Página 1 dos resultados de 511 itens digitais encontrados em 0.019 segundos

"O processo de trabalho das enfermeiras na assistência pré-natal da rede básica de saúde do município de Ribeirão Preto" ; The nurses work process in antenatal care in the basic health network of Ribeirão Preto, Brazil. 2005.

Brienza, Adriana Mafra
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/07/2005 PT
Relevância na Pesquisa
75.86%
A perspectiva da assistência pré-natal vem se consolidando nas investigações da área de saúde com vistas a promover o reconhecimento social e visibilidade dos trabalhos executados por profissionais da saúde. A proposta deste estudo é compreender o processo de trabalho das enfermeiras na assistência pré-natal da rede básica de saúde do município de Ribeirão Preto, buscando identificar as ações desenvolvidas no atendimento às mulheres. Pressupomos que a atuação da enfermeira proporciona uma apreensão mais ampliada das necessidades da gestante, sendo um dispositivo que favorece a perspectiva de transformação do processo de trabalho. O referencial teórico baseou-se no processo do trabalho em saúde e na assistência pré-natal. Utilizamos a metodologia qualitativa e a técnica do grupo focal como procedimentos para a coleta de dados. Os sujeitos do estudo foram cinco enfermeiras que atuam no referido serviço. A análise de conteúdo foi utilizada para sistematizar os dados qualitativos. Identificamos que a apropriação da assistência pré-natal pela enfermeira foi estimulada pela política da Secretaria Municipal de Saúde, por meio da criação de um protocolo assistencial, sinalizando uma nova construção e concepção na assistência às mulheres. As enfermeiras evidenciaram potencial para um “novo” trabalho na assistência pré-natal...

Os sistemas públicos de informação em saúde na tomada de decisão - rede básica de saúde do munícipio de Ribeirão Preto; "Public health information in the decision making at basic care-Ribeirão Preto-SP"

Pinto, Ione Carvalho
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/03/2000 PT
Relevância na Pesquisa
55.99%
A temática deste estudo é a informação em saúde, uma das áreas da saúde coletiva, por estar inserida nas políticas de saúde para promoção, prevenção e recuperação da saúde individual e coletiva, considerando as determinações sociais do processo saúde-doença e, ainda, por servir de ferramenta analisadora da produção de ações de saúde, nas decisões, na (re)construção do modelo assistencial, possibilitando aos sujeitos alcançarem a autonomia no desenvolvimento de seu trabalho em saúde. Através de três grandes eixos buscou-se a sustentação para o estudo da informação em saúde: tomada de decisão, o enfoque sistêmico da organização e os princípios organizativos e diretivos do Sistema Único de Saúde. Objetivamos descrever e analisar a constituição e organização dos quatro sistemas públicos de informação em saúde na tomada de decisão na rede básica (SIM-RP Sistema de Informação de Mortalidade, SINASC-RP Sistema de Informações de Nascidos Vivos, SIVE-RP Sistema de Informação de Vigilância Epidemiológica e HYGIA-RP Sistema de Informação Ambulatorial Informatizado), em relação à sua finalidade, produção, utilização, fluxo (ascendente, descendente e lateral), integração, articulação...

Riscos ocupacionais existentes no trabalho dos enfermeiros que atuam na rede básica de atenção à saúde do município de Volta Redonda-RJ; Occupational Risks in the work of Nurses active in the Basic Care Network of Volta Redonda - RJ,

Nunes, Marcia Batista Gil
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 30/11/2009 PT
Relevância na Pesquisa
56.04%
Trata-se de pesquisa sobre riscos do trabalho dos Enfermeiros que atuam na Rede Básica de Atenção a Saúde em um município do estado do Rio de Janeiro que apresentou como objetivo geral: analisar os riscos existentes no trabalho dos Enfermeiros que atuam na Rede Básica de Atenção a Saúde, vinculados a Estratégia Saúde da Família (ESF), na cidade de Volta Redonda; e específicos: (1) descrever o trabalho dos Enfermeiros que atuam na Rede Básica de Atenção a Saúde vinculados a ESF; (2) identificar o conceito de risco apresentado por esses Enfermeiros; (3) descrever os riscos ocupacionais identificados por eles e (4) descrever as estratégias utilizadas por eles para minimização dos riscos ocupacionais. A investigação foi de abordagem qualitativa, de natureza descritiva e social, realizada em nove unidades de Saúde, com a participação de vinte Enfermeiros. Os dados foram obtidos por meio de técnica de entrevista semiestruturada, realizadas no período de dezembro de 2008 a março de 2009 e analisados com base na Análise de Conteúdo de Bardin, tendo como unidade de registro o "tema". Os resultados revelam: dos vinte Enfermeiros 90%, são do sexo feminino; 55% encontram-se na faixa etária, de 30 a 34 anos; 20%...

