Página 1 dos resultados de 60 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Percutaneous injuries correlates in the nursing team of a Brazilian tertiary-care university hospital; Factores asociados con heridas percutáneas en el equipo de enfermería de un hospital universitario de nivel terciario; Fatores associados a acidentes percutâneos na equipe de enfermagem de um hospital universitário de nível terciário

CANINI, Silvia Rita Marin da Silva; MORAES, Suzana Alves de; GIR, Elucir; FREITAS, Isabel Cristina Martins
Fonte: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo Publicador: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
26.31%
The study aims to identify percutaneous injuries correlates in the nursing team from a Brazilian tertiary-care hospital. A case-control study was conducted from January 2003 to July 2004, including 200 cases and 200 controls. Cases and controls were paired by gender, professional category, and work section. To evaluate the relationship between potential risk/protective factors and the outcome, odds ratios were estimated, using multivariate logistic regression methods. The results shown six predictors of percutaneous injuries: "recapping needles" (OR 9.48; CI(95%): 5.29-16.96); "hours worked per week > 50 hours" (OR 2.47; CI(95%): 1.07-5.67); "years in nursing practice < 5 years" (OR 6.70; CI(95%): 2.42-18.53); "work shift in night" (OR 2.77; CI(95%): 1.35-5.70); "low self evaluation of risk" (OR 10.19; CI(95%): 3.67-28.32) and "previous percutaneous injuries" (OR 3.14; CI(95%): 1.80-5.48). The results support the recommendation of applying effective strategies to prevent percutaneous injuries in the nursing team working on tertiary-care institutions.; La finalidad del estudio fue identificar factores asociados a los accidentes percutáneos en el equipo de enfermería de un hospital terciario. Un estudio caso-control fue conducido entre enero de 2003 y julio de 2004...

The many faces of epidemiology: evolutionary epidemiology; As muitas faces da epidemiologia: epidemiologia evolucionária

STRUCHINER, Claudio José; LUZ, Paula Mendes; CODEÇO, Claudia Torres; MASSAD, Eduardo
Fonte: Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva Publicador: Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
36.27%
We review important issues revealed by the application of the evolutionary theory to epidemiological problems. The scope is restricted to infectious diseases and the evolution of virulence as a consequence of public health strategies to control transmission. We focus on the discussion about the possibility of virulence management and explore current scenarios in which recent advances in molecular biology and genetics offer new tools to monitor and change diversity among pathogens, vertebrate and invertebrate hosts. We stress the need to integrate the analytical framework of epidemiology into population genetics and evolutionary theory. We anticipate as an outcome of this process the development of study designs and analytical tools to predict the evolutionary implications of control measures in the population and surveillance mechanisms to continuously monitor the changes in pathogen virulence patterns. Communication among modelers, epidemiologists and molecular biologists is essential in order to design model-driven field trials and to develop data-driven analytical tools leading to conclusive findings that can inform the public health oriented decision making process.; Apresentamos os principais conceitos relacionados à aplicação da teoria evolutiva a problemas epidemiológicos. Limitamo-nos às doenças infecciosas e à evolução da virulência como conseqüência das estratégias de controle da transmissão em saúde pública. Nosso foco é voltado à discussão sobre a possibilidade de controle da virulência e exploramos possíveis cenários atuais em que os avanços recentes em biologia molecular e genética oferecem novas ferramentas de controle e monitoramento de variações na diversidade em patógenos e hospedeiros. Chamamos a atenção para a necessidade de integrar a estrutura analítica da epidemiologia com a genética de populações e a teoria evolutiva. Seguindo a tradição epidemiológica...

