Página 1 dos resultados de 2524 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

A criação e difusão do conhecimento organizacional através dos documentos do sistema de gestão da qualidade : o caso da empresa IMSB Máquinas

Monfardini, Israel Marques
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.42%
Este trabalho tem o objetivo de analisar a gestão do conhecimento dentro da empresa IMSB Máquinas, situada no Estado do Rio Grande do Sul, tendo como referência a teoria da criação do conhecimento organizacional, desenvolvida por NONAKA e TAKEUCHI (1997). O trabalho enfatiza as principais características de uma organização, em um ambiente aberto à recepção de novas ideias usando a gestão do conhecimento através das ferramentas da qualidade apresentadas, procurando identificar os processos de conversão do conhecimento, de tácito para explícito. E, depois de determinado estudo, é possível concluir que a indústria em questão poderia ser mais efetiva na conversão e criação de conhecimento organizacional, e que a aplicação do modelo como instrumento de análise permite identificar alguns mecanismos de tratamento da gestão do conhecimento através dos documentos da qualidade para a criação da memória organizacional.

Transferência de conhecimento organizacional entre países : um estudo de caso acerca dos dificultadores desse processo com ênfase na atuação de Recursos Humanos Internacional

Henriques, André Coelho Vaz
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
66.47%
A presente pesquisa analisa os dificultadores na transferência de conhecimento organizacional entre países com ênfase na atuação de Recursos Humanos Internacional, tendo como base uma multinacional sediada no Brasil. Para atender a esse propósito, o trabalho fundamenta sua teoria em três pilares: 1) os processos de globalização e de internacionalização, 2) a gestão do conhecimento organizacional e 3) o papel de Recursos Humanos Internacional, partindo de uma perspectiva macro até se desmembrar a aspectos operacionais. O método adotado é um estudo de caso, de cunho qualitativo e de natureza exploratório- descritiva. É realizada uma triangulação de dados para o desenvolvimento desta pesquisa, baseada em oito entrevistas semi-estruturadas e em dados internos e externos da empresa. Como resultado, este trabalho evidencia que a corporação multinacional foco deste estudo, apesar de apresentar bons desempenhos, possui aspectos a aperfeiçoar no que tange à gestão do conhecimento, ainda que tenha uma estrutura robusta para sustentar esse processo. Alguns dificultadores na transferência do conhecimento organizacional entre países são identificados, incluindo a dificuldade devido à grande quantidade de informações a ser gerenciada...

Análise do fluxo informacional do processo de educação continuada de forma a apoiar o desenvolvimento do conhecimento organizacional

Silva, Catia Cristina Santiago da
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 140 f.| il., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
56.51%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação. Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação.; O propósito desta pesquisa foi analisar o fluxo informacional do processo de educação continuada buscando identificar como o mesmo pode apoiar o desenvolvimento do conhecimento organizacional. Caracteriza-se como uma pesquisa exploratória, descritiva, com análise de natureza quanti qualitativa, fazendo-se uso do procedimento de estudo de caso. O campo de investigação deste estudo foi o Laboratório Médico Santa Luzia. Os dados coletados por meio de entrevistas, questionários e documentos da organização pertinentes à educação continuada foram analisados e submetidos às técnicas de análise do conteúdo associada à análise de freqüência de citação. Os resultados revelaram que: 1) o conhecimento organizacional se desenvolve à medida que sua base de conhecimento está bem alicerçada, seja no nível individual ou organizacional e para que isto ocorra as pessoas precisam das informações necessárias para promoverem o conhecimento. 2) é fundamental a validação e ampliação de fontes de informação para dar o suporte ao processo de educação continuada e 3) quando o conhecimento não é gerenciado perde-se a possibilidade de explorar o conhecimento organizacional como uma vantagem competitiva. Face aos resultados obtidos...

