Página 1 dos resultados de 572 itens digitais encontrados em 0.021 segundos

Gestão de projectos: modelo para gestão e controlo de custos de obras de construção civil

Sousa, Pedro Alexandre Rodrigues de
Fonte: Universidade da Madeira Publicador: Universidade da Madeira
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 11/11/2013 POR
Relevância na Pesquisa
56.03%
Hoje em dia onde o mercado da construção civil é cada vez mais competitivo e as empresas de construção civil tendem em apresentar orçamentos com os custos cada vez mais inferiores, diminuindo as margens de lucro por forma a garantir trabalho para alimentar a sua massa. Deste modo, é fulcral apostar em ferramentas ou em métodos que apoiem a equipa de direcção de obra de forma a garantir as margens previstas antes do início dos trabalhos. É neste contexto que este trabalho foi desenvolvido, garantindo uma aplicação informática numa folha de cálculo MS Excel e com recurso ao programa de planeamento MS Project, que aplica um método de controlo de custos de uma forma simples e funcional sem grandes encargos de aquisição de softwares ou de formação específica.

Proposta de Metodologia de Controlo de Custos de uma Obra Pública

Santos, David André Silva
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
56.32%
Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para a obtenção do grau de Mestre em Engenharia Civil; A presente dissertação tem como principal objetivo aprofundar e contribuir para o estudo da temática de controlo de custos de uma obra pública, essencialmente pela vertente de controlo custos, em fase de obra. Deste modo, o trabalho propõe a abordagem de um possível método de controlo de custos em fase de obra que, de acordo com a legislação, permita um efetivo controlo de custos na fase de execução da empreitada, possibilitando a qualquer momento o conhecimento da evolução dos trabalhos e a possível identificação de desvios que possam ocorrer, permitindo rápidas intervenções de forma a mitigar os efeitos desses desvios. Assim, na presente dissertação propõe-se uma descrição de todos os procedimentos necessários para assegurar uma efetiva gestão de custos de uma obra desde o lançamento da empreitada a concurso, a adjudicação, até à elaboração de mapas de autos de medição e faturação ao controlo dos trabalhos efetuados e a efetuar. O método seguido na presente dissertação, visa produzir um modelo de controlo de custos em Microsoft Excel para satisfazer as necessidades do Dono de Obra...

A importância dos custos da qualidade e o seu foco nas actividades : o caso de uma empresa do sector da água em Portugal

Costa, Francisco Coelho Matos da
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.3%
O presente relatório tem por base o estágio curricular realizado, entre Fevereiro e Julho de 2013, na AC, Águas de Coimbra, E.E.M., em Coimbra, na área do controlo de gestão, e com enfoque na gestão da qualidade. No âmbito do estágio realizado, o tema que se pretende estudar é a importância dos custos da qualidade e o seu foco nas actividades: o caso de uma empresa do sector da água em Portugal. A escolha deste tema deveu-se ao facto de, cada vez mais, as organizações se responsabilizarem pela melhoria contínua do controlo dos seus custos e da qualidade dos seus serviços. Deste modo, é cada vez mais importante as empresas criarem a sua contabilidade analítica e serem capazes de calcular os seus custos da qualidade, de modo a controlarem melhor os seus custos e processos inerentes às actividades realizadas diariamente. O trabalho realizado na AC, Águas de Coimbra, E.E.M incidiu sobre várias actividades do controlo de gestão, de modo a conhecer de forma geral toda a organização. Entre elas, destacam-se o processo de controlo da qualidade da água e uma auditoria interna efectuada ao processo de refacturações, relacionadas com os processos da qualidade e da não-qualidade, respectivamente, e cujas etapas são descritas no presente relatório. Após a realização do estágio...

