Página 1 dos resultados de 21026 itens digitais encontrados em 0.011 segundos

Governança corporativa e custo de capital próprio no Brasil; Corporate governance and cost of equity capital in Brazil

Salmasi, Silvia Vidal
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/10/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.7%
Os mecanismos de proteção aos acionistas e credores surgiram prometendo às empresas que realizam investimentos em governança corporativa obter valorização da organização. Isto se daria porque os financiadores estariam menos expostos à expropriação do seu capital por meio de mecanismos de governança corporativa que assegurassem os seus direitos, o que facilitaria a comercialização de suas ações e títulos, o acesso ao mercado de capitais e uma redução do custo de capital, levando, assim, à valorização da empresa. Dentro deste contexto, este trabalho busca analisar a relação entre governança corporativa e o custo de capital próprio em empresas brasileiras de capital aberto. O presente estudo investiga se as empresas que adotam práticas de governança corporativa, medida pelos níveis diferenciados de governança corporativa da Bovespa, possuem um menor custo de capital próprio associado quando comparadas às empresas que não adotam tais práticas. Para o cálculo do custo de capital próprio foram utilizados o CAPM e o Modelo de Três Fatores com o intuito de verificar se a relação com as práticas de governança independe do método adotado. Utilizou-se a regressão linear múltipla para as análises estatísticas tendo como variável dependente o custo de capital próprio e as variáveis independentes de governança corporativa...

Gerenciamento de resultados contábeis e a relação com o custo da dívida das empresas brasileiras de capital aberto; Earnings management and relationship with cost of debt of the brazilian publicly-traded companies

Nardi, Paula Carolina Ciampaglia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/12/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.71%
Sob a teoria de agência e o contexto de gerenciamento de resultados, o objetivo do trabalho foi estudar a relação entre o gerenciamento de resultados (GR) e o custo da dívida (Ki) das empresas brasileiras de capital aberto, no período de 1996 a 2007. Para isso, foram levantadas duas hipóteses de pesquisa quanto à possível relação entre GR e Ki: H1- as variáveis são inter-relacionadas; e H2- a relação é unidirecional, em que o Ki é influenciado positivamente pelo GR. Os pressupostos levantados, por meio da literatura existente, para a formulação da primeira hipótese são de que, almejando melhores condições contratuais, como o custo da dívida, o custo atual ou passado motiva a empresa a gerenciar o resultado corrente para obter melhores condições de custo futuro ou corrente. Dessa forma, as empresas, intencionalmente, procurariam gerenciar seus resultados, motivadas pelo custo da dívida. Todavia, há suporte teórico para que a relação entre essas variáveis seja unidirecional, com o gerenciamento de resultados influenciando o custo da dívida, sustentando a segunda hipótese. Um por exemplo disso é o gerenciamento de resultados, que é percebido como fator de assimetria de informação pelos credores, os quais...

Produção de hidrogênio em refinarias de petróleo: avaliação exergética e custo de produção.; Exergy and thermoeconomic evaluation of a petroleum refinery hydrogem production unit.

Cruz, Flávio Eduardo da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.71%
O hidrogênio molecular (H2) é um gás muito útil nas indústrias químicas e petroquímicas por conta de sua facilidade de reação com outros elementos químicos. Nas refinarias é o principal insumo no processo de remoção do enxofre de diversos combustíveis como a gasolina e óleo diesel, tendo sua demanda aumentada por conta de novas legislações ambientalmente mais restritivas. O hidrogênio é normalmente encontrado na natureza associado a outros elementos químicos, como a água ou os hidrocarbonetos, sendo necessária a aplicação de processos específicos para sua obtenção. Considerada a rota mais econômica para a produção de hidrogênio, o processo de reforma a vapor do gás natural é avaliado pela aplicação da metodologia de análise exergética e termoeconômica, a fim de determinar a eficiência exergética do processo e o custo de produção do hidrogênio. Este custo de produção é muito sensível ao custo do gás natural, fato que pode prejudicar a competitividade desta rota de produção e, consequentemente, abrir a possibilidade de investir na produção de hidrogênio através de tecnologias alternativas. A unidade de geração de hidrogênio estudada está presente em uma das refinarias da Petrobras e sua produção destina-se à remoção do enxofre presente no óleo diesel. Uma planta síntese do processo foi elaborada e as eficiências exergéticas dos componentes foram determinadas. Em seguida...

