Página 1 dos resultados de 37810 itens digitais encontrados em 0.081 segundos

Enfermagem do trabalho: contributo do enfermeiro para a saúde do trabalho

Antunes, Ricardo João Correia da Cruz Pais
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
POR
Relevância na Pesquisa
75.73%
Os Enfermeiros do Trabalho em Portugal exercem funções nas mais diversas instituições, porém, a legislação é omissa e desadequada, a formação é quase inexistente, e não estão definidas competências e papéis. Quando observamos outros países desenvolvidos, constata-se que há preocupação com a saúde dos trabalhadores, havendo uma enfermagem do trabalho desenvolvida e com acção definida, com resultados mensuráveis na diminuição do absentismo e aumento de produtividade dos colaboradores. É tendo por base estas duas premissas que se define como objectivo determinar as competências do enfermeiro do trabalho em Portugal, recorrendo ao definido por organizações internacionais e às necessidades de saúde dos trabalhadores. As competências do enfermeiro de trabalho foram estruturadas em cinco campos de acção: cuidados de enfermagem, especialista, coordenador, gestor, prevenção primária e promoção de saúde, formador e investigador. Efectuou-se o estudo de necessidades de saúde dos colaboradores de uma empresa da indústria de peças automóveis, mediante a aplicação de questionário construído para o efeito. Determinou-se que cerca de 50% refere que corre riscos no trabalho, causados por constrangimento de tempo...

Os sentidos do trabalho para os dentistas filiados à UNIODONTO

Rocha-de-Oliveira, Sidinei
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
85.65%
Neste estudo buscou-se analisar a organização do trabalho numa cooperativa de dentistas (UNIODONTO), apresentar o conceito de trabalho e os sentidos que lhe foram atribuídos pelos sujeitos da pesquisa, bem como levantar os motivos pelos quais os profissionais entrevistados optaram por esta profissão. Para isto, foi realizado um estudo de caso na Cooperativa, sendo entrevistados 23 sujeitos: 13 cooperados, cinco profissionais em cargos de coordenação e cinco funcionários administrativos. Entre os resultados, destaca-se a alta centralidade do trabalho na vida dos entrevistados que, apesar de terem autonomia para administrarem lazer e atividades profissionais, fazem destas últimas sua prioridade. Apresentaram concepções positivas do trabalho que está ligado ao retorno, tanto financeiro quanto pessoal, e aos tratamentos bem-sucedidos com seus pacientes. Como um trabalho que apresenta sentido é destacado tanto a forma de realização deste, quanto o retorno material. Além disso, deve permitir o crescimento profissional, a valorização, o reconhecimento e, conseqüentemente, a auto-realização do indivíduo por meio das tarefas que executa. Já um trabalho sem sentido é aquele que não traz o retorno esperado, seja financeiro...

O impacto das características do trabalho no compromisso organizacional

Maciel, Bárbara Sofia Sepúlveda Brito
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
95.76%
Dissertação de mestrado integrado em Psicologia (área de especialização em Psicologia do Trabalho, das Organizações e Recursos Humanos); O tema do compromisso organizacional tem sido alvo de diversos estudos ao longo das décadas e, ainda actualmente, não existe uma definição consensual que agrade a todos os investigadores do tema. Iremos falar acerca de diferentes perspectivas do conceito e tentar compreender de que forma este pode, ou não, ser influenciado pelas características do posto de trabalho nas organizações. O estudo foi realizado numa empresa industrial a colaboradores de diversas áreas funcionais. Para medir o compromisso organizacional (CO), foi utilizado o questionário de Carochinho e Neves e Jesuíno (1998). Com base no modelo conceptual de Hackman e Oldham (1975, 1980), foram medidas as características centrais do trabalho através da Escala de Diagnóstico de Trabalho, traduzida e adaptada por Isabel Silva e José Keating (2011), da versão original de Hackman e Oldham (1975, 1980). Os resultados obtidos nesta investigação permitem-nos dizer que a necessidade de desenvolvimento pessoal é a variável, de todas as outras, demonstra maior capacidade preditiva do compromisso organizacional. Através da informação obtida podemos dizer que indivíduos que procuram desafios desenvolvem um vínculo mais aprofundado com a organização.; Throughout the decades...

