Página 1 dos resultados de 25026 itens digitais encontrados em 0.013 segundos

Os principais desafios da implantação e maturação de escritórios de projetos em organizações do governo brasileiro

Silva, Marcus Vinicius de Miranda
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.51%
Os Escritórios de Gerenciamento de Projetos (EGPs) têm um papel cada vez mais relevante nas organizações, contribuindo para o sucesso dos projetos, no interesse dos objetivos organizacionais. A atuação dos EGPs, entrementes, transcorre repleta de percalços e desafios, que ocorrem desde a sua implantação nas organizações, percorrendo todo o seu ciclo de vida. Nas organizações públicas, alguns projetos apresentam uma complexa rede relacional, que afeta um grande número de stakeholders, em razão de sua exposição ao escrutínio público, tornando bastante difícil a coordenação e gestão de todos esses atores, o que pode afetar o sucesso dos projetos. Dessa forma, este estudo se propõe a responder ao seguinte problema de pesquisa: quais os principais desafios da implantação e maturação de escritórios de projetos em organizações do governo brasileiro? Para esse fim, foi realizada uma pesquisa qualitativa, com estudos de casos múltiplos, aplicada a dez representantes de oito organizações do governo brasileiro, por meio de entrevistas semiestruturadas. A partir dos resultados encontrados na pesquisa, foram identificados os códigos Burocracia, Capacitação, Comunicação, Cultura da Organização, Dedicação Parcial aos Projetos...

PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR DE INSTITUIÇÕES UNIVERSITÁRIAS MULTICAMPI: DESAFIOS E PERSPECTIVAS

Diel, Jeferson Odair; Bampi, Aumeri Carlos
Fonte: INPEAU Publicador: INPEAU
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.46%
Objetivo: Considerando os desafios e as perspectivas dos docentes e dos técnicos que compõem o quadro dos Profissionais das Instituições de Educação Superior (IES), o objetivo deste estudo é incitar esses desafios e perspectivas em universidades que adotam o modelo multicampi. Métodos: Quanto ao nível, metodologicamente é explicitado que a pesquisa é descritiva, utilizando dados qualitativos e quantitativos não probabilísticos. Quanto à técnica de coleta de dados, trata-se de utilização de um formulário específico e consolidado cientificamente, quanto ao tratamento e análise dos dados, trata-se de fichamento com leitura, análise crítica e dialética embasada em referencial teórico específico. Resultados: O recorte está em apontar, a partir de um levantamento organizacional em uma universidade multicampi, os desafios e as perspectivas dos Profissionais da Educação Superior atuantes em IES que adotam esse modelo de universidade, apresentar exemplos e características dominantes. Conclusão: O estudo aborda um caminho plausível de proporcionar uma gestão para as pessoas que compõem o quadro dos profissionais para que atendam as necessidades peculiares a partir do modelo multicampi, constituindo, dessa forma...

Redes de Ensino Superior: Contributos Perante os Desafios do Desenvolvimento

aa, vv
Fonte: Redes de Ensino Superior: Contributos Perante os Desafios do Desenvolvimento Publicador: Redes de Ensino Superior: Contributos Perante os Desafios do Desenvolvimento
Tipo: Livro
POR
Relevância na Pesquisa
36.46%
Este livro que agora editamos resulta do projecto Redefinição de uma rede de Ensino Superior em Portugal: desafios decorrentes da demografia, do crescimento económico e da coesão regional (PTDC/CPE-PEC/103727/2008). Com este livro pretendemos divulgar um conjunto de diversos trabalhos que discutem a temática das redes de ensino superior, particularmente o seu papel na sociedade. Dado que os desafios que se apresentam quer às instituições de ensino superior, quer às entidades públicas como às famílias são muito diversificados, julgamos ser de todo pertinente a compilação de alguns resultados obtidos a partir de diversos estudos sobre esta temática, realizados por investigadores portugueses e brasileiros que participaram em diversas fases de desenvolvimento do projecto. Este livro encontra-se organizado em duas partes. Na primeira parte encontra-se um conjunto de trabalhos realizados na sequência do 16.º workshop da Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional (APDR), subordinado ao tema Redes de ensino superior: contributos e novos desafios para a economia e para a sociedade, o qual teve lugar na Universidade de Évora em Abril de 2012. Estes textos vão surgir de acordo com a ordem em que foram apresentados no workshop. Naturalmente...

