Página 1 dos resultados de 5950 itens digitais encontrados em 0.101 segundos

Integração de modelos econométrico e de insumo-produto para previsões de longo prazo da demanda de energia no Brasil

MATTOS, Rogério Silva de; PEROBELLI, Fernando Salgueiro; HADDAD, Eduardo Amaral; FARIA, Weslem Rodrigues
Fonte: Instituto de Pesquisas Econômicas da FEA-USP Publicador: Instituto de Pesquisas Econômicas da FEA-USP
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
115.82%
Este trabalho apresenta um modelo tipo econométrico+insumo-produto para previsões de longo prazo do consumo de energia por setor de atividade no Brasil. São feitas previsões anuais para 2005-2010. A metodologia integra modelos econométricos de séries temporais com modelos de insumo-produto. Um resultado relevante obtido é a conexão entre modelos vetoriais auto-regressivos com ou sem mecanismos de correção de erros e modelos de insumo-produto fechados ou abertos. Dois cenários de previsão são considerados: um expansionista, com crescimento mais acelerado da economia; e um retraído, com crescimento amortecido. No caso mais provável do cenário expansionista, os resultados confirmam expectativas de que o estrangulamento energético ocorrerá a partir de 2009, antes do final da década. Direções para pesquisas futuras envolvendo o avanço da metodologia são consideradas ao final.; The paper presents an econometric+input-output model for long-run forecasting of energy consumption by sector in Brazil. Yearly forecasts are produced for 2005-2010. The approach integrates a time series econometric model with an input-output model. A relevant result is a connection established between vector autoregressive models with or without error correction mechanisms and closed or open input-output models. Two forecasting scenarios are set-up: an expansionist scenario that predicts a faster economic growth; and a damped scenario that predicts a smoothed growth. In the more likely case of the expansionist scenario...

Estimativa do consumo de energia e de macronutrientes no domicílio e na escola em pré-escolares; Estimation of energy and macronutrient intake at home and in the kindergarten programs in preschool children

BERNARDI, Juliana Rombaldi; CEZARO, Carla de; FISBERG, Regina Mara; FISBERG, Mauro; VITOLO, Márcia Regina
Fonte: Rio de Janeiro Publicador: Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR; ENG
Relevância na Pesquisa
116%
OBJETIVO: Estimar o consumo de energia e de macronutrientes no domicílio e na escola em tempo integral em crianças de 2 a 6 anos e pesquisar diferenças no consumo entre as crianças de escolas públicas e particulares. MÉTODOS: Estudo transversal realizado com 362 pré-escolares em Caxias do Sul (RS). O estado nutricional foi avaliado pela razão peso para estatura. O consumo na escola foi avaliado por meio do método de pesagem direta individual dos alimentos consumidos pelas crianças e, no domicílio, por meio do método de registro alimentar realizado pelos pais ou responsáveis. Para as análises estatísticas utilizou-se o teste U de Mann-Whitney (p < 0,05). RESULTADOS: Observou-se que 28 crianças (7,7 por cento) apresentaram excesso de peso, 92 (25,4 por cento), risco para excesso de peso e sete (1,9 por cento), baixo peso para a estatura. A avaliação da ingestão alimentar em 24 horas mostrou que 51,3 por cento da energia, 60,3 por cento dos lipídios e 51,6 por cento das proteínas foramconsumidos nos domicílios, apesar de as crianças permanecerem em período integral nas escolas. Observou-se maior ingestão de energia (p = 0,001), carboidratos (p < 0,001) e lipídios (p = 0,04) nos pré-escolares de escolas particulares em relação aos de escolas públicas...

