Página 1 dos resultados de 761 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

Empresas que se destacam pela qualidade das informações a seus usuários externos também se destacam pela utilização de artefatos modernos de contabilidade gerencial?; Do companies who stand out for information quality for external users also stand out for the use of modern management accounting artifacts?

GUERREIRO, Reinaldo; CORNACHIONE JÚNIOR, Edgard Bruno; SOUTES, Dione Olesczuk
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
76.98%
Estudos empíricos têm indicado baixo grau de utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial propostos pela literatura. No âmbito teórico, a teoria da contabilidade engloba o pressuposto de que a contabilidade deveria atender eficazmente os seus usuários externos e internos. Este estudo tem dois objetivos principais: avaliar se (a) empresas brasileiras que se destacam pelo seu porte na economia brasileira utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) empresas que se destacam pela qualidade de suas informações aos usuários externos, também, se destacam pela maior utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial de apoio a usuários internos. Uma amostra de 90 empresas foi examinada, selecionadas dentre empresas listadas entre as 500 maiores empresas (edição de 2005 de Melhores e Maiores) e dentre o rol de empresas que foram indicadas ao Prêmio ANEFAC-FIPECAFI-SERASA, Troféu Transparência, entre os anos-base de 1996 a2004. Dados foram coletados por meio de questionário endereçado ao gestor da área de Contabilidade Gerencial, contendo questões relativas ao grau de utilização de artefatos tradicionais e modernos de Contabilidade Gerencial. Os resultados do estudo demonstram que (a) as empresas da amostra utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) a amostra de empresas indicadas para o prêmio não se diferencia...

Práticas de contabilidade gerencial adotadas por subsidiárias brasileiras de empresas multinacionais

Souza,Marcos Antonio de; Lisboa,Lázaro Plácido; Rocha,Welington
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2003 PT
Relevância na Pesquisa
76.7%
Esta pesquisa tem como objeto de estudo as práticas de Contabilidade Gerencial, no contexto da sua efetiva receptividade e aplicação por parte das empresas. Circunscrita a métodos de custeio, métodos de predeterminação de custos, elaboração e uso de planos orçamentários e análise de relações custo-volume-lucro, desenvolve-se uma pesquisa bibliográfica, que expõe argumentos quanto à contribuição de tais práticas no aumento da eficácia da gestão empresarial. Além das chamadas práticas tradicionais, abordam-se também aquelas mais recentemente desenvolvidas, particularmente a do custeio baseado em atividades (ABC) e a do custeio meta (target costing), tidas por alguns pesquisadores como mais adequadas ao atual ambiente operacional das empresas. Ampliando seu campo de investigação, este estudo é embasado em uma pesquisa efetuada junto a quarenta e nove subsidiárias brasileiras de empresas multinacionais, com o objetivo de identificar as práticas contábeis gerenciais atualmente usadas por tais empresas, bem como verificar o nível de reconhecimento que a gestão empresarial dedica à validade prática dos novos procedimentos recomendados. A análise e interpretação, quantitativa e qualitativa, dos dados coletados...

Em busca de um melhor entendimento da contabilidade gerencial através da integração de conceitos da psicologia, cultura organizacional e teoria institucional

Guerreiro,Reinaldo; Frezatti,Fábio; Casado,Tânia
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2006 PT
Relevância na Pesquisa
76.92%
Pesquisas empíricas constatam que apesar de fatores indutores e facilitadores do ambiente externo, o que se observa é o baixo grau de implementação de novas técnicas e conceitos de contabilidade gerencial nas empresas. A teoria institucional é uma abordagem sociológica que tem sido aplicada na área contábil para estudar esse fenômeno. Essa teoria foca a contabilidade como uma instituição dentro da empresa, isto é, uma rotina formada por hábitos que dá sentido a determinado grupo de pessoas. O ponto central sobre o qual repousa a teoria institucional é a idéia de hábitos de um grupo de pessoas: a instituição é estruturada a partir de rotinas e as rotinas dependem de hábitos. A hipótese de pesquisa que se coloca é que determinados conceitos da psicologia e da cultura organizacional podem contribuir para uma melhor compreensão da abordagem institucional aplicada à Contabilidade Gerencial. Nesse contexto, o objetivo deste ensaio é aprofundar o nível de entendimento sobre as causas do gap que existe entre a teoria e a prática da Contabilidade Gerencial. O método de pesquisa utilizado envolve a correlação entre a abordagem institucional com a abordagem de cultura organizacional e ainda com o conceito de inconsciente da psicologia...

