Página 1 dos resultados de 600 itens digitais encontrados em 0.113 segundos

Avaliação de modelo de extração da água do solo por sistemas radiculares divididos entre camadas de solo com propriedades hidráulicas distintas; Evaluation of a root-soil water extraction model by root systems divided over soil layers with distinct hydraulic properties

ROCHA, Marlon Gomes da; FARIA, Leandro Neves; CASAROLI, Derblai; VAN LIER, Quirijn de Jong
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
75.79%
A avaliação da capacidade de raízes de plantas em extrair água do solo é de grande importância na modelagem da taxa de transpiração e, para entender o crescimento e rendimento vegetal e o balanço de água e de solutos no solo. Para testar um modelo de extração radicular macroscópico baseado no processo em escala microscópica, descreveram-se os resultados de um experimento com plantas cujo sistema radicular foi dividido entre camadas de solo com propriedades hidráulicas contrastantes. Um experimento de lisímetro dividido com plantas de sorgo foi realizado em Piracicaba-SP. Quatro lisímetros com dois compartimentos separados fisicamente (split-pot) foram construídos e preenchidos com material de dois tipos de solo de diferentes classes texturais (um solo de textura média - AR e outro de textura argilosa - AG). Durante um mês e meio foi imposto um regime hídrico, alternando a irrigação entre os compartimentos. O teor de água nos compartimentos dos lisímetros foi monitorado com TDR e tensiômetros. O material dos dois solos foi analisado conforme método-padrão quanto às suas propriedades de retenção e condução da água. A densidade radicular foi determinada por pesagem no fim do experimento, tendo ficado em torno de duas vezes maior no solo AR do que no AG. Observou-se que a extração de água ocorreu preferencialmente do compartimento do lisímetro com maior potencial de fluxo matricial. Em certas ocasiões houve transferência de água do lado de maior para o de menor potencial de fluxo matricial...

Análise da comunidade fúngica associada à cana-de-açúcar e estudo da interação Trichoderma virens - planta hospedeira; Analysis of sugarcane-associated fungal community and study of the interaction Trichoderma virens host plant

Romão, Aline Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 21/06/2010 PT
Relevância na Pesquisa
65.89%
Fungos associados às plantas desempenham diversas funções biológicas importantes e constituem imensos reservatórios de novos compostos químicos, atividades biológicas e processos biotecnológicos ainda subexplorados. A diversidade estimada para esses microrganismos é enorme, porém menos de 7 % das espécies é conhecida. Em cana-de-açúcar, uma das principais culturas agrícolas do Brasil, estudos de interação e diversidade são recentes e ainda incipientes, principalmente com relação à comunidade fúngica e sua interação com plantas transgênicas. Uma das espécies presentes na comunidade fúngica associada à cana-de-açúcar é o fungo Trichoderma virens, o qual apresenta grande potencial de exploração como agente de controle biológico, promotor de crescimento vegetal e produtor de enzimas e metabólitos secundários. Nesse sentido, o presente trabalho buscou primeiramente determinar a estrutura e diversidade da comunidade de fungos (endófitos de raiz e rizosfera) associados a duas variedades de cana-de-açúcar, uma convencional (SP80-1842) e outra transgênica (IMI-1, expressando resistência ao herbicida imazapir), e avaliar possíveis efeitos da transgênese, do estágio de crescimento e do manejo agrícola. Além disso...

Sazonalidade da atividade cambial em lianas; Seasonality of cambial activity in lianas

