Página 1 dos resultados de 64 itens digitais encontrados em 0.011 segundos

Ações de educação na vigilância ambiental em saúde para controle da dengue no distrito de Cruzeiro dos Peixotos, Uberlândia, Minas Gerais, Brasil, 2008; Shares of education in environmental health surveillance for control of dengue in the district of Cruise Peixoto, Uberlândia, Minas Gerais, Brazil, 2008

Rezende, Kênia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/03/2009 PT
Relevância na Pesquisa
55.83%
INTRODUÇÃO: A dengue é uma doença que se distribui pelas regiões tropicais do mundo cujas condições climáticas associadas a alguns dos hábitos da população, favorecem a presença do vetor e do vírus, possibilitando a endemicidade da doença. O homem, o vírus, o vetor e seus abrigos constituem fatos representados pelo espaço sócio ambiental que, quando associados às condições precárias de saneamento básico, moradia, fatores culturais e educacionais, estabelecem a ecologia de transmissão desta doença. O Aedes aegypti é o vetor do vírus da dengue e também da febre amarela urbana. Este Aedino tem origem africana e chegou as Américas logo após o descobrimento. É um inseto holometábolo cuja oviposição ocorre junto à borda da lâmina dágua em recipientes aonde existe água estagnada por vários dias. Atualmente, como ainda não se dispõe de vacina efetiva contra a dengue, a variável estratégica para o controle e a prevenção da dengue recai no combate do mosquito, que representa o elo vulnerável do ciclo. Para o sucesso das ações de controle, no entanto, é fundamental o emprego ordenado das ações de controle; a aplicação da legislação pertinente e principalmente a participação da comunidade com a aplicação de práticas de intervenções. OBJETIVO: Aplicar modelo experimental de Educação Ambiental e Vigilância Ambiental em Saúde para controle do Aedes aegypti...

Conquistas e desafios de uma área de proteção ambiental inserida na Zona Leste de São Paulo; Achievements and challenges of an environmental protection area inserted in east São Paulo

Silva, Mirtes Moreira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/04/2003 PT
Relevância na Pesquisa
45.7%
Área de Proteção Ambiental (APA) é uma unidade de conservação destinada a proteger e conservar a qualidade ambiental e os sistemas naturais presentes, visando a melhoria da qualidade de vida da população local e também a proteção dos ecossistemas regionais. A APA Parque e Fazenda do Carmo, localiza-se na região leste da Cidade de São Paulo, uma região que sofreu um rápido processo de urbanização, sem a necessária ordenação da ocupação dos espaços, nem tampouco o acompanhamento de políticas públicas que garantissem condições adequadas de habitações, saúde, saneamento básico, entre outras coisas. Assim, essa área encontra-se ameaçada por constantes invasões, poluição e outras formas de degradação. Constitui-se em uma reserva ecológica de grande extensão (8.700.000 m²) dentro do Município de São Paulo, onde existem significativos remanescentes de Mata Atlântica. Dada a sua importância para manter o equilíbrio natural e a qualidade de vida da região leste e de todo o Município, o presente trabalho aborda a problemática e os ganhos ambientais nesta área, antecedentes à sua criação ou instalados após esse processo, através da investigação e análise das intervenções do poder público...

Avaliação das ações e da efetividade de projetos socioambientais: uma análise do projeto Mogi-Guaçu; Evaluation of actions and the effectiveness of social environmental projects: an analysis of the Project Mogi-Guaçu

Dornelles, Cláudio Turene Almeida
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/07/2011 PT
Relevância na Pesquisa
45.77%
O Projeto Mogi-Guaçu - inserido no Programa Petrobrás Ambiental, além de possuir características socioambientais e uma abordagem multidisciplinar, teve a finalidade de desenvolver ações que promovessem a redução dos impactos ambientais em 18 municípios nos Estados de Minas Gerais e São Paulo auxiliando na mitigação dos conflitos pelos usos múltiplos da água e na proteção dos corpos d'água. O projeto envolveu mais de 20 mil pessoas e foi organizado em vários núcleos de ação, conforme as áreas de trabalho: Educação Ambiental, Recursos Hídricos, Saneamento Básico Rural, Agricultura, Vegetação, Piscicultura, Turismo, Transferência Tecnológica e Apoio à Sociedade Civil Organizada. Este trabalho buscou propor uma metodologia que avalie as ações, resultados e os reflexos decorrentes de um projeto socioambiental. A metodologia proposta abrange uma pesquisa bibliográfica, o reconhecimento da região e a aplicação de questionários e entrevistas em uma amostragem dos envolvidos no Projeto. Os resultados revelaram a grande importância do Projeto junto à comunidade local e 86,5% declararam estar satisfeitos com as atividades desenvolvidas. Entretanto, 72,7% consideraram seu período de realização muito curto e que 83...

