Página 1 dos resultados de 1094 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

Políticas públicas de implementação da convenção da diversidade biológica no Brasil: o caso do Baixo Juruá; Biologial Diversity Convention Public Policies Implamentation in Brasil - Baixo Juruá, a case study

Lerner, Lucy Claudia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/03/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.69%
A biodiversidade constitui o pilar de sustentação da civilização humana. No entanto, sua manutenção é constantemente ameaçada pelo próprio homem, em face do modo de produção no qual as economias mundiais se baseiam. Conseqüentemente, tornou-se necessário transformar a biodiversidade em um bem jurídico, a fim de regulamentar seu uso, o que foi feito por meio da Convenção da Diversidade Biológica (CDB). Esta reconhece a soberania dos países signatários sobre a diversidade biológica e cultural presente em seus territórios e a importância da conservação dos recursos naturais e genéticos, por meio da criação e implementação de um sistema de unidades de conservação, proteção dos conhecimentos e práticas tradicionais das comunidades locais, dentre outras formas. Estabelece as diretrizes para tal, assegurando a repartição justa e equitativa dos benefícios gerados pelo uso destes recursos. Ao apresentar as principais políticas públicas implementadas pelo Brasil referentes à conservação da diversidade biológica e tomando por base, especificamente, a criação e implementação de uma área protegida dentro do Sistema Nacional de Unidades de Conservação, este trabalho discute se a criação de reservas extrativistas representa uma alternativa viável à conservação da diversidade biológica e...

Diversidade de anfíbios anuros e lagartos de serapilheira em uma paisagem fragmentada de Ribeirão Grande, São Paulo; Diversity of leaf-litter amphibians anurans and lizards in a fragmented landscape in Ribeirão Grande, São Paulo

Bruscagin, Roberta Thomaz
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/05/2010 PT
Relevância na Pesquisa
46.41%
A Mata Atlântica é um dos ecossistemas mais severamente afetados pelos processos de perda e fragmentação de habitats, e, apesar dessa intensa ameaça, abriga ainda grande diversidade de anfíbios e répteis. O presente estudo teve como objetivo principal relacionar a diversidade de anuros e lagartos de serapilheira com o tamanho de fragmentos florestais, assim como com características ambientais dos fragmentos e da paisagem onde os mesmos estão inseridos. A amostragem da herpetofauna foi realizada em dois anos consecutivos durante a estação chuvosa numa paisagem fragmentada nos municípios de Capão Bonito e Ribeirão Grande, adjacentes ao Parque Estadual de Intervales e Fazenda Paraíso, utilizando a área da fazenda como controle, que representa a mata contínua. Os lagartos e anuros foram amostrados por meio de armadilhas de interceptação e queda ("pitfall traps") instaladas em 15 fragmentos e em seis localidades na área-controle. Além das características da estrutura e configuração da paisagem, como o tamanho dos fragmentos e a conectividade, outras variáveis ambientais que podem influenciar a distribuição e a abundância desses táxons também foram analisadas. A herpetofauna encontrada na região é típica de Floresta Ombrófila Densa...

Modelos teóricos de distribuição de abundância das espécies para caracterização da diversidade biológica e a utilização de diferentes medidas de abundância; Theoretical models of species abundance distribution to characterize the biological diversity and the use of different measures of abundance

Condé, Paula Alves
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
46.41%
As distribuições de abundância das espécies (SADs) são consideradas uma maneira informativa e sintética de descrever a diversidade biológica, e revelam um dos padrões mais bem estabelecidos da ecologia, que é a predominância de espécies raras nas comunidades biológicas. A generalidade deste padrão o torna relevante para a análise de outros parâmetros das comunidades. Além disso, ele levou ao desenvolvimento dos modelos teóricos de SAD. Os modelos estatísticos de SAD, por sua vez, passaram a ocupar um papel central na biologia, como principio empírico que sustenta várias teorias ecológicas. Preston sugeriu em 1948 que as SADs das comunidades naturais teriam uma distribuição aproximadamente Lognormal, porém apareciam truncadas devido ao efeito do tamanho amostral, cuja forma real só seria revelada, portanto, em amostras grandes. Esta ideia vai de encontro à propriedade estatística da consistência, que implica que o acúmulo de evidência causado pelo aumento do tamanho amostral favorece a aproximação ao modelo verdadeiro, bem como às estimativas de seus parâmetros. Além do efeito do tamanho amostral, os padrões de distribuição de abundância podem diferir dependendo da medida de abundância utilizada. Estudos sugerem que a biomassa seria uma medida de abundância mais adequada para revelar a distribuição subjacente de uma comunidade biológica em amostras ou escalas menores (differential veiling). Neste contexto...

