Página 1 dos resultados de 1084 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Viabilidade do emprego do benzotriazol (BTAH) e do cloreto de dodecilamônio (DAC) como inibidores de corrosão para o aço-carbono em processos de hidrojateamento e na composição de tintas á base d´água; Viability of the employ of benzotriazole (BTAH) and BTAH/dodecylammonium chloride (DAC) as corrosion inhibitors for carbon steel on hydroblasting processes and water based paint composition

Custódio, Juliana Vieira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/05/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.4%
Foi estudada a viabilidade do emprego do benzotriazol (BTAH) e da mistura BTAH/cloreto de dodecilamônio (DAC) como inibidores de corrosão do aço-carbono 1005. Os inibidores foram testados em três situações: em processos de hidrojateamento e jateamento, quando adicionados a um primer acrílico de base água e a um filme prévio sobre a superfície do aço, antes da aplicação do primer. O aço foi estudado em meios de água com diversos graus de pureza na ausência e presença de BTAH e de BTAH/DAC. Foram feitos ensaios de perda de massa, medidas de potencial de circuito aberto, de tensão superficial e de condutividade, polarização potenciostática e potenciodinâmica, espectroscopia de impedância eletroquímica, microscopia eletrônica de varredura e espectroscopia por dispersão de energia. O melhor desempenho do BTAH como inibidor é em água bidestilada com eficiência da ordem de 100%; a adição de DAC às soluções contendo BTAH diminui a ação inibidora para 50%. A adição de BTAH ao primer impede o efeito de barreira deste e a eficiência inibidora se torna comparável à observada quando o aço, sem revestimento, é imerso no eletrólito contendo BTAH. O BTAH promove a formação de um filme prévio sobre o aço quando exposto a uma atmosfera úmida e depois imerso em água bidestilada contendo BTAH. A presença deste filme não modifica as características protetoras do primer comercial.¶; The viability of the use of benzotriazole (BTAH) and BTAH/dodecylammonium chloride (DAC) as corrosion inhibitors for 1005 carbon steel was studied. The inhibitors were tested on blasting and hydroblasting processes...

"Influência de inibidores no comportamento de corrosão de aço CA-50 para armadura de estruturas de concreto" ; Evaluation of the potent ial of addi tives as corrosion inhibitors of CA-50 carbon steel used as reinforcement in concretes.

Mennucci, Marina Martins
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.41%
Neste trabalho, vários tipos de compostos foram testados com o objetivo de avaliar sua potencialidade para uso como inibidores de corrosão de armadura de aço carbono em concreto armado. Os aditivos testados foram benzoato de sódio, benzotriazol, carbonato de ítrio, polietilenoglicol, e hexametilenotetramina. Inicialmente foram realizados ensaios exploratórios para seleção dos candidatos potenciais entre os compostos testados com base na eficiência de inibição determinada por ensaios eletroquímicos, especificamente ensaios de polarização e espectroscopia de impedância eletroquímica. Os ensaios eletroquímicos foram realizados em uma solução sintética composta por 0,01N de hidróxido de sódio (NaOH) mais 0,05N de hidróxido de potássio (KOH), para simular a composição da solução dentro dos poros no concreto. O aditivo que apresentou melhor potencialidade para uso como inibidor de corrosão foi o benzotriazol (BTA). Após eliminação dos compostos que apresentaram potencial de plicação, e seleção do candidato com maior eficiência de inibição no meio de estudo, o efeito da sua concentração na resistência à corrosão foi avaliado. Soluções de nitrito de sódio foram também usadas nas mesmas oncentrações que as adotadas para as de BTA para efeito de comparação. O nitrito de sódio é um inibidor de corrosão já estabelecido para reforços de aço carbono em concreto...

