Página 1 dos resultados de 236 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Dilma Rousseff da Ditadura ao Facebook - a construção da imagem do indivíduo na política

Grassi, Bruna
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.99%
A construção da imagem do indivíduo na política através do fotojornalismo brasileiro. Análise do percurso de construção da imagem de Dilma Rousseff da ditadura militar brasileira ao Facebook.

Dilma Rousseff da Ditadura ao Facebook : a construção da imagem do indivíduo na política

Grassi, Bruna
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
67.3%
A dissertação que apresentamos intitulada “Dilma Rousseff da Ditadura ao Facebook: a construção da imagem do indivíduo na política” propõe analisar a construção da imagem da presidente do Brasil, um ator político, através do fotojornalismo brasileiro. Um dos objetivos principais desta análise é compreender como o passado e a sua trajetória política se refletem na sua imagem pública atual. Com o objetivo de compreender este percurso no fotojornalismo, traçamos uma breve história da ideia de imagem, bem como da fotografia e do fotojornalismo, salientando as mudanças tecnológicas e de percepção que operaram. Jacques Aumont, Martine Joly, Walter Benjamin, Gisèle Freund, Roland Barthes, Susan Sontag e Lucia Santaella, são alguns dos autores que compõe o processo de análise e interpretação das imagens. Para a compreensão da percepção do indivíduo e de sua realidade, trazemos os teóricos Jakob von Uexküll e Maurice Merleau-Ponty. Recorremos, em seguida, às teorias e conceitos que abordam o discurso político, com vista a compreender as interrelações entre este e a imagem, para tal destacamos dois autores: Hannah Arendt e a sua concepção de poder e ação e Patrick Charaudeau, no que toca ao discurso enquanto mediador. Para aproximar o fotojornalismo dos novos media e do novo espaço público digital...

Dilma Rousseff da Ditadura ao Facebook - a construção da imagem do indivíduo na política

GRASSI DE MIRANDA, BRUNA
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
67.3%
A dissertação que apresentamos intitulada “Dilma Rousseff da Ditadura ao Facebook: a construção da imagem do indivíduo na política” propõe analisar a construção da imagem da presidente do Brasil, um ator político, através do fotojornalismo brasileiro. Um dos objetivos principais desta análise é compreender como o passado e a sua trajetória política se refletem na sua imagem pública atual. Com o objetivo de compreender este percurso no fotojornalismo, traçamos uma breve história da ideia de imagem, bem como da fotografia e do fotojornalismo, salientando as mudanças tecnológicas e de percepção que operaram. Jacques Aumont, Martine Joly, Walter Benjamin, Gisèle Freund, Roland Barthes, Susan Sontag e Lucia Santaella, são alguns dos autores que compõe o processo de análise e interpretação das imagens. Para a compreensão da percepção do indivíduo e de sua realidade, trazemos os teóricos Jakob von Uexküll e Maurice Merleau-Ponty. Recorremos, em seguida, às teorias e conceitos que abordam o discurso político, com vista a compreender as interrelações entre este e a imagem, para tal destacamos dois autores: Hannah Arendt e a sua concepção de poder e ação e Patrick Charaudeau, no que toca ao discurso enquanto mediador. Para aproximar o fotojornalismo dos novos media e do novo espaço público digital...

Divided Brazil awaits Rousseff after poll win

Financial Times
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Relatório
EN_US
Relevância na Pesquisa
56.89%
In her victory speech, President Dilma Rousseff said she did not believe the nation’s closest election in a generation had divided Brazil. But she only needed to go online to see the civil war raging on social media to see how much the campaign had split Brazil, pitting rich against poor, friend against friend.

Polarização política nas redes; Pronunciamento de Dilma gerou mais de 497 mil menções entre a noite de domingo e o meio-dia de segunda-feira

O GLOBO
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Relatório
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.85%
O último fim de semana forneceu mais demonstrações da atual polarização política do Brasil e da importância que as redes sociais têm como espaço público de discussão e ativismo. A publicação da lista de inquéritos que a Procuradoria Geral da República encaminhou ao Supremo Tribunal Federal na sexta-feira e o pronunciamento da Presidente Dilma Rousseff no domingo foram estopins para que o diálogo virtual sobre política nacional retomasse a vitalidade pela qual tem se notabilizado desde as eleições presidenciais

Na redes sociais, Sérgio Moro só é menos citado que Dilma e Lula em dia de protesto, aponta estudo

O Globo
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Relatório
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.85%
Sérgio Moro, de 42 anos, foi alçado a ícone dos descontentes. No último domingo, durante as manifestações, só foi menos mencionado nas redes sociais do que a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula. O levantamento foi feito com exclusividade pela Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas.

