Página 1 dos resultados de 8491 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

"Identificação de correlações usando a Teoria dos Fractais"; Correlation identification using the fractal theory

Sousa, Elaine Parros Machado de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/03/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.94%
O volume de informação manipulada em sistemas apoiados por computador tem crescido tanto no número de objetos que compõem os conjuntos de dados quanto na quantidade e na complexidade dos atributos. Em conjuntos de dados do mundo real, a uniformidade na distribuição de valores e a independência entre atributos são propriedades bastante incomuns. De fato, dados reais são em geral caracterizados pela ampla presença de correlações entre seus atributos. Além disso, num mesmo conjunto podem existir correlações de naturezas diversas, como correlações lineares, não-lineares e não-polinomiais. Todo esse cenário pode degradar a performance dos algoritmos que manipulam e, principalmente, dos que realizam análises dos dados. Além da grande quantidade de objetos a serem tratados e do número elevado de atributos, as correlações nem sempre são conhecidas, o que pode comprometer a eficácia de tais algoritmos. Nesse contexto, as técnicas de redução de dimensionalidade permitem diminuir o número de atributos de um conjunto de dados, minimizando assim os problemas decorrentes da alta dimensionalidade. Algumas delas são baseadas na análise de correlações e, com o objetivo de reduzir a perda de informação relevante causada pela remoção de atributos...

"Implementação da técnica de correlações angulares perturbadas no laboratório Pelletron para estudo de estruturas e interações de biomoléculas"; Implementation of The Perturbed Angular Correlations Technique at The Pelletron Laboratory for the Study of Biomolecules Structures and Interactions

Souza, Jairo Cavalcante de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 13/02/2007 PT
Relevância na Pesquisa
36.65%
Este trabalho de mestrado trata da implementação de um espectrômetro de correlações angulares perturbadas no Laboratório do Acelerador Pelletron do Instituto de Física da Universidade de São Paulo. O espectrômetro é formado por seis detectores cintiladores com cristais de 'BaF IND.2', de 3 polegadas de diâmetro por 6 de comprimento, com um sistema eletrônico e de aquisição de dados multiparamétrico padrão CAMAC. Diferentemente do usual, os espectros de energia dos raios gama dos núcleos de prova são adquiridos para cada detector, o que permite manter um controle maior sobre todo o experimento. Além disso, um mesmo experimento pode ser revisto com diferentes abordagens por diversas vezes, pois todas as informações sobre ele são armazenadas. Com a configuração eletrônica adotada, os espectros de energia são obtidos por meio de um QDC (charge to digital converter), dispensando o uso de pré-amplificadores. Os espectros de tempo são adquiridos com um TDC (time do digital converter). A seleção dos eventos de coincidência é realizada computacionalmente, procedimento que pode ser realizado durante a aquisição dos dados. Como a motivação para a implementação desse espectrômetro é o estudo de estruturas e interações de biomoléculas por meio da técnica de correlações angulares (PAC)...

Correlações quânticas multicolores no oscilador paramétrico ótico; Multicolor Quantum Correlations in the Optical Parametric Oscillator

Cassemiro, Katiuscia Nadyne
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/04/2008 PT
Relevância na Pesquisa
36.65%
Investigamos as propriedades quânticas conjuntas dos três feixes intensos de luz produzidos por um oscilador paramétrico ótico (OPO) operando acima do limiar, denominados bombeio, sinal e complementar. Analisamos experimentalmente as flutuações quânticas de intensidade e fase destes feixes, e como se correlacionam. Observamos pela primeira vez a presença de correlações quânticas entre as fases dos três campos. O ruído observado na soma das fases de sinal e complementar, Vq12=1,28(3)>1, passa a apresentar compressão de ruído após ser corrigido pelas flutuações de fase do feixe de bombeio, resultando em (Vq12)' =0,84(3)<1. Para potências mais altas de bombeio, observamos também a existência de correlações quânticas diretamente entre as amplitudes do feixe de bombeio e um dos feixes convertidos (sinal ou complementar); a máxima compressão de ruído medida correspondeu a Vp02=0,86(3)<1. Estendemos nosso estudo às propriedades de emaranhamento deste sistema tripartite, para tanto utilizando dois critérios distintos. Nossos dados apontam a separabilidade do sistema no regime de operação estudado, em contradição com o modelo teórico. Utilizando o critério de emaranhamento de P. van Loock e A. Furusawa...