Oxidação do aço carbono 1008 em meio aquoso aerado de ácido sulfúrico: estudo do sinergismo álcool-benzotriazol como inibidores; Effect of benzotriazole (BTAH) as inhibiting of corrosion for the 1008 carbon steel using as solvent water and mixtures water-alcohol

Ribas, Gisele Cristiane Becher
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/01/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.44%
Foi realizado o estudo do sinergismo álcool - benzotriazol como inibidores de oxidação para o aço carbono 1008 em meio de H2SO4 0,5 mol/L-1. Foram utilizados os álcoois metanol, etanol e propanol em frações molares iguais a 0,008. Utilizaram-se como técnicas para o estudo eletroquímico das interfaces: medidas de potencial de circuito aberto em função do tempo, ensaios gravimétricos, curvas de polarização potenciostática anódica e catódica e espectroscopia de impedância eletroquímica. A caracterização da superfície e a análise dos produtos de corrosão foi feita por microscopia óptica; microscopia eletrônica de varredura e espectrometria por dispersão de energia. Os resultados mostraram que a corrosão é generalizada para o aço carbono 1008 em todos meios estudados. O efeito sinérgico álcool BTAH, foi verificado em todos os meios contendo álcool - BTAH 1,0.10-3 mol/L-1. O benzotriazol se comporta como um inibidor catódico e anódico sobre o aço carbono em todos os meios estudados. Estudos de polarização mostraram que na região de Tafel da reação H+/H2 o filme inibidor em meio de BTAH e da mistura etanol - BTAH obedece à isoterma de adsorção de Langmuir. Ensaios por microscopia eletrônica de varredura seguidas de EDS mostraram que as inclusões após ataque em meio de H2SO4 0...

Avaliação de juntas soldadas de aços carbono através do ruído magnético de Barkhausen.; Evaluation of carbon steel welded plates with magnetic Barkhausen noise.

Serna Giraldo, Claudia Patricia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/05/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.4%
Quando os materiais ferromagnéticos se submetem a campos magnéticos variáveis, experimentam uma mudança na indução que acontece de forma discreta constituindo os saltos de Barkhausen. Estes saltos são conseqüência da interação entre as paredes de domínio se movimentando e os pontos de ancoragem que atuam como barreiras à sua movimentação. Se durante a aplicação do campo variável, coloca-se uma bobina sensora na superfície da amostra, a mudança no fluxo magnético induz uma seqüência de pulsos de tensão elétrica que conformam o sinal de Ruído Magnético de Barkhausen (RMB). Nos últimos anos tem sido publicados trabalhos que mostram que o RMB depende da microestrutura, do teor de carbono, da dureza, do estado de tensões, da deformação, da condição superficial e da anisotropia, fazendo possível utilizá-lo como um método de ensaio não destrutivo para o monitoramento microestrutural de materiais. Esta tese mostra a aplicabilidade do RMB para avaliar a variação microestrutural em juntas soldadas de aço estrutural ASTM A36. A soldagem realizou-se em chapas de 6 mm de espessura com preparação de chanfro em V, com um e dois passes, e com tratamento posterior de alívio de tensões. Fizeram-se a caracterização de microestruturas e microdurezas numa seção transversal da junta soldada. Numa linha na superficie da chapa transversal ao cordão de solda...

Avaliação do molibdato de sódio, tungstato de sódio e um copolímero a base de silano como inibidores de corrosão para o aço carbono ABNT 1005 em meio de NaCI 3,5%.; Evaluate the sodium molibdate, sodium tungstate and one copolymer of silane as corrosion inhibitor of the carbon steel ABNT 1005 in sodium chloride 3.5%.

