Página 1 dos resultados de 1119 itens digitais encontrados em 0.119 segundos

O Programa Pesquisa para o Sus: gestão compartilhada em saúde - PPSUS como ferramenta de descentralização do fomento à pesquisa em saúde; The Research Programme for the SUS: shared health management - PPSUS decentralization as a tool to promote research in health.

Peters, Lilian Rose
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/04/2013 PT
Relevância na Pesquisa
115.84%
INTRODUÇÃO: O Brasil adentrou o século 21, caracterizado como o século da Ciência e Tecnologia - C&T, buscando discutir, identificar e implantar mecanismos de construção de uma sociedade onde o conhecimento seja o propulsor de conquistas sociais, econômicas e culturais. Tinha pela frente a tarefa de confrontar desafios que se apresentavam no cenário do sistema nacional de C&T, como a fragmentação das atividades de C&T, a ausência de coordenação interinstitucional e a concentração das atividades de C&T em determinadas regiões do país. OBJETIVO: Este estudo se propôs analisar uma das principais estratégias do recém-criado Departamento de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde para o enfrentamento a estes desafios, desenvolvido, entre os anos 2002 e 2008 por meio do Programa Pesquisa para o SUS: gestão compartilhada em saúde PPSUS. MÉTODO: Trata-se de um estudo exploratório e descritivo, desenvolvido por meio de recursos dos métodos quantitativo de pesquisa e com suporte de instrumentos multivariados de coleta de dados: pesquisa bibliográfica e pesquisa documental. No tocante aos dados, foram coletados dados sobre o conjunto de projetos de pesquisa em ciência e tecnologia em saúde, fomentados no país no período de 2002 a 2008 e financiados pelo Ministério da Saúde...

Defining and implementing a national policy for science, technology, and innovation in health : lessons from the Brazilian experience; Definição e implementação de uma Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde : lições a partir da experiência brasileira

Guimarães, Reinaldo; Santos, Leonor Maria Pacheco; Angulo-Tuesta, Antonia; Serruya, Suzanne Jacob
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
125.86%
The need for clearly-defined health research policies and priorities has been emphasized in the international scenario. In Brazil, this process began in 2003, when a group appointed by the National Health Council proposed 20 sub-agendas to account for the various health research specificities. The second step was to identify research priorities for each sub-agenda during national seminars involving 510 researchers and policymakers. The 2nd National Conference on Science, Technology, and Innovation in Health was held in July 2004. During the preparatory phase, 307 cities and 24 States organized local conferences, involving 15,000 participants. Some 360 health sector delegates were appointed during the local conferences, in addition to those from the education and science and technology sectors. During the Conference, the national policy was approved and 3 other sub-agendas were introduced and approved. The national policy and the priority agenda are currently guiding investments by the Ministry of Health for research and development, and to a certain extent those from the Ministry of Science and Technology as well. From 2003 to 2005, 24 calls for proposals were launched; as a result, 3,962 research projects were submitted and 1,300 financed. __________________________________________________________________________________ RESUMO; A necessidade de estabelecer uma política de ciência e tecnologia em saúde e prioridades de pesquisa em saúde foi destacada no cenário internacional. No Brasil...

Análise da implementação do projeto de gestão da informação e da comunicação em ciência e tecnologia em saúde : lógicos, para a tomada de decisão dos gestores do Sistema Único de Saúde

Costa, Fabiana Carneiro de Araujo
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
115.82%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva, 2013.; Trata-se de pesquisa de abordagem qualitativa que tem por objetivo identificar a ocorrência da recepção e mediação do conhecimento científico na implementação do projeto de Gestão da Informação e da Comunicação em Ciência e Tecnologia em Saúde – LOGICOS no processo de tomada de decisão dos gestores do Sistema Único de Saúde (SUS). A pesquisa teve como motivação a possibilidade de ampliar e potencializar as ações de comunicação em saúde para a gestão do SUS vinculadas às pesquisas fomentadas pelo Departamento de Ciência e Tecnologia, da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde do Ministério da Saúde (Decit/SCTIE/MS). O material empírico deste trabalho constitui-se de base secundária oriunda das atividades de produção de conteúdos do LOGICOS no período de março a novembro de 2012, as quais tiveram seus resultados processados por análise documental, análise de 24 entrevistas em vídeo (individual e cobertura de eventos). A análise do Discurso do Sujeito Coletivo dos achados teve como base teórica a ação comunicativa e seus resultados apontam para o fortalecimento da comunicação na saúde; no melhor aproveitamento do LOGICOS pela sociedade; nas transformações das práticas dos profissionais de saúde pela gestão da informação e do conhecimento; e no desenvolvimento de políticas públicas de comunicação em saúde para o processo de tomada de decisões no âmbito do Sistema Único de Saúde. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT; A qualitative research was realized to identify the occurrence of the reception and mediation of cientific knowledge in the implementation of the Project of Information and Communication Management in Science and Technology in Healthcare - Lógicos during the decision making process of the National Health System (SUS) managers. The study was motivated by the possibility of amplifying and maximizing the health communication actions managing SUS related to researches sustained by the Department of Science and Technology...

