Página 1 dos resultados de 3251 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

Vulnerabilidade ao stress, coping e burnout em educadores de infância da Ilha da Madeira

Santos, Cristina Maria Cordeiro Ferreira Simões
Fonte: Universidade da Madeira Publicador: Universidade da Madeira
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
35.92%
O presente estudo tem como objetivo analisar a vulnerabilidade ao stress bem como as estratégias de coping mais utilizadas e o nível de burnout dos educadores de infância em exercício de funções nas escolas da ilha da Madeira. Pretende-se ainda determinar a vulnerabilidade ao stress e os níveis de burnout dos educadores de infância bem como identificar as estratégias de coping utilizadas pelos mesmos. A metodologia utilizada foi por amostragem, de cariz quantitativo, correlacional e inferencial e teve como procedimento a aplicação de instrumentos validados para a população portuguesa. Os instrumentos utilizados foram: questionário de dados sóciodemográficos e profissionais, questionário de vulnerabilidade ao stress (23 QVS), Coping Job Scale (CJS) e Maslach Burnout Inventory (MBI). Este estudo contou com a participação de 119 educadores de infância, do sexo feminino em exercício de funções nos estabelecimentos de infância da ilha, pertencentes à Secretaria Regional de Educação da Região Autónoma da Madeira. Os resultados sugerem que a vulnerabilidade ao stress está negativamente relacionada com as estratégias de gestão de sintomas. As educadoras de infância tendem a utilizar mais estratégias de coping de confronto...

Alimentação saudável: percepções dos educadores de instituições infantis; Healthy eating habits: perceptions of childcare institution educators

ASSAO, Tatiana Yuri; CERVATO-MANCUSO, Ana Maria
Fonte: São Paulo Publicador: São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
35.92%
Objetivo: Analisar as percepções dos educadores sobre a alimentação suadável no ambito escolar. Método: Estudo transversal de abordagem qualitativa no qual se utilizou o Discurso do Sujeito Coletivo (DSC), técnica baseada nas representações sociais, que permitiu a organização e tabulação de dados de natureza verbal, obtidos por meio de entrevistas com 78 educadores de 8 instituições infantis públicas do município de Jandira, São Paulo. Resultados: A alimentação saudável para crianças , sobre o ponto de vista destes profissionais, foi percebida a partir de diferentes dimensões como: a variedade e a diversidadade da alimentação; a quantidade e qualidade adequada, que atendesse às necessidades biológicas e às preferências alimentares; de consistência adequada, que fosse natural e oferecida nos horários certos. Muitos dos fundamentos que compõem uma alimentação saudável foram citados, porém verificou-se que algumas questões importantes não foram lembradas, como"a procedência e a preparação dos alimentos, a realização das refeições em ambientes calmos e a satisfação das necessidades emocionais e sociais. Ressaltando ainda que, dentre os itens comtemplados, alguns apresentaram contradições e distorções...

O saber/fazer/ser e conviver dos educadores indígenas Apinayé: algumas reflexões no campo da Teoria da Complexidade e da Etnomatemática

Oliveira, Sinval de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 156 f. : il., fots. + 1 CD-rom
POR
Relevância na Pesquisa
35.96%
Pós-graduação em Educação Matemática - IGCE; Nesta pesquisa procuro estabelecer um diálogo entre a Etnomatemática a Teoria da Complexidade e a Educação Indígena Apinayé, com vista a responder o questionamento orientador desse debate, o qual foi expresso em termos de “como sistematizar uma epistemologia da prática dos educadores indígenas Apinayé, englobando conhecimentos socioculturais relacionados ao saber/fazer/ser e conviver desses educadores? Tendo como suporte metodológico uma prática de natureza etnográfica, estabeleço uma possibilidade de compreender os educadores indígenas apinayé como epistemólogos de suas tradições socioculturais, à medida que apresento marcas de uma epistemologia que se nutre de saberes e fazeres, bem como da forma de ser e conviver que lhes é singular. Dessa forma, interpreto a episteme dos educadores indígenas apinayé por meio de um anel epistemológico, cuja tessitura comporta saber/fazer/ser/conviver munida dos princípios dialógico, recursivo e hologramático, que, entre outras coisas, lhes permite expressar uma cartografia do e no universo; This research intends to establish a dialogue between Ethnomathematics, Complexity Theory, and indigenous Apinayé Education, with the purpose of finding answers to the main question of this debate expressed as follows: “how we should systematize an epistemology of the practice of indigenous Apinayé educators...