Diferenciações entre a contabilidade financeira e a contabilidade gerencial: uma pesquisa empírica a partir de pesquisadores de vários países

Frezatti,Fábio; Aguiar,Andson Braga de; Guerreiro,Reinaldo
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2007 PT
Relevância na Pesquisa
76.77%
Este trabalho objetiva identificar os principais elementos que diferenciam a Contabilidade Financeira da Contabilidade Gerencial em vários países do mundo. A evolução mostra que, em algum momento, na verdade, em alguma situação esses dois ramos da Contabilidade poderiam ser assemelhados e, até mesmo, iguais. Contudo, as diferentes demandas e percepções de seus usuários, em vários países, fazem com que elas se distanciem. Para entender essas diferenças foi feita uma pesquisa em 24 países a fim de identificar os elementos que podem apresentar diferenciações entre os dois ramos da Contabilidade. Os elementos incluídos neste estudo foram definidos a partir da combinação de abordagem de vários autores. A pesquisa de campo foi desenvolvida por meio da aplicação de um questionário com estrutura de perguntas baseada em escala Likert, respondido por especialistas. Percebeu-se que os principais elementos que diferenciam as duas Contabilidades são: aplicação de princípios, foco de análise, grau de confiabilidade, agentes que influenciam ou podem influenciar, freqüência de emissão de relatórios e exigência legal de pessoal habilitado em amplitudes variadas. As diferenças reforçam a necessidade de um sistema de informação contábil que possa atender...

Desenvolvimento da pesquisa em Contabilidade Gerencial: as restrições da abordagem monoparadigmática de Zimmerman

Frezatti,Fábio; Nascimento,Artur Roberto do; Junqueira,Emanuel
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2009 PT
Relevância na Pesquisa
76.91%
Este trabalho tem por objetivo analisar o desenvolvimento conceitual da Contabilidade Gerencial levando em conta suas peculiaridades e influências possíveis. Trata-se de um ensaio baseado em uma pesquisa bibliográfica que identificou demandas, conflitos e necessidades metodológicas para a pesquisa em Contabilidade Gerencial, tendo como pano de fundo um debate entre Ittner e Larcker (2001; 2002), Zimmerman (2001), Hopwood (2002), Lukka e Mouritsen (2002) e Luft e Shields (2002), considerados extremamente destacados na análise dos rumos da pesquisa em Contabilidade Gerencial. A justificativa para o estudo está na percepção de que o desenvolvimento das ciências depende, além de estudos que buscam seu crescimento linear, de estudos que se dediquem à reflexão crítica sobre o conhecimento nelas produzido. A inovação consiste na discussão das especificidades da área, a apresentação do monoparadigma como limitador de pesquisa, as teorias organizacionais como oportunidades, o poder político do mainstream e a falta de rigor metodológico dos trabalhos. Conclui que o crescimento da Contabilidade Gerencial decorre de inúmeros elementos, fundamentais para o crescimento qualitativo das pesquisas na área, destacando-se a necessidade de uma clara personalidade para as pesquisas...

Empresas que se destacam pela qualidade das informações a seus usuários externos também se destacam pela utilização de artefatos modernos de contabilidade gerencial?

Guerreiro,Reinaldo; Cornachione Júnior,Edgard Bruno; Soutes,Dione Olesczuk
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2011 PT
Relevância na Pesquisa
76.98%
Estudos empíricos têm indicado baixo grau de utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial propostos pela literatura. No âmbito teórico, a teoria da contabilidade engloba o pressuposto de que a contabilidade deveria atender eficazmente os seus usuários externos e internos. Este estudo tem dois objetivos principais: avaliar se (a) empresas brasileiras que se destacam pelo seu porte na economia brasileira utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) empresas que se destacam pela qualidade de suas informações aos usuários externos, também, se destacam pela maior utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial de apoio a usuários internos. Uma amostra de 90 empresas foi examinada, selecionadas dentre empresas listadas entre as 500 maiores empresas (edição de 2005 de Melhores e Maiores) e dentre o rol de empresas que foram indicadas ao Prêmio ANEFAC-FIPECAFI-SERASA, Troféu Transparência, entre os anos-base de 1996 a2004. Dados foram coletados por meio de questionário endereçado ao gestor da área de Contabilidade Gerencial, contendo questões relativas ao grau de utilização de artefatos tradicionais e modernos de Contabilidade Gerencial. Os resultados do estudo demonstram que (a) as empresas da amostra utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) a amostra de empresas indicadas para o prêmio não se diferencia...

