Página 1 dos resultados de 10842 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Controlo de robôs com realimentação sensorial no espaço tarefa

Nunes, Urbano José Carreira
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
36.89%
O presente trabalho de investigação situa-se na área do controlo de robôs com realimentação sensorial no espaço tarefa. A introdução de sistemas sensoriais constitui um marco na evolução dos sistemas robóticos. Com esta inovação surgiu uma nova geração de robôs que se distingue das anteriores pela capacidade de interacção activa com o ambiente. A dissertação descreve um sistema experimental de controlo com características adequadas à aquisição e integração de dados sensoriais, e ao controlo em tempo real, para fins de investigação em robótica multissensorial. Trata-se de uma estrutura do tipo distribuído, multiprocessador, configurando uma arquitectura hierárquica de controlo. A componente sensorial considerada, inclui sensores de tacto, um sensor de força-binário de pulso e sensores de distância por ultrassons. Para cada sensor são apresentadas a composição, modelação e calibração. Neste trabalho é ainda realizado o estudo do controlo de força e posição. Os algorítmos de controlo estudados são os seguintes: controlador proporcional, controlador proporcional com preditor de Smith, controlador por colocação de pólos e controlador adaptativo. Deste estudo salientam-se os seguintes resultados: uma formulação original do controlador por colocação de pólos...

O enfermeiro e as técnicas não farmacológicas no controlo da dor : informação-aplicação

Sousa, Maria de Fátima Cardoso de Oliveira de
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.89%
A dor é uma das principais causas de sofrimento humano, comprometendo a qualidade de vida das pessoas, interferindo no seu bem - estar físico e psicossocial. Se nem sempre é possível os profissionais de saúde eliminarem a dor, os enfermeiros pelo contacto frequente que têm com os doentes desempenham um papel fundamental na implementação de acções para o seu controlo, através da aplicação de técnicas não farmacológicas, reduzindo o sofrimento associado à dor não aliviada. O controlo da dor torna-se mais eficaz quando envolve técnicas farmacológicas e não farmacológicas (tais como o relaxamento, a massagem, a distracção, a aplicação de calor e do frio, entre outras). Estas últimas são, na sua maioria, de baixo custo e de fácil utilização podendo serem ensinadas aos doentes e cuidadores e aplicadas em meio hospitalar e no domicílio. A questão central que orientou esta investigação diz respeito à informação que os enfermeiros possuem sobre as técnicas não farmacológicas e a aplicação das mesmas no controlo da dor. Este estudo contou com uma amostra constituída por 138 enfermeiros prestadores de cuidados.Trata-se de um estudo descritivo correlacional, em que os dados foram obtidos através da aplicação de um questionário constituído...

Controlo interno do património do Estado : o caso da Administração Central de Cabo Verde

Correia, Sónia Helena Monteiro
Fonte: FEUC Publicador: FEUC
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.92%
O presente trabalho assenta no estudo científico sobre o controlo interno do património do Estado em Cabo Verde. Este estudo consiste, por um lado, em conhecer e aferir as insuficiências no controlo interno dos bens patrimoniais e as suas causas e, por outro, apresentar ações a pôr em prática para melhoria, considerando o enquadramento teórico apresentado na primeira parte da revisão literária e normativa. Com este estudo pretende-se aprofundar o conhecimento da importância do controlo interno do património do Estado na Administração Pública. A metodologia utilizada, neste estudo científico, foi estudo de caso centrado na DGPCP, através da aplicação da entrevista semidirecta como a principal técnica de recolha dos dados e o questionário para efeito confirmatório, para além da consultar diversas fontes secundárias. Assim sendo, observou-se que, através da aplicação das entrevistas à DGPCP, foi possível identificar um conjunto de insuficiências que condicionam os componentes do controlo interno, compreendendo, nomeadamente, o ambiente de controlo e a cultura organizacional, os riscos de controlo interno, a informação e comunicação, a atividade de controlo, o sistema jurídico-administrativo e de recursos humanos e a monitoração e o seguimento. Essas insuficiências são as seguintes...