Prevalência do uso de chupeta e conhecimento dos educadores numa escola de educação infantil: estudo piloto

Abdalla, Ana Paula
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 34 f.
POR
Relevância na Pesquisa
35.92%
Pacifier use is very common among children, but despite being considered a harmless article, there is ample evidence of their misdeeds. Therefore, concern about its use is great for us who work in the promotion of breastfeeding. It is this delicate subject in schools because the child, in most cases, already goes to school with the habit installed. The pacifier use may interfere with speech aspect, because the child can come to the wrong talk, dental, dental occlusions, may cause bacterial contamination and encourage early weaning. The aim of this study was to investigate the prevalence of pacifier use among children of pre - school and knowledge of educators about the role of pacifier and its consequences. The research methodology was based on a questionnaire to teachers, monitors and direction and determine the prevalence of pacifier use with parents. According to the result, we developed an orientation for school. The results show that of the 57 children at the age of 4 months to 3 years, 50.88% used a pacifier, 92.98% and 96.49% used the bottle were breastfed. The guidance given after the data collection has clarified many questions for educators. We conclude that the methodology was effective because we can collect data addressing quantitative and qualitative questions and managed to get percentages on pacifier use and breastfeeding and student opinions...

A repercussão da atuação de educadores/as populares do CEDEP/UNB na escola pública do Paranoá-DF

Jesus, Leila Maria de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, 2007.; A presente dissertação analisa a repercussão da atuação de educadores populares egressos da alfabetização de jovens e adultos do CEDEP – Centro de Cultura e Desenvolvimento do Paranoá/DF, dentro do contexto das escolas públicas no Paranoá. O estudo trás a trajetória de luta e enfrentamento dos moradores da hoje cidade de Paranoá na conquista por melhores condições de vida, dignidade e exercício da cidadania. No processo de enfrentamento da comunidade a pesquisadora se insere nestas lutas e se constitui educadora. Hoje professora na rede pública, dirigente e educadora no movimento popular e pesquisadora na educação popular e na universidade. Nos enfrentamentos da comunidade surge o CEDEP e o Projeto de Alfabetização de Jovens e Adultos no Paranoá, com participação da Universidade de Brasília representada por professores e alunos em compromisso com o excluído e a excluída. Neste contexto emerge o objeto de estudo e seus caminhos metodológicos. A pesquisa encontra setenta e seis educadores/as lotados em escolas da área urbana da cidade de Paranoá com residência no Paranoá. Dentre esses educadores identifica vinte e cinco que passaram pela orientação/participação na educação popular do CEDEP...

Perturbações da comunicação: necessidades e estratégias dos educadores

Lopes, Joana Filipa Antunes
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.02%
Os estudos realizados em Portugal, apesar de escassos, revelam uma prevalência elevada de perturbações da comunicação em crianças em idade pré-escolar. Estas perturbações se não forem detetadas precocemente podem acarretar consequências tanto a nível pessoal, social como a nível escolar e/ou profissional. O educador é um elemento ativo neste processo uma vez que é o profissional que se encontra mais próximo da criança num período de desenvolvimento tão vital. A colaboração entre este profissional e o terapeuta da fala é importante no sucesso de uma deteção e intervenção precoces das perturbações da comunicação. Para isso, torna-se de extrema importância conhecer quais as ferramentas que os educadores utilizam e quais as suas necessidades. Por estes motivos, o presente estudo tem como objetivo fazer o levantamento das necessidades e estratégias dos educadores do ensino pré-escolar no contacto com crianças com perturbações da comunicação, fala e/ou linguagem. Para tal, foi elaborado um questionário que foi enviado por e-mail a educadores. Um total de setenta e quatro educadores preencheu o questionário. Os resultados indicam que mais de 20% dos educadores sentem pelo menos alguma dificuldade na identificação dos sinais de alerta que podem levar a suspeitar de uma potencial perturbação da comunicação...