Previsão do consumo de energia elétrica por setores através do modelo SARMAX; Forecasting electric energy consumption by sectors with SARMAX model

Moura, Fernando Alves de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/11/2011 PT
Relevância na Pesquisa
126.07%
A previsão do consumo de energia elétrica do Brasil é muito importante para os órgãos reguladores do setor. Uma série de metodologias têm sido utilizadas para a projeção desse consumo. Destacam-se os modelos de regressão com dados em painel, modelos de cointegração e defasagem distribuída, modelos estruturais de séries temporais e modelos de Box & Jenkins de séries temporais, dentre outros. Neste trabalho estimar-se um modelo de previsão do consumo comercial, industrial e residencial de energia brasileiro por meio de modelos SARMAX. Nesses modelos o consumo de energia pode ser estimado por meio de uma regressão linear múltipla considerando diversas variáveis macroeconômicas como variáveis explicativas. Os resíduos desse modelo são explicados por meio de um modelo de Box & Jenkins. Neste estudo realiza-se uma pesquisa bibliográfica sobre fatores que influenciam no consumo de energia elétrica e levantam-se variáveis proxies para prever este consumo no Brasil. Utiliza-se uma base de dados mensal no período entre Janeiro de 2003 e Setembro de 2010 para construção de cada um dos três modelos de previsão citados. Utilizase uma amostra de validação de Outubro de 2010 até Fevereiro de 2011. Realiza-se a avaliação dos modelos estimados em termos de adequação às premissas teóricas e ao desempenho nas medidas de acurácia MAPE...

Relação entre o consumo de energia elétrica, a renda e a caracterização econômica de famílias de baixa renda do município de São Paulo

Francisco, Eduardo de Rezende
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Relevância na Pesquisa
106.09%
Esta pesquisa teve como principal objetivo examinar a relação entre Consumo de Energia Elétrica e Renda Familiar nos domicílios do município de São Paulo. Investigou-se a utilidade do consumo de energia elétrica como base para um indicador que possibilite a extensão e o refinamento do Critério de Classificação Econômica Brasil para estimar o poder de compra da população em geral. A pesquisa dividiu-se em dois níveis de investigação. O primeiro, domiciliar, para o qual foram utilizados três conjuntos de dados oriundos de pesquisas domiciliares (Pesquisa ABRADEE, Pesquisa de Posses e Hábitos do PROCEL, e Pesquisa de Microcrédito da Baixa Renda da FGV-EAESP). O segundo nível, territorial, investigou indicadores de renda, consumo de energia elétrica e classe econômica agregados por áreas de ponderação (conjunto de setores censitários), e utilizou microdados do Censo Demográfico 2000 do município de São Paulo em conjunto com a base de domicílios da AES Eletropaulo. A investigação domiciliar mostrou que não há vantagens na substituição plena da aplicação do Critério Brasil pela coleta de indicadores de consumo de energia elétrica em levantamentos domiciliares. No entanto, o uso combinado do Critério Brasil...

Indicadores de renda baseados em consumo de energia elétrica : abordagens domiciliar e regional na perspectiva da estatística espacial

Francisco , Eduardo de Rezende
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
PT
Relevância na Pesquisa
106.06%
Com o objetivo de avaliar o uso do consumo de energia elétrica como indicador socioeconômico, esta pesquisa analisa informações em dois níveis de agregação geográfica. No primeiro, sob perspectiva territorial, investiga indicadores de Renda e Consumo de Energia Elétrica agregados por áreas de ponderação (conjunto de setores censitários) do município de São Paulo e utiliza os microdados do Censo Demográfico 2000 em conjunto com a base de domicílios da AES Eletropaulo. Aplica modelos de Spatial Auto-Regression (SAR), Geographically Weighted Regression (GWR), e um modelo inédito combinado (GWR+SAR), desenvolvido neste estudo. Diversas matrizes de vizinhança foram utilizadas na avaliação da influência espacial (com padrão Centro-Periferia) das variáveis em estudo. As variáveis mostraram forte auto-correlação espacial (I de Moran superior a 58% para o Consumo de Energia Elétrica e superior a 75% para a Renda Domiciliar). As relações entre Renda e Consumo de Energia Elétrica mostraram-se muito fortes (os coeficientes de explicação da Renda atingiram valores de 0,93 a 0,98). No segundo nível, domiciliar, utiliza dados coletados na Pesquisa Anual de Satisfação do Cliente Residencial, coordenada pela Associação Brasileira dos Distribuidores de Energia Elétrica (ABRADEE)...

