Página 1 dos resultados de 993 itens digitais encontrados em 0.062 segundos

Perceção do consumidor sobre obsolescência planeada e sua influência no comportamento de compra

Correia, José Miguel Azevedo Gomes
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
96.07%
Dissertação de mestrado em Marketing e Gestão Estratégica; A obsolescência planeada consiste na limitação artificial da vida útil dos produtos, com o intuito de promover a sua substituição mais cedo do que seria expectável. Este conceito é praticado de forma reiterada por muitas empresas, as quais podem não ter consciência de que as suas repercussões no comportamento de compra dos consumidores poderão ser muito negativas. Mas será que os consumidores conhecem a realidade da obsolescência planeada? Caso se deparem com esta realidade, estarão os consumidores dispostos a punir as referidas empresas? Que repercussões terá este conceito, na prática, no comportamento de compra dos consumidores? Todas estas questões são muito delicadas e serão abordadas neste estudo em quatro níveis: (1) as repercussões da obsolescência planeada no comportamento do consumidor; (2) as questões éticas que se levantam quando se fala de obsolescência planeada; (3) a influência da obsolescência planeada na sustentabilidade ambiental; (4) a relação conturbada entre a obsolescência planeada e a inovação.; Planned obsolescence consists in artificially limiting the lifespan of products, its aim is to promote their replacement sooner than it would be expected. This concept is practiced by many companies repeatedly...

Determinantes do comportamento de compra online

Saraiva, Carlos Manuel Lisboa
Fonte: Escola Superior de Comunicação Social Publicador: Escola Superior de Comunicação Social
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /11/2012 POR
Relevância na Pesquisa
96.01%
Dissertação apresentada à Escola Superior de Comunicação Social para obtenção de grau de mestre em Publicidade e Marketing.; O objetivo principal do presente trabalho consiste na identificação de alguns dos principais preditores que levam os consumidores a realizar compras online, nomeadamente as características demográficas, as motivações e experiências de compra online, as crenças normativas e as perceções de risco e de benefícios associados à compra através da Internet. Para o efeito, optou-se por um método quantitativo tendo-se, para o efeito, elaborado um questionário que foi aplicado a uma amostra de 343 consumidores. As análises efetuadas permitiram concluir que existe influencia entre o género e a frequência e montante gasto online, bem como entre o nível de escolaridade e rendimento e o montante gasto online. Concluiu-se também que os amigos e os familiares são os referentes que mais influência exercem nas compras online e que a satisfação online influencia positivamente as compras online. Por último, registaram-se também diferenças nos produtos comprados online entre cada um dos géneros, bem como na perceção de risco associados à Internet.

Determinantes do comportamento de compra verde em Portugal

Ferreira, Rodrigo César Parreira
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /11/2013 POR
Relevância na Pesquisa
106.19%
Apesar do avanço tecnológico, uma grande maioria dos consumidores contínua a utilizar excessivamente os recursos naturais não renováveis do planeta, resultado de um consumo exagerado e inconsciente. Atualmente, os consumidores possuem mais informação sobre as questões ambientais e, alguns, refletem esse conhecimento nas suas decisões de compra. Com a crescente preocupação e atenção, quer por parte da população, quer por parte das organizações governamentais e empresas, para com o meio ambiente e a sua preservação, as questões ecológicas têm cada vez mais importância nas estratégias das empresas. Na presente investigação é analisado o comportamento de compra verde com a utilização das variáveis sociodemográficas (género, idade, número de filhos, rendimento e habilitações literárias) e psicográficas (conhecimento ecológico, coletivismo e individualismo), indo ao encontro do objetivo geral de investigação que visa compreender qual a relevância destas variáveis face ao comportamento de compra verde. O estudo desenvolvido é operacionalizado por via de um método quantitativo, através da utilização de um inquérito por questionário com base nas escalas do conhecimento ecológico (Laroche et al....

