Página 1 dos resultados de 57 itens digitais encontrados em 0.000 segundos

Lipid imbalance in the progressive neurological metabolic disorder, Farber disease

Ribeiro, Maria Gil Roseira; Ferreira, Natália; Alves, Mariana; Ribeiro, Isaura
Fonte: Edições Universidade Fernando Pessoa Publicador: Edições Universidade Fernando Pessoa
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2010 ENG
Relevância na Pesquisa
16.69%
Farber disease is a neurodegenerative metabolic inherited disease caused by the deficient activity of acid ceramidase which leads to ceramide accumulation within lysosomes. Besides the structural role in biomembranes ceramide also acts as signalling molecule. The present study investigated whether intracellular trafficking of lipid molecules is blocked in diseased fibroblasts. The observation of secondary lysosomal glycosphingolipids and cholesterol storage in Farber cells reinforces the importance of a normal level and/or intracellular distribution of ceramide for proper cell function. A Doença de Farber é uma doença hereditária metabólica neurodegenerativa causada pela deficiente actividade da ceramidase ácida que conduz à acumulação de ceramida nos lisossomas. Para além da função estrutural nas biomembranas, a ceramida também actua como molécula sinalizadora. O presente estudo investigou se o tráfego intracelular de moléculas lipídicas está comprometido em fibroblastos destes doentes. A acumulação lisossomal secundária de glicoesfingolípidos e colesterol observada em células de Farber sublinha a importância de um nível e/ou distribuição intracelular de ceramida adequados para o correcto desempenho da função celular.

Toxicidade de pesticidas : alterações biofìsicas nas biomembranas

Videira, Romeu António
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
16.69%
Tese de doutoramento em Bioquímica (Toxicologia Bioquímica) apresentada à Fac. de Ciências e Tecnologia de Coimbra

Termo-adaptação molecular da membrana de Bacillus Stearothermophilus

Jurado, Maria Amália da Silva
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
16.69%
Têm sido propostos vários mecanismos moleculares para explicar a sobrevivência dos microorganismos termofílicos a temperaturas deletérias para os organismos mesofílicos. A membrana plasmática, em contacto directo com o exterior, constitui necessariamente um componente celular crítico para a termostabilidade celular. Alterações da composição lipídica membranar em função da temperatura de crescimento e a interacção de iões divalentes com os fosfolípidos acídicos da membrana são dois mecanismos prováveis de promover estabilização da membrana a temperaturas elevadas. No âmbito deste trabalho foram efectuados estudos bioquímicos e biofísicos da membrana de Bacillus stearothermophilus cultivado a diferentes temperaturas em meio controlo e suplementado com Ca2+. As classes de lípidos polares e as espécies de ácidos gordos, nas diferentes condições de crescimento do organismo, foram identificadas e quantificadas por técnicas cromatográficas. Os efeitos das alterações bioquímicas nas propriedades biofísicas da membrana foram estudados em bicamadas lipídicas (lipossomas multilamelares) dos extractos lipídicos totais e polares da bactéria, mediante técnicas de fluorimétricas, calorimétricas, de ressonância magnética nuclear e microscopia de luz polarizada. A permeabilidade...

Efeitos dos insecticidas na actividade bioqíimica das biomembranas

Madeira, Maria do Carmo Antunes
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
16.69%
Tese de doutoramento em Biologia (Biologia Físico-Química) apresentada à Fac. de Ciências e Tecnologia da Univ. de Coimbra

Bacillus stearothermophilus: modelo para o estudo de interacções membranares do tamoxifeno.

Maia, Paula Cristina dos Santos Luxo
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
16.69%
O tamoxifeno (TAM) é um fármaco muito utilizado no tratamento e prevenção do cancro da mama. Apesar do tamoxifeno ser vulgarmente classificado como um antagonista de estrogénios, os múltiplos efeitos celulares deste fármaco não podem ser totalmente explicados com base na ligação ao receptor de estrogénio (RE). O TAM é um composto lipofílico que perturba as propriedades físicas de membranas nativas e de lipossomas preparados com lípidos puros, e modifica a ordem membranar em células humanas de cancro da mama. Estes efeitos em biomembranas podem estar envolvidos, tanto na sua acção farmacológica como nos seus efeitos citotóxicos. Com o objectivo de esclarecer os mecanismos de acção do TAM, a nível membranar, utilizámos, como modelo, uma bactéria. Bacillus stearothermophilus foi a bactéria utilizada neste trabalho, devido à grande experiência antecedente com este microrganismo, conhecendo-se bem a sua composição lipídica e o modo como varia ao longo do intervalo de temperaturas de crescimento. Por outro lado, esta bactéria é muito sensível a alterações ambientais, promovendo modificações da sua composição lipídica. Este apurado mecanismo de adaptação poderá também actuar em resposta à acção de moléculas estranhas...