Locus de controlo : variável influente ou influenciada pelo desempenho na matemática? : estudo com uma amostra de alunos do 3º Ciclo

Figueiredo, Maria Felícia Henriques de
Fonte: Universidade Aberta de Portugal Publicador: Universidade Aberta de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.89%
Dissertação de Mestrado em Supervisão Pedagógica apresentada à Universidade Aberta; Insegurança ou perda do controlo sobre o desempenho na Matemática constituem sentimentos experienciados por muitos alunos, independentemente do percurso curricular seguido. Estes sentimentos podem estar relacionados com o conhecimento adquirido em experiências anteriores sobre as causas do seu (in)sucesso. O locus de controlo, enquanto variável da personalidade, exprime as expectativas generalizadas do aluno relativas ao grau de controlo que consegue exercer sobre os acontecimentos que ocorrem na sua vida escolar. O estudo correlacional realizado teve como objectivo analisar a reciprocidade de influência entre o constructo locus de controlo e o desempenho na Matemática, em função do percurso curricular seguido pelos alunos. A amostra foi constituída por 163 alunos (N=163) do 3º Ciclo, dos quais 38 (23%) seguiam o Percurso Curricular Alternativo (PCA) e 135 (77%) o Percurso Curricular Comum (PCC). A recolha de dados foi apoiada pelos instrumentos: versão portuguesa da escala multidimensional de Locus de Controlo (MASLOC), traduzida por José Barros (1992); escala de Auto-Eficácia Académica (EAEA), de Neves e Faria (2005a); avaliação sumativa interna do segundo período; questionário para Avaliação do Valor Atribuído ao Sucesso e Persistência no Estudo. Os principais resultados da investigação sugerem que: o percurso curricular prediz a internalidade...

Implementação de um filtro activo de potência para optimização da interface entre a rede e outros sistemas eléctricos : estudo e desenvolvimento de filtros activos de potência do tipo série com sistema de controlo implementado em computador pessoal

Sepúlveda, João
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2004 POR
Relevância na Pesquisa
36.93%
O uso intensivo de conversores electrónicos de potência e de outras cargas não lineares, tais como equipamentos electrónicos e iluminação com lâmpadas de descarga em meio gasoso, tanto na indústria como nos outros consumidores em geral, é responsável por um aumento na deterioração das formas de onda de corrente e tensão nos sistemas eléctricos. A presença de harmónicos nas linhas eléctricas causa não só maiores perdas no sistema de distribuição de energia, como também problemas de interferências nos sistemas de comunicações, operação indevida de sistemas de protecção, e por vezes, deficiências no funcionamento de equipamentos electrónicos, que são cada vez mais sensíveis, pois incluem sistemas de controlo baseados em microelectrónica, que operam com níveis de energia muito baixos. Os efeitos a longo prazo são basicamente, sobreaquecimento e envelhecimento prematuro dos dispositivos eléctricos e a fadiga mecânica das máquinas eléctricas. Os filtros passivos podem ser utilizados para compensar diversos problemas de qualidade de energia, mas apenas resolvem os problemas para as frequências que são sintonizados. Além disso, a sua operação não pode ser limitada a uma determinada zona da rede eléctrica e os fenómenos de ressonância não podem ser totalmente prevenidos. Os filtros activos são dispositivos electrónicos de potência que não apresentam as desvantagens dos filtros passivos...

Laboratório virtual de sistemas de controlo

Ferraz, João Miguel Ribeiro Paiva
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.9%
Esta dissertação tem como principal objectivo a criação de um laboratório virtual de sistemas de controlo no ambiente computacional Matlab utilizando a ferramenta SimMechanics do Simulink. Foram criados três modelos virtuais de objectos mecânicos de controlo e a sua respectiva animação on-line em SimMechanics: i) Modelo virtual de um automóvel; ii) Modelo virtual de um pêndulo invertido e iii) Modelo virtual do sistema de suspensão de um autocarro. Para testar o funcionamento do laboratório virtual e os respectivos modelos físicos foram desenvolvidos vários esquemas de controlo implementando diferentes algoritmos de controlo clássico. •O controlo da velocidade de um automóvel foi realizado com três controladores - PID, Atraso e Avanço. •O controlo da posição do pêndulo invertido foi testado com dois controlador - PID e controlo por realimentação das variáveis do estado. •O controlo da suspensão de um autocarro foi realizado com um controlador PID e um controlador por cancelamento de pólo zero. Os controladores clássicos foram desenhados através das técnicas de controlo de sistemas lineares. Para tal, primeiro foram determinados os modelos lineares dos três casos mecânicos e depois os parâmetros dos controladores foram ajustados baseado nestes modelos lineares. Para cada objecto foram testados duas malhas fechadas de controlo: com o modelo linear e com o modelo virtual. Os resultados experimentais verificaram que os modelos virtuais desenvolvidos representam bem a dinâmica dos três objectos físicos e que o laboratório pode ser usado...

