Página 1 dos resultados de 575 itens digitais encontrados em 0.010 segundos

Biocombustíveis - Aspectos sociais e econômicos: comparação entre Brasil, Estados Unidos e Alemanha; Biofuels Comparison between Brazil, United States and Germany regarding social and economic aspects.

Gorren, Regiane Catarina Ribeiro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.12%
Esta dissertação apresenta uma análise comparativa dos aspectos sociais e econômicos decorrentes da produção dos biocombustíveis, etanol e biodiesel, nos principais países produtores e consumidores da atualidade Brasil, Estados Unidos e Alemanha. Para tal, os biocombustíveis foram analisados por intermédio dos dados das matrizes energéticas, da produção de matéria-prima e do biocombustível, do consumo interno, das políticas de suporte, barreiras tarifárias e não tarifárias, bem como dos gargalos existentes. Nos aspectos econômicos foram abordados indicadores da macroeconomia, indicadores específicos para biocombustíveis, a logística e a presença de subsídios. Nos aspectos sociais, a situação do trabalhador rural foi analisada enfatizando o trabalhador temporário imigrante na agricultura. O histórico das políticas possibilitou verificar a associação entre os estímulos políticos e a variação na produção. A construção dos cenários permitiu estimar a área necessária para expansão da produção de biocombustíveis. Neste grupo heterogêneo de países, em que as características sociais e econômicas são distintas, verificou-se que a legislação apresenta peculiaridades conforme a realidade de cada país. Com relação aos aspectos sociais...

Comunicação e cultura de consumo: ponto de venda e design; -

Souza, Lucimar Aparecida Roseira de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/04/2009 PT
Relevância na Pesquisa
46.02%
Comunicação e consumo. Design e ponto de venda. O consumo é uma das expressões dinâmicas da sociedade moderna, passou a determinar as relações de produção, acumulação econômica e as relações sociais. O ponto de venda se transformou na configuração do consumo, em função da abundância de novidades no mercado e da contínua re-significação que os objetos são submetidos constantemente. Esta dissertação busca identificar e conhecer, enfocando uma base interpretativa do posicionamento teórico, alguns mecanismos e elementos determinantes que fazem funcionar as engrenagens do consumo no ponto de venda. O problema de estudo se situa na análise teórica de alguns aspectos sociais, mercadológicos e comunicacionais, focando-se no design, no sistema de consumo da sociedade contemporânea, trazendo à luz estudos da Escola de Frankfurt sobre a cultura do consumo. Enfocando os conceitos da comunicação visual nos pontos de venda, subsidiados e permeados pelo levantamento bibliográfico dos campos das Ciências Sociais, Mercadológicas, Design e da Psicologia Cognitiva, apontar-se-á as influências dos elementos estéticos de comunicação sobre o comportamento do consumidor frente ao ponto de venda, servindo como base para reflexão e análise de estudos futuros nas áreas de Comunicação...

Consumo, cidadania e a construção da democracia no Brasil contemporâneo : observações e reflexões sobre a história do Idec

Belinky, Aron
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Relevância na Pesquisa
56.08%
O presente trabalho discute a relação entre as categorias consumo e cidadania, explorando as possibilidades e limites das propostas que sugerem estar ocorrendo uma aproximação, ou mesmo fusão, entre as figuras do consumidor e do cidadão, traduzida na expressão consumidor-cidadão, ou consumo-cidadão. O objeto de estudo foi o conjunto de publicações e outros registros documentais produzidos pelo Idec – Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor – desde a sua fundação, em 1987, até o final de 2009. O contexto que antecede e permeia a constituição da entidade (o Brasil durante e após a ditadura militar instalada em 1964) é considerado com destaque. Como ponto de partida, o estudo identifica severas controvérsias sobre a possibilidade de aproximação entre cidadania e consumo, oriundas tanto de divergências teóricas, quanto do próprio significado dado a tais categorias, quer no âmbito acadêmico quer no senso-comum. Como estratégia de análise, propõe-se a categoria consumidor-cidadão democrático, a qual traz recorte e significado específicos para esta discussão, lastreados num referencial teórico composto por elementos da historiografia dos movimentos de consumidores, pela teoria dos novos movimentos sociais e pela teoria habermasiana da ação comunicativa...

