Página 1 dos resultados de 2124 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

A higiene escolar em Pernambuco: espaços de construção e os discursos elaborados; Hygiene education in Pernambuco: the spaces of the building and prepared speeches

Bezerra, Rozelia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
56.46%
Esta pesquisa foi dedicada à identificação dos espaços de construção e o discursos elaborados para a higiene escolar em Pernambuco. Especialmente propô-se a investigar a gênese e consolidação da disciplina escolar na instrução primária em três momentos distintos, e os discursos elaborados pelos livros didáticos indicados para o ensino da matéria, buscando avaliar as aproximações e distanciamentos com o conteúdo curricular. O marco inicial é 1875, por representar o ano de introdução da matéria Higiene no programa curricular, o segundo momento é 1904, considerado ano da consolidação das reformas de ensino que começaram em 1896. O marco final ou apogeu do ensino da higiene na Primeira República é o ano de 1928, quando se deu a reforma Antônio Carneiro Leão. Para isto pesquisou-se diferentes documentos oriundos da esfera pública, periódicos, livros autobiográficos, anaes e os livros didáticos indicados para uso nas escolas. Ao final da pesquisa percebeu-se que, na sua gênese, o espaço de construção do discurso para a higiene escolar, em Pernambuco, foi a educação tendo como mentor intelectual o Inspetor João Barbalho Uchoa Cavalcanti. Nesse mesmo ano a disciplina Higiene e noções de agricultura foi acrescentada ao programa curricular. Um dos livros didáticos indicados para seu ensino foi O Livro do Povo que...

De "romancistas do Nordeste" a "2ª fase da prosa modernista": um processo histórico de canonização literário-escolar em livros didáticos de português; From "novelists of the Northeast" to "2nd phae of modernist prose": a historical process of litarary-school canonization in textbooks of Portuguese (1944-4987)

Macedo, Andre Barbosa de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/05/2010 PT
Relevância na Pesquisa
56.47%
Essa dissertação trata das abordagens sobre as obras literárias de Graciliano Ramos, José Lins do Rego, Jorge Amado, Rachel de Queiroz e José Américo de Almeida em livros didáticos de Português produzidos entre 1944 e 1987. Para tanto, foi necessário considerar as transformações ocorridas no núcleo da vulgata da disciplina escolar nesse período, dominada pelo ensino de literatura. Isso demandou a consideração do intercâmbio estabelecido entre a disciplina escolar e a crítica literária. O corpus documental da pesquisa foi constituído, em primeiro lugar, por dezesseis títulos didáticos editados após as mudanças definidas pela Reforma Capanema. Associados a eles, foram considerados outros documentos. Destes, os principais eram programas e propostas do governo federal e do Estado de São Paulo para a disciplina. Tais programas e propostas foram elaborados em um contexto educacional que foi retomado (Reforma Capanema, LDB de 1961 e de 1971). Para um exame mais abrangente da produção didática, empreendemos a investigação da trajetória formativa, profissional e intelectual dos autores de livros didáticos e a configuração da disputa editorial pelo mercado do ensino médio. Nisso, um aspecto era a transformação pela qual passou a crítica literária...

Educação musical escolar em Sergipe: uma análise das práticas da disciplina  Canto Orfeônico na Escola Normal de Aracaju (1934-1971); School music education in Sergipe: an analysis of the practices of the subject Choral Music in the Normal School of Aracaju (1934-1971).

