Página 1 dos resultados de 13 itens digitais encontrados em 0.013 segundos

Subcontratação e autonomia empresarial : o caso português

Marques, Maria Manuel de Lemos Leitão
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
45.86%
Nas economias de mercado, a subcontratação ocupa hoje um lugar importante nas relações entre as empresas, tanto no plano nacional como internacional. Atestam-no a existência de inúmeros estudos teóricos sobre o tema, o interesse de diversas organizações internacionais pela sua investigação e a crescente atenção que as associações industriais lhe dedicam. Tratando-se, embora, de uma relação diferenciada e complexa, o seu estudo é importante para uma exacta e correcta compreensão das relações contratuais entre as empresas no mundo actual. Neste trabalho, considera-se que as relações contratuais entre empresas são uma forma de organização privada da produção e da distribuição e demonstra-se que essas relações nunca foram sujeitas a uma intervenção, marcadamente directiva e restritiva, por parte do Estado (apesar da defesa da concorrência). Daí que, essas relações tenham sido sempre susceptíveis de regulação privada e que essa característica tenda a acentuar-se com a actual procura de maior flexibilidade. Para tentar comprovar estas afirmações, estuda-se a relação de subcontratação pressupondo que ela é uma relação contratual continuada como vem a confirmar-se amplamente auto-regulada que...

Desempenho de cadeias de suprimento no ambiente de negócios da era digital : um estudo dos elos da indústria de autopeças brasileira

Lucht, Richard Rigobert
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
Relevância na Pesquisa
35.71%
O ambiente de negócios vem passando por rápidas e intensas mudanças provocadas pelo fortalecimento da economia global, pela transformação de economias e sociedades industriais em economias de serviço, e pelo aparecimento da empresa digital. Estas alterações provocaram um aumento significativo da competição em todos os setores do mercado onde, fatalmente, nem todas as empresas conseguirão sobreviver. É em meio a este complexo cenário que as organizações vem, incessantemente, buscando alternativas para fazer frente a estes desafios. Um dos focos de maior atenção, neste contexto, é a gestão da cadeia de suprimentos. Afinal, a probabilidade de que uma organização seja bem-sucedida está diretamente relacionada com a sua competência e habilidade de administrar, ou participar ativamente da gestão, da rede produtiva na qual ela está inserida. Este fato faz com que o desempenho da empresa, quando observada sob a perspectiva da sua atuação como elo de uma cadeia, passe a ter valor estratégico. Por outro lado, ainda existe uma acentuada carência de modelos analíticos robustos que possam auxiliar tanto na avaliação do desempenho da cadeia de suprimentos e de seus elos, como também nas tomadas de decisões referentes à priorização de iniciativas que objetivem melhorias sistêmicas. O resultado...

As práticas discursivas dos operários em empreendimentos de produção industrial autogestionária

Webler, Darlene Arlete
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
35.88%
Esta tese apresenta nossa pesquisa acerca das práticas discursivas de trabalhadoresassociados em empreendimentos de produção industrial na modalidade da autogestão, no Rio Grande do Sul. Trata-se de empreendimentos autogestionários que se instauraram a partir de empresas de gestão capitalista – ou seja, de massas falidas – e que se apresentam atualmente como alternativas de geração de trabalho e renda e de construção de novas relações sociais de produção. Nosso propósito principal reside em comprovar que as práticas discursivas emergentes na organização operária autogestionária instituem um novo campo discursivo, o que significa dizer que se trata de um acontecimento discursivo. Assim, o estudo passa pela observação dos discursos que emergem dos e sobre os sujeitos autogestionários, revelando novas concepções de trabalho, novas práticas discursivas que são atravessadas por saberes confluentes, contraditórios e até antagônicos à autogestão. A opção teórica, para o presente estudo, está alicerçada na perspectiva da Análise do Discurso, de linha francesa, a partir de Michel Pêcheux, caracterizando-se pelo enfoque nos processos de produção de sentido e de suas determinações histórico-sociais...