Custo de pré-natal na política pública de Marília: um estudo de caso; Cost of prenatal care in public policy in Marília: a case study

Gonçalves, Eleny Rosa Guimarães
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/11/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.7%
O presente trabalho investigou os custos do programa de atenção pré-natal na perspectiva subsidiar as decisões dos gestores de saúde. Objetivos: estimar o custo unitário da atenção pré-natal USF pesquisada; evidenciar as atividades e os seus direcionadores de custo entre as atividades do cuidado pré-natal e discutir o custo unitário obtido entre a USF pesquisada e o preconizado pelo protocolo do MS. Metodologia: pesquisa de caráter retrospectivo e exploratório na forma de um estudo de caso. Foi utilizada em Marília SP, em uma USF que atende 794 famílias de baixa renda, com 772 mulheres entre 15 e 49 anos. Como critérios de inclusão: todas as gestantes matriculadas no programa de pré-natal em de 2010; realização mínima de quatro consultas de pré-natal e uma de puerpério; sem restrição de idade. As fontes de informações foram: prontuário familiar e dados administrativos do Fundo Municipal de Saúde da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), sendo usado o instrumento específico de coleta de dados clínicos por gestante. A valoração do trabalho dos profissionais foi baseada no montante bruto de salários reais, extraindo o valor correspondente à parcela de tempo dedicado aos cuidados por gestante. Os preços de medicamentos...

Disclosure socioambiental e custo de capital próprio de companhias abertas no Brasil; Social and environmental disclosure and cost of equity capital of public companies in Brazil

Rover, Suliani
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/02/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.71%
O objetivo do trabalho é investigar a relação entre o disclosure voluntário socioambiental e o custo de capital próprio de companhias abertas no Brasil. Com base na Teoria da Divulgação Voluntária, espera-se uma relação negativa entre o disclosure socioambiental e o custo de capital próprio. Para tanto, selecionou-se as 91 empresas que compõem o Índice Brasil (IBrX), consideradas como as mais negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo (BOVESPA). A pesquisa é composta por dois períodos de análise. O primeiro compreende os anos de 2001 a 2010 e foi utilizado na análise para verificar a relação entre a publicação do Relatório de Sustentabilidade e o custo de capital próprio, enquanto o segundo período, de 2008 a 2010, se constitui na base de análise para examinar a relação entre o disclosure socioambiental e o custo de capital próprio. A métrica de disclosure voluntário socioambiental foi elaborada a partir de 20 pesquisas, na qual resultou em 80 subcategorias, sendo 40 referentes à divulgação social e 40 relacionadas ao meio ambiente. Por meio da análise de conteúdo de 272 Demonstrações Financeiras e de 178 Relatórios de Sustentabilidade, mensurou-se o nível de disclosure socioambiental das empresas. O custo de capital próprio foi estimado por uma abordagem ex ante mediante a utilização dos modelos de Claus e Thomas (2001)...

Avaliação de floresta nativa do bioma Mata Atlântica: uma aplicação da metodologia de custo de reposição