Contexto Actual, Factores de Mudança e Desafios da Gestão

Marques, Carlos; Serrão, Amilcar
Fonte: Universidade de Évora, Escola Ciências Sociais Publicador: Universidade de Évora, Escola Ciências Sociais
Tipo: Outros
POR
Relevância na Pesquisa
36.51%
Neste capítulo final do módulo inicial dedicámo-nos ao contexto, factores de mudança desafios da gestão e das organizações. No início, identificámos os três factores fundamentais que caracterizam o actual contexto e desafios da gestão, nomeadamente os de mudança rápida e geral em que se intensificam os efeitos da globalização acelerada do mundo, do poder económico e financeiro e das suas consequências para os interesses, a concentração e o poder nos mercados, e dos desafios que colocam às nossas sociedades as questões fundamentais do envelhecimento da população, da disponibilidade de recursos alimentares para abastecer uma população crescente, e da utilização predominante da fonte de energia fóssil bem como de tecnologias nela baseada e das implicações em termos de alterações climáticas e ambientais para o mundo. Deste contexto e desafio derivámos os aspectos que pensamos serem determinantes da evolução da gestão e apresentámos uma visão global e prospectiva para a gestão e as organizações. Entre os fundamentais salientámos: a globalização abre as organizações à “coopetição”, ou seja, à competição mas também às oportunidades da cooperação, no mundo, foi o primeiro a que nos referimos; a globalização impõe...

Projeto de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas(IAVE): Enquadramento e Desafios

Machado, Tiago
Fonte: Academia Militar. Direção de Ensino Publicador: Academia Militar. Direção de Ensino
Tipo: Outros
Publicado em 01/08/2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.51%
O tema deste trabalho final de investigação aplicada reveste-se de elevada importância e atualidade, não apenas pela sua pertinência institucional e governamental, mas também pela necessidade de investigação científica sobre esta matéria. Assim, o nosso objeto de estudo sobre qual o enquadramento e os desafios que se colocam ao “Projeto de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (IAVE).” O problema de estudo surgiu da revisão bibliográfica realizada sobre a matéria, o qual se traduziu no nosso objetivo central que se resume em “Avaliar quais os desafios para o Projeto IAVE, junto dos seus intervenientes”, sendo que a questão central que queremos analisar prende-se em saber “Quais os desafios que se colocam, ao futuro do projeto IAVE, após a conclusão das quatro fases que o compõem?”, bem como saber do impacto que o mesmo revela junto dos seus intervenientes. Este trabalho é composto em três fases, a fase conceptual, a fase metodológica e a fase empírica. Além do nosso objetivo geral, foi estabelecido um objetivo específico que pretendia “Avaliar o impacto do Projeto IAVE, junto dos destinatários”, vítimas e parceiros. Para atingirmos este objetivo houve a necessidade de levantar questões derivadas de modo a avaliar se o Projeto IAVE revela um impacto eficaz...