Consumo ético e sustentabilidade ambiental : estudo exploratório para conhecer comportamentos de aprendizagem, participação, responsabilidade e solidariedade do consumidor

Heimbecher, Dorothy Roma
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.07%
O modelo de desenvolvimento sustentável trata de questões como a iniqüidade social, as limitações ambientais e a necessidade de compatibilizar o presente com as expectativas das gerações futuras. O consumo contemporâneo, hedonista e individualista, de troca de informações, de diferenciação social e de vocação consumista, parece dificultar que essas questões sejam ponderadas e se priorize a sustentabilidade ambiental. Como uma direção de comportamento em que o consumidor está orientado pelo senso de integração coletiva, de responsabilidade com os outros e o ambiente, o consumo ético estabelece uma ponte entre consumo contemporâneo e sustentabilidade. Como objetivo deste estudo, de caráter exploratório, busca-se conhecer tendências de comportamento para o consumo ético, um tema ainda incipiente no campo das ciências sociais. No levantamento bibliográfico, procurou-se integrar conteúdos que delimitassem a interdisciplinaridade entre consumo, desenvolvimento sustentável e ética, gerando as variáveis de estudo. Foram pesquisados estudantes como “líderes do amanhã” por sua influência nas organizações. A amostragem foi não probabilística por julgamento. O instrumento de pesquisa, baseado em escala de Likert de sete pontos...

Avaliação do padrão socieconômico como indicador do perfil do consumo de mídia na sociedade brasileira

Douat, Joanna Carolina Guarita
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.07%
Este trabalho estuda o comportamento do consumo dos principais meios de mídia na sociedade brasileira, investigando se ele está relacionado à classe social de um indivíduo. Sendo assim, foi feito um levantamento teórico sobre consumo de mídia, classes sociais e comportamento do consumidor. Posteriormente, são estudados quais outros fatores, além da classe social, influenciam no padrão do consumo de mídia, a partir de uma análise de correspondência. Para isso, são examinadas características sociais, demográficas e comportamentais das amostras de indivíduos que consomem cada mídia. Ademais, a análise de correspondência também permite examinar o poder das variáveis estudadas em cada meio como influenciador na decisão de compra, conforme mostra a teoria do comportamento do consumidor.

Subindo o morro : consumo, posição social e distinção entre famílias de classes populares

Castilhos, Rodrigo Bisognin
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.06%
O presente estudo tem por objetivo compreender e interpretar o papel do consumo na construção e manutenção de identidades individuais e coletivas, em famílias de pobres urbanos, na cidade de Porto Alegre. Entendendo o consumo como um processo cultural, busco compreender como indivíduos situados nos estratos mais baixos da hierarquia social brasileira se relacionam entre si e com o mundo por meio da aquisição e do uso dos mais variados bens e serviços. Para tanto, apoiei-me sobre um referencial teórico que privilegiou a interdisciplinaridade, transitando entre a Antropologia, a Sociologia e o Marketing. A opção pela etnografia, como abordagem metodológica, se deu por conta da intenção de verificar a função do consumo na lógica das relações sociais e familiares quotidianas dos pobres urbanos. Na busca pelos significados de suas práticas era preciso dar voz privilegiada aos informantes e transcender o nível do discurso. Mais que isso, o método etnográfico permitiu acessar as diferentes facetas do consumo no dia a dia dos pobres a partir de uma imersão em seu ambiente natural, promovendo uma “descrição densa” (GEERTZ, 1989) dessa realidade. Entre os bens que se mostraram importantes para o dia a dia dos indivíduos aqui pesquisados...

Consumo, colecionismo e identidade dos bibliófilos : uma etnografia em dois sebos de Porto Alegre

Cavedon, Neusa Rolita; Castilhos, Rodrigo Bisognin; Biasotto, Livia Donida; Caballero, Indira Nahomi Viana; Stefanowski, Fabiana de Lima
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.02%
No presente artigo, buscamos desvendar o comportamento de consumo dos colecionadores de livros. Por meio do método etnográfico, percorremos o universo dos bibliófilos que circulam por dois sebos de Porto Alegre. O trabalho de campo revelou aspectos que extrapolam a visão funcionalista utilitária da aquisição de bens, evidenciando sociabilidades e reações emocionais ligadas ao consumo. Os referenciais de comportamento do consumidor e da antropologia do consumo nos permitiram acessar algumas particularidades dos bibliófilos, que incluem sociabilidades masculinas, consumo obsessivo, construção e reforço de uma identidade por meio do consumo. A principal contribuição do estudo reside na análise de um universo consumidor com características extremas, o que provê subsídios para a compreensão de alguns elementos do consumo na sociedade contemporânea, notadamente no que tange às propriedades simbólicas dos bens e os processos de apropriação e personalização das mercadorias quando da sua passagem do domínio da produção para o domínio do consumo.; Our paper aims to study the behavior of consumption of book collectors. Through ethnography we investigate the world of the bibliophiles that frequent two second-hand bookstores in the city of Porto Alegre. The fieldwork has revealed some aspects that go beyond a utilitarian approach of goods acquisition and usage. Our analysis is based on previous works in Consumer Behavior and Anthropology of Consumption. This framework has permitted us to access a universe of consumption...

