Página 1 dos resultados de 552 itens digitais encontrados em 0.007 segundos

Industrial upgrading nas cadeias produtivas globais: reflexões a partir das indústrias têxtil e do vestuário de Honduras e do Brasil. ; INDUSTRIAL UPGRADING IN GLOBAL PRODUCTIVE CHAINS: REFLECTIONS ON THE TEXTILE AND APPAREL INDUSTRIES OF HONDURAS AND BRAZIL. (English) / AVANCE INDUSTRIAL EM LAS CADENAS PRODUCTIVAS GLOBALES: REFLEXIONES A PARTIR DE LAS INDUSTRIAS TEXTIL Y DEL VESTIDO DE HONDURAS Y DE BRASIL. (Español)

Cruz-Moreira, Juan Ricardo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/07/2003 PT
Relevância na Pesquisa
67.07%
O estudo apresenta uma análise sobre as trajetórias de Progressão Industrial em empresas/setores produtivos de países em desenvolvimento que participam de cadeias globais de formação de valor. Para isto são estudadas as cadeias produtivas do complexo têxtil-vestuário em Honduras e no Brasil. A análise usa as abordagens de Cadeias de Formação de Valor - Global Commodity Chains, assim como os modelos de Industrial Upgrading e a tipologia de Modernização Industrial. Estas abordagens julgaram-se complementares para a construção do referencial teórico do estudo. Em Honduras a pesquisa focalizou o caso das empresas maquiladoras de roupa, no Brasil estudaram-se as cadeias lideradas por empresas brasileiras que atuam no mercado nacional e internacional. “Estudos de Casos Múltiplos” foi a metodologia escolhida para a realização da pesquisa de campo, em função da necessidade de estudar casos complexos em contextos diferenciados. A reflexão final conclui que há diversos caminhos de inserção nas cadeias produtivas globais para as empresas dos países em desenvolvimento. Os avanços em termos Progressão Industrial para as empresas que participam dessas cadeias são limitados não só por aspectos tecnológicos ou de habilidades da força de trabalho local se não também pelas regulamentações do comércio internacional. Os acordos preferenciais e as barreiras comerciais são fundamentais para determinar as relações entre as empresas líderes e as subcontratadas...

Sistemas locais de produção e cadeias produtivas globais: estudo das diversas formas de inserção da indústria de móveis nos mercados e os impactos nas estruturas produtivas locais.; Production local systems and global value chain: study about the different ways, of furniture industry, to access the market and the impact in the local productive structures.

Motta, Flávia Gutierrez
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/03/2006 PT
Relevância na Pesquisa
66.85%
Este trabalho analisa como ocorre a interação entre Sistemas Locais de Produção (SLPs) e as cadeias produtivas globais, com vistas a identificar quais os impactos para a estrutura produtiva local das diversas formas de inserção das empresas nos mercados. Assim, tanto elementos endógenos aos SLPs, quando elementos exógenos foram analisados. Para se compreender este fenômeno foram identificadas as trajetórias de desenvolvimento (escolhas tecnológicas, de produtos, estratégias de negócio e as estruturas organizacionais) e as capacitações (conhecimentos, habilidades, práticas e rotinas) adquiridas pelas empresas ao longo do tempo, as formas de organização e atuação dos agentes locais e dos agentes não-locais. O levantamento de campo foi realizado com empresas da indústria de móveis de dois SLPs: Bento Gonçalves (RS) e São Bento do Sul (SC). Estas duas localidades foram escolhidas pois além de terem importante participação na produção e exportação de móveis do país, apresentam trajetórias de desenvolvimento diferentes. As empresas localizadas em SLPs que comercializam os produtos a partir de diversos canais de comercialização, apresentam estrutura produtiva bastante heterogênea e as capacitações internas desenvolvidas são diversas. Devido a tal configuração há abertura para atuação dos organismos de apoio que desenvolvem diversos projetos para apoiar o desenvolvimento das capacitações das empresas. Já as empresas localizadas em SLPs cujo canal de colocação dos produtos no mercado é a partir de agentes de exportação...