Risco de eventos adversos e uso de medicamentos potencialmente interativos

SECOLI, Silvia Regina; LEBRÃO, Maria Lúcia
Fonte: Barueri Publicador: Barueri
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
26.13%
Este estudo é parte do Estudo SABE e teve por objetivo verificar a freqüência de uso de medicamentos impróprios e potencialmente interativos (PI) pela população idosa residente na zona urbana do município de São Paulo. Os medicamentos foram classificados segundo o sistema ATC com características e potencial de interação. Utilizou-se estatística descritiva. Foram identificados 47,1 por cento de medicamentos (PI) e 10,6 por cento de uso impróprio. Os inibidores enzimáticos (41 por cento) foram os mais freqüentes, sendo o diclofenaco (3 por cento) o impróprio e PI mais usado. Os riscos identificados devem alertar os profissionais para a importância de analisar criteriosamente os medicamentos prescritos ao idoso

O uso de modelos compartimentais do tipo hospedeiro-macroparasita na dinâmica de doenças infecciosas causadas por helmintos diretamente transmitidos

Back, Angela Cristina Benini
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
26.13%
Neste trabalho, nos propomos a estudar o desenvolvimento teórico de alguns modelos matemáticos básicos de doenças infecciosas causadas por macroparasitas, bem como as dificuldades neles envolvidas. Os modelos de transmissão, que descrevemos, referem-se ao grupo de parasitas com transmissão direta: os helmintos. O comportamento reprodutivo peculiar do helminto dentro do hospedeiro definitivo, no intuito de produzir estágios que serão infectivos para outros hospedeiros, faz com que a epidemiologia de infecções por helmintos seja fundamentalmente diferente de todos os outros agentes infecciosos. Uma característica importante nestes modelos é a forma sob a qual supõe-se que os parasitas estejam distribuídos nos seus hospedeiros. O tamanho da carga de parasitas (intensidade da infecção) em um hospedeiro é o determinante central da dinâmica de transmissão de helmintos, bem como da morbidade causada por estes parasitas. Estudamos a dinâmica de parasitas helmintos de ciclo de vida direto para parasitas monóicos (hermafroditas) e também para parasitas dióicos (machos-fêmeas) poligâmicos, levando em consideração uma função acasalamento apropriada, sempre distribuídos de forma binomial negativa. Através de abordagens analítica e numérica...

Vírus da diarréia viral bovina: detecção e aspectos epidemiológicos

Almeida, Laura Lopes de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
26.13%
O vírus da diarreia viral bovina (BVDV) é um dos principais patógenos virais dos bovinos e sua infecção causa importantes perdas na produção dos rebanhos afetados. O presente trabalho contém os estudos realizados para esclarecer determinados aspectos da epidemiologia e da detecção da infecção causada pelo BVDV no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. O primeiro artigo consistiu de um estudo transversal onde os níveis de anticorpos contra o BVDV em amostras de tanque de leite que foram correlacionados com os aspectos produtivos dos rebanhos. As amostras e as informações foram coletadas de 300 criações escolhidas aleatoriamente entre 1.656 associados de uma cooperativa de leite na região central do Estado do Rio Grande do Sul e que não utilizaram vacina contra BVDV nos últimos 12 meses anteriores ao experimento. Dessas, 80 foram consideradas positivas para BVDV pela detecção de anticorpos contra vírus em níveis superiores ao ponto de corte do teste de ELISA comercial utilizado. A prevalência aparente estimada foi de 26,7% e, usando um intervalo de confiança de 95%, apresentou uma variação entre 22 e 31%. Os parâmetros de produção mensal de leite, densidade de bovinos (relação vacas/hectare), tipo de armazenamento do leite e origem do sêmen não apresentaram associação com a infecção pelo BVDV...

Tendência secular da desnutrição e da obesidade na infância na cidade de São Paulo (1974-1996)

Monteiro,Carlos Augusto; Conde,Wolney Lisboa
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2000 PT
Relevância na Pesquisa
26.13%
OBJETIVO: Estimar a prevalência e a distribuição social da desnutrição e da obesidade na infância, estabelecer a tendência secular dessas enfermidades e analisar sua determinação, com base nos dados coletados por três inquéritos domiciliares, realizados na cidade de São Paulo em 1974/75, 1984/85 e 1995/96. MÉTODOS: Os três inquéritos estudaram amostras probabilísticas da população residente na cidade com idades entre zero e 59 meses (1.008 crianças em 1973/74; 1.016 em 1984/85 e 1.280 em 1995/96). O diagnóstico da desnutrição foi feito com base nos índices altura/idade e peso/altura adotando-se, como nível de corte, dois desvios-padrão da média esperada para idade e sexo segundo a referência internacional de crescimento. O diagnóstico da obesidade correspondeu a índices peso/altura, além de dois desvios-padrão da média esperada segundo a mesma referência. O estudo da distribuição social dos eventos de interesse levou em conta tercis da renda familiar per capita em cada um dos inquéritos. A estratégia analítica, para estudar os determinantes da tendência secular dos eventos de interesse, empregou modelos hierárquicos de causalidade, análises multivariadas de regressão e procedimentos análogos aos utilizados para calcular riscos atribuíveis populacionais. RESULTADOS/CONCLUSÕES: No período de 22 anos coberto pelos três inquéritos...

