Página 1 dos resultados de 222 itens digitais encontrados em 0.061 segundos

Uso de modelos de análise de decisão nos programas de vacinação contra a varicela; Use of decision analysis models in the programs of vaccination against varicella

Soárez, Patricia Coelho de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 03/09/2009 PT
Relevância na Pesquisa
106.15%
INTRODUÇÃO: A escolha entre diferentes modelos de análise de decisão introduz variabilidade nos resultados das avaliações econômicas. Modelos estáticos não captam os efeitos indiretos da vacinação comprometendo a avaliação geral dos benefícios da vacinação. Neste trabalho foram desenvolvidos um modelo dinâmico e um modelo estático para a análise de custo-efetividade (ACE) da vacina contra varicela e foram comparados os resultados obtidos com os dois modelos. MÉTODOS: Avaliação econômica completa do tipo ACE usando modelagem. As análises compararam duas estratégias: 1) introdução da vacinação infantil de rotina aos 12 meses de vida; versus 2) situação existente (vacinação após os surtos em creches e vacinação de imunodeprimidos). As análises foram conduzidas no horizonte temporal de 30 anos. RESULTADOS: O modelo dinâmico estimou que na ausência do programa de vacinação ocorreriam 2 915 294 casos de varicela por ano no Brasil, resultando em 879 095 casos ambulatoriais, 4 507 hospitalizações, 119 mortes e 4 casos de sequela. O custo total anual da varicela foi estimado em R$27 378 957 para a sociedade e em R$14 412 610 para o sistema de saúde. A razão de custo-efetividade incremental (RCEI) por ano de vida salvo foi R$14 749 na perspectiva da sociedade e R$16 582 na perspectiva do sistema de saúde. O modelo estático estimou que na ausência do programa de vacinação ocorreriam 1 656 547 casos de varicela por ano no Brasil...

Saúde Pública no Brasil: proposta de um modelo de avaliação de custo-efetividade utilizando o IDSUS; Public Health in Brazil: a proposal for a cost-effectiveness evaluation model using IDSUS

Oliveira, Lilian Ribeiro de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/06/2014 PT
Relevância na Pesquisa
116.16%
O Sistema Único de Saúde (SUS), modelo universalista que existe atualmente no Brasil, encontra-se em posição de destaque dentre as políticas sociais vigentes. Num contexto de aumento de recursos e crescimento da demanda, o SUS constantemente sofre alterações que visam aumentar a qualidade, o acesso e a efetividade do serviço prestado; dessa forma, são necessários instrumentos para acompanhar seu desempenho. Não obstante, este trabalho versa em seu marco teórico sobre a trajetória do Sistema Único de Saúde e as avaliações de políticas públicas em saúde, visto que a incorporação de novas ferramentas é incontestavelmente importante para a produtividade do recurso destinado à saúde pública no Brasil - cada vez mais, a utilização de novas tecnologias e processos contribuirá para a adequada tomada de decisão dos gestores, melhores políticas públicas de saúde e um sistema verdadeiramente universal e funcional. Uma das novas ferramentas utilizadas pelo SUS é o IDSUS, que se propõe a medir o desempenho de cada município e região em relação ao acesso e à efetividade do sistema. O índice é composto por 24 indicadores, em que 14 medem o acesso à saúde e 10 se referem à efetividade do sistema. Oportunamente...

Estudos para avaliação de custo-efetividade do tratamento do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade com metilfenidato de liberação imediata no Brasil

