Página 1 dos resultados de 1719 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Preparação e caracterização de catalisadores de V2O5 suportados em TiO2.; Preparation and characterization of V2O5 catalyst supported TiO2.

Rodella, Cristiane Barbieri
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/05/2001 PT
Relevância na Pesquisa
27.04%
Uma série de amostras do sistema catalítico V2O5/TiO2 foi preparada pelo método sol-gel com diferentes teores da fase ativa (de 0 a 9% em massa de V2O5) e calcinada em diferentes temperaturas (de 250 a 6000C). Sistema similar foi obtido pelo método de impregnação para a comparação. Os catalisadores foram caracterizados quanto suas propriedades texturais e estruturais pelas técnicas de Adsorção de N2 a 77K, Difratometria de Raios-X (DRX), Espectroscopia Raman, Ressonância Paramagnética Eletrônica (EPR), Espectroscopia de Fotoelétrons Excitados por Raios-X (XPS) e Espectroscopia de Absorção de Raios-X (XAS). Testes catalíticos para a verificação da atividade e seletividade foram realizados frente à reação de conversão do metanol. O sistema obtido pelo método sol-gel apresentou elevada área superficial e porosidade, as quais foram ampliadas com o aumento do teor de vanádio e reduzidos com o aumento da temperatura de calcinação. O sistema preparado por impregnação apresentou as mesmas propriedades texturais do suporte comercial. A análise de DRX identificou a existência de TiO2 nas formas cristalográficas anatásio e rutilo, não foi identificada a presença de V2O5 na forma cristalina. No sistema preparado por impregnação a estrutura cristalográfica do suporte se mantém...

Suscetibilidade de pastas de cimento ao ataque por sulfatos - método de ensaio acelerado.; Susceptibility of cement pastes to sulfate attack - accelerated test method.

Souza, Rui Barbosa de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
26.89%
O presente trabalho tem por objetivo investigar e propor uma metodologia rápida e eficaz de avaliação da reatividade do cimento Portland frente ao ataque por sulfatos. O método consiste na utilização de amostras de pasta de cimento hidratada em pó, colocadas em contato direto com soluções concentradas de Na2SO4 e MgSO4, em temperatura elevada (65ºC), para acelerar o ataque. Apesar dos cimentos estudados possuírem composição química parecida, os resultados de SO3 combinado mostraram que o cimento Classe G foi pouco menos suscetível ao ataque por sulfatos em função do maior teor de Fe2O3 presente. Da TG e DRX observou-se a formação de etringita no ataque por ambos os sais de sulfato; e formação de gipsita no ataque por MgSO4. Enquanto havia disponibilidade de portlandita na pasta hidratada, o cimento com adição mineral incorporada apresentou mesma taxa de ataque que os demais (sem adição), entretanto a partir do momento que toda a portlandita foi consumida, iniciou-se um processo de descalcificação do C-S-H, observado pela DRX.; The main point of this research is to propose a fast and effective method of evaluation of the cement reactivity to sulfate attack. Resistance to sulfate attack was measured by determining the combined sulfate in cement paste samples with exposure to Na2SO4 and MgSO4 solution...

Hidroxiapatita sintética nanoestruturada e esmalte dental aquecidos e irradiados por laser de Er, Cr: YSGG: caracterização por FTIR e por DRX; NANOSTRUCTURED SYNTHETIC HYDROXYAPATITE AND DENTAL ENAMEL HEATED E IRRADIATED BY ER,CR:YSGG. CHARACTERIZED BY FTIR AND XRD.

Rabelo Neto, José da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/05/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.04%
Este estudo procurou avaliar as mudanças físicas e/ou químicas que ocorrem na hidroxiapatita (HAP) sintética e na presente no esmalte dental sob ação de aquecimento térmico em forno ou irradiação com o laser de Er,Cr:YSGG (2,79 m). Busca-se obter variações em sua estrutura a fim de torná-los mais resistentes à desmineralização, visando e prevenir a formação da cárie dental. A HAP sintética foi produzida pela reação das soluções de Ca(NO3) e (NH4)2HPO4 com controle de temperatura e pH. O esmalte foi coletado do dentes bovinos e triturados. As amostras em pó de HAP sintética e esmalte foram submetidas a aquecimento térmico em forno nas temperaturas de 200 °C, 400 °C, 600 °C, 800 °C e 1000 °C. Foram feitas irradiações laser com 5,79 J/cm2, 7,65 J/cm2, 10,55 e 13,84 J/cm2 para a HAP sintética e de 7,53 J/cm2, 10,95 J/cm2 e 13,74 J/cm2 para o esmalte. As amostras foram avaliadas por difração de raios-X(DRX) para análise das fases cristalográficas presentes e análise pelo método de Rietveld para comprovação destas fases cristalográficas e determinação de respectivas proporções no material. Foram obtidos também as variações de parâmetros de rede da cela unitária (eixo-a, eixo-c e volume)...

