Página 1 dos resultados de 2564 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

"O controle social no processo de certificação de grupo por auditoria externa: o caso APROVE pela AAOCERT." ; The social control in the third party smallholder organic certification process: the APROVE’s case by AAOcert

Brito, Paulo Roberto Borges de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2006 PT
Relevância na Pesquisa
37.3%
O presente trabalho aborda as perspectivas de certificação que se abrem para a agricultura orgânica familiar, através dos processos alternativos de certificação, a certificação participativa em rede – CPR, e a certificação de grupo por auditoria externa. Os objetivos gerais do trabalho foram contribuir para um melhor entendimento sobre o potencial dos processos participativos na certificação de produtos orgânicos. Avaliar em que medida a certificação pode ser associada a um processo pedagógico, para os produtores familiares paulistas, no qual a possibilidade de fortalecimento do controle social pode levar à redução dos processos burocráticos no Sistema de Controle Interno - SCI. O objetivo específico foi verificar se o processo de certificação de grupo da APROVE, proposto pela AAOcert, baseado nas diretrizes da IFOAM, abre maiores possibilidades de construção de processos mais participativos para os produtores, tomando-se a CPR como embasamento para busca de um referencial teórico, por ser uma proposta construída com este propósito. O trabalho é orientado pela seguinte pergunta: é possível um sistema de certificação reconhecido internacionalmente, como a certificação de grupo por auditoria de terceira parte...

Impactos socioambientais da certificação Rainforest Alliance em fazendas produtoras de café no Brasil; Socio-environmental impacts of Rainforest Alliance Certification on Brazilian coffee plantations

Palmieri, Roberto Hoffmann
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
37.34%
O impacto da certificação foi o tema central desse projeto de pesquisa que consistiu em identificar o seu efeito sobre variáveis de interesse, isolado de outras fontes de variação. Para isso, uma metodologia de avaliação de impacto foi adaptada e testada para analisar a Certificação Socioambiental Rainforest Alliance da Rede de Agricultura Sustentável RAS na cafeicultura em Minas Gerais. A Certificação Socioambiental cresceu significativamente em fazendas produtoras de café no Brasil e no mundo desde sua criação em 1998 até o ano 2007. Os produtos vendidos com essa certificação carregam consigo a mensagem que vêm de sistemas de produção que promovem mais desenvolvimento humano e mais conservação da biodiversidade quando comparados aos sistemas convencionais. Contudo, o processo de Certificação Socioambiental não mede diretamente essas diferenças. Na rotina da certificação, o auditor avalia a conformidade dos sistemas de produção a padrões pré-estabelecidos. A ausência de avaliações de impactos pode acarretar questionamentos referentes às reais transformações decorrentes da certificação. Outro questionamento refere-se à elaboração das normas, as quais foram formuladas em processos de consulta pública com as partes interessadas...

Percepções locais de manejadores comunitários sobre a certificação do Conselho de Manejo Florestal (FSC) para produtos florestais não madeireiros no Estado do Acre; Local perceptions of community managers on the certification of the Forest Stewardship Council (FSC) for non-timber forest products in the state of Acre

Imperador, Adriana Maria
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/08/2009 PT
Relevância na Pesquisa
37.28%
A Certificação do Conselho de Manejo Florestal (FSC) é um instrumento de gestão que tem como objetivo estimular manejo sustentável dos produtos florestais considerando aspectos sociais, econômicos e ambientais. Nos últimos anos, os esforços em promover a certificação comunitária como ferramenta para o desenvolvimento das populações rurais enfatizou os produtos florestais não-madeireiros (PFNM´s), gerando benefícios e inúmeros desafios, inclusive o de conciliar as normas de certificação às práticas tradicionais de manejo. Mesmo considerando que os PFNM´s representem a principal fonte de renda de milhares de famílias em todo mundo, poucos trabalhos científicos têm questionado a percepção das comunidades envolvidas. Diante da experiência das Associações dos Seringueiros Porto Dias (ASPD) e dos Moradores e Agroextrativistas do Remanso de Capixaba (Amarca), ambas certificadas pelo FSC com madeira e produtos não madeireiros, este estudo objetivou avaliar a percepção a respeito deste processo nas duas comunidades do estado do Acre, na Amazônia ocidental brasileira. Os dados foram coletados por meio de entrevista estruturada, com perguntas do tipo semi-abertas e fechadas sobre as dificuldades encontradas para cumprir ações relacionadas à certificação...