Pré-campanha online de Dilma e Serra : o uso da internet pelos candidatos às eleições presidenciais de 2010

Janovik, Carolina
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
57.13%
Esta monografia analisa as estratégias de comunicação online de dois dos candidatos às eleições presidenciais de 2010 no Brasil, Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB), buscando compreender como eles estão utilizando a internet na fase de pré-campanha, ou seja, antes de 5 de julho. Deseja-se verificar se a rede está sendo utilizada apenas como mais um meio para obterem visibilidade pública, ou se seus recursos interativos são de fato aproveitados pelos candidatos, aproximando o internauta-eleitor dos mesmos. A pesquisa fundamenta-se teoricamente nos campos da comunicação, da política e da internet, recorre aos métodos de busca documental, pesquisa de campo e observação participante, e tem como objeto os sites e mídias sociais em que Dilma e Serra se fazem presentes. A articulação do material demonstra que a candidata do PT explora a rede como lugar de visibilidade e que o candidato do PSDB interage mais com os usuários da internet. Serra pode, também, estar valendo-se das próprias características deste meio para “aparecer” mais e de modo disfarçado na fase da pré-campanha.; This monograph analyzes the online communication strategies of two candidates for the presidential elections of 2010 in Brazil, Dilma Rousseff (PT) and José Serra (PSDB)...

Os enquadramentos de Dilma Roussef no Jornal Nacional : suspeição, humanização e competência

Gadret, Débora Thayane de Oliveira Lapa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
57.35%
Esta pesquisa está inserida em uma linha de estudos que se preocupa com a construção de significados nas notícias sobre os participantes do campo político. Acredita-se que é através do conteúdo produzido pelos jornalistas, percebidos como uma comunidade interpretativa que partilha saberes específicos e mapas culturais, que se dá a construção da realidade social. O objetivo é compreender os enquadramentos construídos sobre Dilma Rousseff nas notícias do Jornal Nacional em seu último ano como ministra da Casa Civil. Foram analisadas 47 matérias do telejornal, exibidas entre abril de 2009 e março de 2010. O referencial teórico está baseado nos estudos sobre visibilidade dos atores políticos, nas noções sobre enquadramento e nas teorias construcionistas da notícia. Como método de investigação, utilizou-se a análise de conteúdo de cunho qualitativo de forma a completar os três objetivos específicos propostos: mapear as temáticas e os acontecimentos em que Dilma Rousseff aparece como figura central das notícias; identificar os quadros de significado e interpretação construídos sobre a ministra e relacionar a formação dos enquadramentos jornalísticos às funções do campo e ao saberes específicos de seus profissionais. Concluiu-se que três ideias organizadoras centrais são construídas sobre esta figura política nos notícias do Jornal Nacional: a suspeição...

A construção de sentidos do programa Fantástico na entrevista de Patrícia Poeta com Dilma Rousseff: intimidade, feminilidade, temperamento e negociação

Steffen, Lauren Santos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
57.19%
Este trabalho tem como objetivo a análise dos sentidos construídos pelo discurso do programa Fantástico através da entrevista da jornalista Patrícia Poeta com a presidente Dilma Rousseff. A entrevista foi exibida no dia 11 de setembro de 2011, nove meses depois da posse de Dilma no cargo, em plena crise da troca de ministros. Dividida em duas partes, foi realizada primeiramente no Palácio da Alvorada, a residência presidencial, e posteriormente se passou no Palácio do Planalto, local de trabalho da presidente. Esta pesquisa busca analisar as tentativas de enquadramento da imagem da presidente no discurso do Fantástico, o qual se baseou no que seria de interesse do público, e não de interesse público; entender as relações de poder evidenciadas entre as interlocutoras ao longo da entrevista e compreender a abordagem feita pelo Fantástico de assuntos que supostamente considerava de interesse público. Para analisar o discurso do programa, esta pesquisa se apoiou na teoria construcionista, que percebe a notícia como uma interpretação da realidade, da qual o jornalista participa ativamente. Através da utilização da metodologia de análise de discurso de linha francesa, este trabalho identificou quatro formações discursivas no diálogo estabelecido entre as interlocutoras: intimidade...

