultados demonstram que os inquiridos apresentam em média um comportamento ecologicamente consciente médio elevado...

Estudo e análise das centrais híbridas de energias renováveis

Ferreira, Carlos Miguel Oliveira
Fonte: Instituto Politécnico do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.98%
Com o aumento do preço da eletricidade e o fim dos combustíveis fósseis, associados à necessidade de Portugal reduzir a sua dependência energética do exterior, provoca a necessidade urgente de apostar nas energias renováveis. Perante este cenário, e assumindo que o custo da fatura energética, é para as empresas portuguesas um fator cada vez mais determinante para serem competitivas, devido aos aumentos consecutivos da energia nos últimos anos, bem como, a subida do imposto de valor acrescentado (IVA) de 6% para 23%. Outro aspeto importante é a eficiência energética como instrumento para reduzir os consumos de eletricidade. Com estas duas medidas: utilização de energias renováveis e o aumento da eficiência energética, são extremamente importantes para a redução da produção dos gases de efeito estufa (GEE). Consequentemente, as empresas terão de investir na produção da própria energia a partir de fontes renováveis, de modo a proporcionar um desenvolvimento sustentável, associado à redução da fatura energética. Esta dissertação propõe o dimensionamento de um sistema híbrido composto por tecnologia fotovoltaica e eólica, com e sem armazenamento de energia em baterias, adequado para reduzir uma parte dos consumos de uma empresa enquadrada no sector dos plásticos. O dimensionamento deste sistema...

A Problemática da estratégia no sector das energias renováveis em Portugal

Sousa, Maria La Salete Ferreira
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
67.02%
Dissertação apresentada ao Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto para obtenção do Grau de Mestre em Gestão das Organizações, Ramo de Gestão de Empresas Orientada pelo Professor Doutor Eduardo Manuel Lopes de Sá e Silva; As constantes mudanças a que a envolvente empresarial está sujeita leva a que o planeamento estratégico nos dias de hoje assuma-se como preponderante para o sucesso das organizações. Esta situação aplica-se de uma forma geral a todos os sectores, incluindo entre eles o sector das energias renováveis. A energia é imprescindível para o desenvolvimento das sociedades bem como para o seu progresso e crescimento. A crescente procura por energias renováveis prende-se com problemas actuais de sustentabilidade, ambientais, sociais e políticos, consequentes do consumo actual de combustíveis fósseis. No caso de Portugal além destes problemas enfrenta também um deficit energético. Assume as energias renováveis como uma solução total ou parcial para estes problemas. Verifica-se um crescimento forte da produção em Portugal com recurso a estas fontes, com maior incidência na região norte e sul. Os investimentos necessários neste sector variam substancialmente conforme o tipo de energia. Como abordagem empírica neste trabalho recorreu-se à entrevista procurando-se analisar e determinar a complexidade do planeamento estratégico e a forma como este é estruturado. De igual forma procurou-se aferir a forma de financiamento privilegiada.

Estudo económico das energias renováveis: o caso português

Chaves, Olga Pereira
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
67.09%
Dissertação de Mestrado apresentado ao Instituto de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Empreendedorismo e Internacionalização, sob orientação de Maria Clara Dias Pinto Ribeiro; A análise económica do subsector das energias renováveis em Portugal constitui o objecto da presente dissertação. O consumo de energia tem aumentado a ritmos mais do que proporcionais em relação ao crescimento da população mundial, estimando-se que dentro de um quarto de século, as reservas de energias não renováveis, como o petróleo e o gás natural, estejam próximas de esgotarem. Cada vez há mais consciência de que o consumo de combustíveis fósseis provoca graves prejuízos ambientais. Para Portugal, que apresenta uma forte dependência energética face ao exterior, torna-se imperioso assumir uma estratégia económico-ambiental, para que a nova revolução energética que se avizinha seja apropriada pelo nosso país, aproveitando os seus recursos naturais. A existência de vantagens comparativas, ao nível da geografia e dos recurso naturais, e a captação de conhecimentos tecnológicos inovadores poderão constituir-se como uma aposta estratégica de desenvolvimento económico nacional sustentável...

Cenário actual das energias renováveis em Portugal

Cunha, Daniela Sá
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
67.19%
O cenário actual das energias origem fósseis provou ser insustentável. A preocupação constante com o nosso planeta, o aumento constante do preço petróleo, assim como de outras fontes de energias poluentes, faz com que as energias renováveis sejam a solução mais vantajosa e rentável. Tendo em vista a procura insistente por soluções que salvaguardem o nosso planeta, é cada vez mais importante explorar os meios e matérias-primas existentes de maneira a retirar maior partido daquilo que a Terra nos oferece. O tema desta dissertação incide sobre as Energias Renováveis em Portugal, o início da exploração das mesmas, as vantagens e desvantagens económicas e ambientais e uma breve abordagem sobre as explorações futuras. Durante a elaboração desta dissertação foram feitas pesquisas em livros específicos, revistas, em sites específicos sobre o tema. Apesar de ser um assunto bastante abordado nos dias de hoje, ainda existe alguma dificuldade em encontrar dados específicos, quer qualitativos quer quantitativos, para conseguir prever um cenário seguro para o futuro das Energias Renováveis em Portugal. Visto que em Portugal a exploração de recursos energéticos a partir de fontes de energia naturais...

Infraestrutura de pesquisa em energias renováveis no Brasil

Santos, Gesmar Rosa dos
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Radar - Artigos
PT-BR
Relevância na Pesquisa
66.98%
Este artigo apresenta parte dos resultados de levantamento sobre a infraestrutura de pesquisa instalada no Brasil que desenvolve estudos na área de energias renováveis. O objetivo do trabalho é caracterizar as infraestruturas (ou instalações laboratoriais) e destacar aspectos das interações entre os pesquisadores, as instituições parceiras e o setor produtivo. Parte-se do pressuposto de que a infraestrutura laboratorial é fortemente relevante para o desenvolvimento de pesquisas e inovação em energias renováveis, podendo se constituir, quando não adequada, em fator limitante de avanços tecnológicos nesta área.; p. 7-18

Desenvolvimento de energias renováveis: comparativo dos cenários e das perspectivas de políticas públicas para alguns países da América Latina; Developing Renewable Energy: Comparative Scenarios and Public Policy Perspectives from some Latin American Countries

Lardizabal, Claudia Cecilia; Rosales, Ismene; Pasqual, Janaina Camile; Herrera, Gricelda; Mejia, Sandra; Cancino, Mariel Álvarez
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 21/07/2014 ENG
Relevância na Pesquisa
67.01%
The energy matrix of Latin American and the Caribbean countries has one of the largest renewable energy components when compared to other regions of the world. Nonetheless, by 2009 nearly three-quarters of its structure corresponded to fossil fuels, with most of the countries being net importers of these fuels. This situation marks the region´s dependence on the effects of changes in energy commodities. Therefore, the opportunity lies in higher use of renewable energy sources that contribute to the country´s energy security and represent significant environmental benefits. The purpose of this paper is to provide a comparative analysis of current energy scenarios of six Latin American countries (Mexico, Honduras, Nicaragua, Brazil, Ecuador and Chile) in order to evaluate the policies, programs and strategies implemented in the search for greater participation of renewable energy. Considering the importance of the water-energy nexus that could serve to promote renewables under conditions of water scarcity, a qualitative data comparison was accomplished, considering energy consumption, CO2 emissions, GDP and water withdrawals per country. The authors conclude that, despite technological and financial constraints, all the involved countries are moving towards the substitution of a fossil fuel based matrix to a renewable one. This process could be seen as a result of clear policies and strategies that have been set...