Página 1 dos resultados de 8364 itens digitais encontrados em 0.008 segundos

Confiança interpessoal, aceitação-rejeição parental e solidão na adolescência

Marques, Carolina Alexandra Lopes
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.93%
A presente investigação centra-se na análise da relação entre as crenças de Confiança Interpessoal – Teoria e Modelo de Rotenberg (Rotenberg, 1994; Rotenberg, Boulton & Fox, 2005; Betts, Rotenberg & Trueman, 2008) - a Aceitação-Rejeição Parental percebida - Teoria da Aceitação-Rejeição Interpessoal (Rohner, 2004) – a Solidão e o Desempenho Académico durante a adolescência. A amostra utilizada é constituída por 190 adolescentes com idades compreendidas entre os 13 e os 17 anos, a frequentar o 3º Ciclo de dois estabelecimentos públicos de Coimbra. Para analisar a relação entre aquelas variáveis foi utilizada pela primeira vez a adaptação portuguesa da escala Crenças Generalizadas de Confiança- Adolescência Tardia - CGC-A (Vale-Dias & Franco-Borges, 2014), além da Escala revista de Solidão da UCLA (Neto, 1989) e das escalas Perceção da Atitude do Pai – PAP e Perceção da Atitude da Mãe – PAM (Franco-Borges & Vaz-Rebelo, 2009). Elaborou-se também um questionário sociobiográfico de acordo com os propósitos da investigação e características da amostra, destinado à recolha de informação sobre o percurso e desempenho académicos e sobre o agregado familiar dos adolescentes. Os resultados obtidos revelaram uma associação positiva entre os níveis de Rejeição Parental percecionada e a Solidão. As crenças de Confiança Interpessoal diferenciaram-se em função dos alvos considerados: a Confiança nos Professores associa-se positivamente ao Desempenho Académico e negativamente à Solidão; a Confiança na Figura Materna associa-se negativamente à Rejeição Materna global...

Confiança nas relações entre líderes e liderados; Trust in the relationship between leaders and subordinates

Bruno, Marcos Luiz
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2013 PT
Relevância na Pesquisa
36.96%
Este trabalho explora o tema confiança nas relações entre líderes e liderados, tendo como base a teoria do flow, de Mihaly Csikszentmihalyi, e a trípode do trabalho, de Gillian Stamp (Bioss International). O principal objetivo foi testar a hipótese de que líderes e liderados em condições de flow estão associados a níveis altos de confiança mútua entre líderes e liderados. O método de pesquisa foi um estudo de campo, conduzido em nove empresas, com 643 respondentes a um questionário a respeito de suas percepções sobre o quanto seus trabalhos estão exigindo o melhor de suas capacidades e 1.036 questionários respondidos por líderes e liderados relativos à qualidade da liderança recebida e, em particular, à percepção de confiança do líder para o liderado, nessa relação. Os dados foram tratados nas categorias gerais da população e na categoria particular da relação de pares entre líderes e liderados. Foram conduzidas análises inferenciais com base nos dados coletivos e foram conduzidos testes de hipóteses para as relações específicas de pares de líderes e liderados. Os resultados comparativos demonstram que a hipótese central deste estudo se confirma. Quando líderes e liderados se sentem em condições ótimas de flow a percepção de confiança mútua é alta. O contrário também se confirma...

Elaboração de um modelo de compra na internet : o papel da confiança do consumidor no varejista eletrônico em diferentes situações de risco percebido