Investigação do comportamento térmico e de polimorfismo do anti-histamínico loratadina; Thermal behavior and polymorphism of the antihistamine loratadine

Ramos, Luiz Antonio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/05/2011 PT
Relevância na Pesquisa
26.89%
O comportamento térmico, a obtenção e caracterização de formas cristalinas do anti-histamínico loratadina foram investigado. A escolha do anti-histamínico loratadina como objeto de estudo resulta do seu interesse farmacológico. A loratadina é a Denominação Comum Internacional (DCI) dada ao etil 4-(8-cloro-5,6-dihidro-11H-benzo[5,6]cicloheptano[1,2-b]piridino-11-ilideno)-1-piperidinocarboxilato, que é um potente antialérgico e anti-histamínicos tricíclico, não-sedativo de ação prolongada. Formas cristalinas foram preparadas e estudadas com vista à identificação de formas polimórficas. Os solventes utilizados na preparação das soluções foram: álcool etílico, acetonitrila, álcool isopropílico, acetona, álcool metílico, éter isopropílico, éter metil terc-butílico, tolueno, clorofórmio. A cristalização foi realizada por evaporação do solvente em diferentes temperaturas. A calorimetria exploratória diferencial (DSC), termogravimetria e termogravimetria derivada (TG/DTG), análise térmica diferencial (DTA), difração de raios X (DRX) e a ressonância magnética nuclear (RMN) foram às técnicas utilizadas na caracterização das formas polimórficas. A maioria das amostras obtidas pelas técnicas de cristalização consistiam de misturas de formas cristalinas...

Síntese e caracterização de catalisadores VOx/Nb2O5/Al2O3 para a reação de desidrogenação oxidativa de parafinas lineares; Synthesis and characterization of VOx/Nb2O5/Al2O3 catalysts for oxidative dehydrogenation reaction of linear paraffins

Ballerini, Bruno Santos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/03/2009 PT
Relevância na Pesquisa
27.04%
O uso do óxido de nióbio como promotor e como suporte tem sido investigado em numerosas aplicações catalíticas, tais como, na oxidação seletiva, conversão de hidrocarbonetos, polimerização, eliminação de poluentes (NOx), desidrogenação, etc. Sabe-se que a adição de nióbio na γ-Al2O3 melhora a acidez, a seletividade e a estabilidade térmica e, conseqüentemente, a atividade catalítica desses materiais. A atividade catalítica dos sistemas contendo nióbia suportada é decorrente das diferentes espécies redox do óxido de nióbio presentes nas superfícies do sólido. O presente trabalho tem como objetivo avaliar a influência do teor de nióbio e vanádio no sistema catalítico V2O5/Nb2O5-Al2O3 na reação de desidrogenação oxidativa do propano. A fim de alcançar o objetivo deste trabalho, as seguintes técnicas de caracterização foram utilizadas: volumetria de N2 (área específica e volume de poros), redução a temperatura programada, difratometria de raios X (DRX) e espectroscopia Raman. As propriedades ácidas e/ou básicas dos suportes e catalisadores foram avaliadas através da reação de decomposição do isopropanol.; The use of niobium oxide as a promoter and as a support has been investigated in various catalyst applications...

