Página 1 dos resultados de 12 itens digitais encontrados em 0.018 segundos

Comparação da medição da pressão arterial por dois métodos indiretos em cães com doença degenerativa crónica da válvula mitral assintomáticos

Marques, Ana Rita dos Santos Afonso
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
46%
Em cães com Doença Degenerativa Crónica da Válvula Mitral (DDCVM), de classe B1 de acordo com ACVIM, sem remodelação cardíaca, ou estenose aórtica, a pressão arterial sistémica, deve ser avaliada periodicamente, de forma a compreender a evolução da doença e decidir pela introdução de uma terapêutica considerada adequada. Como tal a determinação da pressão arterial é de extrema importância no exame clínico do animal. O presente estudo pretende comparar a medição da pressão arterial por dois métodos indiretos. Um dos métodos consiste no método Oscilométrico, frequentemente usado na prática clínica. O outro método em estudo é uma estimativa da pressão arterial sistólica, através do Gradiente de Pressão calculado durante a ecocardiografia, através da determinação da velocidade máxima do refluxo de regurgitação mitral. Uma vez que a ecocardiografia é considerada necessária para avaliação clínica deste grupo de indivíduos, pretendeu-se avaliar se este método é suficiente fiável para fazer uma avaliação da pressão arterial sistólica.; Dogs undergoing Degenerative Chronic Mitral Valve Disease (DCMVD), class B1 according to ACVIM without cardiac remodeling or aortic stenosis, should be periodically submitted to systemic blood pressure evaluation in order to understand the evolution of the disease...

Pimobendan improves clinical signs in short term compared to digoxin or placebo in dogs with heart failure due to chronic degenerative mitral valve disease

Larsson, Maria Helena Matiko Akao; Schwartz, Denise Saretta; Goldfeder, Guilherme Teixeira; Oliveira, Valéria Marinho Costa de; Itikawa, Paula Hiromi; Mazini, Ariane Marques; Melo, Priscylla Ramos Rosa; Machado, Fabricio Lorenzini Aranha; Junior, Francis
Fonte: Faculdade de Veterinária da Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Faculdade de Veterinária da Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
106.2%
Background: Chronic degenerative mitral valve disease (CDMVD) continues to be the most common cause of heart failure (HF) in small breed dogs. Pimobendan (PIMO) is a mixed action drug with inotropic and vasodilator properties and is widely used to treat heart disease in dogs. Therefore, PIMO increases cardiac output, reduces both preload and afterload and increases myocardial contractility without increasing energy consumption and myocardial oxygen. Digoxin (DIG) is a cardiac glycoside acting through inhibition of the sarcolemmal Na+/K+ ATPase pump, hence increasing intracellular calcium. It exerts benefi cial effects on left ventricular function, symptoms and exercise tolerance. The purpose of this prospective, randomized, double blind clinical trial was to evaluate the clinical response and QoLQ in heart failure (HF) dogs treated with digoxin or pimobendan in addition to conventional therapy (furosemide and benazepril). Materials, Methods & Results: Inclusion criteria: dogs in class III or stabilized class IV (NYHA). Exclusion criteria: use of positive inotrope and antiarrhythmic, presence of atrial fi brillation, renal or hepatic disease or neoplasia. Thirty three dogs were included and randomly assigned to DIG (n = 11), PIMO (n = 14) and placebo (PL) (n = 8) and followed up weekly. Data was evaluated for days zero...

Lesão degenerativa crónica da valva mitral em canídeos: epidemiologia e diagnóstico ecocardiográfico : estudo retrospectivo de 41 casos

Martins, Brigite de Lima Novo Dantas
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2008 POR
Relevância na Pesquisa
116.5%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; Esta dissertação é resultado do estágio realizado no Instituto Veterinário do Parque e integra uma exposição breve da casuística acompanhada, uma revisão bibliográfica sobre a Lesão Degenerativa Crónica da Valva Mitral (LDCVM) e o diagnóstico ecocardiográfico desta doença e, finalmente, um estudo clínico dentro deste tema. A LDCVM é a doença cardíaca adquirida mais frequente em canídeos adultos, atingindo principalmente animais a partir dos 8 anos de idade e de raças de pequeno a médio porte, sendo raríssima a sua descrição em cães de raças grandes. Esta é uma doença progressiva e sem cura, pelo que é importante que o médico veterinário possa detectar a sua presença o mais cedo possível, a fim de estabelecer um plano terapêutico que permita retardar a progressão da LDCVM e suavizar a sintomatologia clínica do paciente. A ecocardiografia é considerada o meio complementar de diagnóstico mais útil na avaliação desta afecção cardíaca, caracterização do estadio da doença e classificação do grau de insuficiência cardíaca dos pacientes. No diagnóstico ecocardiográfico da LDCVM existem vários parâmetros que podem ser avaliados...