Spectroscopic and thermal characterization of alternative model biomembranes from shed skins of Bothrops jararaca and Spilotis pullatus

BABY, André Rolim; LACERDA, Áurea Cristina Lemos; SARRUF, Fernanda Daud; PINTO, Claudinéia Aparecida Sales de Oliveira; CONSIGLIERI, Vladi Olga; SERRA, Cristina Helena dos Reis; VELASCO, Maria Valéria Robles; KAWANO, Yoshio; KANEKO, Telma Mary
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Ciências Farmacêuticas Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Ciências Farmacêuticas
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
27.86%
Recently, there has been an interest in the use of shed snake skin as alternative model biomembrane for human stratum corneum. This research work presented as objective the qualitative characterization of alternative model biomembranes from Bothrops jararaca and Spilotis pullatus by FT-Raman, PAS-FTIR and DSC. The employed biophysical techniques permitted the characterization of the biomembranes from shed snake skin of B. jararaca and S. pullatus by the identification of vibrational frequencies and endothermic transitions that are similar to those of the human stratum corneum.; Existe atualmente interesse no uso da muda de pele de cobra como modelos alternativos de biomembranas da pele humana. O presente trabalho apresentou como objetivo a caracterização qualitativa de modelos alternativos de biomembranas provenientes de mudas de pele de cobra da Bothrops jararaca e Spilotis pullatus por espectroscopia Raman (FT-Raman), espectroscopia fotoacústica no infravermelho (PAS-FTIR) e calorimetria exploratória diferencial (DSC). As técnicas biofísicas FT-Raman, PAS-FTIR e DSC permitiram caracterizar qualitativamente os modelos alternativos de biomembranas provenientes das mudas de pele de cobra da B. jararaca e S. pullatus e identificar freqüências vibracionais e transições endotérmicas similares ao estrato córneo humano.

Morphologic evaluation of the use of a latex prosthesis in videolaparoscopic inguinoplasty: an experimental study in dogs; Avaliação morfológica da utilização de prótese de latex na inguinoplastia videolaparoscópica: estudo experimental em cães

SOUSA, Luiz Henrique de; CENEVIVA, Reginaldo; COUTINHO NETTO, Joaquim; MRUÉ, Fátima; SOUSA FILHO, Luiz Henrique de; SILVA, Orlando de Castro e
Fonte: Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia Publicador: Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia
Tipo: Artigo de Revista Científica
ENG
Relevância na Pesquisa
17.66%
PURPOSE: To evaluate the morphological aspects of the behavior of 4 types of latex biomembranes implanted in preperitoneal videolaparoscopic inguinoplasty. METHODS: Sixteen inguinoplasties were performed in 12 dogs: group 1 received an impermeable latex biomembrane in the right inguinal region and a prolene prosthesis, as control, in the contralateral inguinal region; groups 2, 3 and 4 received latex biomembranes respectively containing impermeable polyamide, 1-mm thick porous polyamide and 0.5-mm thick porous polyamide. Macro- and microscopic evaluations of the inguinal region and of the removed implants were made on the 7th, 14th, 21st and 28th days in group 1 and on the 28th postoperative day in the other groups. RESULTS: We observed absence of hematoma, seroma and infection; presence of tortuosities; induction of vascular neoformation, inflammatory reaction and collagen deposition, and full encystment of the latex biomembranes, except that with fine porous polyamide, which was partially incorporated, with the formation of microcysts. No latex biomembrane induced fibrosis as observed in the prolene control group. CONCLUSIONS: The biomembranes maintain induction of the healing process without fibrosis, are fully encysted and, except for the one with fine porous polyamide...

