Página 1 dos resultados de 974 itens digitais encontrados em 0.036 segundos

Determinantes sociais da saúde: os olhares dos profissionais da atenção básica do município de Marília-SP; Social determinants of health: primary care professionals eyes in the municipal district of Marilia

Vernasque, Juliana Ribeiro da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
65.63%
Os Determinantes Sociais da Saúde (DSS) constituem hoje importante objeto de estudo no campo da Saúde Coletiva, pois a compreensão dos mesmos possibilita ações de cuidado e de resposta às necessidades de saúde nos âmbitos de promoção, prevenção, tratamento e recuperação da saúde, além de auxiliar na diminuição das vulnerabilidades, das iniquidades em saúde e concorrer para a promoção da justiça social. O objetivo deste estudo foi identificar quais aspectos dos DSS são reconhecidos pelos profissionais de atenção básica do município de Marília no cotidiano do trabalho em saúde, bem como são apreendidos e manejados como necessidades na produção de cuidados em saúde. Esta pesquisa é de natureza qualitativa, utilizando como método entrevistas semi-estruturadas e observações participantes de tipo etnográfico. Foram entrevistadas cinco profissionais de saúde de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) e cinco profissionais de uma unidade de ESF (Estratégia Saúde da Família). Foi realizado tratamento interpretativo-compreensivo do material de campo, baseado nas categorias do modelo de DSS de Dahlgren e Whitehead (1991), no conceito de Cuidado em saúde de Ayres (2009) e no quadro das necessidades de saúde de Schraiber e Mendes Gonçalves (2000) e Cecílio (2001). Para apresentação dos resultados foram agrupados quatro eixos temáticos: 1) Condições de vida e trabalho; 2) O estilo de vida dos indivíduos; 3) Redes sociais e comunitárias e 4) Condições socioeconômicas...

Comunicação e advocacia - o advogado como legítimo mediador da comunicação dos direitos coletivos e difusos no Brasil e na Argentina; Communication and counseling - the lawyer as a legitimate mediator of diffuse and collective rights communication in Brazil and Argentina

Giorgio, Alexandre Augusto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 26/04/2010 PT
Relevância na Pesquisa
55.85%
O presente trabalho tem como premissa principal que o advogado é o mediador mais adequado para fazer a divulgação, através da publicidade, dos direitos coletivos e difusos dos cidadãos, no Brasil e na Argentina. Diante disso, propôs-se analisar o efeito que as sociedades modernas e a evolução das tecnologias da comunicação exerceram sobre a comunicação, e sobre os processos de conquista da democracia nos dois países. Procurou-se identificar que o advogado é agente transformador da Justiça quando leva ao judiciário as mais variadas demandas oriundas das transformações da sociedade. Através dos Estudos Culturais, em diálogo com os hibridismos culturais, procurou-se provar que o medo de uma comunicação de massa hipnotizante, é infundado. Por fim, foram buscados argumentos que procuram colocar a comunicação do advogado com a sociedade brasileira e argentina como peça fundamental para a consolidação da democracia nos dois países.; This paper has as main premiss that the lawyer is the most adequate mediator to spread, thru publicity, of the collective and diffuse rights of the citizens in Brazil and Argentina. In view of this, we propose to analyze the effects that the modern societies and the evolution of communication technologies exercise upon the communication and the processes of conquest of democracy in both countries. We tried to identify that the lawyer is a transforming agent of Justice when he brings to the judiciary the most various demands produced by the transformation of the society. Thru Cultural Studies...

Governo eletrônico, democracia digital e comunicação pública: a presença do poder judiciário na internet

Vanzini, Katia Viviane da Silva
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 136 f. : il.
POR
Relevância na Pesquisa
56%
Pós-graduação em Comunicação - FAAC; After being spread by the Executive and Legislative on their achievements in e-government and digital democracy, the new information and communication technologies have become more used in public communication of the Judiciary main organs. The general goal of this research was to produce a wide diagnosis of the quality in the exploitation of the technologies in the superior court portals of the Judiciary - Supreme Federal Court (STF), Superior Court of Justice (STJ), Supreme Electoral Court (TSE), Superior Court Labor (TST), Superior Military Court (CSJT) - and their main inspection bodies - National Council of Justice (CNJ), Federal Justice Council (CJF) and Superior Labor Justice Council (CSJT). The specific objectives were: a) characterize the quality of digital public communication about the roles played by these institutions in the context of the current of Powers in Brazilian democracy; b) characterize the use of digital public communication initiatives that promote management transparency; c) assess the information availability on closed and ongoing cases, relevant legislation, jurisprudence documents (dockets, sentences, publications etc.) and other services; d) identify interaction mechanisms with the public; e) propose directions for the improvement of digital public communication of the Judiciary. The results indicate that the portal show satisfactory results in institutional information propagation; services and promoting transparency...