Avaliação da certificação ISO 14001: estudo de caso no setor automotivo; Evaluation of the ISO 14001 certification: case in an automotive industry

Cortese, Tatiana Tucunduva Philippi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2003 PT
Relevância na Pesquisa
37.28%
Novas concepções de gestão empresarial têm surgido, baseadas no princípio que estabelece uma política de qualidade ambiental, incorporando à atividade industrial as bases da promoção da sustentabilidade do desenvolvimento. Objetivos: Avaliar o processo da certificação ISO 14001 em uma empresa do setor automotivo e o grau de conhecimento e envolvimento dos entrevistados, com relação ao processo de implantação, implementação, certificação e pós-certificação. Metodologia: um estudo de caso, com abordagem metodológica descritiva, quantitativa e qualitativa, de uma multinacional do setor automotivo, localizada no Município de São Bernardo do Campo, São Paulo. Alguns dos critérios para o estudo foram: certificação em conformidade com a ISO 14001; SGA implementado e em funcionamento; liderança na área de meio ambiente em nível nacional e internacional; com participação junto às comunidades do entorno, no exercício da cidadania corporativa e que concordasse e permitisse a realização do estudo, com acesso às informações necessárias. Os dados foram observacionais e obtidos por meio de entrevistas com os indivíduos envolvidos. A análise dos dados foi feita utilizando o Método de Análise de Conteúdo de BARDIN (1995). Resultados: A empresa possui mais de 9.000 funcionários...

Metodologia para avaliação de protocolos de certificação aplicáveis na bovinocultura de corte; Methodoly for evaluartion of certification protocols of beef cattle

Canozzi, Maria Eugênia Andrighetto
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
37.23%
A certificação é um processo de validação de informações, seguindo normas pré-estabelecidas, sendo inúmeros os processos vigentes no Brasil e aplicáveis na bovinocultura de corte. Buscando caracterizar e comparar os aspectos exigidos por certificações e, assim, gerar informações que contribuam para a adesão daquelas pelo produtor rural, o presente trabalho propõe o desenvolvimento de uma metodologia a fim de avaliar cinco protocolos existentes no país – Boas Práticas Agropecuárias (BPA), Rastreabilidade Brasileira, Certificação Orgânica, Carne do Pampa Gaúcho da Campanha Meridional e GLOBAL.G.A.P.. Mediante pesquisa bibliográfica, foi feito um formulário de conferência único composto por cinco dimensões, as quais eram constituídas por fatores e esses por itens de exigências das certificações. Ao final da análise, cada certificação recebeu uma nota, que variou de 0 a 10. Identificou-se que, em todos os processos de certificação, estiveram presente questões referentes ao manejo animal e à infraestrutura da propriedade rural, obrigações típicas para o rastreamento animal. As certificações BPA e GLOBALG.A.P. foram as mais exigentes, sendo que as dimensões gestão dos recursos humanos (GRH) e do ambiente (GAm) e infraestrutura tiveram marcada participação no resultado da nota final. Na Certificação Orgânica...

Certificação da castanha-do-brasil e o desenvolvimento sustentável : análise de programas de certificação e de sua aplicação em empreendimentos castanheiros amazônicos

Oliveira, Fabiana Ikeda de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.28%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2011.; O objetivo dessa pesquisa é verificar se, e em que medida, a certificação socioambiental contribui para a sustentabilidade econômica, social e ambiental da cadeia da castanha-do-brasil e dos empreendimentos castanheiros certificados. Para tanto, analisa, dentro de um contexto de mudança da sociedade contemporânea frente à crise ambiental global, a interrelação entre o desenvolvimento sustentável, a região amazônica e a formação de mercados que buscam atender o consumidor preocupado com questões sociais e ambientais. Em seguida, busca entender quem são e como se organizam as comunidades agroextrativistas, analisando sua atividade produtiva, com foco na cadeia da castanha-do-brasil. Finalmente, compara os princípios de certificação florestal, de comércio justo e orgânica e a aplicação prática da certificação em cinco empreendimentos castanheiros selecionados. No desenvolvimento deste estudo, foram realizadas pesquisas bibliográficas, análise de dados secundários e análise de dados primários, coletados em entrevistas semi-estruturadas. A hipótese de que a certificação constitui-se mais como conseqüência...