Saúde mental na atenção básica: o desafio da implementação do apoio matricial; Primary care in mental health: the challenge of implementing a matrix support system

Morais, Ana Patrícia Pereira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/10/2010 PT
Relevância na Pesquisa
55.93%
A Reforma Psiquiátrica no Brasil reorienta para um novo modelo de atenção à saúde mental, o qual necessita de contínuas estratégias e práticas para atingir seus objetivos. O fechamento de leitos e hospitais psiquiátricos, o surgimento de serviços extra-hospitalares e a criação de equipes mínimas de saúde mental passaram a exigir maior suporte da rede pública de saúde. No município de Fortaleza-CE, a reorganização das ações e serviços de saúde mental tem exigido da Rede Básica o enfrentamento do desafio de atender aos problemas de saúde mental, o que tem sido possível com a implementação do Apoio Matricial. Para avaliar o atendimento à saúde mental na Atenção Básica, o presente estudo utilizou uma abordagem qualitativa, tendo como referência lógico-conceitual a Reforma Psiquiátrica Brasileira, a Política de Saúde Mental do SUS para a Atenção Básica. Foram entrevistados doze profissionais das equipes da Saúde da Família de 4 UBS com apoio matricial implantado. As análises do conteúdo das falas originaram dois eixos teóricos analíticos. A reorganização dos serviços da Atenção Básica com ApM garantindo o acesso e a reorganização das práticas para a continuidade do cuidar. A implementação do ApM tem propulsado novas articulações entre os níveis de atenção e nos serviços tem possibilitado a responsabilidade compartilhada dos casos de saúde mental. O ApM tem oportunizado aos enfermeiros...

Utilização de serviços de saúde no Município de São Paulo, nos anos de 2003 e 2008: inquéritos de saúde de base populacional; Use of health services in São Paulo, in the years 2003 and 2008: health surveys of elderly patients.

Godofredo, Jerônimo Fernandes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/09/2011 PT
Relevância na Pesquisa
55.92%
Introdução: Os anos 2003 e 2008 delimitam um período importante na saúde do Município de São Paulo. É imediato ao estabelecimento efetivo do SUS, teve ampliação da rede sua básica e contou com ações de largo alcance social, tais como os mutirões da saúde. Objetivo: Identificar mudanças na utilização de serviços de saúde no Município de São Paulo no período de 2003 a 2008, segundo características sociodemográficas, de saúde e de estilo de vida. Método: Utilizou-se os inquéritos de saúde de base populacional do município, os ISA Capital de 2003 e de 2008. Foi analisado o uso de serviços de saúde no evento da morbidade aguda, na presença de hipertensão e/ou diabetes, em adultos com idade de 20 anos ou mais, e na realização de exames de Papanicolau, mamografia e de próstata. O perfil sociodemográfico, de saúde e de estilo de vida foi analisado através da prevalência destas características e da taxa de uso, entre os que procuraram assistência médica na morbidade aguda, entre os hipertensos e/ou diabéticos que referiram visitar médico ou serviços de saúde regularmente e entre os que realizaram exames preventivos em tempo inferior a três anos da data da entrevista. Resultados: No período, ocorreram os seguintes aumentos significativos: a procura por serviços de saúde entre os que procuraram ajuda devido à morbidade aguda...

