Página 1 dos resultados de 577 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Dialogismo e a investigação de processos desenvolvimentais humanos; Dialogism and the investigation on human developmental processes; Dialogismo y la investigación de procesos del desarrollo humano

AMORIM, Katia de Souza; ROSSETTI-FERREIRA, Maria Clotilde
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.56%
Na elaboração de instrumental para compreender e investigar processos desenvolvimentais humanos, relacionais e situados, aproximamo-nos da noção de dialogismo. Procurando explicitar esta noção, realizou-se revisão bibliográfica, além de leituras de Bakhtin, aqui apresentadas. A análise levanta implicações teórico-metodológicas que, tanto apontam ao lugar da alteridade no ser e desenvolver-se humano, como indicam questões do fazer do pesquisador. Finalmente, apresenta-se um episódio de interação mãe-bebê, utilizando-se a concepção de dialogismo. A análise do caso aponta a necessidade de considerar o lugar do corpo nos processos de investigação, remete também à busca por noção de linguagem além do verbal e (re)conceituação da cultura enquanto prática discursiva.; In the construction of a theoretical-methodological instrument, aimed to understand and investigate relational and situated human developmental processes, the notion of dialogism was reached. Seeking to make this notion more explicit, a bibliographical review and reading of bakhtinian propositions were carried out and presented in this study. Theoretical-methodological issues and practical implications were raised during the analysis, which appoint to issues like the place of the otherness in the self and human development. A series of issues concerning the research process is discussed. Finally...

Narração, dialogismo e carnavalização: uma leitura de 'A hora da estrela', de Clarice Lispector; Narration, dialogism and carnivalization: a reading of ' The Hour of The Star', by Clarice Lispector

Teixeira, César Mota
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/03/2007 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
Esta tese é um estudo analítico-interpretativo do romance A Hora da Estrela, de Clarice Lispector. Com base nas teorias de Mikhail Bakhtin, explicitam-se os elementos dialógicos que estariam na base da composição do romance final de Lispector. Por dialogismo, entendem-se as várias interações crítico-paródicas que o narrador Rodrigo S.M, persona masculina criada pela autora, estabelece com outros discursos no processo metaliterário que embasa a construção da narrativa. Entre estes discursos, a análise dá especial atenção à paródia que o narrador faz de diferentes formas narrativas e dramáticas, entre as quais se destacam o romance de folhetim, o melodrama, o romance regional, o romance social e o romance psicológico. O tom dialógico-paródico dominante na obra permite detectar traços de carnavalização usados como arma de crítica e denúncia social. No âmbito desta carnavalização, destaca-se a presença de máscaras ancestrais da arcaica romanesca retomadas e atualizadas por Lispector, em especial as máscaras do tolo, do bufão e do trapaceiro, personagens arquetípicos que, oriundos do solo da cultura popular, teriam importante papel na consolidação do romance como gênero fundamentalmente voltado para a representação/encenação crítica de discursos (ainda segundo Bakhtin). Analisam-se também algumas crônicas de Lispector consideradas importantes para a compreensão da figuração do "personagem tolo" sem sua obra. Trata-se de crônicas que tematizam o longo contato da escritora com empregadas domésticas...

Dialogismo e responsividade no discurso da SBPC: análise de editoriais da revista Ciência Hoje na década de 1980; Dialogism and Answerability in SBPCs Speech: Study of Editorials of Ciência Hoje Magazine in the 1980s