Santos, Elias Souza dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/09/2012 PT
Relevância na Pesquisa
56.62%
O presente trabalho objetiva analisar as práticas da disciplina Canto Orfeônico, na Escola Normal de Aracaju, no período de 1934 a 1971. A importância desta investigação consiste no fato de que procura informar, através dos indícios, a existência do ensino musical escolar, ainda no período imperial. Tal ensino, aos poucos, foi se desenvolvendo, assumiu objetivos, métodos, funcionamentos diferentes, produziu materiais didáticos, recebeu várias denominações e, nos primeiros anos da Revolução de 1930, se denominou Canto Orfeônico constituindo-se, assim, uma disciplina obrigatória no currículo da escola brasileira até 1971. O estudo ancora-se nos autores da Cultura Escolar - Chervel (1990), Goodson (1990), Julia (2001), Forquin (1992), Viñao Frago (2008), Bittencourt (2003), Faria Filho (2002), Oliveira (2007), Souza (2005), Bencostta (2010), Ranzi (2007), Valdemarin (2007), entre outros - e tem como pressuposto teórico-metodológico as abordagens da História Cultural, sobretudo os conceitos defendidos por Le Goff (1984). Trabalhamos com as categorias cultura escolar, cultura material escolar e disciplina escolar. Para tanto, utilizamos um corpus documental diversificado (fontes escritas, como livros, dissertações...

Física como disciplina escolar: investigando sua dimensão cultural; Physics as school discipline: Investigating its cultural dimension

Sousa, Paula Fernanda Ferreira de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 25/04/2014 PT
Relevância na Pesquisa
56.44%
O presente trabalho visa investigar em que medida a Física, reconhecida por seu caráter paradigmático e, portanto, com leis bem definidas, está sujeita aos elementos culturais da escola. Dessa forma, pretendeu-se investigar a existência (ou não) de um conhecimento físico "naturalizado" e universal, para além das características de diferentes culturas nacionais. Dentro de um quadro teórico que reconhece a articulação entre os vários aspectos da complexa realidade escolar, as referências de investigação contemplaram, também, âmbitos mais gerais nos quais a disciplina escolar está inserida. Esses âmbitos foram representados pelas políticas educacionais, pelos currículos, pelas propostas pedagógicas da escola, pelo perfil da comunidade escolar e pelos materiais didáticos. Para isso, optou-se por um estudo de caso de uma escola bicultural brasileira e espanhola, e elaboraram-se três procedimentos de investigação: o primeiro, documental, teve foco na análise dos objetivos da escola em conjunto com as legislações brasileira e espanhola. O segundo, com foco nas relações da cultura escolar, centrado nos protagonistas (alunos e professora), com vivência em contextos escolares de países diferentes. Por último...

"Faz sentido?" - práticas docentes no ensino médio na disciplina sociologia: um estudo na rede pública do estado de São Paulo; " Make Sense? " - teaching practices in high school in sociology discipline: a study on the public network of São Paulo

Leite, Maria Cristina Stello
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/10/2014 PT
Relevância na Pesquisa
56.4%
A Sociologia, a partir do seu retorno à educação básica como disciplina escolar obrigatória, no ano de 2009 no estado de São Paulo, tornou-se palco de discussões que refletiam sobre seus objetivos, currículo, material didático, condições de trabalho e formação docente. Sua trajetória histórica intermitente pelo currículo trouxe implicações para as pesquisas voltadas a esta temática que, mesmo existindo em número considerável, constituem ainda escassas referências para aqueles e aquelas que se aventuram no ensino de Sociologia. Nesta pesquisa, que tem por objeto de estudo as práticas docentes de um professor e uma professora de Sociologia da rede pública de ensino do estado de São Paulo, compreende-se a escola e seus agentes como produtores de cultura e, por isso, analisa-se aquilo que professores/as de Sociologia realizam na sala de aula. Acredita-se que estas análises realizadas sobre práticas observadas em uma mesma escola dizem respeito a condições e questões que perpassam o nível individual e ao mesmo tempo contribuem para discussões relacionadas tanto ao que é específico da rede estadual paulista quanto ao que está se configurando como próprio da Sociologia no formato de disciplina escolar.; Sociology...