Projeto educativo: participação dos educadores de infância num agrupamento

Silva, Filipa Soares
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.96%
O presente trabalho teve como objetivo estudar e compreender o projeto educativo e a participação dos educadores de infância na sua construção. Após uma análise exaustiva de obras referentes ao tema podemos dizer que o projeto educativo é um documento imposto pela política vigente e que deverá ser um vértice importante em toda a dinâmica escolar de um agrupamento e de uma escola. Abordamos uma temática complexa, “A hipocrisia”. Em todas as instituições, e com o objectivo comum de homogeneizar comportamentos e atitudes, a direção da instituição tende a bloquear determinadas ações dos seus funcionários. No agrupamento de escolas em estudo foi visível esta dinâmica no receio das respostas das educadoras e nas respostas padronizadas que fomos obtendo. Foram efetuadas entrevistas a nove educadoras de infância e a uma Coordenadora do Agrupamento. A análise das entrevistas revela respostas contraditórias e que poderão originar alguns questionamentos sobre a real importância do projeto educativo e a sua utilização por parte das educadoras. No decorrer das entrevistas algumas das educadoras recusaram gravar com medo de represálias, apesar de terem sido informadas sobre a confidencialidade de todo o processo. Foi ainda notório que algumas respostas foram dadas de forma “obrigatória” pois politicamente eram as mais corretas. No final deste percurso podemos concluir que o projeto educativo não é compreendido corretamente e é visto como um documento obrigatório e não como ferramenta de apoio ao ensino. Os educadores de infância...

Um olhar sobre o modo como os educadores de infância portugueses tiram partido da Web 2.0 nas suas práticas profissionais

Cruz, Elisabete; Brito, Rita
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
35.96%
Este trabalho, de natureza exploratória, visa aprofundar o conhecimento sobre o modo como os educadores de infância portugueses tiram partido dos serviços Web 2.0 nas suas práticas profissionais. Com esta intenção, foi desenvolvida uma grelha de observação e de registo dos conteúdos disponibilizados, essencialmente, pelos educadores em ambientes online suportados por blogs. Delimitando o estudo a uma amostra de dez casos, a análise foi focada em três vertentes: i) no modo como os educadores se caracterizam face aos outros; ii) nos propósitos subjacentes à utilização destes serviços; e iii) nos processos de interacção social existentes. Apesar das limitações inerentes a um estudo desta natureza, os resultados indicam que os educadores de infância tendem: i) a ser prudentes em relação à partilha de informações de natureza pessoal e profissional; ii) a partilhar ideias, vivências e práticas profissionais; e iii) a valorizar a conexão entre vários membros da comunidade educativa.

A percepção dos educadores de infância e dos professores do 1.º ciclo sobre a importância das expressões artísticas em crianças autistas no contexto da sociabilidade

Ladeira, Sónia Andreia da Maia
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /09/2012 POR
Relevância na Pesquisa
35.92%
Este trabalho visa saber a opinião dos Professores de 1.º Ciclo sobre a importância das Expressões Artísticas em Crianças Autistas no Domínio da Sociabilidade e fazer a comparação com a percepção dos Educadores de Infância. Este trabalho é constituído por duas partes, sendo a primeira teórica e a segunda de carácter prático. A primeira parte do trabalho desenvolvido é constituída por três capítulos. No primeiro capítulo será feita uma abordagem ao Autismo no domínio da Sociabilidade, fazendo o enquadramento teórico, No segundo capítulo, as Expressões Artísticas serão abordadas fazendo-se acompanhar de um enquadramento teórico. Por último, no capítulo três é feita uma reflexão sobre o grupo docente, nomeadamente os Educadores de Infância e os Professores do 1.º Ciclo e o que representam nas suas áreas disciplinares, Pré-escolar e 1.º Ciclo respectivamente. A segunda parte deste trabalho é composta por uma investigação empírica constituída por um estudo sobre a opinião dos Professores do 1º Ciclo e a respectiva comparação com a opinião dos Educadores de Infância acerca das temáticas anteriormente referidas. Por fim será efectuada uma reflexão relativamente aos resultados obtidos e dos possíveis aspectos que possam contribuir para um melhor desenvolvimento no domínio da sociabilidade em crianças autistas.