O modelo das características do trabalho e o compromisso organizacional à luz da troca social

Afonso, Manuel Maria Teixeira Marinho
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2011 POR
Relevância na Pesquisa
105.81%
Dissertação de mestrado integrado em Psicologia (área de especialização em Psicologia do Trabalho, Organizações e Recursos Humanos); Esta investigação avalia a relação entre as características do trabalho e o compromisso organizacional. Para avaliar as características do trabalho e os seus resultados, usamos a versão portuguesa do Job Diagnostic Survey (JDS) de Hackman e Oldham (1975), a Escala de Diagnostico do Trabalho (Silva & Keating, 2011). O compromisso foi avaliado com o Organizational Commitment Questionaire (OCQ) de Mowday, Steers e Porter (1975), adaptado e validado para o contexto português por Carochinho, Neves e Jesuíno (1998). Verificamos as qualidades psicométricas dos instrumentos, com maior incidência na Escala de Diagnóstico do Trabalho, onde foram encontradas algumas limitações. Como era nosso objetivo verificar quais eram os preditores do compromisso efetuamos análises de regressão. Os resultados apontam que as características de trabalho, à exceção da variedade de competências, são preditoras do compromisso organizacional, mas mediadas pela satisfação geral e pela motivação interna. Este trabalho partiu da teoria da troca social e os resultados reforçam o que Tsui...

Antecedentes do bem-estar em tripulantes de cabine: Características do trabalho, fadiga e experiências de recuperação

Mathäβ, Simone Carina Ramos
Fonte: ISPA - Instituto Universitário das Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: ISPA - Instituto Universitário das Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 POR
Relevância na Pesquisa
95.78%
Dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica; O presente estudo utilizou uma amostra de 108 Tripulantes de cabine para testar a hipótese de que a relação entre as Características do Trabalho, nomeadamente Horários e Carga de Trabalho, Características da Tarefa e Trabalho Emocional, a Exaustão Emocional, as Experiências de Recuperação e o Bem-Estar no Trabalho seriam mediadas pela Fadiga. Colocou-se como segunda hipótese o facto de a fadiga poder mediar também a relação entre as Experiências de Recuperação e o BET, motivo pelo qual controlámos os seus efeitos. Após análises fatoriais que permitiram distinguir todas as dimensões componentes dos preditores, criou-se um modelo preditivo do BET, com recurso a regressões lineares múltiplas. Os resultados convergiram para um modelo preditivo do BET, no qual se destacaram como preditores as Exigências Psicológicas de Competências (Características da Tarefa), a Exaustão Emocional e os Resultados Individuais (Fadiga), explicando a sua variabilidade em 60,7%. A Fadiga apesar de contribuir para a predição do BET, exerce apenas um mediação parcial. Relativamente às Experiências de recuperação, principalmente o Relaxamento, quando analisadas sozinhas são preditores tanto da Fadiga como da Exaustão Emocional...

Interação teleatendente-teleusuário e custo humano do trabalho em central de teleatendimento

Ferreira,Mário César
Fonte: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO Publicador: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2004 PT
Relevância na Pesquisa
85.7%
O texto aborda uma pesquisa realizada em uma central de teleatendimento do setor público. A análise ergonômica orienta-se para a interação teleatendente-teleusuário, buscando mostrar as características da organização do trabalho que constrangem as estratégias de mediação dos operadores e potencializam a ocorrência de vivências de mal-estar no trabalho. O referencial teórico-metodológico articula os conceitos de custo humano do trabalho, vivências de bem-estar e mal-estar e a Análise Ergonômica do Trabalho - AET. Os resultados mostram as características da Central e principais indicadores críticos, revelando um nexo entre custo humano do atividade e indícios de vivências de mal-estar dos operadores.