Estudos da enzima clorocatecol 1,2-dioxigenase por EPR convencional e da estrutura dinâmica de biomembranas por EPR pulsada bidimensional; EPR studies of the enzyme chlorocatechol 1,2-dioxygenase and of the dynamic structure of biomembranes

Costa Filho, Antônio José da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/11/2001 PT
Relevância na Pesquisa
27.33%
Neste trabalho, usamos a técnica de Ressonância Paramagnética Eletrônica em seu modo convencional para o estudo da enzima clorocatecol 1,2-dioxigenase e em seu modo pulsado para o estudo da estrutura dinâmica de biomembranas. Clorocatecol 1,2-dioxigenase é uma enzima que catalisa a clivagem de estruturas aromáticas, como a do clorocatecol, via a a ativação e incorporação de uma molécula de oxigênio e que possui em seu sítio ativo um íon Fe(III). Nossos resultados de CD e atividade enzimática mostram o intervalo de temperaturas entre 20-25 ºC como aquele no qual a enzima apresenta atividade máxima. A maior contribuição para sua estrutura secundária vem de folhas β anti-paralela. A quantificação do número de spin feita por EPR indicou a presença de um íon Fe(III) por molécula de CCD, estando esse íon em estado de spin alto e simetria rômbica, como se depreende da linha estreita em g=4,3. Os parâmetros de desdobramentos de campo zero foram determinados pela medida em função da temperatura da linha em g=4,3, fornecendo λ=E/D=1/3 e D=(1,3±0,2) cm -1. O gráfico de Scatchard construído a partir dos espectros de EPR quando da titulação da enzima com o substrato catecol indicou a presença de um único sítio ligante de catecol...

Interação entre quitosana e modelos de membrana celular: filmes de Langmuir e Langmuir-Blodgett (LB); Interaction between chitosan and cell membrane models: Langmuir and Langmuir-Blodgett (LB) films.

Pavinatto, Felippe José
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2010 PT
Relevância na Pesquisa
17.33%
Quitosana é um polissacarídeo usado em diversas aplicações biológicas, por exemplo, em liberação controlada de drogas, transfecção, aceleração da cicatrização de feridas e como agente bactericida, entre outras. Em todas essas aplicações, o polímero interage com tecidos e células. Entretanto, embora sua ação seja comprovada, os mecanismos de ação e a interação do polímero com células e biomembranas no nível molecular ainda não são conhecidos. Nesta tese de doutorado, filmes de Langmuir e Langmuir-Blodgett (LB) de lipídios foram usados como modelos de membrana celular para estudar em nanoescala a interação e os efeitos causados pela quitosana. Primeiramente, observou-se que a quitosana, um polieletrólito solúvel em pH ácidos, possui atividade superficial induzida na presença de um filme interfacial de lipídio, demonstrando que o polímero possui interação favorável com membranas. Após adsorver sobre as monocamadas, a quitosana expande as mesmas, o que ocorre apenas até uma determinada concentração de polímero, denominada concentração de saturação. A magnitude dessa expansão é menor para filmes compactos, o que sugere que a quitosana é parcialmente expulsa da interface, localizando-se na subsuperfície. Isso foi comprovado com o uso de filmes LB...

Isolamento e caracterização de membranas eritrocitaria resistentes a detergentes; Isolation and characterization of detergent-reinstant membranes from erythrocytes

Cleyton Crepaldi Domingues
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/01/2009 PT
Relevância na Pesquisa
17.33%
Detergentes constituem uma das ferramentas mais importantes no estudo de membranas biológicas. A eficiência de um detergente em solubilizar biomembranas e suas proteínas depende de suas propriedades físico-químicas e a solubilização parcial pode resultar em membranas resistentes a detergentes (DRMs). A resistência a detergentes dessas frações membranares constituídas principalmente de colesterol, esfingolipídios e proteínas específicas foi analisada nesse trabalho, usando membranas de eritrócitos humanos. Embora não haja evidências experimentais suficientes pra afirmar que DRMs correspondam aos microdomínios naturais existentes em biomembranas, conhecidos como lipid rafts e que também são enriquecidos em colesterol e esfingolipídios, DRMs são bons modelos para o estudo daqueles. A obtenção de DRMs com uso do detergente octaetilenoglicol mono lauril éter (C12E8) a baixa temperatura (4oC) é descrita pela primeira vez. Os detergentes zwiteriônicos ASB-14, ASB-16 e CHAPS também foram testados, mas falharam no isolamento de DRMs com baixa densidade. DRMs obtidas com C12E8 e com Triton X-100 apresentaram um aumento da razão colesterol/proteína de pelo menos três vezes em relação à membrana original. A proteína flotilina-2...