Riscos ocupacionais e condições de trabalho em cozinhas industriais; Occupational risks and working conditions in industrial kitchens

Paula, Cheila Minéia Daniel de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
45.82%
No Brasil, o mercado de refeições coletivas registra saltos de crescimento expressivos e, dada a importância do setor de alimentação coletiva na economia nacional, a estimativa é de que esse segmento tenda a crescer. A literatura especializada informa que este setor sofre pressões, as quais envolvem desde condições ambientais até a qualidade dos produtos, passando por questões de higiene dos alimentos e preparações, bem como o atendimento de normas que regem a distribuição e consumo dos mesmos. As atividades desenvolvidas em cozinhas industriais apresentam características que podem desencadear doenças ocupacionais e acidentes de trabalho. A maioria dos estudos cuja unidade de análise foi o conjunto dos trabalhadores envolvidos no processo de produção de refeições, aponta para uma preocupação com o ambiente de trabalho, bem como com as características organizacionais que interferem na saúde dos mesmos. Apesar dos avanços que vêm sendo incorporados ao setor em relação à matériaprima, métodos de trabalho e equipamentos, os locais destinados ao preparo das refeições apresentam, em geral, condições físicas inadequadas tais como: ruído excessivo, temperatura elevada, iluminação deficiente, arranjo físico e instalações precárias...

Globalização e cidade

Samagaia, Jacqueline
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 263 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
45.84%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Geografia, Florianópolis, 2010; Este estudo busca analisar o impacto do processo de Globalização da economia internacional sobre o mundo do trabalho e suas conseqüências para as cidades, visivelmente expressas no aumento da pobreza. A globalização é aqui abordada de forma processual, com enfoque nas últimas décadas (anos 1990, até atualidade), quando seus efeitos sobre a economia e a organização do trabalho se tornaram mais evidentes. Partiu-se do pressuposto de que, para entender a situação atual da pobreza nas cidades brasileiras, faz-se necessário uma análise do processo de globalização e da forma como seus efeitos recaíram sobre economias locais. Blumenau foi escolhida por seu perfil industrial e por sua capacidade histórica de garantir, em grande medida, uma situação um tanto estável em termos de perspectiva de trabalho e oportunidades para seus cidadãos, o que veio gradativamente se perdendo no período estudado, igualando-a cada vez mais à realidade da maioria das cidades do país. A perda gradativa de trabalhos industriais, que se tornou marcante após o período de 1990...

Desenvolvimento econômico catarinense diante da infraestrutura social e urbana das dez mais populosas cidades de Santa Catarina

Vieira, João Henrique Lisboa
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 43 f.| Il., grafs., tabs.
Relevância na Pesquisa
45.71%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Ciências Econômicas.; Santa Catarina, representada por suas dez cidades mais populosas, possui características geográficas, populacionais e econômicas que a difere de outros estados. A dispersão das principais cidades pode ser explicada por aspectos históricos e naturais e também econômicos como os estudos do geógrafo Christaller. A formação de pólos econômicos e a organização industrial do estado podem ser caracterizadas como conglomerados ou distritos industriais que geram grande vantagem para a indústria catarinense. O projeto aponta a influência relevante da infraestrutura social e urbana no desenvolvimento econômico de uma região e dentro disso o descontentamento da população catarinense principalmente com os fatores saúde, educação, segurança e mobilidade urbana. Ao mesmo tempo, Santa Catarina ocupa uma posição muito favorável nos índices de desenvolvimento humano. Em específico no IFDM, houve uma evolução nos quesitos saúde e educação enquanto ocorreu uma diminuição no indicador de emprego e renda. Com relação à infraestrutura econômica, a FIESC levantou os principais gargalos para o desenvolvimento econômico e industrial do estado. As principais barreiras apontados estão relacionados à capacitação de recursos humanos...

Análise dos stakeholders das empresas industriais do estado de São Paulo

Hourneaux Junior,Flavio; Siqueira,João Paulo Lara de; Telles,Renato; Corrêa,Hamilton Luiz
Fonte: Departamento de Administração da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo Publicador: Departamento de Administração da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
45.72%
Neste estudo, pretende-se analisar as relações entre as empresas industriais do estado de São Paulo e seus stakeholders, tendo como base conceitual a Teoria dos Stakeholders. A pesquisa, descritiva e quantitativa, parte de três atributos - poder, legitimidade e urgência - que definem a relação ou influência entre cada stakeholder e a organização. O levantamento de dados foi conduzido por meio de uma pesquisa do tipo survey eletrônica, com o uso de um questionário enviado a associados do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo. A amostragem adotada foi intencional e não probabilística, obtendo-se uma amostra com 149 respostas válidas. Apesar das restrições metodológicas, os resultados indicam que os stakeholders são vistos pelos respondentes de formas diversas, o que tornaria viável a diferenciação de tratamento e de priorização estratégica dos stakeholders por parte das organizações, com predomínio dos clientes e consumidores sobre os demais. Por meio de uma análise fatorial, agruparam-se as 11 classes de stakeholders analisadas em 3 categorias - relacionamento direto com o negócio, relacionamento indireto com o negócio e propriedade do negócio -, diferentes das classificações propostas em estudos anteriores.