A comunicação da informação jornalística no telejornalismo online : TV News

Silva, Oswaldo Ribeiro da
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.77%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação, Departamento de Ciência da Informação e Documentação, 2006.; Televisão, jornalismo e Internet. Uma das vertentes desta junção é o telejornalismo online. Este estudo apresenta as características deste formato e faz uma análise do processo de comunicação da informação jornalística na visão dos produtores e fontes do telejornalismo online. É feita, ainda, uma relação destas características com a Ciência da Informação. A referência da pesquisa é um estudo de caso do TV News, um serviço de informação em vídeo, áudio e texto, oferecido há um ano e um mês pelo Campo Grande News, o primeiro site jornalístico de Mato Grosso do Sul, no ar desde 1999. O TV News apresenta semanalmente entrevistas com personalidades do Estado e do Brasil. Os principais temas das entrevistas do TV News são política, justiça, meio ambiente trânsito, educação, saúde, segurança pública, polícia, religião, economia, trabalho, entre outros. A partir dos resultados da pesquisa é possível concluir que em Mato Grosso do Sul, o telejornalismo online é um fenômeno recente, tanto para os produtores quanto para as fontes...

Presunção de inocência do arguido e comunicação social: influência ou interacção

Côrte-Real, Benedita Dias Alcoforado
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /09/2012 POR
Relevância na Pesquisa
55.94%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Comunicação, Media e Justiça.; A questão que se coloca refere-se à actuação dos meios de comunicação, no âmbito da actividade jornalística e ao abrigo da Liberdade de Imprensa, face ao princípio da presunção de inocência do arguido. Estão inseridos em dois campos sociais (Justiça e Media) que, embora distintos, não conseguem sobreviver um sem ou outro, complementando as respectivas actividades entre si. Devido a essa sinuosa relação, o facto de haver um maior contacto com os processos judiciais por parte dos Media e um maior interesse, suscitado pelo facto de se tratar de um arguido figura pública, nos processos criminais, vai fazer com que se assista à Mediatização da própria justiça, que de alguma maneira vai possibilitar o aparecimento dos julgamentos paralelos feitos na praça pública e o desenvolver do jornalismo de investigação, auxiliar e ao serviço da boa administração da Justiça. Por se tratar de dois direitos constitucionalmente previstos, no caso de estarmos perante um conflito de direitos fundamentais, o que importa saber é se, no caso concreto, qual o direito que deve prevalecer.

Focagem, desfocagem e refocagem. O mediador à luz da complexidade

Roque, Pedro José Leonardo
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /03/2014 POR
Relevância na Pesquisa
55.86%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Comunicação, Media e Justiça; O presente trabalho tem como escopo apresentar o Método Óptico da Focagem, Desfocagem e Refocagem através da acção do seu utilizador, o mediador. Este surge como o profissional da área das humanidades, distinto do causídico ou do criativo, tradutor de linguagens, inserido no contexto crítico pós-moderno. A técnica óptica, assim enunciada, implica um duplo movimento, tal como uma lente de uma câmara fotográfica ou de filmagem, significa que perante um problema, um conflito, o mediador vai aplicar esse duplo movimento óptico, de aproximação e afastamento, diagnosticando, triando e alargando a visão. Esta técnica aplica-se ao campo da mediação de conflitos, mas pode perfeitamente adaptar-se a outros campos da comunicação como os gabinetes de imprensa, os julgados de paz, o direito da informação, o discurso mediático, a linguagem institucional e as suas actividades práticas. Consiste num primeiro momento no enquadramento do conflito (processo de Focagem), num segundo de consciencialização do que se encontra fora do quadro do problema, da interpretação sistémica e sistemática (processo de Desfocagem) e um terceiro em que se resolve o problema (processo de Refocagem). Estes três estados...

