Página 1 dos resultados de 717 itens digitais encontrados em 0.011 segundos

Empreendedorismo social e desempenho organizacional

Santos, Lara
Fonte: Edições Universidade Fernando Pessoa Publicador: Edições Universidade Fernando Pessoa
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
66.51%
O empreendedorismo social tem assumido, nas últimas décadas, um protagonismo visível em vários domínios da sociedade. é este o motivo que justifica o propósito do presente estudo, em que se pretende analisar o papel do empreendedorismo social na configuração de diferentes padrões de desempenho, no sector das organizações sem fins lucrativos. Adoptou-se um design de estudo de caso, em que foram analisados seis casos realizados sequencialmente no tempo. Os resultados deste estudo demonstram que o empreendedorismo social é traduzido em inovação de actividades ou iniciativas, no estado de alerta para possíveis oportunidades e pela propensão para projectos com um risco calculado, com vista à concretização da missão social e prossecução dos objectivos sociais das organizações. Neste sentido, confirma-se que a adopção de um comportamento empreendedor promove efectivamente um desempenho superior em organizações que respondem ao crescente desafio de criar valor social. Social entrepreneurship has assumed in recent decades, a visible role in various fields of society. That is the reason that justifies the purpose of this study, which aims to examine the role of social entrepreneurship in setting different standards of performance in the field of nonprofit organizations. It was adopted a case study design...

Trajetórias de classe e empreendedorismo social : um estudo exploratório

Silva, Ana Cláudia Alves da
Fonte: FEUC Publicador: FEUC
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.57%
A presente dissertação visa expor uma perspetiva sociológica específica sobre o fenómeno do empreendedorismo social. Partindo de uma análise crítica das atuais definições de empreendedorismo social, e das características que enformam o ideal-tipo dos seus protagonistas, o presente trabalho socorre-se da análise das trajetórias de classe e mobilidade social com o objetivo de (i) explorar a existência de um padrão observável na estrutura de posições sociais de classe ocupadas pelos empreendedores sociais e (ii) descortinar a influência dos trajetos de movimentação social destes agentes na sua predisposição para a construção de um precurso de empreendedorismo social. Configurando-se como um estudo de caso alargado, o trabalho explora, com recurso a entrevistas de tipo narrativo, eventuais flutuações na estrutura e volume de capitais herdados e construídos ao longo dos principais contextos de aprendizagem social, demonstrando a centralidade da elevada posse de capital cultural para a protagonização de uma iniciativa de empreendedorismo social.; Dissertação de mestrado em Intervenção Social, Inovação e Empreendedorismo, apresentada à Faculdade de Economia e à Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra...

Identidade e Mudança: projectos de intervenção e empreendedorismo social em bibliotecas para captação de novos públicos

Silva, Vera Maria da
Fonte: Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas Publicador: Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas
Tipo: Aula
POR
Relevância na Pesquisa
66.56%
Abordam-se estratégias e procedimentos no âmbito do empreendedorismo social, destacando o seu potencial de ferramenta útil para as bibliotecas públicas concretizarem o seu papel social, obterem reconhecimento na esfera pública, afirmarem-se na comunidade e ultrapassarem a dificuldade de captar novos públicos. Evidenciam-se potencialidades de estratégias empreendedoras em parcerias sociais e processos de gestão da inovação, aspectos pertinentes no actual contexto de incerteza e mudança. Faz-se um enquadramento da realidade social da leitura e uso das bibliotecas; constata-se como o empreendedorismo social pode ser uma valia; enunciam-se tópicos articuladores do conceito de empreendedorismo social; reflete-se sobre o interesse do seu desenvolvimento em processos de gestão; fundamenta-se a pertinência de práticas de empreendedorismo social ocorrerem em bibliotecas; sustenta-se como tal é coerente com a sua visão, missão e valores. É disso exemplo o projecto DAR de VOLTA, activo desde 2006 na Biblioteca Municipal do Seixal. Dele resultou, até ao momento, a oferta de 128.915 manuais escolares, a entrega de 70.473, o que representou para as famílias uma poupança de 1.394.282€. O projecto revelou-se uma oportunidade para a biblioteca ser mais conhecida junto de potenciais utilizadores...

