Página 1 dos resultados de 1174 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Contribuição para apuração e evidenciação dos resultados das instituições de ensino superior com certificado de entidade beneficente de assistência social. ; Contribution to verifying and disclosing the income obtained through the Higher Education Institutions with a Philanthropy Certificate.

Lima, Emanoel Marcos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/07/2003 PT
Relevância na Pesquisa
37.24%
O objetivo deste trabalho é contribuir com o aperfeiçoamento das informações contábeis para a gestão das Instituições de Ensino Superior com Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social - IESCEBAS, por meio da proposição de um modelo de apuração e evidenciação do resultado com o Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social. O estudo desenvolve-se a partir da análise dos seguintes aspectos: caracterização e definição de uma IESCEBAS, processo de gestão e sistemas de informações com base numa abordagem sistêmica. Os gestores, governo e sociedade necessitam de informações úteis e confiáveis sobre os resultados com o CEBAS para a tomada de decisões. Porém, conforme se constatou pela pesquisa de campo realizada por meio de questionários e análises das demonstrações contábeis, que a prática adotada pelas instituições objeto de estudo e também a norma editada pelo Conselho Federal de Contabilidade, não são adequadas para fornecer informações que subsidiem os gestores, governo e sociedade na tomada de decisões. Ao discorrer sobre os conceitos de receitas, custos, ativos, passivos e custo de oportunidade, conclui-se que o CEBAS gera impactos patrimoniais e econômicos que devem ser apurados e evidenciados pela contabilidade. Contudo...

Acordo de chaves criptográficas hierárquico e sem certificado; Hierarchical certificateless criptographic key agreement

Rufino, Vilc Queupe
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/11/2009 PT
Relevância na Pesquisa
36.98%
Apresentamos um novo esquema de acordo de chaves criptográficas hierárquico, não Interativo e seguro contra comprometimento de múltiplos nós. Esquemas para Acordo de chaves criptográficas (KAS - Key Agreement Scheme), são usados quando duas ou mais entidades desejam compartilhar uma chave secreta única, afim de para realizar uma comunicação segura por meio de um protocolo de criptografia simétrico. O acordo de chaves proposto possui as seguintes características: Não interativo: Chaves compartilhadas são calculadas sem interação dos nós participantes; Chaves Públicas sem certificados (Certificateless): Para o cálculo da chave compartilhada o nó utiliza sua chave secreta e a chave pública do destinatário, que é certificada pela identidade do destinatário; Hierárquico: Permite que seja utilizado um gerenciamento hierárquico, para concessão, revogação e distribuição de chaves; e Resistente: Permite segurança do sistema mesmo quando nós dentro da hierarquia são comprometidos em qualquer ordem e quantidade. Este trabalho é uma nova abordagem do artigo "Strongly-Resilent and Non-Interactive Hierarchical Key-Agreement in MANETs" onde substituímos o uso de sistemas baseados na identidade por sistemas sem certificado...

Sistema geral de preferências : certificado de origem - Form "A"

Virgens, Marcelo Natalino das
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
O Sistema Geral de Preferências (SGP), criado sob os auspícios da UNCTAD através da Resolução n. 21 de 1968, consiste num sistema de tratamento preferencial através do qual vários países concedem reduções parciais ou totais de tarifas de importação a países em desenvolvimento, sobre determinados produtos. Dados revelam que o sistema, em seu preenchimento, possui muitos erros por parte das empresas exportadoras que, acaba atrasando o processo de exportação. Baseado em estudos teóricos e aplicações de questionários, o presente trabalho teve como finalidade conhecer os fatores que influenciam nos erros e procurar, através de indicações e opiniões, solucionar os problemas que envolvem o preenchimento do Certificado de Origem Form A. Desta forma, percebeu-se que a falta de treinamentos e cursos de consultoria, tanto para os funcionários quanto para os clientes se fazem necessários, já que a falta de instruções e a precariedade nas informações repassadas pelo BB são as principais causas dos erros frequentes.; The General System of Preference (SGP), created under the auspices of the UNCTAD through Resolution N. 21 of 1968, consists of a system of preferential treatment through which some countries grant to partial or total reductions of importation tariffs the developing countries...

