Página 1 dos resultados de 19962 itens digitais encontrados em 0.012 segundos

Conhecimentos dos alunos do 4º ano de Enfermagem da Universidade Fernando Pessoa - Unidade de Ponte de Lima acerca do Acidente Vascular Cerebral

Pais, Ana Catarina Baptista
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.61%
Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Enfermagem; Segundo estudos recentes a população portuguesa está mais envelhecida. Com este, surgem diversas alterações fisiológicas que contribuem como factor de risco para a ocorrência do Acidente Vascular Cerebral. Esta é uma patologia muito comum actualmente e para além de causar inúmeras incapacidades, constitui uma das principais causas de morte. Desta forma a responsabilidade dos profissionais de saúde, bem como de todos os que vão agora iniciar a sua profissão nesta área é acrescida. Surgiu assim a necessidade de realizar este estudo, cujo tema escolhido foi: “Conhecimentos dos alunos do 4º ano de enfermagem da Universidade Fernando Pessoa – Unidade de Ponte de Lima acerca do Acidente Vascular Cerebral”. Para a execução do presente trabalho científico foram formulados os seguintes objectivos: -“ Identificar os conhecimentos dos alunos do 4º ano de enfermagem da Universidade Fernando Pessoa – Unidade de Ponte de Lima acerca do Acidente Vascular Cerebral.” -“Identificar os acontecimentos dos alunos do 4º ano de enfermagem da Universidade Fernando Pessoa – Unidade de Ponte de Lima acerca dos sinais e sintomas de um Acidente Vascular Cerebral.” -“Identificar os conhecimentos dos alunos do 4º ano de enfermagem da Universidade Fernando Pessoa – Unidade de Ponte de Lima acerca das alterações/incapacidades resultantes do doente que sofreu Acidente Vascular Cerebral.” -“Identificar os conhecimentos dos alunos do 4º ano de enfermagem da Universidade Fernando Pessoa – Unidade de Ponte de Lima acerca do tratamento no doente com Acidente Vascular Cerebral.” -“Identificar os conhecimentos dos alunos de enfermagem da Universidade Fernando Pessoa – Unidade de Ponte de Lima acerca do papel do enfermeiro perante o doente com Acidente Vascular Cerebral.” Para conseguir dar resposta aos objectivos formulados optou-se pela realização de um estudo descritivo com abordagem quantitativa em que foi utilizado o questionário como instrumento de recolha de dados. O mesmo foi aplicado a uma amostra de 14 alunos do 4º ano de enfermagem da Universidade Fernando Pessoa – Unidade de Ponte de Lima a 5 de Julho de 2012. Abstract According to recent studies the Portugues population is more aged...

Governação, Conhecimentos Tradicionais e Inovação Colectiva: diversidade biológica, institucional e epistemológica

Dias, Joana Filipa Dias Vilão da Rocha
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
36.73%
A biodiversidade e os conhecimentos tradicionais associados contribuem para a asseveração de direitos humanos fundamentais (como o direito à saúde ou à alimentação adequada) da população mundial, muito particularmente de povos tradicionais e indígenas. Contudo, a redução da natureza e das comunidades tradicionais a meras matérias-primas e fornecedoras de uma “cadeia de produção” induz no sentido da hierarquização e subordinação de diferentes regimes de conhecimentos. A protecção e a promoção da biodiversidade e de conhecimentos tradicionais associados não se resumem, portanto, a questões técnicas e jurídicas, mas concretizam-se, notoriamente, enquanto questões políticas, com impactos sociais, económicos, éticos, ambientais e epistemológicos. Neste sentido, propomos uma análise pluridisciplinar que dê visibilidade e centralidade às especificidades de conhecimentos tradicionais associados à biodiversidade enquanto fonte de inovação colectiva dinâmica. É, hoje, nesse contexto, reconhecida a necessidade de respeitar as especificidades das populações locais e o seu papel como protagonistas de soluções assentes em adaptações e inovações colectivas, através da construção e reconstrução de arranjos institucionais específicos ajustados a um mundo complexo...