Política externa brasileira para o mundo árabe : uma análise dos governos Lula da Silva e Dilma Rousseff (2003-2013)

Riediger, Bruna Figueiredo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
67.06%
Em 2003, com a posse do presidente Lula, iniciou-se no Brasil uma política externa que tinha na diversificação de parceiros uma de suas linhas orientadoras. Com isso, o Mundo Árabe voltou à agenda diplomática brasileira e, nos anos de governo Lula, recebeu diversas visitas de autoridades brasileiras, sendo várias do Ministro Celso Amorim e do próprio presidente Lula. Além disso, novas embaixadas foram abertas, criou-se uma cúpula da América do Sul com a região e o Brasil buscou-se inserir no processo de paz palestino-israelense. Em 2011, no entanto, com a posse da presidente Dilma Rousseff no Brasil e o início de protestos no Mundo Árabe – os quais levaram a importantes modificações nos governantes de determinados países -, a continuidade dessa política ficou comprometida. A Mudança de Política Externa tem no perfil da liderança e no contexto internacional duas de suas fontes mais importantes de mudanças. No caso brasileiro, percebeu-se a continuação das linhas mestras da política externa brasileira, a defesa de princípios tradicionais, ao mesmo tempo em que ocorreu determinado recuo no ativismo político brasileiro não só na região, mas internacionalmente, no geral. Concluiu-se que a “Primavera Árabe” não levou a uma mudança da estratégia brasileira para o Mundo Árabe; o perfil da presidente...

POLÍTICA EXTERNA DE LULA DA SILVA E DILMA ROUSSEFF: UMA ANÁLISE DA IMAGEM BRASILEIRA NO JORNAL THE NEW YORK TIMES

Dias, Daiana
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 108 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
67.39%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Sócio-Econômico. Relações Internacionais.; A pesquisa parte da hipótese de que a política externa dos governos Lula da Silva e Dilma Rousseff embora possuam uma ligação partidária embrionária – uma vez que ambos são filiados ao Partido dos Trabalhadores – têm divergências consideráveis de atuação. Enquanto a política externa de Dilma Rousseff é mais impessoal, imediatista e pouco ativa, a de seu antecessor caracterizou-se por ser extremamente ativa. A partir da confirmação da hipótese de contração na área de política externa no período do governo Rousseff, faz-se uma pesquisa envolvendo 124 artigos do jornal The New York Times relacionados ao tema de política externa, no intuito de comparar se a imagem brasileira, como percebida pelo discursos do jornal, alterou-se em decorrência das mudanças de ajuste seguidas no ínterim do governo Rousseff. Como resultado da análise, a gestão de Rousseff apresenta-se menos positiva do que a de seu antecessor. A maior parte dos artigos analisados do período Lula resultaram como majoritariamente positivos, sobretudo com relação à projeção internacional do Brasil, sua presença/influência internacional...

Imaginário social, mito e narrativas jornalísticas : as representações sobre mulheres políticas e militantes de esquerda na construção discursiva sobre a presidente Dilma Rousseff

Gouvêa, Gabriella Nunes de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
57.15%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Comunicação, Programa de Pós-Graduação em Comunicação, 2014.; O presente estudo tem como ponto de partida as relações que se estabelecem entre as narrativas jornalísticas, as representações e o imaginário social, de tal forma que tomamos aqui as notícias como estruturadoras da realidade: elas atuam como um sistema simbólico duradouro garantidor da coesão social na medida em que estabelecem, reproduzem e recriam modelos e normas de comportamento, modos de ordenamento social, valores, ideologias e crenças. Nesse sentido, o objetivo do estudo consiste em analisar as narrativas jornalísticas construídas por diferentes veículos nos dias que se seguiram à eleição presidencial de 2010 com base nas representações sociais recorrentes, e seus elementos estruturantes, relacionadas a dois aspectos da trajetória da presidente do Brasil, Dilma Rousseff: 1) sua condição de mulher; e 2) sua atuação no movimento de resistência à ditadura militar. Nosso intuito é analisar as relações que se estabelecem e de que forma emergem, nas narrativas jornalísticas, os sistemas simbólicos recorrentes sobre os dois aspectos centrais em questão, ou seja, como se dá a instauração dos discursos jornalísticos e quais são os sentidos que eles divulgam acerca das mulheres políticas e dos integrantes dos grupos de resistência à ditadura? Desta forma...