A influência da marca Nespresso no comportamento de compra da máquina e cápsulas de café

Carrêlo, Mariana Varela Pinto
Fonte: Escola Superior de Comunicação Social Publicador: Escola Superior de Comunicação Social
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 14/11/2014 POR
Relevância na Pesquisa
106.01%
Dissertação apresentada à Escola Superior de Comunicação Social como parte dos requisitos para obtenção de grau de mestre em Publicidade e Marketing.; O café é uma das bebidas mais consumidas em Portugal. O aparecimento das máquinas de café em cápsula, nomeadamente a marca Nespresso, veio reinventar o consumo de café no lar. A presente dissertação pretende perceber ”qual a influência da marca Nespresso no comportamento de compra da máquina e cápsulas de café.” Esta investigação não só visa demonstrar que o comportamento do consumidor e as suas motivações estão diretamente ligados à influência da marca, como também demonstrar às organizações as mais-valias de uma estratégia baseada no consumidor e nas suas necessidades, de modo a desenvolver produtos ou serviços que despertarão o interesse deste e que criam valor de mercado.; Coffee is one of the most consumed beverages in Portugal. The appearance of capsule coffee machines, like the Nespresso brand, came to reinvent coffee consumption at home. This thesis aims to realize "what’s the influence of Nespresso brand in the purchase behavior of the machine and coffee capsules." This research not only aims to demonstrate that consumer behavior and motivations are directly linked to the influence of the brand...

A influência dos fatores que determinam o comportamento do consumidor de medicamentos de marca vs medicamentos genéricos

Charme, Carolina Amélia de Andrade Pereira
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 POR
Relevância na Pesquisa
96.1%
Mestrado em Gestão e Estratégia Industrial; Este estudo analisa o comportamento de compra do consumidor de medicamentos não sujeitos a receita médica no mercado português. O principal objectivo deste trabalho consiste na explicação da influência dos factores do Modelo “Estímulo-Resposta” desenvolvido por Kotler, no comportamento do consumidor de medicamentos genéricos e no comportamento do consumidor de medicamentos de marca. Na literatura, este tema já foi explorado sob diferentes perspectivas, utilizando os factores referidos na influência dos medicamentos não sujeitos a receita médica. Contudo, este estudo confronta a influência de cada um dos factores nos dois tipos de consumidores (marca e genéricos). O comportamento de compra do consumidor foi estudado quantitativamente através da construção de um inquérito como forma de recolha de dados e caracterização do perfil sócio-demográfico dos diferentes tipos de consumidor. A afectação de cada factor nos dois tipos de consumidor foi avaliada através da elaboração de testes estatísticos. Os resultados indicaram que o factor produto e o factor psicológico influenciam mais o consumidor de medicamentos de marca do que o consumidor de medicamentos genéricos. Com um resultado inverso...

Influência do ambiente de compra: estudo comparativo entre lojas físicas e online. Projecto-empresa: Continente Online

Pedro, Inês Delgado
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
96.05%
Mestrado em Marketing Management; Com o comércio electrónico a ganhar destaque, surge a necessidade de repensar a influência do ambiente da loja no comportamento de compra e adequar as técnicas tradicionais de organização do espaço, que desempenham um papel marcante nas decisões dos consumidores. A par de um consumidor mais exigente e informado, esta necessidade deve acompanhar a evolução do mercado e oferecer aos clientes uma proposta de valor mais apropriada. Paralelamente, uma conjuntura competitiva exige formas de diferenciação que conquistem os clientes. No mercado dos bens de consumo, esta capacidade de diferenciação é muitas vezes reduzida, pelo que o despertar das emoções no momento da compra é encarado como um forte aliado. Associando esta ideia ao comércio electrónico, o mesmo deve ser trabalhado no sentido de diminuir a racionalidade subjacente à compra online. Este projecto procura compreender a especificidade do meio online enquanto mediador de compra, utilizando para tal o caso do Continente Online. Numa óptica comparativa entre loja tradicional e loja online, foi realizado um inquérito a 391 pessoas, das quais 83 são utilizadoras de supermercados online. Estas últimas compararam os seus comportamentos e preferências em cada tipo de loja. Concluiu-se que o meio de compra influencia a aquisição de produtos...