Atitudes e conhecimentos de enfermeiros frente ao álcool, alcoolismo e alcoolista: estudo comparativo entre dois grupos; Attitudes and knowledge of nurses towards alcohol, alcoholism and alcoholics: a comparative study between two groups

Soares, Janaina
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.64%
Introdução: O consumo mundial do alcool e de outras substancias psicoativas vem crescendo significativamente nas ultimas decadas, fenomeno que tem contribuido para o aumento da carga de doencas em todo o mundo. No Brasil, os levantamentos realizados sobre o uso de álcool e drogas vem apontando elevadas taxas de dependentes dessas substancias, fato que tem contribuido para ampliar o contato dos profissionais da saude, dentre eles, os enfermeiros, com situacoes que envolvem o uso e o abuso de substancias psicoativas, independente do local onde atuem. O fato justifica a importancia da realizacao de estudos para investigar as atitudes e os conhecimentos desses profissionais frente ao alcool, o alcoolismo e ao alcoolista. Objetivo: verificar e comparar as atitudes e os conhecimentos de dois grupos de enfermeiros frente ao alcool, ao alcoolismo e ao alcoolista. Método: Tratou-se de um estudo exploratório de abordagem quase-experimental, realizado com uma amostra de 280 enfermeiros, destes, 140 foram submetidos a um curso de capacitacao na area de alcool e outras drogas e constituiram o Grupo experimental. Na coleta de dados, foram aplicados um questionario sociodemografico, um questionario de conhecimento e a Escala de Atitudes frente ao alcool...

Docência universitária: a base de conhecimentos para o ensino e o conhecimento pedagógico do conteúdo de um professor do ensino superior; University Teaching: knowledge base for teaching and pedagogical content knowledge of a teacher in higher education

Novais, Robson Macedo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
36.64%
Neste trabalho investigamos a base de conhecimentos para o ensino e o conhecimento pedagógico do conteúdo de um professor do ensino superior que se destacou sucessivamente nas avaliações institucionais aplicadas aos estudantes de uma Universidade Paulistana para aferir a qualidade e o desempenho de seus professores. Buscamos por meio de narrativas e de análises de documentos reconhecer os conhecimentos mobilizados e as peculiaridades da abordagem deste professor em sua prática docente. Esta pesquisa caracteriza-se como um estudo de caso único. Os dados utilizados envolvem todas as atividades e avaliações produzidas pelo professor para uma disciplina de bioquímica, o planejamento de ensino, a observação das aulas e o mapeamento de suas crenças didáticas. A coleta dos dados foi realizada a partir de observações não participantes das aulas, de entrevistas semiestruturadas registradas em áudio e vídeo e questionários. Os dados foram analisados através da Análise Textual Discursiva, pela qual utilizamos como categorias e subcategorias de análise as propostas no modelo de Grossman para identificar e sistematizar a base de conhecimentos para o ensino e o conhecimento pedagógico do conteúdo do professor. Na pesquisa...

O acesso aos recursos genéticos e conhecimentos tradicionais associados sob o enfoque da Convenção sobre Diversidade Biológica

Kowalski, Beatriz Campos
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 104 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.61%
TCC(graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências Jurídicas. Direito.; O uso sustentável dos recursos da diversidade biológica é um dos temas mais debatidos na atualidade, notadamente em virtude da conscientização sobre a necessidade de se garantir sua conservação e das oportunidades de geração de riqueza e conhecimentos decorrentes da bioprospecção. Assim, o objetivo do estudo é analisar o acesso e a utilização econômica dos recursos genéticos e conhecimentos tradicionais no Brasil, sob a perspectiva da Convenção sobre Diversidade Biológica, através do método dedutivo, fundado na consulta à doutrina, à legislação pátria e ao arcabouço do Direito Ambiental Internacional. Partindo dos conceitos de meio ambiente, diversidade biológica e desenvolvimento sustentável, traça-se, de início, um panorama histórico legal da evolução na tutela da diversidade biológica até a Convenção sobre Diversidade Biológica, marco internacional na matéria. Na sequência, conceituando patrimônio genético e conhecimento tradicional associado, o estudo trata da regulamentação e condições de acesso a tais informações genéticas e conhecimentos associados no Brasil, através da Medida Provisória n. 2.186-16 de 2001. O trabalho analisa ainda os mecanismos para a repartição justa e equitativa de benefícios decorrentes da utilização econômica dos recursos genéticos...