Corrupção Política em Portugal : O Jornalismo Judiciário como «Denunciante»

Soares, Rita Maria da Silva Rodrigues
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /09/2014 POR
Relevância na Pesquisa
55.98%
A relação entre a Justiça e os media gerou, desde sempre, um debate controverso nas sociedades. Há opiniões que advogam um afastamento total entre as duas áreas, em nome da imparcialidade e do rigor; outras vozes defendem a possibilidade de construção de pontes que favoreçam o dever de informar enquanto bem público, essencial à concretização de uma verdadeira democracia. A presente dissertação pretende averiguar o papel do jornalismo judiciário na «denúncia» de casos de corrupção política em Portugal. Pode o jornalismo assumir uma função de «denunciante»? Estarão os jornalistas preparados para essa tarefa? É necessária uma maior aposta ao nível da formação de jornalistas? A todas estas questões procurámos dar resposta nas páginas que se seguem. A contextualização histórica e a referência a alguns dos casos de corrupção mais mediáticos da última década em Portugal ocupam a primeira parte da dissertação; pareceu-nos relevante revisitar alguns processos conhecidos do grande público para melhor enquadrar a problemática abordada, uma vez que os temas da justiça marcaram presença na imprensa, desde sempre. O relato que a comunicação social faz sobre os casos de corrupção política é objeto de reflexão na segunda parte da tese...

Ata da 1ª Sessão Extraordinária da Corte Especial de 29.06.2005

Brasil. Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Legislação Formato: 43625 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
75.81%
Comunicação a respeito da destinação do prédio do Conselho da Justiça Federal, em razão da mudança das atividades daquela instituição para as instalações do Superior Tribunal de Justiça.

Ato n. 87, de 23 de junho de 1989

Brasil. Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Legislação Formato: 1291 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.87%
Transforma e reclassifica, conforme art. 16 da Lei n. 7.746/89, cargo de Diretor de Divisão, integrante da estrutura do Conselho da Justiça Federal, em cargo de Assessor, destinado à Assessoria de Comunicação Social.

Ata da 30ª Sessão Ordinária da 2ª Turma - 06.08.2002

Brasil. Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Legislação Formato: 2446 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.78%
Saúda os Srs. Ministros, advogados e funcionários que servem à 2ª Turma por ocasião do início do semestre judiciário. Comunicação do falecimento da Dra. Maria do Carmo Vieira Gomar, que era Secretária da Justiça Federal desde a sua fundação.

Assessoria de Comunicação da Justiça Federal do Rio Grande do Norte e sua interface com o jurisdicionado

Santos, Maria da Conceição D. dos; Rodrigues, Rômulo Rostand de A.
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 673592 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.01%
Monografia apresentada à Banca Examinadora do Curso de Comunicação Social da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, sob a orientação do professor Newton Avelino, como requisito parcial para a obtenção do título de Bacharel em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo.; O trabalho discorre sobre a Assessoria de Comunicação da Justiça Federal do Rio Grande do Norte e sua interface com o jurisdicionado. Aborda principalmente, o papel das Assessorias dentro do Judiciário, como facilitadoras ao acesso à informação e na tradução da linguagem jurídica para o cidadão leigo, visto ser premente, o papel das Assessorias em tornar essa linguagem empolada mais simples e próxima do cidadão. A necessidade de tornar mais acessível à sociedade a linguagem utilizada em atos jurisdicionais é também uma preocupação dos magistrados, sendo assim, realizamos uma entrevista no meio jurídico, com intuito de coletarmos as impressões sobre o tema abordado. Também utilizamos como procedimentos para o desenvolvimento deste trabalho, a revisão bibliográfica sobre os assuntos: Constituição de 1988, principalmente o Título II “Dos Direitos e Garantias Fundamentais”, onde realizamos uma breve análise de alguns artigos do Capítulo I “Dos Direitos e Deveres Individuais e Coletivos”. Outros tópicos abordados foram Assessoria de Comunicação e Justiça Federal...