Gestão do conhecimento organizacional na administração pública federal em Brasília : um estudo exploratório; Organizational knowledge management in the federal public administration in Brasília : an exploratory study

Campos, Marcelo Moreira; Baptista, Sofia Galvão
Fonte: Faculdade de Ciência da Informação (FCI) da Universidade de Brasília (UnB) Publicador: Faculdade de Ciência da Informação (FCI) da Universidade de Brasília (UnB)
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.3%
A premissa central deste artigo – parte de uma pesquisa de mestrado – é a verificação do entendimento sobre o conceito e prática de gestão do conhecimento na administração pública federal, onde foram selecionados e entrevistados nove gestores de organizações públicas federais em Brasília. Os resultados mostraram que a gestão do conhecimento organizacional, de acordo com o ponto de vista dos gestores públicos entrevistados, não é como conceito, uma idéia nova, mas um processo incipiente, cujo escopo, inserido no campo da cognição humana, apenas começa a ser discutido com mais profundidade na esfera da administração pública neste limiar do século XXI. Verificou-se, quando da aplicação das entrevistas, no ano de 2003, que nessas organizações públicas existe um significativo investimento nas áreas tecnológica e estratégica em detrimento dos investimentos nas áreas de capacitação e desenvolvimento de recursos humanos, que se constituem, na literatura revisada, como a essência da gestão do conhecimento. __________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT; The central idea of this article – part of a Master thesis – is to check the understanding of the concept and the know-how of knowledge management. Nine federal public organization managers were selected and interviewed. The results showed that the management of the organizational knowledge...

Análise bibliométrica dos temas inteligência competitiva, gestão do conhecimento e conhecimento organizacional, no Repositório Institucional da Universidade de Brasília; Bibliometric analysis of themes competitive intelligence, knowledge management and organizational knowledge in Institutional Repository University of Brasília

Araújo Júnior, Rogério Henrique de; Perucchi, Valmira; Lopes, Paulo Roberto Danelon
Fonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG Publicador: Escola de Ciência da Informação da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.4%
Trata da análise dos temas Inteligência Competitiva (IC), Gestão do Conhecimento (GC) e Conhecimento Organizacional (CO), no Repositório Institucional da Universidade da Brasília (RIUnB), que está disponível em acesso aberto desde setembro de 2008. O objetivo é verificar a produção científica sobre as áreas de pesquisa, a partir dos documentos que constam no RIUnB. O método de trabalho consistiu nos estudos bibliométricos, a fim de se inteirar sobre a produção de trabalhos referentes ao conhecimento resultante do desenvolvimento de pesquisas no âmbito institucional, para conhecer a comunidade. Os resultados apontam para um crescimento notório desses temas na ciência da informação, com perspectiva de crescimento em outras áreas: administração, engenharia elétrica, educação e gestão social e trabalho, demonstrando sua potencial interdisciplinaridade; houve maior concentração de publicação nos temas gestão do conhecimento, conhecimento organizacional e inteligência competitiva, respectivamente, e existe uma concentração dessas publicações em três pesquisadores na comunidade da Faculdade de Ciência da Informação (FCI). Conclui-se que os temas são mais frequentes na área de ciência da informação...

Sistemas informáticos e conhecimento organizacional : uma reinterpretação dos papeis desempenhados pelos sistemas informáticos nas organizações

Carvalho, João Álvaro; Morais, Maria Paula
Fonte: APSI Publicador: APSI
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /10/2001 POR
Relevância na Pesquisa
66.42%
Nem sempre é fácil compreender o papel desempenhado pelos sistemas informáticos (aplicações das tecnologias da informação) nas organizações ou atribuir significado às operações por elas realizadas. Esta dificuldade resulta da complexidade daqueles dispositivos, da proliferação de designações pouco explícitas porque frequentemente orientadas a fins comerciais e ainda à variedade de tarefas que, aos poucos e poucos, os sistemas informáticos têm vindo a assumir nas organizações. As tentativas de produzir taxionomias que facilitem a classificação dos sistemas informáticos e clarifiquem os papeis por eles desempenhados não esgotaram ainda esta problemática. A proposta apresentada neste artigo constitui uma nova maneira de olhar para o papel desempenhado pelos sistemas informáticos nas organizações centrada no apoio dado às actividades de criação, armazenamento e utilização de conhecimento organizacional. Para tal, é utilizada uma classificação de conhecimento organizacional inspirada no trabalho de Mario Bunge (Treatise on Basic Philosophy) e que distingue entre conhecimento comportamental, perceptual e conceptual. Esta distinção é utilizada para explicar os processos de criação e utilização de conhecimento e para explicar o suporte que os sistemas informáticos dão a esses processos...