Estudo das práticas de controlo dos trabalhos na construção nacional; Study of control practices of work in the national construction

Pereira, João Paulo Silva
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
56%
Dissertação de mestrado integrado em Engenharia Civil; Num contexto macro-económico complexo, as empresas de construção nacionais enfrentam enormes desafios relacionados com o seu modelo de atuação no mercado, pois vivemos numa sociedade cada vez mais competitiva em termos económicos. Ao mesmo tempo, os consumidores tornaram-se mais exigentes, mais atentos e participativos, obrigando as empresas de construção que se queiram manter não só ativas, mas essencialmente competitivas, a aperfeiçoar as estratégias de gestão e os processos internos de gestão, isto é, tornou-se necessário gerir os projetos de forma profissional para evitar incumprimentos, atrasos e quebras na qualidade que têm consequências severas, tanto em termos financeiros como de mercado. É neste complexo contexto de atuação, onde as rotinas são pouco frequentes e onde a inovação e a necessidade de adaptação são constantes, que surge a necessidade de implementar os ensinamentos da gestão de projeto de uma forma cada vez mais eficiente. Enquadrando o presente estudo neste contexto, o objetivo do mesmo é analisar se as metodologias da gestão de projetos se tornam eficazes para resolver os principais problemas do setor. Esta investigação de mestrado teve como objetivo preliminar identificar e analisar as práticas mais utilizadas no controlo dos trabalhos pelas empresas de construção...

Metodologia de controlo da qualidade de modelos BIM para análises 4D e 5D; Methodology for quality control of BIM models for 4D and 5D analysis

Sampaio, Nuno Miguel Gonçalves Russell
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
56.11%
Dissertação de mestrado integrado em Engenharia Civil; O estudo desenvolvido no âmbito da dissertação do Mestrado Integrado em Engenharia Civil contou com a colaboração da empresa ndBIM Virtual Building. BIM Building Imformation Modeling é uma metodologia que consiste num conjunto de políticas e tecnologias que levam ao controlo virtual e digital de todas as fases de construção de um empreendimento. No âmbito deste estudo focamo-nos no planeamento e controlo dos tempos (4D) e planeamento dos custos (5D). Um dos grandes problemas do BIM, quando falamos destas especialidades, são os erros nas extrações de quantidades, o que conduz a um incorreto orçamento que, por sua vez, pode conduzir à perda de uma obra por parte de uma construtora. Foi aqui que apareceu uma fase muito importante do BIM, a Garantia de Qualidade dos Modelos (Quality Assurance). A garantia de qualidade dos modelos serve para verificar se os mesmos foram construídos corretamente dado que, quando nos referimos a erros de projeto em BIM, estamos a falar de erros em modelos, erros estes que poderão ser evitados ou corrigidos de diversas formas. Através deste estudo vamos propor algumas correções. No início desta dissertação passou-se por uma fase de análise de informação existente há cerca da temática 4D e 5D BIM...

Avaliação de custos associados à infeção do local cirúrgico nos serviços de cirurgia geral dos Hospital geral Santo António

Aires, Ernestina
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.24%
O custo económico relacionado com as infeções, pode traduzir-se num aumento da demora média da hospitalização, no aumento da utilização de antibióticos, no recurso a mais estudos laboratoriais e outros meios de diagnóstico para além dos custos intangíveis e sociais. Neste estudo pretendeu-se avaliar o custo das infeções do local cirúrgico (ILC) ocorridas durante o ano de 2009 nos serviços de cirurgia geral do Hospital Geral de Santo António, unidade do Centro Hospitalar do Porto (CHP). A população estudada correspondeu ao número total de registos de procedimentos cirúrgicos efetuados, à data da alta do doente, que foram enviados à comissão de controlo de infeção, num total de 1280 episódios, que correspondem a 44,2% da totalidade dos doentes saídos dos serviços cirúrgicos. Realizou-se um estudo retrospetivo de tipo caso-controlo em que as questões que orientaram a investigação e sobre as quais se apoiam os resultados foram:  Quantos casos de ILC foram identificados?  Quais os custos associados em termos de consumo de antibióticos e tempo de internamento nos casos e controlos?  Qual o custo das ILC nos serviços de cirurgia geral do CHP? Foram identificados 37 casos (doentes com ILC), que correspondem a uma percentagem de 2...