Análise da percepção ambiental da população ribeirinha do Rio Santo Cristo e de estudantes e professores de duas escolas públicas, municío de Giruá, RS

Bergmann, Melissa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
55.78%
Este trabalho foi desenvolvido em duas escolas públicas do município de Giruá, RS, com a participação de professores e estudantes dos ensinos fundamental e médio, com ênfase na sub-bacia do Rio Santo Cristo. O rio Santo Cristo está inserido na bacia hidrográfica dos rios Turvo, Santa Rosa e Santo Cristo, a qual pertence à grande região hidrográfica do Rio Uruguai. A pesquisa foi desenvolvida com base em estudo de caso, e consistiu em duas etapas. A primeira etapa teve caráter investigativo sobre as percepções de meio ambiente de moradores ribeirinhos do Rio Santo Cristo, estudantes e professores das escolas envolvidas. As técnicas empregadas para a coleta de dados foram desenhos e entrevistas semi-estruturadas. A segunda etapa foi desenvolvida com o planejamento das atividades em conjunto com as direções e professores das escolas. Os procedimentos metodológicos consistiram na exposição da proposta de trabalho às escolas, formação de grupos de professores e seleção de alunos-monitores, onde, a partir de então, foram desenvolvidas atividades específicas tais como: aula teórica sobre bacias hidrográficas, aplicação de protocolo para caracterização de trechos de bacias hidrográficas, coleta e análise de água do rio...

Mobilização comunitária visando à gestão participativa e a resolução de problemas ambientais : estudo de caso na Vila Basevi/DF

Lins, Maria Magnólia Barros
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
45.81%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, 2012.; A insustentabilidade do modo de vida do atual padrão civilizatório gera grandes impactos na natureza, que resultam no quadro de degradação ambiental atualmente vivenciado. Nesse sentido, o poder público cria espaços de proteção e conservação ambiental, visando mitigar os impactos ambientais da ação antrópica nessas unidades de conservação. A Reserva Biológica da Contagem (Rebio da Contagem) é uma unidade de proteção integral federal localizada no Distrito Federal – DF, cujos gestores, em consonância com a legislação ambiental, veem na Educação Ambiental uma prática pedagógica que possibilita a capacitação do cidadão para atuar qualificadamente nos processos de gestão da Rebio, intenção essa que vem ao encontro do desejo dos moradores da Vila Basevi, comunidade localizada na zona central da Reserva, com mais de 1.500 moradores e sem infraestrutura urbana e de saneamento básico. Nesse contexto, este estudo buscou identificar os principais problemas socioambientais existente no local, além de verificar o potencial de mobilização da comunidade para atuação com o trabalho voluntário na gestão da Rebio da Contagem. Foram desenvolvidas oficinas e ações para identificar e buscar soluções voltadas aos problemas socioambientais existentes na Vila Basevi...