Tendência secular das parasitoses intestinais na infância na cidade de São Paulo (1984-1996)

Ferreira,Marcelo Urbano; Ferreira,Claudio dos Santos; Monteiro,Carlos Augusto
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2000 PT
Relevância na Pesquisa
26.22%
OBJETIVO: Estimar a prevalência e a distribuição social das parasitoses intestinais na infância, estabelecer a tendência secular dessas enfermidades e analisar sua determinação, com base em dois inquéritos domiciliares, realizados na cidade de São Paulo, SP, em 1984/85 e 1995/96. MÉTODOS: Os inquéritos estudaram amostras probabilísticas da população residente na cidade com idades entre zero e 59 meses (1.016 em 1984/85 e 1.280 em 1995/96). Amostras de fezes foram coletadas nos dois inquéritos e submetidas a exame parasitológico pela técnica de sedimentação, realizando-se leituras de preparações simples e de preparações coradas com lugol para exame de cistos de protozoários. O estudo da distribuição social das parasitoses levou em conta tercis da renda familiar per capita em cada um dos inquéritos. A estratégia analítica para estudar os determinantes da evolução da prevalência das parasitoses na população empregou modelos hierárquicos de causalidade, análises multivariadas de regressão e procedimentos análogos aos utilizados para calcular riscos atribuíveis populacionais. RESULTADOS/CONCLUSÕES: Houve entre os inquéritos reduções expressivas na prevalência das parasitoses em geral (de 30,9% para 10...

Um toque de otimismo sobre a epidemiologia contemporânea: comentários sobre as reflexões de Maria Lúcia Penna

Faerstein,Eduardo
Fonte: IMS-UERJ Publicador: IMS-UERJ
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/1997 PT
Relevância na Pesquisa
36.13%
Neste artigo, registram-se exemplos de vitalidade teórica e metodológica da produção epidemiológica recente. Menciona-se que a sofisticação computacional e analítica não está condenada a usos politicamente conservadores, e vem permitindo a elucidação de perguntas científicas complexas, desde efeitos de contexto aos mecanismos de ação de exposições ambientais. Ressalta-se, entretanto, que métodos de produção de dados merecem esforços semelhantes de aperfeiçoamento. Avanços no plano teórico são ilustrados com as concepções de Geoffrey Rose e com as teorias sobre influências intrauterinas na etiologia de doenças do adulto. A relativa inocuidade das prescrições epistemológicas é exemplificada com diversas vias existentes para a formulação de teorias. Finalmente, alerta-se para o compromisso da disciplina com os esforços coletivos de redução do sofrimento humano desnecessário, que podem exigir conhecimentos abrangentes da realidade, dos níveis subcelular ao social.

Epidemiologia dos transtornos alimentares: estado atual e desenvolvimentos futuros

Hay,Phillipa J
Fonte: Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP Publicador: Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2002 PT
Relevância na Pesquisa
46.27%
Os objetivos do presente trabalho foram: fornecer uma avaliação do progresso da epidemiologia na área de transtornos alimentares, desde estudos sobre incidência e prevalência até os estudos comunitários prospectivos, bem como estudos caso-controle; sintetizar o atual estado da incidência e prevalência dos transtornos alimentares; discutir os estudos epidemiológicos analíticos sobre os transtornos alimentares, enfocando estudos comunitários sobre fatores de risco e nosologia; e apontar as áreas de estudos futuros, especialmente sobre a carga social e econômica e o grau de "conhecimento sobre saúde mental" da população em geral a respeito das pessoas com transtornos alimentares. Apesar dos problemas para identificar e recrutar um número suficiente de pessoas com anorexia nervosa e os métodos variáveis de recrutamento de casos, os estudos sobre incidência e prevalência dos transtornos alimentares atingiram um consenso e em geral não corroboram uma incidência ascendente atual, exceto, possivelmente, por um pequeno aumento na anorexia nervosa em mulheres jovens. A aplicação de métodos epidemiológicos analíticos permitiu uma compreensão melhor dos fatores ambientais e genéticos, em comparação com os sociais e econômicos...