Empreendedorismo social no distrito de Bragança: antecedentes e resultados

Pereira, Olga Filipa Rodrigues
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.59%
Dissertação de Mestrado em Gestão; A preocupação com os seres humanos mais desfavorecidos não é de agora, sempre existiu. No entanto, ao longo dos últimos anos verificou-se um aumento no interesse pelo fenómeno designado por “empreendedorismo social”. O empreendedorismo social permite o fornecimento de produtos e serviços aos mais necessitados, protege os Direitos Humanos, previne a degradação ambiental e atinge objetivos que, embora essenciais para a vida humana, são muitas vezes negligenciados pelo Estado. Os empreendedores sociais são muitas vezes considerados indivíduos “especiais” porque atribuem maior importância à criação de valor social do que ao aumento do lucro. Para além disso, o emprendedorismo social é também considerado como vital para o desenvolvimento económico, devido à criação de emprego e riqueza. No entanto, e relativamente à forma que o empreendedorismo social adquire, não existe consenso na literatura. Se, por um lado, há autores que consideram que este fenómeno só acontece em organizações não lucrativas (e. g., Lasprogata & Cotten, 2003; Morris, Coombes, Schindehutte, & Allen, 2007; Aamo, 2008; Kelley, 2009), por outro lado, há autores que afirmam que o empreendedorismo social tem lugar em qualquer tipo de organização (e. g....

Empreendedorismo social

Transmontano, Maria Madalena Fêo e Torres
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.5%
Mestrado em Ciências Empresariais; O empreendedorismo é um conceito muito recente e vagamente conhecido. Contudo, inseridas num ambiente económico empresarial e social cada vez mais exigente, as tradicionais organizações sem fins lucrativos colocam, hoje, grande ênfase em atividades de inovação para a criação de valor social. Esta investigação identifica, com o apoio de uma revisão de literatura, a génese e características das atividades socialmente empreendedoras. Através de uma análise qualitativa dos dados obtidos e do programa informático NVivo, procura-se determinar a proximidade das empresas de empreendedorismo social em Portugal com as características fundamentais desta atividade. Concluiu-se que está área contribui para o sucesso das organizações sem fins lucrativos e que a sua importância está a aumentar, devendo receber a devida e merecida atenção como disciplina académica e independente.; Entrepreneurship is a very recent and vaguely known concept. However, inserted in a business and social economic environment increasingly demanding, the traditional nonprofit organizations nowadays put great emphasis in innovation activities in order to create social value. With the support of a literature review this investigation identifies the genesis and the characteristics of the social entrepreneurial activities. Through a qualitative analysis of the obtained data and software Nvivo...

A pesquisa-ação participante como estratégia metodológica para o estudo do empreendedorismo social em administração de empresas

Novaes,Marcos Bidart Carneiro de; Gil,Antonio Carlos
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.43%
O presente ensaio tem como objetivo analisar e discutir como a pesquisa-ação participante pode ganhar espaço como estratégia metodológica em administração. Esta análise enfoca em especial o campo do empreendedorismo, e mais especificamente o campo do empreendedorismo social, ressaltando as vantagens e limitações da aplicação dessa estratégia de pesquisa. Procede-se, inicialmente, à análise dos principais paradigmas de pesquisa em administração e define-se a pesquisa-ação participante como modalidade de pesquisa crítica, inserida no paradigma humanista radical. A seguir, passa-se à identificação das características da pesquisa participante e ao seu contraste com outras modalidades de pesquisa, em especial com a observação participante e a pesquisa-ação. Os conceitos da pesquisa-ação participante são apresentados e os autores prosseguem apresentando uma revisão dos mais recentes trabalhos em que essa foi usada para apoiar pesquisas na área do empreendedorismo social. Concluem com a proposta de que a avaliação desses trabalhos se dê por outros conceitos que não os da pesquisa tradicional.

Empreendedorismo social e protagonismo juvenil: a estratégia socioeducativa do projeto Oasis de intervivência universitária

Silva, Fabiano André Gonçalves
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Administração; Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Administração; Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.61%
This dissertation aims to analyze the strategy of socio Intervivência University Project OASIS training of community development from the perspective of social entrepreneurship. This project was part of the context of a sort of university extension, called Intervivência University, which emerged in 2008 through the announcement MCT / CNPq / CT-Agribusiness / MDA - No. 23/2008 - Intervivência University Program. With the analysis of the OASIS project sought to identify a strategy socio, which was used elements of popular education and aimed to develop young people within the social entrepreneurship that made contributions to such has taken actions in their communities seeking range of social gains. For this, the methodological aspect, it was used in the research, a qualitative approach, case study, content analysis, semi-structured interviews and non-participant observation. In the theoretical aspect was addressed in the affairs of: social entrepreneurship, with emphasis on the concept, their differentiations of business entrepreneurship and social responsibility, and characterizing the social entrepreneur, popular education, as for the development of social entrepreneurship is the need for a new way of thinking and seeing reality for the people...