Aplicação de metodologias Lean nas prensas isostáticas da Vista Alegre

Milheiro, Pedro André Torres
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
55.91%
O presente projecto descreve uma abordagem a um centro de trabalho, com a finalidade de se proceder à redução dos custos inerentes a actividades que não lhe acrescentam valor. É implementado o Overall Equipment Effectinevess como meio de o monitorizar através dos índices de disponibilidade, performance e qualidade. Esta informação e outra relevante são disponibilizadas, posteriormente, aos intervenientes no processo através da gestão visual. Após se constatar quais as paragens que afectam mais a disponibilidade dos equipamentos, intervém-se na tipologia de paragem “mudança de formas”, através do Single Minute Exchange of Die. A partir das melhorias conseguidas estudam-se dois cenários possíveis, a diminuição dos lotes de fabrico com recurso ao Every Part Every Interval por um lado, e por outro o aumento da quantidade produzida. Efectua-se também uma aproximação ao Total Productive Maintenance, intervindo na tipologia de paragem “avaria com intervenção da manutenção”. Através da metodologia 5S’s, com o objectivo de reduzir o número e tempo das suas intervenções. Procede-se ainda a um registo detalhado de avarias, para possibilitar posteriormente a sua análise estruturada. Por último é estudada a tipologia de paragem “limpeza do posto de trabalho”...

Gestão e fiscalização de obras públicas : modelo de controlo de custos

Matos, Artur Jorge Coelho de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
66.31%
Esta dissertação efetua uma análise do novo regime de suprimento de erros e omissões e de trabalhos a mais e a menos aplicáveis aos contratos de obras públicas, ao abrigo do Código dos Contratos Públicos de 2008, dentro da temática central do controlo de custos, sob o ponto de vista da coordenação e fiscalização de obra e, determinar causas e consequências que se traduzem nos atrasos dos prazos e na derrapagem dos custos das obras públicas. Deste modo pretende criar-se um documento que permita, aos interessados, sobretudo diretores de fiscalização e diretores de obra, esclarecer as dúvidas que se têm vindo a verificar nesta matéria, mais especificamente na interpretação da legislação em vigor, aprovação de trabalhos a mais e suprimento de erros e omissões em fase procedimental e em fase de execução do contrato ao abrigo do Código dos Contratos Públicos de 2008. A dissertação enquadra a mais recente alteração ao CCP (2008), o Decreto- Lei n.º 149/2012, de 12 de julho que introduz profundas alterações aos limites de contratação de suprimento de erros e omissões, que levantam novas questões de interpretação do CCP (2008) que carecem de dissipação. A metodologia adotada para esclarecimento destas questões incidiu sobra a análise de vários casos de estudo...

Planeamento e Controlo dos Custos da Qualidade nas Empresas Portuguesas Certificadas

Cociorva, Aliona; Saraiva, Margarida; Ferreira, Osvaldo; Novas, Jorge Casas
Fonte: Fundação para o Desenvolvimento da Universidade do Algarve Publicador: Fundação para o Desenvolvimento da Universidade do Algarve
Tipo: Parte de Livro
POR
Relevância na Pesquisa
76.3%
A globalização dos mercados, onde a competição é cada vez maior, fez com que a gestão da qualidade e os sistemas de gestão de custos da qualidade se tornassem factores da maior importância para a competitividade das organizações. O movimento da qualidade está intimamente associado à certificação dos sistemas de gestão da qualidade que, por si só, não é suficiente para assegurar a competitividade das organizações nos mercados altamente competitivos. Hoje em dia, as empresas dispõem, regra geral, de menos recursos do que no passado, o que as obriga a geri-los de forma mais criteriosa e racional. Assim, as organizações, cada vez mais, têm que ser eficientes na sua gestão e procuram medir a qualidade em termos monetários, através de sistemas de gestão de custos da qualidade, destacando assim a validade e utilidade do planeamento e controlo dos custos da qualidade, como instrumento de gestão. O presente artigo insere-se num projecto de investigação no âmbito do Mestrado em Gestão da Universidade de Évora, tendo como objectivo conhecer os procedimentos adoptados no planeamento e controlo dos custos da qualidade nas empresas portuguesas certificadas, bem como verificar se elaboram relatórios de gestão que permitam determinar o retorno financeiro dos investimentos efectuados em qualidade. Os resultados obtidos evidenciam que existe uma baixa aderência da maioria das empresas respondentes em relação à implementação de sistemas formais que quantificam e controlam os custos de qualidade...