O espaço de enfermagem em saúde coletiva na rede municipal de saúde de Porto Alegre; The nursing space in public health at the municipal health network of Porto Alegre

Ramos, Donatela Dourado; Lima, Maria Alice Dias da Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
85.89%
A partir da experiência da autora na rede básica municipal de saúde de Porto Alegre, apresenta-se uma breve retrospectiva histórica da evolução do trabalho de enfermagem na área de saúde coletiva, na Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre – no Estado do Rio Grande do Sul, caracterizando a prática do enfermeiro.; Based on the author’s experience at the municipal basic health network of Porto Alegre, this article presents a small historical retrospective of nursing work evolution on public health field, at Municipal Health Office of Porto Alegre (R.S., Brazil), characterizing the nurse’s practice.; A partir de la experiencia de la autora en la red básica municipal de salud de Porto Alegre, este artículo presenta una breve retrospectiva histórica de la evolución del trabajo de enfermería en el área de salud coletiva, en la Secretaría Municipal de Salud de Porto Alegre – en el Estado del Rio Grande del Sud, caracterizando la práctica del enfermero.

Os grupos na atenção básica de saúde de Porto Alegre : usos e modos de intervenção terapêutica; Groups in basic health attention in Porto Alegre : uses and forms of therapeutic intervention

Maffacciolli, Rosana; Lopes, Marta Júlia Marques
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
75.85%
Esse artigo trata dos grupos como modalidade assistencial utilizada pelos serviços de atenção básica de saúde. Oficinas, grupos de educação em saúde e palestras constituem atividades diferenciadas em relação aos demais atendimentos tradicionais. O estudo que subsidia essa discussão teve como objetivo conhecer o perfil da assistência, sob a forma de grupos, prestada nas unidades que compõem a rede básica de saúde de Porto Alegre. Foram abordados 116 profissionais, de um total de 124 serviços de saúde, entre os quais 96 desenvolviam grupos. Evidenciou-se que os mesmos têm relevância terapêutica por favorecerem a troca de informações e o aprendizado sobre aspectos relacionados à saúde/doença. Constituem práticas inclusivas, capazes de vincular os usuários aos serviços e de reformular o modelo assistencial vigente. Assim, constatou-se que a compreensão dessas práticas remete a sua dimensão de qualificação da assistência coletiva e também a uma dimensão estratégica de compensação de atendimento às crescentes demandas de saúde.; This article deals with groups as an assistential modality used by the services of basic health attention. Workshops, health education groups, as well as, lectures are different activities done in relation to other traditional attendances. The study that is behind this discussion had as its main aim to know the profile of assistance...

Estratégias metodológicas de educação e assistência na atenção básica de saúde; Estratégias metodológicas de educación y asistencia en la Atención básica de salud; Methodological education and care strategies in basic health care

Lopes, Marta Júlia Marques; Silva, João Luis Almeida da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
65.84%
Trata-se de discussão sobre estratégias ou ferramentas metodológico-assistenciais utilizadas na prática em atenção básica de saúde. Baseia-se no diálogo estabelecido entre o que se pensa e o que se desenvolve nos Ambulatórios de Promoção da Qualidade de Vida-APQVs. Esses ambulatórios estão sediados em dois serviços de atenção básica do município de Porto Alegre-RS e seus usuários são, em sua maioria, pacientes adultos e idosos, portadores de doenças de longa duração. A proposta desta discussão é oriunda de um projeto de pesquisa financiado pelo CNPq e integrante da rede temática intitulada: Metodologias de Educação e Assistência na Promoção da Qualidade de Vida. A partir dessa base empírica e conceitual, construíram-se ferramentas metodológicas para o desenvolvimento de consultoria em enfermagem na atenção ambulatorial a indivíduos e grupos. Este artigo propõe-se a apresentar os pressupostos relacionais e operacionais utilizados na assistência nesses serviços.; Se trata de una discusión sobre las estrategias o herramientas metodológicas-asistenciales utilizadas en la práctica de atención básica de salud, basada en el diálogo establecido entre lo que pensamos y lo que desarrollamos en los Ambulatorios de Promoción de Calidad de Vida - APQVs. Esos ambulatorios están localizados en dos servicios de atención básica en Porto Alegre/RS...