Certificação e-business : desenvolvimento de uma proposta de melhoria para a especificação QWEB

Costa, Acácio Rui dos Santos
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
37.23%
Dissertação de mestrado em Engenharia de Sistemas; Na actual era digital, o e-commerce e e-business são já uma realidade para uma grande parte das organizações. Um factor crítico de sucesso em e-bussiness é a confiança que o cliente deposita no fornecedor, fidelizando-o para futuras novas compras. Uma forma de mostrar aos clientes que o fornecedor utiliza um conjunto de boas práticas é através da utilização de algum tipo de certificação. Uma certificação é um reconhecimento por uma entidade certificadora externa e independente do cumprimento pela organização de um conjunto de regras definidos numa norma ou especificação técnica. Em e-business, uma organização certificada inclui no seu portal o logótipo da certificação. VeriSign, BBB - Better Business Bureaus, TRUSTe, WebTrust, Trusted Shops, BuySafe e QWEB são alguns exemplos de sistemas de certificação online. A Especificação QWEB, propriedade da International Certification Network (IQNet), define um conjunto de regras e boas práticas para a certificação de actividades de e-commerce e e-business. A última versão da Especificação QWEB (versão 2.0) data de 1 de Janeiro de 2005. Com o presente trabalho pretendeu-se construir uma proposta de melhoria para a Especificação QWEB que incorporasse novas perspectivas dos diversos agentes envolvidos...

A Certificação Ambiental em Empresas de Construção Civil

Felgueiras, João Pedro Macedo
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Dissertação de Mestrado em Engenharia Civil; Dado o destaque que a gestão ambiental tem vindo a assumir no seio de todas as actividades económicas, e dada a influência que o sector da construção civil assume ao nível do consumo de recursos e da produção de resíduos, entendeu-se que seria pertinente investigar o processo de implementação e certificação de SGAs, neste sector. Os principais objectivos deste trabalho de investigação consistiram na identificação das principais motivações para a implementação e certificação de SGAs e dos principais benefícios e dificuldades associadas à implementação e certificação de SGAs, nas empresas do sector da construção civil, em Portugal. Os resultados deste estudo indicam que as principais motivações das empresas, para a implementação e certificação de um SGA, passam por “evidenciar a conformidade com os requisitos legais”, “adquirir vantagens competitivas associadas à maior predisposição dos consumidores para a compra dos seus produtos e serviços” e “conferir capacidade de resposta a situações de emergência”. Os principais benefícios obtidos, com a implementação e certificação do SGA, foram o “aumento da reciclagem e reutilização interna de matérias-primas”...

Reconhecimento, validação e certificação de competências do nível básico três e o ensino básico recorrente do terceiro ciclo: contributos para a empregabilidade

Faleiro, Rosa Maria Ribeiro
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2005 POR
Relevância na Pesquisa
37.36%
Dissertação de mest., Ciências da Educação, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Universidade do Algarve, 2006; O presente trabalho de investigação estuda o Ensino Básico Recorrente do terceiro ciclo e o Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências do nível básico três, na qualidade de sistemas de certificação do nono ano que podem contribuir para a empregabilidade. Pretende analisar os resultados de certificação (conclusão/não conclusão do nono ano) do Ensino Básico Recorrente do terceiro ciclo e do Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências do nível básico três, procurando ainda estabelecer relações entre esses resultados e as características quer do funcionamento organizativo e pedagógico-didáctico dos sistemas em causa, quer do perfil social dos formandos. Constitui também um objectivo da investigação, analisar os contributos dos dois sistemas na empregabilidade dos adultos que os frequentaram. O quadro teórico de referência é construído em torno das temáticas de: Aprendizagem ao Longo da Vida; Educação e Formação de Adultos; Ensino Básico Recorrente do terceiro ciclo; Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências do nível básico três; e Empregabilidade. O estudo empírico...