Acidentes com material biológico em hospital da Rede de Prevenção de Acidentes do Trabalho - REPAT

Marziale,Maria Helena Palucci; Silva,Everaldo Jose da; Haas,Vanderley José; Robazzi,Maria Lúcia do C. C.
Fonte: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO Publicador: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
95.61%
Estudo transversal com objetivo de descrever os acidentes do trabalho com exposição a material biológico ocorridos no Hospital Universitário de Brasília e analisar as ações preventivas utilizadas na instituição. Para a coleta dos dados, foi utilizado o formulário eletrônico da Rede de Prevenção de Acidente do Trabalho (REPAT). Os dados foram coletados nos anos de 2003 e 2004 e analisados estatisticamente por meio de cálculos de freqüência. Dentre 2.000 a 2.011 trabalhadores atuantes no período, foi constado o registro de 107 acidentes. O maior número de acidentes ocorreu entre mulheres, no período da manhã, com lesão perfurante nas mãos com agulhas e cateteres, nas unidades de Clínica Médica e Pronto Atendimento. As ações preventivas adotadas são: treinamento, visitas aos locais de trabalho e orientações individuais, as quais, diante das características dos acidentes encontrados, precisam ser revistas e ampliadas.

A utilização de serviços de saúde por acidentados de trabalho

Santana,Vilma Sousa; Araújo,Gustavo Ribeiro de; Espírito-Santo,Jônatas Silva do; Araújo-Filho,José Bouzas de; Iriart,Jorge
Fonte: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO Publicador: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2007 PT
Relevância na Pesquisa
85.62%
Neste estudo descrevem-se as características da utilização de serviços de saúde por trabalhadores que sofreram acidentes de trabalho. Os dados provêm das três primeiras fases de um estudo de coorte de base comunitária sobre saúde e trabalho, iniciado no ano 2000, e conduzido com todos os trabalhadores de 2.512 famílias selecionadas por amostragem aleatória de conglomerado, de estágio único, residentes na cidade de Salvador, Bahia. Entrevistas individuais foram empregadas para a coleta de dados. Nesta pesquisa analisaram-se os trabalhadores (n = 628) que referiram ter sofrido acidente de trabalho nos 12 meses antes da entrevista. Observou-se que cerca de metade dos casos de acidentes recebeu primeiros socorros e tratamento médico. A maioria (71%) foi atendida em unidades do SUS. Cerca de 15% tiveram o atendimento pago por planos de saúde privados. Observou-se também que a maioria referiu alta satisfação com o atendimento, tanto em serviços públicos como privados. Entre os usuários do SUS, predominaram os trabalhadores sem carteira assinada, mas trabalhadores segurados também utilizaram os serviços públicos em sua maioria. Concluiu-se que o SUS tem expressiva participação no atendimento de acidentados do trabalho...

Condução de ações em saúde e segurança do trabalho em pequenas e médias empresas: análise de três casos

Costa,Denise da Conceição da; Menegon,Nilton Luiz
Fonte: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO Publicador: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2008 PT
Relevância na Pesquisa
85.6%
Construir ações relacionadas à saúde e segurança nas Pequenas e Médias Empresas (PME) não é tarefa fácil, uma vez que essas empresas precisam lidar com o provimento deficitário de informações, poucos recursos disponíveis e metodologias de ação desenvolvidas de acordo com as características das empresas de grande porte. Partindo de estudos de caso e de metodologia qualitativa, o presente estudo teve como objetivo investigar, em três PME do setor industrial, a maneira como ações de saúde e segurança são conduzidas - inclusive ações ergonômicas -, bem como as justificativas para sua forma de condução, utilizando, para tanto, entrevistas e questionários. A investigação comprovou que aspectos, tais como poucos recursos financeiros, pouco acesso à informação, cultura e o modelo gerencial assumido, exercem grande influência sobre a forma como as ações em Saúde e Segurança do Trabalho (SST) serão conduzidas, sendo que a Ergonomia, quando houver, será caracterizada pela condução perceptiva e informal das mudanças no local de trabalho. Concluiu-se que algumas normas e leis, assim como ferramentas ergonômicas, deveriam ser desenvolvidas e adaptadas às PME. Moldar as ações segundo as necessidades e limitações de cada empresa poderia facilitar sua utilização e assim promover uma melhora das condições de saúde e segurança nas PME.