Hernandez, José Mauro da Costa
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
Relevância na Pesquisa
37.01%
Motivada pelo recente debate sobre o aumento da sensibilidade a preço dos consumidores que compram pela Internet, esta tese propõe um modelo de compra na Internet no qual a confiança do consumidor no varejista eletrônico desempenha um papel central. O modelo proposto encontra forte sustentação teórica na teoria de marketing de relacionamento e, mais especificamente, nos resultados de um estudo de Morgan e Hunt (1994). Estes autores propuseram e validaram um modelo no qual o comprometimento e a confiança desempenham um papel central para o sucesso do marketing de relacionamento. O modelo proposto nesta tese foi desenvolvido apenas para situações envolvendo encontros iniciais entre consumidores e varejistas eletrônicos. Nesta situação particular, o modelo propõe que a confiança do consumidor no varejista eletrônico depende da avaliação do consumidor sobre os atributos funcionais do Website do varejista e das associações de confiança em relação à marca do varejista. A confiança do consumidor no varejista eletrônico resulta na formação da atitude do consumidor em relação ao varejista que, por sua vez, aumenta a intenção de comprar o produto do varejista e diminui a sensibilidade a preço do consumidor. Ao considerar a estreita relação entre os conceitos de confiança e risco percebido...

A ética e a confiança nas organizações : um estudo descritivo junto a profissionais da Grande São Paulo

Ramacciotti, Claudio
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
Relevância na Pesquisa
36.96%
O interesse pelo tema foi motivado pelo debate sobre questões éticas em todas as áreas de atividade das organizações e pela atenção dada à confiança em contextos organizacionais. Esta Tese tem por objetivo verificar se uma relação entre as pessoas apoiada na ética e na confiança promove uma melhora no desempenho do empregado nas organizações. O trabalho apresenta uma revisão bibliográfica dos fundamentos sobre ética e confiança, visando uma contribuição teórica para esses conceitos. Oferece um panorama desses conceitos com vistas à organização: a ética profissional, a ética na organização, a empresa ética, o código de conduta, a cultura organizacional e o clima ético, a importância da confiança e a confiança cognitiva. Faz também um resgate histórico, aborda os conceitos e as diferenças entre ética e moral. Na Tese são levantados os aspectos positivos e negativos que a ética e a confiança geram para as organizações. Algumas discussões foram elaboradas com a finalidade de ampliar os conceitos tradicionais dentro das organizações. O referencial teórico proporcionou um direcionamento na elaboração das questões da pesquisa para estudar a hipótese central da Tese, que é verificar se a existência de ética e da confiança nas relações entre as pessoas promove um clima organizacional adequado...

Bases de confiança de relacionamento entre agentes : um estudo sobre seu efeito na reação cognitiva e comportamental dos agentes

Iwai, Tatiana
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.94%
Apesar da confiança entre os agentes ser fundamental para a estabilização do relacionamento, são frequentes os eventos de incerteza sobre o comportamento do outro, que podem gerar percepções de violação de confiança entre os agentes. Dada essa constatação, o entendimento de variáveis que podem influenciar os efeitos advindos de uma percepção de violação de confiança ganha relevância cada vez maior nos estudos de confiança. Dos vários elementos estudados na literatura para mediar os efeitos de uma percepção de violação de confiança, o objetivo do estudo foi investigar o efeito que o tipo de relacionamento prévio entre os agentes pode exercer na reação cognitiva e comportamental dos agentes, em situações em que há incerteza sobre o comportamento cooperativo do parceiro. Especificamente, o objetivo do trabalho foi comparar o efeito que diferentes tipos de relacionamento prévio entre os agentes – baseado em confiança calculativa ou relacional – exerce em duas dimensões de reação a um evento negativo na relação. Na dimensão cognitiva, comparou-se os efeitos que diferentes tipos de relacionamento prévio entre os agentes exercem no nível de confiabilidade atribuído à contraparte, após um evento negativo entre eles. Na dimensão comportamental...