Determinação de Escalas Temporais para Reações entre Íons-pesados Leves através de Medidas de Correlações a Momentos Relativos Pequenos; Time scale determination for light heavy-ion reactions through small relative momenta correlation measurements

Moura, Marcia Maria de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 14/12/1999 PT
Relevância na Pesquisa
36.65%
Neste trabalho foram realizadas, no Laboratório Pelletron do Instituto de Física da Universidade de São Paulo, medidas de coincidência entre partículas com momentos relativos pequenos para os sistemas 160+10B e 160+ 12C nas energias de 62,5 e 64,0 MeV, respectivamente. Para isso, foi utilizado um hodoscópio composto de 14 telescópios do tipo E-E, capazes de medir a energia tanto de partículas pesadas (Z>2) como leves (Z2). A partir dessas medidas foram obtidos espectros de diferença dos módulos das velocidades (vdif) e funções correlação em momento relativo (prel) para vários pa res de partículas. A análise do espectro de vdif permite determinar a proporção relativa entre as duas seqüências de emissão possíveis para um dado par de partículas. A região da anticorrelação na função correlação permite obter informações sobre a escala temporal referente ao intervalo de tempo entre a emissão da primeira e da segunda partícula. Para o ajuste tanto do espectro de vdif como da função correlação foi utilizado um programa que simula a emissão sequencial de duas partículas a partir de um núcleo composto, no qual a fração das sequências de emissão e a escala temporal são parâmetros ajustáveis. Correlações envolvendo somente partículas leves forneceram resultados para as escalas temporais da ordem de 10-20 s a 10-19 s...

Medidas de centralidade em redes complexas: correlações, efetividade e caracterização de sistemas; Centrality measures in complex networks: correlations, effectiveness and characterization of systems

Ronqui, José Ricardo Furlan
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/02/2014 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
Centralidades são medidas desenvolvidas para determinar a importância dos nós e ligações, utilizando as características estruturais das redes para esta finalidade. As medidas de centralidade são, portanto, essenciais no estudo de redes complexas pois os sistemas representados por elas geralmente são formados por muitos elementos, e com isso, torna-se inviável estudar individualmente cada um deles; dessa forma é necessário identificar os nós e ligações que são mais relevantes em cada situação. Todavia, com o surgimento de ideias diferentes de como esses elementos podem ser importantes, diversas medidas foram propostas com o intuito de evidenciar elementos que passam despercebidos pelas demais. Neste trabalho utilizamos a correlação de Pearson para avaliar o quão semelhantes são as classificações fornecidas pelas centralidades para redes representando sistemas reais e modelos teóricos. Para avaliar a efetividade das medidas e como elas afetam cada sistema, atacamos as redes usando as centralidades como indicadores para a ordem de remoção dos nós e ligações. Procurando caracterizar as redes usando suas diferenças estruturais, realizamos uma análise de componentes principais empregando as correlações entre os pares de centralidade como características de cada sistema. Nossos resultados mostraram que na maioria dos casos medidas distintas estão correlacionadas...

Correlações quânticas entre dois osciladores conectados por um acoplamento dependente do tempo; Quantum correlations between two oscillators connected by a time-dependent coupling