Soluções construtivas e certificação energética dos edifícios na Beira Interior

Sebastião, Patrícia Nunes
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
O Decreto-Lei n.80/2006 de 4 de Abril, Regulamento das Características de Comportamento Térmico dos Edifícios (RCCTE) veio estabelecer requisitos de qualidade para os novos edifícios de habitação e de pequenos serviços sem serviços de climatização, nomeadamente ao nível das características da envolvente (paredes, envidraçados, pavimentos e coberturas). Indicamse as regras a observar no projecto de modo que as exigências de conforto térmico, sejam elas de aquecimento ou de arrefecimento, ventilação e de águas quentes sanitárias possam ser satisfeitas de forma a usar sistemas mais eficientes e fontes energéticas com menos impacto em termos de consumo de energia primária. O Sistema Nacional de Certificação Energética e da Qualidade do Ar Interior nos Edifícios (SCE), tem por objectivo assegurar que as condições de eficiência energética, a utilização de sistemas de energias renováveis, exigências e disposições contidas no RCCTE sejam aplicadas de forma regulamentar. Tendo presente a significativa importância da certificação energética, o presente trabalho tem como objectivo analisar o processo de Certificação Energética dos Edifícios previsto na legislação nacional e o seu grau de implementação na Beira Interior...

Educação, formação profissional e certificação de conhecimentos: considerações sobre uma política pública de certificação profissional

Moraes,Carmen Sylvia Vidigal; Lopes Neto,Sebastião
Fonte: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes Publicador: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2005 PT
Relevância na Pesquisa
37.23%
Existem, no Brasil, duas formas de certificação, organizadas de acordo com os distintos propósitos, público-alvo e interesses que as orientam. De um lado, a certificação regulamentada do ensino nos seus diferentes níveis, mas mantendo a dissociação entre certificação e formação profissional na "educação profissional básica"; e, de outro, as medidas alinhadas às demandas do mercado, interessadas no reconhecimento formal de competências adquiridas no exercício de trabalho, com o objetivo de aumentar a competitividade. As reflexões aqui realizadas visam contribuir para a elaboração de uma política pública que integre a formação profissional no sistema nacional de educação e normalize a validação das qualificações profissionais no sistema escolar, promovendo a superação da dicotomia entre educação/certificação escolar e formação/certificação profissional, e possibilitando, aos candidatos à certificação profissional, o reconhecimento social e o aproveitamento de seus conhecimentos para fins de continuidade de estudos e de inserção e progressão profissional.

A certificação de desempenho ambiental de prédios: exigências usuais e novas atividades na gestão da construção

Piccoli,Rossana; Kern,Andrea Parisi; González,Marco Aurélio; Hirota,Ercília Hitomi
Fonte: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC Publicador: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - ANTAC
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2010 PT
Relevância na Pesquisa
37.26%
Sistemas de certificação ambiental de edifícios têm sido desenvolvidos, em diversos países, em decorrência dos significativos impactos ambientais causados pela construção civil. No Brasil já existem alguns empreendimentos certificados e outros em processo de certificação, ainda que seguindo sistemas estrangeiros. Em síntese, esses sistemas de certificação são compostos de critérios de avaliação que consideram diferentes aspectos ambientais, organizados em categorias. A certificação é concedida de acordo com o desempenho do edifício diante desses critérios. O presente artigo apresenta resultados de um estudo de caso no qual foram analisadas as peculiaridades na gestão da construção de edifícios candidatos a essa modalidade de certificação, identificando-se atividades usuais e novas atividades, quando comparadas à gestão da construção de edifícios, sem o interesse na certificação. Como estratégia de pesquisa realizou-se um estudo de caso durante a fase de produção de um prédio comercial que buscou a certificação de nível Gold do sistema norte-americano LEED. Os resultados apontam que o sistema de certificação exigiu atividades usualmente realizadas na fase de projeto, porém com um nível maior de envolvimento por parte dos projetistas. Na fase de produção...