Estudo de membranas eritrocitárias resistentes a detergentes da série éter de polioxietileno (Brij)

Bruna Renata Casadei
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/06/2011 PT
Relevância na Pesquisa
27.66%
A visão atual sobre membranas biológicas abarca descrições cada vez mais complexas devido, principalmente, à descoberta de novos papéis atribuídos aos lipídios e sua heterogeneidade. Em particular a associação de esfingolipídios e colesterol, acrescida de proteínas específicas, constitui a base da formação de domínios membranares conhecidos como lipid rafts. Rafts são microdomínios funcionais de biomembranas e estão envolvidos em diversos processos biológicos como reconhecimento celular, endocitose, transdução de sinal, entre outros processos. Uma estratégia experimental para estudar esses domínios é a preparação de frações de membrana parcialmente resistentes ao tratamento com detergentes, a baixa temperatura (4°C). Neste trabalho demonstramos pela primeira vez o preparo e caracterização de frações resistentes a detergente (DRMs) extraídas de membranas de eritrócito humano, a partir do tratamento com os detergentes não iônicos polioxietileno 20-oleil éter (Brij 98) e polioxietileno 20-cetil éter (Brij 58), seguida de separação por ultracentrifugação em gradiente de sacarose. Essas DRMs foram obtidas a 4°C e 37°C, a partir de membranas intactas e com conteúdo reduzido de colesterol (após tratamento com metil-beta-ciclodextrina) e foram comparadas com DRMs de Triton X-100 (TX-100) em relação ao tamanho...

Sistemas miméticos de biomembranas na caracterização da interacção, a nível molecular, de quinolonas com a proteína membranar OmpF

Neves, Patrícia Susana Santos
Fonte: Porto : [s.n.] Publicador: Porto : [s.n.]
Tipo: Tese de Doutorado
POR
Relevância na Pesquisa
27.33%

Interacção biomembranar : parâmetros que influenciam a ligação de dendrimeros, peptidos lipidados e carregados electricamente a biomembranas

Guimarães, João Carlos Henriques
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 POR
Relevância na Pesquisa
27.33%
Dissertação de mestrado em Biofísica em Bionanossistemas; Todas as células, unidade de vida, apresentam-se compartimentalizadas por uma bicamada lipídica permitindo que numerosos processos ocorram á superfície dos organelos por uma associação reversível de proteínas do citosol. Nestes processos simples parâmetros físicos como, curvatura membranar e/ou densidade de carga poderão ser importantes “inputs” para criar respostas temporais e espaciais.(Bigay & Antonny, 2012). A maioria dos estudos encontram-se focados em parâmetros físico-quimicos das biomoléculas como os maiores reguladores na interacção com membranas. Deste modo o papel desempenhado pelas propriedades membranares não se encontram completamente elucidados. Neste projecto, eu irei investigar a um nível singular as propriedades físicas das biomembranas e a sua directa influência na associação reversível com biomoléculas. Para este efeito, eu irei utilizar biomoléculas com função definida e analisar o seu comportamento quando importantes parâmetros associados as mesmas são manipulados. De modo a obter estes objectivos, irei utilizar um ensaio “in-vitro”, onde lipossomas fluorescentes individuais serão imobilizados numa superfície de vidro e visualizados usando microscopia laser confocal. Deste modo...

The interplay between HIV-1 gp41, membranes and pre-fusion antiviral agents

Veiga, Ana Salomé Rocha do Nascimento, 1980-
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2007 ENG
Relevância na Pesquisa
17.66%
Tese de doutoramento em Bioquímica (Biofísica Molecular), apresentada à Universidade de Lisboa através da Faculdade de Ciências, 2008; The HIV-1 envelope glycoprotein complex plays an important role in viral entry. Its surface subunit gp120 is responsible for virus binding to cellular receptors, and the transmembrane subunit gp41 mediates fusion of the virus with the target cell. Different functional regions can be identified in gp41, each one with importance in the fusion process. T20 and T-1249 are two HIV-1 fusion inhibitor peptides, being T20 already approved for clinical application in AIDS treatment. The work here presented describes research on the role of biomembranes on their mode of action. A model for the role of biomembranes was proposed. Given the similarities between the HIV-1 and SARS-CoV, and the urgency to obtain licensed drugs to treat SARS, the possibility that T20 and T-1249 can work as SARS- CoV inhibitors was investigated. The results obtained show that despite the hypothesis that T20 could inhibit SARS-CoV fusion is correct, the effect may not be strong enough for practical application. A small sequence inside the HIV-1 gp41 ectodomain membrane proximal region (MPR) is commonly referred to as a cholesterol binding domain. As the MPR plays a key role in the HIV-1 fusion process and the viral envelope is rich in cholesterol...