Thales Figueiredo Roque
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 09/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.79%
Neste trabalho analisamos a dinâmica das correlações quânticas em um sistema composto por dois osciladores harmônicos em contato com um mesmo reservatório térmico e acoplados entre si com um acoplamento dependente do tempo. O reservatório térmico modelado de acordo com o modelo de Caldeira-Leggett e tanto a abordagem via integrais de caminho quanto a abordagem via equações mestras são usadas para estudar o sistema nos regimes Markoviano e não-Markoviano. O Hamiltoniano que descreve o sistema é bilinear nos operadores de campo, isto significa que se repararmos o sistema em um estado Gaussiano, o estado do sistema sera sempre Gaussiano. Para um estado Gaussiano toda a informa ¸ao sobre as correlações quânticas está contida na matriz de covariância s. Conhecida a matriz s podemos medir o emaranhamento usando a negatividade Logarítmica e calcular uma aproximação para a discórdia quântica em estados Gaussianos, que é a discórdia Gaussiana. Nós mostramos que mesmo à temperaturas muito altas as correlações quânticas, inclusive o emaranhamento, persistem. Esta persistência tem uma relação estreita com a estabilidade do sistema. Como as correlações quânticas são a principal assinatura da mecânica quântica...

Correlações entre achados ecocardiográficos e parâmetros de qualidade de vida em cães com doença degenerativa crónica da válvula mitral

Botte, José Martins de Carvalho Sacadura
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 08/10/2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.84%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; Contexto: A doença degenerativa crónica da válvula mitral (DDCVM) é a doença cardíaca adquirida mais frequente em canídeos adultos e, pelo seu carácter de progressão crónica, tem um impacto negativo marcado na qualidade de vida dos doentes. A ecocardiografia transtorácica é considerada o método de diagnóstico de eleição para esta doença, e algumas variáveis ecocardiográficas ajudam a identificar animais em risco acrescido de morte. Objectivos: Analisar a existência e significância de correlações entre achados ecocardiográficos e parâmetros de qualidade de vida em cães com DDCVM, de forma a determinar a utilidade desta ferramenta de diagnóstico por imagem como método de avaliação objectiva da qualidade de vida de cães com a referida doença. Animais: Dezoito cães de clientes particulares, 9 machos e 9 fêmeas, de diversas raças e idades, com DDCVM de vários graus de gravidade. Materiais e Métodos: Estudo prospectivo observacional. A qualidade de vida dos cães foi avaliada por um questionário online entregue aos donos; foi realizada ecocardiografia transtorácica 2B, modo-M e Doppler a todos os animais. Utilizou-se o teste de correlação de postos de Spearman para determinar as correlações entre as variáveis de interesse. Resultados: Foram encontradas múltiplas correlações entre as variáveis ecocardiográficas e os parâmetros de qualidade de vida em análise. A gravidade de regurgitação mitral destacou-se pelo número e significância das correlações encontradas. Os índices ecocardiográficos de função diastólica...

Correlações fenotípica, genética aditiva e ambiental em cenoura

Siqueira,Walter José; Illg,Rohlf Dieter; Fornasier,João Baptista; Granja,Newton Prado; Lisbão,Rogério Sales; Santos,Rui Ribeiro Dos
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1993 PT
Relevância na Pesquisa
36.84%
A obtenção de variedades comerciais envolve, por via de regra, a seleção de vários caracteres simultaneamente. Sendo assim, o conhecimento prévio de suas interrelações também pode ser fundamental na estratégia a ser adotada pelo melhorista. O objetivo do presente trabalho foi estimar as correlações fenotípica, genética aditiva de ambiente para diversos pares de caracteres de interesse agronômico de cenoura (Daucus carota L.), variedade Campinas, nas épocas de outono-inverno e primavera-verão, na Estação Experimental de Monte Alegre do Sul (SP), do Instituto Agronômico de Campinas. Esse germoplasma, originário da Seção de Hortaliças do referido Instituto, apresenta elevado nível de resistência à queima das folhas e grande variação quanto ao formato de raízes. Além disso, revela tendência para emissão precoce da haste floral após estímulos de baixa temperatura e/ou fotoperíodo longo, durante estádio vegetativo da cultura. O delineamento foi de blocos ao acaso com 102 progênies de meios-irmãos e quatro e três repetições para as épocas de outono-inverno primavera-verão respectivamente. As correlações fenotípica (rF), genética aditiva (rA) e de ambiente (rE) foram estimadas nas duas épocas de plantio...