Maia, Carlos Renato Moreira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
POR
Relevância na Pesquisa
116.08%
Introdução O Transtorno de Déficit de Atenção/hiperatividade (TDAH) tem sido muito estudado, mas informações econômicas referentes ao seu tratamento com o metilfenidato de liberação imediata (MFD-LI) ainda necessitam ser exploradas. Grande parte da população mundial, principalmente aqueles que vivem em países em desenvolvimento, utiliza essa formulação como principal escolha para o tratamento do TDAH. Esses países, por sua condição financeira, necessitam informações de análises econômicas para administrar de forma eficiente os recursos públicos destinados aos setores da saúde. Objetivos Avaliar a eficácia do MFD-LI através de estudos com tempo superior a 12 semanas, e realizar uma análise econômica para o tratamento do TDAH com MFD-LI para crianças e adolescentes brasileiros. Método O estudo foi planejado em cinco etapas: 1) estimativa de custo do não tratamento do TDAH para o Brasil, e estimativa de economia com tratamento com MFD-LI; 2) revisão sistemática da literatura nas principais bases de dados internacionais onde se buscaram estudos abertos com tratamento do TDAH com MFD-LI por tempo igual ou superior a 12 semanas; também foram feitas metanálises e uma metaregressão 3) estudo naturalístico para obterem-se dados de uma amostra brasileira referentes a probabilidades de uso e sucesso com tratamento com MFD-LI por 12 semanas...

Análise de custo-efetividade de métodos preventivos para superfície oclusal de acordo com o risco de cárie: resultados de um ensaio clínico controlado

Tagliaferro, Elaine Pereira Da Silva; Marinho, Daniel Savignon; Pereira, Claudia Cristina De Aguiar; Pardi, Vanessa; Ambrosano, Gláucia Maria Bovi; Meneghim, Marcelo De Castro; Pereira, Antonio Carlos
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: s121-s130
POR
Relevância na Pesquisa
136.08%
This study presents the results of a cost-effectiveness analysis in a controlled clinical trial on the effectiveness of a modified glass ionomer resin sealant ( Vitremer, 3M ESPE) and the application of fluoride varnish (Duraphat, Colgate) on occlusal surfaces of first permanent molars in children 6-8 years of age (N = 268), according to caries risk (high versus low). Children were examined semiannually by the same calibrated dentist for 24 months after allocation in six groups: high and low risk controls (oral health education every three months); high and low risk with varnish (oral health education every three months + varnish biannually); and high and low risk with sealant (oral health education every three months + a single application of sealant). Economic analysis showed that sealing permanent first molars of high-risk schoolchildren showed a C/E ratio of US$ 119.80 per saved occlusal surface and an incremental C/E ratio of US$ 108.36 per additional saved occlusal surface. The study concluded that sealing permanent first molars of high-risk schoolchildren was the most cost-effective intervention.; Este estudo apresenta o resultado de uma avaliação de custo-efetividade conduzida ao longo de um ensaio clínico controlado para avaliar a efetividade do selamento com ionômero de vidro modificado por resina (Vitremer...

Custo-efetividade dos análogos de nucleosídeos/nucleotídeos para hepatite crônica B

Almeida,Alessandra Maciel; Silva,Anderson Lourenço da; Brandão,Cristina Mariano Ruas; Cherchiglia,Mariângela Leal; Andrade,Eli Iola Gurgel; Oliveira,Gustavo Laine Araújo de; Carmo,Ricardo Andrade; Acurcio,Francisco de Assis
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 PT
Relevância na Pesquisa
116.05%
OBJETIVO: Conduzir uma análise de custo-efetividade das alternativas medicamentosas com terapia de resgate na recaída por resistência viral para tratamento de pacientes com hepatite crônica B (HCB). MÉTODOS: Coorte hipotética de pacientes com HCB, HBeAg negativo, sem evidência clínica ou histológica de cirrose, DNA do VHB detectável, diagnóstico histológico da doença, HBsAg positivo no soro por mais de seis meses, elevados níveis de alanina transferase (ALT) (duas vezes maior que o limite superior da normalidade [LSN]) e média de idade de 40 anos. Modelo de Markov foi desenvolvido para a hepatite crônica B (antígeno HBeAg negativo) com horizonte temporal de 40 anos. Custos e benefícios foram descontados em 5%. As taxas anuais de progressão, custos devido a complicações e a eficácia dos medicamentos foram obtidos da literatura. As incertezas foram avaliadas por análises de sensibilidade unidirecional e probabilística. RESULTADOS: Iniciar o tratamento com entecavir resultou em 0,35 ano de vida ganho em relação à lamivudina. A razão de custo-efetividade incremental foi de R$ 16.416,08 por anos de vida ganhos. Na análise de sensibilidade a razão de custo-efetividade incremental foi mais sensível à variação na probabilidade de transição de hepatite crônica B para cirrose compensada...