Estudo ecotoxicológico de medicamentos e outros químicos de farmácias

Paiva, Orlando João Martins de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
45.82%
No desenvolvimento da humanidade, principalmente após a revolução tecnológica, a produção de químicos, entre os quais os medicamentos, passou a ser feita em escala industrial. Em todo o mundo, a passagem da manipulação das fórmulas feita nas antigas “Boticas”, transferiu-se, na maioria esmagadora, para a indústria farmacêutica. Enormes quantidades de substâncias activas são produzidas e vendidas em todo o mundo, e, por consequência, descartadas no ambiente, de forma crónica e contínua, fruto da eliminação fisiológica (excreção), e/ou, pelo descarte inadequado destas no ambiente. Em 2006, os portugueses utilizaram 127 609 746 embalagens de medicamentos. Neste contexto, e através de um questionário aos utentes das farmácias em Portugal, pretendeu-se analisar o potencial impacte ambiental devido ao manuseio dos fármacos e outros químicos aí adquiridos. Para fundamentar o questionário, foi feita uma revisão bibliográfica, tendo-se calculado também os PECs (concentrações ambientais previstas) iniciais das 10 substâncias mais utilizadas, por grupos terapêuticos. Verificou-se que 68,03% dos utentes referiram entregar os medicamentos na farmácia, 20,52% deitam ao lixo normal e 2,93% depositam-nos em terreno abandonado. Constatou-se ainda que 2...

FORMAÇÃO DE PROFESSORES EM GEOCIÊNCIAS E CONSCIÊNCIA AMBIENTAL: PERCEÇÕES EMERGENTES DE TRÊS CASOS DE PRÁTICAS LETIVAS

Morgado, Margarida; Rebelo, Dorinda; Bonito, Jorge; Medina, Jorge; Marques, Luis; Andrade, António Soares
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Parte de Livro
POR
Relevância na Pesquisa
45.71%
Integrar nos currículos de ciências dos ensinos básico e secundário temáticas relacionadas com o ambiente e com as respetivas implicações de natureza sociológicas é um motivo com o qual nos temos de congratular. Os currículos ficam mais capazes de poderem dar uma desejável contribuição social, ajudando os alunos a adquirirem conceitos estruturantes e a desenvolverem competências que lhes permitam sustentar a sua consciência ambiental. Na opinião dos autores, e tomando em consideração, também as suas próprias vivências, por mais bem preparada que seja qualquer inovação curricular, se a formação de professores não for criteriosamente efetuada, de uma forma cientificamente sustentada, os resultados ficarão longe do desejável. A formação de professores de Geociências na área da educação ambiental constitui-se como uma exigência na sociedade atual, quer ao nível da conceção, quer ao nível da implementação de materiais didáticos inovadores, quer, ainda, ao nível da avaliação dos impactes da mesma no incremento da consciência ambiental dos jovens. Nesta comunicação procede-se à apresentação de três casos de práticas letivas com fortes preocupações ambientais, sobre o tempo geológico...

A política federal de saneamento básico e as iniciativas de participação, mobilização, controle social, educação em saúde e ambiental nos programas governamentais de saneamento

Moisés,Márcia; Kligerman,Débora Cynamon; Cohen,Simone Cynamon; Monteiro,Sandra Conceição Ferreira
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2010 PT
Relevância na Pesquisa
55.96%
O presente artigo se propõe a relatar uma análise crítica de dois programas governamentais - os Programas de Educação em Saúde e Mobilização Social (PESMS), da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA), e de Educação Ambiental e Mobilização Social em Saneamento (PEA-MSS), do Ministério das Cidades (MCidades). Os referidos programas visam fomentar ações educativas participativas e a mobilização social em projetos de saneamento. A metodologia utilizada baseou-se na leitura e análise documental e em observações oportunizadas por meio de participações em seminários, encontros, reuniões, oficinas e entrevistas. Os autores abordam a criação do PESMS e do PEAMSS, promovendo uma reflexão sobre os conceitos relativos à participação, mobilização, controle social, educação em saúde e educação ambiental. Fazem considerações quanto às dificuldades, facilidades, avanços e desafios na implantação e na implementação dos programas quanto aos princípios fundamentais para prestação de serviços públicos de saneamento básico. Concluem que, para o desenvolvimento da Política Federal de Saneamento Básico, se faz necessário criar condições mediante iniciativas de participação, mobilização, controle social...