Um caso de mudança na contabilidade gerencial: a dinâmica política e social

Wanderley,Cláudio de Araújo; Cullen,John
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
76.9%
O principal objetivo do presente estudo é explicar a dinâmica política e social do processo de mudança na contabilidade gerencial em uma companhia de distribuição elétrica brasileira privatizada, articulando e estudando as interconexões entre os ambientes inter e intra-organizacionais (nível político e econômico; nível do campo organizacional e nível intra-organizacional). Este trabalho adota o estudo de caso interpretativo como método de pesquisa para analisar as mudanças na contabilidade gerencial que aconteceram na companhia estudada durante um período de 8 anos, isto é, entre 2000 (o ano de privatização) até 2007. Este artigo defende que, para compreender essas mudanças na contabilidade gerencial, é importante discutir e entender a dinâmica social e política do ambiente inter e intra-organizacional, já que as práticas e os critérios no nível do campo organizacional, em combinação com a lógica intra-organizacional, formaram o sistema de contabilidade gerencial da companhia. Para explicar as mudanças na organização sob análise, este trabalho fundamentou-se nos construtos propostos por Dillard, Rigsby et al. (2004) para articular e compreender os três níveis do sistema social e político. Esses construtos são baseados nos eixos de tensão de Weber e na teoria de estruturação de Giddens. A análise deste caso indica que aconteceram profundas mudanças nos sistemas gerenciais da companhia após o processo de privatização...

Evolução das pesquisas em contabilidade gerencial

Ribeiro, Roberto Rivelino Martins
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
76.76%
Resumo: Este trabalho foi realizado com o objetivo de analisar as opções temáticas e as abordagens metodológicas nas teses e dissertações defendidas nos Programas de Pós-graduação Stricto Sensu em Contabilidade no Brasil, no período de 1973 a 2009. Partiu-se da identificação da produção científica brasileira em contabilidade gerencial, foco do estudo, para, em seguida, detectar as práticas gerenciais contempladas que se categorizaram de acordo com os estágios evolutivos do IMAP e, também, verificaram-se quais as técnicas metodológicas empregadas pelos autores. Com relação às características do nquadramento científico adotado, tem-se que esta pesquisa é de caráter descritivo, cujo problema analisa-se em seus aspectos qualitativos e quantitativos, cujas estratégias foram de estudo bibliográfico, ocumental e ex-post facto e utilizando dados primários numa perspectiva longitudinal. Com uso da análise de conteúdo e da estatística descritiva, exploraram-se 38 teses e 218 dissertações as quais se teve cesso junto aos programas. Na realização da análise, verificou-se as práticas predominantes e que direcionaram às seguintes conclusões: no estágio 1, predominou-se o custeio por absorção e custeio variável; estágio 2 destaca-se o orçamento; estágio 3...

Ferramentas de contabilidade gerencial no Terceiro Setor

Arruda, Leila Lucia
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
76.95%
Resumo: Com a incapacidade do Estado de atender os problemas sociais, os direitos universais ficam fragilizados, propiciando condições sociais, econômicas e políticas para que a sociedade civil, por meio das entidades do Terceiro Setor, minimizem tais problemas, tornando-se assim um Estado norteador e fiscalizador. Essas entidades são organizações sem fins lucrativos e não governamentais, que, para realizar suas atividades, movimentam valores significativos, todavia é importante evidenciar que as instituições apresentam certa dificuldade na captação de recursos, acarretando problemas financeiros. Mesmo com o acesso às ferramentas de contabilidade gerencial, essas instituições não conseguem fazer de forma adequada a gestão, obtendo o máximo de eficiência e eficácia. Nesse contexto, o objetivo desta dissertação consiste em identificar as similaridades entre as ferramentas de contabilidade gerencial usadas por organizações do Terceiro Setor no Brasil e na Itália. O tema proposto à discussão tem importância a partir de alguns aspectos a serem considerados, pois se fundamenta pela conotação social e acadêmica. Procurou-se identificar e analisar as ferramentas de contabilidade gerencial utilizadas por organizações do Terceiro Setor no Brasil e na Itália...