Laboratório virtual de sistemas de controlo: realidade virtual

Gaspar, Pedro André dos Santos
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.9%
Este projecto visa a implementação de um laboratório virtual de sistemas de controlo na aplicação computacional Matlab, integrando as ferramentas Virtual Reality Toolbox (VRT) e Simulink. Desse modo criaram-se três modelos virtuais de sistemas de controlo e a sua respectiva animação 3D em tempo real: - Controlo de velocidade de um veículo, cujo controlo foi efectuado usando dois controladores: PI e Atraso. - O controlo de velocidade angular de um motor DC foi efectuado com um controlador PI, compensador tipo cancelamento & implantação de pólo e avanço. - Controlo do nível num esquema de dois tanques acoplados, cujo controlo foi realizado através de um P, PI e através de um compensador de servo sistemas com degrau como sinal de referência. O projecto dos controladores foi executado recorrendo a técnicas de controlo clássico e moderno para compensação de sistemas lineares. Por este facto, primeiro determinaram-se os modelos matemáticos lineares dos três casos de estudo e em seguida fez-se o ajuste dos parâmetros dos controladores baseados nos modelos lineares. Para cada caso, integrou-se a dinâmica com os ambientes virtuais 3D implementados usando as ferramentas de simulação e blocos Simulink e Virtual Reality Toolbox. Dos resultados experimentais concluiu-se que os modelos implementados demonstram correctamente o funcionamento integrado dos modelos lineares de sistemas de controlo com os modelos virtuais 3D...

Impacto da rede de comunicação em sistemas de controlo distribuídos

Pinheiro, Sérgio Pedro Ferreira
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.9%
O conceito de controlo através de uma rede de comunicação tem aplicações vastas. Em muitos casos, os sensores, controladores e actuadores estão fisicamente distribuídos, sendo necessário que troquem entre si a informação de controlo utilizando uma rede de comunicação, por forma a que o sistema execute uma determinada lei de controlo sobre um determinado processo (e.g., controlo da velocidade de um motor, controlo da injecção de combustível num motor de um automóvel, controlo da posição do braço de um robot, etc.) Entretanto, quando se usa uma rede partilhada para transmitir a informação de controlo, o atraso entre o tempo de aquisição de um sinal (amostragem) e o instante de aplicação do respectivo sinal de controlo (actuação) é influenciado por múltiplos parâmetros, desde a velocidade de transmissão da rede (bitrate), ao comprimento da mensagem, e também à quantidade de tráfego na rede e ao protocolo usado no acesso ao meio de comunicação. Assim, num sistema de controlo distribuído, é inevitável o aparecimento de uma latência elevada, quando comparada com a correspondente latência num sistema não distribuído, a qual é induzida pela rede e poderá causar degradação do desempenho e estabilidade do controlo. O objectivo desta dissertação é analisar esse efeito de latência induzido pela rede...

Impacto do controlo interno no controlo externo

Brandão, Susana Pais
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.97%
O controlo interno e o controlo externo são mecanismos de controlo bastante importantes quer no setor privado quer no setor público. O controlo interno é um processo colocado em prática pelos órgãos de gestão das organizações com o intuito de garantir o alcance dos seus objetivos e evitar erros e fraudes. Por outro lado, o controlo externo é um processo realizado por órgãos ou auditor independente que tem como principais objetivos validar e certificar o controlo interno e garantir que a informação financeira está de acordo com os regulamentos e leis aplicáveis. Este estudo pretende, através de uma pesquisa teórica, exploratória e qualitativa, alcançar um conhecimento mais aprofundado da relação existente entre controlo interno e controlo externo. Mais especificamente, pretende-se perceber que impacto tem o controlo interno sobre o controlo externo. Os resultados da pesquisa efetuada indicam que existe uma relação de complementaridade e cooperação entre controlo interno e controlo externo, defendida a nível teórico por diversos autores e pelas principais instituições de supervisão e fiscalização de ambos os setores. Esta cooperação é defendida devido à necessidade que existe de diminuir a duplicação dos esforços e os custos. É possível verificar que nesta relação de cooperação entre controlo interno e controlo externo é amplamente defendida a utilização da informação proveniente do controlo interno por parte do auditor independente – principal figura do controlo externo...