Estratégias para o desenvolvimento da competência comunicativa em educadores de infância e professores de 1º ciclo

Vargas, Marisa
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
35.92%
Dissertação de mestrado em Ciências da educação - especialização em educação pré-escolar e ensino do 1º ciclo do ensino básico, Instituto Politécnico de Beja, Escola Superior de Educação, 2012.; "O presente estudo tem como foco a comunicação na área da educação, mais precisamente direcionado a educadores de infância e professores de 1º ciclo. Pretende conhecer a consciência destes profissionais relativamente às suas competências comunicativas e o impacto das mesmas na sala de aula. A questão de partida: «Será que os educadores de infância e professores de 1º ciclo têm consciência das suas competências comunicativas e da consequente influência na ação educativa?», tem como objetivo procurar saber o impacto das comunicações feitas por parte destes profissionais da educação, nomeadamente em que situações são facilitadoras, ou não, da ação e relação pedagógica. Os participantes serão de 1 professor de 1º ciclo e 1 educador de infância para as entrevistas, e cerca de 15 professores de 1º ciclo e 15 educadores de infância para a posterior aplicação dos questionários. Pretende-se no final do estudo realizar uma reflexão acerca das atitudes e ações que facilitem a ação pedagógica dos docentes destes níveis de ensino...

Caraterísticas de sobredotação e criatividade percepcionadas por educadores de infância no Brasil e Portugal

Dal-Forno, Letícia; Veiga, Feliciano; Bahia, Sara
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
35.92%
Este estudo tem como objetivo geral apresentar elementos de um projeto de investigação que visa investigar as características de sobredotação e criatividade percecionadas por educadores de Infância no Brasil e em Portugal. A literatura sobre o conceito de sobredotação e de criatividade é revista, quer em termos da sua conceptualização quer de produções empíricas havidas na educação pré-escolar. No âmbito da metodologia, a recolha de instrumentos de avaliação de tais constructos conduzirá à adaptação, para ambos os países, dos mais adequados ao estudo, podendo seguir-se o interesse na construção de novas escalas; destacam-se já alguns instrumentos recolhidos (Rosa, 2009; Veiga & Marques, 2001; Al-Hadabi, 2010; Freitas & Pérez, 2010). A amostra incluirá cerca de 400 educadores de infância, 200 portugueses e 200 brasileiros. Os resultados serão analisados em termos da adequação e das oscilações das características de sobredotação e criatividade percecionadas, quer em função de variáveis dos educadores de infância quer de variáveis das crianças e de seus contextos familiares quer dos países envolvidos, Brasil e Portugal.; The goal of this study is to present the elements of a research project that aims to investigate the characteristics of giftedness and creativity as perceived by child educators in Brazil and Portugal. The literature on the concepts of giftedness and creativity is reviewed in terms of its conceptualization and empirical productions that occur in childhood education. In the context of the methodology...

