Página 1 dos resultados de 21 itens digitais encontrados em 0.009 segundos

Estudo experimental comparativo de métodos de diérese tecidual no tratamento endoscópico do divertículo faringo-esofágico; Experimental study comparing two methods of tissue diaresis for endoscopic treatment of pharingoesophageal diverticulum

Hondo, Fábio Yuji
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/05/2011 PT
Relevância na Pesquisa
76.38%
O divertículo faringo-esofágico (DFE), também conhecido como cricofaríngeo ou de Zenker (DZ), é doença rara, com prevalência estimada entre 0,01% e 0,11%, e que acomete os muito idosos, para os quais tratamentos menos invasivos podem ser úteis, destacando-se o endoscópico. A despeito das inovações com equipamentos e acessórios, hemorragias e perfurações ocorrem em até 10 e 15% dos pacientes, respectivamente. A constatação de divertículo faríngeo em porcos domésticos transformou-se em modelo experimental de grande interesse para fins didáticos e científicos. Pretendeu-se, neste sentido, introduzir inovação técnica e compará-la com o tratamento endoscópico convencional do DFE. O objetivo deste estudo foi comparar, em modelo experimental, a diérese do septo do DFE efetuada através do bisturi harmônico Ultracision ® (Grupo U) com a do eletrocautério monopolar (Grupo M). Foram utilizados 20 porcos domésticos com peso médio de 20,2 Kg (±1,35). Os animais foram alocados entre os grupos M e U de forma não aleatorizada. Não houve diferença significativa quanto ao tamanho do divertículo (p=0,0897) ou quanto ao tempo de inserção do diverticuloscópio flexível (p=0,7387). No grupo U, o tempo médio para a incisão do septo e o tempo total do procedimento foram menores (p<0...

Intervenção fonoaudiológica em idosa com lesão do nervo recorrente submetida à miotomia do cricofaríngeo; Speech intervention of an old lady with recurrent nerve injury with cricopharyngeal myotomy

Negreiros, Maria Adelaide
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.11%
Este estudo de caso tem por objetivo descrever as estratégias terapêuticas a serem adotadas no tratamento da voz e deglutição de uma paciente idosa com disfonia e disfagia provocada pela lesão do nervo laríngeo recorrente durante a cirurgia para colocação de marca-passo cardíaco. Por apresentar divertículo de Zenker, a paciente foi submetida à miotomia total do músculo cricofaríngeo. Analisamos as lesões do nervo laríngeo recorrente e divertículo de Zenker bem como discutimos as estratégias adotadas durante o processo de fortalecimento da musculatura envolvida no caso. Apresentamos as avaliações da deglutição através do exame de videofluoroscopia realizado antes e após a miotomia cricofaríngea bem como a última videofluoroscopia feita após o tratamento fonoaudiológico. Avaliamos a qualidade vocal através da análise perceptivo-auditiva, dos tempos máximos de fonação (TMF) e da espectrografia acústica. Concluímos que um programa de exercícios vocais e de órgãos fonoarticulatórios aliado ao uso de estratégias posturais e, alimentares melhoram o quadro inicial de voz hiperaguda e de disfagia.; This case study aims to describe therapeutic strategies to be used in the treatment of voice and swallowing of an old patient whith dysphonia and dysphagia due to injury of laryngeal recurrent nerve caused by a surgery to place a cardiac pacemaker. Due to the patient having Zenker’s diverticulum...

Tratamento cirúrgico do divertículo de Zenker: série de casos do grupo de cirurgia de esôfago-estômago-intestino delgado do Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Ribeiro, Guilherme Behrend Silva; Mielke, Fernando; Volkweis, Bernardo; Morellato, Gustavo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
35.82%

Divertículo de Zenker

Leão, P; Carneiro, T; Luís, D; Gomes, A
Fonte: Serviço de Cirurgia Geral, Hospital de Braga Publicador: Serviço de Cirurgia Geral, Hospital de Braga
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
76.1%