Comportamento de compra dos consumidores de frutas, legumes e verduras na região central do Rio Grande do Sul

Souza,Renato Santos de; Arbage,Alessandro Porporatti; Neumann,Pedro Selvino; Froehlich,José Marcos; Diesel,Vivien; Silveira,Paulo Roberto; Silva,Alexandre da; Corazza,Cristiano; Baumhardt,Edner; Lisboa,Rodrigo da Silva
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2008 PT
Relevância na Pesquisa
106.01%
O objetivo deste artigo é identificar as preferências dos consumidores de frutas, legumes e verduras (FLV) em termos de estabelecimentos de varejo por eles escolhidos, hábitos de consumo e principais critérios considerados em suas decisões de compra. Do ponto de vista metodológico, a pesquisa conduzida trata-se de um survey (levantamento), realizado em 11 municípios da região central do Rio Grande do Sul. Foram entrevistados 266 consumidores acima de 18 anos, que compuseram uma amostra sistemática e estratificada por região, sexo, idade e renda. Concluiu-se que a maioria dos consumidores adquire os produtos em supermercados ou hipermercados, sendo que a freqüência de compra de maior incidência identificada foi entre duas e três vezes por semana. Para a escolha do estabelecimento a ser utilizado, os consumidores levam em conta, preferencialmente, qualidade, variedade de produto e a agilidade no check-out. Este resultado indica a importância primordial de dois aspectos quando da escolha de FLV, do ponto de vista dos consumidores: qualidade de produto e tempo dedicado para a compra. Da mesma forma, os dados indicam que, dos cinco principais aspectos considerados pelos consumidores para a escolha de FLV, quatro referem-se à qualidade (aparência...

Fatores de influência no comportamento de compra de alimentos por crianças

Veiga Neto,Alipio Ramos; Melo,Larissa Grace Nogueira Serafim de
Fonte: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública. Publicador: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo.; Associação Paulista de Saúde Pública.
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
96.08%
A escolha alimentar nas sociedades contemporâneas passa, inevitavelmente, pelo comércio, pois o alimento constitui-se mercadoria que é consumida, assim como tantos outros bens e serviços. Atualmente muitas crianças já definem sozinhas suas escolhas alimentares, provocando a atenção tanto de empresas como de organizações preocupadas com sua nutrição. Utilizando o modelo BPM (Behavioral Perpective Model), criado por Foxall (2010), fundamentado na psicologia do consumidor e estruturado na tríplice contingência de Skinner, analisaram-se os fatores que influenciam crianças em seu comportamento de compra de alimentos. Tendo como sujeitos 175 alunos com idades compreendidas entre 10 e 12 anos, identificaram-se 35 variáveis que foram classificadas entre estímulos antecedentes (cenário ou histórico de aprendizado) e consequentes (reforço utilitário ou informativo) no comportamento de compra. Verificou-se que os estímulos reforçadores (consequentes) têm maior grau de importância para a decisão de compra de alimentos desses sujeitos do que os estímulos antecedentes, sendo que as consequências utilitárias são mais influentes do que as informativas. Conclui-se que os atributos dos produtos, como sabor e qualidade, têm maior influência na decisão de compra do que os estímulos ambientais...

Factores condicionantes da inovatividade no comportamento de compra na Internet

Ferreira,Fernando Colmenero; Serra,Elisabete Magalhães
Fonte: TECSI Laboratório de Tecnologia e Sistemas de Informação - FEA/USP Publicador: TECSI Laboratório de Tecnologia e Sistemas de Informação - FEA/USP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2004 PT
Relevância na Pesquisa
95.98%
As diversas estimativas sobre o comércio electrónico e as suas implicações, entusiasmam tanto as empresas como os consumidores. Contudo, mais importante que a quantificação do fenómeno, é a compreensão deste em si mesmo, visto a Internet poder assumir-se como uma ferramenta empresarial com repercussões positivas nos negócios que actualmente se desenvolvem, bem como um mercado potencial onde se podem realizar transacções. Neste estudo, procura-se identificar os factores mais relevantes na configuração e apresentação da oferta cujos impactos permitem desencadear uma determinada decisão de compra, bem como, verificar a relação entre o grau de entretenimento, agradabilidade/facilidade de uso e implicação /envolvimento com a informação de cada Website e a adopção de comportamentos de compra inovadores.

Comportamento de compra de clientes no comércio eletrônico : um estudo sobre as suas percepções de compra nos ambientes comerciais online

Azevedo, Alexandre Cabral de; Gomes, Zoser Luiz Moraes
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
95.97%
Apresenta uma análise do comportamento de compra dos consumidores londrinenses que adquirem produtos por meio da internet.