Lima, André Carvalho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
76.09%
Introdução e objetivos Apesar de ser um importante componente estrutural de florestas tropicais e causar impactos na dinâmica e funcionamento destas florestas, pouco se sabe sobre a sazonalidade do crescimento de lianas em seu ambiente natural. Lianas ainda possuem uma rica diversidade de arranjos de tecidos vasculares em seus caules devido à presença de variações cambiais. Neste contexto, o presente trabalho teve como objetivo analisar a sazonalidade da atividade cambial e da diferenciação do xilema de três espécies de lianas pertencentes a famílias com maior diversidade do hábito nos neotrópicos e com diferentes configurações em seus sistemas vasculares caulinares, Stizophyllum riparium (Bignoniaceae), Dalbergia frutescens (Leguminosae) e Serjania laruotteana (Sapindaceae), bem como verificar se há relação entre a sazonalidade da atividade cambial e a sazonalidade da pluviosidade; e se há a formação de camadas de crescimento anuais no xilema. Métodos A sazonalidade da atividade cambial e da diferenciação do xilema foi estudada através de coletas periódicas de porções caulinares ao longo de um ano, correlacionando-se esses dados com a pluviosidade. Resultados As três espécies apresentaram sazonalidade nas suas atividades cambiais...

Distribuição do IGF-I e do seu receptor na cartilagem do processo condilar da mandíbula e na sincondrose basiesfenoidal de ratos wistar subnutridos.; Distribution of IGF-I and its receptor in the cartilage of the mandibular condyle process and basiesphenoidal synchondrosis of the undernourished wistar rats.

Oliveira, Bruna Cecilia Caixeta de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/11/2013 PT
Relevância na Pesquisa
75.8%
A cartilagem do processo condilar (PC) e a sincondrose basiesfenoidal (SB) participam do processo de crescimento e desenvolvimento craniofacial que são determinados pelo aporte protéico, pela ação hormonal e por fatores de crescimento, sendo o IGF-I o principal deles. Objetivou-se correlacionar as alterações morfológicas no PC e na SB provenientes da subnutrição protéica. Os grupos experimentais foram formados por animais heterogêneos (n=5) com 60 dias de vida, de acordo com o teor de caseína contida nas rações, protéica (20%) ou hipoprotéica (5%), formando, respectivamente, os grupos nutrido (N) e subnutrido (S). Na microscopia de luz foi observado que a subnutrição não alterou as espessuras das camadas do PC e da SB, enquanto que através da imunohistoquímica o número de IGF-I e IGF-IR diminuiu em ambos os tecidos (N≠S; p<0,05). No PC, o colágeno do tipo I passou a ser do tipo II no grupo S, enquanto que na SB, o do tipo II foi destacado em ambos os grupos. A matriz extracelular do PC apresentou-se densa e com coloração homogênea nos nutridos, contrastando com o aspecto difuso dos subnutridos. Na SB, tanto no grupo N quanto no S, a MEC manteve-se com aspecto uniforme na distribuição e na homogeneidade da coloração.; The cartilage of the condylar process (CP) and the basiesfenoidal synchondrosis (BS) participate in the process of craniofacial growth and development that are determined by the protein content...

Adsorção de poli(o-metoxianilina) em filmes automontados; Adsorption of poly(o-methoxyaniline) in layer-by-layer films

Souza, Nara Cristina de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/12/2002 PT
Relevância na Pesquisa
65.89%
Neste trabalho foram estudadas as propriedades de adsorção de poli(omethoxianilina) (POMA) em filmes automontados, nos quais camadas de POMA foram alternadas com camadas de ácido polivinil sulfônico (PVS). Devido à baixa solubilidade da POMA, o método de preparação das soluções aquosas de POMA interfere nas características da adsorção. Para POMA com controle de massa molar, que contém fração de alta massa, a cinética de adsorção de uma camada de POMA em filmes de POMAlPVS obedece a um processo de dois estágios. O primeiro é um processo de primeira ordem enquanto o segundo é descrito pela função de Johnson-Mehl-Avrami com n=1, característico de crescimento de bastões. Este tipo de crescimento foi confirmado através de análises do tamanho dos agregados em medidas de microscopia de força atômica (AFM). As propriedades morfológicas desses filmes POMAlPVS foram analisadas usando leis de escala, onde a dimensão fractal foi 2.2, indicando adsorção self-affine. Para POMA polidispersa sem controle da massa molar, a quantidade de material adsorvido aumenta não monotonicamente com o tempo devido à competição entre os mecanismos de adsorção e dessorção. Tal competição foi também manifestada nas propriedades morfológicas...