Da heteronomia à autonomia : ambiente escolar e desenvolvimento moral

Pieretti, Jaqueline Barbieri
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
56.38%
A proposta deste trabalho é apresentar algumas reflexões sobre o desenvolvimento da moralidade no ambiente escolar, tendo como base teórica a Epistemologia Genética. Realizaram-se entrevistas individuais, orientadas pelo método clínico, com seis crianças de diferentes idades e contextos escolares. As entrevistas consistiram na leitura de histórias que narram situações de disciplina escolar e perguntas sobre a intervenção do professor nessas situações. A partir da análise das respostas, refletiu-se sobre o pensamento das crianças quanto à disciplina escolar em relação à fase do desenvolvimento moral em que se encontram e sobre a intervenção do professor. Procurou-se verificar de que forma um ambiente cooperativo e de respeito mútuo pode contribuir para a construção do pensamento autônomo da criança.

Abrindo as cortinas da escola : representações dos alunos sobre in/disciplina escolar

Birnfeld, Liliane Costa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.49%
Analisar as representações culturais dos alunos de 5º ano do Ensino Fundamental de uma escola da rede pública em Porto Alegre/RS sobre a in/disciplina escolar é o objetivo deste trabalho. Ele inscreve-se na perspectiva dos Estudos Culturais numa abordagem pós-estruturalista e caracteriza-se como uma pesquisa qualitativa. Tem como principais conceitos, disciplina escolar, representação, discurso e relações de poder. Como metodologia foram propostas duas cenas de teatro pela pesquisadora, organizadas pelos alunos. A primeira, uma “cena de sala de aula”; a segunda, “a escola que nós queremos”. As cenas foram filmadas e num segundo encontro, os alunos assistiram aos vídeos para um debate sobre as apresentações. A partir das narrativas dos alunos sobre as cenas, foram organizadas três unidades de análise: a) as relações de poder e autoridade do professor em sala de aula; b) a estrutura da escola que se repete nas cenas e o jeito de ser aluno; c) “a escola que nós queremos”, uma forma diferente de pensá-la? As análises permitem constatar que a in/disciplina escolar ainda é um ‘problema’ para alunos e professores, mas dificilmente se saberia como proceder de outra forma, devido à prática escolar disciplinar se configurar em algo marcado e difundido ao longo dos tempos. Enfim...

Castigo de dura, uma no cravo outra na ferradura : a teoria e a prática da disciplina na escola primária : fins século XIX e princípios século XX

Barros, Maria da Conceição Rodrigues Leite e
Fonte: Porto : [Edição do Autor] Publicador: Porto : [Edição do Autor]
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
56.49%
O projecto que agora se apresenta tem como pano de fundo a disciplina escolar na escola primária. Partindo de uma base teórica com raiz em Michel Foucault, os mecanismos disciplinares são apresentados como uma forma de socialização e inculcação de valores que visava a construção de um cidadão útil, responsável e consciente, capaz de se inserir integralmente na ordem social estabelecida. O palco em que se desenrola a acção - a escola primária -assumiria um papael fundamental na construção deste modelo de cidadão na medida em que, sendo o nível de ensino comum a todos os portugueses, contribuiria para a criação de um sentimento colectivo regulador das vontades e das condutas individuais. Esta veiculação de princípios orientadores de cada indivíduo estava, ímplicta ou explicitamente, inserida nos conteúdos de diversas disciplinas que compunham a vertente formativa da escola, pretendendo criar uma consciência colectiva. Neste contexto de formação, surge a Disciplina Escolar assumindo como sua principal como sua principal função a educação das vontades, isto é, a submissão dos ímpetos e tendências naturais das crianças a um exercício consciente de comportamentos tidos como aceitáveis e normais. A disciplina na sala de aula é apresentada como uma forma de manutenção da ordem e de obtenção de bons resultados no ensino...