Discursos sobre o feminino: um mapeamento dos programas eleitorais de Dilma Rousseff

Mendonça,Ricardo Fabrino; Ogando,Ana Carolina
Fonte: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS Publicador: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2013 PT
Relevância na Pesquisa
67.06%
Este artigo busca discutir o modo como os programas do HGPE de 2010 da então candidata Dilma Rousseff mobilizaram a temática do feminino para articular noções sobre sua identidade e sobre a interface entre gênero e política. Para tanto, voltamo-nos, inicialmente, às teorias feministas com vistas a mapear quatro discursos recorrentes sobre gênero: (1) o discurso da igualdade; (2) a marcação da diferença; (3) a ética do cuidado; e (4) o desconstrucionismo. Com base nesses discursos, realizamos uma análise dos programas televisivos de Dilma, veiculados no primeiro e no segundo turnos. Por fim, discutimos as consequências da mobilização do discurso da ética do cuidado, indicando para uma tensão entre o perigo da essencialização pasteurizante e os potenciais do essencialismo estratégico.

As representações de Dilma Rousseff nos portais de notícias G1, Uol e Terra durante a cerimônia de posse presidencial

Mandarino, Diego
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
57.46%
O tema desta monografia são as representações de Dilma Rousseff nos portais de notícias brasileiros G1, Uol e Terra durante a cerimônia de posse presidencial no dia 1º de janeiro de 2011. Com base no paradigma construcionista, buscamos analisar as representações de Dilma Rousseff nos referidos portais durante a cobertura da cerimônia de posse, desde as 9h30min da manhã até as 23h – levando em conta manchetes e destaques de capa, imagens e notícias. Para realizar essa análise, seguimos os objetivos específicos de 1) mapear os sentidos associados a Dilma Rousseff e 2) identificar as temáticas que receberam maior destaque nos portais de notícias. Utilizamos como referenciais teóricos fundamentais a teoria da representação, conforme trabalhada por Stuart Hall (1997), e a análise de discurso de linha francesa. Também tecemos considerações a respeito das particularidades do jornalismo online. Seguindo o ponto de vista teórico-metodológico da Análise do Discurso para o estudo de sentidos no jornalismo, selecionamos 182 sequências discursivas (SDs) nos três portais, chegando a quatro formações discursivas (FDs) que retratam Dilma Rousseff de formas particulares: ‘Liderança Feminina’ (FD1); ‘Criada por Lula’ (FD2); ‘Radical e Autoritária’ (FD3); e ‘Sensível e Feminina’ (FD4). Identificamos um total de 76 SDs com presença da FD1 (41...

Dilma y México : altibajos en una relación indispensable para América Latina

Soriano, Juan Pablo
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2012 SPA
Relevância na Pesquisa
56.91%
Brasil y México no se dan la espalda, pero su relación avanza con demasiada cautela en un escenario económico internacional de desaceleración e incertidumbre. Al final del primer año de la presidencia de Dilma Rousseff, se ha demostrado que es posible superar la desconfianza existente entre ambos gobiernos. Los proyectos de inserción internacional de Brasil y México son distintos, pero son compatibles. Una mayor cooperación permitiría a América Latina afirmar su presencia internacional. Si no se desarrolla una mayor sintonía entre ambos países hay el peligro de una división entre la América Latina del Atlántico, liderada por Brasil, y la América Latina del Pacífico, liderada por México.; Brazil and Mexico are not giving each other the cold shoulder, though given the slowdown and uncertainty of the international economic scenario, their relationship is moving forward in too cautious a manner. At the end of Dilma Rousseff’s first year as president, it has been demonstrated that it is possible to get over the mistrust that still exists between the two governments. Brazil and Mexico have different projects for their international placement, but they are compatible. If greater consistency is not achieved between these two countries...

Militância, imaginário social e narrativas jornalísticas: As representações simbólicas sobre membros dos grupos de resistência à ditadura nas notícias sobre o passado militante da presidente Dilma Rousseff

Gouvêa, Gabriella Nunes de; Motta, Luiz Gonzaga
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.99%
O presente artigo analisa a dimensão simbólica do discurso jornalístico veiculado sobre a presidente Dilma Rousseff, por ocasião de sua eleição, na revista Istoé e no jornal O Globo, tendo a militância política da presidente como ponto estruturante da análise. O objetivo aqui é observar quais representações sociais sobre os militantes que atuaram nos grupos de resistência à ditadura emergem, décadas depois, nas notícias que remontam à participação da presidente eleita nesses mesmos grupos e como ocorre discursivamente a construção de tais representações. Partiu-se da premissa de que, por meio da fixação de modelos, valores e crenças, as notícias estabelecem, reproduzem e recriam normas de comportamento, sintetizam representações e atuam, então, como sistemas simbólicos

Dilma Bolada e Dilma Rousseff: divagando e governando, não necessariamente nessa ordem