Antivirais incorporados no Brasil para hepatite B cronica: analise de custo-efetividade

Oliveira,Gustavo Laine Araujo de; Almeida,Alessandra Maciel; Silva,Anderson Lourenco da; Brandao,Cristina Mariano Ruas; Andrade,Eli Iola Gurgel; Cherchiglia,Mariangela Leal; Acurcio,Francisco de Assis
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
116.07%
OBJETIVO Avaliar o custo-efetividade de diferentes tratamentos medicamentosos para hepatite B crônica entre pacientes adultos. MÉTODOS Utilizando modelo de Markov, construiu-se coorte hipotética de 40 anos para pacientes HBeAg-positivo ou HBeAg-negativo. Foram comparados os usos de adefovir, entecavir, tenofovir e lamivudina (com terapia de resgate em caso de resistência viral) para tratamento de pacientes adultos com hepatite B crônica, virgens de tratamento, com elevados níveis de alanina aminotransferase, sem evidência de cirrose e sem coinfecção por HIV. Valores para custo e efeito foram obtidos da literatura. A medida do efeito foi expressa em anos de vida ganhos (AVG). Taxa de desconto de 5% foi aplicada. Análise de sensibilidade univariada foi conduzida para avaliar incertezas do modelo. RESULTADOS O tratamento inicial com entecavir ou tenofovir apresentou melhores resultados clínicos. As menores razões custo-efetividade foram de entecavir para pacientes HBeAg-positivo (R$ 4.010,84/AVG) e lamivudina para pacientes HBeAg-negativo (R$ 6.205,08/AVG). Para pacientes HBeAg-negativo, a razão custo-efetividade incremental de entecavir (R$ 14.101,05/AVG) está abaixo do limiar recomendado pela Organização Mundial da Saúde. Análise de sensibilidade mostrou que variação nos custos dos medicamentos pode tornar tenofovir alternativa custo-efetiva tanto para pacientes HBeAg-positivo quanto para HBeAg-negativo. CONCLUSÕES Entecavir é alternativa recomendada para iniciar o tratamento de pacientes com hepatite B crônica no Brasil. Contudo...

Análise de custo-efetividade em relação às terapias renais substitutivas: como pensar estudos em relação a essas intervenções no Brasil?

Sancho,Leyla Gomes; Dain,Sulamis
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2008 PT
Relevância na Pesquisa
115.99%
Este estudo tem por finalidade contribuir com a discussão sobre as possibilidades para a execução de avaliação econômica em saúde, em especial por meio da técnica de custo-efetividade, em relação às terapias renais substitutivas em portadores de falência renal crônica à luz do nosso contexto. Para tanto se realizou uma revisão bibliográfica sobre as intervenções e seus cursos alternativos na perspectiva das proposições metodológicas dispostas na literatura, considerando a disponibilidade de dados e informações no nosso meio que subsidiam este tipo de pesquisa.

Análise de custo-efetividade dos imunossupressores utilizados no tratamento de manutenção do transplante renal em pacientes adultos no Brasil