Gênese de argilominerais em solos de manguezais brasileiros; Clay minerals genesis in Brazilian mangrove soils

Andrade, Gabriel Ramatis Pugliese
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/02/2015 PT
Relevância na Pesquisa
26.89%
Argilominerais são componentes abundantes nas frações < 2 μm solos, com grande papel no controle de processos geoquímicos e de formação de solos. Nos manguezais brasileiros, apesar das caracterizações gerais já realizadas, há ausência de estudos cristaloquímicos detalhados que possam evidenciar mecanismos de formação/transformação envolvendo essas fases. Este trabalho se propõe, através de dois estudos comparativos, aprofundar a caracterização cristaloqímica das frações 2-0,2 μm e < 0,2 μm, sugerir processos de transformação envolvendo os argilominerais dos manguezais e entender quais atributos ambientais estão associados a essas transformações. Esta caracterização se baseia nas técnicas de modelagem de DRX, decomposição de picos 060 de padrões não-orientados de DRX, FTIR, espectroscopia Mössbauer, análises térmicas, análise química da água intersticial e modelagem geoquímica dos componentes químicos em solução. Os resultados, que serão detalhados nos capítulos 2 e 3, sugerem uma série de transformações minerais, via fases interestratificadas, que devem ter importantes implicações para a compreensão dos processos pedogenéticos envolvendo argilominerais, do seu papel no ciclo biogeoquímico dos elementos associados à sua gênese e relação indireta ou direta com componentes bióticos do ecossistema...

Defect engineering in H and He implanted Si

Reboh, Shay
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
26.89%
The present work relates an investigation of H2 + and He+ coimplanted (001)-Si substrates. The phenomena of blistering and exfoliation were studied by SEM as a function of the implantation parameters (energy, fluence, current and H/He ration) and annealing protocol. A window behavior as function of the implanted fluence was observed and two distinct fluence dependents mechanisms of exfoliation were indentified and discussed. The microstructure of the implanted samples was studied using TEM and related to ballistic effects and stress-strain dependent interactions. The strain was measured using DRX and a model to describe the stress-strain distribution into the implanted layer is developed. A new phenomenon of delamination of thin layer from implanted Si substrates was observed to emerge from particular implantation conditions. The behavior was studied and explained using fracture mechanics concepts and contrasted to blistering/exfoliation processes. Finally, the elastic interaction between He and H plate-like precipitates giving rise to arranged nanostructure was demonstrated and studied using TEM. An elasticity based model was developed to understand the behavior. The result set the basis for further developments of nanostructures within a crystalline matrix by manipulating preferential orientations of precipitates in nanometric scale.; Ce travail porte sur l’étude des phénomènes induits par implantation d’hydrogène et/ou d’hélium dans le silicium monocristallin. Le cloquage et l’exfoliation dus à la coimplantation d’hélium et d’hydrogène ont été étudiés en fonction des paramètres d’implantation (énergie...

Materiais do tipo SBA-15 contendo titânio: Síntese, caracterização e avaliação da estabilidade hidrotérmica

Velho, Filipe; Galacho, Cristina; Carrott, Manuela; Carrott, Peter
Fonte: Universidade de Évora - Departamento Química Publicador: Universidade de Évora - Departamento Química
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
26.66%
Neste trabalho apresentam-se os estudos de preparação, caracterização e estabilidade hidrotérmica de materiais Ti-SBA15. Para o efeito, desenvolveu-se um novo método de síntese, processo hidrótermico por via directa, que permitiu a obtenção de materiais com elevado teor de Ti e de acordo com as razões molares de síntese, Si/Ti, pré-definidas. Os materiais foram caracterizados por DRX e adsorção de N2 a 77K o que permitiu verificar que todas as amostras com razão molar Si/Ti10 apresentam uma estrutura hexagonal mesoporosa, regular e uniforme. Por outro lado, os ensaios de estabilidade hidrotérmica, realizados por imersão das amostras em água à temperatura de 373,15K e durante 24 horas, revelaram que os materiais em causa exibem uma boa estabilidade hidrotérmica.

Estudos de datação de peças de ferro arqueológias por técnicas espectroscópicas

Matos, Rita Pereira de, 1975-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
26.66%
Tese de mestrado em Química Aplicada ao Património Cultural, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2010; A datação de objectos arqueológicos de ferro é crucial na arqueologia mas também na conservação, na medida em que permite enquadrá-los como objectos representativos, a preservar. Essa datação tem sido feita om base no contexto arqueológico e pelo estudo de amostras, por métodos metalográficos e de radiocarbono. No presente estudo é empregue uma metodologia usando técnicas espectroscópicas para analisar e quantificar os diferentes produtos de corrosão, removidos do exterior para o interior de cada objecto estudado. Estudaram-se comparativamente pregos de dois sítios arqueológicos representativos, respectivamente, da artesania do ferro romana e da artesania indígena, pré-romana: Torre de Palma, uma villa romana ocupada durante os séc. I a IV d.C. e Cabeça de Vaiamonte, um povoado fortificado da II Idade do Ferro (1000-550 a.C.) intermitentemente ocupado até ao séc. I d.C. As amostras de pregos recolhidas foram analisadas por difracção de raios-X (DRX) de pós para identificação das fases cristalinas presentes em cada camada. Foram igualmente analisadas por microanálise de raios-X (SEM-EDS)...