Diverticulopexia no tratamento do divertículo de Zenker

Lupinacci,Renato Micelli; Lima,Antonio Carlos Pereira; Lupinacci,Renato Arioni
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgiões Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2013 PT
Relevância na Pesquisa
106.36%
O divertículo de Zenker é um pseudodivertículo que se origina de um defeito muscular na parede posterior da faringe, na área de transição entre o músculo constritor inferior da faringe e o músculo cricofaringeo. Apesar do avanço das técnicas endoscópicas, o tratamento cirúrgico persiste como o tratamento padrão. Duas técnicas são possíveis: diverticulectomia (ressecção do divertículo) e a diverticulopexia. As vantagens da diverticulopexia estão ligadas à ausência de anastomose esofágica e suas possíveis complicações: fistulas cervicais, mediastinite, estenose esofágica e infecção de ferida. Em ambas as técnicas a secção das fibras musculares do músculo cricofaringeo (ou, esfíncter superior do esôfago) é fundamental. O objetivo do presente artigo é descrever em detalhes a técnica de diverticulopexia junto ao ligamento pré-vertebral associada à miotomia do músculo cricofaríngeo.

Divertículo faringoesofagiano: avaliação dos resultados do tratamento

Henry,Maria Aparecida Coelho de Arruda; Lerco,Mauro Masson; Tagliarini,José Vicente; Castilho,Emanuel Celice; Novaes,Fabiola Trocoli; Lamonica,Vania Cristina
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgiões Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
76.09%
OBJETIVO: Avaliar a evolução pós-operatória de pacientes com divertículo faringoesofagiano submetidos aos tratamentos cirúrgico e endoscópico. MÉTODOS: Foram analisados de maneira retrospectiva 36 pacientes com divertículo faringo-esofagiano atendidos no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu - UNESP. Os pacientes foram distribuídos em dois grupos, na dependência do tratamento: grupo 1 (n=24) - diverticulectomia associada á miotomia do cricofaríngeo, através de cervicotomia esquerda; grupo 2 (n=12) - diverticulostomia endoscópica usando grampeador linear. RESULTADOS: A mortalidade operatória foi nula em ambos os grupos. Complicações precoces: grupo 1 - dois pacientes desenvolveram fistula cervical e outros dois, rouquidão; grupo 2 - sem complicações. Complicações tardias: grupo 1 - sem complicações: grupo 2: recidiva da disfagia em quatro pacientes (p=0,01). O seguimento médio foi 33 meses para o grupo 1 e 28 meses para o grupo 2. CONCLUSÃO: Os dois procedimentos foram eficazes na remissão da disfagia. O tratamento cirúrgico apresentou superioridade em relação ao endoscópico, com resolução da disfagia com um único procedimento. O tratamento endoscópico deve ser reservado para os mais idosos e portadores de comorbidades.

Tratamento cirúrgico do divertículo de Zenker: diverticulopexia versus diverticulectomia

Aandreollo,Nelson Adami; Lopes,Luiz Roberto; Brandalise,Nelson Ary; Camargo,Marcelo Amade; Coelho-Neto,João de Souza
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2007 PT
Relevância na Pesquisa
106.35%
RACIONAL: Divertículo faringoesofágico, conhecido como de Zenker, é herniação adquirida na mucosa faríngea através de um defeito muscular entre as fibras oblíquas do músculo constritor inferior da faringe e as transversas do músculo cricofaríngeo. OBJETIVO: estudo retrospectivo, não randomizado, compararando os resultados da diverticulopexia e diverticulectomia, ambas associadas à miotomia do músculo cricofaríngeo, no tratamento do divertículo de Zenker. MÉTODOS: Quarenta pacientes foram submetidos a tratamento cirúrgico entre 1989 e 2003, dos quais 38 (95%) foram seguidos. Vinte e oito eram do sexo masculino (70%) e 12 femininos, com média de idade de 62,5 anos (21 a 85 anos). Vinte e quatro pacientes (60%) foram submetidos à diverticulopexia ou elevação, e 16 à diverticulectomia ou ressecção, através de cervicotomia esquerda, com miotomia do músculo cricofaríngeo. RESULTADOS: Resultados excelentes (Visick I), foram verificados em 84,6% dos pacientes submetidos à diverticulectomia e 66,6% dos pacientes submetidos à diverticulopexia. Na análise global de todos os casos estudados, 27 (11 ressecções e 16 elevações - 72,9%) apresentaram Visick I; 8 (2 ressecções e 6 elevações - 21,6%) apresentaram Visick II; e 2 (elevações - 5...