Acurcio,Francisco de Assis; Saturnino,Luciana Tarbes Mattana; Silva,Anderson Lourenço da; Oliveira,Gustavo Laine Araújo de; Andrade,Eli Iola Gurgel; Cherchiglia,Mariangela Leal; Ceccato,Maria das Graças Braga
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 PT
Relevância na Pesquisa
116.08%
O objetivo do estudo foi realizar análise custoefetividade de imunossupressores utilizados na terapia de manutenção pós-transplante renal. Coorte hipotética de adultos transplantados foi acompanhada por 20 anos, empregando-se modelo de Markov. Os 10 esquemas terapêuticos avaliados continham prednisona (P). O custo médio dos medicamentos foi obtido na Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos. Outros custos assistenciais compuseram cada estágio da doença. O custo foi expresso em reais, a efetividade em anos de vida ganhos e adotou-se a perspectiva do sistema público de saúde. Ao fim do acompanhamento, a análise com desconto mostrou que todos os esquemas foram dominados por ciclosporina(CSA)+azatioprina(AZA) +P. Nas demais análises, tacrolimo+AZA+P não foi dominado, mas a relação custo-efetividade incremental entre estes dois esquemas foi de R$ 156.732,07/ anos de vida ganhos, na análise sem desconto, valor que ultrapassa o limiar de três vezes o PIB per capita brasileiro. Nenhuma alteração qualitativa foi demonstrada pela análise de sensibilidade e a probabilidade do esquema CSA+AZA+P ser o mais custo-efetivo é superior a 85%.

Análise de custo-efetividade do reúso de cateteres de cinecoronariografia sob a perspectiva de uma instituição pública no Município do Rio de Janeiro, Brasil

Veras,Bruna Medeiros Gonçalves de; Senna,Kátia Marie Simões e; Correia,Marcelo Goulart; Santos,Marisa Silva
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 PT
Relevância na Pesquisa
126.12%
O objetivo foi comparar a relação de custo-efetividade entre o uso de cateteres cardíacos novos com cateteres reprocessados sob a perspectiva de uma instituição pública federal. Foi elaborado um modelo analítico de decisão elaborado para estimar a razão de custo-efetividade entre duas estratégias de utilização de materiais para cateterismo cardíaco utilizando, como desfecho clínico, a ocorrência de reação pirogênica. Os custos foram estimados por coleta direta nos setores envolvidos e valorados em Real (R$) para o ano de 2012. A árvore de decisão foi construída com as probabilidades de pirogenia descritas em estudo clínico. O custo para o reúso foi de R$ 109,84, e, para cateteres novos, de R$ 283,43. A estratégia de reúso demonstrou ser custo-efetiva, e a razão de custo-efetividade incremental indicou que, para evitar um caso de pirogenia, serão gastos R$ 13.561,75. O estudo aponta o reúso de cateteres como uma estratégia de menor custo comparada ao uso exclusivo de cateteres novos e pode contribuir para a tomada de decisão dos gestores.

Análise de custo-efetividade de métodos preventivos para superfície oclusal de acordo com o risco de cárie: resultados de um ensaio clínico controlado

Tagliaferro,Elaine Pereira da Silva; Marinho,Daniel Savignon; Pereira,Claudia Cristina de Aguiar; Pardi,Vanessa; Ambrosano,Gláucia Maria Bovi; Meneghim,Marcelo de Castro; Pereira,Antonio Carlos
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 PT
Relevância na Pesquisa
136.08%
Este estudo apresenta o resultado de uma avaliação de custo-efetividade conduzida ao longo de um ensaio clínico controlado para avaliar a efetividade do selamento com ionômero de vidro modificado por resina (Vitremer, 3M ESPE) e da aplicação de verniz fluoretado (Duraphat, Col-gate) em superfícies oclusais de primeiros molares permanentes, em crianças de 6 a 8 anos (N = 268), segundo o risco de cárie (alto risco; baixo risco). As crianças foram examinadas semestralmente, ao longo de 24 meses, pelo mesmo dentista calibrado, após alocação em seis grupos: controle alto risco e baixo risco (educação em saúde bucal trimestral); verniz alto risco e baixo risco (educação em saúde bucal trimestral + aplicação semestral de verniz); e selante alto risco e baixo risco (educação em saúde bucal trimestral + única aplicação do selante). A análise mostrou que o selamento de primeiros molares permanentes em crianças de alto risco apresentou razão de C/E de R$ 225,21(US$ 119,80) por superfície oclusal salva, e razão incremental de C/E de R$ 203,71(US$ 108,36) por superfície oclusal adicional salva. Conclui-se que uma única aplicação de selante, em escolares de alto risco, foi a intervenção mais custo-efetiva.