Os Custos da Qualidade nas Empresas Portuguesas Certificadas

Cociorva, Aliona; Saraiva, Margarida; Ferreira, Osvaldo; Novas, Jorge Casas
Fonte: Edições Sílabo Publicador: Edições Sílabo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
56.34%
Hoje em dia, a gestão criteriosa e racional dos recursos é um aspecto cada vez mais fulcral em termos de competitividade. Neste contexto, as organizações têm que ser eficientes na sua gestão, procurando também medir a qualidade em termos monetários através de sistemas de gestão de custos da qualidade. É assim destacada a validade e utilidade do planeamento e controlo dos custos da qualidade como instrumento de gestão. Este estudo apresenta como objectivo principal conhecer os procedimentos adoptados no planeamento e controlo dos custos da qualidade nas empresas portuguesas certificadas e verificar se tais empresas elaboram relatórios de gestão que permitam determinar o retorno financeiro dos investimentos efectuados em qualidade, bem como avaliar em que medida os relatórios de gestão contribuem para o planeamento e controlo dos custos da qualidade. Os resultados obtidos evidenciam que existe um reduzido assentimento quanto à implementação de sistemas formais de planeamento e controlo dos custos da qualidade e quanto à sua identificação explícita e isolada nos relatórios de gestão. Igualmente ficou evidenciado o baixo nível de controlo dos investimentos efectuados em qualidade, circunstância que acarreta dificuldades na quantificação dos retornos obtidos pelas empresas portuguesas certificadas.

OS CUSTOS DA QUALIDADE: O CASO DAS EMPRESAS PORTUGUESAS CERTIFICADAS SEGUNDO UM DOS REFERENCIAIS ISO

Cociorva, Aliona; Saraiva, Margarida; Ferreira, Osvaldo; Casas Novas, Jorge
Fonte: Instituto Politécnico de Setúbal Publicador: Instituto Politécnico de Setúbal
Tipo: Aula
POR
Relevância na Pesquisa
56.32%
Para assegurar a qualidade dos produtos e serviços, as empresas implementam sistemas de gestão da qualidade de acordo com as normas da International Organization for Standardization, com vista a obter uma posterior certificação. Todavia, desconhece-se se tais empresas estão igualmente empenhadas na gestão dos custos da qualidade decorrentes das actividades desenvolvidas, quer ao nível das actividades de controlo, quer resultantes de falhas no controlo, bem como se essas organizações verificam (ou não) a recuperação dos investimentos em qualidade. Neste sentido, o presente artigo pretende averiguar quais os procedimentos adoptados por essas empresas na gestão dos custos da qualidade, bem como avaliar em que medida os relatórios de gestão permitem a análise e contribuem para o planeamento e controlo dos custos da qualidade. Os resultados obtidos neste estudo evidenciaram que existe um reduzido assentimento quanto à implementação de sistemas formais de planeamento e controlo dos custos da qualidade e quanto à identificação explícita e isolada dos custos da qualidade nos relatórios de gestão.

Avaliação de custos associados à infeção do local cirúrgico nos serviços de cirurgia geral do Hospital Geral Santo António

Aires, Ernestina
Fonte: Instituto das Ciências da Saúde - Universidade Católica Portuguesa Publicador: Instituto das Ciências da Saúde - Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2011 POR
Relevância na Pesquisa
46.22%
O custo económico relacionado com as infeções, pode traduzir-se num aumento da demora média da hospitalização, no aumento da utilização de antibióticos, no recurso a mais estudos laboratoriais e outros meios de diagnóstico para além dos custos intangíveis e sociais. Neste estudo pretendeu-se avaliar o custo das infeções do local cirúrgico (ILC) ocorridas durante o ano de 2009 nos serviços de cirurgia geral do Hospital Geral de Santo António, unidade do Centro Hospitalar do Porto (CHP). A população estudada correspondeu ao número total de registos de procedimentos cirúrgicos efetuados, à data da alta do doente, que foram enviados à comissão de controlo de infeção, num total de 1280 episódios de internamento, que correspondem a 44,2% da totalidade dos doentes saídos dos serviços cirúrgicos. Realizou-se um estudo retrospetivo de tipo caso-controlo em que as questões que orientaram a investigação e sobre as quais se apoiam os resultados foram: Quantos casos de ILC foram identificados? Quais os custos associados em termos de consumo de antibióticos e tempo de internamento nos casos e controlos? Qual o custo das ILC nos serviços de cirurgia geral do CHP? Foram identificados 37 casos (doentes com ILC), que correspondem a uma percentagem de 2...