Carvalho, Frederico Costa
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.71%
O presente trabalho investigou o valor de uma floresta nativa no bioma Mata Atlântica. Para isso, utilizou-se da metodologia de custo de reposição. Além disso, buscou-se explicitar os principais fatores determinantes desse valor, bem como seus impactos. Foram formuladas quatro hipóteses de pesquisa, a saber, i) o nível de degradação da área não influencia o custo total de reposição da floresta nativa; ii) relevos mais acidentados das áreas a serem restauradas não influenciam o custo total de reposição da floresta nativa; iii) a distância da área a ser restaurada em relação ao centro urbano mais próximo não influencia o custo total de reposição da floresta nativa; e iv) a distância da área a ser restaurada em relação ao viveiro produtor de mudas não influencia o custo total de reposição da floresta nativa. Para chegar aos resultados foram realizados testes simples de diferença de médias para as variáveis qualitativas. Os resultados encontrados foram de que pode-se rejeitar a hipótese de que relevos mais acidentados das áreas a serem restauradas não influenciam o custo total de reposição da floresta nativa. No entanto, não se rejeitam as hipóteses de que a distância da área a ser restaurada em relação ao centro urbano mais próximo não influencia o custo total de reposição da floresta nativa e de que a distância da área a ser restaurada em relação ao viveiro produtor de mudas não influencia o custo total de reposição da floresta nativa. Após essa primeira aproximação...

Mamografia digital em comparação com mamografia convencional no rastreamento de câncer de mama no Brasil : revisão sistemática, custo da doença e analise de custo-efetividade no Sistema Único de Saúde

Souza, Fabiano Hahn
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.76%
O câncer de mama é o câncer mais comum da população feminina no Brasil com mais de 50 casos incidentes por 100.000 mulheres/ano. Atualmente, os métodos mais efetivos para prevenção da morbimortalidade do câncer de mama são o rastreamento mamográfico (RM) e os tratamentos sistêmicos adjuvantes [1]. Todavia, essas estratégias geram um aumento substancial de custos para as pacientes, famílias e sistema de saúde [2]. Nos últimos 30 anos, a mamografia convencional com filme é o método de escolha para o RM da neoplasia mamária [3]. A redução da mortalidade por câncer de mama de cerca de 25% com a mamografia levou muitos países a implementar programas de RM organizados de base populacional [4]. A redução da mortalidade câncer de mama específica por volta de 15% nas mulheres jovens (< 50 anos) [5] fez com que alguns países adotassem o RM também nesse subgrupo [6]. A mamografia digital tem maior acurácia na população jovem [7, 8]. Todavia existe ainda grande controvérsia se o RM é efetivo nessa população de mulheres (40-49 anos) e isso acabou freando a adoção de programas populacionais de RM nesse subgrupo na maioria dos países. Esta tese é uma ampla Avaliação de Tecnologia em Saúde (ATS) do câncer de mama no sistema público de saúde brasileiro que apresentará quatro artigos: uma meta-análise comparando a acurácia da mamografia com filme versus a digital; um estudo de custo e anos de vida ajustados por qualidade do câncer de mama no SUS; duas análises de custoefetividade do RM do câncer de mama no SUS – a primeira em mulheres com idade igual ou acima de 50 anos e a segunda em mulheres iniciando o RM entre 40-49 anos. O primeiro estudo teve como objetivo comparar a acurácia da mamografia com filme com a mamografia digital no RM populacional do câncer de mama. Foi conduzida uma revisão sistemática quantitativa incluindo estudos randomizados e estudos de coorte. Dez estudos (total de 653.896 pacientes...

Elementos de custo para o cálculo do custo total de propriedade em tecnologia de informação

Ricardo, Vilton Wronski
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: f.; 73 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.72%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Curso de Ciências Contábeis; Este estudo foi formulado com o objetivo de identificar os elementos ou componentes de custo utilizados para o cálculo do custo total de propriedade em tecnologia de informação. São considerados neste estudo somente os elementos de custo que resultem do fato da organização estar utilizando computadores. Não consideram-se os custos decorrentes das fases de planejamento e implementação da solução de TI, mas somente os custos da fase de gerenciamento, em que a solução já atingiu sua maturidade e está em produção e estabilizada. A presente pesquisa é enquadrada tipologicamente como pesquisa bibliográfica com uma abordagem qualitativa. A primeira etapa consiste na revisão teórica sobre os elementos que permeiam o estudo, revisa-se os conceitos da contabilidade sobre custos, custeio, sistemas de custos, uma introdução à gestão do custo total, tecnologia de informação, custo total de propriedade e os sistemas de custeio da Fundação Getúlio Vargas – Custo Anual por Teclado (CAPT) e o modelo do Gartner Group – Custo Total de Propriedade (TCO). A etapa seguinte consiste na identificação dos elementos de custo para o cálculo do custo total de propriedade (TCO) em tecnologia de informação (TI)...