AS PME em Portugal: reflexões e desafios

Fonseca, Ana Sofia Raimundo Pereira da
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.46%
Mestrado em Gestão / JEL Classification System: M - Business Administration and Business Economics; M1 - Business Administration; M10 - General M - Business Administration and Business Economics; M2 - Business Economics; M20 - General; A presente dissertação “As PME em Portugal: Reflexões e Desafios” tem por objectivo analisar e apresentar os principais resultados obtidos de um extenso inquérito de âmbito nacional realizado em 2008 pelo ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa, em parceria com o IAPMEI – Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação, a uma amostra de 248 pequenas e médias empresas (PME) sobre os principais problemas e desafios enfrentados por essas empresas portuguesas. O segundo objectivo foi o de comparar os resultados obtidos pelo mesmo inquérito realizado em 1986 e observar que tipo de evolução se verificou nos últimos 20 anos, nomeadamente, apurar se os problemas se mantiveram ou se houve alteração dos mesmos. Em terceiro lugar, e porque Portugal é um Estado-Membro da União Europeia e porque as PME europeias, tal como em Portugal, são fornecedoras de oportunidades de emprego das comunidades locais e regionais, desempenhando um papel central na economia...

Atitudes e emoções de alunos do 4º ano perante desafios matemáticos

Reis, Sílvia
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.51%
Neste estudo, procuro compreender quais as atitudes e emoções de alunos do 4.º ano do ensino básico na resolução de desafios matemáticos, num ambiente extra-curricular. Para focar o problema de investigação, formulei as seguintes questões: i) Quais as atitudes de alunos do 4.º ano perante desafios matemáticos fora do contexto de sala de aula?; ii) Que tipo de emoções manifestam os alunos no âmbito ‘não escolar’?; iii) Que tipo de interacções se desenvolvem neste ambiente? e iv) Qual a relação entre estas interacções e as atitudes e emoções dos alunos fora da sala de aula? O quadro teórico ressalta a importância de considerarmos o domínio afectivo nas relações dos alunos com a Matemática e, consequentemente, no seu desempenho escolar. Mostra a complexidade de se atingir um consenso na definição de conceitos, na determinação dos conceitos a ter em conta e das fronteiras que os separem. Por último, esclareço o que entendo por atitude, emoção e desafio matemático. A experiência educacional desenvolveu-se uma vez por semana durante aproximadamente uma hora em horário extra-curricular, entre os meses de Outubro e Fevereiro de 2008/2009. Foram trabalhados treze desafios matemáticos, num total de dezassete sessões...

Desafios para a implantação da Educação Integral: análise das experiências desenvolvidas na região sul do Brasil

Branco,Veronica
Fonte: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná Publicador: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.39%
Este texto trata da percepção dos gestores municipais, coordenadores pedagógicos e pais de alunos sobre os desafios enfrentados para a implantação da Educação Integral ou do aumento de tempo da jornada escolar em experiências desenvolvidas na região Sul do Brasil: Apucarana, Joinville e Porto Alegre. Essas experiências fazem parte da pesquisa realizada pelas universidades federais: UFMG, UNIRIO, UFPR e UNB, com o objetivo de mapear experiências de jornada escolar ampliada em andamento no Brasil, no ano de 2008 - estudo quantitativo. Em 2009 e 2010 deu-se a continuidade da pesquisa, agora como estudo qualitativo. Na etapa do estudo qualitativo foram selecionadas vinte e uma experiências de todo o Brasil para serem acompanhadas e documentadas in loco. Na região sul foram selecionadas três experiências, uma de cada estado da região sul. Dessa etapa é que foram extraídos os dados coletados em entrevistas com os personagens citados, cujas análises compõem este texto e apontam como principais desafios/dificuldades para a implantação do aumento do tempo da jornada escolar, entre outras, a formação inicial e continuada de professores e a integração de monitores e novos atores na equipe de trabalho escolar. Além dessas aparece...