Trabalho e saúde mental dos profissionais da Estratégia Saúde da Família em um município do Estado da Bahia, Brasil

Barbosa,Gabriella Bené; Correia,Anna Karlla Sampaio; Oliveira,Luciana de Matos Mota; Santos,Viviane do Carmo; Ferreira,Sandra Márcia da Silva; Martins Júnior,Davi Félix; Nascimento Sobrinho,Carlito Lopes
Fonte: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO Publicador: Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
85.73%
As características do trabalho na Estratégia Saúde da Família (ESF) são complexas e ainda há poucos estudos que abordam a temática. OBJETIVO: descrever características sociodemográficas e do trabalho e a prevalência de Distúrbios Psíquicos Menores (DPM) e de positivos ao teste CAGE (abuso no consumo de álcool) entre médicos, enfermeiros e cirurgiões-dentistas da ESF de Feira de Santana, Bahia. METODOLOGIA: estudo epidemiológico de corte transversal que utilizou questionário padronizado, não identificado, para descrever: o perfil sociodemográfico; as características do trabalho na ESF; a saúde mental e o uso abusivo de bebidas alcoólicas utilizando o Self Reporting Questionnaire (SRQ-20) e o Teste CAGE,. Os dados foram analisados no Statistical Package for Social Scince (SPSS). RESULTADOS: Entre os 152 respondentes, que correspondem a uma taxa de resposta de 86,4%, a prevalência de DPM foi de 16,0%. Entre os médicos, foi de 17,4%; entre os enfermeiros, de 15,5%; e 15,2% entre os cirurgiões-dentistas. Quanto ao uso abusivo de bebida alcoólica, os médicos apresentaram prevalência de 5,0% e os cirurgiões-dentistas de 7,7%. Os resultados apontaram o predomínio do sexo feminino, de adultos jovens, casados, com vínculo cooperativado...

Visibilidade pública dos direitos trabalhistas: a contribuição das notícias com referência ao Ministério Público do Trabalho

Alves, Jeanne Anulino Rodrigues
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 800819 bytes; application/pdf
PT_BR
Relevância na Pesquisa
75.71%
Trabalho de Conclusão de Curso apresentado como requisito para aprovação no Curso de Especialização Lato Sensu Assessoria em Comunicação Pública, do Instituto de Educação Superior de Brasília. Orientação: Prof. Antônio Barros; O Ministério Público do Trabalho tem por competência constitucional a defesa dos trabalhadores quando irregularidades atingem a coletividade, e vários casos são divulgados diariamente. Este trabalho pretende verificar se as notícias publicadas na mídia com referência ao Ministério Público do Trabalho atendem o interesse público, a partir do conceito de comunicação pública, especificamente sobre a informação a respeito de direitos trabalhistas. Analisamos se a instituição e seus representantes estão envolvidos na informação de toda a sociedade, para que novos casos de abuso aos trabalhadores não voltem a acontecer. Caracterizamos a comunicação feita pelas organizações públicas e discutimos o conceito específico de comunicação pública, aproximando-o das características de comunicação governamental. Para contextualizar a situação do trabalhador atualmente falamos sobre a evolução dos direitos trabalhistas no Brasil e chegamos a uma das instituições responsáveis por sua defesa: o Ministério Público do Trabalho. Foram analisadas notícias de jornais impressos e de websites de um fim de semana de cada mês no ano de 2005. Este ano foi escolhido por ser o mais atual...

A dimensao de construçao social nas noçoes de "trabalho feminino" : um estudo de caso sobre o processo histórico de entrada das mulheres no chao de fábrica da Electrolux do Brasil S/A

Carlo, Juliana de
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
75.76%
Resumo: Este trabalho investiga as noções de "feminino" e "masculino" bem como a atribuição de funções às mulheres e aos homens que permeiam as narrativas de atores organizacionais responsáveis, direta ou indiretamente, pela entrada histórica de mulheres no chão de fábrica da Electrolux do Brasil S/A. A partir de uma revisão bibliográfica da temática da relação da mulher & trabalho e organização no campo dos estudos da organização e da psicologia social, constrói-se um referencial teórico de análise. Ou seja, parte-se do pressuposto de que concepções do que é "ser homem" e "ser mulher" e, por conseqüência, o que é "trabalho masculino" e "trabalho feminino", refletem e reforçam dimensões sócio-históricas, culturais e ideológicas na sociedade. Justifica-se esta perspectiva adotada na medida em que se entende que noções de gênero permeiam todas as práticas organizacionais e influenciam tomadas de decisões nas organizações. Coerente com o entendimento da natureza social do fenômeno sob análise, o delineamento metodológico configura-se como estudo de caso de natureza descritivo-qualitativa. Toma-se como material empírico as narrativas dos responsáveis pela contratação das mulheres, analisando-o segundo o referencial teórico adotado. Pôde-se constatar...