Agrupamento dos municípios do Estado de São Paulo segundo indicadores de consumo de energia elétrica produtiva rural e produção agropecuária

Oliveira, Paulo André de
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xi, 135 f. il.gráfs.,tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
106.05%
Pós-graduação em Agronomia (Energia na Agricultura) - FCA; O problema que se encontra é de que as políticas de utilização de energia elétrica no meio rural se limitam à disponibilização do insumo.Diretrizes que considerem somente as regiões admistrativamente divididas pode gerar resultados insatisfatórios, pois podem existir, num mesmo EDR, municípios carentes de energia e outros plenamente satisfeitos. Mesmo naqueles onde a energia esteja satisfatoriamente disponibilizada observa-se uma subutilização do insumo devido às suas características produtivas. A hipótese colocada é de que não há indicadores que auxiliem na implementação de políticas públicas e privadas e que as tornem eficientes através das decisões tomadas para o incremento da utilização da energia elétrica. O objetivo geral deste trabalho foi construir indicadores de energia e de produção agropecuária que caracterizem o consumo de energia elétrica rural, tanto para uso residencial como para fins nãoresidenciais nos municípios do estado de São Paulo que possuam atividade agrícola. O objetivo específico foi agrupar os municípios do estado com essas características homogêneas, para subsidiar a elaboração de políticas públicas de energização...

Conforto térmico e consumo de energia em ambientes de um supermercado de médio porte; Thermal comfort and energy consumption environments in a midsize supermarket

Elisabeti de Fátima Teixeira Barbosa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
116.03%
O conforto térmico tem sido amplamente pesquisado nos últimos anos, visando melhorar o bem estar das pessoas nos ambientes edificados, e minimizar o uso de energia elétrica para condicionamento artificial. Há algum tempo os estudos se direcionaram ao desempenho do ambiente construído de modo a obter uma boa relação entre pessoa-ambiente, principalmente quando se trata de ambientes de trabalho. No entanto, ainda é desconhecido o nível de conforto térmico proporcionado aos usuários de algumas edificações, principalmente em se tratando de edifícios de supermercados. Nos últimos anos, além de os empresários se preocuparem em garantir condicionamentos apropriados aos alimentos, em assegurar certo padrão de conforto aos seus clientes e propiciar bom nível de produtividade de seus funcionários, eles ainda tem que se preocupar em minimizar custos de energia. Nesse sentido, o levantamento do índice de conforto térmico e do consumo de energia em ambientes de supermercados se mostra importante para o conhecimento da real situação ambiental desse tipo de edificação. Esta pesquisa visou levantar dados do índice de conforto térmico e do consumo de energia no ambiente construído comercial do ramo alimentício. A metodologia empregada envolveu a seleção do supermercado...

Impacto do regulamento para eficiência energética em edificações no consumo de energia elétrica do setor residencial brasileiro

Morishita, Claudia
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 232 p.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
106.08%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil, Florianópolis, 2011; O crescente consumo e a busca pelo uso racional de energia é uma realidade nas principais nações do mundo. No Brasil, o setor residencial é responsável por 24% do consumo de energia elétrica do país, que foi de 426 TWh em 2009. Somado aos setores comercial e público, tem-se que, para 2009, o setor de edificações foi responsável por 47% da eletricidade consumida do país, ultrapassando o setor industrial, cujo consumo foi de 44%. Impulsionado principalmente pela crise ocorrida em 2001, medidas de eficiência energética foram tomadas no país. Dentre estas medidas estão os regulamentos para eficiência energética em edificações, criados no âmbito do Programa Nacional de Eficiência Energética em Edificações - PROCEL Edifica e desenvolvidos em parceria com o Laboratório de Eficiência Energética em Edificações - LabEEE/UFSC. Ambos de caráter voluntário, no ano de 2009 entrou em vigor o regulamento para edificações comerciais, de serviço e públicas e, em 2010, o regulamento para edificações residenciais. Este trabalho tem por objetivo avaliar o impacto da aplicação dos requisitos de eficiência máxima do regulamento residencial no consumo de energia elétrica do setor residencial brasileiro. Para isso foi necessário...

