Página 1 dos resultados de 37252 itens digitais encontrados em 0.021 segundos

Ciências Humanas e Sociais.

Moscati, Giorgio; Velho, Gilberto Cardoso Alves
Fonte: CNPq/Coordenação Editorial; Brasília Publicador: CNPq/Coordenação Editorial; Brasília
Tipo: Parte de Livro
POR
Relevância na Pesquisa
66.07%
Este documento engloba onze subáreas, a saber: Antropologia, Artes, Arqueologia, Ciência Política, Direito, Filosofia, História, Letras, Lingüística, Psicologia e Sociologia. Por isso mesmo, há uma grande diversidade de situações, devido não só a diferentes graus de amadurecimento mas, principalmente, a partir das especificidades da natureza de cada subárea. É ponto fundamental enfatizar que, em vários aspectos, não é possível comparar as diferentes subáreas desde que expressam experiências particulares a disciplinas que têm histórias e objetos diferenciados. Não é possível nem desejável tentar enquadrá-las em um esquema de evolução unilinear em que estivessem previamente definidos patamares e etapas pelas quais todas as disciplinas tivessem que passar para chegar a um status de ciência. Assim sendo, a preocupação de estabelecer normas gerais deve ser temperada com a percepção das especificidades. A procura de homogeneização não pode se transformar em uma camisa de força que dilua a complexidade das diferentes áreas de conhecimento. É dentro desta perspectiva que deve ser encarada, por exemplo, a questão das linhas de pesquisa. A identificação e o destaque de linhas específicas pode ser um movimento simples e coerente com a natureza de certas subáreas. Em outras...

Análise de teses de programas interdisciplinares na UFSC: em questão as citações das teses de doutorado do Programa Interdisciplinar em Ciências Humanas no período de 2010 a 2011

Rosa, Mirian da
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 101 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.07%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação, Curso de Biblioteconomia.; Pesquisa que trata da análise de citações em teses do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas da Universidade Federal de Santa Catarina. Objetiva analisar as teses interdisciplinares em Ciências Humanas, para mapear as características da produção científica citadas nas teses do período de 2010 a 2011. Desenvolve uma pesquisa de natureza documental, descritiva e quantitativa. Realiza a análise das referências das teses, por meio da qual, obtêm dados referentes ao tipo de autoria, idioma, tipo de publicação, produtividade dos periódicos e autores mais citados. As variáveis foram analisadas sob o prisma da comunicação científica, dos estudos bibliométricos e da interdisciplinaridade. Os resultados obtidos possibilitaram identificar que a maioria dos documentos utilizados para embasar as pesquisas analisadas, foram livros (39, 76%) publicados por um autor (79,76%) e em português (68,37%), e ainda quando considerados os artigos (18,43%) publicados em revistas periódicas, a Revista Estudos Feministas obteve maior incidência de citações (6,11%). Conclui que estudos desta natureza são relevantes na medida em que os dados resultantes da análise de citação representam análise do embasamento teórico usado para o desenvolvimento das pesquisas dessa área interdisciplinar de conhecimento e possibilitam mapear as influências e...

Produtivismo e avaliação acadêmica na Saúde Coletiva brasileira: desafios para a pesquisa em Ciências Humanas e Sociais

Bosi,Maria Lúcia Magalhães
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.12%
Este artigo problematiza alguns desafios que se impõem à produção do conhecimento nas Ciências Humanas e Sociais, no campo da Saúde Coletiva, sob o atual modelo que norteia as avaliações acadêmicas no Brasil. Para tanto, o artigo focaliza o enfoque qualitativo de pesquisa em Ciências Humanas e Sociais, analisando o seu estatuto ante outras tradições que com ele disputam hegemonia no campo da Saúde Coletiva, conjugando o diálogo com a literatura, notadamente proposições relativas aos campos sociais presentes na obra de Pierre Bourdieu, com elementos concernentes à dinâmica do campo, incluindo incursões a dados empíricos. Dentre os desafios assinalados, destacam-se aqueles referentes ao impedimento de diálogos interdisciplinares e obstáculos à equidade na produção do conhecimento, baseada no reconhecimento da natureza e do lugar fundante das Ciências Humanas e Sociais no campo Saúde Coletiva. Discutem-se estratégias visando a reconfigurar a atual correlação de forças entre os núcleos de saberes da Saúde Coletiva, notadamente aquelas capazes de impactar comitês e agendas que definem a acumulação do capital simbólico e econômico no âmbito analisado.