Deformação plástica severa por ECAP de ligas com memória de forma

Pereira, Alain Magalhães
Fonte: Faculdade de Ciências e Tecnologia Publicador: Faculdade de Ciências e Tecnologia
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
26.89%
Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Engenharia de Materiais; Os metais com memória de forma são materiais capazes de sofrer uma transformação martensítica termoelástica. Nas ligas de memória de forma de níquel titânio, que são quase equiatómicas, trata-se da capacidade da transformação da fase martensítica (B19’ e/ou R) em austenite (B2) ser reversível. Os tratamentos termomecânicos das ligas de níquel-titânio afectam as transformações de fase e as respectivas propriedades mecânicas. O trabalho desenvolvido nesta tese de mestrado vem na senda de outros conduzidos no CENIMAT que tiveram por enfoque respectivamente o efeito dos tratamentos térmicos[1], dos tratamentos térmicos e mecânicos[2], a deformação plástica severa por torção sob pressão elevada − high pressure torsion - HPT) − nas ligas de memória de forma de níquel-titânio, e um conjunto de experiências mais recentes de deformação plástica severa por extrusão angular por canais de secção idêntica (ECAP) em ligas de alumínio. O ECAP (Equal Channel Angular Pression) consiste num processo de deformação plástica severa onde um sólido é sujeito a um esforço de corte ao passar pela região de intersecção de dois canais. O conjunto dos dispositivos existentes no laboratório do CENIMAT oferece um leque de parâmetros de processamento do ECAP...

Características dos óxidos de ferro e de alumínio de diferentes classes de solos

Melo,V. F.; Fontes,M. P. F.; Novais,R. F.; Singh,B.; Schaefer,C. E. G. R.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2001 PT
Relevância na Pesquisa
26.66%
Para avaliar as características dos óxidos de ferro e de alumínio, foram coletadas amostras de solos desenvolvidos de diferentes materiais de origem e estádios de desenvolvimento nos estados de MG, ES, RS e RR. A fração argila das amostras foi estudada por difratometria de raios-X (DRX), análise termodiferencial (ATD), análise termogravimétrica diferencial (ATGD) e microscopia eletrônica. Nos extratos resultantes da extração com oxalato de amônio (OA) e ditionito-citrato-bicarbonato (DCB), determinaram-se os teores de Al, Si e microelementos, inclusive Fe. Em geral, a goethita (Gt) foi o principal óxido de ferro da fração argila. Apenas para os solos desenvolvidos de basalto e de arenito, verificou-se o predomínio de hematita (Hm). Os solos do Grupo Barreiras (ES) apresentaram os menores teores de óxidos de ferro em decorrência do intenso processo de desferrificação sofrido pelos sedimentos. Por ser a Gt um óxido hidratado, quanto maior a relação Gt/(Gt + Hm), maior o teor de água extraída pelo DCB (r = 0,70***). Os solos menos desenvolvidos, principalmente no horizonte C, apresentaram os maiores teores de material menos cristalino extraído pelo OA (chegando a 28% para a amostra 17) e os maiores valores para a relação FeOA/FeDCB. Este material menos cristalino é constituído principalmente por Al...