Conhecimento organizacional em escolas de governo: um estudo comparado

Jesus,Anderson Macedo de; Mourão,Luciana
Fonte: Fundação Getulio Vargas Publicador: Fundação Getulio Vargas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.47%
Como reflexo de uma tendência que tem ganhado importância crescente nas organizações públicas, privadas e não governamentais do Brasil e do mundo, a temática gestão do conhecimento motivou a realização desta pesquisa, cujo foco imediato é fornecer subsídios para auxiliar organizações públicas como escolas de governo em seus processos de desenvolvimento de conhecimento organizacional. Este conhecimento é criado mediante a interação dos conhecimentos tácito e explícito. A interação entre eles pode ser verificada por meio de quatro conversões, as quais formam um ciclo do conhecimento organizacional: a socialização, a externalização, a combinação e a internalização. O estudo em questão visa apresentar um conjunto de critérios representantes do ciclo de desenvolvimento do conhecimento organizacional e, mediante análise comparada entre sete escolas de governo internacionais e uma nacional, a Fundação Escola Nacional de Administração Pública (Enap), elaborar o desenho de uma estrutura organizacional que maximize o desenvolvimento do conhecimento organizacional em escolas de governo.

Análise bibliométrica dos temas inteligência competitiva, gestão do conhecimento e conhecimento organizacional, no repositório institucional da universidade de Brasília

Araújo Júnior,Rogério Henrique de; Perucchi,Valmira; Lopes,Paulo Roberto Danelon
Fonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG Publicador: Escola de Ciência da Informação da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
66.4%
Trata da análise dos temas Inteligência Competitiva (IC), Gestão do Conhecimento (GC) e Conhecimento Organizacional (CO), no Repositório Institucional da Universidade da Brasília (RIUnB), que está disponível em acesso aberto desde setembro de 2008. O objetivo é verificar a produção científica sobre as áreas de pesquisa, a partir dos documentos que constam no RIUnB. O método de trabalho consistiu nos estudos bibliométricos, a fim de se inteirar sobre a produção de trabalhos referentes ao conhecimento resultante do desenvolvimento de pesquisas no âmbito institucional, para conhecer a comunidade. Os resultados apontam para um crescimento notório desses temas na ciência da informação, com perspectiva de crescimento em outras áreas: administração, engenharia elétrica, educação e gestão social e trabalho, demonstrando sua potencial interdisciplinaridade; houve maior concentração de publicação nos temas gestão do conhecimento, conhecimento organizacional e inteligência competitiva, respectivamente, e existe uma concentração dessas publicações em três pesquisadores na comunidade da Faculdade de Ciência da Informação (FCI). Conclui-se que os temas são mais frequentes na área de ciência da informação...

Dinâmica das interações entre ERP e conhecimento organizacional na pós-implementação: um estudo de caso interpretativo