Biodiversidade : institucionalização e programas governamentais no Brasil

Ana Lucia Delgado Assad
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 07/07/2000 PT
Relevância na Pesquisa
46.81%
A presente tese de doutoramento discorre sobre o processo de institucionalização do tema biodiversidade no cenário internacional e os programas e projetos a ela relacionados implementados no Brasil em decorrência da assinatura da Convenção sobre Diversidade Biológica. Descreve a situação atual da diversidade biológica, localiza os centros portadores de megabiodiversidade e discute a importância ambienta! e econômica dos recursos biológicos como fornecedores de bens e serviços. Para tanto, contextualiza a diversidade biológica na evolução da percepção social da importância do meio ambiente para as gerações presente e futuras. A partir dessa contextualização, a tese historia os passos que levaram a biodiversidade a ser objeto de atenção da Organização das Nações Unidas até que, por iniciativa dessa, fosse elaborado, em 1992, documento cujos signatários se comprometiam a cumprir e respeitar os princípios e recomendações do que se intitulou Convenção sobre Diversidade Biológica. A CDB tem por princípios básicos a conservação da diversidade biológica, o uso sustentável de seus componentes e a distribuição justa e eqüitativa dos benefícios dela derivados. Constitui-se no instrumento legal que estabelece as regras e obrigações...

A pesquisa para a conservação da biodiversidade no Brasil : a ecologia a partir de um enfoque interdisciplinar; The research to biodiversity conservation in Brazil : the interdisciplinary approach of ecology

Marcia Gonçalves Rodrigues
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/06/2009 PT
Relevância na Pesquisa
46.47%
O Brasil tem especial responsabilidade em relação à Convenção para Diversidade Biológica já que é portador de uma das maiores biodiversidades do mundo e vivencia o desafio diário da conservação e do uso sustentável dos seus recursos. Tarefa nada fácil posto que as dificuldades em termos de pesquisa científica, desenvolvimento tecnológico e recursos financeiros tomam a dimensão deste legado. E se o Século passado evidenciou o caráter conflituoso que reveste a relação "homem x ambiente" e "sociedade x natureza", trouxe também a questão ambiental como uma abordagem geral nas tratativas deste tema. A emergência da questão ambiental global ao mesmo tempo em que evidenciou a necessidade de tratar o meio ambiente a partir de um enfoque interdisciplinar, expôs a fragilidade da ciência moderna para lidar com um pensar complexo. Todos estes fatores fizeram com que a ecologia, em pouco mais de cem anos, ganhasse destaque na agenda global com um duplo e simultâneo desenvolvimento no mundo, um dentro da sociedade civil, como movimento social ecologista e outro, dentro da academia, como disciplina científica. A ecologia como ciência experimentou ramificações que resultaram numa série de sub-disciplinas em seu interior...

A conservação da biodiversidade, a proteção do conhecimento tradicional associado e a formação de um regime internacional de repartição de benefícios no âmbito da Convenção da Diversidade Biológica (CDB)

Rêgo, Patrícia de Amorim
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.6%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Jurídicas. Programa de Pós-Graduação em Direito.; As possibilidades econômicas geradas pelas biotecnologias aliadas a um arcabouço jurídico que permitiu a extensão dos direitos de propriedade intelectual para formas de vida e conhecimento alteraram profundamente o sentido e o valor da biodiversidade, intensificando o movimento de apropriação e degradação, no Hemisfério Sul, dos recursos genéticos e dos conhecimentos das comunidades locais. Durante séculos, o acesso a essa diversidade social e biológica por países e empresas transnacionais do Norte ocorreu sem qualquer controle ou contraprestação. Buscando uma compensação por este tipo de apropriação injusta, a Convenção da Diversidade Biológica (CDB) dispôs sobre a necessidade de se estabelecer um sistema de repartição de benefícios e de controle no acesso a referidos recursos, como forma de garantir a conservação e o uso sustentável da biodiversidade e resguardar os direitos das comunidades locais. Após anos de vigência desse Tratado, a repartição de benefícios não conseguiu sair do papel. O presente trabalho pretende verificar a viabilidade de um Regime Internacional de Repartição de Benefícios...