Modesto, Marina Gracinda
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 25/08/2008 PT
Relevância na Pesquisa
66.49%
O objetivo deste trabalho consiste em avaliar o molibdato de sódio (Na2MoO4), o tungstato de sódio (Na2WO4) e um copolímero a base de silano polioxialquileno e polidimetilsiloxano modificado (CPPM) como inibidores de corrosão para o açocarbono ABNT 1005 em meio de NaCl 3,5%. O estudo compreendeu na exposição do metal no meio proposto na ausência e presença de concentrações crescentes das substâncias estudadas. As técnicas utilizadas foram: ensaios de imersão com medida de perda de massa; medida de potencial de corrosão (Ecorr); espectroscopia de impedância eletroquímica (EIE) e curvas de polarização potenciodinâmicas anódicas e catódicas (Cpol). Os resultados dos ensaios de imersão com medida de perda de massa mostraram que a velocidade de corrosão do aço-carbono ABNT 1005 em meio de água do mar é menor que a velocidade de corrosão em meio de NaCl 3,5%. Os valores de potenciais de corrosão mostraram que o Na2MoO4 e Na2WO4 deslocaram os potenciais para valores mais positivos indicando um comportamento de inibidores anódicos. Os parâmetros obtidos pela técnica de EIE mostraram que para o Na2MoO4 o melhor tempo de imersão foi de 6 horas e para o Na2WO4 foi de 12 horas, com eficiências de 70% e 77%, respectivamente. As Cpol confirmaram os resultados de potenciais de corrosão...

Estudos de interfases eletroquímicas envolvendo aço-carbono, aço galvanizado e zinco em meios eletrolíticos, na ausência e presença de benzotriazol; Electrochemical interphases studies involving carbon steel, galvanized steel and zinc in electrolytic media, in the absence and presence of benzotriazole

Custódio, Juliana Vieira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/11/2010 PT
Relevância na Pesquisa
66.6%
O comportamento eletroquímico do aço-carbono 1005, do aço galvanizado e do zinco foi estudado em meios aerados de ácido sulfúrico 0,5 mol.L-1 (aço-carbono) e cloreto de sódio 0,01 mol.L-1 na ausência e presença do inibidor de corrosão benzotriazol (BTAH), a 25 ºC. Foram empregadas como técnicas ensaios gravimétricos, medidas de transitórios de potencial de circuito aberto, voltametria linear, espectroscopia de impedância eletroquímica (EIE), varredura com eletrodo vibratório (SVET), microscopia eletrônica de varredura (MEV), espectroscopia por dispersão de energia (EDS), espectroscopia eletrônica de raio X (XPS), espectroscopia Raman. O BTAH se mostrou inibidor para os três materiais metálicos nos meios estudados, comportando-se como inibidor misto. A sua ação inibidora decresce na ordem Zn>aço carbono>aço galvanizado em meio de cloreto de sódio. Para o aço-carbono em meio de ácido sulfúrico a adição de íons Cu(II) eleva a eficiência do BTAH, mas em tempos mais elevados de imersão há formação de cobre metálico que promove corrosão galvânica. Em meio de cloreto de sódio os filmes formados sobre aço e sobre zinco correspondem aos respectivos complexos Fe(III) e Fe(II) e de Zn(II) com BTAH. A ação sobre o zinco do BTAH...

Avaliação de alternativas ao uso de níquel e cromatos no processo de fosfatização tricatiônico aplicado ao aço carbono; Evaluation of alternatives to nickel and chromate in the tricationic phosphating process of carbon steel

Yamaguti, Rosele Correia de Lima
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/02/2012 PT
Relevância na Pesquisa
66.4%
Camadas de fosfato tricatiônico são largamente utilizadas na indústria automotiva como proteção contra corrosão e adesão de revestimentos orgânicos ao substrato de aço. A combinação do fosfato e revestimento proporciona à superfície metálica, alta durabilidade à corrosão. Porém a camada cristalina obtida com este tipo de fosfato apresenta poros entre os cristais, expondo o substrato metálico ao ambiente corrosivo, tornando importante um tratamento de passivação após fosfatização. O tratamento comercial de fosfatização tricatiônico e subsequente passivação envolvem o uso de elementos tóxicos, tais como níquel e cromo hexavalente, produzindo resíduos que são prejudiciais ao ambiente e seu uso têm sido cada vez mais proibido. O objetivo do presente estudo é investigar o efeito da troca do níquel, no processo de fosfatização, pelo composto de nióbio (oxalato de nióbio e amônio) com relação à resistência à corrosão do aço fosfatizado. Esta investigação foi realizada através de métodos eletroquímicos, utilizando-se principalmente ensaios de polarização potenciodinâmica e técnicas de espectroscopia de impedância eletroquímica (EIE); como também ensaios de névoa salina. Para caracterização superficial das camadas de fosfato foram adotadas...