Violação e recuperação da confiança do cliente após o duplo desvio

Basso, Kenny
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.07%
Esta tese tem como objetivo central analisar a violação e recuperação da confiança do cliente na empresa após a recuperação de uma falha malsucedida – situação de duplo desvio. No escopo do objetivo central, é verificado o efeito intensificador da violação da confiança oriundo do duplo desvio; o efeito que a promessa de não recorrência das falhas e o pedido de desculpa, enquanto táticas de recuperação, possuem na confiança; o papel das atribuições de competência e integridade para explicar os efeitos das táticas de recuperação da confiança; e o efeito moderador tanto do tipo de violação da confiança quanto da distância temporal entre a ocorrência do duplo desvio e a inserção da tática, na relação entre a tática de recuperação e a confiança. Para verificar estes efeitos, quatro estudos experimentais foram operacionalizados. Os resultados do primeiro estudo indicam que a violação da confiança é maior após o duplo desvio, comparativamente com o nível de confiança identificado após o desvio simples. No segundo estudo, a possibilidade de recuperação da confiança por meio da promessa de não recorrência das falhas e do pedido de desculpa foi verificada. Os resultados deste segundo estudo indicam que tanto a promessa quanto o pedido de desculpa geram níveis mais elevados de confiança na empresa que a condição de controle (sem tática alguma) e outras duas táticas de recuperação da confiança utilizadas. Além disso...

Um modelo para confiança dinâmica em ambientes orientados a serviço

Mello, Emerson Ribeiro de
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: xv, 101 f.| il., grafs., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
36.94%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica; Fundamentada sobre padrões abertos, a Internet possibilitou a integração de redes de computadores formadas pelos mais diversos sistemas computacionais. Os Serviços Web representam uma nova geração da computação distribuída e também se valem de padrões simples e poderosos permitindo que aplicações distribuídas interajam de maneira mais eficiente e sem que haja a necessidade de intervenção humana na negociação dos mecanismos subjacentes da comunicação. Várias propostas foram lançadas por órgãos padronizadores com o intuito de prover soluções para os novos desafios de segurança introduzidos pelos Serviços Web, contudo em algumas áreas, como o gerenciamento da confiança, ainda não existem soluções concretas. A integração de aplicações só é possível se credenciais de segurança puderem ser consideradas válidas perante todas entidades do sistema. Isto requer um modelo que permita lidar com diferentes tecnologias de segurança subjacentes além de se preocupar com o estabelecimento da confiança entre as entidades participantes. Esta tese apresenta um modelo de segurança que visa garantir a facilidade da autenticação única (Single Sign-On - SSO) mesmo diante de diferentes tecnologias de segurança. É apresentado ainda um modelo de confiança...

Abusus tollit usum? Proposta de um modelo de análise dos efeitos contraproducentes da confiança nas organizações

Alves, Vanda Guerreiro
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
36.96%
Mestrado em Políticas de Desenvolvimento dos Recursos Humanos; É amplamente reconhecido que a confiança entre os indivíduos, grupos e as organizações é benéfica para o desempenho e constitui uma âncora ética para os negócios. Contudo, há indícios de que a relação entre a confiança e o desempenho não é directa nem linear, o que nos levou a explorar as circunstâncias em que a confiança pode ser contraproducente. O estudo de natureza exploratória e qualitativa, partiu da análise de conteúdo de entrevistas realizadas junto de dez interlocutores privilegiados e indiciou ser difícil assumir que a confiança tem uma influência directa no desempenho, pois tanto na literatura como nesta pesquisa empírica é notória a existência de efeitos de moderação e mediação por outras variáveis. Um resultado contra-intuitivo deste estudo reside na possibilidade do abuso de confiança poder cumprir funções de interesse organizacional de acordo com factores contingenciais. Esta possibilidade teórica surge sobretudo em organizações com elevada necessidade de flexibilidade. Por último parece haver um predomínio da instrumentalidade na avaliação da ocorrência de abuso de confiança, o que sobreleva para o concurso de critérios consequencialistas numa área que é tradicionalmente tida por predominantemente ética. O modelo teórico produzido poderá ser útil para explorar este lado negro da confiança sendo...

