Página 1 dos resultados de 2 itens digitais encontrados em 0.058 segundos

Teoria financeira aplicada à seleção de portfolios = Financial theory applied to portfolios selection.

Lima, Antonieta Maria Sousa
Fonte: Universidade Portucalense Publicador: Universidade Portucalense
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em /03/2013 POR
Relevância na Pesquisa
45.87%
O objetivo desta tese é explorar e analisar os modelos multicritérios, em especial a aplicação da metodologia ELECTRE III, com o intuito de construir carteiras defensivas, numa estratégia buy and hold, onde todos os critérios e alternativas têm pesos iguais, utilizando rácios financeiros (ROA, ROE, FA, GL e RL). Assim sendo, primeiramente selecionamos ações transacionadas no PSI-Geral, de 1999 a 2011, e seguidamente definimos um período inicial / histórico, onde oito carteiras foram construídas uma para cada período, e um período de acompanhamento, considerando um, dois e três anos de monitorização. Ao realizar uma análise descritiva a cada carteira individualmente, considerando todos os períodos, e uma análise estatística apenas para os períodos de acompanhamento, comparamos as rentabilidades e índice de Sharpe calculados para o ELECTRE III, CAPM, e PSI-20 TR. No caso específico de análise estatística realizamos testes paramétricos (t-student e ANOVA one-way) e testes não paramétricos (Kruskal-Wallis e Mann-Whitney), subdividido em duas amostras: uma única amostra de 2005-2011; e duas sub amostras, uma de 2005 a 2007, e outra de 2008 a 2011. A análise descritiva indica-nos que...

A Gestão de Carteira de Acções aplicada ao mercado espanhol

Monteiro, Pedro Matoso Coimbra Sacramento
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
156.31%
Mestrado em Finanças; A presente dissertação teve como objetivo principal analisar e comparar a gestão ativa e passiva de um determinado portfolio constituído por ações do Índice Bolsista Espanhol (IBEX 35). Na gestão ativa utilizaram-se dois modelos: uma carteira de ações determinada através do modelo de otimização de Markowitz, e uma carteira de ações resultante do modelo de variância mínima. Na gestão passiva recorreu-se a uma carteira de ações com pesos iguais. O período de tempo considerado para o efeito foi de 10 anos, de 1997 a 2006. A gestão ativa do portfolio, com base nos dois modelos considerados, consistiu na revisão mensal das proporções investidas em cada uma das ações que compuseram a carteira tendo em conta a evolução do mercado. A gestão passiva implicou um investimento de proporções iguais nos ativos constituintes da carteira, proporções essas que se mantiveram inalteradas durante o período em análise e que, portanto, não tiveram em conta a evolução do mercado. Para a determinação das ponderações das carteiras dos três modelos, utilizou-se um ?sistema de janela? de 1 e 2 anos. Um segundo objetivo deste trabalho foi perceber o impacto dos custos de intermediação financeira no desempenho dos portfolios de ações. Com este estudo...