Avaliação do impacto da urbanização sobre a heterogeneidade química e a estrutura das comunidades fitobênticas

Martins, Cintia Dalcuche Leal
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 100 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
46.43%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Ecologia, Florianópolis, 2011; Macroalgas são produtores primários responsáveis pela manutenção da vida nos oceanos, desempenhando um papel ecológico fundamental na manutenção destes ecossistemas. As crescentes pressões antrópicas exercidas sobre as zonas costeiras representam fatores importantes que podem mudar os padrões locais, regionais ou globais de distribuição e abundância das macroalgas. Além disso, as populações podem apresentar particularidades químicas com a produção de substâncias exclusivas e a síntese dessas pode ser função direta do estado de conservação do metabolismo, sendo plausível supor que a variabilidade de metabólitos primários e secundários também representem descritores informativos de variações ambientais. Este estudo teve como principais objetivos descrever a estrutura das comunidades fitobênticas de costões rochosos entre marés de ambientes preservados e urbanizados no sul do Brasil e avaliar a heterogeneidade dos metabólitos primários e secundários produzidos por estas comunidades, propondo ferramentas para caracterizar os danos causados pela urbanização sobre o potencial biotecnológico destes organismos. A análise multivariada de variância indicou diferença significativa entre a estrutura das comunidades algais amostradas em ambientes preservados e urbanizados. As áreas preservadas foram caracterizadas por maior número de táxons e pelo aumento da ocorrência de espécies de Rhodophyta. As praias urbanizadas foram dominados por algas oportunistas...

A implementação da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) no Brasil

Sousa, Juliana Melo de
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xi, 168 f.| grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
66.52%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Jurídicas. Programa de Pós-Graduação em Direito.; A Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) foi adotada em 1992, no Rio de Janeiro, durante a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento - a Rio-92, apontada como o instrumento que faltava para frear a rápida degradação da biodiversidade no planeta. Treze anos depois, porém, a efetividade da CDB ainda é questionada em razão dos tímidos resultados alcançados na proteção da diversidade biológica.

O acesso aos recursos genéticos e conhecimentos tradicionais associados sob o enfoque da Convenção sobre Diversidade Biológica

Kowalski, Beatriz Campos
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 104 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.69%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências Jurídicas. Direito.; O uso sustentável dos recursos da diversidade biológica é um dos temas mais debatidos na atualidade, notadamente em virtude da conscientização sobre a necessidade de se garantir sua conservação e das oportunidades de geração de riqueza e conhecimentos decorrentes da bioprospecção. Assim, o objetivo do estudo é analisar o acesso e a utilização econômica dos recursos genéticos e conhecimentos tradicionais no Brasil, sob a perspectiva da Convenção sobre Diversidade Biológica, através do método dedutivo, fundado na consulta à doutrina, à legislação pátria e ao arcabouço do Direito Ambiental Internacional. Partindo dos conceitos de meio ambiente, diversidade biológica e desenvolvimento sustentável, traça-se, de início, um panorama histórico legal da evolução na tutela da diversidade biológica até a Convenção sobre Diversidade Biológica, marco internacional na matéria. Na sequência, conceituando patrimônio genético e conhecimento tradicional associado, o estudo trata da regulamentação e condições de acesso a tais informações genéticas e conhecimentos associados no Brasil, através da Medida Provisória n. 2.186-16 de 2001. O trabalho analisa ainda os mecanismos para a repartição justa e equitativa de benefícios decorrentes da utilização econômica dos recursos genéticos...

A convenção sobre diversidade biológica e o princípio da soberania nacional

Oliveira, Liziane Paixão Silva
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.41%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Direito, 2006.; A presente dissertação estuda o conceito de soberania na Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB, 1992). O ponto de partida é a análise do conceito de soberania. Esse conceito é examinado desde sua primeira formulação no século XVI até os dias atuais, em que a soberania dos Estados nacionais teria adquirido novas características, diferenciando-a da noção tradicional do poder soberano. A CDB reconhece que os Estados são soberanos para dispor dos recursos naturais existentes em seus territórios, entre eles a biodiversidade, mas impõe algumas limitações e estabelece obrigações. O poder soberano há de ser exercido com responsabilidade e cooperação, pois não se admite que a exploração por um Estado de seus recursos cause dano ao meio ambiente de outros Estados, ou seja, observa-se uma ampliação progressiva da responsabilidade objetiva dos Estados. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT; This dissertation studies the concept of sovereignty in the Convention on Biological Diversity (CDB, 1992). The starting point is the analysis of the concept of sovereignty. This concept is examined since its first formulation in the XVI centaury to present days...