Impacto econômico do custo de colírios no tratamento do glaucoma

Stillitano,Iane Gonçalves; Lima,Manoel Gonçalves de; Ribeiro,Marco Polo; Cabral,Juliana; Brandt,Carlos Teixeira
Fonte: Conselho Brasileiro de Oftalmologia Publicador: Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2005 PT
Relevância na Pesquisa
36.72%
OBJETIVOS: Avaliar o custo diário de colírios antiglaucomatosos e o impacto econômico relacionado com o salário mínimo; comparar o custo de associações de drogas em apresentação única em relação às mesmas em apresentações separadas; analisar o percentual adicional do custo de drogas antiglaucomatosas relacionadas à terapia padrão (maleato de timolol genérico). MÉTODOS: Utilizaram-se 15 frascos de colírios de cada um dos 20 produtos. Mediu-se o número e volume médio das gotas por frasco de colírio e calculou-se a duração e o custo diário do tratamento. RESULTADOS: Observou-se ampla variação no custo médio diário: R$ 0,077 para o maleato de timolol genérico (mais barato) e R$ 1,910 para o Xalacom® (mais caro). Destaca-se como produto de menor impacto econômico, em relação ao salário mínimo, o colírio padrão, representando 1,2% a 1,6% do mesmo, ao passo que a associação de Xalatan® e Timoptol XE® representou variação de 21,7% a 30,0%. O custo do Cosopt® e Xalacom® foi maior que as associações de: Trusopt® + padrão e Xalatan® + padrão (p<0,001). O Xalacom® representou custo adicional à terapia padrão de 1.698,2% a 1.765,1%. CONCLUSÕES: A variação no custo de colírio antiglaucomatoso é de quase 30 vezes entre o de menor e o de maior custo. O colírio de maior custo representa impacto econômico mensal de 29...

Análise custo-efetividade e índice de qualidade da refeição aplicados à Estratégia Global da OMS

Machado,Flávia Mori Sarti; Simões,Arlete Naresse
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.71%
OBJETIVO: Testar o uso da metodologia de análise custo-efetividade como instrumento de decisão na produção de refeições para inclusão das recomendações proferidas na Estratégia Global da Organização Mundial da Saúde. MÉTODOS: Cinco opções alternativas de cardápio de café da manhã foram analisadas previamente à implementação da refeição em unidade de alimentação e nutrição de uma universidade do estado de São Paulo, no ano de 2006. O custo de cada opção baseou-se em preços de mercado dos componentes de custo direto. Os benefícios em saúde foram calculados com base em adaptação do Índice de Qualidade da Refeição (IQR). Foram calculadas a razão custo-efetividade dos cardápios pela divisão dos benefícios pelos custos e a razão custo-efetividade incremental pelo diferencial de custo por unidade de benefício adicional. A escolha considerou unidades de benefício à saúde em relação ao custo direto de produção, assim como a efetividade incremental por unidade de custo diferencial. RESULTADOS: A análise resultou na opção mais simples com adição de uma fruta (IQR=64 e custo=R$1,58) como melhor alternativa. Observou-se maior efetividade das alternativas com uma porção de fruta (IQR1=64 / IQR3=58 / IQR5=72) sobre as demais (IQR2=48 / IQR4=58). CONCLUSÕES: O cálculo da razão custo-efetividade permitiu identificar a melhor opção de café da manhã com base na análise custo-efetividade e Índice de Qualidade da Refeição. Tais instrumentos agregam características de facilidade de aplicação e objetividade de avaliação...