Inezil Penna Marinho, Certificado de participação como conferencista na 5º Conferência Estadual dos Advogados

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Foto; image/jpeg; Empréstimo; 21cm x 30cm; Colorida
POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Certificado da Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Santa Catarina atestando que Inezil Penna Marinho participou como conferencista na 5º Conferência Estadual dos Advogados no período de 23 a 25 de outubro de 1981, em Blumenau (SC) na qualidade de Conferencista.; A digitalização do documento resulta do projeto Recônditos da Memória: o acervo pessoal de Inezil Penna Marinho, desenvolvido pelo Grupo de Estudos sobre Cultura e Corpo/Centro de Memória do Esporte. Foi cedido por Alice Opala e Inezil Penna Marinho Júnior que autorizaram sua divulgação.

Inezil Penna Marinho, Certificado de participação na VII Conferência Estadual dos Advogados

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Foto; image/jpeg; Empréstimo; 23cm x 29cm; Colorida
POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Certificado da Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Santa Catarina atestando que Inezil Penna Marinho participou da VII Conferência Estadual dos Advogados no período de 9 a 12 de agosto de 1984 em Criciúma (SC); A digitalização do documento resulta do projeto Recônditos da Memória: o acervo pessoal de Inezil Penna Marinho, desenvolvido pelo Grupo de Estudos sobre Cultura e Corpo/Centro de Memória do Esporte. Foi cedido por Alice Opala e Inezil Penna Marinho Júnior que autorizaram sua divulgação.

Inezil Penna Marinho, Certificado de participação no III Ciclo sobre a Assembléia Nacional Constituinte e o Poder Judiciário

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Foto; image/jpeg; Empréstimo; 22cm x 30cm; Colorida
POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Certificado da Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Distrito Federal atestando que Inezil Penna Marinho frequentou o III Ciclo sobre a Assembléia Nacional Constituinte e o Poder Judiciário no período de 12 a 16 de agosto de 1985, em Brasília (DF); A digitalização do documento resulta do projeto Recônditos da Memória: o acervo pessoal de Inezil Penna Marinho, desenvolvido pelo Grupo de Estudos sobre Cultura e Corpo/Centro de Memória do Esporte. Foi cedido por Alice Opala e Inezil Penna Marinho Júnior que autorizaram sua divulgação.

Inezil Penna Marinho, Certificado de participação na Conferência Estadual dos Advogados

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Foto; image/jpeg; Empréstimo; 29cm x 23cm; Preto e branco
POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Certificado da Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Santa Catarina atestando que Inezil Penna Marinho participou da 6ª Conferência Estadual dos Advogados no período de 8 a 10 de outubro de 1984 em Joinville (SC); A digitalização do documento resulta do projeto Recônditos da Memória: o acervo pessoal de Inezil Penna Marinho, desenvolvido pelo Grupo de Estudos sobre Cultura e Corpo/Centro de Memória do Esporte. Foi cedido por Alice Opala e Inezil Penna Marinho Júnior que autorizaram sua divulgação.

Inezil Penna Marinho, Certificado de participação no Ciclo de Palestras da Ordem dos Advogados do Brasil

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Foto; image/jpeg; Empréstimo; 22cm x 31cm; Colorida
POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Certificado da Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Distrito Federal certificando que Inezil Penna Marinho participou do Ciclo de Palestras da OAB, realizada de 26 a 28 de novembro de 1983 em Brasília (DF).; A digitalização do documento resulta do projeto Recônditos da Memória: o acervo pessoal de Inezil Penna Marinho, desenvolvido pelo Grupo de Estudos sobre Cultura e Corpo/Centro de Memória do Esporte. Foi cedido por Alice Opala e Inezil Penna Marinho Júnior que autorizaram sua divulgação.

Inezil Penna Marinho, Certificado de participação no II Congresso Internacional dos Profissionais de Direito

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Foto; image/jpeg; Empréstimo; 20cm x 29cm; Colorida
POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Certificado conferido a Inezil Penna Marinho pela participação no II Congresso Internacional dos Profissionais de Direito, realizado de 22 a 25 de setembro de 1983 no Rio de Janeiro (RJ); A digitalização do documento resulta do projeto Recônditos da Memória: o acervo pessoal de Inezil Penna Marinho, desenvolvido pelo Grupo de Estudos sobre Cultura e Corpo/Centro de Memória do Esporte. Foi cedido por Alice Opala e Inezil Penna Marinho Júnior que autorizaram sua divulgação.