Conhecimentos e atitudes dos profissionais de saúde face aos idosos

Pinto, Bruna Filipa Sousa; Martins, Rosa Maria Lopes, orient.
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu, Escola Superior de Saúde de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu, Escola Superior de Saúde de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.61%
Curso de mestrado em enfermagem de reabilitação; Introdução: Na conjuntura atual, o envelhecimento da população é um fenómeno mundial, o que se traduz no aumento da procura dos serviços de saúde, constituindo esta circunstância, um desafio aos profissionais de saúde. Nesta perspetiva, torna-se fundamental saber quais os conhecimentos que estes possuem em relação aos idosos, bem como, as atitudes que adotam, de modo a perceber se os estereótipos que a sociedade possui em relação à velhice se refletem, ou não, na prestação dos cuidados de saúde. Objetivo: Avaliar os Conhecimentos e Atitudes dos profissionais de saúde face aos idosos e verificar em que medida as variáveis sociodemográficas e profissionais têm efeito significativo nos mesmos. Metodologia: Trata-se de um estudo transversal, descritivo-correlacional, de natureza quantitativa e analítica, no qual participaram 80 profissionais de saúde do Centro Hospitalar Tondela – Viseu, EPE (CHTV; EPE), e 80 profissionais de saúde do ACES-Douro Sul, ARS Norte. O Instrumento de colheita de dados integra um questionário sociodemográfico e profissional, o Questionário de Avaliação de Conhecimentos em relação à Velhice e a Escala OP de Kogan – Atitudes face aos idosos. Para o tratamento estatístico foi utilizado o programa SPSS versão 20. Resultados: A população estudada é maioritariamente feminina...

Conhecimentos dos profissionais da comunidade educativa sobre a diabetes mellitus tipo 1 na criança

Bernardo, Bruno José Varandas Ramos
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.7%
Enquadramento: A falta de capacitação que existe em muitas comunidades escolares para lidar com a criança com diabetes mellitus, enquanto esta se encontra sob a sua responsabilidade no ambiente escolar, gera dificuldades e insegurança. São necessários instrumentos válidos que permitam obter informação sobre os conhecimentos dos educadores sobre a criança com diabetes mellitus tipo 1 na escola, no sentido de planear intervenções educativas mais dirigidas. Objetivos: Avaliar os conhecimentos da comunidade educativa sobre a diabetes mellitus tipo 1 na criança e validar um questionário de avaliação de conhecimentos da comunidade educativa sobre a diabetes mellitus tipo 1. Métodos: O estudo delineado insere-se no tipo de investigação não experimental e descritiva, desenvolvido numa amostra não probabilística por conveniência, constituída por 382 indivíduos, com uma média de idades de 43,05 anos (± 8,675), pertencentes a uma comunidade educativa de Escolas Básicas e Secundárias da região centro do país. Foi aplicada a Escala de Conhecimentos Sobre Diabetes Mellitus Tipo 1 na Criança (Francisco, Silva, Bernardo & Martins, 2007), a qual foi ainda sujeita a um estudo psicométrico, que englobou dois a consistência interna e a análise fatorial. Resultados: dos participantes...

Segurança dos alimentos: conhecimentos e práticas dos consumidores portugueses

Faustino, Ana Rita dos Santos
Fonte: Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril Publicador: Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
Dissertação de Mestrado em Qualidade e Segurança Alimentar na Restauração.; Na perspectiva da saúde pública é importante que a segurança dos alimentos inclua a análise dos potenciais problemas em toda a cadeia alimentar, terminando no ponto de consumo. O ambiente doméstico é conhecido como um importante foco de toxinfecções alimentares. Desta forma, o consumidor tem um papel fundamental na segurança dos alimentos. Em Portugal esta é ainda uma área pouco estudada, assim o estudo conduzido neste trabalho avaliou os conhecimentos e as práticas dos consumidores portugueses sobre a segurança dos alimentos. Os dados foram obtidos através de um questionário distribuído on-line. O questionário foi construído de acordo com as indicações dos programas Home Food Safety (HFS, 2010) e as 5 Chaves para uma Alimentação mais Segura (WHO, 2006) e avaliou 5 tópicos: Limpeza, Separação, Confecção, Refrigeração e Alimentos Seguros. Foi obtida uma amostra com 1505 respostas válidas. O estudo realizado demonstra falhas nos conhecimentos e práticas dos consumidores, sendo os níveis de conhecimentos sempre superiores aos das práticas. Ao nível dos conhecimentos as principais preocupações são: contaminação cruzada; refrigeração dos alimentos e datas de validade. Em relação às práticas são: separação dos alimentos e lavagem das mãos durante a preparação para evitar a contaminação cruzada; temperaturas de confecção e reaquecimento; refrigeração dos alimentos; validades e estado de conservação das embalagens. Foram estudadas relações entre os conhecimentos...