Parâmetros de indenização no acidente do trabalho ou doença ocupacional

Tagliari, Rômulo Augusto
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Monografia Graduação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
85.63%
O presente trabalho pretende tratar de parâmetros de indenização decorrentes de acidente do trabalho ou doença ocupacional, abordando principalmente decisões judiciais e doutrina referente ao tema. Para tanto, faz-se uma breve análise do instituto da responsabilidade civil, discorrendo-se quanto aos seus elementos e hipóteses em que é caracterizada de maneira geral. Após, examina-se a infortunística, demonstrando as características do acidente do trabalho, de forma a esclarecer a sua caracterização e comprovação através do preenchimento dos requisitos necessários, estreitamente relacionados ao instituto da responsabilidade civil. Assim, procede-se a um cotejo entre a responsabilidade civil e o conceito de acidente do trabalho diante da legislação brasileira. Por fim, passa-se a analisar as circunstâncias que devem ser consideradas ao se buscar o valor da indenização, visando apresentar parâmetros razoáveis para fins indenizatórios na infortunística, levando-se em consideração decisões jurisprudenciais

Características do aviso-prévio e suas novas discussões

Conor, Rafael
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Monografia Graduação Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
85.73%
Resumo: O presente trabalho trata sobre o aviso-prévio e suas características tendo como principal foco a proporcionalidade ao tempo de serviço, direito garantido constitucionalmente em nosso ordenamento jurídico a partir do advento da Constituição da Republica Federativa do Brasil de 1988 e regulamentado pela Lei nº 12.506/2011, cuja redação vem causando diversas controvérsias, que também são objeto deste trabalho. O aviso-prévio proporcional regulado pela Lei 12.506/2011, não se adequou perfeitamente as características até então existentes do pré-aviso, sendo que seu texto por ser reduzido, acabou por não dar conta nem mesmo de regular a aplicação prática de como seria a contagem do prazo no cotidiano obreiro. Ademais como exemplo de controvérsias geradas pela nova lei, temos também a duvida quanto a aplicação do artigo 488 da Consolidação das Leis do Trabalho (sobre a redução de 2 (duas) horas diárias ou 7 (sete) dias corridos), a quais contratos de trabalho a nova lei ira atingir (os extintos, os com o aviso-prévio em andamento ou apenas aos que ainda não iniciaram o pré-aviso), bem como se o aviso-prévio proporcional será apenas um benefício do empregado ou será um direito recíproco

Ensaios em economia do trabalho e da educação

Romanello, Michele
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 109f. : il., tabs., grafs.; application/pdf
INGLêS
Relevância na Pesquisa
85.72%
Orientador : Prof. Dr. Flavio de Oliveira Gonçalves; Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciencias Sociais Aplicadas, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Ecônomico. Defesa : 05/12/2014; Inclui referências; Resumo: A presente tese de doutorado é composta de três ensaios independentes, ainda que complementares, sobre trabalho informal no Brasil e importância da educação para reduzi-lo. O primeiro ensaio investiga os possíveis fatores que podem determinar a escolha por um indivíduo entre o setor formal e informal no Brasil, considerando as características do indivíduo. Através uma analise estática, os indivíduos são separados em grupos de acordo com suas características. As metodologias utilizadas são regressão logística multinominal e análise discriminante. O segundo ensaio investiga os possíveis fatores que podem determinar a transição de trabalhadores do setor informal da economia para o setor formal. Usando aproximadamente as mesmas características do primeiro ensaio, a pesquisa é desenvolvida através modelos paramétricos, semi-paramétricos e não paramétricos de duração. O terceiro ensaio explora a transição da escola para o mercado de trabalho. A análise tenta colocar em evidência a maneira pela qual a transição da escola para o trabalho acontece. Em particular...