Estimativas de correlações fenotípicas, genotípicas e de ambiente entre sete caracteres morfoagronômicos em oito acessos de moranga

Amaral Júnior,Antonio T.; Casali,Vicente Wagner D.; Cruz,Cosme Damião; Silva,Derly José H. da; Silva,Luiz F. Corbeira da
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1994 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
Sete caracteres morfoagronômicos, avaliados em oito acessos de moranga (Cucurbita maxima Duchesne) foram submetidos à análise de correlações fenotípicas, genotípicas e de ambiente. As correlações genotípicas foram superiores às fenotípicas e de ambiente, indicando moderada influência deste último na expressão dos caracteres. Todos os pares de caracteres apresentaram correlações genotípicas positivas (> 0,75), evidenciando que a seleção para aumento na média de um caráter provocará alterações na média do outro, no mesmo sentido. Os caracteres comprimento da rama principal até a primeira flor feminina (RAMA F) e o comprimento da rama principal até o ápice (RAMA T) apresentaram a maior correlação genotípica, enquanto a menor magnitude dessa correlação ocorreu entre o número de nós da rama principal até a primeira flor feminina (NS F) e o comprimento médio do internódio da rama principal até o ápice (COMP T).

Parâmetros dendrométricos e correlações com propriedades tecnológicas em um híbrido clonal de Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis

Gonçalves,Fabricio Gomes; Oliveira,José Tarcísio da Silva; Silva,Gilson Fernandes da; Nappo,Mauro Eloi; Tomazelo Filho,Mario
Fonte: Sociedade de Investigações Florestais Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.84%
A qualidade da madeira aparentemente está associada às características dendrométricas, que por sua vez são influenciadas pelas condições de crescimento. Os objetivos deste estudo foram a caracterização dendrométrica e a realização de correlações de Pearson entre alguns parâmetros tecnológicos da madeira do híbrido clonal de Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis sob três estratos silviculturais. Os dados dendrométricos foram analisados mediante a análise de regressão. Os resultados mostraram que o híbrido apresenta comportamento similar ao das demais madeiras da mesma espécie que cresceram em outras regiões, destacando-se a espessura do alburno no E1 (talhadia simples, 70 meses e com um desbaste), com pouca variação ao longo do fuste. Todas as árvores apresentaram, em geral, baixa conicidade ao longo do fuste e baixo volume de casca entre os estratos. Na correlação de Pearson foram avaliados entre si nove parâmetros dendrométricos, sete físicos e três mecânicos, longitudinalmente em seções de 3 m e na posição medula-casca nas duas primeiras toras. Os coeficientes encontrados demonstram haver fortes correlações entre as propriedades, destacando-se a densidade básica em relação às demais características e o coeficiente de anisotropia...

Correlações entre características físico-químicas e sensoriais em suco de maracujá-amarelo (Passiflora edulis var. flavicarpa) durante o armazenamento

Sandi,Delcio; Chaves,José B. P.; Souza,Antonio C. G.; Silva,Marco T. C.; Parreiras,Jun e F. M.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2003 PT
Relevância na Pesquisa
36.84%
Foram estudadas possíveis correlações entre características físicas, químicas e sensoriais em suco de maracujá-amarelo (Passiflora edulis var. flavicarpa) submetido à pasteurização, durante o armazenamento por 120 dias, sob duas temperaturas (25 ± 5ºC e 5 ± 1ºC). As características físicas e químicas relacionadas a cor, parâmetros "L" (luminosidade), "a" (intensidade de vermelho e verde) e "b" (intensidade de amarelo e azul) de Hunter, os açúcares redutores e não-redutores (sacarose, glucose e frutose), os compostos voláteis (butirato de etila, butirato de hexila, caproato de etila e caproato de hexila) e furfural foram correlacionadas com características sensoriais (homogeneidade da cor, cor laranja, aroma característico, aroma floral, aroma doce, sabor característico, sabor estranho, sabor oxidado, sabor cozido, gosto doce e gosto amargo) obtidas por Análise Descritiva Quantitativa. As correlações entre os parâmetros de cor e as características sensoriais de homogeneidade da cor e cor laranja foram baixas. Entretanto, o aumento da cor laranja foi proporcional ao aumento do valor "a" e inversamente proporcional aos valores "L" e "b". Correlações importantes foram observadas entre os compostos voláteis e sabor característico e aroma característico...