Análise do Comportamento de Compra dos Empresários Lotéricos da CAIXA: uma investigação na rede de franquias da região metropolitana do Recife

Fossá, Mércia Maria Carvalho de Alencastro
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
PT_BR
Relevância na Pesquisa
96.07%
Essa dissertação aborda o comportamento do franqueado no processo de decisão de compra de uma franquia, considerando-a como um produto, buscando identificar as motivações e as variáveis que influenciam o processo de decisão de compra de uma franquia. A natureza do estudo é exploratória/descritiva, onde abordagens de pesquisas qualitativa e quantitativa foram empregadas para a operacionalização dos objetivos. Inicialmente revisou-se a literatura sobre o franchising e o processo de decisão de compra, considerando a abordagem da franquia como produto. Para ter uma visão do processo de compra por parte do franqueado, entrevistas pessoais foram realizadas na fase qualitativa, junto a uma amostra de 15 franqueados. Para a etapa quantitativa, realizou-se um survey junto a uma amostra composta de 66 franqueados da região metropolitana do Recife. Com a aplicação de técnicas estatísticas multivariadas, identificou-se que nesse estudo as principais dimensões relacionadas ao processo de decisão de compra de uma franquia foram: Preço e Marca ; Realização e Segurança

Comportamento de compra por impulso em shopping centers: pesquisa com consumidores de Brasília-DF e Natal-RN

Ramos, Anatália Saraiva Martins; Araújo, Gustavo Porpino de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
106.02%
ARAUJO, G. P. ; RAMOS, A. S. M. . Comportamento de Compra por Impulso em Shopping Centers: pesquisa com Consumidores de Brasília-DF e Natal-RN. REAd. Revista Eletrônica de Administração (Porto Alegre. Online) , v. 16, p. 343-364, 2010.

O mercado maduro nas cidades de Uberlândia e Uberaba: uma contribuição ao estudo da segmentação de mercado

Melo, Daniela de Castro
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
96.06%
O mundo passa hoje pela maior revolução demográfica de sua história. Em um grande número de países, a proporção de consumidores mais idosos cresce a um ritmo jamais visto no passado. O envelhecimento é fruto do aumento da expectativa de vida e da queda na taxa de natalidade: a combinação desses dois fenômenos está produzindo um planeta grisalho. Aprender a lidar com este fato é um dos grandes desafios nas décadas que vêm pela frente, pois o mercado maduro vem atraindo a atenção de pesquisadores e de homens de negócios em todo o mundo por conta da crescente importância que vem assumindo como grupo consumidor. Uma das mais fortes características desse grupo é sua heterogeneidade, o que faz supor a existência de diversos subgrupos de importância para marketing. Assim, o presente trabalho adota a segmentação segundo perfis de estilos de vida, comportamentos de compra e características demográficas para subdividir o mercado dos consumidores com mais de 49 anos de idade residentes nas cidades de Uberlândia e Uberaba - MG. Com uma abordagem quantitativa, foram utilizadas técnicas estatísticas multivariadas para analisar os dados levantados junto a uma amostra desses consumidores. A Análise Fatorial foi utilizada para identificar as variáveis mais representativas do comportamento de compra e estilo de vida dos consumidores maduros. Posteriormente...

Atitudes em relação à saúde e o comportamento de compra de produtos orgânicos entre funcionários e alunos de uma instituição pública de ensino superior de São Paulo/SP; Attitudes to health and the buying behavior of organic products in students and staff of a public institution of higher education in São Paulo / SP

Segri, Gabriela Salvatte de Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/10/2015 PT
Relevância na Pesquisa
96.03%
Introdução. A preocupação com saúde e o interesse por uma alimentação saudável com alimentos ricos em vitaminas e minerais, mais naturais, menos processados e sem resíduos tóxicos é uma realidade. O motivo pelo qual os indivíduos escolhem seus alimentos e como fazem estas escolhas é uma etapa importante na realização de orientações dietéticas adequadas, pois diversos fatores como atitude, hábito, valores, crenças e normas sociais afetam a maneira como os consumidores vivem, compram e consomem. Objetivo. Estudar o interesse em relação à saúde e comportamento de compra de produtos orgânicos entre funcionários e alunos da Faculdade de Saúde Pública/USP. Métodos. Um total de 221 voluntários responderam o questionário composto pela Escala de Atitude em Relação à Saúde (HTAS), perguntas sobre comportamento do consumidor e aspectos sociodemográficos. Realizou-se a análise descritiva dos dados, bem como testes de associação pelo qui-quadrado de Pearson, teste de Kruskal-Wallis para verificar diferenças entre distribuições e análise fatorial exploratória com rotação Varimax para identificação dos fatores de influência de compra de orgânicos. Resultados. A subescala de Interesse em Saúde Geral apresentou a maior média (5...