Confiança interpessoal e comportamento político: microfundamentos da teoria do capital social na América Latina

Rennó,Lucio R.
Fonte: Centro de Estudos de Opiniao Publica da Universidade Estadual de Campinas Publicador: Centro de Estudos de Opiniao Publica da Universidade Estadual de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2001 PT
Relevância na Pesquisa
36.94%
Apesar do debate sobre os vetores da relação entre confiança interpessoal e democracia, está claro que a confiança interpessoal é a variável central no estudo da cultura política e do capital social. Este artigo examina alguns dos pressupostos básicos das teorias da cultura política e do capital social sobre confiança interpessoal, utilizando dados de pesquisas na América Latina. Em primeiro lugar, analisa quais são os tipos de comportamento político mais fortemente afetados pela confiança interpessoal e em que países essa confiança se correlaciona com mais freqüência com outras medidas de comportamento político que se espera teoricamente que se correlacionem com ela. Em segundo lugar, avalia quais são as variáveis que estimulam a existência da confiança interpessoal naqueles países em que a confiança não exerce uma influência significativa em outras formas de comportamento político. Portanto, a questão que este artigo enfrenta é se a confiança inter-pessoal é importante como elemento definidor do comportamento político, e onde ela é, por que alguns indivíduos mostram níveis mais altos de confiança interpessoal do que outros.

Confiança e possibilidade de conflitos em redes estratégicas hierárquicas

Maciel,Cristiano Oliveira; Reinert,Maurício; Camargo,Camila
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2011 PT
Relevância na Pesquisa
36.94%
Tem sido cada vez mais comum para as organizações a participação em redes estratégicas como um meio de obter as vantagens associadas com esse tipo de arranjo. Entretanto, outra dimensão dessa forma de arranjo tem emergido, isto é, a ocorrência de conflitos em função da proximidade no relacionamento em tais redes. Mas a confiança surge como uma possível forma de atenuar esses conflitos. Assim, o objetivo desta pesquisa é verificar, de acordo com a avaliação dos proprietários de lojas de shopping centers, quais são as dimensões mais significativas da confiança para reduzir a possibilidade de conflitos com a gestão de uma rede estratégica. No referencial teórico, são apresentados os conceitos de redes estratégicas, confiança e conflito, bem como a relação entre eles. Em relação à confiança, são discutidas suas três dimensões: 1. confiança na capacidade, 2. na benevolência e 3. na integridade. Foi realizado um survey com 79 proprietários de lojas, todos inseridos em redes estratégicas. Esse survey serviu para medir a percepção de confiança e da possibilidade de conflito. A análise dos dados ocorreu por meio da análise fatorial exploratória, para validar os construtos e suas dimensões, bem como por meio de uma análise de regressão múltipla para testar as hipóteses propostas. Somente a confiança na benevolência foi estatisticamente significativa no teste das hipóteses. Três considerações merecem ser destacadas. A primeira se refere à validação do modelo com três dimensões proposto por Mayer...

Quem acreditou no amor, no sorriso, na flor : a confiança nas relações amorosas

Lucena, Marcela Zamboni
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
36.97%
O objetivo deste trabalho é apresentar uma discussão do conceito de confiança nas relações amorosas, que possa ser útil às novas inquietações e indagações sobre as relações afetivas da contemporaneidade, considerando-se os atuais padrões de relacionamentos adotados. Para tanto, partiu-se de alguns autores que contribuíram na elucidação do tema no âmbito das Ciências Sociais: Georg Simmel, Michel Foucault, Niklas Luhmann, Zygmunt Bauman e Anthony Giddens. Em Georg Simmel, podem-se apontar três possibilidades para pensar o problema da confiança nas relações amorosas: 1. o surgimento de uma moral geral-particular resultaria no reconhecimento mútuo entre homens e mulheres, viabilizando a confiança entre eles, 2. as mulheres conquistariam a liberdade social , através da repetição da objetividade criada pelo homem. Neste caso, a confiança seria restrita ao âmbito público e 3. as mulheres seriam capazes de combinar os elementos subjetivos e objetivos, sendo a confiança no amor possível apenas entre elas. Os homens viveriam então, num estado solipsista. A confiança nas relações amorosas, em Michel Foucault, poderia ser extraída de uma determinada formação discursiva, e criada pelas subjetividades dos objetos do mundo...