Costa, Luiz Rosalvo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/11/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
A presente pesquisa busca identificar, a partir de noções formuladas pelo Círculo de Bakhtin (como dialogismo, responsividade, esfera, gênero, enunciado etc), mecanismos e processos pelos quais o discurso da SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência) materializado nos editoriais da revista Ciência Hoje se constitui (dialógica e responsivamente) pela interação com outros discursos em circulação no contexto em que ela é criada e produzida. Focalizando os editoriais na qualidade de enunciados e, portanto, como unidades da comunicação discursiva em que se dá o encontro entre a língua e a realidade históricosocial, o trabalho explora a hipótese de que a revista, criada no início dos anos 80 em um contexto discursivo marcado por intensa politização, corresponde a um ato responsivo por meio do qual a SBPC procura afirmar sua posição diante das questões em pauta no grande diálogo travado na sociedade brasileira. Nessas condições, os editoriais refletem e refratam as mais importantes posições ideológico-discursivas em interação e disputa no panorama discursivo do país, as quais, sob diferentes acentos apreciativos, vão se incorporar aos elementos que compõem a arquitetura desses editoriais. Entre as principais posições refletidas e refratadas no território desses editoriais estão aquelas que se manifestam nos discursos da democratização e da cidadania.; This research intends to identify...

Gêneros do discurso e memória: o dialogismo intergenérico no discurso publicitário; Genres of discourse and memory: intergeneric dialogism in advertising discourse

Chaves, Aline Saddi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/05/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
Esta pesquisa tem por objeto de estudo peças publicitárias parcial ou totalmente textualizadas e enunciadas sob a forma e/ou função prototípicas de gêneros discursivos alheios à publicidade, como telegrama, cartão de votos, artigos jornalísticos, capas de revista/jornal, entre outros. A partir da observação empírica desse tipo de publicidade, intimamente relacionado às tendências pós-modernas e à multiplicação dos suportes na era da internet, levanta-se a hipótese de que, para além da visada lúdica ou da tentativa de camuflar a finalidade pragmática inerente a essa prática, o empréstimo de regimes genéricos não coincidentes está relacionado ao fraco regime de genericidade do discurso publicitário e, por extensão, ao status desse discurso na sociedade. Com efeito, ainda que institucionalizada enquanto prática profissional, a publicidade revela uma instabilidade constitutiva no tocante a seus dispositivos de fala, o que se explica pela necessidade de (se) (re)(i)novar constantemente para seduzir e captar o público consumidor. Mas, para além dessa função reconhecida e legitimadora, a publicidade ocupa, na cultura de massa, uma função antropológica, constituindo um verdadeiro elo entre o homem, a cultura e o passado. Nas publicidades analisadas...

Um olhar bakhtiniano sobre a questão do dialogismo X monologismo: Macabéa e a linguagem no processo de (des)constituição do eu

Vale, Rosiney Aparecida Lopes do; Messias, Rozana Aparecida Lopes
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 153-160
POR
Relevância na Pesquisa
37.14%
Bakhtin, during the development of his theories, focused matters concerned to language, also taking account of the vital importance of its role in the formation of men. Thus, he was concerned in treating language not only as a simple mean of communication among people, but also as a social and crucial activity for the development of human beings. According to that and regarding the Bakhtinian concepts of alterity and dialogism in this paper, we intend to verify some aspects related to Macabéa, the protagonist of the novel entitled A Hora da Estrela, by Clarice Lispector, as well as her communication with the outside world, via language, trying to clarify, into that process, elucidative elements which attest her diffi culty in interacting with the world that surrounds her, besides the consequent de(constitution) of her own identity.; Bakhtin, no desenvolvimento de suas teorias, concedeu especial atenção às questões relativas à linguagem, considerando também de fundamental importância o papel exercido pelo outro na formação do homem. Assim, mostrou-se preocupado em tratar a linguagem não como simples veículo de comunicação entre os homens, mas como uma atividade social de essencial importância para o desenvolvimento humano. Diante do exposto e em consonância com os conceitos de alteridade e dialogismo bakhtiniano...

Dialogismo e a investigação de processos desenvolvimentais humanos

Amorim,Katia de Souza; Rossetti-Ferreira,Maria Clotilde
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.3%
Na elaboração de instrumental para compreender e investigar processos desenvolvimentais humanos, relacionais e situados, aproximamo-nos da noção de dialogismo. Procurando explicitar esta noção, realizou-se revisão bibliográfica, além de leituras de Bakhtin, aqui apresentadas. A análise levanta implicações teórico-metodológicas que, tanto apontam ao lugar da alteridade no ser e desenvolver-se humano, como indicam questões do fazer do pesquisador. Finalmente, apresenta-se um episódio de interação mãe-bebê, utilizando-se a concepção de dialogismo. A análise do caso aponta a necessidade de considerar o lugar do corpo nos processos de investigação, remete também à busca por noção de linguagem além do verbal e (re)conceituação da cultura enquanto prática discursiva.