Identidade e Mudança: projectos de intervenção e empreendedorismo social em bibliotecas para captação de novos públicos

Silva, Vera Maria; Biblioteca Municipal do Seixal
Fonte: Actas do Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas Publicador: Actas do Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; article Formato: application/pdf
Publicado em 18/10/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.56%
Abordam-se estratégias e procedimentos no âmbito do empreendedorismo social, destacando o seu potencial de ferramenta útil para as bibliotecas públicas concretizarem o seu papel social, obterem reconhecimento na esfera pública, afirmarem-se na comunidade e ultrapassarem a dificuldade de captar novos públicos. Evidenciam-se potencialidades de estratégias empreendedoras em parcerias sociais e processos de gestão da inovação, aspectos pertinentes no actual contexto de incerteza e mudança. Faz-se um enquadramento da realidade social da leitura e uso das bibliotecas; constata-se como o empreendedorismo social pode ser uma valia; enunciam-se tópicos articuladores do conceito de empreendedorismo social; reflete-se sobre o interesse do seu desenvolvimento em processos de gestão; fundamenta-se a pertinência de práticas de empreendedorismo social ocorrerem em bibliotecas; sustenta-se como tal é coerente com a sua visão, missão e valores. É disso exemplo o projecto DAR de VOLTA, activo desde 2006 na Biblioteca Municipal do Seixal. Dele resultou, até ao momento, a oferta de 128.915 manuais escolares, a entrega de 70.473, o que representou para as famílias uma poupança de 1.394.282€. O projecto revelou-se uma oportunidade para a biblioteca ser mais conhecida junto de potenciais utilizadores...

EMPREENDEDORISMO SOCIAL: Avaliação da adoção e difusão no Distrito da Guarda

Aleixo, Ângela
Fonte: Instituto Politécnico da Guarda Publicador: Instituto Politécnico da Guarda
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.54%
À semelhança do que ocorre em muitos países, o empreendedorismo social em Portugal constitui uma área de enorme potencialidade na luta contra a exclusão social, substituindo-se muitas vezes ao Estado, por via da sua adaptabilidade, do seu cariz inovador e simplicidade de processos. No contexto atual de agravamento dos problemas de pobreza e de emergência de outros novos, as dinâmicas criadas pelo empreendedorismo social são, por um lado, necessárias para melhorarem o bem-estar dos cidadãos e reduzirem o risco de comportamentos nocivos e, por outro lado, oportunas enquanto novas formas de organização económica. Ao combinar a prestação de contas, de forma responsável e transparente, a todos os stakeholders com a necessidade de criação de valor, de promoção da inovação e da procura de novas oportunidades, o empreendedorismo social contribui para o desenvolvimento sustentável de Portugal por via da integração e afirmação das empresas do terceiro sector, em geral, e das Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS), em particular. Assim, com vista a avaliar a adoção e difusão do empreendedorismo social em Portugal, tendo por base as práticas das IPSS do Distrito da Guarda e as suas caraterísticas de sucesso...

Desenvolvimento local sustentável: uma abordagem à sustentabilidade dos projetos de empreendedorismo social

Rigueiro, Inês Cipriano
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.58%
O presente estudo incidiu sobre a análise de associações de desenvolvimento local e projetos de empreendedorismo social que conduzem ao desenvolvimento local sustentável, sendo estes os eixos axiológicos da investigação. É um estudo de caráter exploratório no qual se pretendeu analisar os programas inovadores de empreendedorismo social e as suas contribuições para o desenvolvimento local sustentado, bem como compreender as particularidades dos diferentes projetos na promoção do desenvolvimento local sustentável, identificando os elementos facilitadores e os elementos bloqueadores de sustentabilidade dos projetos de desenvolvimento local. Assim, com este estudo exploratório procuramos refletir sobre a forma das associações de desenvolvimento local, da região centro de Portugal Continental, através da implementação de projetos de empreendedorismo social e da obtenção de fundos estruturais de apoio, contribuírem para o desenvolvimento local sustentável. Os resultados da investigação revelaram uma preocupação central das organizações na procura de modelos de financiamento económico alternativos, refletindo a competitividade que caracteriza o sector fruto da insustentabilidade económica destas organizações...