Consumindo lugares, consumindo nos lugares : homossexualidade, consumo e produção de subjetividades na cidade de São Paulo; Consuming places, consuming at places : homosexuality consumption and subjectivities in the city of São Paulo

Isadora Lins França
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/03/2010 PT
Relevância na Pesquisa
55.86%
Neste trabalho procuro compreender a produção de subjetividades, categorias identitárias e estilos relacionados à homossexualidade num contexto de segmentação de mercado, a partir de um recorte no conjunto de espaços de sociabilidade e consumo freqüentados por homens que se relacionam afetivo-sexualmente com outros homens na cidade de São Paulo. Procuro compreender também como se articulam marcadores de diferença - como gênero, sexualidade, classe social, idade e cor/raça - atuantes na produção de sujeitos, categorias e estilos relacionados à homossexualidade e como a prática do consumo, seja nos ou dos lugares que serviram de base para a observação etnográfica, media essa articulação. Considero que essas duas pontas do consumo dos ou nos lugares estão intimamente articuladas, já que os lugares funcionam também como contextos que revelam ou possibilitam determinados usos de mercadorias ou que fazem circular informações a seu respeito. Selecionei três lugares para a pesquisa de campo, que denominei de lugares-chave, levando em conta o quanto me pareciam analiticamente interessantes, a partir da possibilidade de revelarem interseccionalidades e diferenças. No decorrer da pesquisa, conduzi a observação etnográfica nesses lugares e realizei entrevistas em profundidade com seus freqüentadores; This research aims to understand the production of subjectivities...

Crack: histórias de vida de moradores de rua

Morera, Jaime Alonso Caravaca
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 225 p.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
46.01%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2013.; RESUMO A capilaridade do consumo de crack e o problema da moradia na rua são fenômenos que desafiam a sociedade brasileira na atualidade e lamentavelmente avançam a um passo acelerado. Esses fatores motivaram a realização desta pesquisa qualitativa, descritiva e exploratória de cunho sócio-histórico que objetivou compreender o modo de viver dos moradores de rua usuários de crack, a partir das suas histórias de vida e dos fatores que os levaram a se envolverem com o crack. Trata-se de uma pesquisa que utilizou como referencial teórico os conceitos de Estigma de Erving Goffman e das histórias de vida como técnica para coletar as informações. Os participantes do estudo foram dez moradores de rua da cidade de Florianópolis, Santa Catarina; com idade compreendida entre os 18 e 35 anos. Os dados foram coletados nos principais fumódromos do Bairro Central da cidade, durante os meses de fevereiro e maio de 2013 por meio de uma entrevista semiestruturada. O projeto de pesquisa foi aprovado no dia 22 de fevereiro de 2013 pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal de Santa Catarina CEP/UFSC sob parecer nº 202.673. A análise dos dados seguiu os preceitos de Laurence Bardin...

Os contextos de uso do crack: representações e práticas sociais entre usuários

Acioli Neto, Manoel Lima; Santos, Maria de Fátima de Souza (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
46.1%
O objetivo desse estudo foi compreender contextos de uso do crack, a partir da análise das práticas e representações sociais relacionadas, buscando o modo como se constroem nas redes interacionais de seus usuários. Para tanto, foram realizadas entrevistas entre 14 usuários de diferentes contextos e padrões de consumo. O consumo de crack é atualmente um tema de ampla repercussão pública, tratado como um problema social grave que necessita de intervenções urgentes. A ênfase dada ao problema é remetida a um determinismo farmacológico, responsável pela produção de efeitos individuais e sociais diversos, tais como a dependência e o envolvimento com a criminalidade, existindo poucas discussões acerca dos aspectos sociais e culturais envolvidos no fenômeno do consumo. As concepções predominantes sobre o assunto situam que o usuário da substância tende a perder o controle do consumo, voltando-se à compulsão de usá-la, desvinculando-se de suas atividades cotidianas, com prejuízos profissionais e pessoais, além de perda do contato com seus grupos sociais de pertença. Esses efeitos têm sido atribuídos à fissura que a droga pode provocar no usuário, considerada um fator crítico para o desenvolvimento do uso compulsivo e da dependência. Os dados foram analisados através de análise temática de conteúdo e sugerem que as representações encontradas nesses contextos situavam o crack como droga da destruição...