A pulsão romântica e as ciências humanas no ocidente

Duarte,Luiz Fernando Dias
Fonte: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS Publicador: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - ANPOCS
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2004 PT
Relevância na Pesquisa
76.09%
A cultura ocidental moderna articula-se em torno da tensão entre um universalismo primordial e o seu constante contraponto romântico. O espírito científico é uma das manifestações fundamentais da disposição universalista, tendo cabido ao espírito romântico criticá-lo e modulá-lo em sentidos e direções inicialmente insuspeitados. A emergência das "ciências humanas" (originalmente concebidas sob a forma das Geisteswissenschaften ou "ciências do espírito") foi um dos resultados dessa tensão, impondo uma concepção de realidade e de conhecimento muito diferente da que tinha prevalecido na orientação universalista originária. Os temas da "diferença", da "totalidade", da "singularidade", do "fluxo", da "pulsão", da "experiência" e da "compreensão" instigaram ou desafiaram todos os grandes pais fundadores das ciências humanas - com resultados muito diversos - e continuam a operar na dinâmica do campo, seja como argumento instaurador de toda pesquisa antropológica, seja como veículo das especulações ditas "pós-modernas". O presente artigo trata da sua explicitação e esclarecimento.

Controvérsias sobre a revisão ética de pesquisas em ciências humanas e sociais pelo Sistema CEP/Conep

Barbosa,Adriana Silva; Corrales,Carlos Montero; Silbermann,Marcos
Fonte: Conselho Federal de Medicina Publicador: Conselho Federal de Medicina
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 PT
Relevância na Pesquisa
66.05%
O comitê de ética em pesquisa tem como função revisar todas as pesquisas envolvendo seres humanos realizadas no Brasil, o que tem suscitado controvérsias sobre a revisão ética de pesquisas em ciências humanas e sociais. O objetivo deste artigo é discutir as controvérsias da revisão ética de pesquisas dessas áreas no Sistema CEP/Conep. São controvérsias o biocentrismo, as melhorias pontuais da Resolução 466/2012, a emergência de um sistema paralelo de revisão ética para essas áreas ou a constituição de resolução complementar própria no Sistema CEP/Conep. Tais controvérsias relacionam-se com limitações funcionais dos comitês de ética: grande demanda de projetos, poucos comitês, limitações da Plataforma Brasil e necessidade de capacitação dos membros. O Sistema CEP/Conep deve continuar como único sistema de revisão ética em pesquisa brasileiro; mas necessita que as resoluções sejam continuamente revisadas para contemplar as especificidades das pesquisas das áreas humanas e que sejam criados mais comitês com melhor capacitação.

Critérios de validade científica nas ciências humanas.

ZAVAGLIA, T.
Fonte: Revista Educação, Santa Maria, RS. v. 33, n. 3, p. 469-480, set./dez. 2008. Publicador: Revista Educação, Santa Maria, RS. v. 33, n. 3, p. 469-480, set./dez. 2008.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.1%
Este trabalho tem como objetivo discutir o conceito de ciência e traçar um paralelo entre o objeto de pesquisa das ciências naturais e o das ciências humanas. Para isso pontua os critérios de cientificidade das ciências naturais e analisa o estatuto de cientificidade das ciências humanas, caracterizando os aspectos que os circunscrevem. Por último, pondera que o cientificismo como uma atitude intelectual de crédito total e exclusivo em uma ciência mensurável, isenta de juízos de valor e regida por regras, normas e leis, está em franco declínio, devendo ser substituída por um novo paradigma cujas bases começam a se delinear com a própria crise da ciência moderna.; 2008; Disponível também on-line.