Controlo de custos de uma obra pública, por parte do dono de obra

Sernache, Hugo Alexandre Marques
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /01/2013 POR
Relevância na Pesquisa
76.18%
De acordo com o contrato estabelecido entre a Administração do Porto de Sines, S.A. e a PSA Sines, concessionária do Terminal de Contentores de Sines (TCS), cabe à Autoridade Portuária a proteção necessária à operação portuária. Neste sentido, foi estabelecido um planeamento faseado do desenvolvimento do Molhe Leste do Porto de Sines, de acordo com o desenvolvimento do Terminal XXI. Tendo já o concessionário procedido à ampliação do cais de 380 metros para 730 metros, cabe à Autoridade Portuária proceder às operações necessárias que proporcionem as adequadas condições de abrigo à agitação marítima. Com um investimento de €32 500 000,00, por parte da APS, S.A., surge a empreitada “2.ª Fase de Ampliação do Molhe Leste do Porto de Sines”. Trata-se portanto, de uma oportunidade única para um aluno de Engenharia Civil no ramo de Hidráulica, proceder ao acompanhamento e fiscalização da empreitada numa empresa de referência a nível Mundial. A finalidade deste relatório será enunciar o procedimento adotado na tarefa de fiscalização de controlo de custos, durante a fase de execução da “2.ª Fase de Ampliação do Molhe Leste do Porto de Sines”, do ponto de vista do Dono de Obra (APS, S.A.)...

Análise de custos associados à sinistralidade e segurança rodoviária

Santos, Clara Lúcia Jorge dos
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu. Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu. Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /07/2013 POR
Relevância na Pesquisa
56.07%
Curso de Mestrado em Engenharia de Construção e Reabilitação; Este estágio, num protocolo realizado com a ASCENDI, aborda o tema de Análise de custos associados à sinistralidade e segurança rodoviária. É também descrita a elaboração de uma base de dados destinada à análise de sinistralidades, de custos de falhas de disponibilidade e de custos dos danos na infraestrutura. São expostas algumas definições importantes de sinistralidade, incluindo as suas principais causas. Relata-se a história, teorias e modelos da segurança rodoviária, bem como as entidades responsáveis e políticas associadas. São descritas as propriedades mais importantes numa análise de Sinistralidade. Dada a vastidão de custos associados à sinistralidade e segurança rodoviária, este estágio apenas se concentra nos custos de falhas de disponibilidade e nos custos dos danos na infraestrutura. É explicado o funcionamento da base de dados desenvolvida para o registo/arquivo e cálculo dos custos associados a acidentes rodoviários. Por fim, são apresentadas algumas formas e estratégias de melhorar a segurança rodoviária, bem como medidas de controlo de sinistralidade, de modo a prevenir/reduzir a ocorrência de acidentes rodoviários.; ABSTRACT: This teaching practice...

Impacto directo dos custos com ECMO no total de custos da UCI no tratamento de doentes com insuficiência respiratória aguda grave

Almeida, Vera
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Outros
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
56.08%
RESUMO - Contexto: Os custos associados ao ECMO (Extracorporeal Membrane Oxygenation) não estão tão amplamente divulgados como os resultados sobre a sua efectividade. A identificação dos custos e dos cost-drivers do ECMO representam informação crucial quer para os clínicos, quer para os administradores hospitalares e, por isso, é profícuo conhecer o impacto desta terapêutica nos custos totais incorridos nas UCI. Objectivos: Analisar o impacto do ECMO no total de custos imputados a doentes com insuficiência respiratória aguda grave internados nas Unidades de Cuidados Intensivos do CHSJ. Metodologia: Desenvolveu-se uma análise de custos retrospectiva onde se consideraram os custos directos médicos associados ao internamento de 33 doentes no CHSJ com insuficiência respiratória aguda grave entre Dezembro de 2009 e Janeiro de 2012. Foram incluídos custos com material de consumo clínico (MCC), recursos humanos (RH), medicamentos, meios complementares de diagnóstico e terapêutica (MCDT) e técnicas de suporte da função renal (TSFR). Foram aplicadas quer a abordagem de análise de custos botoom-up, quer a top-down. Coligiram-se custos consultando diferentes bases de dados, nomeadamente, o processo clínico de cada doente e o SONHO. A sua valorização foi possível consultando a base de dados da farmácia/logística hospitalar do CHSJ...