Investigando os rumos da disciplina escolar Ciências no Colégio Pedro II: 1960-1970

Ferreira,Marcia Serra
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais Publicador: Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.47%
Este artigo analisa mecanismos de estabilidade e mudança curriculares produzidos no Colégio Pedro II que influenciaram os rumos da disciplina escolar Ciências no 2º segmento do Ensino Fundamental, durante os anos 1960-1970. Investigando fontes orais e escritas, afirmo que aspectos institucionais puderam contribuir para que esta sofresse influências do movimento de renovação do ensino de Ciências ocorrido no período. Tais aspectos dizem respeito ao baixo status da disciplina escolar, que possuía um caráter mais generalista, era preterida pelo catedrático e não possuía espaço físico próprio. Essas características viabilizaram mudanças em uma instituição com arraigadas tradições e com as decisões centralizadas nos catedráticos. Tais mudanças, no entanto, articularam as inovações com conteúdos e práticas do passado, inventando uma tradição que pôde agregar o tradicional/antigo com o moderno/renovado e manter o prestígio da disciplina escolar tanto internamente quanto no nível externo.

Discursos curriculares na disciplina escolar Química

Lopes,Alice Casimiro
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências, campus de Bauru. Publicador: Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências, campus de Bauru.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2005 PT
Relevância na Pesquisa
66.3%
Neste artigo, é defendido que a disciplina escolar é um híbrido de discursos curriculares. Para argumentar em favor dessa idéia, é analisado como textos na área de ensino de Química influenciam nas políticas de currículo, hibridizando discursos oficiais e outros discursos curriculares. São articuladas as discussões teóricas de Ball, sobre políticas de currículo, de Goodson, sobre disciplinas escolares, de Bernstein, sobre recontextualização, e de Canclini, sobre hibridismo.

A Educação Física como disciplina escolar - Que história é essa?: a construção do componente curricular Educação Física no Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Pernambuco no período entre 1971 e 2001

Ricardo de Barros Rodrigues, Júlio; Luis Simões, José (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.36%
Este estudo tem por objetivo analisar de que maneira a Educação Física se consolidou como disciplina escolar no Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Pernambuco (CAp- UFPE), no período entre 1971 e 2001. Esse trabalho levou em conta a gênese e inserção curriculares, e a constituição identitária da disciplina que teve, ao longo desse período duas concepções (legais) que a caracterizaram: matéria de ensino (1971) e componente curricular (1996/2001). Para discussão e sistematização dos processos fomentadores da passagem da primeira concepção para a segunda, utilizamos a análise de discurso, procedendo especificamente da confrontação entre os discursos presentes nos documentos legais e os documentos oficiais (produzidos pelo CAp-UFPE no decorrer do período). Dessa confrontação identificamos a existência de dois outros discursos no interior do Colégio: o discurso institucional e o discurso disciplinar. Esses discursos que, em princípio convergiam, com o tempo tiveram na divergência o principal vetor de manifestação e disputa por um poder que fez com que o processo de consolidação disciplinar da Educação Física não se efetivasse e a mantivesse na esfera estrutural

(In)disciplina escolar

Szenczuk, Dorotea Pascnuki
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
56.39%
Resumo: Relata resultados de pesquisa sobre a problemática da (in)disciplina escolar. Investiga as produções realizadas por mestrandos e doutorandos nos Programas de Pós-graduação em Educação no Brasil, nos últimos vinte anos, a partir de levantamento realizado nos resumos cadastrados na base de dados da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação - Anped e no Banco de Teses e dissertações da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Capes. O fenômeno da indisciplina tem sido apontado como um grande problema do sistema escolar, no Brasil e em outros países, indicando a relevância de se investigar como tem sido pesquisado. São identificados, localizados e analisados 134 resumos relacionados à temática, quanto à forma de abordagem do tema, aos tipos de escola em que se realizaram as pesquisas, às unidades de análise usadas pelos pesquisadores, ao foco das pesquisas e ao tipo de abordagem teórica e metodológica. Conclui que a (in)disciplina não foi marcadamente tomada como objeto de pesquisa nos Programas Pós-graduação em Educação, não sendo localizados, nesses programas, centros específicos de produção de dissertações e teses sobre o tema. Constata a predominância de investigações que abordam o tema de forma secundária. A caracterização dessa produção mostrou que a escola pública apresenta-se como locus privilegiado pelos investigadores e que a abordagem didático-pedagógica da temática está presente em um número muito significativo de dissertações e teses...