Tratamento cirúrgico do divertículo de Zenker

Ribeiro,Guilherme Behrend Silva; Mielke,Fernando; Volkweis,Bernardo Silveira; Schirmer,Carlos Cauduro; Kruel,Cléber Dario Pinto; Morellato,Gustavo; Binato,Marcelo; Gurski,Richard Ricachenevsky
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2008 PT
Relevância na Pesquisa
106.44%
RACIONAL: O tratamento cirúrgico do divertículo de Zenker inclui na maioria dos casos a cricomiotomia do músculo cricofaríngeo, a qual pode ser associada à diverticulopexia ou diverticulectomia. A escolha destas opções cirúrgicas ainda é controversa. OBJETIVO: Avaliar os resultados de dois tratamentos cirúrgicos (diverticulopexia ou diverticulectomia, ambos associados à cricomiotomia) em uma série de casos. MÉTODOS: Estudo retrospectivo em período de 10 anos de 26 pacientes submetidos ao tratamento cirúrgico do divertículo de Zenker. Para análise estatística, os pacientes foram divididos em dois grupos: Grupo 1 - diverticulectomia (n=17) e Grupo 2 - diverticulopexia (n=9). Em todos realizou-se miotomia. Foram avaliadas as variáveis: tempo cirúrgico, de internação e de início da alimentação via oral, complicações gerais, ocorrência de fístulas, recidiva dos sintomas e mortalidade. Consideraram-se diferenças significativas quando P<0.05. RESULTADOS: A idade média dos pacientes foi de 64 anos. Sintomas pré-operatórios principais: disfagia (91%) e regurgitação (46%). Todos foram investigados com estudo radiográfico contrastado de faringe-esôfago-estômago e 58% dos casos com endoscopia digestiva alta. Não houve diferença significativa entre os Grupos 1 e 2 em relação ao tempo operatório (96 x 99 min)...

Avaliação da terapêutica cirúrgica do divertículo faringoesofágico pela sutura mecânica

Aquino,José Luis Braga de; Said,Marcelo Manzano; Chagas,José Francisco Salles; Leandro-Merhi,Vânia Aparecida; Gallo-Junior,Eusébio José; Cecchino,Gustavo Nardini; Assunção,Mayra Todeschini
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 PT
Relevância na Pesquisa
96.29%
RACIONAL: O divertículo faringoesofágico apresenta-se como distúrbio pouco frequente e é provável que este fato seja responsável pela dificuldade encontrada na escolha do método terapêutico mais eficaz. O tratamento cirúrgico ainda é a principal opção terapêutica. No entanto, há controvérsias quanto à técnica cirúrgica que garante melhores resultados. OBJETIVO - Avaliar a eficácia da diverticulectomia com miotomia do músculo cricofaríngeo pela sutura mecânica linear no tratamento cirúrgico do divertículo faringoesofágico em uma série de pacientes no tocante às suas complicações locais e sistêmicas. MÉTODO: Foram atendidos 19 pacientes com divertículo de Zenker. Todos apresentavam as condições clínicas necessárias e preenchiam os critérios de elegibilidade para realização do procedimento cirúrgico. Após a diverticulectomia com sutura mecânica todos foram submetidos a avaliação pós-operatória no sentido de identificar a manifestação de qualquer tipo de complicação. Os pacientes foram estudados retrospectivamente através da análise de prontuários e descrição da internação hospitalar realizada no momento da operação e da evolução ambulatorial. RESULTADOS: A totalidade apresentou resultados satisfatórios...

Divertículo de Zenker

Senaga,Cristiano Matsumoto; Corralo,Giovana Carolina de Melo Bertozo; Lopes,Allan Felipe; Chojniak,Rubens
Fonte: Associação Médica Brasileira Publicador: Associação Médica Brasileira
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2007 PT
Relevância na Pesquisa
45.8%

Estudo morfofuncional, em nivel mesoscopico, da transição faringo-esofagica no homem adulto

Marco Cesar Somazz
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em //1991 PT
Relevância na Pesquisa
46.11%
A transição faringo-esofágica é sede de algumas patologias, entre as quais se destacam o `diverticulo de Zenker´ e tem sido estudado sob vários pontos de vista. Este trabalho tem por objetivo apresentar uma análise morfofuncional, em nível mesoscópico e microscópico desta região no homem adulto. Foram utilizados 35 segmentos faringo-esofágicos fixados em formol à 10%, oriundos de cadáveres adultos. Dos quais 16 foram dissecados sob lupa e estereomicroscópio. Cinco deles foram incluídos em parafina sendo submetidos a cortes seriados de 15 `mu´ e corados em HE. Weigert-Moore, picrosirius e Azan e alguns sem coloração para exame à luz polarizada. Em outras 8, incluiu-se em celoidina e submetidas a cortes seriados de 70`mu´, coradas em tricrômico de Azan e Weigert-Moore. Em 6 peças as túnicas adventicia e submucosa foram delaminadas e coradas pelas técnicas acima citadas. Os feixes de fibras elásticas e colágenas formam redes de malhas apertadas, ora mais ou menos concentradas, nas túnicas adventícia e submucosa e envolvem os feixes e fibras da camada muscular do esôfago. A presença de fibras musculares de trajeto longitudinal entre as fibras da túnica circular. na região do triângulo de Laimer. talvez possa contribuir para evitar a formação do divertículo de Zanker...

