Página 1 dos resultados de 9 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

Juventude e consumo de álcool entre jovens de distintos grupos sociais; Youth and alcohol consumption among young people from different social groups

Cofani, Alessandra
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/05/2012 PT
Relevância na Pesquisa
16.04%
Este estudo teve como objeto o consumo de álcool por jovens. O objetivo geral foi compreender as características do consumo de álcool por jovens de diferentes grupos sociais. Para isso identificou e analisou similaridades e diferenças: nas concepções de juventude e nas características do consumo de bebidas alcoólicas entre jovens de diferentes grupos sociais. A população do estudo foi composta por jovens de instituições de ensino e participantes de instituição de assistência social que acolhe pessoas em situação de rua, assegurando-se que estivessem contemplados jovens dos diferentes grupos sociais. Os dados foram obtidos por meio de grupos focais, guiados por roteiro e analisados pelo método da análise temática de conteúdo. Este estudo tomou juventude como categoria social, compreendida como fase da vida compartilhada pelos jovens, porém desigualmente definida pelas diferentes inserções sociais e compreende que o consumo de drogas na contemporaneidade passou a responder à lógica central do capitalismo - a finalidade primordial de produzir lucro - e adquiriu as características de mercadoria. A análise mostrou, no tocante à concepção de juventude, que as similaridades encontradas entre os jovens entrevistados foram: a compreensão da juventude como período transitório e de preparo para a vida adulta; juventude como período de pouca responsabilidade. Já as principais diferenças encontradas foram: desiguais vivências dessa etapa...

Os sons e as letras: Início da fonetização da escrita

Matos, Francisca
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2000 POR
Relevância na Pesquisa
26.04%
Dissertação de Mestrado em Psicologia Educacional; O nosso estudo, inscreve-se na perspectiva de investigação que enfatiza a necessidade de se relacionar o desenvolvimento das conceptualizações infantis sobre a escrita, com o desenvolvimento das competências fonológicas, no sentido de se procurar precisar os mecanismos e factores que potenciam a evolução das concepções precoces acerca da linguagem escrita. Partindo da ideia, de que, factores como o conhecimento do nome das letras e a consciência fonológica. interagem com os conhecimentos que a criança possui acerca da linguagem escrita, permitindo-lhe evoluir de um nível conceptual silábico para um nível com início de fonetização, delineámos o nosso projecto de investigação. Tivemos como objectivo central, verificar se crianças claramente silábicas no que concerne às conceptualizações infantis sobre a escrita — relação silábica quantitativa -produzem escritas fonéticas, na presença de um material com características fonológicas potencialmente facilitadoras de uma correspondência entre o oral e a escrita - presença do nome de letra na palavra. Trabalhámos com crianças de 5/6 anos que frequentavam a educação pré-escolar. O estudo empírico processou-se em entrevista individual e ocorreu em dois momentos. Num primeiro momento...

Do vínculo às relações sociais: Aspectos psicodinâmicos

Aragão Oliveira, Rui; ISPA-IU
Fonte: ISPA - Instituto Universitário Publicador: ISPA - Instituto Universitário
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 23/11/2012 POR
Relevância na Pesquisa
16.04%
Sobre o tema da vinculação, são abordados os domínios das problemáticas associadas às relações precoces, à representação dos processos de vinculação nas diversas etapas desenvolvimentais e às relações psicológicas inerentes à formação de diferentes sistemas sociais, enquadrados no jogo dinâmico criado pelos, e para os seus representantes individuais. Num primeiro momento desenvolve-se mais pormenorizadamente o conceito de vínculo, considerando excepcionalmente os contributos de Bowlby, e as suas diferenciações quanto às abordagens de Freud e da psicanálise tradicional.Consideram-se então, entre outros, os trabalhos de Melanie Klein sobre os fenómenos de comunicação corporal, organizados numa fase muito precoce de desenvolvimento,e as vicissitudes dos relacionamentos objectais, constituídos por angústias, emoções, fantasias e defesas psíquicas específicas. Reorganizamos por fim, o conceito de vínculo segundo as concepções de Wilfred Bion, enfatizando a ideia das relações entre um espaço continente e um conteúdo, recorrendo aos mecanismos de identificação projectiva, e às emoções básicas inerentes ao estabelecimento e manutenção dos vínculos, com as repercussões na capacidade de pensar e desenvolvimento global do ser humano nas suas relações.

