Página 1 dos resultados de 46 itens digitais encontrados em 0.023 segundos

Inovações científicas de construção em terra crua

Jalali, Said; Eires, R.
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
116.52%
Estima-se que metade da população mundial (aproximadamente três biliões de pessoas) vive actualmente em construções em terra crua, realizadas através de diversas tecnologias. Pretende-se chamar a atenção para as potencialidades das construções em terra crua, dar a conhecer as técnicas mais utilizadas na actualidade e inovações de carácter científico desenvolvidas neste âmbito. Nos dias de hoje, a nossa sociedade vê a terra crua como um material ligado à pobreza e como tal estas inovações podem mudar esta desajustada percepção e preconceitos em relação à construção em terra uma vez dotam o material de uma excelente qualidade e nova aparência. As inovações neste tipo de construção consistem sobretudo no desenvolvimento de soluções de estabilização do solo que trazem melhorias significativas em termos de durabilidade, economia, sustentabilidade e estética à construção em terra. A estabilização do solo é realizada por diversos meios como por exemplo pela mistura de terra com outros materiais como o cimento, a cal, pozolanas e cinzas volantes e adições em pequenas quantidades de alguns aditivos de origem mineral. Assim é possível obter um material de construção mais durável, pelas suas maiores resistências à água...

Comportamento térmico de construções em alvenaria de adobe: ensaios experimentais sobre três células de teste à escala 1:4

Meneses, T.; Vicente, R.; Costa, A.; Figueiredo, A.; Varum, H.; Soares, N.
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
66.1%
Em Portugal existe um vasto património construído em alvenaria de adobe que perdurou ao longo dos tempos, localizado sobretudo na zona litoral centro, particularmente na região de Aveiro. Devido ao acentuado estado de degradação que grande parte deste património apresenta, cresceu a necessidade da sua reabilitação. Este trabalho aborda o tema do comportamento térmico das construções em alvenaria de adobe, face à actual regulamentação térmica portuguesa que apresenta novos desafios no que respeita à utilização da terra crua em novas construções, bem como na determinação das suas propriedades nos processos de reabilitação térmica e energética de edifícios existentes. Foi realizada uma campanha experimental que consistiu na construção de três células de teste em alvenaria de adobe com diferentes composições à escala ¼ do real, todas com as mesmas dimensões. A base e a cobertura são fronteiras adiabáticas para garantir que as trocas de energia se realizariam pelas paredes de adobe. Após devidamente monitorizadas foram expostas às mesmas condições climatéricas. Dos resultados obtidos para as três células de teste foi avaliada e quantificada a inércia térmica e a condutibilidade térmica da terra das respectivas paredes de adobe...

Terra crua como sistema construtivo no estado do Ceará: levantamento das construções em adobe na região norte do estado

Carvalho, R.; Bertini, A.; Varum, H.
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
POR
Relevância na Pesquisa
96.4%
A região norte do estado do Ceará comporta, em vários de seus sítios históricos e municípios, a utilização de sistemas construtivos em terra crua. Na própria estória da sua ocupação urbana, temos exemplares de taipa de mão, ou tabique, bem como a adoção de sistemas construtivos em adobe. Ainda hoje, o sistema de construção em terra crua permanece em utilização em várias manchas urbanas de ocupação dentro dessa região. Esse estudo pretende levantar características particulares de cada município ou distrito de relevância, na construção em adobe. Essa região, apesar de ser uma área não muito extensa, abrange uma serie de diferenciações, desde as relativas a utilização da mão de obra, seja pela caracterização do material, granulometria, composição de argila, e adições de outros componentes. O detalhamento do sistema de produção também tem relevância no entendimento do processo, a mão de obra contratada, o sistema de mutirão, a comercialização ou não do adobe como produto, sua produção artesanal, ou semi-industrial, o tipo de forma utilizada, sua variação dimensional e a tipologia característica de cada projeto. A montagem de um mapeamento dessa região, fazendo uma análise comparativa por município ou localidade...