ESTIMATIVAS DE HERDABILIDADES E CORRELAÇÕES ENTRE PRODUÇÃO DE GRÃOS E SEUS COMPONENTES PARA CRUZAMENTOS BIPARENTAIS DE TRIGO

Camargo,C.E. de O.
Fonte: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" Publicador: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1998 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
Visando estimar a herdabilidade, em sentido restrito, para número de espigas por planta, número de grãos por espiga, peso de cem grãos e produção de grãos, bem como as correlações entre essas características, foram efetuados cruzamentos entre o cultivar IAC-227 (P1), de porte alto e quatro linhagens mexicanas, de porte baixo: CMH 78.390/ CMH 77A. 917// CMH 79.215 (P2), CMH 79.959/2* CNO 79 (P3), CMH 79.481/ CMH 77A. 917 (P4) e CMH 80A. 747 (P5). Foram estudadas as gerações parentais, F1, F2 e os retrocruzamentos para ambos os pais sendo as avaliações realizadas em plantas individuais. O valor da herdabilidade, em sentido restrito, para número de grãos por espiga foi de 0,717, para o cruzamento P1 x P2, indicando que as seleções para esse caráter poderiam ser feitas nas gerações F2 ou F3. Os valores médios a baixos da herdabilidade, em sentido restrito, para número de espigas por planta (0,157-0,547), número de grãos por espiga (0,047-0,321), exceto para o cruzamento P1 x P2, peso de cem grãos (0,125-0,476) e produção de grãos (0,421-0,550) sugerem que a seleção para esses caracteres poderia ser postergada para gerações mais avançadas, onde testes de progênies seriam realizados. As correlações genéticas aditivas indicaram ser possível selecionar progênies apresentando ao mesmo tempo elevado potencial produtivo...

Correlações entre características da qualidade do sêmen e a circunferência escrotal de reprodutores da raça Gir

Martinez,Mario Luiz; Verneque,Rui da Silva; Teodoro,Roberto Luiz; Paula,Luiz Ronaldo de Oliveira; Cruz,Mauro; Campos,José de Paula; Rodrigues,Lúcia Helena; Oliveira,João de; Vieira,Fernando; Bruschi,José Henrique; Durães,Marcus Cordeiro
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2000 PT
Relevância na Pesquisa
36.84%
Informações relativas a aspectos físicos, como volume (VOL), turbilhonamento (TURB), motilidade (MOT), vigor (VIG) e concentração (CONC), e aspectos morfológicos, como defeitos maiores (DMA) e menores (DME), de 807 coletas de sêmen (CS) de 105 touros da raça Gir selecionados para leite, e suas respectivas medidas de circunferência escrotal (CE), foram utilizadas para estudar os fatores que afetam essas características e suas correlações. Modelos uni e bivariados, que incluíram os efeitos da central de inseminação, do ano e da época da CS ou da medida da CE , da idade à CS ou da medida CE e touro, foram utilizados para avaliar os efeitos destas fontes de variação e as correlações entre as características. Os efeitos da central de inseminação e de touro foram significativos para todas as características. A idade afetou apenas CE, TURB e NEMOV (= VOL x CONC x MOT). As repetibilidades, estimadas pelo modelo univariado, variaram de 0,23, para CONC, a 0,70, para TURB. As correlações fenotípicas estimadas pelos modelos bivariados foram, em geral, no sentido favorável. As correlações de Pearson entre a CE e as demais características variaram de -0,19 a 0,35. As correlações obtidas, em geral no sentido favorável...