O papel do empreendedorismo social no terceiro setor : uma nova solução no domínio da Alzheimer na Região Autónoma da Madeira?; The role of social entrepreneurship in the third sector : a new solution in the field of Alzheimer's in Madeira?

Jesus, Antonela Filipa Spínola Rodrigues Pereira Jesus
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.65%
Dissertação de mestrado em Economia Social; A presente dissertação pretende apresentar, no quadro de desenvolvimento do Terceiro Setor, o Empreendedorismo Social como uma (nova) solução para os problemas sociais, decorrentes de uma sociedade tendencialmente desigual, excludente e hierarquizada. Assente nas premissas da inovação social e da capacitação de pessoas e de comunidades, o Empreendedorismo Social procura que todos os intervenientes sejam parte integrante de um processo que visa a mudança social. Orientados pela questão de partida “Qual a pertinência e adequação de ser desenvolvido um projeto de Empreendedorismo Social no domínio da Alzheimer, na Região Autónoma da Madeira?”, a partir da articulação entre a componente teórica e empírica da nossa investigação, procurámos, como principais objetivos: (i) conhecer, compreender e diferenciar teoricamente os conceitos de Empreendedorismo, Empreendedorismo Social, Terceiro Setor, Economia Social e outros conceitos associados, de forma a enquadrar, fundamentar e validar todos os elementos para a projeção de uma nova resposta social no domínio do Alzheimer na RAM e (ii) averiguar se o Empreendedorismo Social contribui para o desenvolvimento humanizado do Terceiro Setor. Para tal...

O Voluntariado enquanto promotor do empreendedorismo social: o caso da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Mangualde

Ferreira, Diana Filipa dos Santos Baptista
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.56%
Dissertação de Mestrado apresentada ao Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Empreendedorismo e Internacionalização, sob orientação de Doutora Deolinda Meira e Mestre Paula Alferes; Actualmente, a sustentabilidade e o funcionamento das entidades do sector da economia social dependem, cada vez mais, do trabalho voluntário. Numa sociedade estrangulada por problemas sociais e económicos, o voluntariado assume-se como forma de salvação para muitas organizações da economia social, ao contribuir gratuitamente para a procura de novas soluções susceptíveis de enfrentar os desafios emergentes. Neste contexto, este estudo pretende aferir em que medida é que o voluntariado promove o empreendedorismo social, tendo por referência uma Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários. Partindo de uma reflexão teórica sobre os conceitos de economia social, empreendedorismo social e voluntariado, realizou-se uma entrevista e um inquérito por questionário, junto da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Mangualde, tendo em vista averiguar se e como, os voluntários contribuem para o funcionamento da organização e para a construção de novas formas de financiamento que assegurem a sustentabilidade desta. Conclui-se que...

A Cooperativa enquanto espaço do empreendedorismo social: o caso específico da Cooperativa dos Pedreiros

Almeida, Paula Carla Alves de
Fonte: Instituto Politécnico do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.48%
Dissertação de Mestrado apresentada ao Instituto de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Empreendedorismo e Internacionalização, sob orientação de Doutora Deolinda Meira e Mestre Anabela Ribeiro.; Este estudo pretende aferir em que medida é que a cooperativa pode ser qualificada como empreendedora social, tendo por referência a Cooperativa dos Pedreiros, que constitui o nosso estudo de caso. Tendo em conta um conjunto de vertentes identificadas no conceito de empreendedorismo social – missão social, impacto social, inovação social, sustentabilidade e recursos financeiros, modelo de governança e o modo de apropriação do valor económico – realizou-se uma entrevista em profundidade e procedeu-se à análise dos Estatutos da Cooperativa dos Pedreiros, com vista a averiguar se tais vertentes estão presentes na atividade desenvolvida pela mesma. Conclui-se que a Cooperativa dos Pedreiros é uma empreendedora social, pois desde a sua constituição, prosseguiu uma missão social, o seu desempenho produz impacto social e assenta na adoção de estratégias inovadoras e diferenciadas face àquelas que caracterizam os outros operadores presentes no mercado, designadamente ao nível da sustentabilidade...