As relações do poder judiciário com a imprensa : a estrutura do poder judiciário : instituições da justiça federal : competência

Delgado, José Augusto
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.78%
Palestra proferida para jornalistas no Seminário sobre as Relações do Poder Judiciário promovido pelo Conselho da Justiça Federal; Discorre sobre a importância do relacionamento da imprensa com o Poder Judiciário e diz que as metas sociais não serão concretizadas se não houver esta colaboração. Aborda a estrutura do Poder Judiciário e a competência das Instituições da Justiça Federal. Sugere a modificação do currículo do Curso de Jornalismo e de Comunicação Social para se incluir uma cadeira que prepare o profissional para assuntos jurídicos. Por fim, salienta que a informação há de ser prestada de forma precisa e respeitando os direitos e garantias fundamentais do cidadão.

O STJ e seus públicos : crítica da pesquisa de avaliação institucional e comunicação 2006

Pinto, Murilo Laureano
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
PT_BR
Relevância na Pesquisa
56.05%
Trabalho de conclusão de curso apresentado como requisito para aprovação no Curso de Especialização Lato Sensu em Assessoria em Comunicação Pública, do Instituto de Educação Superior de Brasília. Orientador: Antonio Teixeira de Barros.; O presente estudo analisa as condições de validade de pesquisas de opinião e comunicação a partir do estudo de caso de contratação efetivada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) em 2006. A análise desenvolve-se a partir da contextualização da sondagem de opinião em uma perspectiva de comunicação pública, e aborda as características de contratações praticadas pela Administração Pública e suas conseqüências no processo de desenvolvimento metodológico e operacional de pesquisas de opinião. Para isso, utilizaram-se teorias de pesquisa em comunicação e de pesquisa em administração aplicadas à comunicação. Trata também da construção do conceito de comunicação e jornalismo públicos, e da tropicalização sofrida pelo primeiro em sua introdução no circuito de pesquisas comunicacionais brasileiro. Isto é feito com base em textos que demonstram a presença norte-americana nesse setor, em contraposição à tradicional abordagem eurocêntrica característica dos estudos nacionais contemporâneos. A dinâmica da opinião pública...

Portaria n. 150, de 16 de junho de 2008

Brasil. Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Legislação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.78%
Designa o titular da Secretaria de Comunicação Social como gestor do Acordo de Cooperação n. 10/2008 (Processo STJ n. 3740/2008), celebrado entre o Conselho da Justiça Federal, o Superior Tribunal de Justiça, o Supremo Tribunal Federal e os Tribunais Regionais Federais, para fins de estabelecimento de parceria no desenvolvimento do Programa de História Oral do Judiciário Federal.

Portaria n. 146 de 8 de agosto de 2012

Brasil. Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Legislação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.88%
Designa os titulares das Secretarias de Administração e Finanças, Gestão de Pessoas, Tecnologia da Informação e Comunicação, Comunicação Social e Órgãos Julgadores e os respectivos substitutos como gestores e gestores substitutos do Acordo de Cooperação Técnica, celebrado entre o Superior Tribunal de Justiça e o Conselho da Justiça Federal, STJ n. 017/2011 (Processo STJ n. 2923/2011).

Portaria SAF n. 97 de 10 de junho de 2013

Brasil. Superior Tribunal de Justiça (STJ)
Fonte: Superior Tribunal de Justiça Publicador: Superior Tribunal de Justiça
Tipo: Legislação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.79%
Designa o titular da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação como gestor do Acordo de Cooperação Técnica n. 5/2013 (Processo STJ n. 5526/2013), celebrado entre o Conselho da Justiça Federal – CJF e o Superior Tribunal de Justiça – STJ, que tem por objeto a conjugação de esforços para a implantação de site de contigência entre os órgãos partícipes, com objetivo de prover serviços tecnológicos essenciais.

Abertura [II Encontro nacional dos Assessores de Comunicação da Justiça Federal]; Abertura II Encontro nacional dos Assessores de Comunicação da Justiça Federal

Monteiro Filho, Raphael de Barros
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Discurso
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.92%
Discurso proferido quando Ministro Presidente do Superior Tribunal de Justiça.; Discurso proferido na abertura do evento, no Superior Tribunal de Justiça, em 26 de fevereiro de 2007.