Formação continuada de professores e tecnologia: concepções docentes, possibilidades e desafios do uso das tecnologias digitais na educação básica

Silva, Maristela Maria Andrade
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
36.51%
Esta pesquisa teve como objetivo geral compreender as concepções dos docentes em relação às possibilidades e desafios do uso das tecnologias digitais, a partir do processo de formação continuada na Rede Municipal de Ensino do Recife. Para discutir sobre a formação continuada de professores e tecnologia: concepções docentes, possibilidades e desafios do uso das tecnologias digitais na educação básica, nos baseamos teoricamente na tendência conceitual que permeia a formação continuada (ARAÚJO; SILVA, 2009), as tecnologias digitais da Informação e comunicação (BEHRENS, 2010) e aprendizagem com uso das TDIC (VALENTE, 2005). Optamos por uma abordagem qualitativa e utilizamos a metodologia de análise de conteúdo. Determinamos como nosso campo empírico o Centro de Formação de Educadores Paulo e, os sujeitos da nossa pesquisa foram os professores, que atuam no 3º e 4º ciclos da Educação Fundamental e os mediadores, que são os especialistas em Tecnologias na Educação. Para a construção dos dados utilizamos a pesquisa documental, o questionário e entrevista semiestruturada. Elencamos as seguintes categorias temáticas a priori: tendência conceitual da formação continuada, possibilidades de uso...

Desafios para a Marinha do Brasil decorrentes do aumento da relevância geoestratégica do Atlântico Sul

Aguiar, Wladmilson
Fonte: IESM Publicador: IESM
Tipo: Outros
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.39%
Este trabalho de investigação, desenvolvido de acordo com o método hipotético dedutivo, procura analisar o crescimento da importância geoestratégica do Atlântico Sul e os novos desafios e responsabilidades que se apresentam para a Marinha do Brasil. O estudo foi iniciado com a apresentação dos principais eventos históricos ligados à importância do mar para o Brasil e, a seguir, com a análise dos diversos fatores que contribuíram para a formação da mentalidade marítima do povo brasileiro e que perduram até os dias de hoje. O Atlântico Sul, ao longo dos anos, esteve distante dos principais centros de tensão do mundo e é reconhecido internacionalmente como área relativamente pacífica. Entretanto, a sua importância começa a despontar no cenário mundial, fruto de alterações de paradigmas políticos e económicos, e com isto, países importantes do mundo começaram a voltar os seus olhos para a região, atribuindo a ela uma nova relevância geoestratégica. Nesse sentido, este trabalho pretende demonstrar a importância do Brasil no Atlântico Sul e analisar os fatores que contribuíram para a alteração da sua importância geoestratégica. Na sequência, procura distinguir os interesses dos principais países intervenientes na região...

Desafios para a Marinha do Brasil decorrentes do aumento da relevância geoestratégica do Atlântico Sul

Aguiar, Wladmilson
Fonte: IESM Publicador: IESM
Tipo: Outros
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.39%
Este trabalho de investigação, desenvolvido de acordo com o método hipotético dedutivo, procura analisar o crescimento da importância geoestratégica do Atlântico Sul e os novos desafios e responsabilidades que se apresentam para a Marinha do Brasil. O estudo foi iniciado com a apresentação dos principais eventos históricos ligados à importância do mar para o Brasil e, a seguir, com a análise dos diversos fatores que contribuíram para a formação da mentalidade marítima do povo brasileiro e que perduram até os dias de hoje. O Atlântico Sul, ao longo dos anos, esteve distante dos principais centros de tensão do mundo e é reconhecido internacionalmente como área relativamente pacífica. Entretanto, a sua importância começa a despontar no cenário mundial, fruto de alterações de paradigmas políticos e económicos, e com isto, países importantes do mundo começaram a voltar os seus olhos para a região, atribuindo a ela uma nova relevância geoestratégica. Nesse sentido, este trabalho pretende demonstrar a importância do Brasil no Atlântico Sul e analisar os fatores que contribuíram para a alteração da sua importância geoestratégica. Na sequência, procura distinguir os interesses dos principais países intervenientes na região...