A monitorização por electrocardiografia ambulatória (Holter) na cardiologia canina : estudo clínico de nove canídeos com lesão degenerativa crónica da valva mitral

Almeida, Joana Grade Mendes Costa
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em 30/07/2009 POR
Relevância na Pesquisa
76.04%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; Nos anos 40 do século passado, Norman Holter descobriu a electrocardiografia ambulatória. Em alguns anos o monitor Holter chegou à Medicina Veterinária, sendo actualmente um meio de diagnóstico prático, não doloroso, não invasivo e bem tolerado, que permite a monitorização do funcionamento cardíaco por 24 horas e portanto a identificação e quantificação das arritmias presentes num traçado com tal duração. Até à data e no que diz respeito aos cães não se conhece o número exacto de arritmias considerado fisiológico. Vários têm sido os trabalhos efectuados em animais com cardiomiopatia dilatada idiopática e estenose subaórtica congénita, sabendo-se no primeiro caso que os animais que a apresentam têm elevada incidência de arritmias ventriculares. No segundo ainda se investiga a presença de arritmias ventriculares e alterações do segmento ST tentando estabelecer uma relação entre as mesmas e a probabilidade de síncope ou morte súbita. O Holter tem-se mostrado, também, uma ferramenta fundamental na explicação de síncopes arritmogénicas e na monitorização de terapêuticas antiarrítmicas. Os modernos Holter identificam automaticamente complexos ectópicos e respectivas taquicardias...

Correlações entre achados ecocardiográficos e parâmetros de qualidade de vida em cães com doença degenerativa crónica da válvula mitral

Botte, José Martins de Carvalho Sacadura
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 08/10/2012 POR
Relevância na Pesquisa
116.38%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; Contexto: A doença degenerativa crónica da válvula mitral (DDCVM) é a doença cardíaca adquirida mais frequente em canídeos adultos e, pelo seu carácter de progressão crónica, tem um impacto negativo marcado na qualidade de vida dos doentes. A ecocardiografia transtorácica é considerada o método de diagnóstico de eleição para esta doença, e algumas variáveis ecocardiográficas ajudam a identificar animais em risco acrescido de morte. Objectivos: Analisar a existência e significância de correlações entre achados ecocardiográficos e parâmetros de qualidade de vida em cães com DDCVM, de forma a determinar a utilidade desta ferramenta de diagnóstico por imagem como método de avaliação objectiva da qualidade de vida de cães com a referida doença. Animais: Dezoito cães de clientes particulares, 9 machos e 9 fêmeas, de diversas raças e idades, com DDCVM de vários graus de gravidade. Materiais e Métodos: Estudo prospectivo observacional. A qualidade de vida dos cães foi avaliada por um questionário online entregue aos donos; foi realizada ecocardiografia transtorácica 2B, modo-M e Doppler a todos os animais. Utilizou-se o teste de correlação de postos de Spearman para determinar as correlações entre as variáveis de interesse. Resultados: Foram encontradas múltiplas correlações entre as variáveis ecocardiográficas e os parâmetros de qualidade de vida em análise. A gravidade de regurgitação mitral destacou-se pelo número e significância das correlações encontradas. Os índices ecocardiográficos de função diastólica...