Crescimento e caracterização das camadas de GaAs de alta pureza

Aldionso Marques Machado
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/07/1984 PT
Relevância na Pesquisa
66.12%
O trabalho aqui apresentado começou a ser desenvolvido em setembro de 1981 quando iniciávamos o projeto de um sistema de LPE com o objetivo de ser usado no crescimento de camadas epitaxiais para obtermos as características elétricas e óticas necessárias à fabricação de Transistores de Efeito de Campo (FET). Este Transistor exige camadas com características bem definidas. A camada que separa o substrato da região ativa do dispositivo é a de obtenção mais difícil, pois deve possuir alta pureza e alta resistividade. O seu objetivo é evitar a difusão de impurezas provenientes do substrato para a região ativa do dispositivo, evitando assim que haja alterações nas características elétricas desta região. No decorrer deste trabalho estudamos várias formas de obtenção de camadas de alta pureza. Nos concentramos naquelas que utilizavam um sistema de LPE do mesmo tipo que dispomos, isto é, um sistema que utiliza tubos de quartzo, bote de grafite e atmosfera, de hidrogênio. Um procedimento que se destacou, devido ao seu grande uso, foi o cozimento prolongado da solução de crescimento. Alguns trabalhos analisados mostraram que este cozimento prolongado apresentava melhores resultados quando realizado em uma temperatura bem definida...

Dispositivos optoeletrônicos baseados no crescimento de InGaP em substratos pré-gravados pela técnica CBE

Maria Priscila Pessanha de Castro
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/05/2001 PT
Relevância na Pesquisa
65.88%
Apresentamos neste trabalho, um estudo do crescimento de camadas de In0.49Ga0.51P sobre substratos pré-gravados através da técnica de Epitaxia por Feixes Químicos (CBE). Foi realizada uma análise do crescimento dos planos (100) e (111)A em função da temperatura de crescimento e da dimensão das estruturas pré-gravadas. Apresentamos também uma investigação da formação de novos planos cristalinos à temperatura de crescimento de 500 0 C. Neste estudo foi observado que a formação de novos planos cristalinos está relacionada com uma variação de composição ao longo da estrutura pré-gravada. Além disso, mostramos um estudo de dopagem seletiva com Berílio em substratos pré-gravados. Para finalizar, apresentamos o estudo do crescimento de poços quânticos de InGaAs/GaAs em substratos pré-gravados e a modelagem preliminar de um dispositivo para a modulação óptica com controle também óptico. Este dispositivo é de grande relevância para a recuperação de sinais ópticos digitais e pode ser viabilizado com o crescimento em substratos pré-gravados. Essencialmente, ele consiste na integração de um laser de três terminais e um guia de ondas amplificador. Nossas simulações mostram a possibilidade de chaveamento óptico por controle de entrada óptico a 970 nm e potência entre ?10 dBm e 10dBm...

Caracterização e modificação de heteroestruturas de nitretos do grupo III

Magalhães, Sérgio Nuno Canteiro de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
65.99%
Os nitretos binários semicondutores do grupo III, e respetivos compostos, são vastamente estudados devido à sua possível aplicabilidade em dispositivos optoeletrónicos, tais como díodos emissores de luz (LEDs) e LASERs, assim como dispositivos para a eletrónica de elevadas temperatura, potência e frequência. Enquanto se concretizou a comercialização na última década de LEDs e LASERs recorrendo ao ternário In1-yGayN, estudos das propriedades fundamentais estruturais e óticas, assim como de técnicas de processamento no desenvolvimento de novas aplicações de outros ternários do grupo III-N encontram-se na sua fase inicial. Esta tese apresenta a investigação experimental de filmes finos epitaxiais de Al1-xInxN crescidos sobre camadas tampão de GaN e de Al1-yGayN e o estudo do recozimento e implantação de super-redes (SL) compostas por pontos quânticos de GaN (QD) envolvidos por camadas de AlN. Apesar do hiato energético do Al1-xInxN poder variar entre os 0,7 eV e os 6,2 eV e, por isso, numa gama, consideravelmente superior à dos ternários Al1-yGayN e InyGa1-yN, o primeiro é o menos estudado devido a dificuldades no crescimento de filmes com elevada qualidade cristalina. É efetuada, nesta tese, uma caracterização estrutural e composicional de filmes finos de Al1-xInxN crescidos sobre camadas tampão de GaN e de Al1-yGayN usando técnicas de raios-X...