A Medicina Militar e os desafios da unificação

Silva, José
Fonte: IESM Publicador: IESM
Tipo: Outros
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.39%
Com a “Reforma da Saúde Militar” em fase de implementação, importa saber em que medida esta interfere com a contribuição que a Medicina Militar oferece para a capacidade operacional das Forças Armadas, o que permite considerar importante, para os seus utentes e para as FFAA, e atual o tema “A Medicina Militar e os desafios da unificação”. A nossa investigação desenvolveu-se usando o método hipotético-dedutivo, de acordo com o “Manual de Investigação em Ciências Sociais” e o percurso metodológico seguiu as sete etapas do método científico nele descrito (Quivy, 2005). Ao longo da investigação procurámos identificar o ponto de situação da Medicina Militar, em Portugal, em que medida se justifica a manutenção de uma componente operacional da mesma, nos Ramos, bem como em que medida a prestação de cuidados secundários de saúde, pelo Hospital das Forças Armadas, é uma componente importante do Sistema de Saúde Militar e, consequentemente, da Medicina Militar. Seguiu-se uma caraterização da Medicina Militar em países amigos (Reino Unido, França e Holanda). Baseando-nos no que antecede, atendendo a que é necessário um sistema eficaz de apoio médico para ajudar a melhorar o moral das tropas...

Desafios ontológicos e epistemológicos para os métodos mistos na ciência política

Silva,Glauco Peres da
Fonte: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS Publicador: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.39%
O objetivo deste texto é discutir desafios ontológicos e epistemológicos relativos à utilização dos métodos mistos na ciência política. Existem ainda importantes divergências filosóficas e empíricas com relação às metodologias utilizadas que merecem atenção. De um lado, os desafios filosóficos originam-se com a difusão da abordagem Pragmática e, de outro, as questões empíricas se originam com a pluralidade técnica própria dos métodos qualitativos. Defende-se que esta dupla dimensão distancia os métodos mistos de seus objetivos almejados.

Desafios para a Promoção com e em saúde na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC)

Melo, Rosa Cândida de Carvalho Pereira de
Fonte: Coimbra: Unidade de Investigação em Ciências da Saúde: Enfermagem (UICISA: E) / Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC) Publicador: Coimbra: Unidade de Investigação em Ciências da Saúde: Enfermagem (UICISA: E) / Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC)
Tipo: Livro
Publicado em 31/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.39%
Esta nota final surge com a convicção de que o registo da reflexão sobre os desafios e perspetivas para a Promoção com e em Saúde na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC), transposto nesta monografia, contribuirá não só para a memória, mas também para uma prática educativa/pedagógica e de intervenção para promoção da saúde de qualidade onde os estudantes possam ser os principais beneficiários. Assim, consideramos que a (e)configuração de espaços de diálogo entre uma cultura científica, humanista e de promoção da saúde contribuem para uma (re)contextualização de saberes e de fazeres que se traduzem em mais e melhor saúde para todos e, sobretudo, para uma aprendizagem significante que se perpetue em enfermeiros mais envolvidos com a promoção da saúde em todos os seus contextos de vida. Nesta convergência de sentidos, quer a escola enquanto instituição de ensino superior, quer as pessoas enquanto motores de mudança, devem criar condições de crescimento, com referências e competências para melhor compreenderem o mundo onde vivem, onde trabalham e onde a educação e a formação assumem uma importância crucial. Devem responder positivamente às mudanças e inovações, às transições e aos desafios que se colocam num mundo em permanente transformação com a consequente diversidade...

Desafíos globales como megatendencias empresariales.

Guzmán Vásquez, Alexánder; Trujillo Dávila, María Andrea
Fonte: Universidade do Rosário Publicador: Universidade do Rosário
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 22/05/2010 SPA
Relevância na Pesquisa
36.39%
En 1996, la Universidad de las Naciones Unidas crea el Proyecto Milenio para la organización de investigaciones de futuro. El Proyecto Milenio ha definido quince desafíos globales o transnacionales, que demandan soluciones basadas en acciones colaborativas de los gobiernos, organizaciones internacionales, empresas, universidades, organizaciones no gubernamentales y personas en general. La empresa debe afrontar estos desafíos, garantizando un mundo más justo, equitativo y viable para las generaciones futuras.