CARACTERÍSTICAS DOS SOLOS UTILIZADOS NA PRODUÇÃO DE ADOBES NA PROVÍNCIA DE HUAMBO – ANGOLA

Pedro, Elsa C.D.; Duarte, Isabel M.R.; Varun, Humberto
Fonte: LusoImpress S.A. Publicador: LusoImpress S.A.
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
76.43%
RESUMO Em Angola, a construção em terra constitui-se como uma herança histórica presente na cultura das populações. Numerosas edificações em terra crua, construídas com base em métodos e técnicas ancestrais, encontram-se distribuídas por todo o país. Existe um número considerável de estruturas em pau-a-pique, taipa e mais recentemente em BTC (Bloco de Terra Comprimida). Porém, o adobe constitui-se como a técnica mais utilizada entre as técnicas de construção em terra crua, principalmente usada pelas famílias de baixo rendimento. Face ao atual panorama de desenvolvimento do país, e considerando a possibilidade de integrar sistemas e materiais de construção tradicionais, que respeitem o meio ambiente e que se integrem harmoniosamente no seu habitat natural, uma das opções alternativas na construção atual passa por retomar as soluções antigas e os materiais tradicionais, como a construção em adobe. Associando o trabalho científico ao conhecimento ancestral detido pela população pode-se melhorar e otimizar estas soluções tradicionais, dando resposta às exigências atuais de sustentabilidade social, económica e ambiental. A Província de Huambo insere-se na principal unidade morfoestrutural de Angola...

A sustentabilidade geométrica da construção em Terra Crua: Geometrical sustainability of raw earth construction

Campos, Alexandre Duarte González Migães de Campos
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
76.37%
A construção em terra é um processo milenar, e a sua transmissão enquanto tal tem sido feita entre gerações, de país para filhos, e quase sempre de forma operativa. A utilização da terra pauta-se por uma qualidade que consiste na sua reciclabilidade. Esta característica assume especial importância quando se aborda cada vez mais a sustentabilidade ou desenvolvimento sustentável. A reciclabilidade da terra como material construtivo, enquanto processo natural ou artificial, dificulta o seu estudo uma vez que os testemunhos mais antigos não podem ser avaliados devido à sua perda total. Pretende este trabalho criar uma ferramenta aglutinadora de processos construtivos, classificação da terra enquanto material de construção e por ultimo, ferramenta analítica das geometrias utilizáveis na construção com esse material, atendendo às suas propriedades. Trata-se de uma análise comparativa dos processos construtivos em terra crua, suas geometrias e estereotomias, dentro do conceito de obra global, analisando-a no todo e na parte. Esse trabalho redefine o processo de classificação das técnicas construtivas em terra crua em função dos processos auxiliares de construção, e não pelo estado físico do material utilizado ou mesmo pela família de sistema construtivo. ***/Abstract - The construction with earth is a millenary building process and its transmission as such has been passed down from generation into generation i.e. from parents to children and almost always by operative process. The utilization of earth is regulated by its recyclable quality. This characteristic gains special importance when again and again sustainability or sustainable development is approached. The recyclability of earth as a building material...

Construções em terra crua: conservação do património existente e perspectivas futuras

Faria, Paulina; Henriques, Fernando M.A.
Fonte: V.P. Freitas, V.Abrantes, C.Díaz Gomes (Eds.) Publicador: V.P. Freitas, V.Abrantes, C.Díaz Gomes (Eds.)
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /03/2006 POR
Relevância na Pesquisa
106.28%
PATORREB 2006 - 2º Encontro sobre Patologia e Reabilitação de Edifícios, FEUP, Porto, Março 2006, p. 273-282; Apresentam-se de forma genérica as tecnologias construtivas em terra crua mais utilizadas no país e a sua disseminação no território. Referem-se as características específicas das paredes em terra e algumas das potencialidades deste tipo de construção, aos níveis técnico, ecológico, económico, estético, cultural e social, e as principais deficiências apresentadas – casos do comportamento quando em contacto com a água e face a acções sísmicas. Apresentam-se de forma sumária as técnicas de estabilização e os métodos de caracterização das terras. Salienta-se o comportamento das construções em terra e os problemas mais prementes relativos à conservação deste património edificado, realçando algumas actuações que devem ser evitadas.

Ensaios de caracterização laboratorial de solos com vista à sua utilização em arquitectura de terra crua

Santana, Teresa; Faria, Paulina
Fonte: Associação Centro da Terra, Fundação Convento da Orada, PROTERRA Publicador: Associação Centro da Terra, Fundação Convento da Orada, PROTERRA
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /10/2005 POR
Relevância na Pesquisa
66.14%
IV SIACOT – Seminário Ibero-Americano de Construção em Terra. Monsaraz, PROTERRA/CdT, Outubro 2005 (CD-ROM); Tendo em vista um maior conhecimento, a uniformização de procedimentos e a possibilidade de comparação de resultados da caracterização laboratorial efectuada em solos utilizados em arquitectura de terra crua, procedeu-se a uma compilação e à descrição dos ensaios de laboratório que se consideram mais significativos para a aplicação em causa. São disso exemplo os ensaios de identificação de solos - análise granulométrica e por sedimentação, limites de consistência, propriedades básicas de apoio - teor em água, peso volúmico das partículas sólidas - ensaio de compactação Proctor e resistência à compressão simples, não confinada.