Using the electrochemical impedance spectroscopy to characterize carbon steel in biodiesel medium

Akita, A. H.; Fugivara, C. S.; Aoki, I. V.; Benedetti, A. V.
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: 71-77
ENG
Relevância na Pesquisa
66.44%
Electrochemical impedance spectroscopy measurements using two carbon steel electrodes in soybean biodiesel medium, produced by methylic route, were performed in an electrochemical cell that allows positioning the two electrodes face-to-face. To retain the biodiesel between the electrodes and prevent its leakage a porous membrane soaked in biodiesel was used. The amplitude of the AC potential and the area of the electrodes were varied. The linearity between disturbance and response signals was observed for tests when the amplitude of the AC potential was lower than 1500 mV (rms). The electrical resistance of biodiesel dominates the global response and carbon steel presents low corrosion, which is observed only at low frequency, and was confirmed by chemical tests performed in the membrane. In conclusion the electrical resistance of biodiesel can be estimated using electrochemical impedance spectroscopy with two electrodes set up. ©The Electrochemical Society.

Electrochemical evidences of linalyl acetate (LA) adsorption on low-carbon steel in aqueous and ethanol medium

Grosser,Fabiana N.; Barros,Tainá I. T.; Gonçalves,Reinaldo S.
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2014 EN
Relevância na Pesquisa
66.44%
The electrochemical behavior of low-carbon steel in 0.10 mol L-1 KNO3 aqueous solutions and 0.10 mol L-1 tetraethyl ammonium chloride ethanolic solutions was studied in absence and with different concentrations of linalyl acetate (LA). Electrochemical techniques such as potentiometry, cyclic voltammetry, chronoamperometry, Tafel polarization and electrochemical impedance spectroscopy were used in order to comprehend the interaction between the organic compound and electrode surface. Experiments involving weight loss measurements were performed. LA adsorbs on the low-carbon steel surface even in the presence of a large amount of water or ethanol. The adsorption energy for this process was -25.98 kJ mol-1 for aqueous solutions and -26.71 kJ mol-1 for ethanolic solutions. It was also detected that the adsorbed species on metal surface decreases the anodic current density values as well as the weight loss of the metal species. This effect allows us to classify the linalyl acetate as a green corrosion inhibitor of low-carbon steel in aqueous and ethanol medium.

The influence of plastic deformation on the structure of passive films on carbon steel in simulated pore solution

Feng,Xingguo; Lu,Xiangyu; Zuo,Yu; Chen,Da
Fonte: Sociedade Brasileira de Química Publicador: Sociedade Brasileira de Química
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2014 EN
Relevância na Pesquisa
66.44%
The process of passivation of carbon steel when experiencing plastic deformation in simulated pore solution has been studied using electrochemical tests and atomic force microscopy (AFM). The polarization results show that the activity of the carbon steel increased with increasing degree of deformation. Before the passive films were ruptured, the heavily deformed samples presented a high open circuit potential (OCP). On the other hand, the pitting incubation time decreased with increasing plastic deformation. The Mott-Schottky results suggested that the high deformation caused the passive films to be heavily doped. In addition, the space charge layers of passive films were thinned when the plastic deformation increased. The AFM observations indicated that the passive films become more inhomogeneous as the deformation increased. These results demonstrate that passive films on the deformed carbon steel become unstable when the plastic deformation increases.