Qualidade e certificação de produtos agropecuários.

PESSOA, M. C. P. Y.; SILVA, A. de S.; CAMARGO, C. P.
Fonte: Brasília, DF: Embrapa Informação Tecnológica: Embrapa-Secretaria de Administração Estratégica, 2002 Publicador: Brasília, DF: Embrapa Informação Tecnológica: Embrapa-Secretaria de Administração Estratégica, 2002
Tipo: Texto para Discussão (ALICE) Formato: 188 p.
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.39%
"Produtos verdes" e iniciativas em apoio à qualidade ambiental; Busca por produtos de qualidade ambiental atestada; Leis ambientais, rotulagem e benefícios da certificação nos anos 90; A semente da qualidade ambiental; Produtos agropecuários e principais problemas sanitários que afligem o consumidor; Resíduos de agrotóxicos; Doença da "vaca louca"; Contaminação de produtos agropecuários por microrganismos; Transgênicos; Mercado brasileiro para exportação de produtos agropecuários e demanda por qualidade de produto e ambiental; Carne de bovinos, suínos e aves; Sementes de qualidade; Certificação - conceitos e instituições; Normalização; Auditorias e inspeções; Selos; Rotulagem; Rastreabilidade; Quem é quem no Brasil em certificação; A ABNT e a certificação; Composição da comissão de certificação da ABNT; O processo de certificação da ABNT; Programas de certificação da ABNT; Como solicitar a certificação ABNT; Organismos de normalização setorial e comitês técnicos de normalização da ABNT; Tipos de certificado da ABNT; Certificação de produtos orgânicos; IBD e sua certificação; Certificação de produção integrada de produtos agropecuários; Certificação ISO 9000 e ISO 14000; Certificação de qualidade de padrões de higiene; Certificação de qualidade da carne bovina brasileira; Certificação verde; Qualidade e certificação de sementes; Certificação fitossanitário de origem - CFO; Selos de qualidade "nota 10"; Eurep-GAP - Protocolo para frutas frescas e vegetais; Iniciativas brasileiras em busca de qualidade e certificação de produtos agropecuários; Projetos APPCC; Produção integrada de frutas; Produção de orgânicos; Projetos e subprojetos de apoio à agricultura orgânica...

Aplicações de certificação digital no Recife: perspectivas em Ciência da Informação

Dorneles, Sânderson Lopes; Fernandes Corrêa, Renato (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
37.23%
O presente trabalho objetiva identificar e analisar aplicações e políticas públicas de certificação digital, desenvolvidas na cidade do Recife, a fim de compreender essa tecnologia da informação e seu uso na gestão de documentos eletrônicos. A utilização da certificação digital atribui credibilidade e valor legal ao registro de informações em suportes digitais, contribuindo para o crescente número dessas informações em ambiente eletrônico. Com base em pesquisa bibliográfica e estudos de caso, este trabalho aborda os conceitos, tecnologias, as políticas públicas a respeito da certificação digital, a Infraestrutura Brasileira de Chaves Pública (ICPBrasil) e as políticas de segurança e preservação da informação adotadas por cada aplicação de certificação digital. Pautado em estudos de caso e coleta de dados por meio de entrevistas, as duas aplicações de certificação digital no Recife, Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) e Programa Minha Certidão, são analisadas quanto conformidade com a ICPBrasil, programas e formatos de computadores utilizados no processo de certificação digital, procedimentos adotados para emissão de certificados e verificação da assinatura digital, local de armazenamento do documento certificado digitalmente...