Avaliação de Custo-utilidade da Educação Continuada para o Manejo de Usuários com Diabetes Mellitus tipo 2, no Município de Itamaracá, Pernambuco – Brasil

Aquino, Camilla Maria Ferreira de; Bezerra, Adriana Falangola Benjamin ( Orientadora); Sousa, Islândia Maria Carvalho de (Co-orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
BR
Relevância na Pesquisa
126.17%
O Diabetes Mellitus é condição sensível à atenção primária de saúde (APS). E, em especial, os profissionais de saúde exercem papel central na sua prevenção e tratamento, o que pode ser aprimorado com ações de educação continuada. Todavia, dados sobre o custo-efetividade destas intervenções sobre a saúde dos usuários permanecem escassos. Determinar o custo-utilidade da educação continuada, para o manejo de usuários com Diabetes Mellitus tipo 2 (DM2), no município de Itamaracá, Pernambuco – Brasil, no ano de 2011. Foi realizada uma avaliação custo-utilidade, utilizando o Modelo de Markov, para simular os resultados em cenários de saúde, a partir da perspectiva do sistema de saúde. Foi considerado horizonte analítico de 20 anos e selecionada a categoria dos custos médicos diretos. Os dados coletados foram obtidos de fonte primária, estudo SERVIDIAH, e secundárias, de sistemas de informação em saúde e dados presentes na literatura. O cenário de referência representa o manejo-padrão realizado nos serviços públicos de saúde. Os demais cenários simulados para os resultados pós-intervenção foram baseados na sugestão de especialistas consultados. O indivíduo médio, representante da população de Pernambuco...

Análise de custo-efetividade do tratamento da hepatite C crônica genótipo 1: comparação da adição do boceprevir a terapia padrão (interferon-α peguilado e ribavirina); Cost-effectiveness analysis of treatment of genotype 1 chronic hepatitis C: comparison of boceprevir addition to standard of care (pegylated interferon alfa plus ribavirin).

Maia, Sarah Cristina Oliveira Machado
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/03/2015 PT
Relevância na Pesquisa
116.04%
A hepatite C afeta cerca de 150 milhões de pessoas no mundo e é a razão mais comum de transplantes de fígado. A erradicação viral, por meio de tratamento medicamentoso, é a única intervenção que pode deter a progressão da doença, reduzir a mortalidade e melhorar a qualidade de vida dos pacientes. Em 2011, foi aprovado o boceprevir, um inibidor de protease, que passou a ser adicionado à terapia padrão dupla (interferon peguilado e ribavirina) pelo Protocolo Clínico brasileiro para tratamento de Hepatite C genótipo 1 em pacientes com grau de fibrose maior que F2. Devido ao alto custo de aquisição deste medicamento e à produção cada vez maior de novas tecnologias para essa área terapêutica, foi proposta essa pesquisa que tem como objetivo analisar o custo-efetividade da terapia tripla em relação à terapia dupla, no tratamento da hepatite C crônica genótipo 1 em pacientes virgens de tratamento para todos os graus de fibrose. Para tanto, foi construído um modelo de Markov com 15 estados de saúde representando a história natural da Hepatite C crônica. O modelo seguiu uma coorte hipotética pela vida toda, em que os custos foram expressos em Reais e os desfechos em anos de vida ganhos. A perspectiva adotada foi a do SUS. A RCEI calculada...