A study of isochronal austenitization kinetics in a low carbon steel

Lopes,Maximiano Maicon Batista; Cota,André Barros
Fonte: Escola de Minas Publicador: Escola de Minas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 EN
Relevância na Pesquisa
66.38%
The austenite formation under isochronal conditions in Nb microalloyed low carbon steel was studied by means of dilatometric analysis and the data was adjusted to the Johnson-Mehl-Avrami-Kolmogorov (JMAK) equation, for different heating rates and for three initial microstructures. It was shown that the kinetics of austenitization of a pearlite+ferrite structure is faster than that of martensite (tempered martensite) at a heating rate of 0.1ºC/s. For heating rates higher than 0.1ºC/s, the kinetics of austenitization of a martensite structure is faster than of pearlite+ferrite one. The K parameter of the JMAK equation increases with the heating rate for the three previous microstructures and it is greater for the initial microstructure composed of ferrite+pearlite. At lower heating rates, the formation of austenite in this steel is controlled by carbon diffusion, independently of the initial microstructure. At higher heating rates, the formation of austenite from an initial microstructure composed of pearlite and ferrite is controlled by interface-controlled transformation.

Studies of the properties of heat treated rolled medium carbon steel

Oluyemi,Daramola O.; Oluwole,Oladele Isiaka; Adewuyi,B. O.
Fonte: ABM, ABC, ABPol Publicador: ABM, ABC, ABPol
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 EN
Relevância na Pesquisa
66.54%
Investigations were carried out to study critically the effects of heat treatment on the properties of rolled medium carbon steel. Representative samples of as-rolled medium carbon steel were subjected to heat treatment processes which are; Quenching, Lamellae Formation and Tempering in the following order (Q + Q + L + T), (Q + L + T) and (L + T). The steel was heated to the austenizing temperature of 830 ºC and water quenched. The quenched steel was subjected to lamellae formation by reheating it to the ferrite-austenite dual-phase region at a temperature of 745 ºC below the effective A C3 point and then rapidly quenched in water. The lamellae formed was tempered at 480 ºC to provide an alloy containing strong, tough and lath martensite in a soft and ductile ferrite matrix. Mechanical tests were carried out on the samples and the results shows that the steel developed has excellent combination of tensile strength, hardness and impact strength which is very good for structural applications. The corrosion behaviour of the samples; heat treated rolled medium carbon steel and as-rolled medium carbon steel in sodium chloride medium were also investigated from where it was also confirmed that improved corrosion resistance is achievable by the treatment.

Aqueous extracts of mango and orange peel as green inhibitors for carbon steel in hydrochloric acid solution

Rocha,Janaina Cardozo da; Gomes,José Antônio da Cunha Ponciano; D'Elia,Eliane
Fonte: ABM, ABC, ABPol Publicador: ABM, ABC, ABPol
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2014 EN
Relevância na Pesquisa
66.44%
In this paper, aqueous extracts of mango and orange peels were shown to be good corrosion inhibitors for carbon steel in a 1 mol L- 1 HCl solution. The inhibition efficiency increased as the extract concentration increased over a concentration range of 200-600 mg L- 1, varying from 79 to 96% (mango) and 84 to 91% (orange) using Tafel plots and from 69 to 94% (mango) and 76 to 90% (orange) using electrochemical impedance. In the presence of 400 mg L- 1 of mango and orange peel extracts, the weight loss measurements showed an increase in the inhibition efficiency with immersion time, where the best results after 24 h of immersion were 97% and 95%, respectively. The adsorption of the extract components on the surface of the carbon steel follows the Langmuir adsorption isotherm. With the extraction procedure used in this work, it can be surmised that it is likely that the more polar heterosides in the extracts are responsible for the corrosion inhibition of carbon steel in an acid solution.

Uso do silano BTSE na proteção contra a corrosão de laminados de aço carbono.; The use of the silane bis-1,2-(triethoxysilyl) ethane (BTSE) in the protection against corrosion of rolled carbon steel (SCR).