A confiança nas relações interorganizacionais entre empresas de culturas diferentes

Fernandes, Alexandre Machado
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
36.97%
Resumo: A região de fronteira entre Brasil e Paraguai é caracterizada pelo intenso comércio existente, diferenciando-se principalmente por abrigar uma diversidade muito grande de colônias e grupos étnicos. Dentro desta diversidade cultural, destacam-se os árabes e os chineses que, estando em um mercado competitivo, buscam manter suas relações comerciais e parcerias através das práticas entre empresas do mesmo grupo cultural e com o outro grupo. O presente trabalho tem como objetivo principal identificar o padrão de relacionamento interorganizacional de empresas formadas nas culturas árabes e chinesas, através da compreensão dos padrões destas relações, verificando a influência da confiança nas práticas comerciais entre árabes e chineses, apresentando uma análise sobre esta influência nos negócios realizados. Para isto, foi realizada uma pesquisa de campo através de um estudo de casos múltiplos, envolvendo o estudo sobre duas empresas de origem árabe e duas empresas de origem chinesa. Para coleta de dados, foram utilizadas entrevistas semiestruturadas, e a análise dos dados se deu de forma qualitativa, com uma análise de conteúdo comparativa a partir da percepção dos entrevistados. Como resultado das entrevistas...

Essays on trust in the judicial system: evidence from Brazil; Ensaios sobre confiança no sistema judiciário: evidências para o Brasil

Sampaio, Joelson Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/05/2015 EN
Relevância na Pesquisa
37.03%
A factor that crucially affects the development of a country is the ability of its judiciary to present itself as a legitimate instance for resolving the disputes that arise in social and economic affairs. One way to approach this topic is to study the reasons that lead citizens to trust or to distrust the judiciary. Thus, this thesis analyzes the determinants of public trust in the judicial system in Brazil; it also attempts to determine the drivers that lead people to trust or to distrust it. Chapter 2 addresses the relationship between trust in the judicial system and economic and demographic variables such as race, income, age, gender, education, previous experience with the judicial system, and knowledge about the legal system. The Brazilian Confidence in Justice Index (BCJI) was built as a trust measure. The BCJI is a measure of perception which reveals the opinion of the population regarding Brazil's judiciary system. The results indicate that race and gender are important predictors, once controlled for other respondent characteristics. Black persons have a slightly lower level of trust in the judiciary than do non-black persons. Women also espress less trust than men. Finally, the results indicate that poorer people also have lower levels of trust in the judicial system. Although there is a substantial literature that relates the determinants of trust in the judicial system and use of the judiciary...

Confiança interpessoal nos pares em contexto de grupo-turma e crenças de confiança generalizadas: estudo exploratório com uma turma do 5º ano de escolaridade

Silva, Daniela Alves Nunes e
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37%
O presente estudo teve por base o modelo BDT (Bases Domínios e Alvos) da Confiança Interpessoal de Rotenberg (Rotenberg, 2010) para a abordagem a este constructo. Teve como objetivo principal obter dados, explorar e comparar resultados, com uma amostra de crianças portuguesas dos 10 aos 12 anos, para o estudo de associação de duas medidas de confiança interpessoal em crianças, a versão portuguesa da Escala de Crenças Generalizadas de Confiança Interpessoal, originalmente da autoria de Rotenberg et. al. (2005), CGTBS, versão portuguesa de 24 itens (Breda & Vale-Dias, 2012), e a tarefa adaptada do Dilema do Prisioneiro (Rotenberg et. al., 2002) com o intuito de contribuir para a validação da Escala CGTBS na sua Subescala de Alvo Pares. Deste modo, se pretende estudar a associação de medidas de confiança interpessoal que envolvem diferentes facetas do modelo, bem como diferenças na dimensão que caracteriza os alvos (generalizado versus específico). Um segundo objetivo consistiu em analisar a relação das crenças generalizadas das crianças com o grau de reciprocidade de confiança que estabelecem com os seus pares específicos no grupo-turma: serão as crianças que têm mais confiança recíproca nos pares diferentes das que manifestam menos confiança recíproca nos pares da turma...