Vivemos uma nova ordem urbana?: Identificação de princípios gerais que orientam a lógica de organização do espaço da cidade contemporânea do início do século XXI

Walter Tinôco, Waldemir; de Albuquerque Lapa, Tomás (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
35.82%
A cidade contemporânea tem sido palco de impactos de avanços tecnológicos, particularmente da tecnologia da informação e comunicação (TIC) a partir das três últimas décadas do século XX. Os paradigmas de organização do espaço da cidade industrial registram etapas evolutivas: primeira, o desenvolvimento exacerbado do terciário da economia voltado ao financiamento da produção, à expansão de mercados e à distribuição de bens industrializados. A segunda etapa, marcada pelos avanços iniciais da TIC, destaca impactos nos transportes de produtos industrializados, que altera procedimentos de armazenagem com ênfase na distribuição até os varejistas. Conjunto articulado de procedimentos absorveu fundamentos da Logística . Foi o momento do terciário moderno, no qual as facilidades do ciberespaço possibilitaram encurtar distâncias de mercados e facilitar a movimentação dos fluxos de capitais internacionais; assim, foram potencializados os efeitos da globalização. Na sequência, aperfeiçoaram-se os avanços tecnológicos, possibilitando: i) a informatização da documentação das atividades institucionais, empresariais e até pessoais; ii) os fluxos gerenciais à distância, oferecendo com suas redes instantâneas de relacionamento...

Heterogeneidade estrutural na indústria Goiana, 2000-2010; Structural heterogeneity in the industry of Goiás, 2000-2010

Aguiais, Edilson Gonçalves de
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Agronegócio (EAEA); Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos - EAEA (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Agronegócio (EAEA); Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos - EAEA (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
45.84%
The purpose of this study is to understand to what extent the phenomenon of structural heterogeneity existing in Goiás industrial economy has affected the structure of earnings and employment in the state of Goiás in the interregnum from 2000 to 2010 . The hypothesis put forward is that, in Goiás, the process of growth of industrial production and the number of companies has developed so as to increase productivity gap and labor income among different segments of the manufacturing industry in the period 2000-2010. To perform the proposed work goal, we used the technical resources of literature and documents and adopted the descriptive analytical method. The first analysis is a comparison between the structure of the transformation of Goiás and São Paulo industry and the results indicated a reduction in structural heterogeneity, both indicators of labor productivity as in the structure of earnings and employment. The second test checks the industrial conformation as the level of technology embodied in the production process. At this point, the segments of low technological intensity remained the largest share of the value added by the manufacturing industry, indicating that driving the dynamic axis of Goiás economy facing the external sector...

Organização do trabalho e gestão da inovação : estudo de caso numa industria petroquimica brasileira

Daniela Maria Cartoni
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/02/2002 PT
Relevância na Pesquisa
45.88%
O objetivo do estudo é analisar a relação existente entre práticas empresariais de organização do trabalho e a capacitação tecnológica, enfocando principalmente os espaços de intervenção e o papel dos trabalhadores diretos no processo de inovação nas indústrias brasileiras.Distanciando de uma abordagem que focalize apenas os "impactos" das inovações sobre o sistema de relações industriais (TECNOLOGIA 7 TRABALHO), buscam-se aspectos dinâmicos desse complexo processo ao colocar em debate as implicações da relação inversa, ou seja, como as práticas empresariais de uso do trabalho podem contribuir (ou obstaculizar) o desenvolvimento da capacidade inovativa (TECNOLOGIA f- TRABALHO). O foco está na compreensão destes papéis e das trajetórias organizacionais que levam a ambientes industriais inovativos, caracterizados pela participação do trabalho. Enquanto a literatura brasileira sobre o tema nas décadas passadas indicou a existência de práticas gerenciais de uso do trabalho que inviabilizavam a integração dos trabalhadores nas diferentes etapas do processo produtivo, tendo como conseqüência a ausência de sua contribuição para o desenvolvimento da capacidade de inovar, neste estudo pretende-se analisar os possíveis avanços ocorridos após o processo recente de reestruturação produtiva no país. Os argumentos estão baseados num estudo de caso de uma das principais empresas petroquímicas do país...