Saude mental na atenção básica : um estudo hermeneutico-narrativo sobre o apoio matricial na rede SUS-Campinas (SP); Basic mental health care: a hermeneutic-narrative approach on matricial support in the unified health system (SUS) city of Campinas, State of São Paulo-Brazil

Mariana Dorsa Figueiredo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/02/2006 PT
Relevância na Pesquisa
65.87%
Na presente investigação realizamos uma análise sobre a organização das ações de saúde mental na rede básica de saúde de Campinas (SP), a partir da implantação do arranjo de gestão denominado Apoio Matricial. Esse arranjo visa disparar a ampliação da clínica das equipes interdisciplinares de saúde e reorientar a demanda para a saúde mental Desviando a lógica de encaminhamentos indiscriminados para uma lógica da co-responsabilização, ele pretende produzir maior resolutividade à assistência em saúde. Realizamos grupos focais com profissionais de saúde mental, das Equipes de Referência e gestores, e procuramos, sob a ótica da abordagem hermenêutica-crítica, encadear suas principais linhas argumentativas de modo narrativo, a fim de combinar a análise com a construção de sentidos para o material produzido. Após essas construções narrativas, produzimos uma meta-narrativa, conectando os diferentes enredos e vinculando-os ao contexto histórico-social da saúde mental e da saúde coletiva. Pretendemos, com isso, contribuir para que as discussões geradas pelos profissionais possam ser significadas no interior das transformações politicas e assistenciais na área da saúde mental. Palavras-chave: saúde mental...

Representações sociais de enfermeiros da atenção básica sobre a educação em saúde para usuários adoecidos mentalmente e seus familiares; Social representations of nurses of the basic attention about the health education for mentally ill users and their families

Fernanda Ribeiro Sobral
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
56%
Os Centros de Saúde são uma parte importante da rede de serviços em saúde mental. Nestes locais é comum os profissionais de enfermagem realizarem o atendimento aos usuários com queixas psiquiátricas. Trata-se de um estudo qualitativo descritivo-exploratório, cujo objetivo foi analisar as representações sociais dos enfermeiros da rede básica sobre o uso de ações educativas em saúde direcionadas aos usuários mentalmente adoecidos e seus familiares, bem como a participação destes profissionais em tais ações. Realizaram-se entrevistas semiestruturadas com 12 enfermeiros que atuavam em Centros de Saúde de Campinas. Os dados foram submetidos à análise de conteúdo utilizando-se como referencial teórico a Teoria das Representações Sociais, com destaque para os seus processos formadores básicos: ancoragem e objetivação. Os resultados identificaram a formação de quatro categorias que contemplam as representações sociais sobre: a doença mental; o atendimento em saúde mental no Centro de Saúde; as ações educativas em saúde - conceitos dos enfermeiros; e as ações educativas em saúde mental - participação dos enfermeiros. Verificou-se que os enfermeiros "objetivam" o uso das ações educativas em saúde como sendo orientações individualizadas...

Assessment of Systems for Paying Health Care Providers in Mongolia; Implications for Equity, Efficiency and Universal Health Coverage

Joint Learning Network; Mongolia Ministry of Health; World Bank; World Health Organization
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
Tipo: Report; Economic & Sector Work :: Policy Note; Economic & Sector Work
ENGLISH; EN_US
Relevância na Pesquisa
65.82%
Achieving access to basic health services for the entire population without risk of financial hardship or impoverishment from out-of-pocket expenditures (‘universal health coverage’ or UHC) is a challenge that continues to confront most low- and middle-income countries. As coverage expands in these countries, issues of financial sustainability, efficiency, and quality of care quickly rise to the surface. Strategic health purchasing is an important lever to efficiently manage funds for UHC through the definition of what is purchased (which services and benefits the covered population is entitled to receive), from whom services are purchase (which providers are contracted to deliver the covered services), and how and how much the providers are paid. The assessment was conducted to help inform the design and implementation of Mongolia’s provider payment systems going forward. Health care provider payment systems, the way providers are paid to deliver the covered package of services, are an important part of strategic purchasing to balance system revenues and costs in a way that creates incentives for providers to improve quality and deliver services more efficiently. This ultimately makes it possible to expand coverage within limited funds (Langenbrunner...

Stakeholder Participation Targets the Rural Poor : China Basic Health Project

Kuehnast, Kathleen
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
Tipo: Publications & Research :: Brief; Publications & Research
ENGLISH
Relevância na Pesquisa
65.86%
The past 20 years have witnessed a growing disparity in health status indicators between urban and rural populations in China. The economic and social reforms that have accelerated the growth in GDP and personal income levels of the urban population have not trickled down to the rural areas. Declining government support of public health programs and the collapse of community financing of health services have meant that health services in poor rural areas have deteriorated in general. Services have declined in coverage, quality, efficiency, utilization, and financial viability. To address this disparity, the World Bank-supported Basic Health Project in China introduced a systematic but rapid process of consultation and feedback among selected beneficiary communities. The project was prepared using guidelines prepared by national and international experts. The social assessment confirmed impressions gained from less structured consultations and provided additional support for project design. Stakeholder involvement was extensive...