Implicación del semental caprino en la agalaxia contagiosa : epidemiología descriptiva y molecular

Gómez Martín, Ángel
Fonte: Universidade de Múrcia Publicador: Universidade de Múrcia
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
36.22%
La agalaxia contagiosa caprina (AC) es una de las enfermedades con mayores repercusiones socioeconómicas del sector de los pequeños rumiantes. Los avances en el conocimiento de la epidemiología molecular y analítica de la enfermedad, así como los aspectos más relevantes que habrán de ser estudiados en un futuro, fueron abordados en una revisión por invitación en la revista The Veterinary Journal (Estudio 1). No obstante, esta Tesis Doctoral se ha centrado en estudiar las implicaciones epidemiológicas del semental caprino en la AC. Dentro de este ámbito de estudio, se ha evaluado la posible distribución sistémica de Mycoplasma spp. en sementales portadores auriculares asintomáticos mediante el estudio microbiológico y molecular (PCR) (Estudio 2). Por otra parte, ante el riesgo que suponía para los centros de inseminación la entrada de sementales infectados, se hizo necesario implantar estrategias de prevención y vigilancia en los mismos que contemplaran la identificación de portadores asintomáticos. Este modelo fue basado en el muestreo tanto de animales candidatos a entrar en los centros como de aquellos presentes en los mismos (Estudio 3). El alto valor genético de algunos sementales caprinos infectados, motivó el desarrollo de otra experiencia evaluando la eficacia del tratamiento antibiótico con marbofloxacina...

Os benefícios da implementação da vacina da varicela no DF: uma abordagem do enfermeiro epidemiologista

Chaves, Desirée Braun
Fonte: Centro Universitário de Brasília Publicador: Centro Universitário de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
PT_BR
Relevância na Pesquisa
26.13%
Este trabalho destaca o uso da epidemiologia pelo enfermeiro comparando a incidência de casos de varicela em Brasília e Florianópolis, em crianças na faixa etária de 0 (zero) a 4 (quatro) anos no período de 2000 a 2005. A varicela é uma doença altamente contagiosa, a qual, nas crianças sadias, geralmente é auto-limitada. A mortalidade de varicela está relacionada à idade, sendo maior no primeiro ano de vida e a partir de 15 anos. Ademais, é uma doença que sofreu profunda mudança de imagem, anteriormente associado a uma moléstia comum da infância, hoje considerado uma grave enfermidade, com um programa de vacinação estabelecido em casos especiais. Logo, o presente trabalho apresenta-se como um subsídio para demonstrar os benefícios de uma possível inclusão da vacina contra varicela-zoster no Programa de Vacinação Infantil do Distrito Federal, se tratando de um estudo do tipo aplicada e também analítica.

Avaliando infertilidade masculina: aspectos epidemiológicos; Measuring male infertility: epidemiological aspects

Pasqualotto, Fábio Firmbach; Locambo, Cristhiany Victor; Athayde, Kelly Silveira; Arap, Sami
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2003 ENG
Relevância na Pesquisa
36.13%
Evidências nos últimos anos sugerem que a qualidade seminal humana talvez esteja deteriorando. Muitas evidências são retrospectivas, baseadas nas análises de dados coletados com outros propósitos. Aferições da infertilidade masculina são necessárias se quisermos monitorar a capacidade biológica para homens se reproduzirem com o passar do tempo ou entre populações diferentes. Nós igualmente necessitamos avaliar essas aferições em epidemiologia analítica se quisermos identificar indicadores de risco, fatores de risco ou mesmo a causa para piora da fecundidade masculina, o componente masculino da habilidade biológica para reprodução. A mais direta avaliação da fecundidade é medir o tempo necessário para conceber. Uma vez que o tempo da gravidez pode não ser detectado quando de um aborto precoce, o tempo para engravidar é geralmente avaliado como o tempo necessário para obter gravidez que sobreviva até a detecção clínica da gravidez ou mesmo a gravidez que resulte no nascimento de uma criança. Um prolongado tempo para engravidar talvez decorra de algum problema inerente ao parto ou falha na manutenção da gravidez até a detecção clínica da mesma. Estudos que focalizam nas mudanças na fecundabilidade (sem causar esterilidade) deveriam a princípio ser identificados numa amostra de mulheres grávidas. A limitação mais importante é que tal desenho requer não apenas persistência em se tornar grávida...