A proteção dos conhecimentos tradicionais dos povos indígenas, em face da convenção sobre diversidade biológica

Belfort, Lucia Fernanda Inácio
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.56%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Direito, 2006.; A Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) é o mais importante tratado internacional sobre meio ambiente, da atualidade, por abranger todos os componentes da biodiversidade e realizar uma abordagem que privilegia a conservação dos recursos naturais, i.e., sua utilização em moldes sustentáveis. A CDB não propõe a proteção da biodiversidade por meio de sua intocabilidade, traduzida pela idéia de conservação, ao contrário, promove a inserção de uma perspectiva preservacionista de proteção do meio ambiente que inclui a diversidade social e determina o respeito, preservação e manutenção dos conhecimentos, inovações e práticas dos povos indígenas, com estilos de vida tradicionais que sejam relevantes para a biodiversidade. Assim, a presente dissertação tem como objeto de estudo a proteção dos conhecimento tradicionais dos povos indígenas, inclusive no ordenamento jurídico brasileiro, a partir das disposições da Convenção sobre Diversidade Biológica, como marco jurídico e de seus reflexos em outros tratados internacionais conexos. O trabalho terá por objetivo, a análise dos pontos mais polêmicos suscitados nas discussões em torno da regulamentação da preservação e conservação da biodiversidade e dos conhecimentos tradicionais a ela associados...

A repartição de benefícios decorrentes do acesso à diversidade biológica e ao conhecimento tradicional associado no âmbito da Convenção sobre Diversidade Biológica - CDB, da Organização Mundial de Propriedade Intelectual - OMPI e da Organização Mundial de Comércio - OMC

Schmidt, Larissa
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
POR
Relevância na Pesquisa
66.69%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Direito, 2009.; A presente tese versa sobre a repartição de benefícios decorrentes do acesso à diversidade biológica e ao conhecimento tradicional associado, no âmbito da Convenção sobre Diversidade Biológica - CDB, da Organização Mundial de Propriedade Intelectual – OMPI e da Organização Mundial de Comércio – OMC. A tese analisa os três regimes, porque, embora os direitos sobre a diversidade biológica tenham sido, do ponto de vista internacional, estabelecidos pela CDB, algumas das previsões da referida Convenção interagem, direta ou indiretamente, com sistemas de propriedade intelectual regulamentados pela OMPI e pelo Acordo TRIPs (Agreement on Trade Related Aspects of Intellectual Property Rights) da OMC. O fenômeno dos regimes especiais, percebido pela Teoria das Relações Internacionais e pelo Direito Internacional, foi intitulado “fragmentação”. A fragmentação é entendida como o grande número de novos regimes surgidos nas últimas décadas e que decorrem dos processos de democratização dos Estados, da globalização, da busca pela segurança jurídica internacional e, ainda, pela contribuição de novos atores não estatais nos processos de negociação...

Diversidade filogenética, distribuição geográfica e prioridades de conservação em jararacas sulamericanas (serpentes: Viperidae: Bothrops e Bothrocophias)

Antunes, Jéssica Fenker
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
56.6%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal, 2012.; A crise da biodiversidade impõe a necessidade urgente de avaliar de modo mais criterioso padrões de distribuição e ameaças à riqueza biológica do planeta. No entanto, há poucos estudos quantificando os efeitos da perda de hábitat sobre padrões de diversidade filogenética, uma importante medida de diversidade que incorpora informações sobre parentesco entre as espécies. Este trabalho visa estudar esta relação na linhagem de serpentes endêmicas Neotropicais incluídas em Bothrops e Bothrocophias, testando medidas usuais de diversidade biológica como substitutos para conservar a diversidade filogenética neste bem estudado e amplamente distribuído clado de serpentes. Nós buscamos registros de ocorrência dos 40 táxons terminais da filogenia utilizada como hipótese de trabalho. Em seguida, geramos modelos de distribuição potencial para todos estes táxons, calculando tamanho de distribuição e porcentagem de perda de habitat. Nós estimamos valores de diversidade evolutiva (ED) para todos os táxons terminais. Estes valores foram ponderados por dados de perda de habitat (EDHL) e categorias de ameaça da IUCN (EDGE). Testamos a presença de sinal filogenético em tamanho de área...