O consumidor verde: perfil e comportamento de compra

Afonso, Ana Carolina Baptista
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /02/2010 POR
Relevância na Pesquisa
106.2%
Mestrado em Marketing; Como resultado da crescente preocupação com o ambiente a que se tem assistido, muitos consumidores têm vindo a questionar-se sobre os produtos que compram e a quem compram, levando a uma mudança de atitude e tendências ao nível do marketing. O tema desta investigação incide sobre uma área específica do marketing, denominada de marketing verde, mais concretamente, sobre as implicações que este conceito tem vindo a ter no comportamento do consumidor. Na presente investigação é analisado o perfil e comportamento do consumidor verde com recurso a variáveis socio-demográficas (sexo, idade, rendimento, habilitações literárias) e psicográficas (preocupação ambiental, eficácia percebida, altruísmo, liberalismo). O objectivo é percebermos qual a relevância destas variáveis para explicar o comportamento do consumidor ecologicamente consciente. É também alvo desta investigação o estudo do comportamento de compra do consumidor verde, com enfoque na intenção de compra de produtos verdes e na sua compra efectiva. O estudo desenvolvido é operacionalizado com recurso à aplicação de um questionário com base naquele que foi utilizado na investigação de Straughan e Roberts (1999) e com os tópicos relativos à medição da intenção-comportamento de compra utilizado por Chan (2001). O questionário foi aplicado a uma amostra de conveniência e dá lugar a uma análise quantitativa dos dados recolhidos. Os resultados demonstram que as variáveis psicográficas são mais relevantes do que as socio-demográficas para explicar o comportamento do consumidor ecologicamente consciente...

O Comportamento de consumo de Vinho do Porto dos portugueses – recomendações para o aumento da procura interna

Barros, Rita Isabel Morais
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
95.82%
Dissertação de Mestrado apresentada ao Instituto de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Marketing Digital, sob orientação de Doutor António Correia de Barros; O Vinho do Porto é um elemento-chave que define a cultura portuguesa projetando-a a nível internacional. Este vinho licoroso, de aromas intensos, está pensado para a exportação; contudo, sendo produzido na Região Demarcada do Douro, em Portugal, merece um lugar de destaque no panorama nacional. Este estudo visa perceber o comportamento de consumo do consumidor português de Vinho do Porto, bem como os fatores influenciadores da frequência de consumo deste vinho. Pretende-se ainda sugerir recomendações para o aumento da procura interna do produto. Realizou-se uma revisão bibliográfica do sector de Vinho do Porto em Portugal e do consumidor português deste vinho. Posteriormente realizou-se uma entrevista exploratória que clarificou a questão de investigação e ajudou à idealização das hipóteses de investigação. Seguidamente, lançaram-se questionários online e presenciais à população portuguesa residente em Portugal Continental e Arquipélagos, com idade igual ou superior a 16 anos. Este estudo concluiu que o consumidor português de Vinho do Porto é do sexo feminino e jovem...

O Endorsement de desportistas influencia o comportamento de compra da Geração Y?

Henriques, Pedro Germano Santos Martins
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
106.16%
Mestrado em Marketing; O endorsement de celebridades desportivas constitui para diversas marcas de renome, uma percentagem significativa de investimento de comunicação. Estas procuram obter diversos benefícios, tais como o aumento do reconhecimento do produto e marca. Este estudo incide na forma como os consumidores da geração Y, avaliam a influência do endorsement de celebridades desportivas no seu comportamento de compra. Explora também os elementos fundamentais que a celebridade deverá possuir num processo de endorsement, realça a importância de existir congruência entre a figura desportiva com a marca ou produto e introduz as quatro fases do processo de compra de um produto. Para o estudo recorreu-se a uma metodologia quantitativa, com recurso a uma técnica de amostragem não probabilística, em que se recolheu um total de 220 questionários válidos a partir da base de dados de alunos do Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG). Através de uma análise multivariada os resultados obtidos confirmaram que todos os elementos fundamentais para o sucesso da celebridade desportiva num endorsement são percepcionados como influentes no processo de compra, com especial destaque para a característica "Respeito". Concluiu-se que...