A perspectiva da educação ambiental e o processo histórico do saneamento básico: a instalação das redes de água e esgoto nos municípios de Campo Grande/MS e Dourados/MS

Iorio,Solange Mattos; Arce,Domitilla Medeiros; Magalhães,Joana; Mattos,Alaide Brum de; Zanon,Angela Maria
Fonte: Universidade Católica Dom Bosco Publicador: Universidade Católica Dom Bosco
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2009 PT
Relevância na Pesquisa
65.85%
O presente artigo objetiva apresentar por meio de um levantamento histórico, a evolução do sistema de saneamento básico dos municípios de Campo Grande e Dourados. Neste contexto, a educação ambiental constitui-se uma importante ferramenta de sensibilização que acompanha a dinamicidade social. Almeja-se que esta pesquisa contribua com a sensibilização ambiental e mudança de conduta da sociedade, que precisa zelar pelo meio ambiente.

Implantação de uma estação de tratamento de esgoto por zona de raízes na comunidade rural da seção jacaré do município de Francisco Beltrão

Abreu, Potira Soares de
Fonte: Pato Branco Publicador: Pato Branco
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
45.77%
This work presents the implementation of a Sewage Treatment Station by roots zone in the school Epitacio Pessoa, located in Rural Community at Jacaré Seccion for the municipality Francisco Beltrao in the state of Parana. In this municipaly, only the urban population has sewage collection and treatment of sewage and knowing that the infrastructure is nonexistent sanitation in this community, developed a work of the environmental education with students and teachers at the school with subjects related to water pollution, environmental sanitation and diseases transmitted by water. The sensivity and exchange of information between those involved promoted a large acceptance by the local community, being possible to transfer this alternative technology to the sewage treatment. The partnership made with Environment Municipal Secretariat was substantial in the transfer of funds by FUNDEMA (Municipal Fund for the Environment) for project development. The STS (Sewage Treatment Station) by root zone was projected to serve 160 people and had a cost of R$ 3.833,53, which represents an average of R$ 24,00 by person. By treating of the simple method that does require skilled labor, be low cost and construction of the STS by roots zone to be decentralized...

A perspectiva da educação ambiental e o processo histórico do saneamento básico: a instalação das redes de água e esgoto nos municípios de Campo Grande - MS e Dourados - MS

Iorio, Solange Mattos; Arce, Domitilla Medeiros; Magalhães, Joana; Mattos, Alaide Brum de; Zanon, Angela Maria
Fonte: Interações (Campo Grande) Publicador: Interações (Campo Grande)
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
65.89%
presente artigo objetiva apresentar por meio de um levantamento histórico, a evolução do sistema de saneamento básico dos municípios de Campo Grande e Dourados. Neste contexto, a educação ambiental constitui-se uma importante ferramenta de sensibilização que acompanha a dinamicidade social. Almeja-se que esta pesquisa contribua com a sensibilização ambiental e mudança de conduta da sociedade, que precisa zelar pelo meio ambiente.; ABSTRACT - This article presents through an historical survey, the evolution of the sanitation system of municipalities Campo Grande and Dourados. In this context, environmental education is an important tool that accompanies the social dynamics. This research aims to contribute to environmental awareness and behavior change in society, which needs protect the environment.

A educação ambiental e a construção de mapas falantes em processo de pesquisa-ação em comunidade indígena na Amazônia

Toledo, Renata Ferraz de; Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia – INPA; Focesi Pelicioni, Maria Cecília; Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo – FSP/USP
Fonte: Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Santarém Publicador: Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Santarém
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 06/04/2012 POR
Relevância na Pesquisa
75.82%
O aumento da concentração populacional e as alterações do modo de vida tradicional da comunidade indígena do Distrito de Iauaretê, Município de São Gabriel da Cachoeira/AM, Terra Indígena do Alto Rio Negro, têm resultado em agravos à saúde da população, principalmente devido à ausência de saneamento básico. O objetivo deste estudo foi descrever o processo de educação ambiental desenvolvido em uma comunidade indígena, com vistas à identificação de representações sobre o processo saúde-doença e à melhoria das condições de vida da população. O método utilizado foi a pesquisa-ação em processo de educação ambiental, por meio de instrumentos aplicados em reuniões comunitárias, como mapas-falantes e painéis de fotos.  Identificou-se que os indígenas, mesmo reconhecendo a atual situação de degradação socioambiental local e os agravos à saúde a que estavam expostos, ainda não haviam incorporado esse conhecimento na vida cotidiana. Os moradores que interagiram na pesquisa demonstraram o desejo por melhorias sanitárias. Contudo, ficou claro que, a oferta de infra-estrutura não será suficiente para garantir a saúde e romper ciclos de transmissão de doenças, fazendo-se necessário o desenvolvimento de um processo educativo em saúde e meio ambiente voltado para uma reflexão crítica da realidade e a sua transformação...