Caracterização da variação da espessura dos aneis de crescimento em Pinheiro Bravo

Pereira, Helena; Margarido, Marta; Pinto, Isabel; Usenius, Arto; Anjos, Ofélia
Fonte: SPCF Publicador: SPCF
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em /05/2005 POR
Relevância na Pesquisa
86.19%
Congresso Florestal Nacional: A floresta e as gentes - Actas das Comunicações; Com este trabalho pretende-se dar um contributo para o estudo dos factores de variação radial e axial da espessura dos anéis de crescimento de pinheiro bravo. O trabalho foi desenvolvido com base em técnicas de análise de imagem e tem como objectivo final incluir a variação dos anéis de crescimento na qualidade dos produtos finais serrados da madeira desta espécie. A informação para o estudo da variação das camadas de crescimento baseou-se numa amostra de tiras radiais e de discos nos níveis de altura 0, 5, 10, 15, 17 e 20 m de árvores de quatro estações em Portugal. A amostragem em discos permitiu a medição das camadas de crescimento em várias direcções e a posterior criação de um modelo tridimensional do tronco com base nos anéis de crescimento. A variação das camadas de crescimento foi analisada em sequência vertical, onde se analisam os anéis de crescimento em cada nível, obtendo-se assim o crescimento das árvores e quais as suas variação ao longo do tempo, e em sequência oblíqua onde se pode analisar o comportamento dos 13 anos terminais ao longo da árvore. Efectuou-se uma análise de variância para diferentes factores onde se contabilizou a percentagem de variação correspondente a cada um desses factores. Verificou-se que a maior parte da variação se deve à variação lenho juvenil/lenho adulto. O modelo tridimensional do tronco foi desenvolvido numa interface que permite observar a variação das camadas de crescimento nas diferentes secções transversais a níveis de altura especificados. De futuro este modelo será integrado na reconstrução tridimensional já desenvolvida para o Pinheiro bravo e que descreve a geometria do tronco e os anéis internos. O objetcivo final será o uso da informação sobre as camadas de crescimento em programas de simulação de serração de forma a constituir mais um parâmetro de qualidade dos produtos finais

Atributos físicos do solo e crescimento radicular de soja em latossolo roxo sob diferentes métodos de preparo do solo

Maria,I. C. de; Castro,O. M.; Souza Dias,H.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/1999 PT
Relevância na Pesquisa
66.03%
A presença de camadas compactadas no solo, resultantes das operações de preparo, pode causar restrição ao crescimento radicular e, conseqüentemente, reduzir a produção. A determinação de atributos físicos do solo, entre eles a densidade e a resistência, tem sido utilizada para avaliar a compactação, visando a recomendações de manejo. Neste estudo, procurou-se determinar a relação entre esses atributos e o crescimento radicular, em um ensaio com cinco sistemas de preparo de solo e cultura de soja (Glycine max L.), localizado no município de Tarumã (SP), em Latossolo Roxo muito argiloso. As avaliações foram realizadas em janeiro de 1993, sete anos após o início do ensaio. Os sistemas de preparo combinaram preparos de verão e de inverno com grade pesada, arado escarificador e semeadura direta. O tratamento com semeadura direta, no verão e no inverno, apresentou valores elevados de resistência e densidade desde a superfície até 0,3 m, enquanto o tratamento com grade pesada apresentou valores elevados para esses parâmetros entre 0,1 e 0,2 m de profundidade, caracterizando camadas compactadas. Nos tratamentos com escarificação no verão, a resistência e a densidade do solo foram menores, com pequena diferença entre as profundidades analisadas. A semeadura direta apresentou maior densidade de raízes...