Desenvolvimento da pesquisa em Contabilidade Gerencial: as restrições da abordagem monoparadigmática de Zimmerman; Management accounting research development: the restrictions of Zimmerman's monoparadigm approach

FREZATTI, Fábio; NASCIMENTO, Artur Roberto do; JUNQUEIRA, Emanuel
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
76.91%
Este trabalho tem por objetivo analisar o desenvolvimento conceitual da Contabilidade Gerencial levando em conta suas peculiaridades e influências possíveis. Trata-se de um ensaio baseado em uma pesquisa bibliográfica que identificou demandas, conflitos e necessidades metodológicas para a pesquisa em Contabilidade Gerencial, tendo como pano de fundo um debate entre Ittner e Larcker (2001; 2002), Zimmerman (2001), Hopwood (2002), Lukka e Mouritsen (2002) e Luft e Shields (2002), considerados extremamente destacados na análise dos rumos da pesquisa em Contabilidade Gerencial. A justificativa para o estudo está na percepção de que o desenvolvimento das ciências depende, além de estudos que buscam seu crescimento linear, de estudos que se dediquem à reflexão crítica sobre o conhecimento nelas produzido. A inovação consiste na discussão das especificidades da área, a apresentação do monoparadigma como limitador de pesquisa, as teorias organizacionais como oportunidades, o poder político do mainstream e a falta de rigor metodológico dos trabalhos. Conclui que o crescimento da Contabilidade Gerencial decorre de inúmeros elementos, fundamentais para o crescimento qualitativo das pesquisas na área, destacando-se a necessidade de uma clara personalidade para as pesquisas...

Um caso de mudança na contabilidade gerencial: a dinâmica política e social; A case of management accounting change: the political and social dynamics

Wanderley, Cláudio de Araújo; Cullen, John
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/12/2012 POR; ENG
Relevância na Pesquisa
76.88%
O principal objetivo do presente estudo é explicar a dinâmica política e social do processo de mudança na contabilidade gerencial em uma companhia de distribuição elétrica brasileira privatizada, articulando e estudando as interconexões entre os ambientes inter e intra-organizacionais (nível político e econômico; nível do campo organizacional e nível intra-organizacional). Este trabalho adota o estudo de caso interpretativo como método de pesquisa para analisar as mudanças na contabilidade gerencial que aconteceram na companhia estudada durante um período de 8 anos, isto é, entre 2000 (o ano de privatização) até 2007. Este artigo defende que, para compreender essas mudanças na contabilidade gerencial, é importante discutir e entender a dinâmica social e política do ambiente inter e intra-organizacional, já que as práticas e os critérios no nível do campo organizacional, em combinação com a lógica intra-organizacional, formaram o sistema de contabilidade gerencial da companhia. Para explicar as mudanças na organização sob análise, este trabalho fundamentou-se nos construtos propostos por Dillard, Rigsby et al. (2004) para articular e compreender os três níveis do sistema social e político. Esses construtos são baseados nos eixos de tensão de Weber e na teoria de estruturação de Giddens. A análise deste caso indica que aconteceram profundas mudanças nos sistemas gerenciais da companhia após o processo de privatização...

Em busca de um melhor entendimento da contabilidade gerencial através da integração de conceitos da psicologia, cultura organizacional e teoria institucional; The search for a better understanding of management accounting by integrating concepts from psychology, organizational culture and institutional theory

Guerreiro, Reinaldo; Frezatti, Fábio; Casado, Tânia
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2006 POR
Relevância na Pesquisa
76.91%
Pesquisas empíricas constatam que apesar de fatores indutores e facilitadores do ambiente externo, o que se observa é o baixo grau de implementação de novas técnicas e conceitos de contabilidade gerencial nas empresas. A teoria institucional é uma abordagem sociológica que tem sido aplicada na área contábil para estudar esse fenômeno. Essa teoria foca a contabilidade como uma instituição dentro da empresa, isto é, uma rotina formada por hábitos que dá sentido a determinado grupo de pessoas. O ponto central sobre o qual repousa a teoria institucional é a idéia de hábitos de um grupo de pessoas: a instituição é estruturada a partir de rotinas e as rotinas dependem de hábitos. A hipótese de pesquisa que se coloca é que determinados conceitos da psicologia e da cultura organizacional podem contribuir para uma melhor compreensão da abordagem institucional aplicada à Contabilidade Gerencial. Nesse contexto, o objetivo deste ensaio é aprofundar o nível de entendimento sobre as causas do gap que existe entre a teoria e a prática da Contabilidade Gerencial. O método de pesquisa utilizado envolve a correlação entre a abordagem institucional com a abordagem de cultura organizacional e ainda com o conceito de inconsciente da psicologia...