A história da disciplina escolar francês no Colégio Estadual Campo-grandense (1942-1962)

Oliveira, Stella Sanches de
Fonte: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Publicador: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.49%
Este trabalho situa-se no campo da História da Educação, mais especificamente em História das Disciplinas Escolares, e tem como principal objetivo investigar a história da disciplina escolar Francês pelo seu funcionamento no curso ginasial do Colégio Estadual Campo-grandense, em Campo Grande, na época, Estado de Mato Grosso, entre 1942 e 1962. Sustenta-se a hipótese de que a presença da disciplina Francês no currículo de ensino secundário brasileiro é legitimada pelo seu caráter eminentemente humanístico e tem nesse caráter a finalidade de seu ensino em um momento histórico específico. Como caminho metodológico, buscou-se a mediação entre o que foi prescrito oficialmente e o realizado em sala de aula pelas práticas de professores. Para tanto foram selecionados como fontes primárias, documentos do arquivo escolar e como fontes secundárias, legislação nacional, estadual, do Colégio Estadual e um manual de didática de Francês, além da fonte oral, entrevistas com exalunas e ex-professoras da escola em questão. Os resultados da pesquisa evidenciaram que, no Colégio Estadual a normatização em sua grande parte orientou as práticas de professores no ensino de Francês e o ensino da língua estava baseado...

O percurso institucional da disciplina “História da Educação” em Minas Gerais e o seu ensino na Escola Normal Oficial de Uberaba (1928 – 1970)

Guimarães, Rosângela Maria Castro
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
56.49%
Esta pesquisa inscreve-se na área de História da Educação, subárea da História das Disciplinas; tem como objeto a trajetória inscrita pela “História da Educação”, um componente curricular dos antigos cursos normais secundários do estado de Minas Gerais; matéria prescrita oficialmente pelas autoridades do setor educacional desse estado, sob o formato relativamente autônomo a partir de 1928 e que assim permaneceu até meados da década de 1960. Para delinear os contornos do objeto da presente investigação constituiu inicialmente um fundamento norteador, em sintonia com Chervel (1990), a ideia de que a pesquisa sobre história de uma disciplina escolar deve ser desenvolvida, simultaneamente, sobre dois planos: o da prescrição e o do ensino. Nesse sentido, a hermenêutica parte do seguinte questionamento: Como se configurou historicamente o percurso institucional da disciplina História da Educação no âmbito externo e o seu ensino no plano interno da Escola Normal Oficial de Uberaba (MG), no período de 1928 a 1970? Esta periodização corresponde a um ciclo marcante na existência desta disciplina nos cursos normais mineiros. Não há hipótese formulada a priori a ser testada com vistas a responder a tal questionamento...

A formação dos jovens cidadãos: a construção da disciplina escolar de história no Rio Grande do Sul na Primeira República; The formation of young citizens: the construction of school subject of history in Rio Grande do Sul in the First Republic

Mombelli, Cecília Soares
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/08/2015 PT
Relevância na Pesquisa
66.42%
A presente dissertação se propõe estudar a constituição da história como disciplina escolar no Rio Grande do Sul na passagem do Império para a República, no esforço de identificar as transformações e continuidades de conteúdos e métodos no contexto de mudança política. O objetivo é compreender como ela foi apropriada na escola para a formação dos estudantes dentro do ideário republicano do período. Nesse sentido, identifica os principais objetivos e conteúdos, a produção didática e o mercado editorial, bem como sua utilização pelas futuras professoras. Para isso, utiliza como fonte histórica os programas das disciplinas, o livro escolar voltado para a história do estado História do Rio Grande do Sul para o Ensino Cívico de João Cândido Maia, e a revista pedagógica da Escola Normal, articulados com os discursos oficiais dos governantes e as definições do Conselho de Instrução Pública. O aporte teórico da pesquisa é o conceito de cultura escolar e a história das disciplinas escolares, preocupando-se em entender o conhecimento escolar além da proposta oficial dos governos, na medida em que entende as transformações de um saber que se torna escolar como resultado de uma série de injunções que assumem características específicas em cada espaço social e em cada época.; This thesis proposes to study the constitution of history as a school subject in Rio Grande do Sul in the transition from Empire to Republic...