Estresse e Burnout entre residentes multiprofissionais; Estrés y Burnout entre residentes multiprofesionales; Stress and Burnout among multidisciplinary residents

Guido, Laura de Azevedo; Goulart, Carolina Tonini; Silva, Rodrigo Marques da; Lopes, Luis Felipe Dias; Ferreira, Emanuelli Mancio
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/12/2012 ENG; POR; SPA
Relevância na Pesquisa
26.31%
OBJETIVO: identificar a associação entre alto estresse e Burnout em residentes multiprofissionais de uma universidade federal do Rio Grande do Sul. MÉTODO: trata-se de estudo analítico, transversal, quantitativo. Aplicaram-se um formulário de dados socio demográficos, a Escala de Estresse no Trabalho e o Maslach Burnout Inventory-Human Services Survey (MBI-HSS) em 37 residentes entre abril e junho de 2011. Valores de p; OBJETIVO: Identificar la asociación entre alto estrés y Burnout en residentes Multiprofesionales de una universidad federal de Rio Grande do Sul. MÉTODO: se trata de un estudio analítico, transversal, cuantitativo. Se aplicaron un formulario de datos socio-demográficos, la Escala de Estrés en el Trabajo y el Maslach Burnout Inventory- Health Services en 37 residentes entre Abril y Junio de 2011. Valores de p; OBJECTIVE: To identify associations between high-stress and burnout syndrome in multidisciplinary residents from a federal university in Rio Grande do Sul, Brazil. METHOD: This is an analytical, cross-sectional and quantitative study. A socio-demographic questionnaire, the Work Stress Scale and the Maslach Burnout Inventory-Health Services Survey (MBI-HSS) were applied to 37 residents between April and June 2011. P-values

Percutaneous injuries correlates in the nursing team of a Brazilian tertiary-care university hospital; Fatores associados a acidentes percutâneos na equipe de enfermagem de um hospital universitário de nível terciário; Factores asociados con heridas percutáneas en el equipo de enfermería de un hospital universitario de nivel terciario

Canini, Silvia Rita Marin da Silva; Moraes, Suzana Alves de; Gir, Elucir; Freitas, Isabel Cristina Martins
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/10/2008 ENG; POR; SPA
Relevância na Pesquisa
26.31%
O estudo teve por objetivo identificar fatores associados aos acidentes percutâneos na equipe de enfermagem de um hospital terciário. Um estudo caso-controle foi conduzido entre janeiro de 2003 a julho de 2004, com seleção de 200 casos e 200 controles, emparelhados segundo gênero, categoria profissional e setor de trabalho. As medidas de associação utilizadas foram os odds ratios, estimados por meio da regressão logística multivariada. Seis preditores para os acidentes percutâneos foram identificados: "reencapar agulhas" (OR 9.48; CI(95%): 5.29-16.96); "jornada semanal >; 50 horas" (OR 2.47; CI(95%): 1.07-5.67); "experiência na enfermagem < 5 anos" (OR 6.70; CI(95%): 2.42-18.53); "trabalhar em jornada noturna" (OR 2.77; CI(95%): 1.35-5.70); "auto-avaliar como baixo o risco de acidentes" (OR 10.19;CI(95%): 3.67-28.32) e "acidentes percutâneos prévios" (OR 3.14; CI(95%): 1.80-5.48). Os resultados permitem a recomendação de estratégias efetivas para a prevenção de acidentes percutâneos na equipe de enfermagem de hospitais terciários.; La finalidad del estudio fue identificar factores asociados a los accidentes percutáneos en el equipo de enfermería de un hospital terciario. Un estudio caso-control fue conducido entre enero de 2003 y julio de 2004...