Relações entre capital cultural e consumo sustentável como características de distinção social

Fabricio, Ana Carolina Baggio
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
55.96%
Resumo

O processo de construção e de movimento dos significados culturais do consumo de roupas de segunda mão em um brechó no Rio de Janeiro: uma etnografia

Krüger, Paula Lopes
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.1%
O tema significado cultural dos bens de consumo se estabelece na academia a partir da década de 1980, sendo constantemente abordado por autores das áreas de marketing, antropologia e sociologia. Percebendo lacunas nos estudos do significado cultural dos bens de consumo, McCracken (1986) propõe um modelo teórico, apresentando a qualidade móvel dos significados, através de uma estrutura definida, que é utilizado como ponto de partida para a realização dessa dissertação. Considerando que as roupas podem ser entendidas como um bem de consumo que expressa os significados de uma cultura, penso ser instigante entender o significado cultural do consumo das roupas de segunda mão. Desde seu início, este mercado sofre variâncias, ampliando e reduzindo seu tamanho de acordo com acontecimentos sócioculturais e econômicos das diferentes épocas, mantendo sempre relação com a caridade e os segmentos mais pobres da população. Porém, hoje, percebo que este mercado começa a penetrar nas altas sociedades, vestindo-se de novos significados, diferentes dos de sua origem. Assim, o objetivo dessa dissertação é compreender o processo de construção e de movimento dos significados culturais no consumo de roupas de segunda mão, adquiridas pelos consumidores de um brechó sofisticado na cidade do Rio de Janeiro.Como objetivos específicos...

A relação entre estilo de vida e experiências de consumo: o estudo de caso da marca Gang

Callegaro, Ana Rita Catelan
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.02%
Durante a década de 1980, na linha de estudos centrados no comportamento do consumidor, Holbrook e Hirschman (1982) já assinalavam a necessidade de se abandonar a visão tradicional de marketing, baseada no indivíduo como um ser tomador de decisão racional, para enfatizar outros aspectos inerentes ao consumo. Os autores passaram a questionar a hegemonia da visão tradicional de marketing que poderiam negligenciar outros fenômenos importantes ao entendimento da perspectiva do consumo. Esses fenômenos incluem atividades lúdicas de lazer, prazeres sensoriais, prazeres estéticos e respostas emocionais. A “visão experiencial” proposta pelos autores caracterizava-se por um fluxo de fantasias, sentimentos, e diversão associadas ao processo de consumo, que, por sua vez, apresentava uma variedade de aspectos subjetivos — a multiplicidade de significados simbólicos, as respostas hedônicas e os critérios estéticos. O presente trabalho apresenta uma pesquisa qualitativa-quantitativa, através de um estudo de caso da marca Gang, para se analisar os aspectos convergentes ou divergentes entre estilo de vida e experiências de consumo, através dos seguintes objetivos: descrever a experiência de consumo proposta pela empresa, analisar as dimensões da experiência trabalhadas pela empresa e identificar o estilo de vida dos consumidores da marca.A análise dos resultados proporcionou um maior entendimento quanto ao tema...

Significado cultural dos bens de consumo em um concurso de beleza infantil

Netto, Carla Freitas Silveira
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
45.98%
A presente dissertação tem como objetivo ampliar o conhecimento sobre o significado cultural dos bens de consumo, tendo como objeto o fenômeno dos concursos de beleza infantil e suas candidatas. Primeiramente, descrevo os concursos de beleza (adulto e infantil) expondo as principais discussões já geradas sobre o assunto, a fim de apresentar o contexto da pesquisa. Depois, realizo uma revisão teórica da temática dos significados culturais dos bens de consumo, do modelo de movimentação destes significados, realizando a ligação entre esta teoria com o público infantil. No capítulo de método, descrevo o campo de pesquisa, justificando a escolha pela etnografia. Além disso, descrevo mais especificamente as três etapas observadas (municipal, nacional e internacional), nos estados do Paraná e Santa Catarina, no ano de 2009. Posteriormente, identifico os principais bens de consumo utilizados: os prêmios (faixas, coroas e presentes); os trajes (típico e de gala); as maquiagens; as lembrancinhas; os materiais para emergências; e os uniformes. Depois, identifico os significados desses bens, que são de: posição (FOURNIER, 1991) ou comunicação de status social (THARP; SCOTT, 1990); personalidade (FOURNIER, 1991) ou expressão do self (RICHINS...