Propriedades químicas e cristalográficas da caulinita e dos óxidos de ferro em sedimentos do grupo barreiras no município de Aracruz, estado do Espírito Santo

Melo,V. F.; Schaefer,C. E. G. R.; Singh,B.; Novais,R. F.; Fontes,M. P. F.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2002 PT
Relevância na Pesquisa
26.66%
As propriedades químicas e cristalográficas detalhadas da caulinita (Ct) e dos óxidos de ferro do solo e dos sedimentos do Grupo Barreiras são pouco conhecidas. Para estudar as características desses minerais em profundidade, coletaram-se 11 amostras (0,7; 1,4; 2,1; 2,8; 3,5; 4,2; 4,9; 5,6; 7,7; 10,5 e 14m) nos horizontes Bt, BC e C de um Argissolo Amarelo no município de Aracruz (ES). As frações argila e silte foram estudadas por difração de raios-X (DRX), análise termo-diferencial (ATD) e microscopia eletrônica. Os teores totais de Fe e outros microelementos (Cr, Mn, Ni, Pb, Ti e Zn) da fração argila foram determinados por espectrometria por emissão por plasma, após digestão da amostra com HF concentrado. Nos extratos resultantes das extrações com oxalato de amônio (OA) e ditionito-citrato-bicarbonato (DCB), determinaram-se os teores de Fe, Al, Si, Cr, Mn, Ni, Pb, Ti e Zn. A composição química da Ct das frações argila (amostra desferrificada) e silte (amostra natural) foi determinada pelo tratamento com NaOH 5molL-1 e pela combinação de aquecimento e extração com NaOH 0,5molL-1 fervente, respectivamente. O teor médio de Fe2O3 da Ct da fração argila (20,7gkg-1) foi superior ao obtido para a fração silte (5...

Variabilidade de goethita e hematita via dissolução redutiva em solos de região tropical e subtropical

Inda Junior,Alberto Vasconcellos; Kämpf,Nestor
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2005 PT
Relevância na Pesquisa
26.66%
Dezenove amostras de horizontes B latossólicos, uma de B plíntico, uma de B incipiente e uma de horizonte Cr foram submetidas a dissoluções seletivas da goethita e da hematita por ditionito-citratro-bicarbonato de sódio a 20 ºC em intervalos de tempo entre 5 e 3.840 minutos. O diâmetro médio do cristal (DMC), área superficial específica (ASE) e substituição do ferro por Al (substituição por Al3+) da goethita e da hematita nas amostras foram estimados, por difratometria de raios X (DRX), em subamostras não tratadas e em subamostras tratadas selecionadas ao longo das dissoluções seletivas. O controle das fases de goethita e hematita que persistiram após cada etapa da dissolução seletiva foi realizado pelo método da difratometria diferencial de raios X (DDRX). A cinética dissolutiva dos cristais foi descrita por meio da segmentação das curvas de dissolução do ferro no tempo em intervalos em que o comportamento dissolutivo foi linear. As taxas de dissolução nos diferentes segmentos lineares foram estimadas a partir do coeficiente angular da reta relativa a cada segmento. Em amostras goethíticas latossólicas, a metodologia discriminou diferentes fases de goethita (populações heterogêneas) quanto à substituição por Al3+...

Mineralogia e susceptibilidade magnética dos óxidos de ferro do horizonte B de solos do Estado do Paraná

Souza Junior,Ivan Granemann de; Costa,Antonio Carlos Saraiva da; Vilar,Cesar Crispim; Hoepers,Allan
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
26.89%
Os solos tropicais altamente intemperizados tendem a acumular residualmente óxidos de ferro e alumínio. Entre os óxidos e hidróxidos de ferro presentes na fração argila, a goethita (Gt) e a hematita (Hm) são os mais abundantes e estudados. No entanto, há poucos estudos acerca da identificação e quantificação da maghemita (Mh), um mineral ferrimagnético que está na fração argila dos solos, principalmente naqueles desenvolvidos de rochas máficas. A Mh e a magnetita (Mt) são responsáveis pela magnetização espontânea dos solos. Esse atributo mineralógico pode ser medido nos solos e sedimentos pela susceptibilidade magnética por unidade de massa (χBF), cuja magnitude é proporcional à concentração dos minerais ferrimagnéticos e é objeto de estudos em todo mundo. O objetivo deste trabalho foi identificar e quantificar, por χBF, os minerais ferrimagnéticos de 32 amostras do horizonte B de solos do Estado do Paraná. As formas minerais presentes na fração argila concentrada de óxidos de ferro foram identificadas e semiquantificadas por difratometria de raios-X (DRX). Nessa fração, os minerais mais abundantes são a Gt e a Hm. A Mh foi detectada em 31 amostras por χBF e em apenas 17 por DRX. Os valores de χBF variaram de 16 a 8.077 na TFSA...