Gestão do consumo de energia elétrica no Campus da UnB

Oliveira, Lilian Silva de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
106.06%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Elétrica, 2006.; No início do século XX, o consumo de energia elétrica era uma questão de status e com o passar dos anos aumentava-se a geração havendo assim a abundância de energia a baixo custo. Mas, entre o final do século XX e início do século XXI, o consumo de energia elétrica aumentou de tal forma que a geração não foi capaz de atender à demanda de energia necessária, ocorrendo o risco do “Apagão”, sem mencionar que o valor do custo do fornecimento de energia aumentou com o passar dos anos. Com o advento do “Apagão” teve-se início a preocupação quanto à necessidade de racionamento de energia. Caso o racionamento de energia não fosse tratado com a devida importância, no “Apagão”, medidas de grande impacto deveriam ser tomadas, como o corte no fornecimento de energia. Portanto surgiram os estudos de melhor aproveitamento do que é gerado sendo criados programas de conservação de energia e divulgação quanto à necessidade do racionamento de energia, criação de auditorias energéticas, medidas de conservação de energia e criação de comissões de energia nos maiores consumidores de energia. Assim...

Impactos do uso da água no consumo de energia e nas emissãoes de CO2

Mariano, Nuno Filipe Rodrigues
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
106.05%
Este trabalho tem como objectivo analisar os impactos do uso da água no consumo de energia e emissões de CO2. O crescente desenvolvimento da sociedade tem estimulado a alteração dos padrões e níveis de vida das populações, ao que se tem associado o aumento da procura e consumo de água. Proporcionar às populações o abastecimento de água, saneamento de águas residuais e o aquecimento de água nas habitações, implica uma utilização intensiva de energia. Associado a este consumo de energia estão as emissões de CO2 para a atmosfera. O aumento do uso eficiente da água é então crucial para a redução do consumo de energia e emissões de CO2, associadas. Este trabalho pretende contribuir para este tema, identificando as diversas etapas do uso da água e seus consumos de energia e emissões de CO2 associados. No seguimento deste trabalho são apresentadas medidas para o uso eficiente da água de acordo com o Plano Nacional para o Uso Eficiente da Água. Com o intuito de estimar o impacto do uso da água, no consumo de energia e emissões realizou-se um estudo ao nível da rede de distribuição de água e saneamento de águas residuais, e ao nível do uso final. Neste estudo são também quantificadas as reduções no consumo de energia...

Fine grained monitoring of electric energy consumption; Monitorização fina do consumo de energia eléctrica

Gomes, César Emanuel Brandão
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
ENG
Relevância na Pesquisa
106.04%
Hoje em dia assistimos a uma grande pressão e esforço no sentido de estimular a conservação de energia, seja devido a limitações económicas, preocupações ambientais, ou normas regulatórias. No topo do consumo de energia está a energia sob a forma de electricidade Para se conseguir incentivar a utilização eficiente da energia é necessário fornecer consciencialização energética. Se os consumidores de elecricidade tiverem acesso a informação detalhada sobre como, quando e que aparelhos estão a consumir energia, estes poderão tomar boas e bem suportadas decisões e anuir mudar os seus hábitos de modo a reduzir o consumo de energia, e por fim, gastar menos dinheiro. O projecto aqui apresentado desenvolve as bases para um aparelho que fornece informação detalhada sobre o consumo de energia eléctrica para uma casa. A informação a ser fornecida deverá ser separada individualmente para virtualmente cada aparelho singular presente. A técnica escolhida para desenvolver o aparelho foi Monitorização Não Intrusiva de Cargas de Aparelhos. A partir de um único ponto de medida o sistema deverá identificar as cargas individuais na casa, o que faz com que o hardware tenda a ser simples e minimal, recaindo a complexidade para o software. O sistema desenvolvido deverá ser de baixo custo e de fácil instalação. O sistema que foi desenvolvido foi capaz de identificar individualmente e com grande sucesso os aparelhos presentes num ambiente controlado. Ao contrário de outros sistemas deste tipo...