Os conhecimentos e a presença de complicações como determinantes da qualidade de vida da pessoa idosa com diabetes Mellitus tipo 2

Lourenço, Inês Filipa Gonçalves
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.64%
Este estudo está centrado na temática de uma patologia crónica associada ao idoso, a diabetes mellitus (DM) tipo 2, onde se pretende descrever de que modo os conhecimentos do diabético podem estar relacionados com a presença de complicações da doença e podem interferir na qualidade de vida (QV) dos idosos com DM tipo 2. Neste sentido, realizou-se um estudo exploratório e descritivo, com a participação de 110 pessoas idosas com DM tipo 2 que frequentavam as Consultas de Enfermagem de DM, na Unidade de Saúde Familiar (USF) Farol em Faro. O instrumento de colheita de dados utilizado é constituído por quatro partes: de caracterização sociodemográfica; de caracterização das complicações inerentes à doença e o seu grau de conhecimentos gerais da mesma; de avaliação dos conhecimentos sobre a DM tipo 2 e por fim um questionário sobre a QV na pessoa com DM tipo 2. Os resultados apontam para uma associação entre as variáveis nível de conhecimentos e presença de complicações e as várias dimensões da QV, confirmando-se a importância que estas variáveis têm na QV. No geral, quando questionados sobre a sua saúde em geral, a maioria dos idosos com DM tipo2 (42,3 %) consideraram-na razoável (n=47). De salientar ainda...

Estruturantes da base de conhecimentos para o ensino de estudantes-professores de Educação Física

Marcon,Daniel; Graça,Amândio Braga dos Santos; Nascimento,Juarez Vieira do
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
36.64%
A base de conhecimentos necessários para a atuação docente contempla o conhecimento pedagógico do conteúdo, que tem como função primordial integrar os conhecimentos dos alunos, do conteúdo, pedagógico geral e do contexto, visando à transformação dos conhecimentos do conteúdo em conhecimentos ensináveis e compreensíveis pelos alunos. Diante disso, o objetivo deste ensaio foi analisar os possíveis elementos que auxiliam na estruturação da base de conhecimentos dos futuros professores de Educação Física. A literatura consultada destaca a influência da história e todas as experiências de vida dos estudantes-professores, bem como do contexto de formação inicial, nomeadamente os professores-formadores, os colegas, as diferentes estratégias formativas, a aproximação com a realidade da profissão, e as experiências práticas, tanto as esportivas quanto as pedagógicas. A interação de todos esses elementos dá origem à estrutura da base de conhecimentos para o ensino e ao constructo do conhecimento pedagógico do conteúdo do estudante-professor.

Formas de transmissão de conhecimentos entre os Tariano da região do Rio Uaupés Amazonas

Fernandes Fontoura, Ivo; Monteiro Athias, Renato (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.66%
Esta dissertação versa sobre as formas de transmissão de conhecimentos entre os Tariano da região do rio Uaupés. Nas últimas décadas ocorre, na região, um processo de revalorização dos conhecimentos tradicionais. Esse trabalho busca identificar, analisar e discutir a importância dos mesmos no contexto atual, trazendo informações dos diferentes processos de trocas de conhecimentos que os povos indígenas adotavam antes da implantação da educação escolar na região. Os Talyáseri, assim, como outros povos indígenas da região do alto rio Negro, conforme habitam as margens dos rios Uaupés e Papuri (este último afluente do primeiro) e a sua ocupação é cheia de episódios guerreiros, de lutas com os Tukano . Atualmente os Talyáseri estão presentes em vinte e cinco povoados, três deles no rio Papuri e o restante nas margens: direita e esquerda do rio Uaupés. Cada um desses povoados representa um clã patrilinear, posto que reconhecem uma origem comum. As relações de parentesco vinculadas aos traços agnáticos e de afinidade no meio cultural constituem o essencial na identidade dos Talyáseri. Os conhecimentos tradicionais indígenas estão vinculados ao contexto social, político, econômico e cultural vivenciado pelos Talyáseri...