Os conceitos fundamentais das ciências humanas e a formação do professor

MASCARENHAS, Ângela Cristina Belém; RIBEIRO, Míriam Bianca Amaral; SILVA, Simei Araújo
Fonte: Universidade Federal de Goiás Publicador: Universidade Federal de Goiás
Tipo: Artigo publicado em periódico científico
PT_BR
Relevância na Pesquisa
66.05%
v. 32, n. 1, p. 91-109, jan./jun. 2007; Este artigo discute os conceitos fundamentais das ciências humanas e a formação de professores. A discussão é baseada em pesquisa realizada pelo Grupo de Estudos e Pesquisa Educação e Ciências Humanas da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Goiás. Objetiva analisar as concepções dos professores sobre realidade social, violência, liberdade e disciplina e sobre a questão da formação do professor. A metodologia utilizada foi a pesquisa qualitativa. Redações dos professores foram instrumentos de coleta de dados. Entre as conclusões, destacamos que a maioria dos professores, ao abordar a relação entre sociedade e violência escolar, concebe-a com distanciamento, propondo soluções com base na reorganização do trabalho pedagógico e da redefinição da formação do professor. Os professores atribuem sobretudo à desestruturação familiar a causa principal da indisciplina e da violência escolar. _______________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT _______________________________________________________________________________________________________________________ In this article the basic concepts of human sciences and the teachers formation are discussed. The discussion is based on a research performed by Studies and Research on Education and Human Sciences Group of the Faculty of Education o the Federal University of Goiás – GEPECH/FE/UFG. Its purpose was to analyze the conceptions built by teaches about social reality...

A interdisciplinaridade no ensino de ciências humanas e sociais: dos limites às possibilidades; Interdisciplinarity in the humanities and social teaching: from the limits to the possibilities

Costa, Vanderlei Balbino da
Fonte: José Silvio Oliveira; brasil; UFG; RJ Publicador: José Silvio Oliveira; brasil; UFG; RJ
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
66.17%
v.11, n.1, jan./jun 2015.; The modern world, globalized, current, plural composed of an avalanche of possibilities where knowledge, systematized or not, proliferates in the various social spaces is now a reality which we can not avoid to accept. The study on interdisciplinarity in the teaching of Humanities and Social Sciences is a result of research that has been done with the Political Pedagogical Project (PPP) of some public schools in a southwestern city in Goiás. The objectives of this study were: To investigate whether the observed PPPs public schools includes the concept of interdisciplinarity in the teaching of humanities and social sciences; Analyze if the teachers of the schools surveyed have some initial and continuing education regarding interdisciplinary work in the teaching of humanities and social sciences; and know and describe the educational reasons why the teaching of humanities and social sciences and interdisciplinary actions are still little discussed in the schools. The methodology we used was the qualitative research, based on the assumptions of observation. The results led us to reflect on a vehement need to invest in initial and continuing teacher education...

New approaches to the human science teaching: the urgency in diversifying languages in the teacher labor with geography and history; Novas abordagens no ensino das Ciências Humanas: a premência de diversificar linguagens no labor docente com Geografia e História

Andrade, Adriano Bittencourt; Universidade de Brasília e Colégio Militar de Brasília; Miranda, Nadja Conceição de Jesus; Universidade Federal da Bahia e Colégio Militar de Salvador; Varino, Dalila Flora Cardoso; Colégio Militar de Salvador
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; "Avaliados por pares"; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 05/01/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.05%
The paper is in favor of the learning process as something personal and subjective and that is comes from different strategies to access of formal knowledge. It comes from the assumption that there is invariably from ways to learn an input object and the tool to be used is derived from the heterogeneous combination among the temporal-spatial context, Teaching Institution, teacher motivation and background and the student (social/economical context and individuality) thus, this article faces a nodal issue: How, in the Human Sciences, reach/ communicate with the students beyond the formal text? Considering this topic, it is searched the possibility of literacy in Human Sciences through the diversification of communication strategies; understand the different languages as tools to bring together the students daily syllabus and present methodological challenges to be used as communication tools.; http://dx.doi.org/10.5902/1984644414994O artigo defende que o aprendizado é pessoal e subjetivo derivando, por conseguinte, de estratégias diferenciadas de acesso ao saber formal. Parte do pressuposto que há, invariavelmente, uma diversidade de formas para apreender um dado objeto e o ferramental a ser utilizado será, sempre, decorrente da combinação heterogênea entre contexto espaço-temporal...