A Convenção sobre Diversidade Biológica vinte anos depois : uma análise econômica ambiental dos caminhos percorridos e das perspectivas

Teixeira, Edmércia Chaves
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
66.52%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Economia, Programa de Pós-graduação em Economia, 2012.; Este trabalho avalia como tem evoluído a implementação da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) no país, tendo a conservação in situ – prevista no Sistema Nacional de Unidades de Conservação (Snuc) – como proxy. Nesse sentido, esta pesquisa tem o objetivo de avaliar a implantação do Snuc a partir de uma perspectiva da economia do meio ambiente por meio do critério de eficácia. O trabalho apresenta uma análise quantitativa e qualitativa dos resultados alcançados pelo Sistema em relação a seus objetivos e às metas relacionadas à conservação in situ fixadas na CDB. As análises conduzidas apontaram que os objetivos do Sistema encontram-se alinhados às diretrizes da Convenção, no entanto, a aderência do Snuc, no que tange a sua execução, é baixa em relação ao previsto na CDB. Essa realidade decorre das dificuldades de implementação inerentes aos acordos ambientais internacionais, que envolvem questões políticas...

Caminhos e descaminhos do regime internacional de acesso aos recursos genéticos : uma análise comparativa entre o certificado de cumprimento internacionalmente reconhecido do protocolo de Nagoia e o certificado de origem

Oliveira, Priscila Gonçalves de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
46.65%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2014.; Texto parcialmente liberado pelo autor. Conteúdo restrito: Capítulo 4 e a Conclusão.; O Protocolo de Nagoia sobre Acesso a Recursos Genéticos e Repartição Justa e Equitativa dos Benefícios Derivados de sua Utilização à Convenção sobre Diversidade Biológica, aprovado no seio da 10ª Conferência das Partes da Convenção sobre Diversidade Biológica(CDB), constitui-se como um significativo marco no regime internacional de acesso aos recursos genéticos. Entre outras temáticas, a norma internacional, em conformidade com o preconizado pela CDB, retratou duas ferramentas basilares que possibilitariam a utilização econômica em bases sustentáveis dos recursos genéticos, em consonância com a conservação da diversidade biológica, o consentimento prévio informado e a repartição de benefícios em termos mutuamente acordados. Nesta linha de ideias, a norma protocolar elegeu o denominado certificado de cumprimento internacionalmente reconhecido enquanto instrumental capaz de evidenciar que, em determinada hipótese, o acesso aos recursos genéticos teria atendido ao consentimento prévio informado e a partir de termos mutuamente acordados. Ocorre que...

Desafios da Convenção sobre a Diversidade Biológica

Mota, Maurício Jorge Pereira da; Godinho, Rosemary de Sampaio
Fonte: Revista dos Tribunais Publicador: Revista dos Tribunais
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.52%

A eficácia da convenção sobre diversidade biológica : o caso brasileiro

Quirino Steiner, Andrea; de Almeida Medeiros, Marcelo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.41%
Esta pesquisa teve por objetivo principal avaliar a eficácia da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) no Brasil, com especial atenção à biodiversidade marinha, no intuito de contribuir para o conhecimento dos elementos de eficácia dos regimes internacionais de meio ambiente. Mais especificamente, objetivou: 1) construir cenários baseados em uma situação ótima e de não-regime a fim de comparar e situar a eficácia da CDB no Brasil em termos de sua performance real; 2) construir uma cadeia causal entre os elementos de eficácia já revelados pela literatura e a eficácia da CDB no país; 3) comparar a performance da CDB com outros regimes ambientais de desempenho semelhante, conforme dados disponíveis na literatura; e 4) comparar a performance da CDB no Brasil com a de outros países com estudos disponíveis. Trouxe como pressuposto que os regimes ambientais importam sim, e trata a eficácia dos regimes como variável dependente, sendo o problema em questão como conservar a biodiversidade planetária em termos políticos globais? . Três elementos de eficácia foram utilizados como variáveis independentes: tipo e estrutura do problema, contexto político e capacidade de resolução do problema. Dentro de uma escala de três pontos...