Avaliação do desempenho nos serviços de saúde: aplicação do sistema de custeio baseado em actividades a uma unidade de cuidados intensivos polivalente

Duarte, Carla Mónica Trindade
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.25%
É frequente afirmar-se que a saúde não tem preço. Mas, tal como acontece em todos os processos de produção, seja de bens ou de serviços, também nas organizações de saúde cada doente tratado comporta um custo para a instituição. A natureza das prestações de cuidados de saúde e a quase gratuitidade dos serviços prestados implicam, não obstante, que se atribua particular atenção às formas mais adequadas de controlo dos custos nas organizações de saúde. Com efeito, se do lado da receita as instituições estão condicionadas pelas regras impostas pela tutela, sem prejuízo da negociação dos objectivos anuais de produção, por outro lado a gestão da despesa encontra como constrangimentos as exigências de manutenção do nível de qualidade do serviço prestado e a actualização dos meios tecnológicos mais eficazes e inovadores na formulação da terapêutica. O controlo de gestão só pode sobreviver com um profundo conhecimento da estrutura de custos e proveitos. Do lado dos custos, e porque é este o âmbito do nosso trabalho, temos que os sistemas de custeio têm como principal função apoiar as decisões inerentes ao processo de gestão estratégica e operacional das organizações. Mas um sistema de custeio só cumpre eficazmente estas funções se conseguir fornecer à gestão de topo informação adequada e precisa sobre os custos reais do processo produtivo. O sistema de Custeio Baseado em Actividades tem-se destacado na literatura por se entender que este modelo serve os propósitos mencionados. Apesar de ser um modelo genericamente aplicado ao sector industrial...

Gestão integrada do tempo e custo : uma contribuição para a gestão de projectos de construção em Portugal

Paulo, José António
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //1997 POR
Relevância na Pesquisa
46.39%
Dissertação de Mestrado em Gestão de Projectos apresentada à Universidade Aberta; O presente trabalho pretende abordar a gestão dos factores tempo e custo em Projectos de Construção numa perspectiva do Dono da Obra/Gestor de Projecto. O trabalho começa por desenvolver a gestão do factor tempo subdividindo-a em planeamento do factor tempo e controlo do factor tempo. Na primeira é apresentada a Work Breakdown Structure (WBS), onde são identificadas as actividades do Projecto, estabelecida a sua sequência, estimado o tempo de duração de cada uma das actividades e executado o planeamento que representará a baseline do factor tempo. Na segunda procede-se ao planeamento e monitorização do controlo, fazendo referência às acções correctivas mais utilizadas. Seguidamente procede-se à abordagem da gestão do factor custo subdividindo-o em planeamento do factor custo e controlo do factor custo à semelhança do que anteriormente se fez para o factor tempo. O desenvolvimento do planeamento do factor custo acompanha o desenvolvimento do projecto nas suas diversas fases. Assim numa primeira fase procede-se ao estudo de viabilidade e avaliação económica do projecto, numa fase posterior procede-de à sua orçamentação e preparação do cash flow ficando estabelecida a baseline de custo do projecto. Numa segunda fase procede-se ao planeamento do controlo...