Método para gerenciamento de estratégias em ambiente de inovação disruptiva usando sistemas dinâmicos : o caso da implantação do cinema digital no Brasil

Acar Filho, Nelson
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
PT_BR
Relevância na Pesquisa
46.85%
Uma das grandes preocupações da academia na área de Estratégia Empresarial é a evolução das teorias das inovações disruptivas versus inovações incrementais. Dentro destas discussões encaixam-se as teorias que estruturam a linha das inovações tecnológicas versus as inovações que alteram os modelos de negócios. Mais complexo é o estudo das inovações que alteram tanto as tecnologias quanto os modelos de negócios não só de algumas empresas, mas de toda uma cadeia produtiva. Esta dissertação propõe um método de antecipação das consequências que sofrerão todos os agentes de uma cadeia produtiva sob efeito de inovações disruptivas. Para lidar com a complexidade desta antevisão usamos o instrumental de sistemas dinâmicos e o pensamento sistêmico. Como estudo de caso, estamos analisamos a implantação do cinema digital no Brasil, a qual afeta toda a cadeia do áudio visual no país. No nosso referencial teórico sobre inovação utilizamos um encadeamento, não totalmente linear cronologicamente, de teorias composto pelos os conceitos de diversificação, descontinuidades tecnológicas, descontinuidades estratégicas, inovações disruptivas, modelos duais, reações organizacionais, organizações ambidestras...

Proposta de um modelo de avaliação de desempenho de cadeias produtivas agroindustriais : estudo da cadeia de soja no Brasil

Silveira, Daniel Corrêa
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
46.87%
As complexidades dos diversos tipos de agrupamentos empresariais e o crescente acirramento da competitividade no mercado global, fazem necessária a identificação de sinergias e o desenho de estratégias setoriais que tornem as cadeias produtivas do país mais competitivas e capazes de atender os mercados interno e externo. neste âmbito, a competitividade e crescimento sustentados passam pela definição de políticas que possibilitem a constante alavancagem das cadeias produtivas chave para a economia do país. Este trabalho trata da análise de aglomerados empresariais e sua interface com fatores como sistemática de avaliação, estratégia, organização e governaça, que são analisados sob ponto de vista de incremento da competitividade da cadeia produtiva e análise de gargalos. Também analisa modelos de avaliação de desempenho apresentados por diversos autores e procura apresentar, à luz destes modelos, uma proposta de avaliação de cadeias produtivas inseridas no agronegócio, utilizando parte do sistema agroindustrial da soja no Brasil como caso prático.

Um modelo meso-analítico de medição de desempenho competitivo de cadeias produtivas

Hansen, Peter Bent
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
47.14%
As últimas décadas têm sido marcadas por profundas alterações no cenário concorrencial intercapitalista mundial. O processo de globalização da economia associado a outros fatores como a crescente complexidade de produtos e serviços, têm conduzido as empresas à formação de diferentes tipos de arranjos produtivos, como Clusters, redes e cadeias, incluindo novas formas de relações interempresariais, na busca de sua sustentabilidade e maior competitividade nos mercados onde atuam. Neste contexto, verificase uma migração do eixo da concorrência, da competição entre empresas para a competição entre arranjos produtivos. Dentre estes arranjos produtivos, um tipo tem se destacado: as cadeias produtivas. Considerando estes fatos, uma questão relevante que se coloca é “como medir o desempenho das cadeias produtivas de forma a avaliar os resultados das empresas integrantes e do coletivo, visando identificar desvios e alternativas de melhoria de sua competitividade ?” Buscando responder a esta questão, o presente trabalho desenvolve e propõe um modelo meso-analítico de medição do desempenho competitivo de cadeias produtivas. Para atingir este objetivo, a pesquisa inicia por uma caracterização dos diferentes tipos de arranjos produtivos...

Gerenciamento de rastreabilidade em cadeias produtivas agropecuarias; Traceability management in agricultural supply chains

Andreia Akemi Kondo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/04/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.73%
Uma cadeia produtiva consiste de um conjunto de atividades desenvolvidas desde as matérias-primas até os consumidores finais. Sob o ponto de vista da Computação, cadeias produtivas apresentam vários desafios que vão desde a modelagem de seus processos até problemas relativos à comunicação entre seus componentes, logística de execução ou gerenciamento dos processos e produtos. Uma questão de importância crescente é permitir a rastreabilidade para garántir a procedência e a qualidade dos produtos. Há, no entanto, poucos trabalhos voltados a aspectos computacionais para resolver este problema. A maioria se concentra em aspectos específicos da cadeia, sem buscar soluções genéricas. A dissertação visa contribuir para preencher esta lacuna, abordando a questão da rastreabilidade de produtos, processos e serviços dentro de uma cadeia produtiva agropecuária. As principais contribuições são um modelo de armazenamento de dados de rastreabilidade e uma arquitetura baseada em Serviços Web associada. O trabalho foi validado por um protótipo da arquitetura, com testes que mostram ser uma solução genérica; A supply chain is a set of activities developed starting from raw materiaIs to final consumers. Supply chains present many research challenges in Computing...