As relações entre confiança, valor e lealdade no contexto do ensino superior presencial

Kleinowski, Hamilton Luis
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
37.01%
O marketing de relacionamento tem sido uma área de grande interesse para os pesquisadores e profissionais de marketing. Diversos estudos vêm sendo desenvolvidos em diferentes segmentos, mas em função do crescente aumento da concorrência e da competitividade nos últimos anos, acentua-se o interesse da academia no ambiente de ensino superior. Nesse contexto emergem as questões relacionadas à formação da lealdade, especialmente quanto à importância da confiança e do valor percebido na formação de uma base de clientes leais. Um dos estudos mais respeitados envolvendo estes três construtos foi publicado por Sirdeshmukh, Singh e Sabol em 2002, sendo replicado no Brasil em diferentes contextos, incluindo o ensino superior. Estes autores dividem a confiança em duas facetas, confiança nas políticas e práticas gerenciais e confiança nos funcionários de contato. Em função de resultados ainda contraditórios quanto à influência da confiança nos funcionários de contato no valor percebido e na lealdade, o objetivo deste trabalho foi de desmembrar esta faceta em duas dimensões; confiança nos professores e confiança nos funcionários da instituição, analisando a inter-relação destas dimensões com os demais construtos do modelo. Para tanto...

A importância do afeto para a confiança do consumidor em trocas de serviços com consequências severas

Terres, Mellina da Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.01%
Os indivíduos são crescentemente demandados a fazerem escolhas em contextos com consequências severas, contudo esse tipo de decisão raramente tem sido considerado nos estudos de marketing. Em trocas com consequências severas, a confiança possui um papel chave, uma vez que essa reduz a incerteza percebida e ajuda o consumidor a formar expectativas mais precisas e consistentes sobre o serviço. Muitos estudos têm explorado os antecedentes cognitivos da confiança, entretanto, no caso específico de trocas com consequências severas, a cognição parece não ser suficiente para explicar a confiança do consumidor. Nesse contexto, o afeto também parece ser importante, principalmente devido ao consumidor muitas vezes não ter conhecimento suficiente para avaliar aspectos cognitivos, tal como, a competência do provedor de serviços. O principal propósito da presente tese é imvestigar o impacto do afeto comparado à cognição em trocas com consequências severas. O estudo também investiga o papel mediador da confiança na relação entre afeto e cognição e intenções comportamentais. Foram realizados quatro experimentos com estudantes de graduação utilizando o contexto de serviços médicos. No estudo 1, foi encontrado que em trocas com consequências severas...

O conceito de confiança em epistemologia do testemunho: distinguindo confiar de fiar-se

Ketzer, Patricia
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
37.01%
Confiança é um conceito indispensável quando pensamos o ser humano interagindo com outros sujeitos, pois auxilia-nos a pensar a ordem política e a cooperação social. Mas está longe de possuir uma definição única. A procura por uma definição mostrou-nos ser necessário retornar às origens do conceito, na busca por compreender seu uso em Epistemologia. Na Filosofia Moral estabelece-se uma distinção entre duas formas de confiar: 1) a confiança (trust), que se caracteriza por ser uma relação interpessoal mais profunda, a qual envolve boa vontade e vulnerabilidade; 2) a fiabilidade, um tipo de confiança mais básica no funcionamento do mundo e das coisas. O conceito de confiança torna-se relevante em Epistemologia quando passamos a considerar a transmissão de conhecimento por testemunho. A principal questão é quando podemos confiar em outras pessoas para adquirir conhecimento com base em seus atos de fala. Não há como debater testemunho sem considerar o problema da confiança. Mas, o conceito tem sido utilizado de modo inadequado. Os aspectos morais não contribuem para o cenário epistêmico. Todavia a desconsideração desses aspectos descaracteriza o conceito, reduzindo-o à fiabilidade. Defendemos que, por parcimônia...

Violação e Recuperação da Confiança do Cliente após o Duplo Desvio.; Client´s Trust Violation and Recorvery After Double Deviation.; Violación y Recuperación de la Confianza del Cliente Después del Doble Desvio.