Parâmetros genéticos para caracteres de sêmen de aves White Leghorn.: 1. Herdabilidades e correlações

Bongalhardo,Denise Calisto; Dionello,Nelson José Laurino; Ledur,Mônica Corrêa
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2000 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
O presente trabalho teve por objetivo estimar herdabilidades (h²) e correlações genéticas (r g) dos caracteres seminais, da motilidade espermática (MOT), do volume de sêmen (VOL) e da concentração de espermatozóides (CON) de aves White Leghorn. Foram utilizados 698 machos White Leghorn da linhagem DD1, desenvolvida na EMBRAPA - CNPSA, com ejaculados coletados às 24, 26 e 28 semanas de idade. As estimativas de herdabilidades e seus erros-padrão, respectivamente, para as 24, 26 e 28 semanas de idade, foram, para VOL, 0,30 (0,18), 0,27(0,17) e 0,32(0,18); para MOT, 0,08(0,16), 0,34(0,18) e 0,26 (0,17); e para CON, 0,29 (0,18), 0,31 (0,17) e 0,34 (0,19). Os valores obtidos para correlações genéticas e seus erros-padrão, às 24 semanas foram: -0,11 (0,56) entre MOT e VOL, -1,77 (3,45) entre MOT e CON e 0,51 (0,37) entre VOL e CON. As estimativas r g às 26 semanas foram de -0,15 (0,32) entre MOT e VOL, -0,61 (0,36) entre MOL e CON e 0,65 (0,26) entre VOL e CON. As estimativas DE r g às 28 semanas foram de -0,13 (0,35) entre MOL e VOL, -0,86 (0,42) entre MOL e CON e 0,16 (0,29) entre VOL e CON. Com base nestes resultados, sugere-se a utilização dos caracteres volume de sêmen e/ou concentração de espermatozóides, medidos a partir das 26 semanas de idade...

Aplicação do método Bayesiano na estimação de correlações genéticas e fenotípicas de peso em codornas de corte em várias idades

Winter,Eliane Maria Wilbert; Almeida,Marina Isabel Mateus de; Oliveira,Edson Gonçalves de; Martins,Elias Nunes; Natel,Andressa Santanna; Surek,Diego
Fonte: Sociedade Brasileira de Zootecnia Publicador: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2006 PT
Relevância na Pesquisa
36.79%
Objetivou-se com este estudo obter estimativas de correlações genéticas e fenotípicas para características peso aos 7 dias (PES7), peso aos 14 dias (PES14), peso aos 28 dias (PES28) e peso aos 42 dias de idade (PES42) de codornas de corte. No galpão de criação, foram alojadas 1.022 aves devidamente identificadas, utilizadas para avaliação do desempenho produtivo, por meio de pesagens individuais. Os componentes de (co)variância e os parâmetros genéticos foram estimados por procedimentos Bayesianos via amostrador de Gibbs utilizando-se o programa MTGSAM. As estimativas de correlações genéticas obtidas foram de 0,73 entre PES7 e PES14, 0,52 entre PES7 e PES28, 0,55 entre PES7 e PES42, 0,73 entre PES14 e PES28 e 0,56 entre PES14 e PES42 dias de idade. Correlação genética de 0,81 entre os pesos de 28 e 42 dias de idade indica a possibilidade de aumento do peso corporal aos 42 dias de idade pela seleção do peso corporal aos 28 dias de idade. As correlações fenotípicas variaram de 0,57 a 0,85 e foram ligeiramente superiores às genéticas, sugerindo que a correlação de ambiente é de pequena magnitude e positiva. Os menores intervalos de credibilidade das estimativas de correlações genéticas foram entre os pesos aos 28 e 42 dias e aos 14 e 28 dias.

Parâmetros dendrométricos e correlações com propriedades tecnológicas em um híbrido clonal de Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis; Dendrometric parameters and correlations with technological properties in a clonal hybrid of Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis

GONÇALVES, Fabricio Gomes; OLIVEIRA, José Tarcísio da Silva; SILVA, Gilson Fernandes da; NAPPO, Mauro Eloi; TOMAZELO FILHO, Mario
Fonte: Sociedade de Investigações Florestais Publicador: Sociedade de Investigações Florestais
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
36.84%
A qualidade da madeira aparentemente está associada às características dendrométricas, que por sua vez são influenciadas pelas condições de crescimento. Os objetivos deste estudo foram a caracterização dendrométrica e a realização de correlações de Pearson entre alguns parâmetros tecnológicos da madeira do híbrido clonal de Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis sob três estratos silviculturais. Os dados dendrométricos foram analisados mediante a análise de regressão. Os resultados mostraram que o híbrido apresenta comportamento similar ao das demais madeiras da mesma espécie que cresceram em outras regiões, destacando-se a espessura do alburno no E1 (talhadia simples, 70 meses e com um desbaste), com pouca variação ao longo do fuste. Todas as árvores apresentaram, em geral, baixa conicidade ao longo do fuste e baixo volume de casca entre os estratos. Na correlação de Pearson foram avaliados entre si nove parâmetros dendrométricos, sete físicos e três mecânicos, longitudinalmente em seções de 3 m e na posição medula-casca nas duas primeiras toras. Os coeficientes encontrados demonstram haver fortes correlações entre as propriedades, destacando-se a densidade básica em relação às demais características e o coeficiente de anisotropia...

Correlações genotípicas, fenotípicas e de ambiente entre dez caracteres de melancia e suas implicações para o melhoramento genético

Ferreira, Maria Aldete J.F.; Queiróz, Manoel Abílio de; Braz, Leila T.; Vencovsky, Roland
Fonte: Associação Brasileira de Horticultura Publicador: Associação Brasileira de Horticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 438-442
POR
Relevância na Pesquisa
36.79%
Foram estimadas as correlações genotípicas, fenotípicas e de ambiente entre os caracteres número de dias para o aparecimento da primeira flor feminina (FF); número de frutos por planta (NF); peso de frutos por planta (PF); cor (CP) e espessura (EP) da polpa; diâmetro longitudinal (DL) e transversal (DT) de frutos; teor de sólidos solúveis (TS); número de sementes (NS) e peso de 100 sementes (PS) por fruto. As populações de melancia B9, 'Charleston Gray', 'Crimson Sweet', 'New H. Midget', M7, P14 e B13, os 21 híbridos F1, em dialelo, e seus recíprocos foram avaliados em campo, de acordo com o delineamento em blocos ao acaso completos, com quatro repetições. Houve grande similaridade entre as estimativas das correlações genotípicas e fenotípicas investigadas. Foram verificadas correlações genotípicas importantes entre os caracteres NF e PF, DL e DT; entre PF e DL, DT, EP e TS e entre CP e FF, EP e TS. Tais correlações indicam que o aumento no número de frutos por planta está correlacionado com a redução do peso de frutos e do tamanho dos frutos (função de DL e DT) e que o aumento no peso dos frutos está associado ao aumento no tamanho dos frutos, da espessura e teor de sólidos solúveis da polpa, assim como a polpa vermelha está relacionada à precocidade e ao aumento na espessura e no teor de sólidos solúveis da polpa. As associações indesejáveis entre os caracteres...

MELHORAMENTO DO TRIGO: XXXI. HERDABILIDADES E CORRELAÇÕES ENTRE TRÊS CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS EM POPULAÇÕES HÍBRIDAS

FERREIRA FILHO,ANTONIO WILSON PENTEADO; CAMARGO,CARLOS EDUARDO DE OLIVEIRA; AYALA-OSUNA,JUAN
Fonte: Instituto Agronômico de Campinas Publicador: Instituto Agronômico de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/1997 PT
Relevância na Pesquisa
36.73%
Para estimar a herdabilidade, em sentido amplo e restrito, para altura de planta, número de grãos por espigueta e produção de grãos, bem como as correlações entre essas características, realizaram-se cruzamentos entre o `BH-1146' (P1), de origem nacional e porte alto, com os cultivares mexicanos CMH 80.638/ CMH 75A. 411//CMH 80.638 (P2); CMH 79.959/2 * CNO 79 (P3) e CMH 79.481/CMH 77A. 917 (P4), de porte baixo a médio. Plântulas, das gerações parentais F1 e F2 e dos retrocruzamentos, para ambos os pais, foram transplantadas para vasos no telado. Para o caráter altura de planta, os valores estimados para as herdabilidades em sentido amplo e restrito, ao nível de plantas individuais, foram altos em todos os cruzamentos, variando de 0,86 a 0,91 e de 0,77 a 0,96 respectivamente. Para o caráter número de grãos por espigueta, os valores da herdabilidade em sentido amplo (0,26 a 0,50) e restrito (0,26 a 0,61) variaram, conforme o cruzamento, de baixo a médio. Dados da herdabilidade em sentido amplo para produção de grãos variaram de médio a alto (0,63 a 0,70) e, em sentido restrito, foram médios (0,41 a 0,62). As correlações fenotípicas entre produção de grãos e altura de planta foram significativas para os cruzamentos P1 x P3 (-0...