A motivação e o significado do trabalho de bancários: estudo comparativo entre dois momentos do processo de reestruturação produtiva

Varella, Janine Maranhão de Campiello
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicologia; Psicologia, Sociedade e Qualidade de Vida Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Psicologia; Psicologia, Sociedade e Qualidade de Vida
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
85.66%
This master s dissertation deals with motivation and the meaning of work amongst bank employees. This is done considering a cognitive perception. Work is understood here under a social and subjective comprehension, once it deals with significance attribution. Motivation is the process that rules choice of the different possibilities of individual behavior, all of which according to the Expectation Theory. This study aims to analyze the implications of the productive restructure, since it is related to technological innovation, organizational changes and management, in motivation and work significance. Thus, the objective of the research is to verify motivational differences and the meaning of work amongst bank employees. This is done in two distinct moments of the productive restructure of bank employees in Natal-RN. The research is divided in two parts. In the first one, changes that occurred in banks between 1999 until 2005 were identified by the means of interviews with 7 bank managers. The analyzed perspective was training intensifying, quality emphasis of customer attendance, the use of automation/technology, staff stabilization, change in staff profile, work intensification, etc. In the second study the Inventory of Motivation and Work Meaning was applied. Thus...

Longe da vista, mas perto do coração: O efeito mediador das experiências de recuperação na relação da fadiga com o conflito trabalho-família, em tripulantes de cabine

Rodrigues, Carolina Maria Chaves
Fonte: ISPA - Instituto Universitário Publicador: ISPA - Instituto Universitário
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
75.79%
Dissertação de Mestrado em Psicologia Social e das Organizações, apresentada ao ISPA - Instituto Universitário; O objetivo deste trabalho é estudar os potenciais antecedentes dos contextos laborais e extra-laborais da fadiga ocupacional. A literatura aponta os horários e características do trabalho como principais antecedentes laborais sendo que o interface trabalho família poderá igualmente contribuir para os níveis de fadiga reportados. Um total de 129 tripulantes de cabine participaram neste estudo que utilizou o CIS para avaliar a fadiga ocupacional (Bultmann et al, 2000), para medir as características do trabalho recorreu-se ao Job Content Questionnaire (Karasek, 1979), para medir as zexperiências de recuperação The Recovery Experience (Sonnentag & Fritz, 2007), as três escalas foram adaptadas por D’Oliveira (2012). Para avaliar o conflito trabalho-família recorreu-se ao S.W.I.N.G. (Geurts et al, 2005) adaptado por Pereira (2005). Os resultados pretendem explorar o efeito mediador que as experiências de recuperação exercem sobre a relação entre da fadiga e o conflito trabalho-família, bem como o efeito que as características do trabalho exercem sobre a fadiga. Para o efeito, recorreu-se à análise de equações estruturais...

Excessive work or addiction to work: workaholism in a Colombian company. Pilot study trough application of DUWAS test; El trabajo excesivo o adicción al trabajo: la adicción al trabajo en una empresa colombiana.Estudio piloto mediante la aplicación de prueba DUWAS; O trabalho excessivo ou vício do trabalho: o vício do trabalho em uma empresa colombiana. Estudo piloto mediante a aplicação de prova DUWAS

Castillo Martínez, Juan Alberto; Gómez, María Carolina
Fonte: Universidade do Rosário Publicador: Universidade do Rosário
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 29/12/2012 SPA
Relevância na Pesquisa
75.81%
This paper examines the workaholism phenomenon in different work situations in Colombian company. Workaholism was defined as the individual’s steady and considerable allocation of time to work, which is not derived from external necessities (1). The research studies about workaholics and workaholism have been increasing a lot in the last years (2). Workaholism is an addiction that actually is affecting a lot of people around the world and has serious consequences in personal life, in the community and also in economy. Some of these researches are directed to explore ways to diagnose when a person is workaholic and when this situation may affect the performanceof the individual in work, daily life activities and especially in psychosocial area. Objective: this pilot study contributes to identify if Colombian workers present the main characteristicsof workaholism and if the job they perform is related to the presence of the characteristics of this addiction. Materials and method: for this pilot study used the Dutch Work Addiction Scale(DUWAS), this test suggests when a person has work addiction, trough the evaluation of two main components working excessively and working compulsively. Results: the study find differences for the two groups: the 67% of the AE group are over the average while only the 33% of the members of the O group are over it. Conclusions: these percentages show that the combinations of the components of workaholism are more evident in the population belonging to the administrative/executive jobs group...