Os desafios jurídicos e sociais das famílias monoparentais brasileiras

Souza, Simone Ferreira Fonseca de
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.46%
Trabalho monográfico que trata, de forma geral, do estudo das famílias monoparentais brasileiras. e, de forma específica, da identificação dos elementos estruturais dessa entidade familiar, através de seu conceito; da especificação de seus fatores determinantes, com análise dos desafios e problemas deste fenômeno após o seu reconhecimento constitucional. Inicialmente fez-se uma abordagem histórica do Direito de Família e seu disciplinamento legal no Brasil . Em seguida estudou-se diversas formas de constituição familiar. Fez-se também uma abordagem com relação ao disciplinamento do Direito de Família na legislação pátria enfocando como o Novo Código Civil trata o tema. A família monoparental brasileira foi discutida de forma mais abrangente por se tratar do tema principal desta monografia. Tal fenômeno foi reconhecido pela atual Constituição Federal como entidade familiar. Contudo, ainda padece pela falta de regulamentação pela legislação ordinária, além de problemas econômicos e desafios sociais. A abordagem sobre os problemas e desafios das famílias monoparentais brasileiras foi desenvolvida por meio da pesquisa bibliográfica, especificamente, doutrina, legislação e jurisprudência bem como de artigos sobre o assunto. Da análise da doutrina e da jurisprudência...

Os múltiplos desafios da gestão de terceirizados: a experiência dos gestores de contratos DOI:10.5007/2175-8077.2010v12n26p116; Multiple Challenges of Flexible Workforce Management: the contract managers experience

Magalhães, Yana Torres de; Fundação Comunitária de Ensino Superior de Itabira; Neto, Antonio Moreira de Carvalho; Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais; Gonçalves, Pedro Paulo Barros; Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Estudo de caso Formato: application/pdf
Publicado em 09/07/2010 POR
Relevância na Pesquisa
36.46%
O objetivo deste artigo é analisar, sob a ótica dos gestores de contratos da Vale, as práticas gerenciais adotadas por essa grande empresa para lidar com os quatro principais desafios da gestão de trabalhadores terceirizados: qualificação; qualidade de serviços; padronização dos serviços e o comprometimento dos terceirizados. Apesar desse quadro já durar pelo menos 20 anos, pouco ainda se discute sobre tais práticas gerenciais, e é essa a maior contribuição deste artigo. O olhar dos gestores sobre as práticas de recursos humanos em relação aos principais desafios impostos pela terceirização é praticamente inexistente na literatura. Foram realizadas 15 entrevistas semiestruturadas com gestores de contratos de terceirização neste estudo de caso de natureza descritiva. Procedeu-se a análise documental de normas sobre terceirização na Vale. Foram identificadas práticas de gestão utilizadas para lidar com cada um dos desafios, sendo a gestão de contratos e a oferta de programas de treinamento as mais destacadas. A legislação trabalhista contribui para que os terceirizados continuem segregados, uma vez que as empresas evitam uma relação mais direta temendo estabelecer vínculo empregatício. Apesar dos vários esforços para que se melhore o trabalho terceirizado...

Desafios expressos na missão de treze universidades de Santa Catarina: um olhar externo

Rieder, Arno; UNEMAT
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.6%
http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2011v4nespp227 As Instituições de Educação Superior(IES), em especial as Universidades, são fundamentais para alavancar a prosperidade. Cumprem papéis importantes na promoção do homem, na interação deste em sociedade e no ambiente. Suas missões definem o que fazem, constituído-se de desafios. Os resultados demonstram sua competência em responder aos desafios. Este trabalho objetivou subsidiar e estimular o debate sobre os desafios das Universidades sediadas no Estado de Santa Catarina(SC). Para identificar os desafios assumidos por treze Universidades de SC efetuou-se a análise de suas missões, disponíveis nos textos eletrônicos mantidos pelas instituições, acessadas entre 10-30 de outubro de 2011. Os resultados mostram que o principal desafio de todas as IES é contribuir com o desenvolvimento regional(divergindo em tipos). Outros desafios encarados por algumas universidades são compromissos com: o conhecimento(produção até a aplicação), a formação(cidadã até a especializada), a educação(vários enfoques), a melhoria da qualidade de vida e ambiental, o envolvimento comunitário, estímulo ao empreendedorismo. Entre os vários desafios assumidos por cada universidade apenas um é comum a todos os demais são opções de menos de 2/3 das IES. O eixo comum é a busca do desenvolvimento e os demais eixos são opções sob efeito do contexto temporal e sócio-ambiental regional.