Gerenciamento de regras de qualidade em cadeias produtivas; Monitoring quality in supply chains : a rule-based approach

Mauricio Augusto Figueiredo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/05/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.96%
Cadeias produtivas têm se torna,do cada vez mais dependentes de sistemas computacionais. Além dos desafios científicos, há várias conseqüências econômicas. Esta dissertação trata de mecanismos de gerenciamento de regras que especificam a qualidade de produtos em cadeias produtivas sob dois aspectos: (i) a especificação e armazenamento destas regras e (ii) a análise dos eventos ocorridos na cadeia face a tais restrições. A dissertação parte de um modelo de rastreabilidade para cadeias produtivas agrícolas desenvolvido na UNICAMP. As regras de qualidade gerenciadas definem condições atribuídas a produtos de forma que eles possam ser consumidos. A verificação de regras é baseada na análise de variáveis consideradas críticas para a garantia de qualidade, que são monitoradas por sensores. Portanto, esta pesquisa combina trabalhos em gerenciamento de dados de sensores, bancos de dados ativos e restrições de integridade. As principais contribuições são: um estudo detalhado sobre rastreabilidade associada a regras de qualidade, um modelo para gerenciar a especificação, aplicação e análise dessas regras, a especificação e implementação de algoritmos que transformam as regras em código executável e um protótipo para validar a arquitetura. O protótipo é baseado em serviços Web; Supply chains have become increasingly dependent on information systems. Besides posing scientific challenges...

Negociação automatica de contratos multi-laterais em cadeias produtivas agropecuarias; Automatic negotiation of multi-party contracts in agricultural supply chain

Evandro Baccarin
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/12/2009 PT
Relevância na Pesquisa
66.87%
Uma cadeia produtiva agropecuária ´e constituída por diversos tipos de atores que estabelecem uma rede de relacionamentos bastante complexa. Estes relacionamentos variam de ad hoc e de curta duração até altamente estruturado e de longa duração. As cadeias produtivas agropecuárias possuem algumas particularidades, tais como, regulamentação estrita e dependência cultural, e possuem relevância social e econômica. A utilização de contratos ´e a forma natural para expressar os relacionamentos entre os membros de uma cadeia. Desta forma, contratos e a atividade de negociá-los são de grande importância numa cadeia produtiva. Esta tese propõe um modelo para cadeias produtivas agropecuárias que integra suas principais características, incluindo seus aspectos estruturais e sua dinâmica. Em particular, a tese propõe um formato para contratos multi-laterais e um protocolo de negociação que os constrói. Contratos multi-laterais são importantes neste contexto, pois vários atores de uma cadeia produtiva podem construir alianças que compreendem direitos e obrigações mútuos. Um conjunto de contratos bi-laterais não ´e adequado para tal propósito. A tese também apresenta uma implementação do protocolo de negócio baseado em serviços Web e numa máquina de workflow (YAWL); An agricultural supply chain comprises several kinds of actors that establish a complex net of relationships. These relationships may range from ad hoc and short lasting ones to highly structured and long lasting. This kind of chain has a few particularities like strict regulations and cultural influences...

Ferramenta para monitoramento e controle de informações sobre cadeias produtivas

Ribas Junior, Osny Taborda
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xiv, 131 f.| il.
POR
Relevância na Pesquisa
46.87%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.; A enorme complexidade do tecido empresarial e o crescente acirramento das disputas nos diversos mercados globais, levam a necessidade de uma abrangente identificação e análise das inúmeras cadeias produtivas ou aglomerados industriais existentes no país, possibilitando auxiliar para um melhor planejamento e gerenciamento de ações, programas e projetos que busquem a competitividade de forma coordenada em todos os seus estágios ou elos. Pela grande diversidade existente na apresentação gráfica de cadeias produtivas, tanto em sua estrutura global, como também e particularmente dos inúmeros entes agregados que a compõem, o desenvolvimento de um software que possibilitasse por um lado, a formulação gráfica de qualquer tipo de cadeia produtiva, cluster, pólo, rede de empresas, filiére ou outra forma de aglomerado empresarial e, por outro, servi-se como um banco de dados, armazenando textos, planilhas, gráficos, mapas temáticos, áudio e vídeos referentes aos atores econômicos pertencentes a uma determinada cadeia produtiva se tornou o objetivo principal do trabalho, face a inexistência de uma ferramenta computacional com tal característica. O trabalho buscou a criação de uma ferramenta que de forma prática...