Sistema radicular de plantas de cobertura sob compactação do solo

Gonçalves,Wainer G.; Jimenez,Rodrigo L.; Araújo Filho,Jerônimo V. de; Assis,Renato L. de; Silva,Gilson P.; Pires,Fábio R.
Fonte: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola Publicador: Associação Brasileira de Engenharia Agrícola
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.04%
Com o objetivo de avaliar a capacidade de crescimento de raízes em camadas de solo compactadas, quatro espécies de plantas de cobertura (amaranto, milheto ADR 500, capim pé-de-galinha e kenaf) foram cultivadas em anéis de PVC, com níveis de compactação em subsuperfície (densidade do solo: 1,18; 1,34; 1,51 e 1,60 Mg m-3), sendo o experimento conduzido em casa de vegetação, utilizando-se de um Latossolo Vermelho distroférrico. A camada compactada em subsuperfície foi restritiva ao crescimento de raízes das espécies estudadas, ocasionando a concentração de raízes na camada superficial. O milheto ADR 500 e o amaranto foram as espécies que se destacaram na produção de massa seca da parte aérea e conseguiram desenvolver-se nas camadas compactadas e abaixo delas. O milheto ADR500 apresentou maior densidade de comprimento radicular em todas as camadas. O capim pé-de-galinha e o amaranto tiveram comportamento semelhante quanto à densidade de comprimento radicular. O capim pé-de-galinha e o kenaf apresentaram menor massa seca de raízes em relação às demais espécies. O kenaf apresentou menores valores de massa seca da parte aérea, mas não foi afetado pela presença de camadas compactadas.

Variação dimensional das traqueídes ao longo do caule de Podocarpus lambertii Klotzsch ex Endl., Podocarpaceae

Maranho,Leila Teresinha; Galvão,Franklin; Muñiz,Graciela Inez Bolzon de; Kuniyoshi,Yoshiko Saito; Preussler,Karla Heloise
Fonte: Sociedade Botânica do Brasil Publicador: Sociedade Botânica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2006 PT
Relevância na Pesquisa
65.88%
O presente estudo foi desenvolvido com o objetivo de avaliar a variação dimensional das traqueídes ao longo do caule de Podocarpus lambertii Klotzsch ex Endl. Discos de madeira de três indivíduos foram retirados em diferentes alturas ao longo do caule. As amostras para o estudo da variação dimensional das traqueídes foram selecionadas no limite das camadas de crescimento e no sentido câmbio-medula. A avaliação do material, assim como sua mensuração e obtenção de imagens foram realizadas utilizando microscopia fotônica (Olympus - BX-41). Os dados obtidos foram analisados estatisticamente. No sentido radial houve um aumento no comprimento das traqueídes em direção medula-câmbio, sendo significativa a diferença entre as camadas de crescimento pela análise do teste "t-student". Houve uma variação mínima no que se refere ao diâmetro das traqueídes e a análise da espessura da parede celular revelou que não houve variação. São apresentadas figuras e tabelas onde são discutidos os resultados obtidos com trabalhos que fazem à mesma abordagem e os fatores que podem influenciar a variação das traqueídes no sentido radial e ao longo da árvore.

Estudo comparativo da madeira de Mimosa ophthalmocentra Mart. ex Benth e Mimosa tenuiflora (Willd.) Poir. (Fabaceae-Mimosoideae) na caatinga nordestina