Desafios da gestão em instituições de ensino superior: um estudo de caso a partir da percepção de diretores de centro de uma IES pública do sul do Brasil

Santos, Leomar dos; Universidade Regional de Blumenau (FURB); Bronnemann, Márcia Regina; Universidade Regional de Blumenau (FURB)
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 28/01/2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.51%
http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2013v6n1p1Esta pesquisa objetivou analisar os desafios de gestão a partir da percepção de diretores de centro de uma instituição de ensino superior (IES) pública do sul do Brasil no tocante a conhecimentos; avaliações de outras pessoas; tempo disponível; comprometimento dos subordinados; gestão de divergências; burocracia e centralização; e cuidados éticos. Realizou-se um estudo de caso qualitativo com coleta de dados por meio de entrevistas em profundidade com sete diretores de centro a partir de um roteiro com questões abertas, cujas respostas se submeteram à análise de conteúdo. Os principais desafios enfrentados pelos diretores de centro estão relacionados à ausência de conhecimento prévio sobre a função e sobre aspectos de gestão; ao tempo disponível para o cargo em relação às atividades que necessitam ser realizadas; e à gestão de divergências relacionais de subordinados, administrativas e pessoais. Espera-se que este estudo possa contribuir para a gestão universitária ao apontar alguns dos desafios enfrentados por gestores universitários no exercício de sua função, auxiliando-os, assim, a melhorar seus processos de preparação, bem como auxiliar as IES no acompanhamento desses profissionais. Além disso...

Mulheres e ciência: desafios e conquistasDOI:10.5007/1807-1384.2011v8n2p20; Women and science: challenges and achievements; Mujeres y ciencia: desafíos y conquistas

Carvalho, Marilia Gomes de; Universidade Tecnológica Federal do Paraná - UTFPr; Casagrande, Lindamir Salete; Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPr)
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 09/12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.51%
O objetivo do artigo é mostrar, por um lado, os desafios que as mulheres da sociedade ocidental moderna enfrentaram para produzir conhecimentos científicos e, por outro, trazer suas conquistas na ciência. Por meio de uma perspectiva histórica citamos nomes de algumas mulheres pioneiras que, enfrentando preconceitos e discriminações, produziram contribuições à ciência, mas que pelo simples fato de serem mulheres, ficaram na invisibilidade, sendo visibilizadas pelos estudos de gênero e ciência. Além das barreiras impostas pelos costumes de uma sociedade patriarcal e machista que não permitiam às mulheres freqüentarem ambientes acadêmicos, as mulheres possuíam outra dificuldade para se dedicarem à ciência: a divisão sexual do trabalho na família que as limitava aos trabalhos domésticos e aos cuidados dos seus membros dependentes. Havia uma desigualdade entre o tempo de trabalho dedicado à ciência por homens e mulheres, fenômeno que permanece até os dias de hoje. Sobre as conquistas consideramos que atualmente o número de mulheres nas universidades de vários países, inclusive do Brasil, é superior ao número de homens. Nos institutos de pesquisa também há participação de mulheres, porém os postos mais avançados ainda são ocupados pelos homens. Hoje elas freqüentam os mais diferentes cursos universitários. São maioria nas áreas das ciências da saúde e humanas e minoria nas ciências exatas e tecnológicas. Por fim...