Custo da insuficiência cardíaca no Sistema Único de Saúde

Araujo,Denizar Vianna; Tavares,Leandro Reis; Veríssimo,Renata; Ferraz,Marcos Bosi; Mesquita,Evandro Tinoco
Fonte: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC Publicador: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/05/2005 PT
Relevância na Pesquisa
36.7%
OBJETIVO: Descrever custo direto e indireto do tratamento ambulatorial e hospitalar da insuficiência cardíaca, durante 2002, no Hospital Universitário Antônio Pedro, Niterói. MÉTODOS: Estudo transversal, retrospectivo sobre utilização e valoração de recursos em 70 pacientes, selecionados de forma consecutiva, em tratamento ambulatorial e hospitalar. Foram utilizados questionários e prontuários dos pacientes para coleta dos dados. Os recursos utilizados foram valorados em reais (ano 2002). O ponto de vista do estudo foi a perspectiva da sociedade. Os dados foram analisados no programa EPINFO, versão 2002. RESULTADOS: A população estudada constou de 70 pacientes (39 mulheres), idade média de 60,3 anos. Ocorreram 465 diárias hospitalares (28,5% dos pacientes). Houve 386 internações em enfermaria e 79 em unidade de tratamento intensivo. O custo com consulta ambulatorial foi de R$ 14,40. O gasto com medicamentos ambulatoriais totalizou R$ 83.430,00 (custo por paciente/ano de R$ 1.191,86). O custo por paciente internado foi de R$ 4.033,62. O custo com exames complementares totalizou R$ 39.009,50 (custo por paciente/ ano de R$ 557,28). Foram aposentados pela insuficiência cardíaca 20 pacientes, representando perda de produtividade de R$ 182.000...

Estudo comparativo envolvendo três métodos de cálculo de custo operacional do caminhão bitrem

Freitas,Luís Carlos de; Marques,Gláucio Marcelino; Silva,Márcio Lopes da; Machado,Raiane Ribeiro; Machado,Carlos Cardoso
Fonte: Sociedade de Investigações Florestais Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2004 PT
Relevância na Pesquisa
36.75%
O presente trabalho trata do estudo comparativo de três metodologias utilizadas para o cálculo do custo operacional de veículos de transporte florestal, a saber: FAO - América do Norte, FAO/ECE/KWF e Battistella/Scânia. Para tanto, considerou-se um caminhão bitrem, um dos mais utilizados no transporte de carga florestal no Brasil. Nos dois primeiros métodos, o custo foi calculado por hora efetiva de trabalho (he), sendo no último calculado por quilômetro (km), em que se utilizou um fator para converter o custo de km em custo por hora efetiva de trabalho (he). O custo operacional, no método FAO - América do Norte e FAO/ECE/KWF foi dado pelo somatório dos seguintes custos: de maquinário (custos fixos e variáveis), administrativo (custo de administração) e de pessoal (custo de mão-de-obra). No método Battistella/Scânia, esse custo foi resultante do somatório dos custos de maquinário e administrativo. O método FAO - América do Norte foi o mais expressivo em termos de custo operacional (US$ 50,47/he), sendo o mais indicado no caso em estudo, em razão, principalmente, da grande aproximação em relação ao custo real. O custo de maquinário representou mais de 85% do custo total em todas as metodologias, destacando-se o custo variável devido ao alto custo do combustível. Observou-se que o custo operacional apresentou valores distintos...