Estudos de custo-efetividade em saúde no Brasil: uma revisão sistemática

Moraz,Gabriele; Garcez,Anderson da Silva; Assis,Eliseu Miranda de; Santos,Jandira Pereira dos; Barcellos,Nêmora Tregnago; Kroeff,Locimara Ramos
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2015 PT
Relevância na Pesquisa
116.03%
ResumoFoi realizada uma revisão sistemática com o objetivo de descrever o panorama e a evolução de estudos de custo-efetividade em saúde no Brasil. A busca de artigos sobre esse assunto foi feita nas principais bases de dados da área da saúde. A revisão identificou 83 estudos de custo-efetividade realizados em âmbito nacional. Entre os anos de 1990 a 2005 houve poucos estudos publicados sobre custo-efetividade e entre 2006 e 2014 houve um aumento expressivo do número de publicações. Quanto aos temas e objetivos dos estudos, as doenças de caráter crônico-degenerativas e as infectocontagiosas refletem a diversidade epidemiológica do Brasil. Identificou-se uma predominância dos estudos relativos à intervenção/tratamentos em saúde. Assim, a presente revisão revela um cenário compatível com a realidade epidemiológica brasileira, indicando uma necessidade no aumento de estudos e investimentos de recursos na área da prevenção em saúde.

Custo-efetividade dos análogos de nucleosídeos/nucleotídeos para hepatite crônica B; Costo-efectividad de los análogos de nucleósidos/nucleótidos para hepatitis crónica B; Cost-effectiveness of nucleoside/nucleotide analogues in chronic hepatitis B

Almeida, Alessandra Maciel; Silva, Anderson Lourenço da; Brandão, Cristina Mariano Ruas; Cherchiglia, Mariângela Leal; Andrade, Eli Iola Gurgel; Oliveira, Gustavo Laine Araújo de; Carmo, Ricardo Andrade; Acurcio, Francisco de Assis
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2012 POR
Relevância na Pesquisa
116.05%
OBJETIVO: Conduzir uma análise de custo-efetividade das alternativas medicamentosas com terapia de resgate na recaída por resistência viral para tratamento de pacientes com hepatite crônica B (HCB). MÉTODOS: Coorte hipotética de pacientes com HCB, HBeAg negativo, sem evidência clínica ou histológica de cirrose, DNA do VHB detectável, diagnóstico histológico da doença, HBsAg positivo no soro por mais de seis meses, elevados níveis de alanina transferase (ALT) (duas vezes maior que o limite superior da normalidade [LSN]) e média de idade de 40 anos. Modelo de Markov foi desenvolvido para a hepatite crônica B (antígeno HBeAg negativo) com horizonte temporal de 40 anos. Custos e benefícios foram descontados em 5%. As taxas anuais de progressão, custos devido a complicações e a eficácia dos medicamentos foram obtidos da literatura. As incertezas foram avaliadas por análises de sensibilidade unidirecional e probabilística. RESULTADOS: Iniciar o tratamento com entecavir resultou em 0,35 ano de vida ganho em relação à lamivudina. A razão de custo-efetividade incremental foi de R$ 16.416,08 por anos de vida ganhos. Na análise de sensibilidade a razão de custo-efetividade incremental foi mais sensível à variação na probabilidade de transição de hepatite crônica B para cirrose compensada...

Análise de custo-efetividade em relação às terapias renais substitutivas: como pensar estudos em relação a essas intervenções no Brasil?

Sancho,Leyla Gomes; Dain,Sulamis
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2008 PT
Relevância na Pesquisa
115.99%
Este estudo tem por finalidade contribuir com a discussão sobre as possibilidades para a execução de avaliação econômica em saúde, em especial por meio da técnica de custo-efetividade, em relação às terapias renais substitutivas em portadores de falência renal crônica à luz do nosso contexto. Para tanto se realizou uma revisão bibliográfica sobre as intervenções e seus cursos alternativos na perspectiva das proposições metodológicas dispostas na literatura, considerando a disponibilidade de dados e informações no nosso meio que subsidiam este tipo de pesquisa.

