Página 1 dos resultados de 1 itens digitais encontrados em 0.006 segundos

A EXPLORAÇÃO DO RIO BENI

Saulo Gomes de Sousa; Instituto Federal de Rondônia
Fonte: Revista Eletrônica Veredas Amazônicas Publicador: Revista Eletrônica Veredas Amazônicas
Tipo: Artigo Avaliado por Pares Formato: application/pdf
Publicado em 03/05/2012 PT
Relevância na Pesquisa
56.67%
Apresentamos a versão em português de The exploration of river Beni título original publicado primeiramente no Journal of the American Geographical Society of New York, Vol. 14 (1882), pp. 117-165, traduzida e anotada ao castelhano pelo historiador boliviano Manuel Vicente Ballivián tendo sido publicada em 1896 na cidade de La Paz sob o título La exploración del río Beni, é um diário de viagem do médico americano Edwin R. Heath (1839 – 1932) que relata sua viagem a serviço do governo boliviano durante os anos 1880-81 de reconhecimento e exploração do rio Beni e seus afluentes em todo seu curso até  sua confluência com o rio Mamoré abrindo assim a rota fluvial até o Rio Madeira, na época importante corredor para a exportação dos produtos oriundos da indústria gomífera boliviana ao atlântico. Apoiado com os registros dos exploradores que o antecederam desde o século XVII, entre eles, os padres jesuítas José del Castilho, Pedro Marabán , Cipriano Barace y Agustín Zapata que investiram na exploração de tal rio. Em 1846 José Agustín Palacios o mais representativo precursor da exploração do rio Beni chegou até a conhecida Cachoeira Esperanza (nomeada por Edwin Heath)...