Conhecimentos sobre o corpo: uma possibilidade de intervenção pedagógica nas aulas de educação física no ensino médio

Batista, Alison Pereira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Educação; Educação
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.66%
The following study aims at the main conceptions around the body and the learning through physical education classes at school. Therefore, this research mainly presents a proposal of pedagogical intervention on physical education for Ensino Médio, centered on the knowledge about the body as well as how to evaluate the impacts of such interventions on the students‟ learning process. In order to surround our field of investigation, this work elaborates the following study questions: a) What have students learned about the body in physical education classes in Ensino Médio at IFRN? b) What methodological possibilities can contribute on the experience of meaningful learning processes in physical education in Ensino Médio related to the knowledge of body aspects? Regarding to the methodology used, this ethnographic research used several instruments for data collecting like dairies, diagnostic activities, self-assessment evaluations, portfolio, filming, photographs and posts on the social network facebook. The materialization of the pedagogical intervention and all of its implications allow us to consider that the physical education classes in Ensino Médio at IFRN, campus Parnamirim have supported meaningful experiences of learning. Also they motivate relevant discussions applicable to the students‟ everyday lives once they are supported by discussions related to the influence of media about the body of teenagers...

Reações adversas a medicamentos e a farmacovigilância: conhecimentos e condutas de profissionais de saúde de um hospital da rede sentinela; Adverse drug reactions and pharmacovigilance: professional knowledqe and health behaviors in a sentinel hospital

Modesto, Ana Carolina Figueiredo
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ensino na Saúde (FM); Faculdade de Medicina - FM (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Ensino na Saúde (FM); Faculdade de Medicina - FM (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.68%
Background: The use of drugs isn’t harmless, and require greater attention by health professionals to assist in identifying and preventing adverse drug reactions. These, and other problems related to drug use are the subject of study of pharmacovigilance. It becomes necessary knowledge by health professionals to improve patient safety. Objective: To measure the knowledge and attitudes among healthcare professionals in a teaching hospital towards adverse drugs reactions and a pharmacovigilance program. Methodology: Cross-sectional study conducted from October 2013 to January 2014 with 54 health professionals in a medical unit and in the pharmacy of a sentinel hospital. Data were collected through a questionnaire divided into three sessions: the first is the profissiographic and demographic characteristics of health professionals, and the subsequent identification of knowledge on adverse drug reactions and Pharmacovigilance hospital program. Results: There was a predominance of technical professionals in nursing (35.2%), female (79.6%), aged between 26 and 30 years (33.4%). Almost half of the participants (46.2%) had knowledge about adverse drug reactions, likewise 35.8% did towards pharmacovigilance. The probability of having knowledge about adverse drug reactions increases with longer professional training and activities at the institution...

HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS: CONHECIMENTOS E PRÁTICAS DOS ENFERMEIROS DO HOSPITAL AGOSTINHO NETO

Silva, Edite Lopes da
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/11/2013 POR
Relevância na Pesquisa
36.64%
A higienização das mãos é considerada a medida de maior impacto e comprovada eficácia na prevenção das infecções associadas aos cuidados da saúde (IACS), uma vez que diminui a transmissão cruzada de microrganismos. Tendo noção da importância desta problemática na actualidade e no nosso contexto, desenvolvemos um estudo sobre a ? Hegienização das mãos: conhecimentos e práticas dos enfermeiros do Hospital Agostinho Neto? com os seguintes objetivos: avaliar a percepção e os conhecimentos que os enfermeiros do HAN têm sobre a higienização das mãos e analisar a eficácia de um programa de formação sobre a HM realizado aos enfermeiros, nos serviços de urgências do HAN. A investigação desenvolvida pretendeu dar respostas às seguintes questões: Quais os conhecimentos e práticas dos enfermeiros dos serviços de urgências do HAN relacionados com a higienização das mãos? Qual o impacto, nos conhecimentos e nas práticas dos enfermeiros do serviço de urgência, de um programa de formação para a implementação de um protocolo de higienização das mãos? Trata-se de um estudo do tipo exploratório-descritivo e comparativo entre dois grupos. A recolha dos dados foi realizada em dois momentos distintos, através de um questionário aplicado numa amostra de 76 enfermeiros da população estimada.Os resultados apontaram necessidades de mudança e busca de estratégias de intervenção capazes de favorecer o conhecimento e modificar a prática de HM pelos enfermeiros. Conclui-se que apesar de os enfermeiros demostrarem conhecimentos significativos sobre a HM...