Capiotto, Nelson
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.42%
Este trabalho apresenta os estudos das principais etapas que envolvem o uso do silano bis-trietoxisililetano (BTSE) na proteção contra a corrosão de laminados de aço carbono que são: o tratamento alcalino, a hidrólise do silano e a cura dos filmes obtidos. Através da técnica de análise espectroscópica na região do infravermelho foi possível obter os espectros de absorção do silano BTSE em concentrações da ordem de 2% em solução aquo-etanólica. O acompanhamento em função do tempo, da transmitância da banda na região de 1067 cm-1, que se refere às ligações hidrolisáveis do silano BTSE (Si-OEt), possibilitou estabelecer as condições ideais de hidrólise do silano BTSE em soluções aquo-etanólica, que se dá por volta de 40 minutos em pH=4. Os estudo das reações de hidrólise do silano BTSE neste tipo de solução possibilitou verificar também que as reações de hidrólise não ocorrem em uma única etapa. Através do planejamento fatorial de experimentos e da espectroscopia de impedância eletroquímica (EIS) foi possível medir a impedância real (Z') dos filmes protetivos desenvolvidos sobre superfícies limpas de aço pré-tratadas com soluções alcalinas em diferentes condições. A análise estatística dos dados obtidos...

The Effect of Eclipta Alba Leaves Extract on the Corrosion Inhibition Process of Carbon Steel in Sea Water

Johnsirani,V.; Sathiyabama,J.; Rajendran,S.; Christyc,S.M. Lydia; Jeyasundari,J.
Fonte: Sociedade Portuguesa de Electroquímica Publicador: Sociedade Portuguesa de Electroquímica
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2013 EN
Relevância na Pesquisa
66.38%
The inhibition efficiency [IE] of an aqueous extract of eclipta alba leaves in controlling corrosion of carbon steel in sea water [Thondi, Tamil Nadu, India] has been evaluated by weight loss method. The weight loss study reveals that the formulation consisting of 6 mL of EAE (Eclipta Alba extract) and 25 ppm of Zn2+ has 92% inhibition efficiency in controlling corrosion of carbon steel in sea water. Polarization study reveals that EAE and Zn2+ system functions as a mixed type inhibitor. AC impedance spectra reveal that a protective film is formed on the metal surface. The nature of the metal surface has been analysed by FTIR spectra and AFM analysis.

Electrochemical Studies on the Corrosion Behavior of Carbon Steel in Presence of Cu and Ni

Mobin,Mohammad
Fonte: Sociedade Portuguesa de Electroquímica Publicador: Sociedade Portuguesa de Electroquímica
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 EN
Relevância na Pesquisa
66.53%
The work presented in this paper deals with the investigations on the effect of Cu and Ni on the corrosion behavior of carbon steel under different experimental conditions. Electrochemical techniques like potentiodynamic polarization, linear polarization resistance and AC impedance have been used to investigate the effect of Cu and Ni on the corrosion behavior of carbon steel. The important experimental conditions which include the nature of aqueous medium, metal ion concentration and pH have been taken into account. The instantaneous corrosion parameters as computed by potentiodynamic polarization, linear polarization resistance and AC impedance show an increase in corrosion rates of carbon steel with increasing Cu and Ni concentrations. However, the corrosion parameter as computed by AC impedance for an extended period of one month follows an interesting trend. The presence of Cu and Ni in the aqueous medium produces almost identical effect on the corrosion behavior of carbon steel. The microscopic examination of the test samples, under controlled laboratory conditions, did not show the evidence of localized attack on carbon steel in presence of different concentrations of Cu and Ni.

Corrosion Inhibition of Carbon Steel in Hydrochloric Acid Solution by Mentha Pulegium Extract

Khadraoui,A; Khelifa,A; Boutoumi,H; Mettai,B; Karzazi,Y; Hammouti,B
Fonte: Sociedade Portuguesa de Electroquímica Publicador: Sociedade Portuguesa de Electroquímica
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/07/2014 EN
Relevância na Pesquisa
66.49%
The inhibition effect of Mentha pulegium extract (MPE) on the acid corrosion of carbon steel in 1 M HCl solution was investigated using weight loss, potentiodynamic polarisation, and electrochemical impedance spectroscopy. The results show that the Mentha pulegium extract is a good inhibitor, and that the inhibition efficiency depends on the concentration of the plant extract. Efficiency is higher than 88 % for 33% Mentha pulegium extract. Polarization measurements also show that Mentha pulegium extract is a good mixed inhibitor. The remarkable inhibition efficiency of MPE was discussed in terms of blocking of the electrode surface by adsorption of inhibitor molecules through active centres. Mentha pulegium extract is adsorbed on the carbon steel surface according to the Temkin adsorption model. The effect of temperature on the corrosion behaviour of carbon steel in 1 M HCl with addition of 33% MPE was studied in the temperature range 308-338 K. SEM also confirmed the adsorption of MPE on carbon steel surface.