Análise de custo-efetividade dos imunossupressores utilizados no tratamento de manutenção do transplante renal em pacientes adultos no Brasil

Acurcio,Francisco de Assis; Saturnino,Luciana Tarbes Mattana; Silva,Anderson Lourenço da; Oliveira,Gustavo Laine Araújo de; Andrade,Eli Iola Gurgel; Cherchiglia,Mariangela Leal; Ceccato,Maria das Graças Braga
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2013 PT
Relevância na Pesquisa
116.08%
O objetivo do estudo foi realizar análise custoefetividade de imunossupressores utilizados na terapia de manutenção pós-transplante renal. Coorte hipotética de adultos transplantados foi acompanhada por 20 anos, empregando-se modelo de Markov. Os 10 esquemas terapêuticos avaliados continham prednisona (P). O custo médio dos medicamentos foi obtido na Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos. Outros custos assistenciais compuseram cada estágio da doença. O custo foi expresso em reais, a efetividade em anos de vida ganhos e adotou-se a perspectiva do sistema público de saúde. Ao fim do acompanhamento, a análise com desconto mostrou que todos os esquemas foram dominados por ciclosporina(CSA)+azatioprina(AZA) +P. Nas demais análises, tacrolimo+AZA+P não foi dominado, mas a relação custo-efetividade incremental entre estes dois esquemas foi de R$ 156.732,07/ anos de vida ganhos, na análise sem desconto, valor que ultrapassa o limiar de três vezes o PIB per capita brasileiro. Nenhuma alteração qualitativa foi demonstrada pela análise de sensibilidade e a probabilidade do esquema CSA+AZA+P ser o mais custo-efetivo é superior a 85%.

Análise de custo-efetividade do reúso de cateteres de cinecoronariografia sob a perspectiva de uma instituição pública no Município do Rio de Janeiro, Brasil

Veras,Bruna Medeiros Gonçalves de; Senna,Kátia Marie Simões e; Correia,Marcelo Goulart; Santos,Marisa Silva
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2013 PT
Relevância na Pesquisa
126.12%
O objetivo foi comparar a relação de custo-efetividade entre o uso de cateteres cardíacos novos com cateteres reprocessados sob a perspectiva de uma instituição pública federal. Foi elaborado um modelo analítico de decisão elaborado para estimar a razão de custo-efetividade entre duas estratégias de utilização de materiais para cateterismo cardíaco utilizando, como desfecho clínico, a ocorrência de reação pirogênica. Os custos foram estimados por coleta direta nos setores envolvidos e valorados em Real (R$) para o ano de 2012. A árvore de decisão foi construída com as probabilidades de pirogenia descritas em estudo clínico. O custo para o reúso foi de R$ 109,84, e, para cateteres novos, de R$ 283,43. A estratégia de reúso demonstrou ser custo-efetiva, e a razão de custo-efetividade incremental indicou que, para evitar um caso de pirogenia, serão gastos R$ 13.561,75. O estudo aponta o reúso de cateteres como uma estratégia de menor custo comparada ao uso exclusivo de cateteres novos e pode contribuir para a tomada de decisão dos gestores.

Análise de custo-efetividade de métodos preventivos para superfície oclusal de acordo com o risco de cárie: resultados de um ensaio clínico controlado

Tagliaferro,Elaine Pereira da Silva; Marinho,Daniel Savignon; Pereira,Claudia Cristina de Aguiar; Pardi,Vanessa; Ambrosano,Gláucia Maria Bovi; Meneghim,Marcelo de Castro; Pereira,Antonio Carlos
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/11/2013 PT
Relevância na Pesquisa
136.08%
Este estudo apresenta o resultado de uma avaliação de custo-efetividade conduzida ao longo de um ensaio clínico controlado para avaliar a efetividade do selamento com ionômero de vidro modificado por resina (Vitremer, 3M ESPE) e da aplicação de verniz fluoretado (Duraphat, Col-gate) em superfícies oclusais de primeiros molares permanentes, em crianças de 6 a 8 anos (N = 268), segundo o risco de cárie (alto risco; baixo risco). As crianças foram examinadas semestralmente, ao longo de 24 meses, pelo mesmo dentista calibrado, após alocação em seis grupos: controle alto risco e baixo risco (educação em saúde bucal trimestral); verniz alto risco e baixo risco (educação em saúde bucal trimestral + aplicação semestral de verniz); e selante alto risco e baixo risco (educação em saúde bucal trimestral + única aplicação do selante). A análise mostrou que o selamento de primeiros molares permanentes em crianças de alto risco apresentou razão de C/E de R$ 225,21(US$ 119,80) por superfície oclusal salva, e razão incremental de C/E de R$ 203,71(US$ 108,36) por superfície oclusal adicional salva. Conclui-se que uma única aplicação de selante, em escolares de alto risco, foi a intervenção mais custo-efetiva.