Os biomarcadores e sua aplicação na avaliação da exposição aos agentes químicos ambientais

Amorim,Leiliane Coelho André
Fonte: Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2003 PT
Relevância na Pesquisa
16.04%
A Saúde Ambiental tem como um de seus objetivos, a prevenção dos danos à saúde causados por contaminantes químicos presentes no meio ambiente, fazendo com que os níveis desta exposição sejam mantidos em valores que não constituam um risco inaceitável. Para isso, tornam-se necessárias a identificação e quantificação deste risco através da avaliação biológica da exposição humana. Este é um artigo de revisão que busca apresentar conceitos e concepções que abrangem o uso dos parâmetros biológicos com a finalidade de avaliar a exposição às substâncias químicas e estimar o risco das populações expostas. Os biomarcadores podem ser usados para vários propósitos, dependendo da finalidade do estudo e do tipo da exposição e podem ser classificados em três tipos: de exposição, de efeito e de suscetibilidade, os quais são instrumentos que possibilitam identificar a substância tóxica ou uma condição adversa antes que sejam evidenciados danos à saúde. Novos parâmetros são apresentados, como os biomarcadores de neurotoxicidade (ou marcadores substitutos), que têm como desafio detectar ações precoces de agente químicos que agem no sistema nervoso central através da identificação de indicadores presentes no sistema periférico...

Concepções de pais e educadoras sobre a importância da matemática em educação pré-escolar

Neto, Eliana Simão
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
26.31%
O desenvolvimento do raciocínio lógico-matemático é, desde cedo, um factor decisivo para o sucesso ulterior e para a compreensão da realidade actual, devendo constituir-se objectivo pedagógico de relevo nas vivências do dia a dia das crianças e no currículo educativo. Conhecendo-se o estigma e as dificuldades de aprendizagem da disciplina de Matemática ao longo da escolaridade e, consequentemente, o comprometimento de percursos académicos e carreiras profissionais nas áreas das ciências e tecnologias, entendemos ser a educação préescolar o lugar e o momento mais favoráveis para a introdução de conteúdos e processos matemáticos. Cremos, contudo, que a sensibilização para uma aprendizagem adequada e eficiente dependem, em grande parte, das concepções dos educadores (em sentido lato, pais e professores) acerca da importância da iniciação à Matemática em idades precoces. É nesse sentido que pretendemos, com este estudo, analisar as concepções e identificar práticas ilustrativas do modo como pais e educadores introduzem a matemática e actividades educativas de apoio ao desenvolvimento, formal e motivacional, nesta área de conteúdo, na formação global das crianças. É com o fim último de contribuir para consciencializar da importância de uma abordagem de qualidade...

Literacia familiar: Caracterização de práticas de literacia em famílias com crianças em idade pré-escolar e estudo das suas relações com as realizações das crianças

Mata, Maria de Lourdes Estorninho Neves
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2002 POR
Relevância na Pesquisa
16.22%
Tese de Doutoramento apresentada ao Instituto de Estudos da Criança, Universidade do Minho; Na última década, os trabalhos enquadrados dentro da perspectiva da literacia emergente, têm realçado uma dinâmica sócio-construtivista no processo de descoberta e apreensão da linguagem escrita. Assim, tem-se procurado estudar e caracterizar não só o papel da criança ao longo deste processo, mas também o papel de todos os que com ela contactam, no seu dia-a-dia, em ambientes formais, e também em ambientes informais. É neste sentido que surge este trabalho, ao debruçar-se sobre as práticas de literacia em ambiente familiar. Tivemos assim como elemento principal de estudo, a família, procurando caracterizar percepções e práticas de literacia, ao nível da sua diversidade e regularidade. Procurámos também identificar algumas associações entre as características da literacia familiar e as motivações e realizações de crianças de idade pré-escolar, oriundas dessas famílias. Trabalhámos com 421 pais, de estatuto sócio-cultural médio, médio-alto, com um filho (a) a frequentar o último ano do pré-escolar e por um grupo de 351 destas crianças cujos pais colaboraram no estudo. Com os pais utilizámos um questionário com três dimensões distintas. Uma primeira específica sobre a literacia familiar...