Electrochemical, Activations and Adsorption Studies for the Corrosion Inhibition of Low Carbon Steel in Acidic Media

Khadom,A. A.; Yaro,A. S.; AlTaie,A. S.; Kadum,A. A. H.
Fonte: Sociedade Portuguesa de Electroquímica Publicador: Sociedade Portuguesa de Electroquímica
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2009 EN
Relevância na Pesquisa
66.38%
The effect of phenylthiourea as a corrosion inhibitor for low carbon steel at different hydrochloric acid concentrations, different temperatures and fixed speed of electrode rotation, were addressed in this work. Polarization technique was used to evaluate the corrosion rates parameters. The corrosion rate of low carbon steel increases with temperature and follows Arrhenius equation in all acid concentrations in presence and absence of the inhibitor. Detailed thermodynamic parameters of activation (ΔHact and ΔSact) for the corrosion reaction were obtained using nonlinear estimation method, while adsorption parameters (ΔGads, ΔHads and ΔSads) were obtained using graphical method. Maximum inhibitor efficiency was (96.44%) obtained at 1 M HCl at 333 K and 1 g/L inhibitor concentration.

The Effect of Sour Gases and Some Anions on the Corrosion Behavior of Carbon Steel

Salih,S.A.; Mazhar,A.A.; Mahanny,H.
Fonte: Sociedade Portuguesa de Electroquímica Publicador: Sociedade Portuguesa de Electroquímica
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2004 EN
Relevância na Pesquisa
66.38%
The effect of the presence of CO2 and H2S in the well water used in the petroleum plant on corrosion of carbon steel has been tested using impedance measurements. Carbon dioxide leads to decrease in the resistivity of the film developed on the metallic surface, while the effect of hydrogen sulfide is less pronounced. Scanning electron micrographs have shown that corrosion products cover only small part of metallic surface in water containing CO2. Studies under polarization conditions will allow concluding that the dissolved gases in the well water reduce the ability of the film to protect the metal against corrosion. The influence of the oxoanions and halide ions on the corrosion rate of steel has also been analyzed.

A mathematical model of laser surface heat-cooling treatment for medium carbon steel

Fedotov,I; Fedotova,T; Pityana,S.L; Labuschange,K; Shatalov,M; Potgieter,J.H
Fonte: Journal of the Southern African Institute of Mining and Metallurgy Publicador: Journal of the Southern African Institute of Mining and Metallurgy
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 EN
Relevância na Pesquisa
66.41%
SYNOPSIS One of the most effective methods of metal surface heat treatment is through laser hardening. In most cases, laser parameters are determined experimentally, which is expensive and time-consuming. A mathematical model for the surface heat treatment process will allow a significant decrease in costs, and reduce the time required for optimization. In the present work, the authors present a mathematical model for laser heat treatment with forced cooling which can be applied to medium carbon steel. The model is based on a three-dimensional heat transfer equation using Green's function. The model allows one to calculate the temperature of the treated steel at different depths below the surface with and without cooling, for set values of the laser power and travelling speed, when the heat transfer coefficient is a known constant. It also takes variations in the radiation adsorption coefficient on the metal surface and laser beam spot size into account. The model was illustrated by comparing calculated and experimental temperature profiles of mild carbon steel with 0.5% C with and without cooling. A reasonably good agreement was achieved between experimental and predicted values to ensure that a high enough austenizing temperature with short enough cooling time was reached for direct martensite formation. It also predicted the depth of treatment accurately. The incorporation of cooling in the model substantially improves previous models based on heat transfer only. It delivers a tool that can with a reasonable accuracy predict the depth of surface heat treatment and cooling time required from operational parameters...