Ações em educação ambiental; análise multivariada da percepção ambiental de diferentes grupos sociais como instrumentos de apoio a gestão de pequenas bacias - estudo de caso da microbacia do córrego da Capituva, Macedônia, SP ; Environmental education; perception environmental of different social group multivariable data analysis as instrument of support management watershed – the Capituva watershed study, Macedônia, SP

Scatena, Lúcia Marina
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/12/2005 PT
Relevância na Pesquisa
65.85%
O objetivo precípuo desta investigação foi potencializar ações em educação ambiental e efetuar uma análise multivariada da percepção ambiental de diferentes grupos sociais como instrumentos de apoio à gestão de pequenas bacias. Este trabalho foi norteado por pesquisa-ação, baseado em pesquisas qualitativa, quantitativa e estudo de caso da microbacia do córrego da Capituva, Macedônia, SP. As metodologias foram divididas nas fases: exploratória ― escolha e caracterização da área de estudo e público alvo, histórico da ocupação e dinâmica do desenvolvimento do município; estudo preliminar e de diagnóstico ― caracterização da estrutura fundiária e dos usuários da terra, sistema de produção agrícola, caracterização da qualidade ambiental e análise multivariada de dados e; ações em educação ambiental. Optar pela participação de produtores rurais na pesquisa, teve o propósito de identificar problemas concretos, definir prioridades, escolher soluções viáveis em função das condições sócio-econômicas e do saber popular existente. Envolver professores, alunos e profissionais do município em ações de educação ambiental, teve por objetivo verificar a percepção da comunidade e despertar seu interesse e participação em projetos de proteção e recuperação de recursos naturais. A investigação mostrou que a população identifica os principais problemas ambientais...

A educação ambiental e a construção de mapas-falantes em processo de pesquisa-ação em comunidade índigena na amazônia

Toledo, Renata; Pelicioni, Maria
Fonte: Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Educação Publicador: Instituto Politécnico de Santarém, Escola Superior de Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
75.82%
O aumento da concentração populacional e as alterações do modo de vida tradicional da comunidade indígena do Distrito de Iauaretê, Município de São Gabriel da Cachoeira/AM, Terra Indígena do Alto Rio Negro, têm resultado em agravos à saúde da população, principalmente devido à ausência de saneamento básico. O objetivo deste estudo foi descrever o processo de educação ambiental desenvolvido em uma comunidade indígena, com vistas à identificação de representações sobre o processo saúde-doença e à melhoria das condições de vida da população. O método utilizado foi a pesquisa-ação em processo de educação ambiental, por meio de instrumentos aplicados em reuniões comunitárias, como mapas-falantes e painéis de fotos. Identificou-se que os indígenas, mesmo reconhecendo a atual situação de degradação socioambiental local e os agravos à saúde a que estavam expostos, ainda não haviam incorporado esse conhecimento na vida cotidiana. Os moradores que interagiram na pesquisa demonstraram o desejo por melhorias sanitárias. Contudo, ficou claro que, a oferta de infra-estrutura não será suficiente para garantir a saúde e romper ciclos de transmissão de doenças, fazendo-se necessário o desenvolvimento de um processo educativo em saúde e meio ambiente voltado para uma reflexão crítica da realidade e a sua transformação...