A Matemática do Colégio: livros didáticos e história de uma disciplina escolar.

Oliveira Filho, Francisco
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.4%
Tese (Doutorado) - Universidade Anhanguera de São Paulo, 2013. Orientador: Prof. Dr. Ubiratan D'Ambrosio. xiii, 562f.; 30cm. CDD 510.1; Esta pesquisa teve por objetivo traçar a trajetória de constituição da disciplina Matemática do Colégio, no período 1930 – 1970, pela análise da produção didática do período. O período em estudo é atravessado por quatro grandes momentos/reformas educacionais: Francisco Campos, Capanema, Simões Filho e Matemática Moderna. Teve como aporte teórico principal os estudos do historiador André Chervel (1990), com seu texto História das disciplinas escolares: reflexões sobre um campo de pesquisa. Foram também utilizados os aportes teóricos dos historiadores Alain Choppin (História dos livros e das edições didáticas: sobre o estado da arte – 2004, e Pasado y presente de los manuales escolares – 2000), Antonio Viñao Frago (Sistemas educativos, culturas escolares e reformas – 2007), Dominique Julia (A cultura escolar como objeto histórico – 2001) e de Roger Chartier, com o conceito de Apropriação (O mundo como representação – 1991). Verificou-se ao final que a Matemática do Colégio teve o seguinte trajeto de constituição: não constituída no período dos Cursos Complementares (1931 – 1942); constituída no período dos Cursos Clássico e Científico (1943 – 1951); estabilizada no período do Programa Mínimo (1952 – 1960)...

Manejo de la disciplina en el aula en 29 instituciones educativas de básica primaria del municipio de Dosquebradas, Risaralda

García Castaño, Eliana Marcela; Leal Bedoya, Ana Milena; Orozco García, Angélica
Fonte: Universidad Tecnológica de Pereira; Facultad Ciencias de la Educación Publicador: Universidad Tecnológica de Pereira; Facultad Ciencias de la Educación
Tipo: Tese de Doutorado Formato: PDF
ES
Relevância na Pesquisa
56.48%
La disciplina en el aula es un aspecto de la educación de los alumnos que ha preocupado siempre a los educadores, así como a los padres de familia. Por tal razón, las autoras realizaron la investigación, "manejo de la disciplina en el aula en 29 instituciones educativas de básica primaria del municipio de Dosquebradas, Risaralda", cuyo objetivo principal es describir el manejo que los docentes hacen de la disciplina en el aula. La metodología es de corte cuantitativo-descriptivo, basado en la aplicación de un cuestionario elaborado por Isabel Fernández y adaptado para efectos de este trabajo, dicho cuestionario (instrumento) consta de 14 preguntas dividido en 4 categorías a saber: disciplina y conflictos, agresiones entre alumnos, clima relacional profesor alumno y relación entre profesores; el cual se aplico a 114 docentes de 29 instituciones; los cuales debían jerarquizar sus respuestas priorizando de las más relevantes a las menos importantes. Aquí se retoma los aportes teóricos de: Isabel Fernández, Concepción Gotzens, Rosario Ortega, Lawrence Stenhouse, entre otros; desarrollando los conceptos de disciplina, disciplina escolar, norma y conflicto dentro del ámbito escolar. Se puede concluir con respecto a las diferentes categorías evaluadas...