Avaliação de Custo-utilidade da Educação Continuada para o Manejo de Usuários com Diabetes Mellitus tipo 2, no Município de Itamaracá, Pernambuco – Brasil

Aquino, Camilla Maria Ferreira de; Bezerra, Adriana Falangola Benjamin ( Orientadora); Sousa, Islândia Maria Carvalho de (Co-orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
36.7%
O Diabetes Mellitus é condição sensível à atenção primária de saúde (APS). E, em especial, os profissionais de saúde exercem papel central na sua prevenção e tratamento, o que pode ser aprimorado com ações de educação continuada. Todavia, dados sobre o custo-efetividade destas intervenções sobre a saúde dos usuários permanecem escassos. Determinar o custo-utilidade da educação continuada, para o manejo de usuários com Diabetes Mellitus tipo 2 (DM2), no município de Itamaracá, Pernambuco – Brasil, no ano de 2011. Foi realizada uma avaliação custo-utilidade, utilizando o Modelo de Markov, para simular os resultados em cenários de saúde, a partir da perspectiva do sistema de saúde. Foi considerado horizonte analítico de 20 anos e selecionada a categoria dos custos médicos diretos. Os dados coletados foram obtidos de fonte primária, estudo SERVIDIAH, e secundárias, de sistemas de informação em saúde e dados presentes na literatura. O cenário de referência representa o manejo-padrão realizado nos serviços públicos de saúde. Os demais cenários simulados para os resultados pós-intervenção foram baseados na sugestão de especialistas consultados. O indivíduo médio, representante da população de Pernambuco...

Governança corporativa e custo de capital

Garbrecht, Guilherme Teodoro
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.7%
Resumo: A literatura mostra que mecanismos de governança corporativa são utilizados para proteção dos fornecedores de recursos, garantindo que os mesmos obtenham o retorno sobre os valores investidos. As empresas que adotam boas práticas de governança tendem a diminuir os riscos envolvidos nos negócios, com reflexos na redução do seu custo de capital. A presente dissertação investiga a influência da governança corporativa no custo de capital próprio em empresas brasileiras, buscando analisar se a governança tem o efeito de reduzir o custo de capital. A análise compreende o período de 2007 a 2010, em uma amostra de 99 empresas de capital aberto da BM&FBovespa. Para o cálculo do custo de capital próprio, foi utilizado uma versão do modelo de lucro residual, que busca estimar o custo de capital implícito no preço das ações. O modelo utiliza-se de previsões de lucros de analistas para calcular o fluxo de caixa da empresa. A taxa de desconto que iguala o fluxo de caixa ao preço das ações corresponde ao custo de capital implícito. Como proxy para a governança, foi construído um índice amplo composto de 33 questões objetivas, coletadas dos dados públicos disponibilizados pelas companhias. Para o estudo empírico...

ESTOQUES DE COMMODITIES: ANÁLISE DO VALOR SOB A ÓTICA DA TEORIA DO CUSTO CORRENTE

Fonte: Organizações Rurais & Agroindustriais Publicador: Organizações Rurais & Agroindustriais
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.75%
Devido à volatilidade dos preços de commodities, a aplicação da teoria do custo corrente na avaliação de estoques é imprescindível para prover informações de controle e avaliação de desempenho das cooperativas agropecuárias. Nesse sentido, com a realização deste trabalho, objetivou-se apurar as economias ou as deseconomias de custo no estoque de três commodities (soja, trigo e milho) de uma cooperativa agropecuária do estado do Paraná. Realizou-se uma pesquisa descritiva e quantitativa, em um estudo de caso demonstrando o uso de cotações de mercado como uma alternativa para a avaliação de estoques em situações nas quais ocorra disponibilidade de informações sobre preços correntes de commodities agrícolas. Na avaliação de commodities, os resultados da pesquisa evidenciam diferenças entre os valores dos estoques apurados pelo custo histórico, custo histórico corrigido, custo corrente e custo corrente corrigido. Quando se utiliza o custo histórico, não há economia ou deseconomia de custo; a custo histórico corrigido...