Empreendedorismo social e desenvolvimento regional

Santos, José de Freitas
Fonte: APDR Publicador: APDR
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.51%
. O  propósito desta  comunicação  é  compreender  a relação  entre  a favorabilidade  do  contexto  externo e o empreendedorismo social em Portugal. A investigação adota uma metodologia quantitativa. Os  dados  primários  foram  recolhidos  através  de  um  inquérito  por  questionário,  on‐line,  enviado  aos  responsáveis que estiveram na base da constituição das Organizações Não‐Governamentais de Cooperação  para o Desenvolvimento existentes em Portugal, bem como aos responsáveis pelos projetos, que à data do  inquérito, se encontravam cotados na Bolsa de Valores Sociais. No teste das hipóteses de investigação foram  utilizadas técnicas de análise descritiva, técnicas de redução de dados (análise fatorial por componentes  principais),  e  o teste t‐student. Os resultados revelaram  que  um  contexto  externo  favorável tem  uma  importância baixa na decisão de formação de uma organização social. Os resultados obtidos encontram  suporte  para  o  facto  de  muitas  iniciativas  de  empreendedorismo social  tenderem  a  localizar  as suas  atividades em ambientes desfavoráveis...

O empreendedorismo social como promotor da integração socioprofissional: um estudo exploratório

Fagundes, Sandra Cristina Nogueira
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.62%
Dissertação de Mestrado apresentado ao Instituto de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Empreendedorismo e Internacionalização, sob orientação de Dra. Susana Bernardino e Professor Doutor José Freitas Santos; O forte crescimento de necessidades sociais conduziu à emergência de novos de novos modelos para a resolução dos problemas sociais que permanecem sem resposta. O empreendedorismo social, que tem como principal objetivo a criação de valor social de um modo duradouro e sustentável, surge precisamente com o intuito de procurar soluções que ofereçam uma melhoria de vida a camadas da população mais frágeis e desprotegidas, usando métodos de inclusão social. O propósito da investigação foi o de tentar perceber quais as principais dificuldades que as iniciativas de empreendedorismo social em Portugal enfrentam no desenvolvimento das suas atividades. Pretendeu-se desta forma, identificar quais são os principais fatores de bloqueio com que se deparam, para que os possam ultrapassar e se tornem mais bem-sucedidas. Para dar resposta a esta questão de investigação que orientou a dissertação, adotou-se uma metodologia de pesquisa qualitativa, sendo os dados primários recolhidos através de uma entrevista semiestruturada...

Empreendedorismo Social, o papel das IPSS: estudo de caso

Silva, Paulo
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto; Instituto Politécnico de Bragança; Instituto Politécnico do Cávado e do Ave; Instituto Politécnico de Viana do Castelo Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto; Instituto Politécnico de Bragança; Instituto Politécnico do Cávado e do Ave; Instituto Politécnico de Viana do Castelo
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.58%
O empreendedorismo social tem vindo, nas últimas décadas, a ser denominado como um novo paradigma determinante para o funcionamento da economia, em grande parte, porque a economia social tornou-se basilar na sociedade, por um lado, pelo crescimento exponencial da exclusão social, elevado desemprego e envelhecimento da população e, por outro, devido às dificuldades orçamentais dos governos. O empreendedorismo social, utilizado por Instituições Particulares de Solidariedade Social sem fins lucrativos, procura resolver problemas sociais de forma inovadora e sustentável, com a finalidade de dar resposta aos grandes desafios sociais da atualidade, através da ação social na prevenção e no apoio nas diversas situações de fragilidade, exclusão ou carência humana, promovendo a inclusão, a integração social e o desenvolvimento local. O objetivo fundamental do presente trabalho, pretende verificar até que ponto as IPSS podem ser definidas como empreendedores sociais, através da prestação de serviços, nas variadas áreas à população local, de forma a alcançar o valor social. Neste estudo enveredou-se pela metodologia qualitativa, utilizando o método do estudo de caso único, recorrendo ao questionário como instrumento de recolha de dados numa instituição particular de solidariedade social do concelho da Maia. Deste estudo foi possível concluir a IPSS tem uma proximidade às populações...

Ideologia do empreendedorismo social: representações do trabalho em tempos de crise do Estado Social português; The ideology of social entrepreneurship

Casaqui, Vander
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 22/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.51%
No contexto do novo espírito do capitalismo (BOLTANSKI; CHIAPELLO), bem como da crise da identidade laboral (DUBAR), temos como objeto deste estudo os discursos sobre o empreendedorismo social extraídos de sites de organizações portuguesas como o Instituto do empreendedorismo social (IES), e de projetos como o Mapa da inovação e empreendedorismo social (MIES), apoiado pela Comissão Europeia. O objetivo é compreender as estratégias discursivas e deslizamentos de sentido em torno do papel do empreendedor social no cenário português contemporâneo. A metodologia está baseada na abordagem teórico-metodológica da Análise de Discurso de linha francesa e na filosofia da linguagem de Mikhail Bakhtin.; In the context of the new spirit of capitalism (BOLTANSKI; CHIAPELLO) as well as of the work identity crisis (DUBAR), we study the discourses on social entrepreneurship extracted from Portuguese organizations websites, such as the Institute of social entrepreneurship (IES), and projects such as the Map of innovation and social entrepreneurship (MIES), supported by the European Commission. The objective is to understand the discursive strategies and slidings of sense around the role of the social entrepreneur in the contemporary Portuguese scene. Our methodology is based on a theoretical and methodological approach of French Discourse Analysis and in the philosophy of language by Mikhail Bakhtin.