Las bases moleculares de las biomembranas

Gómez Fernández, Juan Carmelo
Fonte: Murcia: Universidad de Murcia, Servicio de Publicaciones Publicador: Murcia: Universidad de Murcia, Servicio de Publicaciones
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
SPA
Relevância na Pesquisa
27.33%

Implantação de biomembrana de colágeno tratada em solução alcalina ou conservada em glicerina a 98% na parede abdominal de equinos

Vulcani,Valcinir Aloisio Scalla; Macoris,Delphim da Graça; Plepis,Ana Maria de Guzzi; Martins,Virgínia da Conceição Amaro; Franzo,Vanessa Sobue; Rabelo,Rogério Elias; Sant'Ana,Fabiano José Ferreira de
Fonte: Universidade Federal de Santa Maria Publicador: Universidade Federal de Santa Maria
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
17.66%
Objetivou-se, neste trabalho, obter biomembranas de colágeno tratadas em solução alcalina por 72 horas (GE), a partir de centros tendinosos diafragmáticos de equinos e comparar sua biocompatibilidade com membranas conservadas em solução de glicerina a 98% (GG) e membranas não tratadas (GC). As membranas foram implantadas na fáscia interna do músculo reto do abdome de equinos e retiradas, juntamente com os tecidos adjacentes, aos sete, 63 e 126 dias pós-operatórios para a preparação de lâminas histológicas. O estudo histomorfométrico das lâminas revelou processo inflamatório mais intenso para os implantes GG e CC e cicatrização mais rápida para os implantes GE. Concluiu-se que as biomembranas colagênicas tratadas em solução alcalina são mais biocompatíveis do que biomembranas conservadas em glicerina 98%.

Cell Volume Regulation in Human Retinal Müller Cells is Associated with Changes in Transmembrane Potential

Fernández, Juan Manuel Francisco; Di Giusto, Gisela; Kalstein, Maia; Melamud, Luciana; Rivarola, Valeria; Ford, Paula; Capurro, Claudia Graciela
Fonte: Public Library of Science Publicador: Public Library of Science
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:ar-repo/semantics/artículo; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
18.18%
Müller cells are mainly involved in controlling extracellular homeostasis in the retina, where intense neural activity alters ion concentrations and osmotic gradients, thus favoring cell swelling. This increase in cell volume is followed by a regulatory volume decrease response (RVD), which is known to be partially mediated by the activation of K and anion channels. However, the precise mechanisms underlying osmotic swelling and subsequent cell volume regulation in Müller cells have been evaluated by only a few studies. Although the activation of ion channels during the RVD response may alter transmembrane potential (V), no studies have actually addressed this issue in Müller cells. The aim of the present work is to evaluate RVD using a retinal Müller cell line (MIO-M1) under different extracellular ionic conditions, and to study a possible association between RVD and changes in V. Cell volume and V changes were evaluated using fluorescent probe techniques and a mathematical model. Results show that cell swelling and subsequent RVD were accompanied by V depolarization followed by repolarization. This response depended on the composition of extracellular media. Cells exposed to a hypoosmotic solution with reduced ionic strength underwent maximum RVD and had a larger repolarization. Both of these responses were reduced by K or Cl channel blockers. In contrast...