Disciplina escolar: desarrollo y aplicación de un programa actitudinal-cognitivo para la formación permanente del profesorado de educación primaria

Zamudio Villafuerte, Rosalba
Fonte: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis Formato: application/pdf
Publicado em //2011 SPA; SPA
Relevância na Pesquisa
66.58%
Descripció del recurs: 18-07-2011; La disciplina refiere el conjunto de normas, reglas y procedimientos aplicables al aula con la finalidad de generar las condiciones óptimas para la consecución de las metas de aprendizaje. Como instrumento del proceso instruccional, su gestión exige un conjunto de principios proposicionales derivados del campo psicopedagógico. Desafortunadamente para la gestión de la disciplina en el aula, el profesorado se apoya en sus habilidades innatas y medios inmediatos, llevándola hacia un fracaso seguro. Estrela (2005) muestra cómo las intervenciones de los maestros en disciplina del aula, tienen fundamento en su intuición y experiencia más que en la aplicación sistemática de una teoría psicológica o pedagógica, por ende, tales acciones resultan limitadas. Asimismo Lepage (2005), evidencia que sólo el 18% de los maestros desarrollan habilidades para la gestión y control de grupos durante la formación inicial, contra un 82% que las adquiere durante el desempeño profesional. Ante estos acontecimientos, resulta incuestionable señalar que las intervenciones del profesorado conexas a la disciplina del aula, confinan una fuerte injerencia de creencias, intuiciones y sentido común, disminuyendo las posibilidades de operarla profesionalmente. No es de extrañar entonces que la indisciplina en clase se agudice. Mas el panorama no es irremediable...

Representações sociais da disciplina escolar

Villela, Viviane Merlim Moraes; Universidade Federal Fluminense; Prado, Adonia Antunes; Universidade Federal Fluminense; Tura, Luiz Fernando R.; Universidade Católica de Petrópolis
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2000 POR
Relevância na Pesquisa
66.47%
O artigo, baseado numa investigação realizada em São Gonçalo/RJ, tem por objetivo analisar as representações sociais da disciplina escolar junto a professores da rede escolar pública e privada. A Teoria das Representações Sociais na abordagem estrutural foi escolhida por sua adequação ao propósito inicial do estudo. A coleta de dados incluiu a observação  e um teste de evocação livre com disciplina, integrado a um questionário aplicado a 100 professores escolhidos aleatoriamente. Estabelece como possíveis componentes do núcleo central dessa representação os elementos: respeito, amor, educação e organização. Para os sujeitos as representações sociais de disciplina condensam concepções que estão ligadas tanto à pedagogia tradicional, quanto à perspectiva da escola atvia e às pedagogias críticas. São elementos que revelam suas trajetórias de formação docente, as condições de trabalho e as imposições dos programas e políticas públicas para o setor.

La disciplina escolar a partir de los registros diarios de clase en una escuela venezolana

Mayora,Freddy; Rojas,Ninoska; García T,Margarita
Fonte: 2009.Instituto Pedagógico de Caracas. Universidad Pedagógica Experimental Libertador Publicador: 2009.Instituto Pedagógico de Caracas. Universidad Pedagógica Experimental Libertador
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2012 ES
Relevância na Pesquisa
66.3%
El propósito fue interpretar la disciplina escolar a partir de las opiniones de los docentes expresadas en registros diarios de clase. Se empleó el método interpretativo con enfoque etnográfico. Se revisaron los diarios de clase de siete secciones de 7° grado y se entrevistaron a los docentes. Los datos se organizaron en: indisciplina, agresividad y castigos aplicados por los profesores. Se comprobó que las notas asentadas por los docentes en los diarios no son fiables porque en las entrevistas ellos expresaron contradicciones. En conclusión, la institución debe genera acciones que reviertan comportamientos no deseados en los estudiantes. Se recomienda que las decisiones punitivas a los estudiantes, basadas en los registros diarios s sean revisadas para constatar su pertinencia y aplicabilidad, los consejos de secciones deberían convertirse en espacios de reflexión positiva del desempeño del estudiante, más que un lugar para imponer sanciones por sus posibles comportamientos antisociales