A gestão de recursos humanos em uma instituição pública brasileira de ciência e tecnologia em saúde: o caso Fiocruz

Mello,Márcio Luiz Braga Corrêa de; Amâncio Filho,Antenor
Fonte: Fundação Getulio Vargas Publicador: Fundação Getulio Vargas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2010 PT
Relevância na Pesquisa
115.77%
A partir da década de 1970, a crise do padrão de acumulação capitalista firmado no binômio taylorismo-fordismo levou à sua substituição por formas produtivas flexibilizadas e desregulamentadas. Para enfrentar os novos desafios e garantir sua sobrevivência, as empresas passaram a investir em modernas tecnologias e adotaram concepções organizacionais com ênfase na formação e na gestão de recursos humanos, com o objetivo de atender aos requisitos do processo de trabalho. Este artigo relata a experiência da Fundação Oswaldo Cruz na perspectiva da mudança, fazendo uma abordagem crítica da gestão de recursos humanos em uma instituição pública de ciência e tecnologia em saúde, órgão de referência do Ministério da Saúde que ocupa posição estratégica no Sistema Único de Saúde e na formulação da política nacional de ciência e tecnologia em saúde. O artigo destaca as propostas de inovação em consonância com os princípios da Carta Iberoamericana de Qualidade na Gestão Pública e com os critérios do Modelo Iberoamericano de Excelência em Gestão, visando contribuir para aprimorar a gestão de recursos humanos na Fiocruz, na premissa de que a maior qualificação do corpo de profissionais permitirá que a instituição amplie sua atuação e capacidade de melhorar a saúde da população.

Análise: indicadores de pesquisa do XX Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos

Freitas,Renato João Sossela de; Silva,Rui Sérgio dos Santos Ferreira da; Stertz,Sônia Cachoeira; Ida,Elza Iouko; Cançado,Rupérsio Alvares
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2007 PT
Relevância na Pesquisa
125.71%
Em outubro de 2006, a Regional do Paraná sediou em Curitiba o XX Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos (XX CBCTA) com o tema Alimentos e Agroindústrias Brasileiras no Contexto Internacional. O objetivo deste Congresso foi discutir o desenvolvimento científico e tecnológico e a inovação na indústria de alimentos no cenário nacional e internacional. O programa científico foi abrangente e diversificado, com Conferências, Palestras, Mesas-Redondas, Curso de Atualização, Clínicas Tecnológicas, Visitas Técnicas e Apresentações de Trabalhos Científicos em oito áreas definidas pelo Congresso. Como resultado da realização do XX CBCTA, esta análise visa uma apresentação e discussão dos indicadores da pesquisa da área de Ciência e Tecnologia de Alimentos do País e contribuição ao desenvolvimento científico e tecnológico da área, bem como subsídios para órgãos de fomento para decisão de investimentos na pesquisa e na formação de recursos humanos. No XX CBCTA, foi apresentado um total de 2066 trabalhos científicos de todo o Brasil, com exceção do Estado de Rondônia. Os trabalhos foram registrados no banco de dados e utilizados para esta análise. As inscrições foram escolhidas de acordo com a área da pesquisa de cada trabalho...