Proposta metodológica para análise de tecnologias e externalidades de cadeias produtivas do agronegócio

Silva, Edson
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 1 v.| il., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
56.63%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção.; As análises de cadeias produtivas relegam a um segundo plano a geração de externalidades durante as fases de produção,

Aglomerações produtivas e cadeias produtivas globais

Rodrigues, Ralph Santiago Leal de Camargo
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 222 f.| ils., tabs.
POR
Relevância na Pesquisa
46.95%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico. Programa de Pós-Graduação em Economia.; A presente dissertação busca caracterizar as relações produtivas de empresas inseridas nos arranjos produtivos locais de calçados da região de São João Batista, de móveis da região de São Bento do Sul, e o têxtil-vestuarista da região do Vale do Itajaí, participando de cadeias produtivas globais, no intuito de compilar um estudo sobre o processo de internacionalização dessas empresas estabelecidas no Estado de Santa Catarina, Brasil. Na perspectiva da globalização econômica, a capacidade de produzir e exportar bens manufaturados vem sofrendo uma pronunciada dispersão, sob a forma das crescentes redes de empresas localizadas tanto em países centrais, como em periféricos. Por outro lado, observa-se a crescente relevância de aspectos locais, à medida que se acentua a importância conferida às diferenciações regionais, que servem também como suporte e condicionante para as relações globais. Nesse sentido, aglomerações produtivas são fundamentais para essas empresas obterem maiores vantagens competitivas em mercados globais. É de nota as diferentes formas em que tais empresas estão inseridas nesses mercados...

Prospecção de cadeias produtivas e gestão da informação

Castro,Antônio Maria Gomes De
Fonte: Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2001 PT
Relevância na Pesquisa
66.87%
A aplicação de técnicas prospectivas tem sido introduzida na pesquisa e na gerência do agronegócio e de suas cadeias produtivas, sendo capaz de tornar mais precisa e eficaz a formulação de estratégias e a própria gestão da competitividade. Todavia, para se tornarem realidade, estes mecanismos analíticos precisam manejar grandes quantidades de informação, sem a qual toda a sua eficiência se torna comprometida. Este trabalho propõe-se a apresentar estes novos conceitos e ferramentas de análise de agronegócio e de cadeias produtivas, notadamente no que tange a aplicação de estudos defuturo focados no desempenho desses sistemas. E também examinada a questão da informação como base para estes estudos epara a formulação de estratégias e discutem-se formas de aprimorar a gestão deste insumo vital para o aprimoramento do desempenho.

Uma infra-estrutura para coordenação de atividades em cadeias produtivas baseada em coreografia de serviços web; An infrastructure for coordination of supply chain activities based on web services choreography

Alan Massaru Nakai
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/03/2007 PT
Relevância na Pesquisa
66.73%
Uma cadeia produtiva é definida como o conjunto de atividades envolvidas na criação, transformação e distribuição de um produto, da matéria-prima ao consumidor final. Os participantes da cadeia produtiva podem trabalhar de forma integrada, com o objetivo de otimizar o desempenho coletivo, aumentando sua competitividade comercial. Do ponto de vista tecnológico, a natureza distribuída, autônoma e heterogênea dos participantes da cadeia produtiva dificultam a automação dos seus processos de negócio interorganizacionais. Este trabalho propõe uma infra-estrutura baseada em coreografias de serviços Web para coordenar as atividades que compõem os processos de negócio interorganizacionais das cadeias produtivas. Esta infra-estrutura implementa um modelo de coordenação que visa facilitar o projeto e a implantação dos processos de negócio interorganizacionais. Neste modelo, os processos são representados por coreografias WS-CDL, que são mapeadas para planos de coordenação executáveis descritos em BPEL. O trabalho também apresenta um protótipo da infra-estrutura, com o objetivo de validá-la; A supply chain is the set of activities involved in the creation, transformation and distribution of a product, from raw material to the consumer. Supply chain's participants can work in an integrated way to optimize their performance and increase their commercial competitiveness. From the technological point of view...