Organizações de bairro

Costa, Laura Jesus de Moura e
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
45.74%
Resumo: O objetivo desta pesquisa e analisar os aspectos organizativos e funcionais das Associações de Moradores de Bairro da cidade de Paranaguá e Ilha dos Valadares e suas relações com a sociedade política, na perspectiva do desenvolvimento sustentável e da Educação Ambiental Popular Permanente. O referencial teórico baseia-se principalmente em Karl Marx, F. Engels, Enrique Lefif, Antonio Gramsci, alem de outros. São discutidos vários aspectos da sustentabilidade. Buscou-se reconstituir a historia de criação e luta das Associações de Moradores de Bairro, avaliando os níveis de informação dos sujeitos da pesquisa em relação ao ambiente, saúde e qualidade de vida, identificando os atores sociais que interagem no meio urbano e suas respectivas praticas sociais, dentro de uma visão histórica-crítica. A pesquisa desenvolveu-se em dois processos: a) um interdisciplinar, composto, inicialmente, por 16 pessoas e, posteriormente, por nove doutorandos da equipe que estudou o meio urbano de Paranaguá, integrantes da primeira turma do Curso de Doutorado em Meio Ambiente e Desenvolvimento da UFPR; b) outro individual, através de 'observação militante' (AMMANN, 1991, p. 150-151), tendo sido feito entrevistas semi estruturadas com lideranças de 47 Associações de Moradores de Bairro...

A INTERFERÊNCIA DE UM PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO APRENDIZADO DE ALUNOS DAS ZONAS RURAL E URBANA

Fandi, Ana Cláudia; Melo, Celine
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; "Avaliados por pares"; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 10/02/2012 POR
Relevância na Pesquisa
45.78%
Educação Ambiental é a busca de qualidade de vida estruturada na convivência harmoniosa homem-ambiente. Os objetivos desta pesquisa foram testar se a experiência de viver nos ambientes rural e urbano interfere no entendimento da relação homem e meio ambiente; e verificar se a prática em Educação Ambiental é efetiva em nivelar conhecimentos. Participaram desta pesquisa, alunos do segundo ciclo básico da zona rural (Grupo Rural) e da zona urbana (Grupo Urbano), em Uberlândia, MG. Foram trabalhados os temas: higiene, povos indígenas, lixo, meio ambiente, desmatamento, extinção e ambiente rural e urbano. Ao longo do programa os grupos foram avaliados continuamente. No início, o Grupo Rural apresentou um desempenho melhor que o Urbano. Durante o programa, tanto o Grupo Urbano quanto o Rural melhoraram o desempenho nas avaliações. Ao final do programa, houve o nivelamento entre os Grupos, pois apresentaram desempenho similar. Experiências prévias podem interferir no entendimento da relação homem-ambiente, no entanto, a prática em Educação Ambiental é efetiva em nivelar esta percepção.

Planejamento ambiental em setor habitacional. Estudo de caso: condomínio em Vicente Pires- Distrito Federal

Freire, Breno Oliveira; Frota, Fernanda Lorrane Monteiro; Reis, Allinson Padilha
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
45.72%
O crescimento populacional e a expansão urbana têm provocado graves problemas ambientais devido à ocupação irregular e desordenada. Um bom exemplo é a Colônia Agrícola Vicente Pires no DF que há mais de 15 anos começou a ter suas chácaras parceladas ilegalmente e transformou-se no Setor Habitacional Vicente Pires. O presente trabalho apresenta um estudo de caso em condomínio situado neste setor. Inicialmente foi realizada uma visita a campo para o levantamento de dados, elaboração e a aplicação de questionário, que permitiu traçar o perfil e as condições existentes no local. Para auxiliar o estudo foram criados mapas temáticos (localização, tipo de solo, declividade e Área de Preservação Permanente - APP). Já na segunda etapa foi realizada uma Avaliação de Impacto Ambiental subsidiada pelos métodos checklist, para a identificação dos impactos ambientais, e Rede de Interação que permite uma maior sistematização dos impactos. Com base nos resultados obtidos na avaliação de impacto ambiental foram desenvolvidas propostas de ações prioritárias para mitigar os impactos encontrados. A execução deste trabalho permitiu verificar que a ocupação da área deu-se de forma desordenada, suprimindo inclusive vegetações de Área de Preservação Permanente...

EDUCAÇÃO FÍSICA, ESPORTE E LAZER NA NATUREZA: preservação, modiscmo, apologia. Será tudo isso?