Adaptação à mudança nas características do trabalho: níveis de demanda e controle durante a adoção do método ágil SCRUM por equipes de desenvolvimento de software

Audy, Jorge Horácio Nicolás
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
75.71%
Este estudo aborda a proposição da existência de um período de aprendizado e adaptação nos primeiros meses após uma mudança tecnológica significativa. Trata-se de uma pesquisa longitudinal, contando com estudos de casos múltiplos, para acompanhamento dos níveis de demanda e controle do trabalho durante a adoção do método ágil SCRUM, utilizando o modelo JCCM, proposto por Bala e Venkatesh (2013) para estudar mudanças em características de trabalho. O objetivo do estudo é verificar a existência de um acréscimo na demanda e redução do controle sobre o trabalho durante os primeiros meses após a adoção do método ágil SCRUM por uma equipe de desenvolvimento de software. No contexto de métodos ágeis, uma equipe trabalha de forma auto-organizada, cada integrante controlando da melhor maneira possível as suas demandas, o que Karasek (1979) chamou de trabalho ativo. Durante o período de desenvolvimento de uma equipe, Tuckman (1965) previu a existência de quatro fases, começando pela organização, turbulência, normatização, até o estabelecimento da sua plena capacidade produtiva. Alinhado à Tuckman, o modelo JCCM também prevê a existência de um período de turbulência, no qual a demanda cresce e o controle diminui em função da necessidade de desaprender o método antigo enquanto se aprende a trabalhar no método novo.Como principal resultado da aplicação do modelo JCCM em um contexto de mudança metodológica...

A importância da ambiguidade de papel e das condições físicas do trabalho na explicação do absentismo e o papel moderador do controlo do trabalho e do suporte social

Fonseca, Irina Isabel da Mata
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /11/2015 POR
Relevância na Pesquisa
85.73%
Mestrado em Psicologia Social e das Organizações; O presente estudo visava compreender alguns fatores que contribuem para a explicação do absentismo através do Modelo das Exigências e dos Recursos. Concretamente, foram testados os efeitos diretos da ambiguidade de papel e das condições físicas do trabalho no absentismo e o papel moderador do suporte social e do controlo do trabalho na relação entre a ambiguidade de papel, as condições físicas do trabalho e o absentismo, numa amostra de 508 trabalhadores de uma empresa de transportes públicos da região de Lisboa. O absentismo foi operacionalizado através de registos objetivos da frequência e duração e as restantes variáveis através de um questionário. Todos os efeitos foram testados tendo em conta três momentos no tempo e foi controlado o absentismo no tempo 1. Os resultados demonstraram o efeito direto e significativo da ambiguidade de papel e das condições físicas do trabalho na duração de absentismo, sendo o efeito da ambiguidade de papel oposto ao esperado. Concluiu-se que estas características do trabalho têm um papel diferente na duração e na frequência de absentismo. As análises de regressão hierárquica não suportaram a hipótese do papel moderador do suporte social e do controlo do trabalho na relação entre a ambiguidade de papel e as condições físicas do trabalho e o absentismo. Estes resultados permitiram-nos concluir que as mesmas variáveis de contexto (moderadoras) têm um papel diferente na duração e frequência de absentismo.; This study intends to understand the factors which contribute to explain the absenteeism through the Job Demands and Resources Model. The direct effects of role ambiguity and physical conditions of work in absenteeism and the moderating role of social support and work control in the relationship between the role ambiguity and the physical conditions of work and the absenteeism were tested in a sample of 508 employees from a public transport company from the region of Lisbon. The absenteeism was made assessed through objective records of the frequency and duration and the other variables through a questionnaire. All the effects were tested considering three moments in time and the absenteeism in time 1 was controlled. The results showed the significant and direct effect of the role ambiguity and the physical conditions of work in the duration of absenteeism...