Inezil Penna Marinho, Certificado de participação na 9ª Conferência Nacional da Ordem dos Advogados do Brasil

Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Fotografia Formato: Foto; image/jpeg; Empréstimo; 22cm x 29cm; Colorida
POR
Relevância na Pesquisa
36.98%
Certificado da Ordem dos Advogados do Brasil, atestando que Inezil Penna Marinho participou da 9ª Conferência Nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, no período de 2 a 6 de maio de 1982 em Florianópolis (SC); A digitalização do documento resulta do projeto Recônditos da Memória: o acervo pessoal de Inezil Penna Marinho, desenvolvido pelo Grupo de Estudos sobre Cultura e Corpo/Centro de Memória do Esporte. Foi cedido por Alice Opala e Inezil Penna Marinho Júnior que autorizaram sua divulgação.

João Luiz Rolla, Certificado do 1º Encontro de Dança Infantil

Associação de Professores de Dança Clássica do RS
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Documento Formato: 33 cm de largura x 24 cm de altura; image/jpeg
POR
Relevância na Pesquisa
37.13%
Certificado concedido pela Associação de Professores de Dança Clássica do RS à Escola de Ballet João Luiz Rolla, pela participação do 1º Encontro de Dança Infantil realizado no Auditório Araujo Vianna em Porto Alegre, em dezembro de 1980.; Um certificado, em papel sulfite, impressão preto e branco. O documento integra o acervo doado por Maria Celeste Etges.

Benefícios do Certificado de Qualidade nos Escritórios de Contabilidade de São José/SC

Souza, Leandro João de
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: f.; 64 f.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.13%
TCC (Graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Socioeconômico. Curso de Ciências Contábeis; Esta monografia aborda o Certificado de Qualidade pelo ISO 9001 nos Escritórios de Contabilidade de São José/SC, seus benefícios, problemas para a implantação e demonstra os resultados obtidos através de pesquisa realizada nos escritórios de contabilidade, em Sao José/SC, em gráficos demonstrativos. Apresenta também o surgimento do Certificado de Qualidade em empresas Prestadoras de Serviço, como sendo um diferencial nos serviços prestados, atingindo assim o crescimento das empresas. 0 objetivo deste trabalho é aprofundar os conhecimentos em Contabilidade e demonstrar os benefícios da Gestão de Qualidade nos Escritórios de Contabilidade. Trata-se de uma pesquisa descritiva, com abordagem qualitativa. Com relação aos procedimentos, foi feita uma pesquisa de campo em 26 Escritórios de Contabilidade em São José/SC, através de um Questionário e a elaboração de gráficos com os resultados da pesquisa. A pesquisa conclui que, com a Gestão da Qualidade, muitos Escritórios de Contabilidade obtiveram uma melhora considerável, e a Gestão da Qualidade é um diferencial na apresentação do escritório.

Entrega do certificado ISO 9001/2000

Naves, Nilson Vital
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Discurso Formato: 19474 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.24%
Palavras proferidas na solenidade de entrega do Certificado ISO 9001/2000 em Brasília, no dia 30.4.2003.; O artigo discorre sobre a grata satisfação do Presidente do Superior Tribunal de Justiça ao receber o certificado ISO 9001/9002. Parabeniza o percurso de progresso e realização da Secretaria Judiciária, principalmente seus servidores, que uniram esforços para a concretização dos objetivos e aprimoramento da instituição. Conclui ratificando que o resultado dessa certificação somente responde a celeridade e qualidade da prestação da justiça, com técnica, eficiência e humanidade.

A renovação do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social (CEBAS) durante e após a MP nº 446/2008 : um impasse de direito intertemporal

Mânica, Fernando Borges; Menegat, Fernando
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.13%
Aborda a situação das entidades possuidoras do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social – CEBAS –, que tinham direito à renovação automática do certificado independentemente do prévio requerimento.