Justiça, media e espaço público: a cobertura jornalística do julgamento do mensalão em Veja e Época

Araújo, Bruno Bernardo de
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
55.95%
As características do julgamento da Ação Penal 470 — designação formal para o popularmente conhecido “julgamento do mensalão” — contribuíram decisivamente para fazer dele o evento judicial mais mediatizado da história brasileira. No decorrer de quatro meses e meio, todas as sessões foram transmitidas, em direto, pela televisão. Jornais de todo o país estampavam manchetes sobre o assunto. Revistas de informação criavam capas exclusivas. Programas de rádio veiculavam reportagens especiais sobre o assunto. Imagens fortes, sobretudo, de momentos de discussões entre os juízes abriam os telejornais de maior audiência. Na internet, alguns veículos de comunicação criaram debates sobre os desdobramentos de cada fase do processo. Os principais meios de comunicação insistiram na ideia de que os brasileiros vivenciavam o “julgamento do século” e que o Brasil vivia, por isso, um momento de grande transformação. Entre agosto e dezembro de 2012, os media deslocaram o plenário do Supremo Tribunal Federal, em Brasília, para o centro da arena mediática. Refletir sobre as principais tendências da performance mediática, a partir da cobertura de dois títulos de referência no Brasil — as revistas Veja e Época — é o objetivo principal desta investigação. Para enquadrar teoricamente este estudo propomos uma abordagem interdisciplinar...

A teoria da justiça de Amartya Sen: liberdade e desenvolvimento sustentável

Zambam, Neuro José
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Tese de Doutorado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
55.86%
O ideal de justiça é o objetivo mais importante da organização social, presente nos diferentes estágios da história da humanidade. Sua fundamentação adquire maior vitalidade considerando as gritantes desigualdades que assolam as sociedades, caracterizadas pelo acelerado processo de globalização. Ao mesmo tempo, ocorre um aumento sem precedentes da produção de bens, da inovação tecnológica e da capacidade de comunicação. Essa contradição ameaça a legitimidade e a estabilidade social, política, econômica e cultural, sendo responsável, em muitas situações, pelo desequilíbrio das relações entre as pessoas e entre os países. O ordenamento social que prioriza o acesso aos bens, a maximização da liberdade individual e avalia o agir humano e a organização social pela sua utilidade é insuficiente para a equalização dos graves dilemas contemporâneos. Especificamente, as desigualdades simbolizadas na distribuição dos bens, nas limitadas formas de participação política, na utilização indiscriminada dos recursos disponíveis e na deficiência ou inexistência dos mecanismos e das instituições democráticas demonstram a fragilidade das estruturas sociais, da mesma forma que impedem as condições para a justiça. As diferenças...

Alternativas de resolução de conflitos e justiça restaurativa no Brasil; Alternativas de resolução de conflitos e justiça restaurativa no Brasil

Azevedo, Rodrigo Ghiringhelli de; Pallamolla, Raffaella da Porciuncula
Fonte: Universidade de São Paulo. Superintendência de Comunicação Social Publicador: Universidade de São Paulo. Superintendência de Comunicação Social
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/05/2014 POR
Relevância na Pesquisa
75.82%
O presente artigo discute o desenvolvimento de formas alternativas de administração de conflitos no Brasil, tendo em vista o contexto mais amplo de crise da administração da justiça e o surgimento, não apenas no contexto brasileiro, de um conjunto de mecanismos judiciais ou extrajudiciais que se utiliza de negociação, conciliação, mediação e arbitragem. Centrando a análise na chamada justiça restaurativa, cuja expansão em diversos países se deve a uma série de motivos comuns, como a crise de legitimidade do sistema penal, a busca de abordagens alternativas ao delito (ou conflito), as reivindicações das vítimas, buscou-se identificar os argumentos favoráveis e contrários a esse modelo do ponto de vista da extensão da rede de controle penal e da ampliação do acesso à justiça, bem como analisar as peculiaridades para a sua implantação no Brasil, tendo em vista as características da cultura jurídica brasileira.; This paper discusses the development of alternative forms of conflict management in Brazil, considering the broader context of the crisis of administration of justice and the emergence, not only in the Brazilian context, of a set of judicial or extrajudicial mechanisms that make use of negotiation...