Ludmer,Gilson; Falk,James Anthony
Fonte: TECSI Laboratório de Tecnologia e Sistemas de Informação - FEA/USP Publicador: TECSI Laboratório de Tecnologia e Sistemas de Informação - FEA/USP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.31%
Os sistemas integrados de gestão (ERP) constituem um fenômeno de dimensão relevante no mundo dos negócios atual. Pelas próprias características de sua construção e funcionamento, os ERPs podem influenciar substancialmente aspectos relevantes, relacionados ao conhecimento organizacional. O interesse central deste trabalho é a busca da compreensão da dinâmica das interações destas tecnologias com o conhecimento organizacional na fase de pós-implementação, em uma organização de serviços. Desse modo, foi realizado um estudo de caso com utilização de abordagem interpretativa em uma das regionais de uma empresa de serviços de telecomunicações instalada no Brasil. As interpretações dos resultados indicaram que o ERP foi visto como desempenhando o papel de tecnocrata, influenciando e sendo influenciado pela racionalidade dominante. Também foram observadas muitas limitações no espaço para aprendizado, inovação local e contestação dos conhecimentos inscritos no ERP.

Inovação e conhecimento organizacional: um mapeamento bibliométrico das publicações científicas até 2009; "Innovation and Organizational Knowledge: A bibliometric mapping of scientific publications until 2009

Santos, Jane Lucia Silva; Maldonado, Mauricio Uriona; Santos, Raimundo Nonato Macedo dos
Fonte: Revista Organizações em Contexto Publicador: Revista Organizações em Contexto
Tipo: Artigo de Revista Científica
Relevância na Pesquisa
66.31%
A inovação tem sido reconhecida como um fator crítico para a competitividade das organizações. O tema tem despertado o interesse de várias áreas da ciência, as quais têm agregado novos construtos para tentar explicar como se produz esse fenômeno, entre eles, o conhecimento organizacional como elemento alavancador da inovação. Este trabalho tem por objetivo mapear as publicações internacionais da área de inovação que tratam de conhecimento organizacional. Para isto foram utilizadas técnicas bibliométricas como a análise de citações para identificar os trabalhos relevantes da área. Os resultados apontam um crescimento na quantidade de artigos publicados, chegando aproximadamente a 800 (oitocentos) no ano de 2009. Também retrata a predominância das instituições estadounidenses e inglesas, tanto no número de artigos, quanto na quantidade de citações. Este trabalho, portanto, contribui para compreender como o tema tem avançado no âmbito internacional, apontando para os rumos que as pesquisas têm tomado e prováveis tendências científicas da área e, ao mesmo tempo, abre possibilidades para o avanço das pesquisas no Brasil.

Gestão estratégica do conhecimento organizacional e formação de capacidades diferenciais

Uhry, Ricardo
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
56.51%
Resumo: Este estudo foi delineado para procurar relacionar práticas de gestão estratégica do conhecimento organizacional de três instituições bancárias com a formação de suas capacidades diferenciais. O método de pesquisa utilizado foi estudo comparativo de casos. Os dados foram obtidos por meio de entrevistas semiestruturadas com vinte e dois dirigentes: dez do Banco do Brasil, quatro do Bradesco e oito do Citibank. As entrevistas versaram sobre estratégias organizacionais relacionadas com gestão do conhecimento organizacional e capacidades diferenciais. De maneira específica, buscou-se identificar se práticas de gestão estratégica do conhecimento organizacional contribuem para a formação das capacidades diferenciais. A análise dos dados foi realizada de forma descritivoqualitativa, utilizando-se análises de conteúdo e de discurso como procedimentos para o tratamento dos dados. Os resultados encontrados demonstram que: (1) gestão do conhecimento não é algo novo, mas uma estratégia que parte de práticas já existentes. Não pôde ser inteiramente constatada a gestão estratégica do conhecimento organizacional, porque, embora evidenciada a integração de algumas práticas de gestão do conhecimento no contexto de negócios...