Problemática dos revestimentos de paredes em construções de terra crua

Faria, Paulina
Fonte: FunDEC/IST Publicador: FunDEC/IST
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /03/1999 POR
Relevância na Pesquisa
76.33%
Jornada sobre Construções com Terra Aditivada. A Terra como Material de Construção de Edifícios. Lisboa, IST, FunDEC, Março 1999; Pretende-se apresentar, de forma genérica, a problemática que envolve os revestimentos aplicados sobre paredes construídas em terra crua. Realça-se a importância que têm esses revestimentos no comportamento dos respectivos suportes. Apresenta-se um trabalho de investigação em curso que tem em vista, como objectivo principal, aprofundar os conhecimentos relativos ao comportamento e à compatibilidade com o suporte, de alguns tipos de revestimentos aplicáveis sobre paramentos de terra crua.

Argamassas para construções em terra crua. Patologias associadas e formas de as minorar

Faria, Paulina
Fonte: Núcleo de Arquitetos do Litoral Alentejano/Ordem dos Arquitetos Publicador: Núcleo de Arquitetos do Litoral Alentejano/Ordem dos Arquitetos
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /09/2003 POR
Relevância na Pesquisa
76.07%
Encontro “A Terra na Arquitectura”, Sines, 2003; Apresentam-se de forma genérica as principais patologias associadas às construções de terra crua, nomeadamente às relativas à erosão, à absorção de água e a condensações de vapor de água. Ressaltam-se os problemas relativos à acção dos sais. Relembram-se as exigências a cumprir pelos revestimentos de paredes, as características que estes devem possuir e os tipos de argamassas de revestimento aplicados correntemente. Apresentam-se algumas considerações relativas à optimização das argamassas de cal aérea como único ligante e de cal aérea com componentes pozolânicos, e ao acabamento por pintura. Refere-se a necessidade de se procederem a aplicações in situ para confirmar as tendências analisadas.

Compatibilidade entre as paredes e respectivos revestimentos em construções em terra crua

Faria, Paulina
Fonte: Fundação Convento da Orada e Associação Centro da Terra Publicador: Fundação Convento da Orada e Associação Centro da Terra
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /09/2004 POR
Relevância na Pesquisa
86.15%
2º Seminário de Arquitectura de Terra em Portugal, Lisboa, Setembro 2004; Apresentam-se de forma genérica as principais patologias associadas às construções de terra crua, nomeadamente as relativas à acção da água. Ressaltam-se os problemas associados à acção dos sais solúveis higroscópicos. Relembram-se as exigências a cumprir pelos revestimentos de paredes, as características que estes devem possuir e a sua necessária compatibilidade com as paredes de terra. Apresentam-se as características de diferentes tipos de argamassas aplicadas em sistemas de reboco e de acabamentos superficiais, de modo à sua compatibilidade poder ser avaliada.

Eficiência da estabilização do solo e qualidade de tijolos prensados de terra crua tratada com aditivos químicos, avaliadas pela combinação de testes destrutivos e não-destrutivos

Ferreira,Régis de C.; Freire,Wesley J.
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2004 PT
Relevância na Pesquisa
66.18%
A qualidade de tijolos prensados de terra crua tratada quimicamente é influenciada basicamente pelo tipo de solo, adições químicas e período de cura. O presente trabalho teve como objetivo estudar a combinação de métodos destrutivos e não-destrutivos associados à análise estatística, para a avaliação da qualidade e da eficiência da estabilização de tijolos prensados de terra crua tratada com cimento, cal e silicato de sódio. Os teores de cimento e cal foram 0; 6 e 10%, e a dose de silicato de sódio foi de 4% em relação ao peso seco da mistura solo-aditivo. Após a sua moldagem, os tijolos foram submetidos à cura durante os períodos de 7; 28; 56 e 91 dias. As propriedades físico-mecânicas dos tijolos foram determinadas por meio de testes destrutivos, tais como a resistência à compressão simples e a absorção de água, e não-destrutivos por meio do ensaio acústico do ultra-som. Adotou-se o parâmetro "resistência anisotrópica" para simplificar as interpretações estatísticas. A adição química que conferiu a melhor qualidade técnica aos tijolos, foi a de 10% de cimento. O parâmetro resistência anisotrópica mostrou-se promissor com vistas à avaliação da qualidade técnica dos tijolos.