Cioccari, Deysi
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Comunicações e Artes
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 05/05/2015 POR
Relevância na Pesquisa
56.99%
O artigo faz uma análise dos perfis nas redes sociais Twitter e Facebook da personagem Dilma Bolada e da candidata à presidente Dilma Rousseff durante osperíodos eleitorais brasileiros de 2010 e 2014. Nosso objetivo é avaliar como a personagem fictícia, com postagens que valorizam um repertório político com características humorísticas que desenvolveram formas próprias de linguagem contribui também para a valorização da própria candidata à reeleição. Nossa análise parte da ótica do espetáculo onde a composição do personagem é fundamental.Palavras-chave: Dilma Bolada; comunicação; política; redes sociais; espetáculo

Os sentidos nos ditos e nos não ditos pelas revistas Veja, Época, IstoÉ e CartaCapital sobre a posse da presidente Dilma Rousseff

Bertasso, Daiane; Franzoni, Sabrina; Lisboa, Silvia
Fonte: Revista Observatório Publicador: Revista Observatório
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 06/10/2015 POR
Relevância na Pesquisa
67.43%
O objetivo deste artigo é compreender quais são os sentidos produzidos nos ditos e nos não ditos pelas revistas Veja, Época, IstoÉ e CartaCapital sobre a posse da presidente Dilma Rousseff. Com base na perspectiva teórico-metodológica da análise do discurso, identificamos três formações discursivas predominantes nos ditos das quatro revistas: Posse controversa, Posse melancólica e Posse da dieta. Já nos sentidos produzidos pelos não ditos, observamos por parte de Época, IstoÉ e CartaCapital a reiteração da maioria dos sentidos presentes nos ditos de Veja, que saiu na frente na cobertura sobre a posse. Isso mostra, entre outras coisas, que a prática discursiva do jornalismo prevalece em relação ao posicionamento editorial das revistas. Palavras-chave: discurso jornalístico; contrato de comunicação; silenciamento; revistas; Dilma Rousseff.   ABSTRACT The purpose of this article is to understand what are the senses produced in the said and in the unsaid by magazines Veja, Época, IstoÉ and CartaCapital about the inauguration of president Dilma Rousseff. Based on the theoretical and methodological perspective of discourse analysis, we identified three predominant discursive formations in the said of the four magazines: Controversial Possession...

POLÍTICA E MÍDIA: A CONSTRUÇÃO DOS ETHÉ DE DILMA ROUSSEFF NAS ELEIÇÕES DE 2010.

Assis, André William Alves
Fonte: DLCV - Língua, Linguística & Literatura Publicador: DLCV - Língua, Linguística & Literatura
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Análise Linguística Formato: application/pdf
Publicado em 19/10/2012 POR
Relevância na Pesquisa
67.06%
No cenário atual brasileiro e até mesmo mundial observa-se que política e mídia têm se embricado cada vez mais nos processos eleitorais. A política passou a operar com a lógica dos meios de comunicação, e as campanhas eleitorais passaram a adotar um caráter de espetáculo político centrado na criação e aceitação da imagem do ator político. Neste estudo, sob o viés da Análise do Discurso de linha francesa e da comunicação, analisamos como o programa do PT construiu a imagem da candidata Dilma Rousseff no primeiro programa produzido para o Horário Gratuito de Propaganda eleitoral - HGPE, da TV aberta do Brasil no ano de 2010. A posição-sujeito que Dilma ocupou nas eleições de 2010 permitiu que ela se adequasse tanto à retórica da política, quanto aos parâmetros da mídia; uma aproximação necessária da política às lógicas midiáticas de representação da realidade/mundo, à criação do espetáculo.

Êthos femenino en los discursos de asunción de las primeras mujeres presidentes de América del Sur: Michelle Bachelet, Cristina Fernández de Kirchner y Dilma Rousseff

Vitale,María Alejandra
Fonte: Anclajes Publicador: Anclajes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2014 ES
Relevância na Pesquisa
66.99%
Investigamos la construcción de un êthos femenino en los discursos de asunción de Michelle Bachelet (2006), Cristina Fernández de Kirchner (2007) y Dilma Rousseff (2011). Observamos que las alocuciones de las tres oradoras legitiman su liderazgo político capitalizando a favor el hecho de que son mujeres. Sin embargo, muestran diferentes grados de confrontación, no articulan de la misma manera el êthos con el logos y el pathos y no usan los mismos estereotipos sobre las mujeres, por lo que es discutible atribuirles un mismo êthos femenino.