As distintas percepções sobre o empreendedorismo social

Azevedo, Laercio Prates de
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.68%
This dissertation is a literature review with exploratory and descriptive purposes, which aims to compile the different perceptions of the term Social Entrepreneurship, but not propon-being of an epistemological analysis on the topic. The main objectives of this research were: 1) to identify the convergences and divergences in the various perceptions of the Social Entrepre-neurship, from the perspectives: American, European and Brazilian; 2) identify whether Social Entrepreneurship can be considered as a new theoretical trend, or can be understood as a sub-category of an existing theory; 3) identify whether Social Entrepreneurship can be considered as practice of Social Management; 4) identify whether the "Social Business", proposed by Yunus (2010), can be considered as a completely new type of organization, as the author says. For this research were studied literary works available in the physical environment and elec-tronic database. The main concepts studied in this research were: Entrepreneurship; Social Management; Third Sector; Business Management and Social Entrepreneurship. The conclu-sions reached by this study were: 1-a) the main theoretical convergence is the Social Entrepre-neur ability to apply methods and process typically used in for-profit companies...

Empreendedorismo social e comercial: iguais, diferentes ou ambos?; Emprendedurismo social y comercial: ¿iguales, diferentes o ambos?; Social and commercial entrepreneurship: same, different, or both?

Austin, James; Stevenson, Howard; Wei-Skillern, Jane
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2012 ENG
Relevância na Pesquisa
66.6%
Entrepreneurship has been the engine propelling much of the growth of the business sector as well as a driving force behind the rapid expansion of the social sector. This article offers a comparative analysis of commercial and social entrepreneurship using a prevailing analytical model from commercial entrepreneurship. The analysis highlights key similarities and differences between these two forms of entrepreneurship and presents a framework on how to approach the social entrepreneurial process more systematically and effectively. We explore the implications of this analysis of social entrepreneurship for both practitioners and researchers.; O emprendedurismo ha sido el motor que viene impeliendo una buena cuota del crecimiento del sector de negocios, además de ser la fuerza motriz responsable por la rápida expansión de este sector. Este artículo ofrece un análisis comparativo del emprendedurismo comercial y del social, valiéndose de un modelo analítico prevaleciente, proveniente del área del emprendedurismo comercial. El análisis destaca las principales semajanzas y diferencias entre esas dos formas de emprendedurismo y presenta un marco para un abordaje más sistemático y eficaz del proceso emprendedor. Exploramos las implicaciones de este análisis de emprendedurismo social tanto para sus practicantes como para sus investigadores.; O empreendedorismo tem sido o motor que vem impelindo uma boa parcela do crescimento do setor dos negócios...

As Interfaces entre Empreendedorismo Social, Negócios Sociais e Redes Sociais no Campo Social

Silva, Maria de Fátima da; Pontifícia Universidade Católica de São Paulo/Doutoranda; Moura, Laysce Rocha de; Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte/Docente Pontifícia Universidade Católica de São Paulo/Doutora
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Revisão de Literatura Formato: application/pdf
Publicado em 14/08/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.44%
http://dx.doi.org/10.5007/2175-8077.2015v17n42p121Este ensaio discute os conceitos do empreendedorismo social, dos negócios sociais e das redes sociais no enfrentamento das demandas sociais, respondendo à pergunta: há interfaces entre esses conceitos? A busca pela mudança social tem no empreendedorismo social, nos negócios sociais e nas redes sociais a possibilidade de gerar ações inovadoras por organizações que atuam tanto no setor público como no privado, com o objetivo de promover a transformação social. As interfaces podem contribuir para a construção do campo da gestão social na medida em que a ação empreendedora no desenvolvimento dos negócios sociais intensifica-se com as redes sociais. O debate dessas ideias sugere a abertura de novos caminhos que possam contribuir para o enfrentamento dos problemas sociais.