La epidemiología crítica: una nueva forma de mirar la salud en el espacio urbano

Breilh,Jaime
Fonte: Salud colectiva Publicador: Salud colectiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2010 ES
Relevância na Pesquisa
36.31%
La epidemiología empírico-analítica asume como un pilar interpretativo la noción de "lugar" para las descripciones que construye. La epidemiología crítica supera esa noción restrictiva y propone una construcción innovadora del espacio de la salud urbana retomando los aportes de la teoría crítica del espacio y la geografía, y articulando estos avances con los de la propia epidemiología desde una perspectiva de la determinación social de la salud. Desde esta óptica se repiensa la relación urbano-rural a la luz de los procesos históricos de aceleración, drástica pérdida de sustentabilidad y profunda inequidad urbanas, así como del papel de la nueva ruralidad capitalista monopólica, en avivar el cierre del espacio de la vida en nuestras ciudades. Se busca superar el mito de la dualidad urbano rural, se cuestiona el paradigma dominante de la modernidad que impuso la comprensión de dos mundos prácticamente contrapuestos: la ciudad como rectora, cosmopolita, avanzada y pujante, y lo rural como un mundo atrasado, local, más simple, y secundario, pues en años más recientes, la distinción clásica entre lo urbano y lo rural se hace cada vez más difícil, lamentablemente con una perversa dialéctica de deterioro e influjos malsanos de uno a otro espacio.

Sistemática utilizada en el centro nacional de toxicología: Urgencia toxicológica

Álvarez Pérez,Emilio; Rodríguez Castro,Elena; Hernández Fernández,Teresa
Fonte: Revista Cubana de Medicina Militar Publicador: Revista Cubana de Medicina Militar
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2000 ES
Relevância na Pesquisa
26.31%
La Analítica Toxicológica constituye uno de los pilares de la Toxicología Clínica, rama ésta que tiene como objetivo principal brindar asistencia médica especializada al paciente. En este sentido, los análisis toxicológicos de urgencia, por su valor diagnóstico, son un servicio imprescindible en cualquier centro antitóxico. Este trabajo resume los diferentes métodos analíticos utilizados en el Centro Nacional de Toxicología para su aplicación en los casos de intoxicaciones agudas que acuden a su servicio clínico. Muestra además una forma de abordar dichas intoxicaciones, desde el punto de vista analítico. Estos métodos, por sus características (sencillez, rapidez y precisión), pueden ser aplicados en cualquier centro que trabaje la Toxicología Analítica y que cuente con recursos limitados.

Triangulación de un estudio cualitativo mediante regresión logística

González-García,Lorena; Gómez-González,Carmen; Chemello,Clarice; Cubiles-de la Vega,María Dolores; Santos-Lozano,José Manuel; Ortega-Calvo,Manuel
Fonte: Index de Enfermería Publicador: Index de Enfermería
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/06/2014 SPA
Relevância na Pesquisa
36.13%
Fundamento y Objetivo: La investigación cualitativa complementa su visión de la realidad mediante la triangulación. La regresión logística binaria es un instrumento de predicción de riesgo en epidemiología analítica. Nuestro objetivo ha sido triangular una investigación cualitativa de tipo pedagógico con modelos de regresión logística. Material y Método: Sobre la información recogida por un grupo focal, organizamos los datos en tres variables: Aforismo / Frase corta (variable dependiente), Profesor y Tipo (variables predictoras) y construimos dos modelos con regresión logística binaria. El error alfa fue del 5 y del 10%. El tamaño muestral venía impuesto por el grupo focal anterior (saturación cualitativa). Se diseñaron rutinas para trabajar con los datos en el programa R. Resultados: Con 127 elementos (44 aforismos y 83 frases cortas) se obtuvieron significaciones crudas del 10% para dos de los diez profesores con información relevante para el grupo focal (odds ratios de 0.42 y 2.33 respectivamente; índice de Brier escalado = 0.06 y área bajo curva ROC = 0.63) y significaciones menores del 5% para cuatro de los cinco epígrafes en que habíamos dividido la variable tipo (epidemiológicos, epistemológicos, estadísticos y pragmáticos o heurísticos). El epígrafe "Estadístico" fue significativo con respecto a "Epistemológico" (OR=5...