Reestruturação produtiva regional no Brasil : uma caracterização da indústria com base em um indicador de densidade das cadeias produtivas (1996-2007); Regional productive restructuring in Brazil : characterization of an industry based on an indicator of density of supply chains (1996-2007)

Daniel Pereira Sampaio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/02/2011 PT
Relevância na Pesquisa
46.96%
A dissertação visa realizar uma análise exploratória dos dados da Pesquisa Industrial Anual, no período de 1996 a 2007, com objetivo de verificar quais foram as principais regiões e setores afetados em suas cadeias produtivas, utilizando o indicador de VTI/VBPI. A análise mostrou que o estado de São Paulo apresentou queda do indicador em importantes setores da economia tais como fabricação de produtos eletrônicos, fabricação de produtos químicos e fabricação de máquinas e equipamentos, o que demonstra que os efeitos de encadeamento nos setores mais intensivos em tecnologia foram sentidos nesse estado. Os estados do Rio de Janeiro, Sergipe, Pará e Espírito Santo estão se especializando em setores intensivos em recursos naturais, nas atividades ligadas ao minério de ferro e petróleo. Bahia, Minas Gerais e Paraná são estados mais diversificados, não apresentam especialização, mas o indicador de adensamento das cadeias produtivas manteve-se em patamares próximos ao do Brasil em função da atividade de refino de petróleo. O estado do Amazonas apresentou queda no indicador de adensamento das cadeias produtivas no setor de eletrônicos, porém o resultado para este estado também se manteve próximo ao do Brasil...

Evolução das cadeias produtivas brasileiras na década de 90; Texto para Discussão (TD) 786: Evolução das cadeias produtivas brasileiras na década de 90; Evolution of Brazilian production chains in the 90s

Haguenauer, Lia; Bahia, Luiz Dias; Castro, Paulo Furtado de; Ribeiro, Márcio Bruno
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
PT-BR
Relevância na Pesquisa
66.91%
Este trabalho analisa a evolução das cadeias produtivas da indústria brasileira na década de 90. As principais conclusões apontam para um esgarçamento dos elos intermediários de várias cadeias, apesar de se observar relativa estabilidade na estrutura da indústria. Além disso, concluiu-se que os setores mais competitivos antes da abertura comercial permaneceram sendo os mesmos ao longo da década de 90, e geralmente estão entre aqueles ligados à disponibilidade de recursos naturais.; 61 p. ; il.

Negócios solidários em cadeias produtivas: protagonismo coletivo e desenvolvimento sustentável

Parreiras, Luiz Eduardo
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea); Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia (Anpec); Fundação Banco do Brasil Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea); Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia (Anpec); Fundação Banco do Brasil
Tipo: Livros
PT-BR
Relevância na Pesquisa
56.63%
Apresenta a experiência que a Fundação Banco do Brasil e seus parceiros vêm acumulando na execução de projetos de estruturação de empreendimentos solidários no Nordeste, nas cadeias produtivas do caju, do mel e da mandioca. Primeiramente faz o detalhamento da proposta: seu contexto de origem, concepção metodológica e instrumentos operacionais utilizados. Na segunda parte, a partir do desenvolvimento dos projetos, aborda suas múltiplas dimensões e dificuldades surgidas e as soluções encontradas. Na terceira parte, a experiência já acumulada serve para selecionar algumas das questões metodológicas antes discutidas, que são então repensadas como desafios colocados para políticas e programas de superação da pobreza rural em que o domínio da cadeia produtiva seja considerado estratégico por parte da agricultura familiar.; 219 p.

Inovações tecnológicas em cadeias produtivas selecionadas: oportunidades de negócios para o município de Recife (PE).

Brasil. Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação
Fonte: Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) Publicador: Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE)
Tipo: Livro
POT
Relevância na Pesquisa
66.87%
100 p. Relatório de pesquisa.; Este documento apresenta o estudo “Inovações tecnológicas em cadeias produtivas selecionadas”, realizado pelo Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), que tem como objetivo geral “contribuir para a dinamização da economia do Município do Recife e para a inovação tecnológica nas principais cadeias produtivas do Município".