On the application of optimal control techniques in lossy fieldbuses; Sobre a aplicação de técnicas de controlo em redes industriais com falhas

Cunguara, Milton Armando
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
ENG
Relevância na Pesquisa
36.89%
The performance of real-time networks is under continuous improvement as a result of several trends in the digital world. However, these tendencies not only cause improvements, but also exacerbates a series of unideal aspects of real-time networks such as communication latency, jitter of the latency and packet drop rate. This Thesis focuses on the communication errors that appear on such realtime networks, from the point-of-view of automatic control. Specifically, it investigates the effects of packet drops in automatic control over fieldbuses, as well as the architectures and optimal techniques for their compensation. Firstly, a new approach to address the problems that rise in virtue of such packet drops, is proposed. This novel approach is based on the simultaneous transmission of several values in a single message. Such messages can be from sensor to controller, in which case they are comprised of several past sensor readings, or from controller to actuator in which case they are comprised of estimates of several future control values. A series of tests reveal the advantages of this approach. The above-explained approach is then expanded as to accommodate the techniques of contemporary optimal control. However, unlike the aforementioned approach...

Controlo mecânico de infestantes

Barros, José; Freixial, Ricardo
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Livro
POR
Relevância na Pesquisa
36.92%
As infestantes são plantas indesejáveis que crescem juntamente com as plantas cultivadas e que interferem no seu desenvolvimento normal. As infestantes podem ser uma das principais causas da diminuição do rendimento das culturas, porque competem com elas para o espaço, para a água, luz solar, nutrientes e dióxido de carbono, podem segregar substâncias alelopáticas, ser o meio no qual temporariamente se instalam alguns organismos responsáveis por inúmeras pragas e doenças que atacam as culturas dificultando assim o combate às mesmas, dificultam a colheita quer esta seja manual ou mecanizada, podem contaminar o produto final, depreciando-o e, asseguram a reinfestação para as culturas seguintes. O controlo de infestantes ter-se-á iniciado quando o homem deixou a de ser nómada e de assegurar as suas necessidades através da colheita de frutos e da caça e passou após a “domesticação“ das espécies animais e vegetais a fazer agricultura, tornando-se sedentário. Portanto, desde o início da agricultura, que o homem tem feito grandes esforços para controlar as plantas infestantes, primeiro à mão, depois com o uso de alguns artefactos, ferramentas e equipamentos para melhorar a eficiência no seu controlo. Hoje existem equipamentos mecânicos sofisticados tal como...

Controlo de um canal de rega com recurso à modelação hidráulica

Rijo, Manuel; Honrado, José
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
36.89%
O artigo apresenta um estudo hidráulico comparativo de três tipos de controlo bastante usuais em canais de adução e distribuição de água para rega: o controlo por montante com comportas AMIL, o controlo por montante com descarregadores do tipo "bico de pato" e o controlo clássico por jusante com comportas AVIS. Comparam-se as capacidades de resposta dos dois tipos de controlo por montante às variações de caudal na admissão. Em seguida, comparam-se as respostas dos três tipos de controlo às variações de caudal ao nível das tomadas. O controlo por jusante com comportas AVIS responde de modo automático, instantâneo e eficiente às variações de caudal nas tomadas, o que não acontece com o controlo por montante. Por outro lado, o controlo com comportas AMIL é mais rápido e eficiente na resposta a essas variações que o controlo com descarregadores bico de pato. O caso de estudo é o Canal Condutor Geral do Aproveitamento Hidroagrícola de Macedo de Cavaleiros e as simulações hidráulicas são realizadas usando o modelo de regime variável com superfície livre CanalCAD, que também se apresenta.

Controlo directo de binário de uma máquina assíncrona trifásica

Coelho, Samuel Vitorino
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /09/2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.89%
Esta dissertação de Mestrado foi realizada com o objectivo de se efectuar o estudo teórico e a sua comprovação, por simulação e ensaios experimentais, do Controlo Directo de Binário – DTC para uma máquina assíncrona trifásica, que é uma das muitas técnicas utilizadas no Controlo Vectorial. Numa primeira fase foi efectuado o estudo teórico e modelização da máquina assíncrona trifásica, do conversor estático de potência (funcionamento como ondulador de tensão trifásico) e da técnica do Controlo Directo de Binário – DTC. No Controlo Directo de Binário podem ser utilizadas várias técnicas de comutação, que irão corresponder a um diferente desempenho dinâmico sobre o binário e sobre o fluxo estatórico. Nesta dissertação foi efectuado o estudo de duas das várias técnicas de comutação que a técnica do Controlo Directo de Binário contempla, nomeadamente, as duas técnicas que utilizam o funcionamento nos quatro quadrantes. A diferença entre as duas técnicas estudadas reside na utilização e na não utilização de vectores de tensão nulos. No estudo teórico foram efectuadas transformações de referenciais com o objectivo de realizar a implementação na simulação numérica dos vários blocos que constituem o modelo global. Com a implementação do modelo global na simulação numérica...