Desenvolvimento da pesquisa em Contabilidade Gerencial: as restrições da abordagem monoparadigmática de Zimmerman; Management accounting research development: the restrictions of Zimmerman's monoparadigm approach

Frezatti, Fábio; Nascimento, Artur Roberto do; Junqueira, Emanuel
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2009 POR
Relevância na Pesquisa
76.9%
Este trabalho tem por objetivo analisar o desenvolvimento conceitual da Contabilidade Gerencial levando em conta suas peculiaridades e influências possíveis. Trata-se de um ensaio baseado em uma pesquisa bibliográfica que identificou demandas, conflitos e necessidades metodológicas para a pesquisa em Contabilidade Gerencial, tendo como pano de fundo um debate entre Ittner e Larcker (2001; 2002), Zimmerman (2001), Hopwood (2002), Lukka e Mouritsen (2002) e Luft e Shields (2002), considerados extremamente destacados na análise dos rumos da pesquisa em Contabilidade Gerencial. A justificativa para o estudo está na percepção de que o desenvolvimento das ciências depende, além de estudos que buscam seu crescimento linear, de estudos que se dediquem à reflexão crítica sobre o conhecimento nelas produzido. A inovação consiste na discussão das especificidades da área, a apresentação do monoparadigma como limitador de pesquisa, as teorias organizacionais como oportunidades, o poder político do mainstream e a falta de rigor metodológico dos trabalhos. Conclui que o crescimento da Contabilidade Gerencial decorre de inúmeros elementos, fundamentais para o crescimento qualitativo das pesquisas na área, destacando-se a necessidade de uma clara personalidade para as pesquisas...

Práticas de contabilidade gerencial adotadas por subsidiárias brasileiras de empresas multinacionais

Souza, Marcos Antonio de; Lisboa, Lázaro Plácido; Rocha, Welington
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2003 POR
Relevância na Pesquisa
76.67%
Esta pesquisa tem como objeto de estudo as práticas de Contabilidade Gerencial, no contexto da sua efetiva receptividade e aplicação por parte das empresas. Circunscrita a métodos de custeio, métodos de predeterminação de custos, elaboração e uso de planos orçamentários e análise de relações custo-volume-lucro, desenvolve-se uma pesquisa bibliográfica, que expõe argumentos quanto à contribuição de tais práticas no aumento da eficácia da gestão empresarial. Além das chamadas práticas tradicionais, abordam-se também aquelas mais recentemente desenvolvidas, particularmente a do custeio baseado em atividades (ABC) e a do custeio meta (target costing), tidas por alguns pesquisadores como mais adequadas ao atual ambiente operacional das empresas. Ampliando seu campo de investigação, este estudo é embasado em uma pesquisa efetuada junto a quarenta e nove subsidiárias brasileiras de empresas multinacionais, com o objetivo de identificar as práticas contábeis gerenciais atualmente usadas por tais empresas, bem como verificar o nível de reconhecimento que a gestão empresarial dedica à validade prática dos novos procedimentos recomendados. A análise e interpretação, quantitativa e qualitativa, dos dados coletados...

Diferenciações entre a contabilidade financeira e a contabilidade gerencial: uma pesquisa empírica a partir de pesquisadores de vários países; Differences between financial and management accounting: an empirical research based on the work of researchers from several countries

Frezatti, Fábio; Aguiar, Andson Braga de; Guerreiro, Reinaldo
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2007 POR
Relevância na Pesquisa
76.76%
Este trabalho objetiva identificar os principais elementos que diferenciam a Contabilidade Financeira da Contabilidade Gerencial em vários países do mundo. A evolução mostra que, em algum momento, na verdade, em alguma situação esses dois ramos da Contabilidade poderiam ser assemelhados e, até mesmo, iguais. Contudo, as diferentes demandas e percepções de seus usuários, em vários países, fazem com que elas se distanciem. Para entender essas diferenças foi feita uma pesquisa em 24 países a fim de identificar os elementos que podem apresentar diferenciações entre os dois ramos da Contabilidade. Os elementos incluídos neste estudo foram definidos a partir da combinação de abordagem de vários autores. A pesquisa de campo foi desenvolvida por meio da aplicação de um questionário com estrutura de perguntas baseada em escala Likert, respondido por especialistas. Percebeu-se que os principais elementos que diferenciam as duas Contabilidades são: aplicação de princípios, foco de análise, grau de confiabilidade, agentes que influenciam ou podem influenciar, freqüência de emissão de relatórios e exigência legal de pessoal habilitado em amplitudes variadas. As diferenças reforçam a necessidade de um sistema de informação contábil que possa atender...