Desenvolvimento de um sistema de monitorização remota do consumo de energia elétrica e da presença humana em edifícios

Henriques, Ricardo Filipe Querido
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
116.02%
Tese de mestrado integrado em Engenharia da Energia e do Ambiente , apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2012; O atual cenário energético mundial, quer ao nível económico quer ambiental, tem alterado a forma como o consumidor encara a utilização dos recursos. Como consequência a população está mais sensibilizada para a gestão da energia utilizada nos edifícios convencionais. No caso da energia elétrica, o controlo típico dos consumos efetuados tem muito pouco detalhe, sendo difícil estabelecer relações de causa efeito entre os valores de energia consumida e a própria origem desse consumo. No caso particular da eletricidade, os sistemas de monotorização energética apresentam-se como a solução capaz de revelar ao utilizador dos edifícios a real evolução dos próprios consumos, passando a ser possível identificar eventuais pontos de ineficiência e potenciais medidas de redução do consumo elétrico. Por outro lado, a monitorização em simultâneo com outros parâmetros, como por exemplo a presença humana em edifícios, permite uma melhor avaliação da relação existente entre ocupação e consumo. A grande variedade de dispositivos eletrónicos disponíveis no mercado a baixo custo e com níveis de qualidade exigida...

Estimativa do consumo de energia devido ao software : uma abordagem baseada em redes de Petri coloridas

Nogueira de Oliveira Júnior, Meuse; Romero Martins Maciel, Paulo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
116.02%
Esta tese tem seu foco na análise do consumo de energia de microprocessadores no contexto dos sistemas embutidos. Para tanto, são propostos dois modelos para simulação e análise. Tais modelos operam com base na descrição do conjunto de instruções da arquitetura alvo em redes de Petri coloridas. O primeiro modelo aplica as redes de Petri coloridas para a avaliação do comportamento do código frente a uma descrição determinística das instruções. O segundo estende o primeiro de forma a explorar o espaçoo de possibilidades de execução do código por meio da descrição probabilística dos possíveis uxos de execução. Uma taxonomia para a descrição dos elementos presentes nos perfis de execução e consumo é proposta. Com base em tal taxonomia, formaliza-se um mecanismo para a análise de consumo de energia devido ao software. A abordagem proposta oferece três contribuições básicas: (i) criação de modelos de descrição de arquiteturas sobre uma linguagem de modelagem formal, as redes de Petri coloridas; (ii) proposição de um modelo de descrição estrutural do software, no qual os possíveis uxos de execução estão explícitos na semântica de descrição; e (iii) proposição de um modelo probabilístico para descrição...

Avaliação estocástica de consumo de energia no projeto de sistemas embarcados

Ferreira de Carvalho, Fernando; Romero Martins Maciel, Paulo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
115.93%
Em metodologias de projeto de sistemas embarcados, ambientes de suporte à tomada de decisões são de grande importância, principalmente quando o projeto de tais sistemas deve considerar restrições de desempenho, consumo de energia etc. Este trabalho trata sobre estimativa de potência no desenvolvimento de sistemas digitais embarcado. A metodologia proposta baseia-se em uma extensão de modelo das redes de Petri estocástica generalizadas (Generalized Stochastic Petri Net - GSPN), denominada Power-GSPN. Este trabalho apresenta um conjunto de métricas que permitem avaliar o consumo de energia, potência, autonomia e o desempenho dos sistemas. A utilização das redes de Petri é de grande importância dada sua fundamentação matemática, a possibilidade de representar sistemas paralelos, síncronos e concorrentes, além de suportar, em um único modelo, especificação, validação, análise de desempenho, estimativa e documentação; Universidade de Pernambuco

Sistema de previsão de consumo de energia elétrica em curto prazo em função da variável temperatura utilizando redes neurais