Concepções sobre a funcionalidade da leitura e da escrita em crianças do 1º ano de escolaridade

Curtinhal, Rute Alexandra Ramalho Montêz Pândega
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
36.22%
Este trabalho teve como objetivo compreender que conhecimentos possuem as crianças sobre a funcionalidade da leitura e da escrita e sobre os seus suportes e, também, identificar que diferenças existem entre rapazes e raparigas. A amostra foi constituída por 50 crianças com idades compreendidas entre os 6 e 7 nos e que frequentavam pela primeira vez o 1°ano de escolaridade em escolas de Évora. As conceções sobre a funcionalidade da leitura e da escrita foi avaliada pela entrevista individual semidirecta (Alves Martins, 2000) e o conhecimento de suportes de escrita foram avaliados pela análise das respostas dadas ao serem apresentados diversos materiais impressos de uso corrente (manual escolar, livro de histórias, jornal, fatura da água, folheto de supermercado, revista, cartão de boas-festas, cana e cana manuscrita). Foram diferenciadas as respostas de acordo com o sexo dos sujeitos. Quanto às conceções sobre a funcionalidade da leitura, as mesmas demonstraram ser elevadas, manifestando-se um maior valor nas raparigas. Relativamente aos suportes de escrita, as raparigas identificaram mais materiais mas os rapazes demonstraram conhecer melhor o seu conteúdo. /ABSTRACT - Conceptions on the functionality of the reading and the writing in children of the 1st grade This assignment had as a purpose to understand which knowledge the children possess on the functionality of the reading and the writing and on its supports and...

Do vínculo às relações sociais: Aspectos psicodinâmicos

Oliveira,Rui Aragão
Fonte: Instituto Superior de Psicologia Aplicada Publicador: Instituto Superior de Psicologia Aplicada
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2000 PT
Relevância na Pesquisa
16.04%
Sobre o tema da vinculação, são abordados os domínios das problemáticas associadas às relações precoces, à representação dos processos de vinculação nas diversas etapas desenvolvimentais e às relações psicológicas inerentes à formação de diferentes sistemas sociais, enquadrados no jogo dinâmico criado pelos, e para os seus representantes individuais. Num primeiro momento desenvolve-se mais pormenorizadamente o conceito de vínculo, considerando excepcionalmente os contributos de Bowlby, e as suas diferenciações quanto às abordagens de Freud e da psicanálise tradicional. Consideram-se então, entre outros, os trabalhos de Melanie Klein sobre os fenómenos de comunicação corporal, organizados numa fase muito precoce de desenvolvimento, e as vicissitudes dos relacionamentos objectais, constituídos por angústias, emoções, fantasias e defesas psíquicas específicas. Reorganizamos por fim, o conceito de vínculo segundo as concepções de Wilfred Bion, enfatizando a ideia das relações entre um espaço continente e um conteúdo, recorrendo aos mecanismos de identificação projectiva, e às emoções básicas inerentes ao estabelecimento e manutenção dos vínculos, com as repercussões na capacidade de pensar e desenvolvimento global do ser humano nas suas relações.

Os biomarcadores e sua aplicação na avaliação da exposição aos agentes químicos ambientais

Amorim,Leiliane Coelho André
Fonte: Associação Brasileira de Pós -Graduação em Saúde Coletiva Publicador: Associação Brasileira de Pós -Graduação em Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2003 PT
Relevância na Pesquisa
16.04%
A Saúde Ambiental tem como um de seus objetivos, a prevenção dos danos à saúde causados por contaminantes químicos presentes no meio ambiente, fazendo com que os níveis desta exposição sejam mantidos em valores que não constituam um risco inaceitável. Para isso, tornam-se necessárias a identificação e quantificação deste risco através da avaliação biológica da exposição humana. Este é um artigo de revisão que busca apresentar conceitos e concepções que abrangem o uso dos parâmetros biológicos com a finalidade de avaliar a exposição às substâncias químicas e estimar o risco das populações expostas. Os biomarcadores podem ser usados para vários propósitos, dependendo da finalidade do estudo e do tipo da exposição e podem ser classificados em três tipos: de exposição, de efeito e de suscetibilidade, os quais são instrumentos que possibilitam identificar a substância tóxica ou uma condição adversa antes que sejam evidenciados danos à saúde. Novos parâmetros são apresentados, como os biomarcadores de neurotoxicidade (ou marcadores substitutos), que têm como desafio detectar ações precoces de agente químicos que agem no sistema nervoso central através da identificação de indicadores presentes no sistema periférico...