Transferencia al sector social y empresarial de las ciencias humanas y sociales: entrevista

Unidad de Comunicación y Transferencia de Tecnología, Delegación del CSIC en Cataluña; Criado-Boado, Felipe
Fonte: Consejo Superior de Investigaciones Científicas (España) Publicador: Consejo Superior de Investigaciones Científicas (España)
Tipo: Artículo Formato: 39864 bytes; application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
66.05%
Entrevista a Felipe Criado Boado, coordinador del área de Ciencias humanas y Sociales del CSIC, sobre las posibilidades de transferencia de conocimiento al ámbito empresarial desde las Ciencias humanas y sociales.; Peer reviewed

O marxismo e a "fundamentação das ciências humanas"

Muñoz, Alberto Alonso
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 09/08/1993 POR
Relevância na Pesquisa
86.05%
Investigando o projeto merleau-pontiano de fundamentação das ciências humanas, notadamente a sociologia e a antropologia, este artigo procura compreender as críticas de Merleau-Ponty à ontologia marxista (de forma genérica) em Les Aventures de la Dialectique, ressaltando a impossibilidade de descrição, desse ponto de vista, das características ontológicas dos fenômenos históricos nos termos de uma totalização dialética da história.

Reflexões sobre a implementação da Lei nº 10.639/03: a educação das relações étnico-raciais na área das Ciências Humanas; Reflexões sobre a implementação da Lei nº 10.639/03: a educação das relações étnico-raciais na área das Ciências Humanas

Santana, Jacimara Souza
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 06/07/2012 POR
Relevância na Pesquisa
66.05%
A formação de professoras/es tem sido um dos grandes desafios enfrentados para a implementação da Lei nº 10.639/03. Uma das dificuldades notadas nesse processo tem sido o desespero de profissionais quanto à aplicação, em sua prática de ensino, dos conhecimentos adquiridos em formações. Este artigo propõe algumas reflexões sobre a educação das relações étnico-raciais na área de Ciências Humanas. Com esta reflexão, não pretendo apresentar “receitas”, mas fomentar uma discussão ampliada sobre o assunto, a partir de alguns eventos próprios do cotidiano escolar, o qual oferece variadas possibilidades temáticas possíveis de serem abordadas em diferentes disciplinas desta área.; The teachers training has been one of the major challenges for implementation of Law 10.639/03. One of the difficulties noted in this process is the desperation of teacher to apply, in their teaching practice, the knowledge they acquired in training. This article proposes some reflections about education of ethnic and racial relations in Humanities. These reflections does not intend to bring “prescriptions”, but to promote an expanded discussion about the subject, from some daily school events themselves, offering many different thematic options which may be studied in many different disciplines in this area.

Eurípedes Simões de Paula (1910-1977)

Theodoro, Janice
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/2009 POR
Relevância na Pesquisa
66.1%
O tema central do artigo é a atuação do professor Eurípedes Simões de Paula, estudada a partir dos seus textos e dos documentos arquivados no Centro de Documentação Histórica da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. O professor Eurípedes foi responsável pela implantação de um projeto de raiz humanista, que concebia a Universidade de São Paulo como núcleo formador do homem, agente responsável pela conformação e manutenção da crítica na vida político-social brasileira. O seu engajamento político, na esfera nacional e internacional, expressou-se por meio do exercício da sua profissão de professor e de pesquisador, publicando artigos, organizando associações e ensinando seus alunos a viver o conhecimento. O artigo, lastreado por uma série de citações retiradas dos escritos do professor Eurípedes, trata a memória como uma construção marcada pelo tempo, pelas lembranças e esquecimentos, processados tanto em âmbito individual como social.; The central theme of this article is the performance of Professor Eurípedes Simões de Paula seen through his texts and the documents archived at the Centro de Documentação Histórica da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas at the Universidade de São Paulo. Professor Eurípedes was responsible for setting up a humanist driven project which saw the Universidade de São Paulo as a centre engaged in building up people who would be responsible for the creation and management of critique regarding Brazilian socio-political life. Eurípedes' political commitment...

O prof. dr. Eurípedes Simões de Paula, o Centro de Apoio à Pesquisa em História - CAPH e a memória da FFCL-FFLCH/USP: trajetória e possibilidades

Mirra, Elisabeth Conceta
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, D. História
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/06/2009 POR
Relevância na Pesquisa
66.15%
Para homenagear o professor e doutor Eurípedes Simões de Paula, o Cento de Apoio à Pesquisa em História (CAPH), um de seus ideais concretizado, realizou uma sessão solene no dia 21 de novembro de 2007, recriou em suas dependências dois ambientes com objetos e documentos doados pela família do professor e apresentou o inventário de seu arquivo pessoal. Complementando esta homenagem, historiamos o CAPH dentro do contexto em que foi idealizado - guardião da "memória nacional" - até a atualidade, quando se transformou no guardião da "memória institucional" da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCL) e da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FLCH) da Universidade de São Paulo, ao custodiar sua produção científica (teses e monografias) e os arquivos pessoais de alguns dos docentes desta Instituição, como o arquivo do homenageado; The Centro de Apoio à Pesquisa em História (CAPH), brainchild of professor EurípedesSimões de Paula, made a special session on November 21st 2007 to honour its creator and recreated (inside its own building) two spaces with objects and documents donated by professor de Paula's family. The centre also displayed an inventory of his personal archive. With the intention to complement this honour...