Silva,Lazaro Benedito da; Santos,Francisco de Assis Ribeiro dos; Gasson,Peter; Cutler,David
Fonte: Sociedade Botânica do Brasil Publicador: Sociedade Botânica do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
65.88%
Pela importância econômica da madeira de algumas espécies do gênero Mimosa L. ocorrentes na caatinga nordestina e pelo fato de Mimosa ophthalmocentra Mart. ex Benth. (jurema-de-imbira), às vezes, ser confundida com Mimosa tenuiflora (Willd.) Poir. (jurema-preta) ou vice-versa, este trabalho objetivou apresentar novos dados referentes à anatomia e densidade básica da madeira das duas espécies, visando oferecer subsídio para identificação das duas espécies, identificar caracteres anatômicos da madeira relacionando-os com o ambiente caatinga e apresentar o potencial energético que sua madeira possui. O estudo anatômico e a determinação da densidade da madeira foram realizados com amostras ao nível do peito (1,30 m acima do solo) e em dois galhos com diferentes diâmetros, de espécimes ocorrentes nos municípios de Serra Talhada e Sertânia, Pernambuco, Brasil. As espécies apresentam distinção expressa através do tipo de casca, coloração do cerne e do alburno, além das características peculiares da madeira. Mimosa ophthalmocentra apresenta camadas de crescimento distintas, constituídas por linhas de parênquima axial contendo cristais, parênquima axial escasso e menor quantidade de raios por mm². Já Mimosa tenuiflora apresenta camadas de crescimento distintas...

Crescimento de raízes de cana crua e queimada em dois ciclos

Alvarez,Ivan André; Castro,Paulo Roberto de Camargo e; Nogueira,Maria Cristina Stolf
Fonte: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" Publicador: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2000 PT
Relevância na Pesquisa
65.88%
Este trabalho teve como objetivos comparar o crescimento de raízes de cana colhida crua, mecanizada e de cana após a queima, colhida manualmente; avaliar a influência do clima sobre as duas condições de crescimento e analisar o comportamento do crescimento de raízes de cana crua e cana queimada nos 1º e 2º anos de rebrota, através de curvas adaptadas. A pesquisa foi realizada no município de Morro Agudo, SP, de julho de 1995 a julho de 1997. A cultivar utilizada foi a SP 70-1143. Utilizou-se como indicadores de crescimento das raízes a matéria seca e o perfil delas no solo. Avaliou-se a influência das temperaturas e das umidades do ar e do solo sobre os tratamentos. Observou-se que o crescimento, no primeiro e no segundo ciclo, não apresentou curvas que indicassem um padrão semelhante, tanto para cana crua, como para cana queimada, os fatores climatológicos, isoladamente, não provocaram mudanças nos ciclos de crescimento de maneira que se identificasse uma tendência geral. As raízes aparecem em maior quantidade em todas camadas do solo em cana crua do que em cana queimada, no primeiro ano e no segundo ano aparecem maiores em cana queimada.

Existe efeito protetor da oxigenação hiperbárica em retalhos cutâneos randômicos?: um estudo imuno-histoquímico de apoptose celular e fator de crescimento vascular endotelial

Rocha,Fernando Passos da; Fagundes,Djalma José; Pires,Jefferson André; Rocha,Fernanda Salim Testa da
Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Publicador: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 PT
Relevância na Pesquisa
76%
INTRODUÇÃO: A oxigenação hiperbárica (OHB) tem por objetivo aumentar em pelo menos 10 vezes a pressão tecidual de oxigênio, diminuindo os efeitos deletérios da isquemia. O objetivo deste estudo é investigar o papel da oxigenação hiperbárica na expressão imuno-histoquímica da caspase 3 e do fator de crescimento endotelial vascular (VEGF) em retalhos randômicos em ratos. MÉTODO: Trinta e dois ratos Wistar machos foram divididos aleatoriamente em quatro grupos: grupo sham (GS), grupo N-acetilcisteína (GNAC), grupo OHB (GOHB) e grupo OHB + N-acetilcisteína (GHN). Um retalho de pele retangular (2 cm x 8 cm) foi dissecado a partir da camada muscular dorsal, preservando um pedículo cranial. Uma lâmina de polietileno foi colocada sobre a camada muscular e fixou-se o retalho no local original. No 8º dia, foram coletadas biópsias (2 cm x 1 cm) de espessura total das áreas proximal, média e cranial e de um local fora do retalho, que serviu como área de controle. RESULTADOS: A expressão de VEGF nas camadas da pele e nos vasos não apresentou diferenças significativas entre os grupos. As células apoptóticas estavam significativamente aumentadas na área central do retalho em todos os grupos. O maior aumento ocorreu nos grupos GS e GNAC. A OHB diminuiu significativamente o número de células caspase 3 positivas nas camadas da pele e nos vasos das três áreas. CONCLUSÕES: A OHB foi associada a expressão reduzida de apoptose. A expressão de VEGF em camadas da pele e vasos não demonstrou diferença significativa. Os resultados sugerem que a difusão do oxigênio através do espaço intersticial foi o fator determinante para os resultados mais favoráveis da OHB na diminuição da expressão de apoptose.