A importância dos sistemas de incentivos ao investimento das empresas no atual contexto de crise económica

Machado, Célia da Conceição da Silva
Fonte: Instituto Politécnico do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 24/09/2015 N/A; POR
Relevância na Pesquisa
45.66%
No âmbito do Mestrado em Finanças Empresariais da Escola Superior e Estudos Industriais de Gestão, foi proposta a realização de um estágio curricular, pelo período de 6 meses no departamento de Gestão, na Multisector Innovation Consulting, Lda., localizada em Braga. Neste relatório de estágio são apresentadas e descritas as principais tarefas desenvolvidas no decorrer do estágio curricular, realizadas no período de 20 de outubro de 2014 a 20 de abril de 2015. No plano traçado no início do estágio definiu-se como principal objetivo a elaboração de candidaturas a sistemas de incentivos, no âmbito das estratégias de desenvolvimento do programa PORTUGAL 2020. Este programa, no domínio temático Competitividade e Internacionalização incorpora três sistemas de incentivos, destinados a três grandes áreas estratégicas: 1) Sistema de Incentivo à Inovação (de produtos, processos, formas de organização e comercialização); 2) Sistema de Incentivo à Internacionalização (em particular, das exportações) e Incentivo à Qualificação; e 3) Sistema de Incentivo à Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (I&D). Estes sistemas de incentivos ao Investimento das Empresas são instrumentos fundamentais das políticas públicas de dinamização económica...

Estratégias competitivas e desempenho econômico : o caso da indústria automobilística brasileira de 1986 a 2007

Costa, Rodrigo Morem da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
25.71%
A partir dos anos de 1990, a indústria automobilística brasileira vem experimentando um intenso processo de reestruturação induzida pela intensificação da concorrência no mercado de automóveis em âmbito mundial, expansão da produção para as economias emergentes e mudanças institucionais na economia do país em decorrência da abertura comercial, da estabilização e da alteração do regime cambial. Partindo da hipótese de que as estratégias empresariais devem se adequar ao ambiente de concorrência, o objetivo da dissertação foi o de estudar como ocorreu a adaptação das estratégias das montadoras da indústria automobilística no Brasil e o seu desempenho econômico resultante. Para alcançar o objetivo foi estudada a indústria automobilística em âmbitos mundial e nacional, assim como as mudanças institucionais ocorridas no Brasil, no período 1986-2007. O referencial teórico utilizado para fundamentar a análise está baseado na Teoria Evolucionista, no Paradigma Eclético e em diferentes visões sobre Economia Institucional. Os dados utilizados na análise foram obtidos através das estatísticas publicadas por diversas fontes e em estudos realizados por diferentes autores. Pela análise efetuada foi possível concluir que a adaptação das estratégias ao padrão de concorrência é fundamental para o desempenho econômico. No Brasil...

Stakeholder analysis of industrial companies in the State of São Paulo; Análise dos stakeholders das empresas industriais do estado de São Paulo; Análisis de los stakeholders de las empresas industriales en el estado de São Paulo

Hourneaux Junior, Flavio; Siqueira, João Paulo Lara de; Telles, Renato; Corrêa, Hamilton Luiz
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
35.77%
In this study, we aimed at analyzing the relationship between industrial enterprises from the State of São Paulo and its stakeholders, based on the stakeholders theory. The research, both descriptive and quantitative, considers that three attributes - power, legitimacy and urgency - should define the relationship or the influence of each stakeholder and the organization. The research was conducted through an electronic survey, using a questionnaire sent to members of the Center of Industries of São Paulo State. The sample was intentional and non-probabilistic, summing up 149 valid responses. Despite methodological limitations, the results indicate that stakeholders are regarded by respondents in different ways, which would make it possible to have both different treatment and strategic prioritization of stakeholders by organizations, with clients and consumers prevailing over others. Through factor analysis, we have grouped the 11 classes of stakeholders analyzed in 3 categories - direct relationship with business, indirect relationship with business, and business property -, diverging from classifications proposed by previous studies.; Neste estudo, pretende-se analisar as relações entre as empresas industriais do estado de São Paulo e seus stakeholders...