Análise do processo de trabalho em laboratórios de pesquisa em saúde: uma proposta de investigação

Teixeira,Márcia de Oliveira
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/1997 PT
Relevância na Pesquisa
115.72%
Este artigo apresenta uma proposta de análise dos processos de trabalho envolvidos na construção de conhecimentos tecnocientíficos no campo da saúde, concentrando-se no trabalho desenvolvido pelos técnicos de nível médio, em laboratórios de unidades de pesquisa da Fundação Oswaldo Cruz. Partindo de uma descrição densa das atividades desenvolvidas no interior destes laboratórios por tais técnicos, discutimos: as interações entre as várias etapas do trabalho e seus diferentes atores, a valorização dos técnicos enquanto atores do processo de construção de conhecimentos, bem como a percepção de sua essencialidade pelos diferentes atores. Como etapa fundamental da discussão desta proposta, procuraremos delinear a conjuntura na qual os processos de trabalho em laboratórios de ciência e tecnologia em saúde foram incorporados à analise dos processos de trabalho em saúde. Em seguida, a partir do estabelecimento de um intenso diálogo com as proposições da sociologia da ciência, situaremos nossa proposta como uma tentativa de incorporar novas abordagens do campo das ciências sociais à análise do processo de trabalho. Ao fazê-lo, colocamos como uma de nossas principais questões a possibilidade deste instrumental adequar-se a uma análise...

Política nacional de ciência, tecnologia e inovação em saúde. 2. ed.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento de política
POT
Relevância na Pesquisa
155.83%
44 p.; Este documento tem por objetivos principais colaborar para o desenvolvimento e otimização dos processos de produção e absorção de conhecimento científico e tecnológico pelos sistemas, serviços e instituições de saúde, centros de formação de recursos humanos, empresas do setor produtivo e demais segmentos da sociedade. Nele são abordados temas como a situação atual da ciência e tecnologia no Brasil; princípios, eixos condutores e estratégias da Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde.

Ciência e tecnologia em saúde

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento de governo
POT
Relevância na Pesquisa
155.79%
49 p.; Esta publicação expõe o caminho percorrido pelo Departamento de Ciência e Tecnologia em Saúde (DECIT), destacando, sobretudo, as ações desenvolvidas entre os anos de 2003 e 2006 no sentido de cumprir, da forma mais ampla possível, cada uma das estratégias da Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde, as quais a equipe técnica do DECIT reconhece como verdadeiras metas a alcançar.

Fóruns regionais: subsídios para um plano de ação de desenvolvimento institucional em ciência e tecnologia em saúde para as regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste: relatório de atividades 2001-2002

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Departamento de Ciência e Tecnologia em Saúde
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Relatório
POT
Relevância na Pesquisa
175.77%
52 p.; O presente relatório foi elaborado para descrever o trabalho de organização e realização de discussões conduzidas pelo Ministério da Saúde, sobre Desenvolvimento Institucional em Ciência e Tecnologia em Saúde (C&T/S) e apresentar seus produtos. O documento consta dos seguintes itens: Antecedentes; Estratégia para a Realização dos Fóruns; Produtos; Custos e Considerações Finais. Para sua elaboração foram consultados os relatórios técnicos de cada fórum, os produtos das discussões e as informações referentes a seus custos.

Política nacional de ciência, tecnologia e inovação em saúde; National Policy in Science, Technology and Innovation in Health; Política Nacional de Ciencia, Tecnología e Innovación en Salud

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Livro
POT
Relevância na Pesquisa
115.82%
44 p. Documento de Governo; A Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde (PNCTIS)é parte integrante da Política Nacional de Saúde, formulada no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). Este documento tem como objetivo orientação adotada para delimitar o campo da Pesquisa em Saúde foi a sua finalidade, ou seja, compõem o campo da Pesquisa em Saúde os conhecimentos, tecnologias e inovações de cuja aplicação resultem melhorias na saúde da população.

Monitoramento do horizonte tecnológico em saúde no âmbito da Rebrats: proposta preliminar

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento de Governo
POT
Relevância na Pesquisa
115.74%
48 p.; A presente publicação foi elaborada a partir dos princípios e diretrizes da Política Nacional de Gestão de Tecnologias em Saúde (PNGTS), que é instrumento norteador para os atores envolvidos na gestão dos processos de avaliação, incorporação, difusão, gerenciamento da utilização e retirada de tecnologias no sistema de saúde. Esta publicação apresenta, assim, o esforço em consolidar os debates realizados no âmbito da Rebrats e apresentar uma proposta de metodologia para o Monitoramento do Horizonte Tecnológico.