Frederico Dias Diniz, Carlos; Ribeiro Barbosa de Aquino, Ronaldo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
115.97%
Na operação de um sistema de distribuição de energia elétrica, uma das etapas mais importante é a determinação da operação horária e diária, que determina as metas de distribuição da energia nas próximas horas ou dias, visando atender à demanda dos seus clientes. Assim, do ponto de vista do planejamento da operação, é necessário que se conheça previamente o consumo de energia de cada barramento utilizando-se previsões de curtíssimos prazos. Este trabalho teve como objetivo desenvolver modelos de previsão utilizando Redes Neurais Artificiais com topologia de MLP (Perceptrons Multicamadas) com horizontes de previsão horária de 7 e 14 dias para alguns barramentos do sistema de distribuição da Companhia Energética de Pernambuco. Duas metodologias são implantadas: a primeira cria dois modelos com base em dados horários de consumo de energia e temperatura média diária; a segunda cria, através de combinações, mais dois modelos utilizando como dados de entrada os modelos criados na primeira metodologia. Fazendo-se a comparação dos MAPE (Erro Médio Absoluto Percentual), conclui-se que os modelos obtidos por combinação na segunda metodologia apresentam maior incidência de menores MAPE (erro médio absoluto percentual) em comparação aos modelos apresentados na primeira metodologia. Por fim...

Modelagem do consumo de energia elétrica residencial na cidade do Recife: o processo de tomada de decisão para políticas de eficientização de energia elétrica

Varejão de Godoy, Methodio; Benzaquen Sicsu, Abraham (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
116.02%
Esta tese tem por objetivo obter um modelo para a demanda de energia elétrica de consumidores residenciais da cidade do Recife, visando avaliar o impacto de políticas de eficientização a serem adotadas no consumo de energia elétrica do setor residencial da cidade do Recife, utilizando as técnicas de Análise Condicionada da Demanda (CDA) e a estrutura de preferência desses consumidores. Essa modelagem foi obtida a partir da base de dados de uma pesquisa de campo patrocinada pelo CNPq, pesquisa realizada entre maio e julho de 2003, numa amostra de 600 consumidores residenciais da cidade do Recife. Dentre os resultados obtidos, destaca-se que o consumo residencial da cidade do Recife pode ser explicado essencialmente pelo consumo de iluminação, refrigeradores, ventiladores, televisores, ares condicionados e chuveiros elétricos, existindo amplas possibilidades de se adotarem políticas públicas no sentido de reduzir investimentos em oferta de energia. O conhecimento da preferência dos consumidores e o modelo obtido tornam possível a escolha de alternativas para se atingirem metas de racionamento de energia que minimizem os inconvenientes que medidas dessa natureza causam à população de uma cidade como o Recife

Crescimento econômico e consumo de energia : uma abordagem econométrica com séries temporais para a economia brasileira no período de 1970-2000

Luz, Helenilka Pereira Barboza da; Ramos, Francisco de Sousa (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
115.99%
Neste trabalho é investigada através de um modelo econométrico a relação causal entre crescimento econômico e consumo de energia sob a hipótese de não estacionariedade das séries temporais. A fim de testar a causalidade de Granger na presença de cointegração entre as variáveis foi aplicado o modelo do vetor de correção de erros. Os resultados empíricos do modelo para o período de 1970-2000 sugerem a presença de causalidade unidirecional do PIB para o consumo de energia no curto prazo e causalidade bidirecional no longo prazo. Os resultados obtidos demonstram que o crescimento do PIB está fortemente ligado ao crescimento do consumo de energia e que retrações econômicas podem reduzir sua evolução no curto e no longo prazo. Por outro lado, uma política de conservação de energia muito restritiva teria efeitos deletérios sobre o crescimento econômico; Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