Certificação florestal: estudo da equivalência dos sistemas

Rezende, Maria Teresa Rodrigues
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Dissertação
POR
Relevância na Pesquisa
37.35%
167 f.: il., tab.; O presente trabalho teve como objetivo estudar como os principais Sistemas de Certificação Florestal existentes no mundo são conduzidos, compará-los com o desenvolvido no âmbito do Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade - SBAC, o Programa Brasileiro de Certificação Florestal - CERFLOR e avaliar se os mesmos são equivalentes no alcance do objetivo comum – Manejo Florestal Sustentável. Foram também, identificados pontos de melhoria para serem propostos e implementados no CERFLOR. A seleção dos sistemas de certificação florestal existentes no mundo, levou em consideração primeiramente, aqueles com atuação em nível mundial, depois se buscou selecionar sistemas que possuíssem similaridades com o sistema de certificação brasileiro, quer em termos geográficos, quer em termos de tipo de florestas.Foram então selecionados, os sistemas de certificação conduzidos pelo Conselho de Manejo Florestal - FSC e Programa para o Reconhecimento dos Esquemas de Certificação Florestal - PEFC, de atuação em nível global e os nacionais: Esquema de Certificação Florestal da Austrália - AFCS (Austrália), Programa de Manejo Florestal do Canadá - CSA – SFM (Canadá), Esquema de Certificação Florestal do Chile - CERTFOR (Chile) e Conselho de Certificação da Madeira da Malásia - MTCC (Malásia)...

Avaliação dos principais sistemas de certificação florestal praticados no mundo de interesse para o Brasil

Rezende, Maria Teresa Rodrigues; Amaral, Sérgio Pinto
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
POR
Relevância na Pesquisa
37.31%
17 p. : il.; O presente trabalho teve como objetivo estudar como os principais Sistemas de Certificação Florestal existentes no mundo são conduzidos, com relação ao processo de acreditação e certificação, compará-los com o desenvolvido no âmbito do Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade - SBAC, o Programa Brasileiro de Certificação Florestal - CERFLOR e avaliar se os mesmos são equivalentes no alcance do objetivo comum – Manejo Florestal Sustentável. Foram selecionados, os sistemas de certificação conduzidos pelo Conselho de Manejo Florestal - FSC e Programa para o Reconhecimento dos Esquemas de Certificação Florestal - PEFC, de atuação em nível global e os nacionais: Esquema de Certificação Florestal da Austrália - AFCS (Austrália), Programa de Manejo Florestal do Canadá - CSA – SFM (Canadá), Esquema de Certificação Florestal do Chile - CERTFOR (Chile) e Conselho de Certificação da Madeira da Malásia - MTCC (Malásia), além do CERFLOR (Brasil). De acordo com os resultados obtidos pelo presente estudo, os sete sistemas de certificação florestal foram considerados equivalentes na busca do objetivo comum, manejo florestal sustentável, possuindo características operacionais próprias...

Certificação florestal: estudo da equivalência dos sistemas: normalização

Rezende, Maria Teresa Rodrigues; Amaral, Sérgio Pinto
Fonte: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia Publicador: Inmetro - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia
Tipo: Trabalho apresentado em evento / Paper
POR
Relevância na Pesquisa
37.28%
19 p. : il.; O presente trabalho teve como objetivo estudar como os principais Sistemas de Certificação Florestal existentes no mundo são conduzidos, com relação ao processo de normalização e o conteúdo das normas, compará-los com o desenvolvido no âmbito do Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade - SBAC, o Programa Brasileiro de Certificação Florestal - CERFLOR e avaliar se os mesmos são equivalentes no alcance do objetivo comum – Manejo Florestal Sustentável. Foram selecionados, os sistemas de certificação conduzidos pelo Conselho de Manejo Florestal - FSC e Programa para o Reconhecimento dos Esquemas de Certificação Florestal - PEFC, de atuação em nível global e os nacionais: Esquema de Certificação Florestal da Austrália - AFCS (Austrália), Programa de Manejo Florestal do Canadá - CSA – SFM (Canadá), Esquema de Certificação Florestal do Chile - CERTFOR (Chile) e Conselho de Certificação da Madeira da Malásia - MTCC (Malásia), além do CERFLOR (Brasil). De acordo com os resultados obtidos pelo presente estudo, os sete sistemas de certificação florestal foram considerados equivalentes na busca do objetivo comum, manejo florestal sustentável, possuindo características operacionais próprias...

Processo de transição do sistema de acreditação para o sistema de certificação de entidades formadoras, segundo o referencial normativo da DGERT; o caso da Iconefile, Formação & Consultoria Lda.