Empresas que se destacam pela qualidade das informações a seus usuários externos também se destacam pela utilização de artefatos modernos de contabilidade gerencial?; Do companies who stand out for information quality for external users also stand out for the use of modern management accounting artifacts?

Guerreiro, Reinaldo; Cornachione Júnior, Edgard Bruno; Soutes, Dione Olesczuk
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2011 POR
Relevância na Pesquisa
76.98%
Estudos empíricos têm indicado baixo grau de utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial propostos pela literatura. No âmbito teórico, a teoria da contabilidade engloba o pressuposto de que a contabilidade deveria atender eficazmente os seus usuários externos e internos. Este estudo tem dois objetivos principais: avaliar se (a) empresas brasileiras que se destacam pelo seu porte na economia brasileira utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) empresas que se destacam pela qualidade de suas informações aos usuários externos, também, se destacam pela maior utilização de artefatos modernos de Contabilidade Gerencial de apoio a usuários internos. Uma amostra de 90 empresas foi examinada, selecionadas dentre empresas listadas entre as 500 maiores empresas (edição de 2005 de Melhores e Maiores) e dentre o rol de empresas que foram indicadas ao Prêmio ANEFAC-FIPECAFI-SERASA, Troféu Transparência, entre os anos-base de 1996 a2004. Dados foram coletados por meio de questionário endereçado ao gestor da área de Contabilidade Gerencial, contendo questões relativas ao grau de utilização de artefatos tradicionais e modernos de Contabilidade Gerencial. Os resultados do estudo demonstram que (a) as empresas da amostra utilizam artefatos modernos de Contabilidade Gerencial e (b) a amostra de empresas indicadas para o prêmio não se diferencia...

El paradigma económico en la contabilidad gerencial: un estudio empírico sobre la asociación entre tasas de retorno sobre el patrimonio neto y diferentes perfiles de la contabilidad gerencial; O paradigma econômico na contabilidade gerencial: um estudo empírico sobre a associação entre taxas de retorno sobre o patrimônio líquido e diferentes perfis da contabilidade gerencial; The "economic paradigm" in management accounting: return on equity and the use of various management accounting artifacts

Frezatti, Fabio
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2006 POR
Relevância na Pesquisa
76.9%
This study aims to analyze possible association between the entities's conceptual framework adherence in relation to the management accounting artifacts, with different levels of success in obtaining return for the stockholders. The paper is based on a field research using a data base of more than two thousands Brazilian medium and large size entities. Although it is not possible to generalize the conclusions, the analysis results allows the researcher to try to associate variables and suggest some kind of relation between management accounting profiles and return on equity. In this sense, it was observed that organizations with higher return rates focused more on tactics and control than on strategic tools and in the planning standpoint, the focus is more short term than long one.; El objetivo de este estudio es analizar la posible asociación entre el nivel de adherencia conceptual de las entidades, respecto a las herramientas de la contabilidad de gestión, y los diferentes niveles de éxito en la obtención de retorno para los accionistas. Este trabajo está basado en una investigación de campo cuya muestra se obtuvo de un universo de aproximadamente dos mil empresas brasileñas medianas y grandes. Aunque no sea posible generalizar las conclusiones aparte de la muestra tratada...

Interdisciplinaridade em contabilidade gerencial e contabilidade de custos em programas de mestrado: Percepções de docentes e discentes; Interdisciplinarity in management accounting and cost accounting in masters programs: perceptions of teachers and students