Avaliação das propriedades físicas e mecânicas do adobe (tijolo de terra crua)

Corrêa,Andréa Aparecida Ribeiro; Teixeira,Vitor Hugo; Lopes,Sebastião Pereira; Oliveira,Marcelo Silva de
Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.19%
Com a finalidade de verificar a viabilidade do tijolo de terra crua (adobe) na execução de moradias, realizou-se pesquisa para identificar as características físicas e mecânicas do solo e definição de procedimentos e métodos de produção do mesmo, estabelecendo critérios que melhorem a qualidade do produto final. O solo escolhido foi o LATOSSOLO VERMELHO - AMARELO Distrófico, que é característico da Região Sul de Minas Gerais. Teores de umidade e correção granulométrica com areia média (0,25-0,50 mm) foram adotados segundo Hernandez et al. (1983) e Pacheco & Dias Júnior (1990). A produção seguiu dois processos, um deles com blocos de terra comprimida (BTC), utilizando prensa manual modelo MRC-1 TECMOR, no tamanho denominado AP (23 x 11 x 5,0 cm) e o outro artesanal, com formas de madeira, denominado BTA, nos tamanhos BA (23 x 11 x 5,5 cm), CA (29 x 14 x 10 cm) e DA (29 x 14 x 14 cm). Após a fabricação, os adobes foram submetidos a ensaios de resistência à flexão e compressão, com monitoramento de peso, volume, peso específico e umidade em três períodos distintos de "cura" ( secagem) que foram 7, 21 e 35 dias, sendo colocados em cômodo fechado (F), galpão coberto (G) e em local desprotegido sujeito às intempéries (T). Para análise dos dados...

Desempenho estrutural de protótipo de alvenaria construída com blocos de terra crua estabilizada

Melo,Aluísio Braz; Barbosa,Normando Perazzo; Lima,Marçal Rosas Florentino; Silva,Elisângela Pereira
Fonte: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC Publicador: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
66.29%
Uma das dificuldades na difusão de tecnologias de construção não convencionais é a ausência de informações técnicas sobre os sistemas construtivos existentes. Exemplos de construção eco-eficiente, em pequena escala, feita com blocos de terra crua, desenvolvidos pelo Prof. Roberto Mattone, do Politecnico di Torino, Itália, podem ser encontrados no Brasil, Itália e Argentina. Estes blocos feitos com prensa manual apresentam intertravamentos entre si que melhoram a resistência e a rigidez da alvenaria. Testes em protótipos construídos com eles são necessários para atender as exigências técnicas e se obter credibilidade nas agências governamentais financiadoras. Este artigo apresenta resultados referentes a avaliação de desempenho estrutural de alvenaria (protótipo construído em escala real) feita com blocos de terra crua estabilizada, mecânicamente por prensagem e químicamente por adição de cimento Portland. As avaliações de cargas de ocupação e impactos na alvenaria foram realizadas através de ensaios de impactos de corpo mole e de corpo duro, solicitações transmitidas por fechamentos bruscos de porta e solicitações de cargas provenientes de peças suspensas. A partir dos resultados pode-se afirmar que o protótipo apresentou desempenho satisfatório em relação à segurança estrutural. Destaca-se que os blocos avaliados tem grande potencial para reduzir o impacto ambiental das edificações.

Avaliação das propriedades físicas e mecânicas do adobe (tijolo de terra crua)

Fonte: Editora da Universidade Federal de Lavras Publicador: Editora da Universidade Federal de Lavras
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
PT
Relevância na Pesquisa
66.19%
Com a finalidade de verificar a viabilidade do tijolo de terra crua (adobe) na execução de moradias, realizou-se pesquisa para identificar as características físicas e mecânicas do solo e definição de procedimentos e métodos de produção do mesmo, estabelecendo critérios que melhorem a qualidade do produto final. O solo escolhido foi o LATOSSOLO VERMELHO - AMARELO Distrófico, que é característico da Região Sul de Minas Gerais. Teores de umidade e correção granulométrica com areia média (0,25-0,50 mm) foram adotados segundo Hernandez et al. (1983) e Pacheco & Dias Júnior (1990). A produção seguiu dois processos, um deles com blocos de terra comprimida (BTC), utilizando prensa manual modelo MRC-1 TECMOR, no tamanho denominado AP (23 x 11 x 5,0 cm) e o outro artesanal, com formas de madeira, denominado BTA, nos tamanhos BA (23 x 11 x 5,5 cm), CA (29 x 14 x 10 cm) e DA (29 x 14 x 14 cm). Após a fabricação, os adobes foram submetidos a ensaios de resistência à flexão e compressão, com monitoramento de peso, volume, peso específico e umidade em três períodos distintos de "cura" ( secagem) que foram 7, 21 e 35 dias, sendo colocados em cômodo fechado (F), galpão coberto (G) e em local desprotegido sujeito às intempéries (T). Para análise dos dados...