Controlo clássico vs. preditivo na regulação de frequência em sistemas de potência

Monteiro, Luís Miguel Gonçalves
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /12/2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.89%
Esta dissertação descreve a implementação do controlo predictivo distribuído (MPC distribuído) para o controlo automático de geração (AGC). Este controlo procura restabelecer a frequência do SEE ao seu valor nominal (50 Hz) através da regulação potência activa na carga-frequência (controlo-Pf), cujo equilíbrio, na medida do possível, tem de ser mantido continuamente. Porém, um estado de equilíbrio como este jamais ocorre, uma vez que um SEE sofre constantemente variações de carga consumida, fazendo com que o equilíbrio carga/geração seja sempre modificado, levando, consequentemente, a frequência a ter um desvio em relação ao valor nominal e, para redes interligadas, que ocorra também um desvio de potência de interligação na linha. Desta forma, o AGC procura corrigir estes desvios. Para a implementação do AGC contrapõem-se as técnicas clássicas (baseado no controlo integral), com o controlo preditivo (MPC centralizado e MPC distribuído), analisando-as separadamente por simulação computacional no sofware MATLAB/Simulink. Constroem-se alguns cenários de exploração para duas redes interligadas. Estes cenários consistem em variar a carga por escalões (desde um pequeno até um grande desequilíbrio da potência gerada/potência consumida) e simultaneamente variando a distância entre as redes interligadas. Para as redes interligadas...

Controlo Interno dos órgãos de Gestão Financeira da GNR

Castro, Samuel
Fonte: Academia Militar. Direção de Ensino Publicador: Academia Militar. Direção de Ensino
Tipo: Outros
Publicado em 01/08/2010 POR
Relevância na Pesquisa
36.9%
O presente trabalho de investigação aplicada visa o tema: “Controlo Interno dos Órgãos de Gestão Financeira da GNR”, o qual reveste uma enorme importância no seio da Guarda. Com a nova estruturação da Guarda a estrutura financeira sofreu mudanças organizacionais, com a extinção e criação de órgãos financeiros. Foi criado o Comando de Administração dos Recursos Internos, que comporta a Direcção de Recursos Financeiros, que por sua vez inclui a Divisão de Controlo e de Auditoria Interna, com a responsabilidade de assegurar a uniformização da administração financeira da Guarda e a realização de auditorias juntamente com a Inspecção da Guarda. Ao nível das Unidades e Serviços foram criadas duas modalidades de órgãos financeiros: as Secções de Recursos Financeiros e as Secções de Recursos Logí sticos e Financeiros. Surge deste modo a necessidade de identificar como o controlo interno está a ser exercido averiguando a existência de diplomas legais sobre o funcionamento destes órgãos financeiros e um manual de controlo interno que preconize todas as normas e procedimentos. Após a pesquisa e tratamento dos dados dos inquéritos e das entrevistas...

Avaliação da efetividade das políticas de controlo da leishmaniose tegumentar americana em Montes Claros-MG

Souza, Francielle Vieira de
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.91%
Dissertação de Mestrado em Gestão; O presente estudo procura explorar os elos entre saúde e economia, especificamente, descrever os efeitos das diferentes intervenções, no controlo da Leishmaniose Tegumentar Americana (LTA). Tem como objetivo geral avaliar a efetividade das políticas de controlo da LTA no município de Montes Claros. Trata-se de um estudo de abordagem qualitativa, do tipo fenomenológico e transversal, cuja amostra é constituída por 15 profissionais de saúde, que atuam em hospitais públicos, unidades básicas de saúde, centro de zoonoses e vigilância epidemiológica, os quais responderam a uma entrevista semi-estruturada, destinada a conhecer a perceção dos funcionários sobre as políticas de controlo da LTA. Os dados obtidos foram submetidos a análise de conteúdo. Da análise emergiram as seguintes categorias: conhecimento sobre a LTA e prioridade atribuída no município à doença, incidência e diagnóstico da doença, desenvolvimento de ações para controlo dessa doença, estratégias relacionadas à doença, a descentralização dos serviços e recursos destinados ao controlo da LTA. A grande maioria dos entrevistados considera que é atribuída prioridade à LTA, que se verificou um aumento da incidência da doença...