Barros, Claudio Marcelo Edwards; Júnior, Luiz Carlos Lemos; Colauto, Romualdo Douglas; Voese, Simone Bernardes
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2012 POR
Relevância na Pesquisa
76.75%
O presente artigo tem como objetivo analisar a percepção de docentes e discentes sobre a prática de interdisciplinaridade nas disciplinas de contabilidade gerencial e contabilidade de custos ministradas em programas de mestrado em contabilidade. A amostra da pesquisa é composta por 5 instituições de ensino superior localizadas nos estados de Minas Gerais, Santa Catarina, Amazonas, Paraná e Rio Grande do Sul. Trata-se de uma pesquisa exploratória que utilizou perguntas fechadas como instrumento e contou com 77 respondentes de um total de 148. Para análise quantitativa de dados, utilizou-se Análise Fatorial Exploratória (AFE) visando estimar os fatores subjacentes às variáveis relacionadas aos elementos promotores de interdisciplinaridade. Os resultados indicam que a percepção de presença de interdisciplinaridade nos programas de mestrado ocorre para 51% dos respondentes, enquanto que 49% afirmaram não haver ou desconhecer a presença de práticas de interdisciplinaridade nos projetos pedagógicos dos cursos. Assim, os resultados sugerem haver a apreciação isolada do conteúdo destas duas disciplinas e reforça a concepção de que a interdisciplinaridade, no ensino da contabilidade, nem sempre é observada de forma explícita nas matrizes curriculares e nas ementas dos cursos.; This paper is aimed at analyzing the perception of teachers and students about the interdisciplinarity among the disciplines of management accounting and cost accounting...

A compreensão das práticas de contabilidade gerencial à luz do paradigma espiritual: uma lente alternativa ao pensamento econômico-racionalista; Understanding the management accounting practices in the light of spiritual paradigm: an alternative lens to economic-rational thinking

Costa, Flaviano; Gassner, Flavia Pozzera; Espejo, Márcia Maria dos Santos Bortolocci; Pacheco, Vicente
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2010 POR
Relevância na Pesquisa
76.86%
O presente ensaio teórico objetivou fornecer elementos que contribuam para a compreensão das práticas contábeis gerenciais por meio dos conceitos preconizados pelo paradigma espiritual, buscando compartilhar lentes alternativas que possam propiciar visões diferenciadas da contabilidade gerencial que sejam mais contributivas à gestão empresarial. Para tanto, foram discutidos os pilares fundamentais da espiritualidade no ambiente da contabilidade gerencial, mediante a análise de alguns valores espirituais que podem auxiliar na criação de um ambiente de trabalho mais propício para que o profissional em contabilidade gerencial possa executar suas funções de forma a ampliar o número de variáveis intervenientes no processo de tomada de decisão empresarial, assistindo assim o gestor com informações úteis. Pôde-se depreender que em ambientes organizacionais mais espiritualizados, nos quais os profissionais (tanto contadores, quanto gestores e colaboradores) utilizam-se dos valores espirituais citados no presente estudo; os instrumentos de contabilidade gerencial podem ser viabilizados de forma mais consciente, a fim de demonstrarem a real situação empresarial, visto que quem decide ou não por sua utilização, possui dentro de si esses valores...

FROM TEXT TO CONTEXT: MANAGEMENT ACCOUNTING USE IN MICRO AND SMALL COMPANIES UNDER THE THEORETICAL PERSPECTIVE OF BAKHTIN; DO TEXTO AO CONTEXTO: O USO DA CONTABILIDADE GERENCIAL PELAS PEQUENAS EMPRESAS SOB A PERSPECTIVA TEÓRICA DE BAKHTIN

Vaz, Patricia Villa Costa; Espejo, Márcia Maria dos Santos Bortolocci
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/2015 POR
Relevância na Pesquisa
76.89%
This article aims to apply Bakhtin’s communication theory in management accounting, in order to reduce the possible reasons for their limited use in micro and small companies. To this end, we propose a theoretical model of analysis and an initial investigation, seeking their application in the suggested context. Two case studies were conducted, each one with one accountant and five of its clients micro companies. In both cases it was performed data triangulation with documental research to confirm information. Considering bakhtinian theoretical aspects, the results indicated that it is possible to reduce communication noise between accountant and entrepreneur through: the accountant availability in settling questions, clear and simple language, reducing the use of technical jargon, entrepreneurs improvement with management courses, accounting closer to the administrative reality, accounting valuation by the accountants and also by the micro companies managers, to realize their potential information, decoupling the image of accounting for tax purposes only.; O presente artigo tem por objetivo analisar a compreensão do interlocutor a respeito da Contabilidade Gerencial sob a perspectiva teórica de Mikhail Bakhtin sobre a formação do discurso. Bakhtin é um linguista russo que dedicou sua vida à compreensão da comunicação humana...