A dilatação atrial esquerda em canídeos : lesão degenerativa crónica da valva mitral como sua principal causa : estudo integrado do biomarcador NT-proBNP

Figueiredo, Andreia Raquel Marques de
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 09/11/2012 POR
Relevância na Pesquisa
116.35%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; A dilatação atrial esquerda (DAE) é uma alteração morfológica cardíaca que acompanha grande parte das insuficiências cardíacas, podendo ser consequência de sobrecarga de volume ou de pressão. São variadíssimas as doenças capazes de conduzir a DAE, destacando-se a lesão degenerativa crónica da valva mitral (LDCVM). Esta é a doença cardíaca adquirida mais comum nos canídeos adultos e afeta principalmente raças de pequeno e médio porte. A ecocardiografia é considerada o meio complementar de diagnóstico primordial de DAE, uma vez que é mais sensível do que a radiografia torácica e o eletrocardiograma (ECG), também estes úteis na sua deteção. O biomarcador cardíaco NT-proBNP tem-se afigurado também com utilidade na deteção de doença cardíaca, tendo já sido correlacionado com o grau de DAE. O prognóstico de DAE depende essencialmente da doença subjacente, sua duração e tratamento. As complicações de DAE incluem essencialmente disritmias, hipertensão pulmonar (HP), insuficiência cardíaca congestiva (ICC) e, raramente, rotura atrial esquerda (RAE). Esta dissertação visa assim abordar os aspetos referentes às doenças subjacentes...

Aortic and mitral valve disease in patients with end stage renal failure on long-term haemodialysis.

Straumann, E; Meyer, B; Misteli, M; Blumberg, A; Jenzer, H R
Fonte: PubMed Publicador: PubMed
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /03/1992 EN
Relevância na Pesquisa
56.17%
OBJECTIVE--To identify valvar heart disease in patients with chronic uraemia by conventional and colour coded Doppler echocardiography. DESIGN--Case series of an unselected group of 62 patients with end stage renal failure. SETTING--Centre for haemodialysis in a referral hospital in Switzerland. PATIENTS--62 patients on chronic haemodialysis. MAIN OUTCOME MEASURES--Frequency of structural and functional valve abnormalities and their relation to clinical findings. RESULTS--Structural changes were seen in 40 (64%) of 62 patients after 50 months (range 3-178 months) on haemodialysis. The mitral annulus and aortic cusps were thickened in 25 (40%) and in 34 (55%) patients respectively. Aortic stenosis was present in eight (mean (SD) age 60.5 (8.5) years), with a maximal instantaneous pressure gradient of 41 (14) mm Hg. Aortic regurgitation was seen in eight, mitral regurgitation in seven, and mitral stenosis in three patients. Patients with aortic stenosis had been on haemodialysis for significantly longer than the remaining patients (101 (43) v 46 (43) months, p = 0.01) and had significantly higher concentrations of serum alkaline phosphatase (176 (89) v 117 (47) IU/l, p less than 0.01) and of parathyroid hormone (54 (66) v 19 (29) ng/ml...

The changing face of infective endocarditis

Prendergast, B D
Fonte: BMJ Group Publicador: BMJ Group
Tipo: Artigo de Revista Científica
EN
Relevância na Pesquisa
25.97%
Infective endocarditis (IE) is an evolving disease with a persistently high mortality and morbidity, even in the modern era of advanced diagnostic imaging, improved antimicrobial chemotherapy, and potentially curative surgery. Despite these improvements in health care, the incidence of the disease has remained unchanged over the past two decades and may even be increasing. Chronic rheumatic heart disease is now an uncommon antecedent, whereas degenerative valve disease of the elderly, mitral valve prolapse, intravenous drug misuse, preceding valve replacement, and vascular instrumentation have become increasingly common, coinciding with an increase in staphylococcal infections and those caused by fastidious organisms. The current understanding of this difficult condition is reviewed and recent developments in medical and surgical management are updated.

Identification of 2 Loci Associated with Development of Myxomatous Mitral Valve Disease in Cavalier King Charles Spaniels

Madsen, Majbritt Busk; Olsen, Lisbeth Høier; Häggström, Jens; Höglund, Katja; Ljungvall, Ingrid; Falk, Torkel; Wess, Gerhard; Stephenson, Hannah; Dukes-McEwan, Joanna; Chetboul, Valérie; Gouni, Vassiliki; Proschowsky, Helle Friis; Cirera, Susanna; Ka
Fonte: Oxford University Press Publicador: Oxford University Press
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
EN
Relevância na Pesquisa
66.17%
Myxomatous mitral valve disease (MMVD) is the most common heart disease in dogs. It is characterized by chronic progressive degenerative lesions of the mitral valve. The valve leaflets become thickened and prolapse into the left atrium resulting in mitral regurgitation (MR). MMVD is most prevalent in small to medium sized dog breeds, Cavalier King Charles Spaniels (CKCS) in particular. The onset of MMVD is highly age dependent, and at the age of 10 years, nearly all CKCS are affected. The incidence of a similar disease in humans—mitral valve prolapse—is 1–5%. By defining CKCSs with an early onset of MMVD as cases and old dogs with no or mild signs of MMVD as controls, we conducted a genome-wide association study (GWAS) to identify loci associated with development of MMVD. We have identified a 1.58 Mb region on CFA13 (Pgenome = 4.0× 10−5) and a 1.68 Mb region on CFA14 (Pgenome = 7.9× 10−4) associated with development of MMVD. This confirms the power of using the dog as a model to uncover potential candidate regions involved in the molecular mechanisms behind complex traits.