Material de referencia certificado: etanol en agua

Caixeiro, Janaína Marques Rodrigues; Souza, Vanderléa de; Silva, Rafael Agostinho Lemos da; Bandeira, Raquel Duarte da Costa Cunha; Valente, Laura Alves das Neves
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Capítulo de Livro / Book Chapter
SPA
Relevância na Pesquisa
37.13%
10 f. : il.; La certificación de un material de referencia se basa generalmente en normas internacionales de la serie ISO GUIA 30 a 35 y constituye básicamente tres etapas: la caracterización del material, la estimación de su homogeneidad y la estimación de su estabilidad, la cual debe establecer las condiciones de transporte y almacenaje del material. El presente articulo presenta el desarrollo del Material de Referencia Certificado de etanol en agua se origina en las determinaciones de la Resolución Inmetro n° 006 de 2002 que determina que todos los etilómetros utilizados en Brasil deben tener los modelos aprobados y las verificaciones iniciales, eventuales y periódicas realizadas, a partir de ensayos con soluciones de etanol en agua. Con la disponibilidad para la sociedad de este material de referencia certificado, el Inmetro contribuye con el proveer confiabilidad y trazabilidad a las mediciones,y con ello procurar brindar a la sociedad salud, seguridad y un medio ambiente libre de contaminación.

João Luiz Rolla, Certificado do 1º Encontro de Dança em Porto Alegre

Escola de Artes Landes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Documento Formato: 31 cm de largura x 22 cm de altura; image/jpeg
POR
Relevância na Pesquisa
37.13%
Certificado à Escola de Dança João Luiz Rolla, intitulada neste certificada como "Rolla e seu Ballet" pela participação do 1º Encontro de Dança em Porto Alegre, organizado pela Escola de Artes Landes, no Auditório do Palácio Farroupilha do Rio Grande do Sul, em Junho de 1977 promovido pela Rede Brasil Sul de Comunicações.; Um certificado, em papel vegetal, impressão duas cores, com imagem de quatro bailarinos em marca d'agua. O documento integra o acervo doado por Maria Celeste Etges.

O “CERTIFICADO DO PROCESSO DE KIMBERLEY": PROPOSTA PARA SUBSIDIAR SUA IMPLEMENTAÇÃO EM BASES CIENTIFICAS.

Chaves, Mario Luiz de Sá C.; Benitez, Leila
Fonte: Centro de Pesquisa Professor Manoel Teixeira da Costa - IGC - UFMG Publicador: Centro de Pesquisa Professor Manoel Teixeira da Costa - IGC - UFMG
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 16/02/2013 POR
Relevância na Pesquisa
37.24%
Na última década, ganhou força a nível internacional manifestação destinada a reconhecer a origemdos diamantes no comércio varejista, de modo com que se evitasse a compra de pedras produzidas depaíses africanos em estado de guerra civil. Essa campanha levou à implementação do “Certificado doProcesso de Kimberley”, emitido por países produtores de diamantes, incluindo-se o Brasil. Entretanto,junto com a aceitação geral de tal certificado, diversos estudos têm procurado definir parâmetros deconferência de que os mesmos seriam eficazes. No decorrer desses acontecimentos, diversos doscertificados brasileiros foram colocados em dúvida, com a possibilidade de inclusão de diamantesprovenientes de outros países nos lotes, permitindo assim, em princípio, a inclusão de pedras de paísesbeligerantes. Os estudos realizados sobre lotes de diamantes das principais áreas produtoras de MinasGerais, têm demonstrado que é plenamente possível identificar a proveniência de lotes representativosde diferentes áreas, através da definição de parâmetros básicos que, integrados e tratados estatisticamente,podem fornecer uma assinatura típica para cada uma delas.Palavras-chave: diamante, mercado internacional, Certificado Kimberley. ABSTRACT:In the last decade...

Precisión del certificado de defunción comparado con la autopsia verbal: Estudio PRISMA