Carcinoma epidermóide "in situ" em divertículo de Zenker

Aquino,José Luís Braga de; Said,Marcelo Manzano; Bordalo,Rogério
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgiões Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2005 PT
Relevância na Pesquisa
65.95%
The epidermoid carcinoma "in situ" in a Zenker's diverticulum is a rare disease. The goal of this work is to report one case of epidermoid carcinoma "in situ" in a Zenker's diverticulum of long lasting symptomatology, treated by conservative surgery. In ambulatorial attendance, this patient showed a good evolution and favorable prognosis.

Divertículo de Zenker: tratamento endoscópico versus cirúrgico

Silveira,Marner Lopes da; Vilhordo,Daniel Weiss; Kruel,Cleber Dario Pinto
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgiões Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 PT
Relevância na Pesquisa
106.44%
OBJETIVO: Revisar a evidência da segurança e efetividade dos tratamentos endoscópico e cirúrgico do divertículo de Zenker. MÉTODOS: pesquisa no MEDLINE, LILACS e SciELO por "Zenker's diverticulum or pharyngoesophageal diverticulum", e seleção de estudos para avaliação da qualidade e extração dos dados para uma metanálise. RESULTADOS: a pesquisa não localizou nenhum ensaio clínico randomizado. Encontramos cinco estudos comparativos não randomizados com grupo controle, com um total de 630 pacientes, 339 no braço endoscópico e 291 no cirúrgico. Os valores para segurança foram uma mortalidade de 0,29% e morbidade 7% para o tratamento endoscópico, e mortalidade 0,34% e morbidade 5% para o tratamento cirúrgico. O valor para efetividade foi 84% e 85%, respectivamente. O efeito das abordagens endoscópica e cirúrgica para o tratamento do divertículo de Zenker foi comparável, a odds ratio para morbidade foi 1,24 (0,56-2,74), e a odds ratio para o sucesso foi 0,66 (0,41-1,05). CONCLUSÃO: os estudos sobre o tratamento do divertículo de Zenker têm baixo nível de evidência e não são capazes de definir qual o melhor tratamento em termos de segurança e efetividade.

Divertículo de Zenker

Andreis,Elmes Luis; Guerra,Enilde Eloena; Lemos,Rafael Rodrigues
Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgiões Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2001 PT
Relevância na Pesquisa
45.8%
The authors show six cases os Zenker's diverticulum diagnosed and treated at Nossa Senhora da Conceição hospital from January 1994 to January 1997. All patients were syntomatics and underwent to myotomy of cricopharyngeal upper muscle with diverticulectomy.

Divertículo de Zenker: relato de três casos

Fonte: Colégio Brasileiro de Cirurgiões Publicador: Colégio Brasileiro de Cirurgiões
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.02%
Pharyngoesophageal diverticula are epithelial-lined pouches that protrude from the esophageal lumen. They were studied by Zenker in 1878,receiving the denomination of Zenker's diverticulum. They are false diverticula since they don't have all layers of the esophageal wall. Although they are most common esophageal diverticula . Their incidence is of 3% of the patient presenting dysphagia. Current , there are several therapeutic modalities, from dilatation of the esophagus to surgery with resection of the diverticulum. The report refers to three patients with Zenker's diverticulum who underwent conventional surgical treatment.

LA ASOCIACIÓN DE DIVERTÍCULO DE ZENKER Y ACALASIA

Martínez Marín,Juan David
Fonte: Revista de la Facultad de Medicina Publicador: Revista de la Facultad de Medicina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2008 ES
Relevância na Pesquisa
106.26%
Se presenta el caso de un paciente de 88 años, con disfagia y antecedentes de acalasia no tratada de veinte años de evolución y síntomas de disfagia oro faríngea. Los exámenes radiológicos y endoscópicos identificaron además de la acalasia un divertículo de Zenker. Se realizó terapia paliativa con inyección de toxina botulínica en el esfínter esofágico inferior, con mejoría de los síntomas. Se hace una revisión de la rara coexistencia de estas dos patologías.