Entre o Pré-Escolar e o 1º Ciclo do Ensino Básico: a leitura e a escrita na perspectiva de educadores e professores

Santos, Ana Isabel
Fonte: Universidade dos Açores Publicador: Universidade dos Açores
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /10/2011 POR
Relevância na Pesquisa
35.98%
I Encontro Internacional de "Educação, Currículo e Didácticas: Tendências, Contextos e Dinâmicas", Ponta Delgada: Universidade dos Açores, 27, 28 e 29 de Outubro de 2011.; O processo de transição entre níveis educativos é amplamente reconhecido e pontualmente estudado como um factor importante que contribui para uma progressão de sucesso nas aprendizagens das crianças. Numa pesquisa alargada sobre as práticas pedagógicas de literacia no processo de transição entre a educação pré-escolar e o ensino básico, não são encontrados estudos que aprofundem esta temática, sendo certo que, aqueles que abordam as questões da transição entre estes dois níveis de ensino, apontam para a importância da aproximação e continuidade entre as práticas de educadores e professores como um aspecto positivo para o desenvolvimento e aprendizagem das crianças (Ahtlo et al., 2011; Chun, 2003; Einarsdottir, 2006). Estes estudos são unânimes em afirmar que, na maior parte dos casos, existem descontinuidades entre os dois níveis de ensino, descontinuidades, estas, que se verificam ao nível das práticas pedagógicas e das concepções destes docentes. Em Portugal, quer as Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar (M.E....

O brincar de ontem, na infância dos educadores de hoje: entendimento e adequação curricular do brincar

Viegas, Lina Maria Florência Domingues
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2007 POR
Relevância na Pesquisa
35.96%
Dissertação mest., Ciências da Educação, Universidade do Algarve, 2007; Este estudo pretende ser um contributo para uma melhor compreensão acerca da visão dos educadores de infância, sobre o brincar actual das crianças, no jardim-de-infância, tendo em conta as recordações das suas próprias experiências de brincar, na infância. Pretende analisar de que forma esse entendimento respeita as Orientações Curriculares adoptadas, tendo em vista uma educação completa que privilegia o brincar como uma vivência natural da criança. A nível metodológico optou-se por uma abordagem qualitativa, partindo do discurso de educadores de infância, pretendendo-se privilegiar os processos relacionais e a interpretação do “significado” que as pessoas dão às coisas e à sua vivência. A amostra é constituída por treze educadoras de infância da rede pública, e das IPSS de uma cidade Algarvia, às quais foram feitas entrevistas relacionadas com a sua visão sobre o brincar. As entrevistas eram compostas por questões semi-abertas e abertas, obtendo-se assim um conjunto de dados que nos permitiram analisar de forma mais coerente e profunda a visão que os educadores de infância têm sobre o brincar. Conclui-se que...

A escola e os educadores em tempo de ciclos e progressão continuada: uma análise das experiências no estado de São Paulo

Jacomini,Márcia Aparecida
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2004 PT
Relevância na Pesquisa
36%
Neste artigo discute-se a atuação dos educadores no processo de implementação dos ciclos e da progressão continuada nas redes públicas de ensino municipal e estadual de São Paulo em quatro momentos distintos: na Reforma de 67/68, na implantação do Ciclo Básico de Alfabetização em 1983/84, na instituição do regime de progressão continuada em 1998, (rede estadual paulista), e na adoção dos ciclos e da progressão continuada em 1992 (rede municipal de ensino da cidade de São Paulo). Considera-se que a efetivação das políticas públicas educacionais depende, em grande medida, da participação de seus principais protagonistas - os educadores. Por isso é importante saber como determinados condicionantes influenciam as concepções e a atuação dos educadores perante os ciclos e a progressão continuada. Tendo como referência quatro experiências realizadas em distintos momentos e com características particulares, busca-se analisar com base nos condicionantes materiais, ideológicos e institucionais-pedagógicos a resistência dos educadores em relação aos ciclos e à progressão continuada. Busca-se compreender como esses condicionantes interagem na determinação de uma concepção, muito comum entre os educadores...

O processo de constitui????o dos educadores ambientais no contexto da crise civilizat??ria: um estudo de caso com os mestres-doutores do PPGeA/FURG.