Human AQP1 is a constitutively open channel that closes by a membrane-tension-mediated mechanism

Ozu, Marcelo; Dorr, Ricardo Alfredo; Gutiérrez, Facundo; Politi, María Teresa; Toriano, Roxana Mabel
Fonte: Biophysical Society Publicador: Biophysical Society
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:ar-repo/semantics/artículo; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
ENG
Relevância na Pesquisa
17.86%
This work presents experimental results combined with model-dependent predictions regarding the osmotic-permeability regulation of human aquaporin 1 (hAQP1) expressed in Xenopus oocyte membranes. Membrane elastic properties were studied under fully controlled conditions to obtain a function that relates internal volume and pressure. This function was used to design a model in which osmotic permeability could be studied as a pressure-dependent variable. The model states that hAQP1 closes with membrane-tension increments. It is important to emphasize that the only parameter of the model is the initial osmotic permeability coefficient, which was obtained by model-dependent fitting. The model was contrasted with experimental records from emptied-out Xenopus laevis oocytes expressing hAQP1. Simulated results reproduce and predict volume changes in high-water-permeability membranes under hypoosmotic gradients of different magnitude, as well as under consecutive hypo- and hyperosmotic conditions. In all cases, the simulated permeability coefficients are similar to experimental values. Predicted pressure, volume, and permeability changes indicate that hAQP1 water channels can transit from a high-water-permeability state to a closed state. This behavior is reversible and occurs in a cooperative manner among monomers. We conclude that hAQP1 is a constitutively open channel that closes mediated by membrane-tension increments.; Fil: Ozu...

Study of drug formulations and development of immunosensing interfaces with membrane model systems

Paiva, Telmo Manuel Oliveira
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2015 ENG
Relevância na Pesquisa
27.86%
Tese de mestrado em Bioquímica, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2015; Grande parte dos processos bioquímicos encontra-se associada às membranas biológicas enquanto estruturas capazes de delimitar variados compartimentos e, simultaneamente, desempenhar funções ao nível da sinalização, comunicação e transmissão de informação, bem como de servir de suporte a inúmeras moléculas essenciais a esses processos bioquímicos. A capacidade de desempenhar todos estes papéis prende-se com o facto de as membranas biológicas apresentarem uma complexa estrutura, possuindo na sua composição, para além de inúmeras proteínas, um vasto leque de moléculas lipídicas, conferindo-lhes diversas propriedades físicas características. Por si só, os lípidos são caracterizados por uma elevada diversidade estrutural, quer ao nível da região hidrófila, quer ao nível das cadeias alifáticas, que podem diferir no seu comprimento, no grau de insaturação hidroxilação, etc. Assim, no sentido de perceber toda esta complexidade, diferentes sistemas modelo capazes de mimetizar as membranas biológicas têm surgido, tendo como ponto de partida a estrutura da bicamada lipídica proposta por Gorter e Grendel...

Spectroscopic and thermal characterization of alternative model biomembranes from shed skins of Bothrops jararaca and Spilotis pullatus

Baby, André Rolim; Lacerda, Áurea Cristina Lemos; Sarruf, Fernanda Daud; Pinto, Claudinéia Aparecida Sales de Oliveira; Consiglieri, Vladi Olga; Serra, Cristina Helena dos Reis; Velasco, Maria Valéria Robles; Kawano, Yoshio; Kaneko, Telma Mary
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Ciências Farmacêuticas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2009 ENG
Relevância na Pesquisa
27.86%
Existe atualmente interesse no uso da muda de pele de cobra como modelos alternativos de biomembranas da pele humana. O presente trabalho apresentou como objetivo a caracterização qualitativa de modelos alternativos de biomembranas provenientes de mudas de pele de cobra da Bothrops jararaca e Spilotis pullatus por espectroscopia Raman (FT-Raman), espectroscopia fotoacústica no infravermelho (PAS-FTIR) e calorimetria exploratória diferencial (DSC). As técnicas biofísicas FT-Raman, PAS-FTIR e DSC permitiram caracterizar qualitativamente os modelos alternativos de biomembranas provenientes das mudas de pele de cobra da B. jararaca e S. pullatus e identificar freqüências vibracionais e transições endotérmicas similares ao estrato córneo humano.; Recently, there has been an interest in the use of shed snake skin as alternative model biomembrane for human stratum corneum. This research work presented as objective the qualitative characterization of alternative model biomembranes from Bothrops jararaca and Spilotis pullatus by FT-Raman, PAS-FTIR and DSC. The employed biophysical techniques permitted the characterization of the biomembranes from shed snake skin of B. jararaca and S. pullatus by the identification of vibrational frequencies and endothermic transitions that are similar to those of the human stratum corneum.