Custo de oportunidade da Reserva Legal do Código Florestal entre 1995/1996 e 2006 e seus determinantes; The Forest Code opportunity cost between 1995/1996 and 2006, its evolution and its determinants

Campos, Samuel Alex Coelho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 07/07/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
A produção agropecuária está sujeita a diversas restrições, como as restrições legais impostas pelo Código Florestal, o qual restringe a área utilizada para a produção agropecuária dentro do imóvel rural, o que implica em custo para os produtores agropecuários e que é representado pela renda renunciada e aumento dos custos pela alocação dos insumos de forma a reduzir a necessidade da área que deve ser mantida com florestas nativas. Esse custo pode variar entre os produtores em razão das características da propriedade e do produtor. Neste contexto, o objetivo desse estudo é mensurar o custo de oportunidade da área ocupada com Reserva Legal e seus determinantes, confrontando os produtores representativos do estado de São Paulo e do Mato Grosso nos anos de 1995 e 2006. O produtor representativo foi obtido dividindo o valor total das variáveis em nível municipal pelo número de estabelecimentos. O custo de oportunidade foi estimado utilizando a metodologia proposta por Zhou, Ang e Poh (2006) e os seus determinantes foram estimados por meio de um modelo de econometria espacial. Os resultados indicaram que a eficiência técnica e a eficiência técnica ambiental dos produtores foram pequenas nos anos analisados em ambos os estados considerados. Um produtor é eficiente tecnicamente se ele obtém o máximo de produção possível dado os insumos utilizados. A eficiência ambiental também objetiva minimizar o desmatamento. O estado do Mato Grosso destacou-se pela baixa eficiência produtiva em 1995/96...

Gestão integrada do tempo e custo : uma contribuição para a gestão de projectos de construção em Portugal

Paulo, José António
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //1997 POR
Relevância na Pesquisa
36.74%
Dissertação de Mestrado em Gestão de Projectos apresentada à Universidade Aberta; O presente trabalho pretende abordar a gestão dos factores tempo e custo em Projectos de Construção numa perspectiva do Dono da Obra/Gestor de Projecto. O trabalho começa por desenvolver a gestão do factor tempo subdividindo-a em planeamento do factor tempo e controlo do factor tempo. Na primeira é apresentada a Work Breakdown Structure (WBS), onde são identificadas as actividades do Projecto, estabelecida a sua sequência, estimado o tempo de duração de cada uma das actividades e executado o planeamento que representará a baseline do factor tempo. Na segunda procede-se ao planeamento e monitorização do controlo, fazendo referência às acções correctivas mais utilizadas. Seguidamente procede-se à abordagem da gestão do factor custo subdividindo-o em planeamento do factor custo e controlo do factor custo à semelhança do que anteriormente se fez para o factor tempo. O desenvolvimento do planeamento do factor custo acompanha o desenvolvimento do projecto nas suas diversas fases. Assim numa primeira fase procede-se ao estudo de viabilidade e avaliação económica do projecto, numa fase posterior procede-de à sua orçamentação e preparação do cash flow ficando estabelecida a baseline de custo do projecto. Numa segunda fase procede-se ao planeamento do controlo...

Análise custo-efetividade e índice de qualidade da refeição aplicados à Estratégia Global da OMS; Cost-effectiveness analysis and diet quality index applied to the WHO Global Strategy

Machado, Flávia Mori Sarti; Simões, Arlete Naresse
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/02/2008 POR
Relevância na Pesquisa
36.71%
OBJETIVO: Testar o uso da metodologia de análise custo-efetividade como instrumento de decisão na produção de refeições para inclusão das recomendações proferidas na Estratégia Global da Organização Mundial da Saúde. MÉTODOS: Cinco opções alternativas de cardápio de café da manhã foram analisadas previamente à implementação da refeição em unidade de alimentação e nutrição de uma universidade do estado de São Paulo, no ano de 2006. O custo de cada opção baseou-se em preços de mercado dos componentes de custo direto. Os benefícios em saúde foram calculados com base em adaptação do Índice de Qualidade da Refeição (IQR). Foram calculadas a razão custo-efetividade dos cardápios pela divisão dos benefícios pelos custos e a razão custo-efetividade incremental pelo diferencial de custo por unidade de benefício adicional. A escolha considerou unidades de benefício à saúde em relação ao custo direto de produção, assim como a efetividade incremental por unidade de custo diferencial. RESULTADOS: A análise resultou na opção mais simples com adição de uma fruta (IQR=64 e custo=R$1,58) como melhor alternativa. Observou-se maior efetividade das alternativas com uma porção de fruta (IQR1=64 / IQR3=58 / IQR5=72) sobre as demais (IQR2=48 / IQR4=58). CONCLUSÕES: O cálculo da razão custo-efetividade permitiu identificar a melhor opção de café da manhã com base na análise custo-efetividade e Índice de Qualidade da Refeição. Tais instrumentos agregam características de facilidade de aplicação e objetividade de avaliação...