Bigliardi, Rossane Vinhas
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
35.96%
Tese (doutorado)-Universidade Federal do Rio Grande, Programa de P??s-Gradua????o em Educa????o Ambiental, Instituto de Educa????o, 2012.; Este estudo teve por objetivo compreender o processo s??cio-hist??rico de constitui????o do pesquisador mestre e doutor em Educa????o Ambiental egresso do PPGEA/FURG, de modo a favorecer uma ressignifica????o da pr??tica investigativa desenvolvida na Linha de Pesquisa Educa????o Ambiental: Ensino e Forma????o de Educadores/as (EAEFE), de modo ampliado. Assumo a tese de que o processo de constitui????o do mestre-doutor em Educa????o Ambiental tem como referencial, os delineamentos te??ricos e metodol??gicos presentes na pr??tica de ensino e pesquisa e na rela????o orientador-orientando. O estudo dos documentos (disserta????es e teses) possibilitou, pela an??lise dos pressupostos e delineamentos te??ricos e metodol??gicos presentes nos relat??rios de pesquisa, refletindo a respeito da l??gica interna destas disserta????es e teses, compreender, assim, o processo de fundamenta????o do pesquisador acerca do trajeto de investiga????o no decorrer de sua constitui????o mestre e doutor em Educa????o Ambiental. No decorrer desta pesquisa, foi mostrando-se ??? de maneira n??tida ??? o impacto favor??vel aos objetivos transformadores da educa????o ambiental causado nos n??veis de compreens??o...

Educadores sociais de rua : discursos a (des)velar.; Educadores sociales de calle : discursos a (des)velar.

Silva, Ricardo da
Fonte: Universidade Federal de Alagoas; BR; Educação brasileira; Programa de Pós-Graduação em Educação; UFAL Publicador: Universidade Federal de Alagoas; BR; Educação brasileira; Programa de Pós-Graduação em Educação; UFAL
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.06%
Esta disertación de maestría titulada Educadores sociales de calle: discursos a (des)velar, resulta de un análisis de discursos de educadores (as) que trabajan con niños y adolescentes de calle denominados educadores sociales de calle, a través de entrevistas realizadas con seis de estos educadores(as), tres vinculados a diferentes Organizaciones No Gubernamentales ONG s y tres relacionados a una Organización Gubernamental OG, administrada por la Secretaría de Asistencia Social del Municipio de Maceió AL. Las deposiciones fueron analizadas a la luz del Análisis del Discurso AD, como referencial teórico metodológico que entiende que los sentidos se producen al confrontar sujeto-lengua-historia, conforme presupuestos de Pêcheux, Orlandi, Cavalcante y otros estudiosos del área. Las condiciones de producción de esos discursos permiten desvendar las estructuras de las relaciones sociales en sus diferentes posiciones ideológicas que rigen los trabajos de los educadores(as), junto a niños sometidos al abandono y a la explotación perteneciendo a clase sin acceso a las mínimas condiciones de vida ciudadana. Los discursos apuntan oscilaciones de formaciones discursivas pues mientras los sujetos se dicen profesionales que desarrollan acciones de protección y de denuncia de ausencia de políticas dirigidas a la promoción y efectividad de la dignidad de niños y adolescentes en situación de calle...

Perceção de pais e educadores sobre o desenvolvimento social e emocional de crianças na primeira infância

Antunes, Inês Mendes
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
35.96%
Introdução: A avaliação do desenvolvimento infantil social e emocional deve contemplar a recolha de informação em várias fontes e considerar todos os contextos de desenvolvimento. Objetivo: Proceder à tradução do questionário ITSEA-Infant Toddler Social and Emotional Assessment e à análise das suas propriedades psicométricas de forma a ser utilizado para analisar a perceção dos pais e educadores sobre o desenvolvimento socio-emocional na primeira infância, na região centro de Portugal. Métodos: Procedeu-se à tradução do questionário, à análise fatorial exploratória, seguida do estudo da fiabilidade do questionário traduzido. Posteriormente procedeu-se à análise das perceções entre pais e educadores, recorrendo ao teste t-Student para amostras emparelhadas. Resultados: Obteve-se níveis aceitáveis de coerência interna do ITSEA, para a amostra em estudo e uma razoável validade de constructo, confirmando-se o modelo teórico, na maioria dos domínios/subdomínios. Verificaram-se diferenças estatisticamente significativas entre a perceção de pais e educadores nos domínios e subdomínios agressividade/provocação; agressividade com pares; internalização; ansiedade geral; inibição à novidade; emotividade negativa; sono; competências; submissão...