Factores condicionantes da inovatividade no comportamento de compra na Internet; Conditionant factors of innovativeness in consumer behavior on the Internet

Ferreira, Fernando Colmenero; Serra, Elisabete Magalhães
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2004 POR
Relevância na Pesquisa
95.98%
As diversas estimativas sobre o comércio electrónico e as suas implicações, entusiasmam tanto as empresas como os consumidores. Contudo, mais importante que a quantificação do fenómeno, é a compreensão deste em si mesmo, visto a Internet poder assumir-se como uma ferramenta empresarial com repercussões positivas nos negócios que actualmente se desenvolvem, bem como um mercado potencial onde se podem realizar transacções. Neste estudo, procura-se identificar os factores mais relevantes na configuração e apresentação da oferta cujos impactos permitem desencadear uma determinada decisão de compra, bem como, verificar a relação entre o grau de entretenimento, agradabilidade/facilidade de uso e implicação /envolvimento com a informação de cada Website e a adopção de comportamentos de compra inovadores.; The several discussions about the electronic commerce and their implications encourage as much the companies as the consumers. However, more important than the quantification of the phenomenon, is the understanding of itself, as the Internet can be assumed as a business tool with positive repercussions in the businesses, as well as the potential market where transactions can be realized. In this study, we tried to identify the most relevant factors in the configuration and presentation of the offer whose impacts allow to unchain a certain purchase decision...

ASPECTOS DETERMINANTES DO CONSUMO DE PRODUTOS COSMÉTICOS VERDES

Tamashiro, Helenita Rodrigues da Silva; Silveira, José Augusto Giesbrecht da; Mantovani, Daielly Melina Nassif; Campanário, Claudia Rosa Acevedo de Abreu
Fonte: Universidade de São Paulo. Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 13/04/2014 POR
Relevância na Pesquisa
95.99%
A pesquisa tem como objetivo verificar a existência de relação entre os construtos Preocupação Ecológica (PE), Afeto Ecológico (AE) e o comportamento do consumidor de produtos cosméticos verdes. Para tanto, foram estudadas mulheres, consumidoras potenciais de cosméticos, da cidade de Ribeirão Preto – SP, totalizando uma amostra de 500 casos. Foi aplicada a técnica multivariada de análise fatorial exploratória para obter as dimensões latentes e a análise de regressão múltipla para verificar a significância das relações entre os construtos. Os resultados deixam evidências de que as variáveis, Preocupação Ecológica (PE) e Afeto Ecológico (AE) foram considerados estatisticamente significantes para explicar as variações em Comportamento de Compra de Cosméticos Ecológicos (CCCE). Os resultados deste artigo oferecem uma compreensão adicional sobre os fatores que afetam o processo de decisão de compra do consumidor.

Além do made in...: Uma análise exploratória das teorias acerca do comportamento de compra de produtos importados

Dalmoro,Marlon; Rossi,Carlos
Fonte: INDEG-IUL - ISCTE Executive Education Publicador: INDEG-IUL - ISCTE Executive Education
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
96.01%
Este artigo tem como objetivo analisar as teorias de marketing que versam sobre o comportamento de compra de produtos importados e propor uma ampliação do escopo teórico por meio de uma integração das correntes teóricas existentes. Para isto, utilizou-se uma abordagem qualitativa mediante pesquisa bibliográfica. Observa-se que as teorias acerca do comportamento do comprador de produtos importados apresentam lóci distintos, dado que alguns construtos teóricos versam sobre o país de origem e outros sobre o país receptor. O primeiro congrega a Teoria do Efeito País de Origem e o Tipo de Produto e destaca que os consumidores avaliam os produtos importados com base no país de origem destes. O segundo consiste na Teoria do Viés para o Mercado Doméstico e Consumo Etnocêntrico e expressa uma pré-disposição dos consumidores por produtos do mercado domésticos. Apresenta-se uma análise integrada, na qual a dualidade entre o país de origem e o país receptor é moderada pela distância cultural.