Crescimento de raízes de leguminosas em camadas de solo compactadas artificialmente.

ALVARENGA, R.C.; COSTA, L.M.; MOURA FILHO, W.; REGAZZI, A.J.
Fonte: Revista Brasileira de Ciencia do Solo, Campinas, v. 20, p. 319-326, 1996. Publicador: Revista Brasileira de Ciencia do Solo, Campinas, v. 20, p. 319-326, 1996.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
PT_BR
Relevância na Pesquisa
65.95%
O experimento foi desenvolvido em casa de vegetacao da Universidade Federal de Vicosa em 1992. Testaram-se as leguminosas crotalaria juncea (Crotalaria juncea L.) guandu (Cajanus cajan (L.) Millps), feijao-de-porco (Canavalia ensiformes (L.) DC.), feijao-bravo do ceara (Canavalia brasiliensis M. e Benth) e mata-pasto (Senna occidentalis L.) quanto a capacidade de suas raizes de penetrar me camadas de um latossolo vermelho-amarelo alico, muito argiloso, com diferentes niveis de compactacao. As leguminosas, com excecao do mata-pasto, tiveram os sistemas radiculares significativamente reduzidos dentro da camada compactada e abaixo dela, e apresentaram um acumulo de raizes no anel superior do vaso, a medida que o nivel de compactacao aumentou. O mata-pasto sobressaiu como a especie com maior potencial para crescer em camadas compactadas de solo e o feijao-de-porco foi a leguminosa mais afetada pela compactacao.; 1996

Identificação de aneis anuais de crescimento e estimativa de idade e incremento anual em diametro de especies nativas do pantanal da Nhecolandia, MS

Mattos, Patrícia Póvoa de
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
PORTUGUêS
Relevância na Pesquisa
95.93%
Informações sobre a influência de fatores ambientais na taxa de crescimento das espécies arbóreas são importantes para a elaboração de planos de manejo de florestas naturais ou plantadas e o estudo de anéis de crescimento é uma ferramenta para a obtenção dessas informações. Regiões tropicais com sazonalidade marcada por estação seca ou períodos de inundação podem levar à formação de anéis anuais de crescimento. Fatores climáticos e edáficos, característicos do Pantanal, sub-região da Nhecolândia, possivelmente induzem a um período de dormência das árvores levando à formação de anéis anuais de crescimento. Objetivou-se com este trabalho: 1) identificar espécies arbóreas nativas do Pantanal da Nhecolândia que apresentem anéis anuais de crescimento, utilizando para isso os módulos de crescimento anuais dos ramos; 2) determinar a idade das árvores; e 3) determinar os incrementos radiais dessas árvores. As coletas de ramos e discos do caule das árvores foram realizadas, em julho de 1996, na fazenda Nhumirim, de propriedade da EMBRAPA Pantanal, localizada na sub-região da Nhecolândia, município de Corumbá, Mato Grosso do Sul. As amostras de ramos e discos do caule foram coletadas de 27 espécies em áreas com vegetação de cerrado...