Homens distintos: consumo, construção do corpo e identidade gay viril

Reis, Diego Nunes
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
45.99%
O objetivo desta dissertação é analisar o consumo, a construção do corpo e a identidade de indivíduos que adotam ou se identificam com a identidade gay. Para isto, foi realizada uma pesquisa etnográfica e se buscou o aporte na perspectiva teórica de alguns autores tidos como referência nas temáticas abordadas. Foi realizada também a análise de alguns trabalhos acadêmicos e jornalísticos com o objetivo de sustentar as discussões desenvolvidas no decorrer dos capítulos. A noção de “gaycidade”, percebida como uma experiência social que se difere da chamada homossexualidade foi selecionada como categoria analítica. Assim como a reflexão sobre a existência dos circuitos gays, entendidos como espaços de consumo e sociabilidade que permitiram o surgimento de inúmeras representações em relação à identidade gay, como, por exemplo, os aqui chamados gays viris ou homens distintos.; The goal of this dissertation is to analyze consumption, body building and the identity of individuals who identify with a gay identity. To this end, we conducted an ethnographic research and sought input on the theoretical perspective taken by some authors as a reference in the themes addressed. We also carried out an analysis of some academic papers and journalistic in order to sustain the discussions held during the course of the chapters. The notion of "gaycidade" perceived as a social experience that is different from calling homosexuality was selected as an analytical category. As a reflection on the existence of gays circuits...

Sociedade do consumo: criança e propaganda, uma relação que dá peso

Santos, Andréia Mendes dos
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
56.06%
A obesidade é considerada uma epidemia mundial, caracterizando-se como problema de saúde pública. No Brasil, estima-se que mais de 40% da população estão com sobrepeso. No caso das crianças, o caso é ainda mais trágico: crianças obesas, se não forem tratadas, serão adolescentes e adultos obesos. Além de todas as dificuldades advindas do sobrepeso, como dificuldade de locomoção e cansaço excessivo, entre outros, o excesso de peso é considerado fator de risco para doenças potencialmente fatais, como diabetes, os derrames cerebrais, o câncer, infartos, etc. Por outro lado, a doença é mal entendida na sociedade, o gordo é discriminado e rechaçado, o que o leva ao isolamento e exclusão social buscando consolo na própria comida, alimentando o ciclo vicioso que caracteriza as doenças de dependência. Este estudo realizou-se na cidade de Porto Alegre – RS -, com a participação de 424 familiares de crianças com idades entre zero e 12 anos incompletos. É uma pesquisa do tipo epidemiológica, realizada através de questionários e entrevistas, com os objetivos a seguir: 1. Verificar a relação da obesidade infantil e a exposição da criança à mídia televisiva. 2. Identificar o papel da mídia na incitação ao consumo de alimentos pelas crianças. 3. Analisar os mecanismos utilizados pelas crianças e suas famílias para enfrentarem a oferta visual de alimentos disponíveis no mercado de consumo. 4. Avaliar o percentual de crianças com sobrepeso/obesidade menores de 12 anos na cidade de Porto Alegre. Os resultados deste estudo apontam que 35...

Consumindo moda, estilos e individualidades: um estudo etnográfico das práticas de consumo de moda em grupos populares

Appel, Polyanna Brandão
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
45.98%
O presente trabalho busca perceber como se dá o consumo de moda por parte dos grupos populares, uma vez que esses indivíduos passam a desfrutar facilmente do acesso à informação, ao consumo e ao crédito. O objetivo geral desta pesquisa é perceber de que formas estes indivíduos vêm consumindo moda – como manipulam os códigos da moda, se as escolhas das vestimentas estão ou não atreladas ao contexto social em que são inseridos, que manobras sociais são evidenciadas nestas práticas, em suma, o que se pode enxergar através das apropriações dadas ao consumo de moda nesse grupo social. A pesquisa foi construída a partir do método etnográfico, tendo a observação participante como seu instrumento principal. Também, são utilizadas fotografias das moradoras, arrecadadas em suas páginas pessoais no site Facebook, na intenção de exemplificar e demonstrar o campo. Assim, colocando a moda como uma prática de consumo, e, a partir dela, coube pensar sobre um processo de construção de estilo e, também, de individualização.; This work proposes to understand how is the fashion consumption by the popular groups, since these individuals come to enjoy easy access to information, and consumer credit. The general objective this study is to perceive that forms these individuals are fashion consuming - how to manipulate the fashion codes...