Conhecimento organizacional em escolas de governo: um estudo comparado; Conocimiento organizacional en escuelas del gobierno: un estudio comparado; Organizational knowledge in schools of government: a comparison study

Jesus, Anderson Macedo de; Mour??o, Luciana
Fonte: Revista de Administra????o P??blica Publicador: Revista de Administra????o P??blica
Tipo: Artigo de Revista Científica
IDIOMA::PORTUGU??S:PORTUGU??S:PT
Relevância na Pesquisa
66.56%
Como reflexo de uma tend??ncia que tem ganhado import??ncia crescente nas organiza????es p??blicas, privadas e n??o governamentais do Brasil e do mundo, a tem??tica gest??o do conhecimento motivou a realiza????o desta pesquisa, cujo foco imediato ?? fornecer subs??dios para auxiliar organiza????es p??blicas como escolas de governo em seus processos de desenvolvimento de conhecimento organizacional. Este conhecimento ?? criado mediante a intera????o dos conhecimentos t??cito e expl??cito. A intera????o entre eles pode ser verificada por meio de quatro convers??es, as quais formam um ciclo do conhecimento organizacional: a socializa????o, a externaliza????o, a combina????o e a internaliza????o. O estudo em quest??o visa apresentar um conjunto de crit??rios representantes do ciclo de desenvolvimento do conhecimento organizacional e, mediante an??lise comparada entre sete escolas de governo internacionais e uma nacional, a Funda????o Escola Nacional de Administra????o P??blica (Enap), elaborar o desenho de uma estrutura organizacional que maximize o desenvolvimento do conhecimento organizacional em escolas de governo.; Como reflejo de una tendencia que ha ganado importancia creciente en las organizaciones p??blicas, privadas y no gubernamentales de Brasil y del mundo...

ZACCAR : sistema de conhecimento para apoio à gestão do relacionamento com clientes

Gonçalves, Maria de Fátima Lemos Ferreira Armas
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2003 POR
Relevância na Pesquisa
56.53%
Tese de doutoramento em Tecnologias e Sistemas de Informação (área de especialização em Engenharia e Gestão de Sistemas de Informação); Nesta tese apresenta-se uma ferramenta para gestão, integração e consolidação do Conhecimento sobre o Comportamento dos Clientes (CCC) obtido a partir da actuação de ferramentas de data mining sobre bases de dados transaccionais de organizações. As ferramentas de data mining permitem automatizar a detecção de padrões de comportamento dos clientes de uma organização a partir das bases de dados transaccionais, num processo designado por Descoberta do Conhecimento em Bases de Dados (DCBD). Estes padrões podem ser transmitidos aos agentes organizacionais e utilizados em campanhas de marketing e outras actividades no contexto da organização. No entanto, este conhecimento sobre o comportamento dos clientes não é, normalmente, objecto de qualquer tratamento que permita a análise das razões para o seu aparecimento ou da sua evolução bem como a consolidação com outro conhecimento sobre o CCC já existente. Há, pois, neste processo, uma situação que consideramos que pode ser melhorada com a introdução dum novo conceito - a Gestão do CCC – o qual conduz a uma nova actividade organizacional – Zelar pelo CCC. A Gestão do Conhecimento sobre o Comportamento dos Clientes é entendida como a confrontação deste conhecimento com outro conhecimento já existente na organização...

Gestão do conhecimento: novo paradigma das organizações

Fialho, Cândido J. Falé
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
56.51%
Os novos tempos, marcados pela globalização, turbulência e competitividade, apelam a uma nova concepção da economia, exigem novos paradigmas organizacionais e conduzem-nos à era da informação e da gestão do conhecimento. O conhecimento transformou-se no factor estratégico do sucesso organizacional. As organizações necessitam de competências para a promoção do conhecimento e de vantagens competitivas de novas práticas de gestão e de organização do trabalho associadas a processos individuais e colectivos de criação, partilha e disseminação de conhecimento, aprendizagem e inovação. Neste contexto, o estudo destaca as características que moldam a sociedade da informação e do conhecimento, a importância do conhecimento como recurso económico para as organizações e para os países, os processos individuais e colectivos relacionados com a importância do conhecimento tácito e da intuição, a criação, disseminação e uso do conhecimento no seio das organizações, o novo contexto de trabalho e a acção dos agentes do conhecimento, o papel da cultura organizacional e dos sistemas de informação e tecnologias emergentes e, por último, sintetiza algumas práticas e princípios de gestão do conhecimento. O presente estudo identifica...