Cuestionarios sobre factores de riesgo de la exposición y la accidentalidad por tráfico en conductores: una revisión

Jiménez Mejías,E.; Lardelli,P.; Amezcua,C.; Jiménez Moleón,J.J.
Fonte: Anales del Sistema Sanitario de Navarra Publicador: Anales del Sistema Sanitario de Navarra
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/12/2011 SPA
Relevância na Pesquisa
26.13%
Dada la diversidad de cuestionarios empleados en el estudio de la epidemiología analítica de las lesiones por tráfico, realizamos una revisión de los estudios publicados al respecto entre 1989 a 2011, con objeto de identificar sus fortalezas y debilidades. Dicha revisión puso de relieve que la mayor parte de los cuestionarios se centran en el factor humano sobre el riesgo de accidente, pero son muy pocos los que incluyen la intensidad de exposición y la asociación de ésta con otros factores de riesgo de la accidentalidad. Muchos cuestionarios poseen un elevado número de ítems y complejas escalas de valoración. Además, en España son escasos los cuestionarios validados sobre la exposición y la accidentalidad por tráfico. Por todo ello, es necesario trabajar en el diseño y la validación de cuestionarios que recojan de forma sencilla información integral sobre la epidemiología de las lesiones por tráfico de cara a su mayor conocimiento y prevención.

La epidemiología crítica: una nueva forma de mirar la salud en el espacio urbano

Breilh,Jaime
Fonte: Universidad Nacional de Lanús Publicador: Universidad Nacional de Lanús
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2010 ES
Relevância na Pesquisa
36.31%
La epidemiología empírico-analítica asume como un pilar interpretativo la noción de "lugar" para las descripciones que construye. La epidemiología crítica supera esa noción restrictiva y propone una construcción innovadora del espacio de la salud urbana retomando los aportes de la teoría crítica del espacio y la geografía, y articulando estos avances con los de la propia epidemiología desde una perspectiva de la determinación social de la salud. Desde esta óptica se repiensa la relación urbano-rural a la luz de los procesos históricos de aceleración, drástica pérdida de sustentabilidad y profunda inequidad urbanas, así como del papel de la nueva ruralidad capitalista monopólica, en avivar el cierre del espacio de la vida en nuestras ciudades. Se busca superar el mito de la dualidad urbano rural, se cuestiona el paradigma dominante de la modernidad que impuso la comprensión de dos mundos prácticamente contrapuestos: la ciudad como rectora, cosmopolita, avanzada y pujante, y lo rural como un mundo atrasado, local, más simple, y secundario, pues en años más recientes, la distinción clásica entre lo urbano y lo rural se hace cada vez más difícil, lamentablemente con una perversa dialéctica de deterioro e influjos malsanos de uno a otro espacio.

Tendência secular das parasitoses intestinais na infância na cidade de São Paulo (1984-1996)

Ferreira,Marcelo Urbano; Ferreira,Claudio dos Santos; Monteiro,Carlos Augusto
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2000 PT
Relevância na Pesquisa
26.22%
OBJETIVO: Estimar a prevalência e a distribuição social das parasitoses intestinais na infância, estabelecer a tendência secular dessas enfermidades e analisar sua determinação, com base em dois inquéritos domiciliares, realizados na cidade de São Paulo, SP, em 1984/85 e 1995/96. MÉTODOS: Os inquéritos estudaram amostras probabilísticas da população residente na cidade com idades entre zero e 59 meses (1.016 em 1984/85 e 1.280 em 1995/96). Amostras de fezes foram coletadas nos dois inquéritos e submetidas a exame parasitológico pela técnica de sedimentação, realizando-se leituras de preparações simples e de preparações coradas com lugol para exame de cistos de protozoários. O estudo da distribuição social das parasitoses levou em conta tercis da renda familiar per capita em cada um dos inquéritos. A estratégia analítica para estudar os determinantes da evolução da prevalência das parasitoses na população empregou modelos hierárquicos de causalidade, análises multivariadas de regressão e procedimentos análogos aos utilizados para calcular riscos atribuíveis populacionais. RESULTADOS/CONCLUSÕES: Houve entre os inquéritos reduções expressivas na prevalência das parasitoses em geral (de 30,9% para 10...