Avaliação das características organizacionais e de desempenho de uma unidade de Atenção Básica à Saúde; Evaluación de las características organizacionales y de desempeño de una unidad de Atención Básica a la Salud; Evaluation of organizational and performance features in a Basic Health Unit

PEREIRA, Maria José Bistafa; ABRAHÃO-CURVO, Patrícia; FORTUNA, Cinira Magali; COUTINHO, Silvano da Silva; QUELUZ, Mariangela Carletti; CAMPOS, Lucas Vinco de Oliveira; FERMINO, Tauani Zampieri; SANTOS, Claudia Benedita dos
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica
POR
Relevância na Pesquisa
55.91%
Este estudo objetiva avaliar as características organizacionais e de desempenho, a partir dos usuários, de uma Unidade Básica de Saúde tradicional, da rede de serviços de Atenção Básica à Saúde. Utilizando os mesmos critérios de uma metodologia de avaliação rápida já validada, e baseando-se no processo amostral de uma pesquisa de livre docência, foi estabelecida a amostra de 55 usuários. O material empírico foi coletado pelo instrumento que compõe o Primary Care Assessment Tool validado para o Brasil. Os resultados revelam o atributo acesso como um dos pontos de estrangulamento do sistema. A prática de atenção não enfoca a família e a comunidade em seu processo de trabalho. A unidade oferece uma diversidade de serviços estabelecendo-se como porta de entrada para o sistema, incorpora ações de coordenação, mas, nem sempre estabelece vínculo com os usuários. Conclui-se a necessidade de investimentos na rede municipal, visando fortalecer os atributos da Atenção Básica.; Este estudio tiene como objetivo evaluar las características organizacionales y de desempeño, a partir de la opinión de los usuarios de una Unidad Básica de Salud tradicional, de la red de servicios de Atención Básica a la Salud. La presente investigación estableció muestra de 55 usuarios...

'Assistir' e 'vigiar' - As ações da vigilância epidemiológica na unidade básica de saúde. Situação atual e perspectivas; Care and Vigilance. The actions of Epidemiological Surveillance at Basic Health Units. Actual situation and perspectives 2003

Passos, Luzia Márcia Romanholi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 10/11/2003 PT
Relevância na Pesquisa
55.97%
Historicamente, o Sistema de Informações de Doenças de Notificação Compulsória tem sido o principal instrumento da Vigilância Epidemiológica. As doenças que vêm compondo este Sistema têm sido aquelas que podem colocar em risco a saúde das coletividades e, tradicionalmente, vem se restringindo às doenças transmissíveis, ainda que no Guia vigente estejam incorporados outros agravos e algumas doenças crônico-degenerativas, como câncer e diabetes. As subnotificações se constituem em uma das principais dificuldades para a Vigilância Epidemiológica, com causas variadas que apontam sobretudo para a forma de organização dos serviços de saúde. A discussão e implantação de novos modelos assistenciais podem contribuir para esta problemática, à medida que atenderem à proposta de transformação dos atuais sistemas de atenção a doenças, num sistema de vigilância da saúde, conseqüentemente de atenção a vida. A rede básica de saúde, como o local que se constitui na principal porta do sistema de saúde, onde se destaca de forma crescente, não só a prestação de assistência médica, mas sua organização em modalidade de pronto- atendimento, se constitui também no local de atendimento das doenças de notificação compulsória. Assim...

Depressão: pontos de vista e conhecimento do enfermeiro da rede básica de saúde.; Depression: nurses view points and knowledge in the basic health network.