Construção da escala de conhecimentos do pai sobre a amamentação e da escala da necessidade de conhecimentos do pai sobre a amamentação

Franco, João José de Sousa
Fonte: Associação Portuguesa dos Enfermeiros Obstetas Publicador: Associação Portuguesa dos Enfermeiros Obstetas
Tipo: Outros
Publicado em 08/05/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.64%
Introdução: Um pai motivado para a amamentação é capaz de apoiar a mãe, podendo ser das ajudas mais importantes na sua promoção e prevalência. A este propósito considera-se que o conhecimento que o pai tem sobre os diferentes aspetos relacionados com a amamentação é um fator determinante do seu envolvimento e colaboração. Neste sentido a avaliação dos conhecimentos do pai, bem como da sua necessidade de conhecimentos, podem determinar a sua expetativa face à amamentação e planear intervenções mais focalizadas. Por outro lado a construção de escalas permite comparar resultados entre os diversos estudos e avaliar as intervenções realizadas. Objetivo: Construir e validar a escala de conhecimentos do pai sobre a amamentação (ECPA) e a escala da necessidade de conhecimentos do pai sobre a amamentação (ENCPA). Metodologia: Com base na revisão da literatura, construiu-se a escala de conhecimento do pai sobre a amamentação composta por 9 itens. De seguida foram entrevistadas seis Enfermeiros Especialista em Enfermagem de Saúde Materna, Conselheiras em Amamentação sobre os itens a avaliar, do que resultou a aceitação da escala construída, e que os mesmos itens poderiam ser avaliados em dois aspetos: "o conhecimento" e a "necessidade de conhecimento". Com este instrumento foi realizada um estudo quantitativo...

Conhecimentos docentes dos alunos da licenciatura em geografia da Universidade Pedagógica-Maputo; Teacher's knowledge of students of degree in geography of the Pedagogical University - Maputo

Buque, Suzete Lourenço
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA); Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA); Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.71%
It is understood that the discipline of Geography has in school, in combination with other curriculum subjects, a role to play in the formation of students. For this reason, it is considered that the institutions of initial training must provide certain basic knowledge for which the future teachers can work with autonomy and make the discipline Geography significant for their students. For this to happen there is a need to adopt new didacticpedagogical practices that leverage the knowledge construction of teaching future teachers. This knowledge becomes necessarily by the capacity that the future teacher needs to have for the linkage between the knowledge of specific subjects and the pedagogical. To reflect about this the study has as theme the initial training of teachers and as object the knowledge teachers of students in the process of initial training in Degree in Geography of Pedagogical University of Mozambique. The overall objective is to understand the process of construction/mobilization of knowledge teachers of students of degree in Geography and the formative practices that potentiate. The specific are: characterize the initial training of the Degree course in Geography of the Pedagogical University of Mozambique...

Saúde sexual e reprodutiva; conhecimentos e comportamentos de estudantes do 8.º ano ao 12.º ano do norte de Portugal

Ribeiro, Aurora Marília Martins
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.64%
Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Psicologia, especialização em Psicologia Clínica e da Saúde.; O presente estudo empírico-teórico, pretende quantificar os conhecimentos dos adolescentes escolarizados sobre a saúde sexual e reprodutiva de adolescentes portugueses a frequentar o 8.º ao 12.º ano de escolaridade, com uma amostra de 359 adolescentes (59% do sexo feminino), com idades dos 13 aos 22 anos, a idade média de15,7 anos, residentes no norte de Portugal (68% urbanos; 32% rurais). Utilizou-se a 2.ª edição do “Quebrese – Questionário Breve Sobre Sexualidade II” de Sampaio e Silva (2009), da Universidade Fernando Pessoa. Na área dos conhecimentos, o instrumento inclui 2 sub-escalas (conhecimentos sobre Infecções Sexualmente Transmissiveis, IST‟s e Métodos Contraceptivos, MC‟s). Neste estudo, o Quebrese II revela qualidades psicométricas melhoradas sobre a primeira edição (alfa de Cronbach de 0,72 para IST‟s e 0,84 para MC‟s). As variáveis individuais incluem: género, idade, zona de residência e ano de escolaridade; as variáveis familiares incluem: tamanho da família, nível sócio-económico, prática religiosa...

