Página 1 dos resultados de 1 itens digitais encontrados em 0.003 segundos

Contribuição para o estudo da biologia das anémonas do género Actinia linnaeus, 1767 na costa europeia

Santos, Emília Margarida Cadeireiro dos
Fonte: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
46.24%
Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário; A presente dissertação foca -se na biologia das anémonas -do-mar do género Actinia Linnaeus 1767, um grupo com ampla heterogeneidade morfológica e biogeográfica. Embora seja bastante comum, ainda existem dúvidas acerca da sua biologia, ecologia e taxonomia. A fim de contribuir para o conhecimento da biologia deste género, começou -se por utilizar uma técnica molecular para identificar as espécies deste género presentes na Península Ibérica. Adicionalmente, determinou-se a relação genética existente entre os adultos e os pólipos incubados em anémonas deste género presentes na costa Portuguesa, de modo a averiguar o tipo de reprodução utilizada por estas anémonas. Finalmente, estudou -se a presença e frequência de comportamentos agonísticos das anémonas da espécie A. fragacea Tugwell, 1856. O primeiro estudo permitiu validar a presença de três espécies do género Actinia na Península Ibérica: A. equina (Linnaeus, 1758) , A. schmidti Monteiro, Solé -Cava & Thorpe, 1997 e A. fragacea. A relação entre adultos e pólipos por eles incubados sugere fortemente que o tipo de reprodução associada à viviparidade é assexuada. Para o estudo do comportamento em A. fragacea foram realizados 24 testes...