Double valve replacement for acute spontaneous left chordal rupture secondary to chronic aortic incompetence

Agarwala, Sandeep; Kumar, Sanjay; Berridge, John; McLenachan, Jim; O'Regan, David J
Fonte: BioMed Central Publicador: BioMed Central
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 06/10/2006 EN
Relevância na Pesquisa
36%
A 54 years old male with undiagnosed chronic calcific degenerative aortic valve incompetence presented with acute left anterior chordae tendinae rupture resulting in severe left heart failure and cardiogenic shock. He was successfully treated with emergency double valve replacement using mechanical valves. The pathogenesis of acute rupture of the anterior chordae tendinae, without any evidence of infective endocarditis or ischemic heart disease seems to have been attrition of the subvalvular mitral apparatus by the chronic regurgitant jet of aortic incompetence with chronic volume overload. We review the literature with specific focus on the occurrence of this unusual event.

Marfan's syndrome. Broad spectral surgical treatment cardiovascular manifestations.

Crawford, E S
Fonte: PubMed Publicador: PubMed
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /10/1983 EN
Relevância na Pesquisa
26.16%
Most patients with Marfan's syndrome have cardiovascular manifestations and complications of these abnormalities lead to death in 50% of patients by the age of 32. This report is concerned with the performance of 79 operations to control these problems in 41 patients during a 16-year period. There were 3 early deaths and 11 late deaths, with survival at 15 years in 62%. The cardiovascular manifestations assumed eight patterns of involvement, in brief, consisting of aneurysms of ascending aorta, mitral valve insufficiency, aortic dissection and dissecting aortic aneurysm, and degenerative distal fusiform aortic aneurysm. These lesions occurred in isolated form or in association with others, hence the larger number of patterns of involvement. Various methods were employed in treatment of aneurysms of the ascending aorta, which was associated with aortic valvular insufficiency in most. The most reliable method of controlling disease at this level was composite valve graft replacement of fusiform aneurysms and separate valve graft operation for dissections occurring in the previously uninvolved aorta. Isolated mitral valve insufficiency was relieved by standard mitral valve replacement and this operation could be safely combined with composite valve graft replacement of the ascending aorta. More distant aneurysms of the aorta...

Infective endocarditis: a consumptive disease among the elderly; Infective endocarditis: a consumptive disease among the elderly

Takayasu, Vilma; Lima, Fabiana Roberto; Campos, Fernando Peixoto Ferraz de
Fonte: Universidade de São Paulo. Hospital Universitário Publicador: Universidade de São Paulo. Hospital Universitário
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 19/12/2011 ENG; SPA; POR
Relevância na Pesquisa
56.32%
The clinical presentation of infective endocarditis varies according to theetiologic agent and the host. In elderly individuals, infective endocarditis canbe difficult to diagnose and poses a challenge for the physician. The course ofsubacute infective endocarditis is indolent, and the onset of cardiac structurallesion is slow and gradual. In elderly patients, anemia and weight loss areoccasionally the only or the most striking symptoms. In such cases, the clinicalreasoning process leads to a hypothesis of wasting syndrome or neoplasticdisease, especially when there is no fever. We report the case of an elderlypatient who had mitral insufficiency due to degenerative valve disease andpresented with bacterial endocarditis due to Streptococcus mitis. The patientwas not treated, because the diagnosis was not established in a timely manner.It is of note that the patient presented with marked weight loss and no fever.The autopsy revealed impairment of the mitral valve and left atrium due toendocarditis, as well as lung involvement due to chronic inhalation of smokefrom biomass burning, such as that produced by wood-burning stoves.; The clinical presentation of infective endocarditis varies according to theetiologic agent and the host. In elderly individuals...