Síntese de ferrita NiFe2O4 e sua incorporação em compósitos de poliamida 6: Parte 1: caracterização estrutural por drx e mev dos pós e dos compósitos

Bezerra,Daniella C.; Fernandes,Patrícia C.; Silva,Taciana R. de G.; Araújo,Edcleide M.; Costa,Ana Cristina F. M.
Fonte: Associação Brasileira de Polímeros Publicador: Associação Brasileira de Polímeros
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 PT
Relevância na Pesquisa
26.66%
As ferritas geralmente são absorvedoras de radiação eletromagnética e apresentam a versatilidade de poderem ser manufaturadas com geometrias diferentes, e usadas na forma de ferritas policristalinas (corpo sinterizado) ou de compósitos de ferrita (adição de pó em matriz apropriada). A poliamida 6, por sua vez, pertence a uma classe de polímeros atraentes para aplicações em engenharia devido à combinação de propriedades como: estabilidade dimensional, boa resistência ao impacto sem entalhe e excelente resistência química. O objetivo deste trabalho foi sintetizar pós de ferrita NiFe2O4, e avaliar a adição destes em concentrações de 10, 30, 50 e 60% em massa a uma matriz polimérica de poliamida 6 usando um misturador da Haake Blücher, para obter compósitos de poliamida 6/NiFe2O4. Os pós e os compósitos foram caracterizados por difração de raios X (DRX) e microscopia eletrônica de varredura (MEV). Os difratogramas de raios X mostraram picos característicos da poliamida 6 e da ferrita. Por MEV foi observada a formação de aglomerados grandes para a concentração de 60% e, uma grande quantidade de poros. Para a concentração de 10%, as partículas ficaram mais dispersas, com menos aglomerados e menos poros no compósito.

Influencia de la temperatura de curado: hidratación y resistencia de pastas de cemento con escoria

Castellano,C. C.; Bonavetti,V. L.; Irassar,E. F.
Fonte: Rede Latino-Americana de Materiais Publicador: Rede Latino-Americana de Materiais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2010 ES
Relevância na Pesquisa
26.66%
Actualmente son muy conocidos los beneficios tecnológicos, económicos y el menor impacto medioambiental que produce el empleo de adiciones minerales como reemplazo del cemento portland. Estas razones, han consolidado el uso de muchas adiciones como: escoria granulada de alto horno, ceniza volante, material calcáreo, humo de sílice, etc. En los últimos años, los cementos presentan un importante aumento en el contenido de las adiciones; el cual influye sobre la distribución de partículas, sobre la velocidad y naturaleza de las reacciones de hidratación y en consecuencia en su ganancia de resistencia. El presente trabajo evalúa la influencia de la temperatura en el curado (20, 40 y 60 ºC) de pastas con contenido variable de escoria granulada de alto horno (0 a 80 %) elaboradas con relación agua/material cementante de 0,40, sobre la resistencia mecánica. La evolución de la hidratación se estudió a través del análisis de los compuestos de hidratación por DRX y el contenido de agua no evaporable. La resistencia mecánica se evaluó empleando un diseño de experimentos central compuesto centrado. Los resultados obtenidos indican que a medida que la temperatura de curado aumenta con el incremento del contenido de escoria en el cemento mezcla...

Adaptive DRX Scheme to Improve Energy Efficiency in LTE Networks with Bounded Delay

Herrería-Alonso, Sergio; Rodríguez-Pérez, Miguel; Fernández-Veiga, Manuel; López-García, Cándido
Fonte: Universidade Cornell Publicador: Universidade Cornell
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 18/09/2015
Relevância na Pesquisa
27.14%
The Discontinuous Reception (DRX) mechanism is commonly employed in current LTE networks to improve energy efficiency of user equipment (UE). DRX allows UEs to monitor the physical downlink control channel (PDCCH) discontinuously when there is no downlink traffic for them, thus reducing their energy consumption. However, DRX power savings are achieved at the expense of some increase in packet delay since downlink traffic transmission must be deferred until the UEs resume listening to the PDCCH. In this paper, we present a promising mechanism that reduces energy consumption of UEs using DRX while simultaneously maintaining average packet delay around a desired target. Furthermore, our proposal is able to achieve significant power savings without either increasing signaling overhead or requiring any changes to deployed wireless protocols.