Basso, Kenny; Santos, Cristiane Pizzutti dos
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 02/03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
36.97%
Con la finalidad de comprender mejor el fenómeno de la violación y recuperación de la confianza en el contexto de intercambios entre clientes y empresas, este ensayo teórico tiene el propósito de discutir el impacto del doble desvío en la confianza, la posibilidad de recuperación de la confianza después del doble desvío y tácticas que pueden ser utilizadas para recuperar la confianza después de ocurrir este fenómeno. Para tanto, la diferencia entre la violación de la confianza después de ocurrir la falla en el servicio y aquella ocurrida después de la recuperación mal sucedida de la falla (i.e., doble desvío) es discutida. Se cree que el doble desvío, por incluir una violación severa de la confianza existente, puede aumentar la erosión de la confianza generada después de la falla original del servicio (desvío simple). A seguir, propuestas de investigación incluyendo las promesas de no repetir las fallas y el pedido de disculpas como tácticas para recuperar la confianza del cliente después del doble desvío son presentadas, con base en la lógica de la utilización de pistas y en la teoría de la atribución. Las propuestas de investigación enumeradas en este ensayo son teóricamente significativas y empíricamente comprobables. Como tales...

Trust: production modes and main predictors in research teams' partnerships; Confiança: modos de produção e principais determinantes no relacionamento entre equipes de pesquisa

Lima, Suzana Maria Valle; EMBRAPA - Brasília - DF; Machado, Magali dos Santos; EMBRAPA - Brasília - DF; de Castro, Antônio Maria Gomes; EMBRAPA - Brasília - DF
Fonte: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho Publicador: Revista Psicologia: Organizações e Trabalho
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2002 POR
Relevância na Pesquisa
36.94%
This paper aims to identify the main trust production modes in cooperative research teams (interorganizational teams), the variables which determine initial trust, in these teams, the changes in trust after a period of time, and the main influences over these changes. The relationship among these research teams was chosen as a form of social interaction characterized by cooperation and uncertainty, essential conditions to the study of trust. These kind of relationships were investigated in a large public agricultural research organization, through the application of an instrument addressed to leaders (of research teams) and research teams themselves, and analyzed through linear regression models. The results show that: the main mode of trust production, for these teams, is the so-called “institutional based mode”; initial trust is influenced both by the importance of teams technical capacity and by the leader role in the structuring of the partnership; technical relationship between leaders and teams is crucial to present trust. The main results are discussed and their theoretical and practical implications are indicated.; O presente trabalho busca estabelecer quais são os modos de produção de confiança mais importantes na formação de equipes parceiras; que fatores determinam a confiança inicial nessas equipes; que alterações sofre a confiança...

Confiança interpessoal e comportamento político: microfundamentos da teoria do capital social na América Latina

Rennó, Lucio R.
Fonte: CESOP/UNICAMP Publicador: CESOP/UNICAMP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares; Pesquisa qualitativa Formato: application/pdf
Publicado em 16/10/2015 POR
Relevância na Pesquisa
36.94%
Apesar do debate sobre os vetores da relação entre confiança interpessoal e democracia, está claro que a confiança interpessoal é a variável central no estudo da cultura política e do capital social. Este artigo examina alguns dos pressupostos básicos das teorias da cultura política e do capital social sobre confiança interpessoal, utilizando dados de pesquisas na América Latina. Em primeiro lugar, analisa quais são os tipos de comportamento político mais fortemente afetados pela confiança interpessoal e em que países essa confiança se correlaciona com mais freqüência com outras medidas de comportamento político que se espera teoricamente que se correlacionem com ela. Em segundo lugar, avalia quais são as variáveis que estimulam a existência da confiança interpessoal naqueles países em que a confiança não exerce uma influência significativa em outras formas de comportamento político. Portanto, a questão que este artigo enfrenta é se a confiança inter-pessoal é importante como elemento definidor do comportamento político, e onde ela é, por que alguns indivíduos mostram níveis mais altos de confiança interpessoal do que outros. Abstract Despite the debate about the vectors of the relation between interpersonal trust and democracy...