Estudos de custo-efetividade em saúde no Brasil: uma revisão sistemática

Moraz,Gabriele; Garcez,Anderson da Silva; Assis,Eliseu Miranda de; Santos,Jandira Pereira dos; Barcellos,Nêmora Tregnago; Kroeff,Locimara Ramos
Fonte: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva Publicador: ABRASCO - Associação Brasileira de Saúde Coletiva
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2015 PT
Relevância na Pesquisa
116.03%
ResumoFoi realizada uma revisão sistemática com o objetivo de descrever o panorama e a evolução de estudos de custo-efetividade em saúde no Brasil. A busca de artigos sobre esse assunto foi feita nas principais bases de dados da área da saúde. A revisão identificou 83 estudos de custo-efetividade realizados em âmbito nacional. Entre os anos de 1990 a 2005 houve poucos estudos publicados sobre custo-efetividade e entre 2006 e 2014 houve um aumento expressivo do número de publicações. Quanto aos temas e objetivos dos estudos, as doenças de caráter crônico-degenerativas e as infectocontagiosas refletem a diversidade epidemiológica do Brasil. Identificou-se uma predominância dos estudos relativos à intervenção/tratamentos em saúde. Assim, a presente revisão revela um cenário compatível com a realidade epidemiológica brasileira, indicando uma necessidade no aumento de estudos e investimentos de recursos na área da prevenção em saúde.

Antivirais incorporados no Brasil para hepatite B cronica: analise de custo-efetividade

Oliveira,Gustavo Laine Araujo de; Almeida,Alessandra Maciel; Silva,Anderson Lourenco da; Brandao,Cristina Mariano Ruas; Andrade,Eli Iola Gurgel; Cherchiglia,Mariangela Leal; Acurcio,Francisco de Assis
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2013 PT
Relevância na Pesquisa
116.07%
OBJETIVO Avaliar o custo-efetividade de diferentes tratamentos medicamentosos para hepatite B crônica entre pacientes adultos. MÉTODOS Utilizando modelo de Markov, construiu-se coorte hipotética de 40 anos para pacientes HBeAg-positivo ou HBeAg-negativo. Foram comparados os usos de adefovir, entecavir, tenofovir e lamivudina (com terapia de resgate em caso de resistência viral) para tratamento de pacientes adultos com hepatite B crônica, virgens de tratamento, com elevados níveis de alanina aminotransferase, sem evidência de cirrose e sem coinfecção por HIV. Valores para custo e efeito foram obtidos da literatura. A medida do efeito foi expressa em anos de vida ganhos (AVG). Taxa de desconto de 5% foi aplicada. Análise de sensibilidade univariada foi conduzida para avaliar incertezas do modelo. RESULTADOS O tratamento inicial com entecavir ou tenofovir apresentou melhores resultados clínicos. As menores razões custo-efetividade foram de entecavir para pacientes HBeAg-positivo (R$ 4.010,84/AVG) e lamivudina para pacientes HBeAg-negativo (R$ 6.205,08/AVG). Para pacientes HBeAg-negativo, a razão custo-efetividade incremental de entecavir (R$ 14.101,05/AVG) está abaixo do limiar recomendado pela Organização Mundial da Saúde. Análise de sensibilidade mostrou que variação nos custos dos medicamentos pode tornar tenofovir alternativa custo-efetiva tanto para pacientes HBeAg-positivo quanto para HBeAg-negativo. CONCLUSÕES Entecavir é alternativa recomendada para iniciar o tratamento de pacientes com hepatite B crônica no Brasil. Contudo...