Prêmio de incentivo em ciência e tecnologia para o SUS 2003

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento técnico
POT
Relevância na Pesquisa
125.78%
111 p.; O Ministério da Saúde tomou a decisão de não apenas manter, mas, principalmente, de fortalecer o Prêmio de Incentivo em Ciência e Tecnologia para o SUS, um projeto recente, que se realiza agora em sua segunda edição. Queremos incentivar nossos cientistas a desenvolverem trabalhos voltados para a melhoria das condições de saúde do brasileiro.

Pesquisa para o SUS: mais conhecimento, saúde para o Brasil

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Relatório de pesquisa
POT
Relevância na Pesquisa
135.8%
31 p.; Esta publicação apresenta um olhar sobre o trabalho de desenvolvido desde 2001 pelo Ministério da Saúde chamado Projeto Gestão Compartilhada em Ciência e Tecnologia, que, dentre outras atividades, promoveu o financiamento de 148 pesquisas prioritárias para a gestão do SUS em 10 estados brasileiros, mas que em 2004 passou a ser chamado de Pesquisa para o SUS: Gestão Compartilhada em Saúde, bem como as perspectivas futuras da Pesquisa para o SUS. Além da divulgação das pesquisas realizadas, este documento corrobora a importância do projeto, inserido agora num cenário favorável à condução, pelo Ministério da Saúde, da política de pesquisa no País. Projeto este que só foi possível graças à parceria efetiva das esferas do governo na condução do processo. Isso tem sido fundamental para o alcance de metas comuns, tais como o aprimoramento de políticas públicas de saúde e a melhoria das condições de saúde da população.

Prêmio de incentivo em ciência e tecnologia para o SUS - 2007

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento técnico
POT
Relevância na Pesquisa
125.75%
126 p.; Apresenta os resultados do Prêmio de Incentivo em Ciência e Tecnologia para o SUS, de 2007.

Prêmio de incentivo em ciência e tecnologia para o SUS: edição 20 anos do SUS 2008

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento técnico
POT
Relevância na Pesquisa
125.76%
155 p.; Apresenta os resultados da edição comemorativa dos 20 anos do SUS, do Prêmio de Incentivo em Ciência e Tecnologia para o SUS, edição de 2008.

Prêmio de incentivo em ciência e tecnologia para o SUS - 2009

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento Técnico
POT
Relevância na Pesquisa
125.76%
178 p.; Apresenta os resultados do Prêmio de Incentivo em Ciência e Tecnologia para o SUS, edição de 2009.

Prêmio de incentivo em ciência e tecnologia para o SUS - 2011

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento técnico
POT
Relevância na Pesquisa
125.76%
153 p.; Apresenta os resultados do Prêmio de Incentivo em Ciência e Tecnologia para o SUS, edição de 2011.

Prêmio de incentivo em ciência e tecnologia para o SUS: edição comemorativa cinco anos

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento técnico
POT
Relevância na Pesquisa
125.76%
96 p.; Apresenta os resultados do Prêmio de Incentivo em Ciência e Tecnologia para o SUS, edição de 2006, que comemora os cinco anos do prêmio.

Processo de definição de prioridades de pesquisa em saúde: a experiência brasileira

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos. Departamento de Ciência e Tecnologia
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Documento técnico
POT
Relevância na Pesquisa
125.76%
44 p.; Esta publicação apresenta a experiência brasileira, liderada pelo Ministério da Saúde, por meio do Departamento de Ciência e Tecnologia, em definir prioridades de pesquisa em saúde. A sistematização desse exercício busca descrever detalhadamente o processo desenvolvido, identificando as lições aprendidas e os desafios que ainda precisam ser superados. O presente relatório foi publicado também em inglês e espanhol contribuindo, assim, com o esforço internacional.

2ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação. Anais.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos
Fonte: Ministério da Saúde (MS) Publicador: Ministério da Saúde (MS)
Tipo: Livro
POT
Relevância na Pesquisa
115.76%
270 p. Documento de Governo.; Os anais da 2ª Co Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (2ª CNCTIS), realizada em Brasília, entre 25 e 28 de julho de 2004, apresentou os marcos políticos de um novo tempo na Ciência e Tecnologia em saúde no país.