"Todo mundo fala mal, mas todo mundo vê": estudo comparativo do consumo de telenovela por mulheres de diferentes classes

Sifuentes, Lírian
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.07%
Este estudo tem como objetivo principal compreender o papel da classe social no consumo de mídia e telenovela por mulheres de diferentes grupos sociais. As classes consideradas são aqui denominadas classe média, batalhadoras e raladoras. As justificativas para esse trabalho ressaltam a ausência parcial de estudos na área da Comunicação com enfoque na categoria de classe. Ainda, o conceito de ―nova classe média‖ – melhor definida como nova classe trabalhadora – é tomado sem problematização pelos estudos da área e não colaboram para a análise do consumo midiático por parte desse público, se não por um viés mercadológico. O entendimento sobre o conceito de classe social, bem como de habitus e capitais, parte das reflexões de Bourdieu e Souza. Entende-se que, desse modo, é possível buscar uma melhor compreensão acerca da relevância do pertencimento de classe para as apropriações midiáticas por parte dos públicos, neste caso, 12 mulheres, quatro de cada classe social, moradoras da Grande Porto Alegre, com idade entre 27 e 37 anos. A pesquisa foi desenvolvida ao longo de 10 meses e fez uso dos instrumentos entrevista em profundidade, formulário e observação.O percurso de pesquisa em campo e de análise contou com o estudo dos modos de vida individuais e de classe; mapeamento do consumo de mídia individual e de classe; e exame das leituras da telenovela...

Processo de compra de produtos para recém-nascidos na feira hippie de Goiânia-GO: um olhar antropológico

Cardoso Sobrinho, Carlos Antonio
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
46.14%
O tema desta dissertação aborda uma das vertentes do business anthropology, a Antropologia do Consumo. O crescente interesse no assunto, tanto no contexto acadêmico quanto mercadológico, instigou a elaboração desta pesquisa. O fator que vem contribuindo para o aumento da produção acerca da questão aqui discutida é a forma pela qual essa área faz a aproximação entre marketing, comportamento do consumidor e a visão antropológica. A busca pelo entendimento do comportamento do consumidor, por meio do prisma interpretativista, o qual se ancora em métodos qualitativos de coleta de dados, em detrimento da abordagem quantitativa, torna a antropologia do consumo um tema capaz de trabalhar com os aspectos culturais e simbólicos que envolvem o ato de consumir. Nesse contexto, estabeleceu-se como objetivo, desta pesquisa, interpretar as manifestações simbólicas identificadas durante o processo de constituição do enxoval de recém-nascidos. O objeto de análise é um mercado periódico, sendo sua escolha justificada pela pluralidade étnica e comportamental dos usuários do local. O referencial teórico abrangeu desde os conceitos business anthropology, passando pela discussão da interdisciplinaridade envolvendo ciências sociais e as ciências sociais aplicadas...

Ensaios sobre consumo

Rosa, Thiago Mendes
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: 125f. : il., tabs., algumas color., grafs.; application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
46.05%
Orientadora : Profª. Drª. Adriana Sbicca Fernandes; Co-orientador : Prof. Dr. Flávio de Oliveira Gonçalves; Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciencias Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Ecônomico. Defesa : 23/03/2015; Inclui referências; Resumo: As teorias mais tradicionais do consumo deixam de captar importantes características acerca do comportamento do consumidor, ao conduzir suas análises considerando o consumidor como um agente isolado e fazer uma relação direta entre consumo e utilidade. Considerando que o consumidor é, antes de tudo, um ser social, as interações com os demais agentes na sociedade possivelmente influenciam as decisões de consumo. As instituições de consumo, i.e. os "sistemas de regras socialmente construídos que geram regularidades nos comportamentos de consumo das pessoas" (Cosgel, 1997, p.2) têm importante impacto na tomada de decisão dos consumidores. Assim, componentes como emulação, imitação e renda relativa podem influenciar na tomada de decisão dos agentes econômicos, assim como afetar suas satisfações. O objetivo desta dissertação é verificar quais são os resultados oriundos da incorporação destes aspectos na análise do consumidor...