Estudio del consumo de energía en un dispositivo Android

López Orgaz, Elena
Fonte: Universidade Carlos III de Madrid Publicador: Universidade Carlos III de Madrid
Tipo: info:eu-repo/semantics/bachelorThesis; info:eu-repo/semantics/masterThesis Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
116.05%
Las nuevas funcionalidades y la integración de diferentes tecnologías de comunicación en los nuevos dispositivos móviles hacen que el consumo de potencia se dispare, en unos dispositivos que disponen de una fuente de energía muy limitada. Como consecuencia, ha aumentado la preocupación sobre cómo administrar y ahorrar energía. Entender y caracterizar el consumo de energía en un dispositivo móvil es necesario para poder desarrollar métodos de administración de energía que permitan reducir el consumo. Con este objetivo, el presente proyecto fin de carrera lleva a cabo un estudio sobre el consumo de energía en un dispositivo con sistema operativo Android. Android, creado por Google y de código abierto, es uno de los sistemas operativos para dispositivos móviles con mayor penetración en el mercado. Además de ofrecer gran funcionalidad y un potente entorno de desarrollo, Android implementa un mecanismo de administración de energía con el objetivo de reducir el consumo cuando el dispositivo no está siendo utilizado. Se ha desarrollado una metodología que permite obtener el consumo de distintos componentes hardware del dispositivo bajo estudio. Los resultados experimentales obtenidos permiten definir qué componentes son los que descargan a mayor velocidad la batería y consumen niveles de potencia más altos. Ya que la mayor parte de la potencia consumida se atribuye a las tecnologías de comunicación...

Os efeitos do racionamento de energia elétrica ocorrido no Brasil em 2001 e 2002 com ênfase no consumo de energia elétrica. ; The effects of the rationing of electric power happened in Brazil in 2001 and 2002 with emphasis in the electric energy.

Bardelin, Cesar Endrigo Alves
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/10/2004 PT
Relevância na Pesquisa
106.05%
O racionamento de energia elétrica não foi a primeira crise no setor elétrico, sendo que ocorreram anteriormente outras crises no Brasil e em outros países. A causa do déficit, que gerou o racionamento, foi que o crescimento do parque gerador brasileiro não acompanhou o crescimento do consumo da forma adequada. O racionamento produziu impacto no consumo de energia elétrica de forma singular, provocando redução no consumo brasileiro em torno de 24 %, influenciando até onde não houve racionamento e mantendo efeitos no consumo mesmo após o seu término. Foram calculadas as conseqüências do racionamento no consumo de energia elétrica por região, por setor, na demanda e em casos específicos. Os métodos de cálculos foram empregados considerando o crescimento no consumo em 2001, no período pré-crise de energia levando em consideração a sazonalidade dos períodos. As influências do racionamento não ficaram restritas ao consumo de energia elétrica, tendo efeitos no setor elétrico, na indústria, no comércio, na economia, na política nacional e na vida das pessoas em geral. ; The electric power rationing was not the first crisis in the electric section, and they happened other crises previously in Brazil and in other countries. The cause of the deficit that generated the rationing...

Consumo de Energía a Nivel Residencial en Chile y Análisis de Eficiencia Energética en Calefacción

Romero Ramos, Nathaly Patricia
Fonte: Universidad de Chile; CyberDocs Publicador: Universidad de Chile; CyberDocs
Tipo: Tesis
ES
Relevância na Pesquisa
116.08%
El objetivo principal de este trabajo es caracterizar el consumo de energía en el sector residencial de Chile y, a partir de ello, identificar dónde enfocar las medidas que deben implementarse para generar un mayor ahorro de energía. En este estudio se utilizaron los datos de la encuesta “Estudio de usos finales y curva de oferta de conservación de la energía en el sector residencial de Chile” (Ministerio de Energía, 2010). Se seleccionó una muestra de 113 encuestas de un total de 3.220, correspondientes a viviendas ubicadas en las ciudades de Valparaíso, Santiago y Concepción. Se compararon los consumos de energía de acuerdo a: ciudad (zona térmica), tipo de agrupación (casa aislada 1 piso, pareada de 1 y 2 pisos y departamento) y nivel socioeconómico. Resultó que en las zonas con más grados-día el consumo de energía es mayor, influenciado por las necesidades de calefacción. Destaca en Concepción el alto consumo en calefacción. Las casas aisladas son las que más consumen y los departamentos los que menos, cuya ubicación crítica en el edificio, es en una esquina del último piso y la mejor es en el centro de un piso intermedio. El nivel socio-económico que más consume energía es el ABC1 y el que menos el nivel C2. Considerando sólo el consumo en electricidad...