Soluções para a construção de habitação em adobe a custos controlados

Carvalho, Ricardo Marinho de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
76.11%
Dados recentes mostram que o desmatamento da caatinga, um dos principais biomas brasileiros, está atingindo níveis alarmantes, principalmente devido a sua vulnerabilidade e forte tendência à desertificação. Entre os dez municípios brasileiros que mais desmataram a caatinga, segundo o Ministério do Meio Ambiente, quatro se encontram no Ceará. Estudos mostram que entre as principais causas do desmatamento está o uso da mata nativa para lenha e carvão, sobretudo para a queima de tijolos em olarias clandestinas. Procurando estudar a questão da aplicabilidade de construções sustentáveis no Nordeste Brasileiro, o presente trabalho faz um levantamento detalhado sobre construções em terra crua (adobe) na região, em especial no Estado que mais contribuiu com o desmatamento. Em assim sendo, realizou-se uma extensa pesquisa aos acervos públicos e oito expedições rodoviárias, entre 2009 e 2011, e totalizando cerca de 7.000 km rodados, às regiões norte e nordeste do Estado do Ceará. Foram coletadas amostras de terra e de adobe para ensaios nos laboratórios da Universidade Federal do Ceará (UFC) e feita ampla documentação fotográfica com aplicação de questionários em 14localidades. Foram levantados dados de vários aspectos relevantes para a pesquisa...

Estudo de soluções para uma escola em blocos de terra crua: Camabatela

Carvalho, Giselle Nunes Cabral
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
76.22%
O trabalho apresentado nasceu como resultado da necessidade de criar melhores condições do espaço escolar no perímetro da missão dos Frades Menores Capuchinhos em Camabatela, Angola. Com um número significativo de alunos, estimado em 2000, a escola existente não responde às necessidades e exigências, não só pela limitada área dos espaços disponíveis, como pela falta de qualidade desses mesmos espaços. Foi então lançado o projecto “Construção com Formação”, coordenado pela ONGD portuguesa "Organização Missanga", em parceria com a Vice-Província angolana da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos, na Missão de Camabatela e com a Universidade de Aveiro, com o intuito de elaborar um projecto para a construção de novas instalações escolares que satisfaçam as necessidades actuais. Dadas as exigências associadas a este futuro complexo escolar, vários estudos de viabilidade e projectos prévios foram desenvolvidos. Desde o início do desenvolvimento do projecto, a equipe dinamizadora impôs como ponto de partida que na construção da nova escola se utilizassem os materiais naturais locais e se recorresse às técnicas e ao saber construir da região. O trabalho desenvolvido nesta tese de mestrado teve como base a informação recolhida numa visita técnica a Camabatela...

Um contributo para a cracterização mecânica e análise sísmica da construção em taipa

Graça, Ana Teresa; Braga, Alfredo Manuel Gonçalves Silva; Farinha, Maria de Fátima Silva Marques Tavares
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /09/2012 POR
Relevância na Pesquisa
76.35%
A terra é uma matéria-prima abundante e acessível na natureza, que possibilita uma construção sustentável, em termos ambientais, económicos e sociais. Com um reduzido consumo de energia proporciona um bom conforto, em virtude do seu comportamento térmico e higrométrico. Sendo o sector da construção civil responsável pela deterioração do meio ambiente, torna-se imperioso actuar de forma a não comprometermos o futuro das gerações vindouras. A terra crua, enquanto material de construção, é utilizada desde há milhares de anos, proporcionando edifícios com impactes incomparavelmente menores do que os resultantes dos sistemas atuais de construção. Existem diversas técnicas construtivas em terra crua, sendo no nosso país, as principais: a taipa: o adobe e o tabique. No Algarve, a taipa é o sistema predominante, constatando-se a existência de inúmeros edifícios, quer em pequenas edificações civis, quer em imponentes fortificações militares. Neste artigo sintetiza-se a investigação efectuada [4], que compreendeu a pesquisa e identificação de construções em taipa existentes na região algarvia, recolha de amostras “in situ”, caracterização laboratorial, e ainda, a análise estrutural expedita de uma construção no programa de elementos finitos de análise linear dinâmica...