Muratore,Claudio; Belziti,César; Di Toro,Darío; Gant López,José; Mulassi,Andrés; Barrios,Alceo; Costa,Héctor; Saravia Toledo,Sebastián
Fonte: Revista argentina de cardiología Publicador: Revista argentina de cardiología
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2006 ES
Relevância na Pesquisa
37.31%
Los datos del certificado de defunción no reflejan ajustadamente las causas y las circunstancias de la muerte. La comparación con otros métodos de información, como la autopsia verbal, podría demostrar las falencias de los registros. Objetivos 1. Identificar las causas de muerte en 20 ciudades argentinas mediante la autopsia verbal y compararlas con las que constan en el certificado de defunción. 2. Analizar la muerte cardiovascular en cuanto a antecedentes y factores de riesgo. Material y métodos Se incluyeron todos los mayores de 18 años fallecidos durante 2 meses del año 2004 en las ciudades participantes. Resultados Se constataron 1.274 muertes. Según la autopsia verbal, las causas de muerte cardiovascular más frecuentes fueron insuficiencia cardíaca (23%), accidente cerebrovascular (11,3%) e infarto de miocardio (8%) y las no cardiovasculares fueron neoplasias (21,5%), neumopatías (7,6%) e infecciones (6,6%). En el 11,7% de los fallecidos no se pudo establecer claramente la causa de muerte según el certificado. La concordancia de ambos métodos para definir la causa de muerte según el coeficiente V de Cramer fue de 0,608, el valor de kappa fue de 0,614 (0,580-0,647) y el de kappa ponderado fue de 0,596 (0,555-0...

Causas de muerte en una cohorte de diabéticos tipo 2 de Costa Rica y la calidad de su certificado de defunción

Laclé-Murray,Adriana
Fonte: Acta Médica Costarricense Publicador: Acta Médica Costarricense
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2012 ES
Relevância na Pesquisa
37.37%
Justificación y Objetivo: En América Latina la diabetes ocasiona la muerte de 45.000 personas cada año. Es probable que las cifras reales se acerquen a los 300.000 debido a los problemas que existen de subregistro como causa de muerte. En Costa Rica, que posee la tasa más baja según la OPS, se incrementaría en un 56% si se considerasen las muertes por enfermedades cardiovasculares de personas con diabetes. El presente estudio tuvo como objetivo conocer las causas de muerte en una población diabética costarricense y la calidad de su certificado de defunción. Metodología: Se analizó la causa de muerte de 101 personas fallecidas de una cohorte de 572 personas diabéticas, utilizando los diagnósticos de los certificados de defunción emitidos por los médicos y los diagnósticos finales recodificados del Instituto Nacional de Estadística y Censo de Costa Rica (INEC) para las estadísticas vitales del país la calidad del certificado se analizó comparando estos dos registros y el subregistro del diagnóstico de diabetes en patologías asociadas con la DM y las enfermedades cardiovasculares. Resultados: Según el INEC las causas de muerte se distribuyeron en un 24% para las enfermedades cardiovasculares, 23% para las neoplasias y 24% para las complicaciones de la diabetes. La diabetes se omitió en el certificado de defunción de las personas diabéticas en más del 50%...

Calidad del registro en el certificado de defunción en un hospital público de referencia. Montevideo, Uruguay, octubre-noviembre 2009

Rodríguez Almada,Hugo; Ciriacos,Calíope; Piñeyrúa,María; Logaldo,Rossana; González González,Daniel
Fonte: Revista Médica del Uruguay Publicador: Revista Médica del Uruguay
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2010 ES
Relevância na Pesquisa
37.24%
Introducción: el certificado de defunción es el principal instrumento del sistema de información de mortalidad. Su eficiencia depende de un correcto registro. Objetivos: conocer la calidad de la información registrada en el certificado de defunción en el Hospital Maciel (octubre y noviembre de 2009), detectar debilidades en el registro; cuantificar los errores y determinar si son reparables o no; conocer la adecuación del registro a las normas vigentes. Material y método: estudio observacional descriptivo retrospectivo comparativo, basado en la auditoría de los certificados de defunción y su correlación con la historia clínica. Cada caso fue analizado por un comité de integración interdisciplinaria. Se definieron tres categorías: I. Registro correcto y completo; II. Registro parcialmente correcto o completo, o ambos; III. Registro incorrecto. Resultados: de los 154 pacientes del Hospital Maciel, 92% (n=142) de los certificados de defunción fueron expedidos por médicos del hospital. De los 12 cadáveres derivados a la Morgue Judicial, en nueve casos la decisión estuvo justificada (75%). El 12,87% (n=18) correspondió a la categoría I; 53,53% (n=76) a la categoría II, y 28,73% (n=41) a la categoría III. La mayoría de los procedimientos quirúrgicos (69...