A gestão do conhecimento organizacional no contexto dos serviços partilhados

Pinto, Agostinho de Sousa; Amaral, Luís
Fonte: CAPSI 2014 Publicador: CAPSI 2014
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.38%
A aprendizagem contínua, tornou-se num elemento fundamental em qualquer organização como instrumento de gestão, desenvolvimento, sustentabilidade e inovação a partir de recursos de conhecimento, incentivando os Recursos Humanos para que se mantenham pró-ativos, adquirindo, criando e partilhando conhecimento fundamental à organização. Neste trabalho descreve-se a combinação de dois fenómenos organizacionais, os Centros de Serviços Partilhados (CSP) e o E-Learning, que potenciam as capacidades de Gestão do Conhecimento Organizacional. O modelo concetual desenvolvido visa influenciar positivamente a aprendizagem contínua de uma organização. Este modelo integra os CSP como gestores do conhecimento e memória organizacional e o E-Learning como suporte ao processo ensino aprendizagem. A partir do modelo concetual, com recurso a dedução matematicamente apresenta-se o fator Δ (Delta), que representa a viabilidade da aprendizagem contínua baseada na partilha de conhecimento. Trata-se de uma investigação qualitativa e construtivista, suportada metodologicamente pela Grounded Theory e teoria da criação de conhecimento de Nonaka.

Dinâmica das interações entre ERP e conhecimento organizacional na pós-implementação: um estudo de caso interpretativo; The interaction dynamics between an ERP system and organizational knowledge in the post - implementation: an interpretative case study

Ludmer, Gilson; Falk, James Anthony
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2007 POR
Relevância na Pesquisa
66.31%
Os sistemas integrados de gestão (ERP) constituem um fenômeno de dimensão relevante no mundo dos negócios atual. Pelas próprias características de sua construção e funcionamento, os ERPs podem influenciar substancialmente aspectos relevantes, relacionados ao conhecimento organizacional. O interesse central deste trabalho é a busca da compreensão da dinâmica das interações destas tecnologias com o conhecimento organizacional na fase de pós-implementação, em uma organização de serviços. Desse modo, foi realizado um estudo de caso com utilização de abordagem interpretativa em uma das regionais de uma empresa de serviços de telecomunicações instalada no Brasil. As interpretações dos resultados indicaram que o ERP foi visto como desempenhando o papel de tecnocrata, influenciando e sendo influenciado pela racionalidade dominante. Também foram observadas muitas limitações no espaço para aprendizado, inovação local e contestação dos conhecimentos inscritos no ERP.; Enterprise Resource Planning- ERP systems constitute a phenomenon of relevant dimension in the current business world. Due to their own construction and operation characteristics, ERPs can substantially influence relevant aspects related to organizational knowledge. The central interest of this article is to understand the interaction dynamics of these technologies with organizational knowledge in a post-implementation phase of an ERP system within a service oriented organization. For this...

GESTÃO DO CONHECIMENTO É EFEITO

Vargas, Elizabeth; Especialista, instrutora de cursos e consultora em gestão do conhecimento organizacional.
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2001 POR
Relevância na Pesquisa
66.23%
Gestão do conhecimento é um tema fascinante, abordado desde os tempos de Platão, Aristóteles e outros filósofos da antiguidade, sendo hoje estudado em diversas disciplinas, notadametue na de administração de empresas. Devido à preciosidade do seu conceito, imprescindível em qualquer âmbito de atuação do ser humano e infinita abrangência de seu significado, faz-se necessário, que neste artigo, haja uma limitação da abordagem, tratando a gestão do conhecimento apenas no âmbito empresarial.