A percepção de criatividade por educadores de infância do Brasil e de Portugal.

Dal-Forno, Letícia; Veiga, Feliciano; Bahia, Sara
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
35.96%
This work is part of an ongoing PhD. research in the Portuguese and Brazilian context about teachers' perceptions on giftedness and creativity in the kindergarten.; Este estudo é parte de uma pesquisa de doutoramento realizada nos contextos educacionais brasileiro e português, em relação a sobredotação e a criatividade na etapa do pré-escolar. Pretendeu-se conhecer as percepções dos educadores de infância em relação à definição de criatividade e reconhecer as características que os educadores de infância associam à criatividade. Para verificar estes objectivos utilizou-se uma questão ampla aos educadores que possibilitou conhecer a percepção que possuem de criatividade, as características dos estudantes criativos e o que consideram ser um incentivo à criatividade. Foram analisadas as respostas de 236 educadores de infância quanto a sua consideração sobre o incentivo da criatividade em crianças do pré-escolar. As respostas revelam a compreensão de criatividade como algo que se manifesta através das possibilidades que são ofertadas aos indivíduos para exporem as suas respostas, soluções ou acções. Têm consciência de que não está apenas relacionada a área das artes, mas sim com todas as áreas do desenvolvimento humano...

The school and the educators in times of learning cycles and continued progression: an analysis of the experiences in the State of São Paulo; A escola e os educadores em tempo de ciclos e progressão continuada: uma análise das experiências no estado de São Paulo

Jacomini, Márcia Aparecida
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2004 POR
Relevância na Pesquisa
36%
Neste artigo discute-se a atuação dos educadores no processo de implementação dos ciclos e da progressão continuada nas redes públicas de ensino municipal e estadual de São Paulo em quatro momentos distintos: na Reforma de 67/68, na implantação do Ciclo Básico de Alfabetização em 1983/84, na instituição do regime de progressão continuada em 1998, (rede estadual paulista), e na adoção dos ciclos e da progressão continuada em 1992 (rede municipal de ensino da cidade de São Paulo). Considera-se que a efetivação das políticas públicas educacionais depende, em grande medida, da participação de seus principais protagonistas - os educadores. Por isso é importante saber como determinados condicionantes influenciam as concepções e a atuação dos educadores perante os ciclos e a progressão continuada. Tendo como referência quatro experiências realizadas em distintos momentos e com características particulares, busca-se analisar com base nos condicionantes materiais, ideológicos e institucionais-pedagógicos a resistência dos educadores em relação aos ciclos e à progressão continuada. Busca-se compreender como esses condicionantes interagem na determinação de uma concepção, muito comum entre os educadores...

Pleasure and suffering in social work of educators with homeless adolescents; Prazer e sofrimento no trabalho dos educadores sociais com adolescentes em situação de rua

Bottega, Carla Garcia; Merlo, Álvaro Roberto Crespo
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2010 POR
Relevância na Pesquisa
35.96%
This article approaches the dynamic health/mental suffering, lived for social educators of a school, in the work with adolescents in street situation, result of a research of master in science. The methodology in psychodynamics of work was used for the inquiry of the relation of pleasure and/or suffering, beyond the identification of the individual and collective strategies, constructed for these educators, for the confrontation of the daily one in the work. It was verified that the educators meet mobilized by the situation of life of the taken care of public, as well as for the relations established with the colleagues and the external net of services to the school. Also the bonds of confidence and cooperation between the pairs is present, not making possible the collective construction of overcoming of the joined difficulties. The management changes, the discontinuity of the programs and projects, have influenced directly the school and its workers, but at the same time, still remain, in these educators, the desire of transformation of the reality. It is possible to affirm the importance of the maintenance of a public space of quarrel of the workers of the school, that can characterize its work and construct to relations based on the confidence and cooperation. Making possible transformations of the work situations...