Divertículo faringoesofágico: Actualización

Torres Ortiz,Juan José; Nardo Rodríguez,Rosa María; Martínez López,Héctor; Sánchez Hernández,Nélsido; Castellón Lozano,Roberto
Fonte: Revista Cubana de Cirugía Publicador: Revista Cubana de Cirugía
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2002 ES
Relevância na Pesquisa
66.3%
Se hace una revisión del tema a causa de la infrecuente presentación de dicha patología. Se efectúa un estudio de 20 pacientes con divertículos faringoesofágicos y se dan a conocer características clínicas y tratamiento quirúrgico

Divertículos esofágicos por pulsión: técnicas quirúrgicas

Martín González,Miguel Angel; Ferrá Betancourt,Albio; Fuentes Valdés,Edelberto
Fonte: Revista Cubana de Cirugía Publicador: Revista Cubana de Cirugía
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2005 ES
Relevância na Pesquisa
46.04%
Los divertículos esofágicos por pulsión son los que con mayor frecuencia se diagnostican en el esófago. En el Hospital Clinicoquirúrgico «Hermanos Ameijeiras» se estudiaron 8 pacientes en el período de 1992 a 1995 y de 1999 a 2002. La media de edad fue de 59 años y el 50 % de los casos eran del sexo masculino. Del total de casos, 7 fueron divertículos faringoesofágicos y 1, epifrénico. Los tamaños variaron entre 1 cm a 12 cm, con una media de 3,9 cm y el tamaño de los cuellos entre 1 cm y 3 cm, con una media de 2,1 cm. A 5 de los divertículos de Zenker se les realizó diverticulectomía y a 2, diverticulopexia, siempre con miotomía del cricofaríngeo. En el caso del divertículo epifrénico se realizó diverticulectomía. Ninguna de las técnicas se asoció a complicaciones

Carcinoma epidermoide sobre un divertículo de Zenker

Morales García,D.; Casanova Rituerto,D.; García de Polavieja,M.; Rodilla,I. G.; Naranjo Gómez,A.
Fonte: Anales de Medicina Interna Publicador: Anales de Medicina Interna
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/01/2002 SPA
Relevância na Pesquisa
116.3%
El carcinoma es una complicación rara, pero posible, de los divertículos faringoesofágicos. Se presenta el caso de un paciente de 49 años intervenido quirúrgicamente por un divertículo de Zenker en cuyo interior se descubrió la presencia de un carcinoma epidermoide. Dado que se trata de una complicación muy poco frecuente de esta patología, se revisa la literatura y se discuten las opciones terapéuticas.

Miomectomía endoscópica del divertículo esofágico de Zenker: Técnica modificada

López,Adriana
Fonte: Sociedad Venezolana de Gastroentereología Publicador: Sociedad Venezolana de Gastroentereología
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 ES
Relevância na Pesquisa
96.5%
El divertículo de Zenker, también llamado divertículo faringoesofágico, es un tipo de divertículo de la mucosa de la faringe, que se ubica en la parte superior del músculo cricofaríngeo, es decir, por encima del esfínter esofágico superior. Es un falso divertículo en el sentido que no compromete todas las capas de la pared faríngea. Los mecanismos de formación aunque controversiales son por pulsión y tracción. Los divertículos de Zenker pueden causar halitosis, regurgitación de alimento no digerido, disfagia orofaríngea e incluso una obstrucción completa por compresión. Como complicaciones puede provocar broncoaspiración, formación de fístulas entre el divertículo y la tráquea, hemorragia intradiverticular y más raro, carcinoma epidermoide dentro del divertículo. Una serie esofágica con trago de bario normalmente detecta el divertículo. El tratamiento establecido del divertículo de Zenker consiste en la miotomía quirúrgica del músculo cricofaríngeo asociada a diverticulectomía o diverticulopexia y, como alternativa, la diverticulostomía o miomectomía endoscópica. El objetivo del presente estudio es presentar un caso clínico, describir el procedimiento endoscópico usando cápsula distal acrílica dentada y disección de capas posterior a esclerosis de solución de adrenalina. Se presentan fotos de este procedimiento que ofrece más firmeza en el corte porque evita el desplazamiento de la punta del endoscopio...