Silva, Mariluci Camargo Ferreira da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/06/2001 PT
Relevância na Pesquisa
65.85%
Esta pesquisa objetivou identificar os pontos de vista e o conhecimento sobre depressão de enfermeiros da rede básica de saúde. Os 73 enfermeiros participantes encontram-se na secretaria municipal de saúde e direção regional de saúde, ambos em São José do Rio Preto-SP. Acham-se distribuídos em 28 unidades de saúde. Em se tratando de um estudo psicométrico, foram utilizados quatro instrumentos para a coleta de dados: A- Pontos de vista sobre depressão; B- Conhecimento sobre depressão; C- Inventário de Beck; D- Escala de Zung. Todos foram auto-aplicados. Utilizou-se a análise quantitativa para os dados gerais e a qualitativa para a reflexão sobre os mesmos dados. Nos resultados gerais, a maioria das respostas evidencia acordo com o que se esperava, com médio conhecimento sobre depressão. Entretanto, as análises individuais dessas questões indicam que esses profissionais não estão em contato direto com o paciente, não sabem identificar pacientes deprimidos, não observam estes indicadores nos pacientes por eles atendidos ou não entendem que seja sua tarefa fazer esta identificação. Surgiram reflexões acerca da possível relação entre as ações de saúde mental com a formação profissional do enfermeiro. Desse modo...

Enfermeiras na atenção basica de saude e a amamentação; Nurses from the basic health service and breastfeeding

Patricia Helena Breno Queiroz
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 21/07/2008 PT
Relevância na Pesquisa
55.89%
Apesar da existência de programas de incentivo ao aleitamento materno e os estudos que comprovam a sua superioridade, ainda ocorre a manutenção de taxas de desmame precoce elevadas, levando a crer que as propostas oficiais de incentivo e apoio à amamentação talvez não estejam compatíveis com a realidade. Estudiosos afirmam que a capacitação de profissionais em aleitamento materno pode promover mudança sensível no aumento dos índices de amamentação. Assim o objetivo deste trabalho foi estudar a participação das enfermeiras da rede básica de atenção à saúde do município de Americana-SP, em atividades de promoção ao aleitamento materno, através de um estudo de caráter exploratório-descritivo de natureza quanti-qualitativa. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevistas semi-estruturadas, gravadas, com todas as enfermeiras das unidades atenção básica de saúde. Onde, 90,5% são do sexo feminino, todas concursadas e 61,9% residentes na cidade. Somente 19% têm filhos, dessas 100% amamentaram. A faixa etária predominante é de 22 a 30 anos de idade correspondendo à maioria absoluta (88,8%). A análise de dados foi realizada por meio de análise de conteúdo temático dos textos resultantes da transcrição das entrevistas. Após leituras exaustivas do texto...

Depressão: pontos de vista e conhecimento de enfermeiros da rede básica de saúde; Depresión: puntos de vista y conocimiento de enfermeros de la red basica de salud; Depression: viewpoints and knowledge of nurses from the basic health network

Silva, Mariluci Camargo Ferreira da; Furegato, Antonia Regina Ferreira; Costa Júnior, Moacyr Lobo da
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/02/2003 POR
Relevância na Pesquisa
75.85%
Objetivou-se identificar os pontos de vista e o conhecimento sobre depressão de enfermeiros da rede básica de saúde. Os 73 participantes que responderam a dois questionários auto-aplicativos, encontraram-se distribuídos em 28 unidades de saúde. Nos resultados gerais dos pontos de vista e do conhecimento, a maioria das respostas estão de acordo com o que se esperava, com médio conhecimento sobre depressão. Entretanto, nas análises individuais dessas questões, os resultados indicam que esses profissionais não estão em contato direto e não sabem identificar pacientes deprimidos, não observam estes indicadores nos pacientes por eles atendidos ou não entendem que seja sua tarefa fazer essa identificação. Surgiram reflexões acerca da possível relação entre as ações de saúde mental com a sua formação profissional. Dessa maneira, o ensino na graduação e a educação continuada passam a ter maior importância no desenvolvimento das ações de enfermagem para a saúde mental.; Se buscó identificar los puntos de vista y el conocimiento de enfermeros de la Red Básica de Salud sobre la depresión. Los 73 participantes estaban distribuidos en 28 unidades de salud y respondieron dos cuestionarios autoaplicativos. Los resultados generales están de acuerdo con lo que se esperaba...