Métodos Utilizados para o Cálculo do Custo de Capital nas Cooperativas Agropecuárias do Paraná

Gimenes, Régio Márcio Toesca; Uribe-Opazo, Miguel Angel; Uliana, Clóvis
Fonte: Universidade Federal de Minas Gerais - Departamento de Ciências Contábeis Publicador: Universidade Federal de Minas Gerais - Departamento de Ciências Contábeis
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares; Formato: application/pdf
Publicado em 04/05/2009 POR
Relevância na Pesquisa
36.7%
   O presente artigo procura definir o perfil dos administradores financeiros das sociedades cooperativas agropecuárias localizadas no Estado do Paraná, bem como os métodos utilizados pelos seus dirigentes financeiros na mensuração do custo de capital de suas fontes de financiamento. Num primeiro momento, procura-se classificar as organizações em função do seu porte, através de seus níveis de faturamento e número de funcionários. Na seqüência, caracteriza-se o perfil do seu corpo dirigente através do nível de escolaridade, identificando-se o número de cargos de direção existente em cada estrutura administrativa. Discrimina-se as cooperativas que realizam ou não, o cálculo do custo de capital anual, procurando-se estabelecer possíveis correlações com seu tamanho e formação de seus dirigentes financeiros. Como critérios apresentados para o cálculo do custo de capital anual sugere-se os seguintes:a) o custo de capital é identificado com a fonte disponível no momento;b) o custo de capital é calculado através do método do custo médio ponderado a valores contábeis;c) o custo de capital é calculado através do método do custo médio ponderado a valores de mercado.  Também, investiga-se a mensuração do custo do capital próprio e...

Análise custo-efetividade e índice de qualidade da refeição aplicados à Estratégia Global da OMS

Machado,Flávia Mori Sarti; Simões,Arlete Naresse
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.71%
OBJETIVO: Testar o uso da metodologia de análise custo-efetividade como instrumento de decisão na produção de refeições para inclusão das recomendações proferidas na Estratégia Global da Organização Mundial da Saúde. MÉTODOS: Cinco opções alternativas de cardápio de café da manhã foram analisadas previamente à implementação da refeição em unidade de alimentação e nutrição de uma universidade do estado de São Paulo, no ano de 2006. O custo de cada opção baseou-se em preços de mercado dos componentes de custo direto. Os benefícios em saúde foram calculados com base em adaptação do Índice de Qualidade da Refeição (IQR). Foram calculadas a razão custo-efetividade dos cardápios pela divisão dos benefícios pelos custos e a razão custo-efetividade incremental pelo diferencial de custo por unidade de benefício adicional. A escolha considerou unidades de benefício à saúde em relação ao custo direto de produção, assim como a efetividade incremental por unidade de custo diferencial. RESULTADOS: A análise resultou na opção mais simples com adição de uma fruta (IQR=64 e custo=R$1,58) como melhor alternativa. Observou-se maior efetividade das alternativas com uma porção de fruta (IQR1=64 / IQR3=58 / IQR5=72) sobre as demais (IQR2=48 / IQR4=58). CONCLUSÕES: O cálculo da razão custo-efetividade permitiu identificar a melhor opção de café da manhã com base na análise custo-efetividade e Índice de Qualidade da Refeição. Tais instrumentos agregam características de facilidade de aplicação e objetividade de avaliação...