Correlações genotípicas, fenotípicas e de ambiente entre dez caracteres de melancia e suas implicações para o melhoramento genético

Ferreira,Maria Aldete J.F.; Queiróz,Manoel Abílio de; Braz,Leila T.; Vencovsky,Roland
Fonte: Associação Brasileira de Horticultura Publicador: Associação Brasileira de Horticultura
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2003 PT
Relevância na Pesquisa
36.79%
Foram estimadas as correlações genotípicas, fenotípicas e de ambiente entre os caracteres número de dias para o aparecimento da primeira flor feminina (FF); número de frutos por planta (NF); peso de frutos por planta (PF); cor (CP) e espessura (EP) da polpa; diâmetro longitudinal (DL) e transversal (DT) de frutos; teor de sólidos solúveis (TS); número de sementes (NS) e peso de 100 sementes (PS) por fruto. As populações de melancia B9, 'Charleston Gray', 'Crimson Sweet', 'New H. Midget', M7, P14 e B13, os 21 híbridos F1, em dialelo, e seus recíprocos foram avaliados em campo, de acordo com o delineamento em blocos ao acaso completos, com quatro repetições. Houve grande similaridade entre as estimativas das correlações genotípicas e fenotípicas investigadas. Foram verificadas correlações genotípicas importantes entre os caracteres NF e PF, DL e DT; entre PF e DL, DT, EP e TS e entre CP e FF, EP e TS. Tais correlações indicam que o aumento no número de frutos por planta está correlacionado com a redução do peso de frutos e do tamanho dos frutos (função de DL e DT) e que o aumento no peso dos frutos está associado ao aumento no tamanho dos frutos, da espessura e teor de sólidos solúveis da polpa, assim como a polpa vermelha está relacionada à precocidade e ao aumento na espessura e no teor de sólidos solúveis da polpa. As associações indesejáveis entre os caracteres...

HERDABILIDADE E CORRELAÇÕES GENÉTICAS, FENOTÍPICAS E AMBIENTAIS PARA PESOS EM DIFERENTES IDADES DE BOVINOS DA RAÇA TABAPUÃ

FERRAZ FILHO, P. B.; RAMOS, A. A.; SILVA, L. O. C.; SOUZA, J. C.; ALENCAR, M. M.
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 21/10/2004 POR
Relevância na Pesquisa
36.84%
O conhecimento dos parâmetros genéticos, fenotípicos e ambientais de características de valor econômico é de fundamental importância para o delineamento de programas de seleção em bovinos de corte, pois permite antever a possibilidade de sucesso com a seleção. O objetivo deste trabalho foi obter estimativas de herdabilidade e de correlações genéticas, fenotípicas e ambientais, para os pesos ao desmame (P205), aos doze meses (P365) e aos 18 meses (P550) de idade de zebuínos da raça Tabapuã. Os dados, referentes a 15.358 animais, foram analisados pelo método da máxima verossimilhança restrita livre de derivadas (DFREML). O modelo para P205 incluiu os efeitos aleatórios aditivos direto e materno e de ambiente permanente e os efeitos fixos de grupo de contemporâneos (fazenda, unidade da federação, sexo, estação e ano de nascimento do animal) e da covariável idade da vaca ao parto (efeitos linear e quadrático). Para P365 e P550, utilizou-se um modelo semelhante, porém sem os efeitos aditivos materno, de ambiente permanente e da idade da vaca. As estimativas de herdabilidade foram iguais a 0,23; 0,21 e 0,15, para P205, P365 e P550, respectivamente. As estimativas de correlações genéticas foram iguais a 0...