Controlo da geração em sistemas de energia eléctrica

Pombo, José Álvaro Nunes
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /07/2009 POR
Relevância na Pesquisa
36.9%
Este trabalho é sobre o problema da utilização da teoria do controlo aplicada à geração em sistemas de energia eléctrica. O controlo da geração compreende dois sistemas de controlo: o controlo da geração da potência activa ‐‐ regulador de frequência e o controlo da geração da potência reactiva ‐‐ regulador de tensão. Neste trabalho são estudados estes dois sistemas de controlo. São propostos vários tipos de controladores para os dois sistemas de controlo, após se ter apresentado uma selecção dos tópicos mais relevantes da teoria do controlo óptimo. Apresentou‐se uma forma original de determinar controladores por realimentação directa das saídas para o regulador de tensão e para o regulador de frequência. Comparam‐se os resultados obtidos com os diferentes controladores e com o controlo clássico dos dois sistemas de controlo.

O sistema de controlo interno nas autarquias locais: o caaso do Município de Espinho

Tavares, José António Borges
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.95%
Dissertação de Mestrado Apresentada ao Instituto de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Auditoria Orientador: Doutor Carlos Mota Coorientadora: Doutora Ana Paula Lopes; A Reforma da Administração Financeira do Estado trouxe a público uma cada vez maior preocupação ao nível do controlo e fiscalização tanto a nível financeiro, como orçamental, operacional e patrimonial. Para efetuar essa fiscalização, foi necessário implementar um tipo específico de controlo, que acabou por se denominar de Sistema de Controlo Interno, tornando-se presença obrigatória em todos os organismos públicos, com vista a melhorar a eficácia e a eficiência das operações. Este trabalho tem como objetivo identificar o sistema de controlo interno no município de Espinho e verificar se este contribui para que haja uma eficiente execução das atividades e uma redução dos riscos e se representa, nesse sentido, um instrumento capaz de melhorar a aplicação dos recursos públicos. Procedeu-se inicialmente a uma revisão da literatura abordando essencialmente a temática da Auditoria, bem como os controlos públicos na Administração Pública. Deuse particular relevância ao sistema de controlo interno nas autarquias...

Sistema de controlo de um veículo autónomo terrestre

Costa, Ivo Cláudio Pereira
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Engenharia do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Engenharia do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 POR
Relevância na Pesquisa
36.91%
A crescente necessidade imposta pela gama de aplicações existentes, torna o estudo dos veículos autónomos terrestres um objecto de grande interesse na investigação. A utilização de robots móveis autónomos originou quer um incremento de eficiência e eficácia em inúmeras aplicações como permite a intervenção humana em contextos de elevado risco ou inacessibilidade. Aplicações de monitorização e segurança constituem um foco de utilização deste tipo de sistemas quer pela automatização de procedimentos quer pelos ganhos de eficiência (desde a eficiência de soluções multi-veículo à recolha e detecção de informação). Neste contexto, esta dissertação endereça o problema de concepção, o desenvolvimento e a implementação de um veículo autónomo terrestre, com ênfase na perspectiva de controlo. Este projecto surge pois no âmbito do desenvolvimento de um novo veículo terrestre no Laboratório de Sistemas Autónomos (LSA) do Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP). É efectuado um levantamento de requisitos do sistema tendo por base a caracterização de aplicações de monitorização, transporte e vigilância em cenários exteriores pouco estruturados. Um estado da arte em veículos autónomos terrestres é apresentado bem como conceitos e tecnologias relevantes para o controlo deste tipo de sistemas. O problema de controlo de locomoção é abordado tendo em particular atenção o controlo de motores DC brushless. Apresenta-se o projecto do sistema de controlo do veículo...

Controlo da geração em sistemas de energia eléctrica

Pombo, José Álvaro Nunes
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /07/2009 POR
Relevância na Pesquisa
36.9%
Este trabalho é sobre o problema da utilização da teoria do controlo aplicada à geração em sistemas de energia eléctrica. O controlo da geração compreende dois sistemas de controlo: o controlo da geração da potência activa ‐‐ regulador de frequência e o controlo da geração da potência reactiva ‐‐ regulador de tensão. Neste trabalho são estudados estes dois sistemas de controlo. São propostos vários tipos de controladores para os dois sistemas de controlo, após se ter apresentado uma selecção dos tópicos mais relevantes da teoria do controlo óptimo. Apresentou‐se uma forma original de determinar controladores por realimentação directa das saídas para o regulador de tensão e para o regulador de frequência. Comparam‐se os resultados obtidos com os diferentes controladores e com o controlo clássico dos dois sistemas de controlo.