Dialogismo, ensino de física e sociedade: do currículo à prática pedagógica

Catarino,Giselle Faur de Castro; Queiroz,Glória Regina Pessôa Campello; Araújo,Roberto Moreira Xavier de
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências, campus de Bauru. Publicador: Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências, campus de Bauru.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
A visão reducionista, implícita no ensino tradicional de Física - o mundo reduzido a partículas -, repercute e embasa uma percepção reducionista da sociedade, como simples soma de indivíduos. Desse modo, podemos entender o significado social e político do currículo e de que forma a escola e as práticas educativas interferem na sociedade. Neste trabalho, faremos a crítica ao atual modelo hegemônico de Ensino de Física e, em particular, ao reducionismo mecanicista, com base em uma compreensão histórica e dialética da relação do simples com o complexo, como o ponto de partida para o conhecimento inter e transdisciplinar; e discutiremos o ensino baseado no dialogismo e na consequente democracia real em sala de aula como caminho para sua conscientização e emancipação dos alunos e do professor. Partiremos da teoria Dialógica de Bakhtin para repensar o ensino de Física, do currículo à prática pedagógica.

Dialogismo, polifonia e carnavalização em Dostoiévski

Schaefer,Sérgio
Fonte: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Publicador: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2011 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
Dostoiévski é o criador, na literatura, de três novas formas artísticas: o dialogismo, a polifonia e a carnavalização. Dostoiévski é o artista. Bakhtin vê com clareza como esse escritor conseguiu conservar em sua criação as tendências históricas da antiga sátira menipeia e, ao mesmo tempo, renová-las. Bakhtin é o crítico. O presente artigo procura mostrar a criação de Dostoiévski através da crítica de Bakhtin.

A Rainha Comilona: dialogismo e memória na escritura escolar

Calil,Eduardo
Fonte: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Publicador: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
Este artigo tem por objetivo discutir a relação entre dialogismo e memória, considerando como objeto de investigação o processo de escritura em ato. Caracterizado enquanto um estudo de caráter etnolinguístico, propomos uma articulação entre as noções de "memória semântica" e "memória do objeto". A articulação proposta tem como referência teórica a Genética de Textos e a Linguística da Enunciação, defendendo a hipótese de que a condição dialógica e intersubjetiva do escrevente perfaz o conteúdo ativado durante a geração e formulação de uma ideia. Para tal, analisamos os minutos iniciais de um processo de escritura de uma história inventada, efetivado (e filmado) em contexto escolar, do qual participam duas alunas recém-alfabetizadas (6 anos). O resgate desta dinâmica revelou não apenas o modo como o título foi gerado e a importância do contexto letrado, mas principalmente, o papel do acaso e do imprevisível para a compreensão de seu funcionamento.

Do sistema à ação, do homogêneo ao heterogêneo: movimentos fundantes dos conceitos de dialogismo, polifonia e interdiscurso

Dominguez,Michelle
Fonte: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Publicador: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.3%
Apesar de inicialmente fundamentados em uma perspectiva homogênea da linguagem - e, consequentemente, da enunciação e dos sujeitos - os estudos discursivos evoluíram no sentido de reconhecer uma heterogeneidade fundadora do discurso, capaz de sustentar conceitos como dialogismo, polifonia e interdiscursividade. Este artigo pretende apresentar essa evolução através de uma breve retrospectiva teórica, que vai dos atos de fala austinianos à heterogeneidade constitutiva de Authier-Revuz, passando pelo dialogismo bakhtiniano e pela polifonia de Oswald Ducrot. Derivados dessa virada paradigmática nos estudos discursivos, esses conceitos são considerados através de uma reflexão mais ampla, que compreende a instituição da heterogeneidade discursiva como seu fundamento.