O cadastro dos saberes: figuras do conhecimento e apreensão do real; The register of knowledge: figures of knowledge and grasping the real

Imbert, Claude
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2006 POR
Relevância na Pesquisa
66.08%
O estudo de caso é hoje um referencial privilegiado para as ciências sociais. Redesenha-se toda uma epistemologia, da qual a primeira característica é configurar um conjunto de acontecimentos sem temor de aplicar-lhe uma diversidade de disciplinas razoavelmente complementares e fecundas. Trata-se de um saber empírico que não procede por saturação documental, mais interessado na justeza de sua abordagem do que na decisão. Resultante de modelizações diferentes, ele dará seu lugar à dimensão jurídica sob o efeito da qual as atividades humanas adquirem, às vezes, sua forma final, mas ter-se-á renunciado a uma convergência de índices em direção a um abrigo no qual se unificaria o sentido dos comportamentos humanos. Eis por que devemos libertar-nos de alguns hábitos epistemológicos implicados no vocabulário jurídico, ou casuístico, do caso. Daí o esboço de uma história epistemológica no curso da qual, a partir do galileanismo civil, as atividades humanas adquiriram uma visibilidade específica e uma representação delas mesmas. Após o Iluminismo, a história foi a do lento divórcio entre o juízo da experiência, herdeiro das fenomenologias naturalistas, e esse novo saber. A ruptura se fez ao umbral da antropologia. Tratava-se então de compor um processo de objetivização dos comportamentos com a subjetivização daquilo que lhes confere inteligência e normatividade...

A psicanálise freudiana e a dualidade entre ciências naturais e ciências humanas

Simanke, Richard Theisen
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2009 POR
Relevância na Pesquisa
86.1%
Este artigo discute a tomada de posição freudiana em favor de uma epistemologia naturalista. Ele procura circunscrever a especificidade do naturalismo psicológico que Freud reivindica e, a seguir, avaliar em que medida a epistemologia freudiana pode fornecer um modelo para o questionamento da dualidade que opõe as ciências naturais às ciências humanas.; This paper discusses Freud's standing in favor of a naturalist epistemology. It seeks to circumscribe the specificity of the psychological naturalism claimed by him and, next, to evaluate the extent of Freudian epistemology as a model for challenging the duality which opposes natural and human sciences.

Pesquisar em Educação Física a partir das perspectivas das Ciências Humanas: enfrentando desafios

Mendes, Maria Isabel Brandão de Souza
Fonte: LICERE - Revista do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Estudos do Lazer Publicador: LICERE - Revista do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Estudos do Lazer
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 20/03/2013 POR
Relevância na Pesquisa
66.05%
RESUMO: O objetivo desse estudo foi tecer uma reflexão sobre a pluralidade epistemológica da Educação Física, no sentido de apontar alguns elementos que possam contribuir com o reconhecimento da não hierarquização de saberes e a superação da desvalorização de se pesquisar em Educação Física a partir das perspectivas das ciências humanas. A partir da análise de alguns estudos que dão visibilidade a pluralidade de saberes da Educação Física brasileira, destaco a necessidade de se respeitar as diferentes lógicas de produção do conhecimento na Educação Física brasileira, no sentido de contribuir com a superação da desvalorização de se pesquisar em Educação Física a partir das perspectivas das ciências humanas.SEARCH IN PHYSICAL EDUCATION FROM THE PERSPECTIVE OF HUMANITIES: FACING CHALLENGESABSTRACT: The aim of this study was to weave a reflection about the epistemological plurality of physical education, to point out some elements that may contribute to the recognition of non-hierarchical knowledge and overcoming the devaluation of research in physical education from the perspective of the humanities. From the analysis of some studies that give visibility of the plurality of knowledgeBrazilian Physical Education...