Avaliação do desempenho nos serviços de saúde: aplicação do sistema de custeio baseado em actividades a uma unidade de cuidados intensivos polivalente

Duarte, Carla Mónica Trindade
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 POR
Relevância na Pesquisa
46.25%
É frequente afirmar-se que a saúde não tem preço. Mas, tal como acontece em todos os processos de produção, seja de bens ou de serviços, também nas organizações de saúde cada doente tratado comporta um custo para a instituição. A natureza das prestações de cuidados de saúde e a quase gratuitidade dos serviços prestados implicam, não obstante, que se atribua particular atenção às formas mais adequadas de controlo dos custos nas organizações de saúde. Com efeito, se do lado da receita as instituições estão condicionadas pelas regras impostas pela tutela, sem prejuízo da negociação dos objectivos anuais de produção, por outro lado a gestão da despesa encontra como constrangimentos as exigências de manutenção do nível de qualidade do serviço prestado e a actualização dos meios tecnológicos mais eficazes e inovadores na formulação da terapêutica. O controlo de gestão só pode sobreviver com um profundo conhecimento da estrutura de custos e proveitos. Do lado dos custos, e porque é este o âmbito do nosso trabalho, temos que os sistemas de custeio têm como principal função apoiar as decisões inerentes ao processo de gestão estratégica e operacional das organizações. Mas um sistema de custeio só cumpre eficazmente estas funções se conseguir fornecer à gestão de topo informação adequada e precisa sobre os custos reais do processo produtivo. O sistema de Custeio Baseado em Actividades tem-se destacado na literatura por se entender que este modelo serve os propósitos mencionados. Apesar de ser um modelo genericamente aplicado ao sector industrial...

Análise do impacto do controlo de custos na competitividade de uma empresa de mobiliário; The impact of cost controlling in furniture companies competitiveness

Silva, João Pedro Ribeiro da
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.29%
Dissertação de mestrado integrado em Engenharia e Gestão Industrial; O projeto de dissertação foi desenvolvido na empresa IKEA Industry Portugal e tem por objetivo analisar a importância do controlo de custos na sua competitividade. O mercado está cada vez mais competitivo e os preços dos produtos apresentam uma tendência decrescente. Isto origina a necessidade das empresas racionalizarem os seus custos, de modo a serem mais competitivas e, por outro lado, a identificarem indicadores que auxiliem no processo de tomada de decisão. Neste projeto foi utilizada a metodologia de investigação estudo de caso, de maneira a perceber se o procedimento de controlo de custos da empresa funciona, e verificar as discrepâncias existentes entre os valores utilizados no processo de custeio e aqueles que se verificam no sistema produtivo. Assim, foi elaborada uma seleção de artigos e de postos de trabalho, que funcionaram como amostra. Isso permitiu um estudo intensivo do processo produtivo desses artigos nesses postos de trabalho, de modo a se identificar se o apuramento do seu custo está correto. Assim, procedeu-se à validação dos tempos de produção e do número de colaboradores afetos aos postos de trabalho em questão...

Exacerbações na asma persistente grave: Impacto do controlo dos factores de risco

Ferreira,Diva; Duarte,Raquel; Carvalho,Aurora
Fonte: Sociedade Portuguesa de Pneumologia Publicador: Sociedade Portuguesa de Pneumologia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2007 PT
Relevância na Pesquisa
56.17%
Nos países desenvolvidos, 1 a 2% do total dos custos em cuidados de saúde são gastos no controlo da asma. Ahistória natural e as causas da asma grave não estão ainda bem definidas. A asma persistente grave é uma situação menos comum, representando 5% do total de doentes asmáticos. Apesar de constituir um pequeno número de doentes, este grupo é responsável por elevados custos na asma. Como consequência, o controlo dos factores de risco pode levar a ganhos socioeconómicos e também na saúde. O objectivo deste trabalho foi analisar os factores de risco de exacerbações na asma persistente rave num grupo de doentes asmáticos. Consistiu num estudo retrospectivo de doentes com asma persistente grave em vigilância em consulta hospitalar de asma entre 1984 e 2005, baseando-se na revisão de processos clínicos. Foram incluídos 27 doentes, idade média=50,64±12,7 anos, 81,5% do sexo feminino. Analisaram-se os principais factores de risco de exacerbações: atopia, infecções respiratórias, asma pré-menstrual, sintomas nasais, refluxo gastroesofágico, psicológicos e obesidade. A correcção destes factores permitiu um melhor controlo da doença. O impacto mais significativo foi conseguido através da polipectomia e contracepção oral numa adolescente Em conclusão...