Dialogismo, argumentação e desenvolvimento humano: uma abordagem de gestos profissionais docentes por meio do método da autoconfrontação

Lima,Anselmo Pereira de
Fonte: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Publicador: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
O foco deste trabalho é a prática de ensino concreta em situação de interação verbal professor-aluno. Seu objetivo é apresentar uma discussão sobre o processo de desenvolvimento de gestos profissionais docentes e um estudo detalhado de um gesto singular proveniente da prática de dois professores do ensino superior, com os quais trabalhamos em cooperação. O método adotado é o da autoconfrontação simples e cruzada. A fundamentação teórica para análise do material verbal proveniente das sessões de autoconfrontação articula os conceitos de dialogismo, de argumentação e de desenvolvimento humano.

Uma partitura da tensão: dialogismo e poesia em Lavoura arcaica

Mota,Bruno Curcino
Fonte: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Publicador: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
Neste trabalho revisitamos conceitos centrais do Círculo de Bakhtin, sobretudo a noção de dialogismo, para pensar o tecido tenso de vozes que se confrontam no romance Lavoura arcaica, de Raduan Nassar. Pretendemos problematizar certa visão construída sobre a poesia nos escritos do Círculo, e retomada por teóricos dentro e fora do Brasil, para mostrar como o poético pode estar a serviço de posicionamentos ideológicos, reforçando o tom emocional-volitivo que anima a voz dos personagens centrais de Lavoura arcaica.

Dialogismo no romance português contemporâneo

Oliveira,Raquel Trentin; Werlang,Gérson
Fonte: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) Publicador: LAEL/PUC-SP (Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
Objetivamos, neste artigo, refletir sobre a constituição dialógica do romance contemporâneo português, retomando, para isso, as contribuições de M. Bakhtin sobre esse gênero literário. Bakhtin enfatiza, nos seus estudos, o discurso bivocal de orientação vária, as interações complexas entre diferentes pontos de vista num mesmo enunciado, que elevariam a um mais alto grau o dialogismo do romance. O romance atual diversifica as formas de transmissão do discurso de outrem, embaralhando as vozes das personagens e exigindo atenção redobrada do leitor para a instituição do sentido. Exemplificamos essa tendência por meio da análise do romance Levantado do chão (1980), do consagrado autor português José Saramago.

Questões De Dialogismo O Discurso Científico, O Eu E Os Outros

Gois Cavalcanti Rodrigues, Siane; Virgínia Leal, Maria (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.3%
Este trabalho tem como objetivo analisar, ancorado no dialogismo bakhtiniano, enunciados de três gêneros discursivos acadêmicos (monografias de graduação e de especialização, dissertações de mestrado e teses de doutorado), situando-os na enunciação. Os objetivos específicos são: 1) analisar o papel que os autorespesquisadores assumem em seu próprio texto, na sua relação com a alteridade e 2) descortinar a função que eu o eu atribui ao outro no processo de edificação do seu dizer. Busca-se compreender como ambos se relacionam no espaço discursivo, e a maneira através da qual, no processo de apreensão das diversas vozes sociais, se opera o efeito autoria. Para tanto, considerando o dialogismo enquanto princípio constitutivo da linguagem e dos sujeitos, analisamos, através de uma perspectiva enunciativo-discursiva, a materialização dessas presenças no fio discursivo. Verificamos que a emersão do sujeito-autor se dá principalmente graças à natureza irrepetível do processo de apreender, internalizar e materializar lingüisticamente as regras da comunidade acadêmica e à unicidade de sua localização espacial no mundo; Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico

Texto e dialogismo no estudo da memória coletiva

Wertsch,James V.
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.14%
As ideias bakhtinianas sobre texto e dialogismo oferecem ferramentas importantes para trazer ordem ao caótico e fragmentado campo dos estudos da memória coletiva. Embora a definição de memória coletiva neste momento ainda esteja por ser resolvida, é possível obter alguma compreensão do espectro de opções, situando-se as discussões em termos do contraste entre versões fortes e distribuídas da memória coletiva. Tendo por base a noção de mediação semiótica e as afirmações a ela relacionadas sobre uma versão distribuída da memória coletiva, invoca-se a noção bakhtiniana de texto dialogicamente organizado. O fato de que o 'sistema da linguagem' concebido por Bakhtin inclui as orientações dialógicas do diálogo coletivo, generalizado assim como os elementos gramaticais padrão, significa que ele introduz um elemento essencial de dinamismo na memória coletiva.

Las formas artísticas-discursivas de la palabra bivocal y las posibilidades del dialogismo

Abadie, Nicolás Daniel
Fonte: Universidad Nacional de San Cristóbal de Huamanga Publicador: Universidad Nacional de San Cristóbal de Huamanga
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:ar-repo/semantics/artículo; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
37.14%
En las reflexiones de Mijaíl Bajtín el concepto de dialogismo es su eje articulador. Lo entiende como una actuación, como un acto ?intencional o no? entre sujetos o, mejor, entre conciencias entendidas como la totalidad orgánica de la personalidad. De este modo se construye un yo y un tú ?no cristiano? que se va a convertir en un alter manteniendo una relación tensa, conflictiva, inquietante. La potencialidad heurística de esta teoría nos permite construir nuevos sentidos al momento de analizar obras que dialogan con lo social, mimetizándose con los registros del habla cotidiana, como las del argentino Marco Denevi.; In Mijaíl Bajtín's reflections the concept of ‘dialogismo’ is his most important tool. He understands it as an action, as an act –intentionally or not– between subjects or, better, between consciences understood as the organic totality of the personality. Thus it is constructed a Me and a You –a Me not christen– that is going to turn into an alter supporting a tense, troubled, worrying relation. The heuristic potential of this theory allows us to construct new senses at the moment to analyze works that they compose in a dialogue with the social thing, changing places with the records of the daily speech...

Dialogismo e a investigação de processos desenvolvimentais humanos; Dialogismo y la investigación de procesos del desarrollo humano; Dialogism and the investigation on human developmental processes

Amorim, Katia de Souza; Rossetti-Ferreira, Maria Clotilde
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 POR
Relevância na Pesquisa
37.61%
Na elaboração de instrumental para compreender e investigar processos desenvolvimentais humanos, relacionais e situados, aproximamo-nos da noção de dialogismo. Procurando explicitar esta noção, realizou-se revisão bibliográfica, além de leituras de Bakhtin, aqui apresentadas. A análise levanta implicações teórico-metodológicas que, tanto apontam ao lugar da alteridade no ser e desenvolver-se humano, como indicam questões do fazer do pesquisador. Finalmente, apresenta-se um episódio de interação mãe-bebê, utilizando-se a concepção de dialogismo. A análise do caso aponta a necessidade de considerar o lugar do corpo nos processos de investigação, remete também à busca por noção de linguagem além do verbal e (re)conceituação da cultura enquanto prática discursiva.; La elaboración de instrumentos para comprender e investigar los procesos de desarrollo humano, relacionales y situados, nos acercamos de la noción de "dialogismo". En la búsqueda de una explanación para eso concepto, se realizó una revisión bibliográfica general, además de considerar en detalle la obra de Bakhtin. El análisis llevó a implicaciones teóricas y metodológicas que, además de mostrar el lugar de la alteridad en el ser y en el desarrollo humano...