Biodiversidade e abundância da ictiofauna associada ao cultivo orgânico de Litopenaeus vannamei (Boone, 1931)

Costa Júnior, Marcos Antônio Freire da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Bioecologia Aquática; Bioecologia Aquática Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Bioecologia Aquática; Bioecologia Aquática
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.53%
The expansion of shrimp farming has caused a series of environmental impacts, often as a result of lack of planning and adequate management. Organic aquaculture has emerged as an alternative to conventional shrimp farming, and differently, aims at the economical, ecological and farming potential of other organisms, such as fishes, oysters and seaweeds. The present study aimed at evaluating the biological diversity and abundance of the ichthyofauna associated to Litopenaeus vannamei organic culture at PRIMAR farm (Rio Grande do Norte, Brazil). The sampling period consisted of four culture cycles (1, 2, 3, and 4) accomplished in four grow-out ponds (V1, V7, V2, and V4) in 2005. The first two culture cycles were carried out during the rainy season, and the last two cycles, during the dry season. Environmental (temperature, salinity, transparency, and rainfall), biodiversity (diversity and uniformity and abundance indexes) of the ichthyofauna, and shrimp productivity data were collected throughout these four culture cycles. The results obtained for the environmental variables showed that both salinity and transparency oscillated in a significant way (p < 0.001) between culture cycles. In relation to the abundance of the ichthyofauna, fifty four species associated to the organic culture of Litopenaeus vannamei were collected and identified at PRIMAR. For the biodiversity criterion...

Diversidade vegetal em florestas do estado do Acre

Barbosa, Cleto Batista
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: vii, 156 f.| il., tabs., grafs.
POR
Relevância na Pesquisa
56.41%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Geografia.; É reconhecida a alta diversidade biológica das regiões tropicais. A caracterização e interpretação da diversidade de plantas que integram distintos ecossistemas florestais do estado do Acre, situado no sudoeste amazônico, foi feita a partir de unidades geoecológicas concebidas de acordo com a participação de fatores/processos geomórficos e bioclimáticos, relevantes para a fitofisionomia, as quais resultaram bastante coincidentes com a divisão político-administrativa do estado. A abordagem envolveu conceitos e métodos das ciências humanas e a aplicação de modelos ecológicos a dados florísticos depositados em herbário e citações de plantas por seringueiros. Houve coincidência entre as famílias mais diversificadas constantes das exsicatas do Herbário-PZ (período de 1996 a 2000) e daquelas obtidas através de citações (período de 2000 a 2001), destacando-se Rubiaceae, Araceae, Poaceae e Bignoniaceae com representantes de hábito arbóreo, epifítico, herbáceo e trepador, respectivamente, bem como Caesalpiniaceae, Mimosaceae, Fabaceae e Moraceae, consideradas Leguminosae (lato sensu). Para os gêneros mais diversificados a coincindência restringiu-se a Ficus e Inga. Os valores de H' (nat) maiores que 4 indicaram tratar-se de florestas com alta riqueza e grande equabilidade (1-D >0...

Efeitos da invasão biológica de algaroba: Prosopis juliflora (Sw.) DC. sobre a composição e a estrutura do estrato arbustivo-arbóreo da caatinga no Município de Monteiro, PB, Brasil

Pegado,Cláudia Maria Alves; Andrade,Leonaldo Alves de; Félix,Leonardo Pessoa; Pereira,Israel Marinho
Fonte: Sociedade Botânica do Brasil Publicador: Sociedade Botânica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2006 PT
Relevância na Pesquisa
46.51%
A contaminação biológica é uma das principais causas da perda de biodiversidade atualmente no planeta. Este trabalho teve como objetivo avaliar os impactos causados pela invasão biológica de Prosopis juliflora sobre a composição e a estrutura do componente arbustivo-arbóreo da caatinga, tanto no estrato adulto quanto na regeneração natural. Foram plotadas 20 parcelas de 400 m², sendo 10 em um remanescente de caatinga bem conservada (Ambiente I) e 10 em uma área de caatinga invadida por P. juliflora (Ambiente II). A área invadida apresentou-se muito mais pobre em relação à primeira, em todos os parâmetros avaliados. Os impactos causados pela invasora foram sentidos tanto na estrutura, quanto na diversidade biológica da comunidade. A Densidade Relativa de P. juliflora no estrato adulto da área invadida atingiu cerca de 90%, o que reflete a sua capacidade de competição e eliminação das demais espécies. O índice de diversidade de Shannon-Weaver (H') apresentou os valores de 2,81 e 0,61 para o componente adulto dos Ambientes I e II, respectivamente. Para a regeneração natural os valores desse índice foram de 2,31 e 1,14 para os mesmos Ambientes. Conclui-se que P. juliflora forma densos maciços populacionais e compete com as espécies nativas...