Compatibilidade milenar (a terra e a cal)

Braga, Alfredo Manuel Gonçalves Silva
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /10/2007 POR
Relevância na Pesquisa
76.29%
A construção com terra, ao permitir despertar conhecimentos ancestrais vernaculares e ao aperfeiçoá-los com tecnologias actuais, possibilita uma construção ecologicamente mais sustentável, respeitadora dos valores sócio-culturais e com uma dimensão verdadeiramente humana. A cal, cuja compatibilidade com a terra é absoluta, utilizada em revestimentos e criando superfícies arquitectónicas belíssimas, possibilita ainda, uma estabilização da própria terra enquanto material construtivo, podendo conferir-lhe uma optimização de desempenho. Por razões essencialmente ideológicas, quer a construção em terra crua, quer os revestimentos de cal, deixaram de ser uma prática corrente passando esses materiais a ser considerados “pobres”, “fracos” e “sujos”, inerentes ao sub-desenvolvimento e, devido à ausência de caracterização científica e experimentação tecnológica, o seu conhecimento empírico foi desaparecendo. É contra o esquecimento e a diabolização com que ambas foram presenteadas, que é urgente evidenciar as suas efectivas potencialidades, não só em intervenções no património edificado, mas também como opção em construções novas, como eventual alternativa à insustentabilidade da construção contemporânea. Altamente poluidora...

Os sismos e a construção em taipa no Algarve

Braga, Alfredo Manuel Gonçalves Silva; Estêvão, João Manuel Carvalho
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /10/2010 POR
Relevância na Pesquisa
76.3%
A terra crua, enquanto material de construção, é utilizada pelos homens há milhares de anos, continuando hoje em dia a ser uma das formas mais disseminadas de edificar habitações a nível Mundial. No Algarve, a construção em taipa terá sido popularizada durante a ocupação Árabe, tendo sido utilizada ao longo dos séculos em construções militares e em habitações. Face à necessidade da preservação e reabilitação do património construído, quer ao nível monumental, quer de simples domicílios particulares, e a necessidade de garantir a segurança da construção nova, como eventual alternativa ecologicamente responsável ao uso dos materiais actualmente hegemónicos, urge caracterizar o comportamento estrutural da taipa. No contexto do Algarve, importa avaliar o respectivo comportamento sísmico, pois são conhecidos os danos observados nas construções militares existentes em taipa, em consequência do sismo de 1755, designadamente no castelo de Paderne, mas também temos conhecimento da ausência de colapsos generalizados em habitações em virtude da ocorrência do sismo de 1969, que provocou o colapso de outros sistemas construtivos da região. Nesse sentido, foi realizado um conjunto de ensaios de modo a caracterizar o comportamento mecânico deste sistema construtivo. Os ensaios foram realizados com provetes executados com terra obtida de uma ruína de uma antiga construção em taipa...

Avaliação de soluções construtivas sustentáveis

Costa, Marlene Resende
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
86.36%
O presente trabalho tem como base a construção sustentável, mais concretamente a construção em terra crua, caso do adobe, da taipa e dos blocos de terra comprimidos. A abordagem deste tema surge devido ao panorama atual e à consequente necessidade de adoptar formas construtivas mais sustentáveis quer a nível ambiental (redução da energia utilizada e da poluição), quer a nível social e económico. Desta forma, pretende-se perceber porque motivo em Portugal esta forma construtiva não é aplicada nos dias de hoje, uma vez que é aplicada com sucesso em outros países e pretende-se ainda retirar conclusões acerca do seu comportamento e das vantagens e desvantagens inerentes. Este comportamento é avaliado sobretudo a nível higrotérmico e mecânico. De forma a perceber se este comportamento é adequado, existem regulamentos específicos e requisitos obrigatórios para que um edifício apresente as condições adequadas, quer de conforto, quer a nível estrutural. Após uma análise do comportamento das construções em terra crua serão apresentadas comparações com outras formas de construção mais utilizadas, como o betão armado, e retiradas conclusões.; This work is based on sustainable building construction, more specifically in raw earth...