Hábitos, conhecimentos e atitudes de saúde oral dos estudantes da Escola Secundária Alves Martins

Dias, João Pedro de Sousa Saraiva
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 01/06/2015 POR
Relevância na Pesquisa
36.68%
Introdução: A elevada prevalência de doenças orais, como a cárie dentária e as doenças periodontais, constituem um dos principais problemas de saúde pública entre os adolescentes. Assim, a promoção da saúde oral (SO) é fundamental na melhoria dos conhecimentos, transformação de atitudes e comportamentos de SO. Objectivos: Caracterizar os hábitos, conhecimentos e atitudes de SO e verificar a influência dos fatores sociodemográficos, comportamentos de risco e de vigilância de SO nos hábitos, conhecimentos e atitudes de SO dos adolescentes. Material e Métodos: Estudo transversal realizado em 223 estudantes que frequentavam o 10º, 11º e 12º ano da Escola Secundária Alves Martins de Viseu. A recolha de dados foi efetuada com um questionário autoaplicado que integrava vários instrumentos que permitiram avaliar as características sociodemográficas, os comportamentos de risco, os hábitos de SO, a vigilância de SO e os hábitos, conhecimentos e atitudes de SO dos adolescentes. Resultados: Os estudantes revelaram hábitos, conhecimentos e atitudes de SO positivos, obtendo percentagens superiores a 70% em todas as dimensões à exceção do medo dentário (sem medo com 44,8%). O índice de CPOD foi 1...

A COOPERAÇÃO E O COMPARTILHAMENTO DE CONHECIMENTOS EM UMA COOPERATIVA DE CRÉDITO

Sordi, Victor Fraile; Binotto, Erlaine; Ruviaro, Clandio Favarini
Fonte: Universidade Federal da Paraíba Publicador: Universidade Federal da Paraíba
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por Pares"; Pesquisa Exploratória; Entrevistas não estruturadas; Pesquisa Bibliográfica. Formato: application/pdf
Publicado em 25/06/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.64%
As organizações atuais estão inseridas em um contexto de extrema competitividade e necessitam do compartilhamento e da criação de conhecimentos para gerar inovação, objetivando a sustentabilidade no mercado. Relacionando o compartilhamento de conhecimento à cooperação, este artigo teve como objetivo discutir a possível relação entre cooperação e compartilhamento de conhecimentos entre indivíduos num cenário competitivo. Através de uma pesquisa bibliográfica foi possível discutir alguns pontos tanto da cooperação entre indivíduos, como do compartilhamento de conhecimentos entre os mesmos. No sentido de se aprofundar no tema, aplicou-se também uma pesquisa exploratória com entrevistas não estruturadas junto a colaboradores de uma cooperativa de crédito inserida no estado de Mato Grosso do Sul. Conforme a metodologia proposta, a cooperação e o compartilhamento de conhecimentos relacionam-se num cenário de competição, visto que a cooperação depende do compartilhamento de conhecimentos para existir e o próprio compartilhamento de conhecimentos, necessita da cooperação entre os agentes para acontecer.

Conhecimentos e práticas de Terapia Compressiva de enfermeiros de cuidados de saúde primários

Martinho,Paulo Jorge de Jesus; Gaspar,Pedro João Soares
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra - Unidade de Investigação em Ciências da Saúde - Enfermagem Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra - Unidade de Investigação em Ciências da Saúde - Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2012 PT
Relevância na Pesquisa
36.7%
Contexto: a terapia compressiva (TC) é amplamente recomendada para a úlcera venosa porque aumenta as taxas de cicatrização e reduz custos, mas exige conhecimentos e competências específicas. Objetivos: descrever práticas e avaliar conhecimentos em TC dos enfermeiros e relacioná-los com a experiência profissional e formação. Método: estudo observacional, correlacional e transversal, numa amostra acidental de 112 enfermeiros, mediante questionário construído para o efeito com questões relativas aos conhecimentos e às práticas em TC. Resultados: a maioria dos enfermeiros não possui formação formal em TC. Apenas 25,00% aplicam TC. A Escala de Conhecimentos em Terapia Compressiva apresentou boa consistência interna (KR20=0,759) e reportou baixos níveis de conhecimentos. Quanto mais anos de experiência profissional, menos conhecimentos de TC são reportados. Ao contrário, quanto mais formação em TC mais conhecimentos são reportados. Na prática, os erros mais frequentes foram: não avaliar o IPTB durante a TC, evitar aplicar TC a doentes acamados e diagnosticar a úlcera como venosa baseado apenas nas suas características. No entanto, de realçar que os enfermeiros têm cuidados adequados antes de aplicar o sistema compressivo...