The Charcoal Supply Chains in the Family Farming in the South of Brazil; Cadeias produtivas do carvão vegetal na agricultura familiar no sul do Brasil

Carrieri-Souza, Marina; Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC); Fantini, Alfredo Celso; Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC); Uller-Gómez, Cíntia; Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina (FATMA); Dorow, Reney; Empresa de Pesquisa A
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 29/08/2014 POR
Relevância na Pesquisa
66.91%
A produção de carvão vegetal é uma importante atividade geradora de renda para agricultores familiares no Sul do Brasil, porém, esta relevância não é reconhecida oficialmente. Grande parte do carvão vegetal encontrado nos estabelecimentos varejistas é produzida de forma clandestina. No mercado, o carvão produzido de forma social e ambientalmente responsável pode ser confundido com o carvão produzido em contextos não desejáveis. Procuramos compreender as condições de produção do carvão vegetal na agricultura familiar e como esta chega ao consumidor final, tendo como base o conceito de cadeias produtivas. Realizamos o estudo de três casos representativos no Sul do Brasil, nos municípios de Biguaçu-SC, Santa Rosa de Lima-SC e Bituruna-PR. As ferramentas de coleta de dados foram questionários, entrevistas e conversas informais com atores de todos os elos das cadeias de produção e com técnicos de órgãos ambientais e de extensão rural, além de observação direta nas comunidades. Identificamos no município de Biguaçu as cadeias longa, curta face a face, curta de proximidade espacial e curta espacialmente estendida. Nos municípios de Bituruna e Santa Rosa de Lima identificamos apenas as cadeias longas. São apresentadas diversas normas implícitas que orientam a conduta dos atores sociais. Discute-se a comercialização de carvão em cadeias curtas como forma de criar estratégias de inserção no mercado e agregação de valor com base na identificação das características de qualidade do produto...

COOPERAÇÃO EM CADEIAS PRODUTIVAS: UM DEBATE ENTRE A ECONOMIA DOS CUSTOS DE TRANSAÇÃO E A ECONOMIA DO APRENDIZADO

dos Santos, Rodolfo Torres
Fonte: Editora UFPR Publicador: Editora UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 10/05/2006 POR
Relevância na Pesquisa
66.73%
O presente artigo discute a explicação da economia do aprendizado e da economia dos custos de transação para a formação de estruturas de cooperação em cadeias produtivas. Estas estruturas têm como características formas de organização e coordenação das relações econômicas mais complexas que o sistema de preços de mercado. A abordagem da teoria dos custos de transação para este fenômeno é que tais estruturas emergem na busca por mitigação de riscos associados aos investimentos em ativos específicos. Para a economia do aprendizado, a formação de associações numa cadeia produtiva é explicada pelo benefício da geração e difusão de conhecimento entre as partes. Neste estudo se constrói uma argumentação em favor da complementaridade destes enfoques, sobretudo tendo em foco que os fenômenos do mundo real apresentam simultaneamente os requisitos destas duas interpretações.; The present paper discusses the explanation learning economy and transaction cost economy to the presence of cooperative structures in productive chains. More complex organizational and coordinating frameworks than the market price system characterize these structures. The transaction cost economy shows that these structures became from the search for the mitigation of risks related to specific asset investments. In the learning economy approach...

Analysis of Productive Chains Under Management of Cooperating Fam ilies Linked to the Movement of Landless Workers; Análise de Cadeias Produtivas sob Gerenciamento de Famílias Cooperadas Ligadas ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra

Eid, Farid; Pimentel, Andréa Eloísa Bueno; Severino, Maico Roris
Fonte: Revista da ABET Publicador: Revista da ABET
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 20/12/2009 POR
Relevância na Pesquisa
46.87%
The work has for objective to show, from the theoretical research and concrete experiences existing in some states of Brazil, the organization of small solidary productive chains, whose strategical links are under control of families cooperated organized in agrarian reform nestings associates to Movement of the Agricultural Workers Without Land (MST) and that they contribute for improvement the life’s quality. These experiences oppose to the historical process organization of traditional productive chains whose relation, peasant and agribusiness entrepreneur, reproduce relations of dependence and subordination. We emphasize the importance given to the educational formation and technique, administrative politics, development of the cooperation and the organization of small plants, such as chicken, milk, swine and others. The article has five sections. The first section is an analysis of the cooperation within the MST (Landless People Movement), while the second is about the means of cooperation in agrarian reform cooperatives which are part of the MST. The third section is an analysis of the solidary economy category. The forth section discusses the productive chains that represent a new form or solidarity. The fifth section is about the MST experience with COPAVI ( Cooperativa de Produção Agropecuária Vitória LTDA).; O trabalho tem por objetivo mostrar...