O processo de municipalização da saúde sob o olhar do ser humano-trabalhador de enfermagem da rede básica de saúde; El proceso de municipalización de la salud desde la óptica del ser humano-obrero de enfermería de los servicios básicos de salud; The health municipalization process from the perspective of the human being-nursing worker in the basic health network

Ferreira, Juliana Moretti; Mishima, Silvana Martins
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2004 POR
Relevância na Pesquisa
65.91%
Este estudio pretendió identificar y analizar transformaciones presentes en el proceso de municipalización, en la percepción de los ayudantes de enfermería que actúan en los servicios básicos de salud de Marília-SP. Es un estudio descriptivo, donde el material se recolectó a través de entrevistas semiestructuradas, se organizó en dos núcleos temáticos: la incorporación tecnológica en los servicios básicos y en enfoque la amplificación del acceso. A pesar de los grandes progresos identificados por el grupo del trabajadores con respecto a la incorporación tecnológica y a la ampliación del acceso de la población al sistema de salud, no es posible afirmar que los obreros se apropiaron del proyecto político e ideológico que viene construyéndose en el distrito municipal.; Objetiva-se identificar e analisar transformações presentes no processo de municipalização, na percepção dos auxiliares de enfermagem que atuam na rede básica de saúde de Marília-SP. Trata-se de estudo descritivo, para o qual o material coletado por meio de entrevistas semi-estruturadas foi organizado em dois núcleos temáticos: a incorporação tecnológica na rede básica e, em foco, a ampliação do acesso. Apesar dos grandes avanços identificados pelo conjunto dos entrevistados em relação à incorporação tecnológica e à ampliação do acesso da população ao sistema de saúde...

Estratégias metodológicas de educação e assistência na atenção básica de saúde; Estratégias metodológicas de educación y asistencia en la atención básica de la salud; Methodological education and care strategies in basic health care

Lopes, Marta Julia Marques; Silva, João Luis Almeida da
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2004 POR
Relevância na Pesquisa
65.84%
Trata-se de discussão sobre estratégias ou ferramentas metodológico-assistenciais utilizadas na prática em atenção básica de saúde. Baseia-se no diálogo estabelecido entre o que se pensa e o que se desenvolve nos Ambulatórios de Promoção da Qualidade de Vida-APQVs. Esses ambulatórios estão sediados em dois serviços de atenção básica do município de Porto Alegre-RS e seus usuários são, em sua maioria, pacientes adultos e idosos, portadores de doenças de longa duração. A proposta desta discussão é oriunda de um projeto de pesquisa financiado pelo CNPq e integrante da rede temática intitulada: Metodologias de Educação e Assistência na Promoção da Qualidade de Vida. A partir dessa base empírica e conceitual, construíram-se ferramentas metodológicas para o desenvolvimento de consultoria em enfermagem na atenção ambulatorial a indivíduos e grupos. Este artigo propõe-se a apresentar os pressupostos relacionais e operacionais utilizados na assistência nesses serviços.; Se trata de una discusión sobre las estrategias o herramientas metodológicas-asistenciales utilizadas en la práctica de atención básica de salud, basada en el diálogo establecido entre lo que pensamos y lo que desarrollamos en los Ambulatorios de Promoción de Calidad de Vida - APQVs. Esos ambulatorios están localizados en dos servicios de atención básica en Porto Alegre/RS...

O aprender organizacional: relato de experiência em uma Unidade Básica de Saúde; The organizational learning: report of an experience at a Basic Health Unit

Botti, Maria Luciana; Scochi, Maria José
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2006 POR
Relevância na Pesquisa
55.88%
The Sistema Único de Saúde SUS (Unique Health System) subscribes that all heath actions must be taken by a regional and hierarchically health assistance network with an appropriate technology for each level focused in populations whole health treatment. In this report it is considered that the SUS is mainly constructed through the introduction of the Unidades Básicas de Saúde - UBSs (Health Basic Centers) aiming to the attention to the basic levels of Health demands. By the analysis of the faults of the UBS's organizational process, its importance for SUS's development and its difficulties by choosing appropriate strategies, which include solutions that deal with the promotion of common health and local development, it is extremely relevant to consider successful experiences. The UBSs, in spite of having the same objective, develop the same health programmes and being led by the same health politics, present singularities settled by important variables. This work doesn't aim to present a model to be used, but to share an experience followed by two principles: that the collective participation is necessary for the transformation and that the assistance model must be the one which supplies the community's real needs. Due to that...