Indexing politics in the scope of organizational knowledge management; Políticas de indexação no âmbito da gestão do conhecimento organizacional

Lousada, Mariana; Lopes, Elaine Cristina; Fujita, Mariângela Spotti Lopes; Valentim, Marta Lígia Pomim
Fonte: UFPB Publicador: UFPB
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 12/04/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.26%
This article has for objective understood through the literature analysis the existing relations between the indexing politics and the organizational knowledge management in organizational contexts as subsidy for the implementation of strategic actions. We seek also, identify the essential elements for the establishment of indexing politics and under which mechanisms this process is supported. From some inferences we present the organizational knowledge management model that understands elements relatives to the actors, organization and external environment.; Este artigo tem por objetivo compreender através da análise da literatura as relações existentes entre as políticas de indexação e a gestão do conhecimento em contextos organizacionais como subsídio para a implementação de ações estratégicas. Buscamos também, identificar os elementos essenciais para o estabelecimento de uma política de indexação e sob quais mecanismos este processo se apóia. A partir de algumas inferências apresentamos um modelo de gestão do conhecimento organizacional que compreenda elementos relativos aos indivíduos, à organização e ao ambiente externo.

USO DAS FONTES DE INFORMAÇÃO PARA A GERAÇÃO DE CONHECIMENTO ORGANIZACIONAL

Rodrigues, Charles; Blattmann, Ursula
Fonte: Universidade Federal da Paraíba Publicador: Universidade Federal da Paraíba
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por Pares"; Revisão de Literatura Formato: application/pdf
Publicado em 22/09/2011 POR
Relevância na Pesquisa
66.43%
Aponta a contribuição do uso das fontes de informação para a geração de conhecimento organizacional. Tem como objetivo estudar o uso das fontes de informação como elemento constituinte das estratégias gerenciais, contribuindo, assim, para a geração de conhecimento organizacional. Nesta pesquisa, foi utilizada a metodologia de estudo descritivo e analítico, compreendendo um levantamento bibliográfico e uma fundamentação conceitual. A fundamentação conceitual trata da gestão e dos fluxos de informação, são apresentados abordagens, modelos e estudos teóricos. São expostos os conceitos, classificações e a evolução das fontes de informação e o processo de uso das fontes de informação para a geração de conhecimento organizacional. Nas considerações, é tratado o entendimento de como pode ser realizado a gestão da informação e a necessidade de aperfeiçoar os processos que envolvem o uso das fontes de informação como uma ferramenta gerencial. Seja na tomada de decisões e como ativo que contribua para a geração de conhecimento organizacional e, consequentemente proporcione melhorias na competitividade das empresas e especialmente ao ser humano.

BASES EPISTEMOLÓGICAS DA TEORIA DE CRIAÇÃO DE CONHECIMENTO ORGANIZACIONAL

Leonardi, Juliana; Bastos, Rogério Cid
Fonte: Universidade Federal da Paraíba Publicador: Universidade Federal da Paraíba
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; "Avaliado por Pares"; Revisão de Literatura Formato: application/pdf
Publicado em 12/03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.43%
A passagem da era industrial para era do conhecimento alavancou estudos científicos organizacionais no campo da Ciência da Administração, ao longo do século XX. Estudos sobre a criação do conhecimento organizacional fazem parte deste arcabouço teórico contemporâneo. Este artigo objetiva investigar as bases epistemológicas da teoria de criação do conhecimento organizacional, desenvolvida por Ikujiro Nonaka. Foi realizado um levantamento de suas obras (artigos e livros) que tratam sobre o tema para identificar suas bases epistemológicas. O tema teve influências interdisciplinares abarcando tanto obras do cientista e polímata Michael Polanyi, quanto do filósofo japonês Kitaro Nishida. M. Polanyi é autor da ideia “conhecimento tácito” e tratou da dimensão tácita do conhecimento. K. Nishida desenvolveu o conceito de uma lógica não-dualista, onde concebeu a ideia do “Basho” que significa “Lugar”. I. Nonaka transpôs essas ideias para o campo organizacional. Destinou o conceito de lugar como uma dimensão (física ou não) onde ocorrem fluxos de compartilhamentos e relacionamentos dentro das organizações, criando novos conhecimentos.