Página 1 dos resultados de 2 itens digitais encontrados em 0.000 segundos

Probiotic potential and sensory properties of coconut flan supplemented with Lactobacillus paracasei and Bifidobacterium lactis

CORREA, Sabrina B. M.; CASTRO, Inar A.; SAAD, Susana M. I.
Fonte: WILEY-BLACKWELL Publicador: WILEY-BLACKWELL
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
67.63%
The effect of probiotic cultures on sensory performance of coconut flan during storage at 5 degrees C and the viability of these micro organisms for up to 28 days were investigated. Sensory analyses of the product were performed after 7, 14 and 21 days of storage. Coconut flans were produced with no addition of cultures (T1, control), or supplemented with Bifidobacterium lactis (T2), Lactobacillus paracasei (T3) and B. lactis + L. paracasei (T4). Populations of L. paracasei and B. lactis as single or in co-culture remained above 7 log CFU g(-1) during the entire storage period. Viability of L. paracasei was higher for T3. All products were well accepted and no significant differences (P > 0.05) were detected between the coconut flans studied. The addition of L. paracasei and B. lactis to coconut flan resulted in its having great potential as a functional food, which has high sensory acceptability.

Desenvolvimento de manjar branco potencialmente probiótico; Development of potential probiotic coconut flan

Corrêa, Sabrina Barros de Mattos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/07/2006 PT
Relevância na Pesquisa
67.9%
A ingestão de alimentos que, além de fornecerem a nutrição, promovem a saúde, como os alimentos funcionais adicionados de probióticos, que auxiliam no equilíbrio da microbiota intestinal, é de vital importância. Em virtude do crescente interesse da indústria e da comunidade científica por novos produtos probióticos, o desenvolvimento de uma sobremesa láctea que permita a adição de probióticos, como o manjar branco, é promissor. O presente trabalho visou desenvolver um manjar branco com a adição dos microrganismos potencialmente probióticos, Lactobacillus paracasei subsp. paracasei e/ou Bifidobacterium longum, adicionados isoladamente e em co-cultura, e avaliar o comportamento dos probióticos e as características do produto ao longo do seu armazenamento refrigerado. Quatro tratamentos de manjar branco foram produzidos (com 3 repetições cada): T1 (controle - sem a adição de culturas), T2 (com Bifidobacterium longum), T3 (com Lactobacillus paracasei) e T4 (com B. longum + L. paracasei). O produto foi avaliado sensorialmente (após 7, 14 e 21 dias de armazenamento a 4±1°C, através de escala hedônica estruturada, com 24 provadores não treinados em cada período) e, durante o seu armazenamento por até 28 dias...