Espectro das ondas de spin lineares e não-lineares em multicamadas magnéticas anisotrópicas

Anselmo, Dory Hélio Aires de Lima
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Física; Física da Matéria Condensada; Astrofísica e Cosmologia; Física da Ionosfera Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Física; Física da Matéria Condensada; Astrofísica e Cosmologia; Física da Ionosfera
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
75.67%
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; Apresentamos um estudo teórico sobre ondas de spin em diferentes regimes magnéticos, que se propagam em materiais cristalinos e super-redes ferromagnéticas e antiferromagnéticas. Nosso trabalho se concentra na descrição dos modos de superfície e volume das ondas de spin que se propagam em tais estruturas, através do emprego de técnicas de matriz-transferência, segunda quantização e funções de Green. Também apresentamos uma extensão de trabalhos anteriores, baseados somente no método matricial. O aspectro das ondas de spin no regime de troca (exchange) é estudado através da resolução da equação de movimento na representação de Heisemberg da mecânica quântica para operadores de spin. Técnicas matriciais são aplicadas para o estudo dos magnons no citado regime em materiais ferromagnéticos, antiferromagnéticos e que apresentam metamagnetismo. Nosso Hamiltoniano é composto de termos Zeeman, de troca, e quando se aplicar o caso, de anisotropias uniaxial e não-uniaxial. Uma componente não-uniaxial no Hamiltoniano produz complicações matemáticas na equação de movimento resultante. As matrizes de spin que seriam bloco0-diagonais apresentam termos na forma de blocos fora da diagonal neste caso. Os parâmetros físicos principais considerados são o spin médio S...

Germinação, crescimento, atividade fotossintetica e translocação de compostos de carbono em especies arboreas tropicais : estudo comparativo e influencia de sombreamento natural

Rogeria Pereira de Souza
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/10/1996 PT
Relevância na Pesquisa
65.9%
A luz tem sido reconhecida como um fator fundamental na substituição de espécies durante o processo de sucessão secundária em comunidades florestais. O grau de tolerância à sombra pode ser importante na determinação das seqüências sucessionais, uma vez que estas são condicionadas pela habilidade ou inabilidade das espécies de se ajustarem às condições ambientais predominantes. O objetivo deste trabalho consistiu em investigar e comparar características de germinação, crescimento, atividade fotossintética e translocação de compostos de carbono em uma série de espécies arbóreas tropicais pertencentes a diferentes estádios sucessionais e em verificar nestas mesmas espécies, em condições experimentais no campo, a influência de sombreamento natural sobre estas respostas. As espécies estudadas ao longo deste trabalho foram Solanum granuloso-leprosum, Trema micrantha, Cecropia glazioui, Croton priscus, Bauhinia forficata subsp. pruinosa, Senna macranthera, Schizolobium parahyba, Piptadenia gonoacantha seudobombax grandiflorum, Chorisia speciosa, Ficus guaranitica, Esenbeckia leiocarpa, Pachystroma longifolium, Myroxylon peruiferum e Hymenaea courbaril. Os experimentos de campo foram realizados na Reserva Municipal de Santa Genebra...

Anatomia do lenho de cinco espécies comercializadas como 'Sucupira'

Soares,Warley Felício; Melo,Luiz Eduardo de Lima; Lisboa,Pedro Luiz Braga
Fonte: Instituto de Florestas da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Publicador: Instituto de Florestas da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2014 PT
Relevância na Pesquisa
75.66%
A análise comparativa da anatomia do lenho das espécies Bowdichia nitida Spruce ex Benth, Diplotropis brasiliensis (Tul.) Benth., Diplotropis martiusii Benth., Diplotropis purpurea (Rich.) Amshoff e Diplotropis racemosa (Hoehne) Amshoff é descrita no presente trabalho, visando a determinar as principais características anatômicas necessárias à distinção dessas espécies. Qualitativamente, as características anatômicas mais importantes para a diferenciação do lenho dessas espécies foram: camadas de crescimento, estratificação dos raios, arranjo dos vasos e fileira marginal dos raios. Quantitativamente, a análise estatística mostrou que os parâmetros anatômicos mais importantes no agrupamento das espécies foram: diâmetro dos elementos de vasos, largura dos raios em micrometros, comprimento, espessura da parede e largura das fibras. Verificou-se que a anatomia do lenho pode ser utilizada como importante subsídio na identificação das espécies estudadas.