Ramos, Arminda Cristina de Faria
Fonte: Instituto Politécnico do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
Trabalho de Projeto Mestrado em Gestão e Desenvolvimento de Recursos Humanos; Este trabalho tem como objetivo intervir na área dos Recursos Humanos, especificamente no subprocesso Formação & desenvolvimento. Neste sentido identificamos a Iconefile formação & consultoria Lda como Entidade Acolhedora do Projeto. O diagnóstico permitiu identificar como potencialidade de intervenção a preparação do processo de transição do sistema de acreditação para a certificação, segundo a metodologia da DGERT. Considerando os requisitos definidos no Guia de Certificação de Entidades formadoras, versão 2:11 da DGERT, procedeu-se ao diagnóstico da entidade acolhedora, seguindo-se a configuração da potencialidade identificada, o planeamento estratégico e operacional da estratégia. Terminamos com a avaliação e validação do projeto com recurso a auditoria interna, uma vez que a concessão da certificação pela DGERT não será possível antes de fevereiro de 2015. Os resultados da auditoria interna permitiram concluir a eficiência e eficácia do planeamento e da implementação, dado que evidenciaram a inexistência de não conformidades no projeto de intervenção. Sendo a finalidade deste projeto garantir que a Iconefile...

Soluções construtivas e certificação energética dos edifícios na Beira Interior

Sebastião, Patrícia Nunes
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
37.26%
O Decreto-Lei n.80/2006 de 4 de Abril, Regulamento das Características de Comportamento Térmico dos Edifícios (RCCTE) veio estabelecer requisitos de qualidade para os novos edifícios de habitação e de pequenos serviços sem serviços de climatização, nomeadamente ao nível das características da envolvente (paredes, envidraçados, pavimentos e coberturas). Indicamse as regras a observar no projecto de modo que as exigências de conforto térmico, sejam elas de aquecimento ou de arrefecimento, ventilação e de águas quentes sanitárias possam ser satisfeitas de forma a usar sistemas mais eficientes e fontes energéticas com menos impacto em termos de consumo de energia primária. O Sistema Nacional de Certificação Energética e da Qualidade do Ar Interior nos Edifícios (SCE), tem por objectivo assegurar que as condições de eficiência energética, a utilização de sistemas de energias renováveis, exigências e disposições contidas no RCCTE sejam aplicadas de forma regulamentar. Tendo presente a significativa importância da certificação energética, o presente trabalho tem como objectivo analisar o processo de Certificação Energética dos Edifícios previsto na legislação nacional e o seu grau de implementação na Beira Interior...

Certificação e rastreabilidade no agronegócio: instrumentos cada vez mais necessários; Texto para Discussão (TD) 1122: Certificação e rastreabilidade no agronegócio: instrumentos cada vez mais necessários; Certification and traceability at agribusiness instruments: increasingly necessary

Conceição, Júnia Cristina P. R. da; Barros, Alexandre Lahóz Mendonça de
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
37.31%
A discussão econômica sobre a certificação de produtos agrícolas é ampla e complexa. O debate sobre qual é o nível adequado da intervenção governamental na certificação é atual e muito procedente. A teoria tem demonstrado que a certificação obrigatória é mais eficiente para mercados em que há assimetria de informação e menos eficientes para questões ambientais ou outras externalidades associadas à produção ou consumo (Golan et alli, 2000). O presente trabalho tem por objetivo apresentar um arcabouço analítico que permita organizar as peças fundamentais a serem trabalhadas no que concerne ao processo de certificação e rastreabilidade. Em especial, pretende-se elaborar a estrutura de decisão que envolve tanto o setor privado quanto o setor público, estabelecendo os elementos relevantes na tomada de decisão dos agentes no que diz respeito à certificação da produção. Do ponto de vista do papel do setor público, a pergunta central a ser respondida é se a política de certificação e rastreabilidade deve ser mandatória ou de estímulo à adesão voluntária. A experiência internacional parece sugerir que há espaço para ambas estratégias, cabendo estudar cada caso específico. Para organizar o raciocínio ao redor dessa questão-chave...