Diagnostical and statistical manual of mental disorders- fifth edition- dsm-5, statistics and human sciences: inflections on normalization and standartization; Manual diagnóstico y estadístico de los trastornos mentales – dsm-5, estadísticas y ciencias humanas: inflexiones sobre normalización y normatización; Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais - DSM-5, estatísticas e ciências humanas: inflexões sobre normalizações e normatizações

Sena, Tito; Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, SC
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Pesquisa Histórica; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.14%
http://dx.doi.org/10.5007/1807-1384.2014v11n2p96The edition of the Diagnostical and Statistical Manual of Mental Disorders – Fifth Edition- DSM-5 in 2013 remains on the controversy about psychiatric diagnoses. The field of psychiatry, historically at odds with psychology and psychoanalysis (as the form evaluation and therapeutic), continues to sustain a classificatory (taxonomic) quadrate practice, based on characteristics and diagnostic criteria of disturbances or verified disorders, mostly empirically. The use of statistical tools in the human sciences is questionable, and what is intended in this article is to point the guise of quantitative criteria in qualitative criteria and, by extension, the common discursive practice of confusing descriptions with appreciations, the latter with evaluative and normative judgments. A circle is closed: the frequencies (statistics) define the normalities (axiological) and these are sustained in frequencies. In this context, the elaborations of Canguilhem, Ewald, Foucault and Goffman were essential to the articulation of critical theoretical arguments.; http://dx.doi.org/10.5007/1807-1384.2014v11n2p96La edición del Manual Diagnóstico y de los Trastornos Mentales - DSM-5 del año 2013 mantiene la controversia sobre los diagnósticos psiquiátricos. El campo de la psiquiatría...

A crítica da razão nas ciências humanas e naturais na obra “O Eclipse da Razão” de Max Horkheimer.

Rodrigues, Eli Vagner
Fonte: Aufklärung: revista de filosofia; Aufklärung Publicador: Aufklärung: revista de filosofia; Aufklärung
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/xml; application/pdf
Publicado em 16/09/2015 POR
Relevância na Pesquisa
66.07%
O artigo analisa a crítica de Max Horkheimer ao conceito de razão relacionada às ciências humanas e naturais na forma como foi estabelecida enquanto instância reguladora na história da ciência e da filosofia no ocidente. A tese central de Horkheimer é a de que existe uma diferença fundamental entre a teoria segundo a qual a razão é um princípio inerente da realidade, e a doutrina segundo a qual a razão é uma faculdade subjetiva da mente. Analisa-se a forma como Horkheimer tenta demonstrar que a perspectiva racional imanente levou a concepções dogmáticas em algumas disciplinas das ciências humanas e como a perspectiva positivista conduz a alguns problemas epistemológicos relacionados à forma como se concebe a relação entre ciência e verdade. Conclui-se com a crítica de Horkheimer à possibilidade, aberta pela visão positivista, do uso da ciência, ou do discurso cientificista, como instrumento de domínio político na sociedade contemporânea.

Produtivismo e avaliação acadêmica na Saúde Coletiva brasileira: desafios para a pesquisa em Ciências Humanas e Sociais

Bosi,Maria Lúcia Magalhães
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.12%
Este artigo problematiza alguns desafios que se impõem à produção do conhecimento nas Ciências Humanas e Sociais, no campo da Saúde Coletiva, sob o atual modelo que norteia as avaliações acadêmicas no Brasil. Para tanto, o artigo focaliza o enfoque qualitativo de pesquisa em Ciências Humanas e Sociais, analisando o seu estatuto ante outras tradições que com ele disputam hegemonia no campo da Saúde Coletiva, conjugando o diálogo com a literatura, notadamente proposições relativas aos campos sociais presentes na obra de Pierre Bourdieu, com elementos concernentes à dinâmica do campo, incluindo incursões a dados empíricos. Dentre os desafios assinalados, destacam-se aqueles referentes ao impedimento de diálogos interdisciplinares e obstáculos à equidade na produção do conhecimento, baseada no reconhecimento da natureza e do lugar fundante das Ciências Humanas e Sociais no campo Saúde Coletiva. Discutem-se estratégias visando a reconfigurar a atual correlação de forças entre os núcleos de saberes da Saúde Coletiva, notadamente aquelas capazes de impactar comitês e agendas que definem a acumulação do capital simbólico e econômico no âmbito analisado.