Leite, Disalda Mara Teixeira; UFBA; Caetano, Carlos Alberto; UFBA
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2004 POR
Relevância na Pesquisa
45.78%
O texto constitui uma opinião elaborada com base em diversas leituras e discussões travadas no âmbito das ciências sociais e da militância ambientalista. Seu foco básico se fundamenta na contestação do questionamento desse Ponto de Vista, que impregnado de uma prática neopositivista estabelece, na nossa opinião, Educação Física, Esporte e Lazer na natureza como conceitos dissociados da Educação Ambiental. Trazemos a reflexão da desconstrução de um estereótipo a serviço de uma sociedade capitalista e na importante construção de um saber ambiental, onde o Homem deve ser visto como um ecossistema dentro da Natureza, também natureza e nunca a natureza como uma externalidade ao ser humano. Palavras-chave: ecossistema – educação ambiental - natureza; The text constitutes an elaborated opinion on the basis of various readings and discussions happened in the scope of social sciences and the environmentalist militancy. Its center of interest has based on the plea of the questioning of this Point of View, that impregnated of one practical neopositivista establishes, in our opinion, Physical Education, Sport and Leisure in the nature as broken up concepts of an Ambient Education. We bring the reflection of the deconstruction of one stereotype the service of a capitalist society and in the important construction of one to know environmental...

A política federal de saneamento básico e as iniciativas de participação, mobilização, controle social, educação em saúde e ambiental nos programas governamentais de saneamento

Moisés,Márcia; Kligerman,Débora Cynamon; Cohen,Simone Cynamon; Monteiro,Sandra Conceição Ferreira
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2010 PT
Relevância na Pesquisa
55.96%
O presente artigo se propõe a relatar uma análise crítica de dois programas governamentais - os Programas de Educação em Saúde e Mobilização Social (PESMS), da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA), e de Educação Ambiental e Mobilização Social em Saneamento (PEA-MSS), do Ministério das Cidades (MCidades). Os referidos programas visam fomentar ações educativas participativas e a mobilização social em projetos de saneamento. A metodologia utilizada baseou-se na leitura e análise documental e em observações oportunizadas por meio de participações em seminários, encontros, reuniões, oficinas e entrevistas. Os autores abordam a criação do PESMS e do PEAMSS, promovendo uma reflexão sobre os conceitos relativos à participação, mobilização, controle social, educação em saúde e educação ambiental. Fazem considerações quanto às dificuldades, facilidades, avanços e desafios na implantação e na implementação dos programas quanto aos princípios fundamentais para prestação de serviços públicos de saneamento básico. Concluem que, para o desenvolvimento da Política Federal de Saneamento Básico, se faz necessário criar condições mediante iniciativas de participação, mobilização, controle social...

HISTÓRIA, EDUCAÇÃO AMBIENTAL E POLÍTICAS: UMA RETROSPECTIVA DA REALIDADE BRASILEIRA E UMA ABORDAGEM SOBRE OS SEUS DESAFIOS

Leite, Ivonaldo
Fonte: Revista HISTEDBR On-line Publicador: Revista HISTEDBR On-line
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 08/10/2015 POR
Relevância na Pesquisa
65.85%
O presente artigo resulta de uma pesquisa recentemente concluída e tem como objetivo geral realizar uma abordagem das políticas brasileiras de educação ambiental, enfocando-as numa retrospectiva histórica. Do ponto de vista metodológico, tem um duplo suporte: um de natureza lógico-analítica, partindo do pressuposto que o sentido da história, em dado contexto, condiciona o sentido da educação; e outro de caráter empírico, na medida em que o trabalho é construído a partir da incursão em fontes primárias, quais sejam, os documentos das políticas educacionais. Dentre os resultados obtidos, podem ser referidos, entre outros, os seguintes: 1) as políticas brasileiras voltadas ao meio ambiente buscaram superar a percepção meramente naturalista do mesmo; 2) as iniciativas governamentais no país em torno da educação ambiental têm sido historicamente condicionadas por orientações externas, de organizações internacionais como a UNESCO; 3) da segunda metade da década de 1990 aos dias atuais, no básico, há uma espécie de continuidade das políticas de educação ambiental, apesar de comando partidário ocorrida no país em 2002; 4) nos anos 2000, as ações governamentais em função do meio ambiente e da educação ambiental foram marcadas por um grau de ambivalência decorrente...