Dialogism and tensivity; Dialogismo e tensividade

Mendes, Conrado Moreira
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
37.14%
In this paper, we articulate the idea of dialogism, which comes from theories of Bakhtin Circle, with the concept of tensivity, developed in the field of tensive semiotics. In our view, in the case of fait divers (feature story), dialogic relations, that constitute any discourse, overdetermine the enunciatee’s want-to-know (expectation), making it more intense, tonic. To verify our proposal, we relate the Isabella Nardoni case, broadcasted by the Brazilian TV news, Jornal Nacional, with two tales of Brothers Grimm (2012) and also with the typology of detective fiction, proposed by Todorov (2006). From what we can demonstrate through the analysis, dialogical relations – belonging to the scope of interdiscourse – reverberate in intradiscourse with respect to tensivity, that is, by gradations of intensity and extensity.; Neste artigo, articula-se a noção de dialogismo, advinda das teorias do Círculo de Bakhtin, com o conceito de tensividade, desenvolvido no âmbito da semiótica de vertente tensiva. Propõe-se que, em se tratando do fait divers, relações dialógicas, que constituem qualquer dizer, sobredeterminam a expectativa, o querer-saber, do enunciatário desse gênero do discurso, tornando-a mais intensa, tônica. Para verificar talproposta...

A cultura simbólica espírita e o dialogismo filosófico, científico e religioso nos textos de Allan Kardec; The spiritist symbolic culture and the philosophical, scientific and religious in the texts of Allan Kardec; La cultura simbólica espiritualista y dialogismo filosófico, científico y religioso en los textos de Allan Kardec

Moraes, Ângela Teixeira de
Fonte: João de Melo Maricato; brasil; UFG; Faculdade de Informação e Comunicação - FIC (RG) Publicador: João de Melo Maricato; brasil; UFG; Faculdade de Informação e Comunicação - FIC (RG)
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
37.42%
v. 18, n. 2, p. 22-35, jul./dez. 2015.; This study aims to understand how the spiritist discourse has become political and socially possible, especially in Brazil, by establishing confrontations and accessions with other knowledge coming from the field of philosophy, science and Christianity, thus gaining legitimacy. It is argued that spiritism can be understood as part of a network of forces that conditioned the dialogue between religion and discursive values of modernity. The theoretical approach and analytical devices are based on Thompson, Bakhtin and Foucault, and it is adopted as a corpus of spiritualism founding texts written by Allan Kardec, The results show that spiritist dialogism is built in a intertextual and discursivelyway, revealing a redefinition of some Greek philosophical thesis, Christian ethics and positivism. It assumes that there is an attempt to associate the "know thyself " (gnôthi seautón) with the “self care” (epiméleia heautoû), based on the assumption of " rational faith " and " spiritist science ".; Este estudio tiene como objetivo comprender cómo el discurso espírita se há convertido en política y socialmente posible, especialmente en Brasil, para establecer confrontaciones y membresías con otros conocimientos que surgen desde el campo de la filosofía...

El dialogismo: secuencialidad, posicionamiento, pluralidad e historicidad en el análisis de la práctica educativa

Fernández-Cárdenas,Juan Manuel
Fonte: Instituto Tecnológico y de Estudios Superiores de Occidente, Departamento de Educación y Valores Publicador: Instituto Tecnológico y de Estudios Superiores de Occidente, Departamento de Educación y Valores
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 ES
Relevância na Pesquisa
37.3%
Utilizando las ideas seminales de Bajtín y Voloshinov, en este artículo describimos la construcción de una postura dialógica hacia la investigación de las práctica educativas, así como la posibilidad de crear un modelo pedagógico que privilegie cuatro aspectos clave, los cuales forman parte del dialogismo: secuencialidad, posicionamiento, pluralidad e historicidad. Secuencialidad: el significado es producto de la negociación secuencial de lo que proyecta cada turno de habla en interacción. Posicionamiento: toda participación social construye una posición propia y hacia los demás participantes en una conversación. Pluralidad: el diálogo involucra reconocer otras lógicas, otras voces. Historicidad: el currículo escolar invoca una historia de desarrollo de una conversación disciplinar. Para cada caso, explicamos con ejemplos la manera en que los conceptos descritos son utilizados para la investigación y el análisis de las prácticas educativas. Finalmente, argumentamos que es necesario considerar estos cuatro aspectos en la construcción de cualquier modelo pedagógico que invoque al dialogismo como fundamento epistemológico de su propuesta.