La hidromagnesita de l'Avenc de la Febró (Baix Camp)

Traveria i Cros, Adolf; Chinchón Yepes, J. S.; Queralt Mitjans, Ignacio
Fonte: CSIC - Instituto de Ciencias de la Tierra Jaume Almera (ICTJA) Publicador: CSIC - Instituto de Ciencias de la Tierra Jaume Almera (ICTJA)
Tipo: Artículo Formato: 490742 bytes; application/pdf
CAT
Relevância na Pesquisa
26.89%
[CAT] El "Moonmilk" de l'avenc de La Febró és estudiat mitjançant DRX, SEM, ATD-TG, IR i FRX. Aquest "Moonmilk" esta integrat per hidromagnesita amb uns parametres de cel.la i diagrames de DRX que coincideixen amb els establerts per Bariand (1973). Seguint l'hipòtesi de Thrailkill(l971), la hidromagnesita precipita directament a partir d'una dissolució. Per altra banda la consistència pastosa del "Moonmilk" indueix a afirmar que el procés és actiu. És la primera vegada que es identificada l'esmentada espècie mineral a Catalunya, en cavitats subterrànies.; [EN] The "Moonmilk" from La Febro caves is studied through the application of XRD, SEM, DTA-TG, IR and XRF. This "Moonmilk" is formed by hydromagnesite with cell parameters and XRD diagrams which coincides with those stablished by Bariand (1973). All that points to an actually active process of precipitation of hydromagnesite coming from running water. It is for the first time that hydromagnesite ocurrence is mentioned in Catalonian caves.; Peer reviewed

Caracterización y respuesta al tratamiento térmico de rocas silíceas opalinas; Characterization of opaline rocks and their behaviour UNDER HIGH temperatures

Bustillo, Mª Ángeles; García García, Roberto; García Pérez, M. V.
Fonte: Sociedad Española de Cerámica y Vidrio Publicador: Sociedad Española de Cerámica y Vidrio
Tipo: Artículo Formato: 808442 bytes; application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
26.89%
[ES] En las rocas opalinas se encuentran diferentes fases de la sílice que son poco conocidas y que ante los tratamientos térmicos responden de forma diferente. Rocas opalinas de diferentes ámbitos sedimentarios e hidrotermales se estudian mediante difracción de rayos X (DRX) y espectrometría de infrarrojos, analizando la respuesta del polvo natural y después de un tratamiento térmico a 1.050ºC durante 24 horas. El objetivo es la diferenciación de las distintas estructuras de la sílice que pueden aparecer en las rocas opalinas, las variaciones que presentan dichas estructuras, y su cambio ante los tratamientos térmicos. En la mayoría de las muestras, la fase silícea encontrada es la denominada ópalo CT. El ópalo CT es un interestratificado de cristobalita y tridimita de estructura compleja que responde, en los análisis de DRX ,con perfiles distintos, principalmente en el intervalo de 19º a 25º 2θ. Se definen tres tipos básicos en este intervalo que se denominan “perfiles ensanchados (E), de hombro (H) y de dos picos (2P)”. Estos tipos tienen relación con la proporción de tridimita en el interestratificado (va aumentando desde los perfiles ensanchados a los de dos picos), el tamaño de cristal del ópalo (los ensanchados y los de hombro tienen menor tamaño)...

DEFORMACIÓN ELÁSTICA RESIDUAL EN LÁMINAS DE ACERO AISI 304 RECUBIERTAS CON UNA PELÍCULA DE NITRURO DE TITANIO DEPOSITADA POR PVD-MAGNETRON SPUTTERING

COLORADO,H. A.; SALVA,H. R.; GHILARDUCCI,A. A.
Fonte: DYNA Publicador: DYNA
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 ES
Relevância na Pesquisa
26.89%
se realizó una caracterización mediante difracción de rayos x (DRX) en láminas de acero inoxidable AISI 304 recubierto con una capa de nitruro de titanio de 3 mm de espesor, obtenida mediante deposición física de vapor (PVD-magnetron sputtering) a una temperatura de 200 ˚C. se tomaron imágenes de microscopía electrónica de barrido (MEB), microscopía óptica (MO) y microscopía de fuerza atómica (MFA) para caracterizar el sustrato, la capa y la zona cercana a la intercara. adicionalmente se determinó la deformación elástica residual asociada con el ensanchamiento de los picos de DRX.